Cap 8

355 visualizações

Publicada em

Capítulo 8, desculpem a demora, e divirtam-se ^^

Publicada em: Diversão e humor
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
355
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Cap 8

  1. 1. Capítulo 8<br />“Assustadores e assustados nesse momento<br />Dividem exatamente o mesmo fardo...<br />Como seria a sensação de conseguir tal coisa?<br />Milhares de pessoas salvas e crianças correndo novamente...<br />Vários sonhos se perdem em seu caminho.<br />O destino apaga todos eles com borrachas densas e frias...<br />Até que tudo se reconstrua e possa brilhar novamente...”<br />Giro 6, noite<br />Bellatrix: _Aqui estamos! O Centro comercial de Zhareth!<br />Quando a noite chegou, depois de eu ter voltado para casa para tirar grande parte de meus fundos, chegamos até a rua principal que fica no lado central de Zhareth, em caminho do Portão de Zhareth.<br />Essa rua tem o tamanho de pelo menos uns 10 becos do outro lado da cidade, ela tem muitas lojas nos prédios laterais e muitos comerciantes ambulantes espalhados pelas ruas. Muitos habitantes estavam andando pelas lojas para comprar vários artigos de diferentes tipos. O nosso objetivo lá era comprar alguma espada.<br />Bellatrix: _Quanto você tem aí Lucas?<br />Eu: _Tenho exatamente 56000 β (cinquenta e seis mil baltos)<br />Alderamin: _Não sei se podemos comprar alguma espada perfeita por 56000 β...<br />Bellatrix: _Claro que podemos, presumo-me que a espada mais barata daqui irá custar nada mais que 7500 β, relaxa!<br />Então nós andamos um pouco e depois de alguns segundos, entramos em uma loja de armamentos de armaduras.<br />Quando entramos, um pequeno sino tocou no alto da porta. Aquela loja era um tanto limpa, mas era toda feita de madeira e forrada com tapetes até no teto. As armaduras ficavam expostas nas paredes do lado das janelas, em diferentes tamanhos.<br />Vendedor: _Olá clientes! Aqui é o armazém do Memphis, meu nome é Memphis, o que os senhores desejam?<br />Alderamin: _O senhor tem espadas à venda?<br />Memphis: _Sim, eu tenho. Aqui o preço base das espadas é de 10000 β para espadas com lâminas de 90 cm feitas de alumínio, 20000 β para as de titânio e 30000 β para as de tungstênio. O preço irá variar de acordo com o tamanho da lâmina que desejar senhor!<br />Então ele mostrou em classes as espadas que tinham. Eu tentei pegar uma espada de titânio com 120 cm. Ela era muito pesada e seu preço era de 23750 β. Eu peguei em outra espada de tungstênio, mas ela era mais pesada e tinha 100 cm. Custava 31250 β. Eu peguei uma espada de alumínio de 120 cm, a achei bem leve e brilhante, custava 13750 β. Achei que era boa, mas Alderamin a pegou de minha mão e disse:<br />Alderamin: _Essa espada não é tão resistente quanto às de tungstênio e de titânio, normalmente, essas de alumínio são usadas em treinos.<br />Eu: _Aah, sim...<br />Alderamin: _Senhor, vamos nos retirar e talvez voltemos aqui em seguida...<br />Memphis: _Ok! Tomem cuidado!<br />Depois de nos retirarmos daquela loja, procuramos por espadas em todo o lugar, mas sempre ou era pesada demais, ou era cara demais ou era frágil demais, nunca soube que escolher espadas era tão difícil...<br />Então fomos a uma loja bem no canto da rua.<br />Quando entramos na loja, o vendedor estava do outro lado da loja, puxando um tipo de vapor através de um objeto que condensa o que estiver dentro. Ele estava cantarolando algum tipo de musica erudita. A loja era bem sombria, com fumaça por todos os lados.<br />Vendedor: _Bem vindos a minha loja! Meu nome é Val e eu sou um vendedor de armas daqui. Podem olhar o que querem comprar por aí!<br />Então ele continuou tragando seu objeto.<br />Enquanto Alderamin e Bellatrix olhavam as espadas sozinhos, uma espada no fundo de um barril me chamou bastante atenção por ser mais brilhante que as outras. Quando eu a peguei, parecia ser muito leve, e também era densa. Eu a trouxe para o vendedor e ele falou:<br />Val: _Ora rapaz, tu escolheste certo a espada, esse é um tipo raro de espada, ela é feita do metal mais resistente que já foi usado na concepção de armas, a adamantina!<br />Eu: _Eu gostei dela.<br />Alderamin a pegou e verificou-a:<br />Alderamin: _É resistente... Não é pesada... É dura, tem uma bela cor... Acho que essa sim é a espada que procuramos!<br />Eu: _Quanto custa esta espada senhor?<br />Val: _Pode ser muito, mas ela custa 56000 β!<br />Eu: _Caramba, que sorte, exatamente a quantia que temos!<br />Após comprar a espada, eu ensaiei por segundos ela do lado de fora da loja. Era simplesmente perfeita!<br />Bellatrix: _Deve estar bem feliz Lucas! Cuide bem de sua espada.<br />Eu: _Mas claro!<br />Eu não conseguia esconder o sorriso do rosto enquanto ia para casa e Alderamin ia novamente para a casa de Bellatrix.<br />Quando eu cheguei a minha casa, eu rapidamente peguei o pó de meu pai e despejei cuidadosamente na lâmina de minha espada.<br />Todo o pó que foi despejado penetrou na espada e a fez brilhar levemente por poucos segundos, depois ela ficou um pouco mais clara e ficou emitindo um pequeno som agudo. Esse som não parava... Talvez fosse esse o poder de meu pai na espada... Quando eu retornei-a a bainha, ela parou de emitir o som, e eu via ela com bastante orgulho e alegria de ter sido um presente de meu pai...<br />Quando amanheceu, eu já me situava na parte de trás do meu palácio, treinando bastante com a minha espada, aproveitando que aquele dia não tinha aula na Big Knowledge.<br />Alguém no portão: _Lucas!<br />Quem será que estaria me importunando logo de manhã?<br />Eu apareci do lado da casa para ver quem estava chamando, era Diphrá, mas ele estava com todo o pessoal (Diphrá, Adara e Graffias).<br />Adara: _Podemos entrar?<br />Eu: _Claro que podem! Venham por aqui, estou treinando agora!<br />Quando eles chegaram por de trás do palácio, me viram com a espada empunhada, investindo ela contra o ar à minha frente, várias vezes, para conseguir se acostumar com ela.<br />Diphrá: _Caramba Lucas! Que espada é esta?<br />Ele então chegou perto e ficou de olho na espada e com uma cara bem idiota, eu diria...<br />Eu: _Ei, pare de olhar gordo para minha espada...<br />Diphrá: _Desculpe-me, ela é muito brilhante, é linda!<br />Eu: _Eu comprei ela ontem...<br />Adara: _Caramba, ela brilha mesmo, é bem bonita!<br />Eu: _Obrigado.<br />Graffias se aproximou e perguntou:<br />Graffias: _Ei gente, para que tanta algazarra?<br />Então ele moveu os olhos para a espada e disse:<br />Graffias: _Ah, uma espada nova? Parabéns Lucas!<br />Eu: _Obrigado!<br />Então Diphrá chamou atenção de Graffias:<br />Diphrá: _Ora Graffias, só isso? Você não vê a grandiosidade dela?<br />Graffias olhou de cara feia para ele:<br />Graffias: _Ver? Você está de brincadeira, não é?<br />Diphrá deu uma risada e depois disse:<br />Diphrá: _Ah bom, me desculpe, não queria brincar com isso.<br />E depois continuou rindo.<br />Adara: _Parem de brincadeira! Lucas, por que comprou essa espada? Vejo que ela parece ser bem cara...<br />Em questão de segundos eu elaborei uma resposta em minha cabeça, mas acho que deixei ainda escapar algo pela minha tremida fala:<br />Eu: _Ahn... É que eu preciso de algo melhor para treinar, sabe? As guerras evoluem muito rápidas, nunca se sabe a oportunidade de ser um herói...<br />Continuei olhando para os olhos de Adara, ela me olhava com mais desconfiança que antes, mas deve ter pensado que era inútil perguntar mais, então ela simplesmente disse:<br />Adara: _É... Acho que você tem razão... Só não vá se machucar com isso, ein!?<br />Eu: _Está bem... Tomarei cuidado...<br />Depois de eles terem ficado bastante tempo em minha mansão, depois de terem comido, treinado e tudo mais, já era noite eles deviam ir para casa se preparar para o dia de aula no próximo dia.<br />Antes de ir embora, Graffias disse as seguintes palavras para mim:<br />Graffias: _Sabe Lucas, acho que quando a gente quer mudar as coisas, a gente de certa forma facilmente consegue... Espero que com o que você fez, você consiga alcançar seus objetivos mais facilmente! Boa sorte e boa noite!<br />Aquilo me confortou de certo modo, mas de qualquer jeito eu não sabia o que viria mais para frente... Não sei o que os Deuses me reservam, de algum modo...<br />

×