SlideShare uma empresa Scribd logo

Slide iot

1 de 13
Baixar para ler offline
INVENTÁRIO DA OFERTA 
TURÍSTICA - IOT 
PROFª CARMÉLIA AMARAL 
Referência: MTur
• O IOT exigiu revisão, atualização de 
documentos, ajustes, correções, adequações 
conceituais, metodológicas, operacionais e 
técnicas para refletir a dinâmica da economia 
do turismo, da sociedade e dos setores 
produtivos e se alinhar ao PNT, sua visão e 
diretrizes.
O IOT é um instrumento de planejamento, 
dinâmico e flexível. 
As informações sistematizadas no IOT 
atendem às diretrizes do Governo Federal 
expressas no PNT como: 
 Redução das desigualdades sociais; 
 Geração e distribuição de renda; 
 Geração de emprego e ocupação; 
 Equilíbrio na balança de pagamentos.
O IOT assume conceitos mais amplos no 
conjunto de procedimentos adotados como: 
Local como território impregnado de valores 
culturais (história), patrimônio, paisagem, 
mitos, símbolos, modos econômicos, relações 
sociais.
O IOT é um dos passos para a implementação 
do macro programa 6 – Informações Turísticas 
que serve de base para o planejamento e 
operacionalização dos outros 6 macro 
programas do PNT.
• Inventário da Oferta Turística: Processo de 
levantamento, identificação e registro dos 
atrativos turísticos, dos serviços e 
equipamentos turísticos e da infraestrutura de 
apoio ao turismo, como base de informação 
para fins de planejamento e gestão da 
atividade turística ( MTUR, 2000).

Recomendados

Competitividade no setor de viagens e turismo (II EICPOG)
Competitividade no setor de viagens e turismo (II EICPOG)Competitividade no setor de viagens e turismo (II EICPOG)
Competitividade no setor de viagens e turismo (II EICPOG)Aristides Faria
 
Seminário 06 projeto inventário mtur 2009
Seminário 06   projeto inventário mtur 2009Seminário 06   projeto inventário mtur 2009
Seminário 06 projeto inventário mtur 2009Bruno Muniz de Brito
 
Doutorado em Hospitalidade: referencial bibliográfico preliminar
Doutorado em Hospitalidade: referencial bibliográfico preliminarDoutorado em Hospitalidade: referencial bibliográfico preliminar
Doutorado em Hospitalidade: referencial bibliográfico preliminarAristides Faria
 
Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Apresentação de resultados...
Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Apresentação de resultados...Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Apresentação de resultados...
Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Apresentação de resultados...Aristides Faria
 
Marketing & Turismo: estudo de caso sobre o potencial mercadológico do municí...
Marketing & Turismo: estudo de caso sobre o potencial mercadológico do municí...Marketing & Turismo: estudo de caso sobre o potencial mercadológico do municí...
Marketing & Turismo: estudo de caso sobre o potencial mercadológico do municí...Aristides Faria
 
A tecnologia móvel para governança Turística
A tecnologia móvel para governança TurísticaA tecnologia móvel para governança Turística
A tecnologia móvel para governança TurísticaLeylane Meneses
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Ações voltadas para reduzir acidentes viários no Rio de Janeiro - Cláudia Bap...
Ações voltadas para reduzir acidentes viários no Rio de Janeiro - Cláudia Bap...Ações voltadas para reduzir acidentes viários no Rio de Janeiro - Cláudia Bap...
Ações voltadas para reduzir acidentes viários no Rio de Janeiro - Cláudia Bap...WRI Ross Center for Sustainable Cities
 
Soluções GlobalGeo para Gestão Municipal
Soluções GlobalGeo para Gestão MunicipalSoluções GlobalGeo para Gestão Municipal
Soluções GlobalGeo para Gestão MunicipalGlobalGeo Geotecnologias
 
Geoprocessamento Da Criminalidade
Geoprocessamento Da CriminalidadeGeoprocessamento Da Criminalidade
Geoprocessamento Da Criminalidadegiorlan
 
IFSP.CBT | Meios de Hospedagem (aula 08.04.2021)
IFSP.CBT | Meios de Hospedagem (aula 08.04.2021)IFSP.CBT | Meios de Hospedagem (aula 08.04.2021)
IFSP.CBT | Meios de Hospedagem (aula 08.04.2021)Aristides Faria
 
2016 - A modernização da Gestão do Patrimônio Público Federal com geotecnologias
2016 - A modernização da Gestão do Patrimônio Público Federal com geotecnologias2016 - A modernização da Gestão do Patrimônio Público Federal com geotecnologias
2016 - A modernização da Gestão do Patrimônio Público Federal com geotecnologiasGeorge Porto Ferreira
 

Mais procurados (6)

MGTur2008
MGTur2008MGTur2008
MGTur2008
 
Ações voltadas para reduzir acidentes viários no Rio de Janeiro - Cláudia Bap...
Ações voltadas para reduzir acidentes viários no Rio de Janeiro - Cláudia Bap...Ações voltadas para reduzir acidentes viários no Rio de Janeiro - Cláudia Bap...
Ações voltadas para reduzir acidentes viários no Rio de Janeiro - Cláudia Bap...
 
Soluções GlobalGeo para Gestão Municipal
Soluções GlobalGeo para Gestão MunicipalSoluções GlobalGeo para Gestão Municipal
Soluções GlobalGeo para Gestão Municipal
 
Geoprocessamento Da Criminalidade
Geoprocessamento Da CriminalidadeGeoprocessamento Da Criminalidade
Geoprocessamento Da Criminalidade
 
IFSP.CBT | Meios de Hospedagem (aula 08.04.2021)
IFSP.CBT | Meios de Hospedagem (aula 08.04.2021)IFSP.CBT | Meios de Hospedagem (aula 08.04.2021)
IFSP.CBT | Meios de Hospedagem (aula 08.04.2021)
 
2016 - A modernização da Gestão do Patrimônio Público Federal com geotecnologias
2016 - A modernização da Gestão do Patrimônio Público Federal com geotecnologias2016 - A modernização da Gestão do Patrimônio Público Federal com geotecnologias
2016 - A modernização da Gestão do Patrimônio Público Federal com geotecnologias
 

Destaque

TRAVEL AGENCY REGULATION
TRAVEL AGENCY REGULATIONTRAVEL AGENCY REGULATION
TRAVEL AGENCY REGULATIONlydiawaty
 
Formularios
FormulariosFormularios
FormulariosAAcioli
 
19 elaboração da metodologia
19 elaboração da metodologia19 elaboração da metodologia
19 elaboração da metodologiaJoao Balbi
 
Pesquisa Qualitativa e Quantitativa
Pesquisa Qualitativa e QuantitativaPesquisa Qualitativa e Quantitativa
Pesquisa Qualitativa e Quantitativajlpaesjr
 

Destaque (7)

Pata,uftaa
Pata,uftaaPata,uftaa
Pata,uftaa
 
TRAVEL AGENCY REGULATION
TRAVEL AGENCY REGULATIONTRAVEL AGENCY REGULATION
TRAVEL AGENCY REGULATION
 
Ficha de cadastro de imovel
Ficha de cadastro de imovelFicha de cadastro de imovel
Ficha de cadastro de imovel
 
Selva
SelvaSelva
Selva
 
Formularios
FormulariosFormularios
Formularios
 
19 elaboração da metodologia
19 elaboração da metodologia19 elaboração da metodologia
19 elaboração da metodologia
 
Pesquisa Qualitativa e Quantitativa
Pesquisa Qualitativa e QuantitativaPesquisa Qualitativa e Quantitativa
Pesquisa Qualitativa e Quantitativa
 

Semelhante a Slide iot

Projeto inventário da oferta turística
Projeto inventário da oferta turísticaProjeto inventário da oferta turística
Projeto inventário da oferta turísticaElizabeth Wada
 
Competitividade no setor de viagens e turismo
Competitividade no setor de viagens e turismoCompetitividade no setor de viagens e turismo
Competitividade no setor de viagens e turismoAristides Faria
 
Seminário 06 projeto inventário - mtur
Seminário 06   projeto inventário - mturSeminário 06   projeto inventário - mtur
Seminário 06 projeto inventário - mturBruno Muniz de Brito
 
Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Apresentação de resultados...
Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Apresentação de resultados...Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Apresentação de resultados...
Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Apresentação de resultados...Aristides Faria
 
Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Workshop ACAI, Itanhaém (SP)
Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Workshop ACAI, Itanhaém (SP)Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Workshop ACAI, Itanhaém (SP)
Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Workshop ACAI, Itanhaém (SP)Aristides Faria
 
Descentralização, Desconcentração e Dimensão Territorial da Política de CT&I ...
Descentralização, Desconcentração e Dimensão Territorial da Política de CT&I ...Descentralização, Desconcentração e Dimensão Territorial da Política de CT&I ...
Descentralização, Desconcentração e Dimensão Territorial da Política de CT&I ...Confap
 
A aplicabilidade dos sistemas de informação geográfica no planeamento em turismo
A aplicabilidade dos sistemas de informação geográfica no planeamento em turismoA aplicabilidade dos sistemas de informação geográfica no planeamento em turismo
A aplicabilidade dos sistemas de informação geográfica no planeamento em turismoPedro Cravo
 
Agenda Propositiva do Turismo | Itanhaém 2017-2020
Agenda Propositiva do Turismo | Itanhaém 2017-2020Agenda Propositiva do Turismo | Itanhaém 2017-2020
Agenda Propositiva do Turismo | Itanhaém 2017-2020Aristides Faria
 
Santos (Sp) regionalizacao do turismo
Santos (Sp)   regionalizacao do turismoSantos (Sp)   regionalizacao do turismo
Santos (Sp) regionalizacao do turismoAristides Faria
 
Competitividade no setor de viagens e turismo
Competitividade no setor de viagens e turismoCompetitividade no setor de viagens e turismo
Competitividade no setor de viagens e turismoAristides Faria
 
Painel Mapas Culturais: Uma Experiência de Análise de Dados
Painel Mapas Culturais: Uma Experiência de Análise de DadosPainel Mapas Culturais: Uma Experiência de Análise de Dados
Painel Mapas Culturais: Uma Experiência de Análise de DadosThaís Rigolon
 
Apresentação OTCP - SMAT
Apresentação OTCP - SMATApresentação OTCP - SMAT
Apresentação OTCP - SMATFrancisco Dias
 
QuestõEs De ReflexãO Conf Vf
QuestõEs De ReflexãO Conf VfQuestõEs De ReflexãO Conf Vf
QuestõEs De ReflexãO Conf VfJose Carlos Mota
 
Planos de Ação para Cidades Históricas
Planos de Ação para Cidades HistóricasPlanos de Ação para Cidades Históricas
Planos de Ação para Cidades HistóricasScott Rains
 
Atividades Características do Turismo no RS em 2013: Valor Adicionado Bruto n...
Atividades Características do Turismo no RS em 2013: Valor Adicionado Bruto n...Atividades Características do Turismo no RS em 2013: Valor Adicionado Bruto n...
Atividades Características do Turismo no RS em 2013: Valor Adicionado Bruto n...Fundação de Economia e Estatística
 

Semelhante a Slide iot (20)

Projeto inventário da oferta turística
Projeto inventário da oferta turísticaProjeto inventário da oferta turística
Projeto inventário da oferta turística
 
Competitividade no setor de viagens e turismo
Competitividade no setor de viagens e turismoCompetitividade no setor de viagens e turismo
Competitividade no setor de viagens e turismo
 
Seminário 06 projeto inventário - mtur
Seminário 06   projeto inventário - mturSeminário 06   projeto inventário - mtur
Seminário 06 projeto inventário - mtur
 
Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Apresentação de resultados...
Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Apresentação de resultados...Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Apresentação de resultados...
Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Apresentação de resultados...
 
Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Workshop ACAI, Itanhaém (SP)
Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Workshop ACAI, Itanhaém (SP)Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Workshop ACAI, Itanhaém (SP)
Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Workshop ACAI, Itanhaém (SP)
 
Descentralização, Desconcentração e Dimensão Territorial da Política de CT&I ...
Descentralização, Desconcentração e Dimensão Territorial da Política de CT&I ...Descentralização, Desconcentração e Dimensão Territorial da Política de CT&I ...
Descentralização, Desconcentração e Dimensão Territorial da Política de CT&I ...
 
A aplicabilidade dos sistemas de informação geográfica no planeamento em turismo
A aplicabilidade dos sistemas de informação geográfica no planeamento em turismoA aplicabilidade dos sistemas de informação geográfica no planeamento em turismo
A aplicabilidade dos sistemas de informação geográfica no planeamento em turismo
 
Centro de informação turistica
Centro de informação turistica Centro de informação turistica
Centro de informação turistica
 
Agenda Propositiva do Turismo | Itanhaém 2017-2020
Agenda Propositiva do Turismo | Itanhaém 2017-2020Agenda Propositiva do Turismo | Itanhaém 2017-2020
Agenda Propositiva do Turismo | Itanhaém 2017-2020
 
Santos (Sp) regionalizacao do turismo
Santos (Sp)   regionalizacao do turismoSantos (Sp)   regionalizacao do turismo
Santos (Sp) regionalizacao do turismo
 
Competitividade no setor de viagens e turismo
Competitividade no setor de viagens e turismoCompetitividade no setor de viagens e turismo
Competitividade no setor de viagens e turismo
 
Painel Mapas Culturais: Uma Experiência de Análise de Dados
Painel Mapas Culturais: Uma Experiência de Análise de DadosPainel Mapas Culturais: Uma Experiência de Análise de Dados
Painel Mapas Culturais: Uma Experiência de Análise de Dados
 
Apresentação OTCP - SMAT
Apresentação OTCP - SMATApresentação OTCP - SMAT
Apresentação OTCP - SMAT
 
2.0 o plhis e sua metodologia - lúcio
2.0 o plhis e sua metodologia - lúcio2.0 o plhis e sua metodologia - lúcio
2.0 o plhis e sua metodologia - lúcio
 
QuestõEs De ReflexãO Conf Vf
QuestõEs De ReflexãO Conf VfQuestõEs De ReflexãO Conf Vf
QuestõEs De ReflexãO Conf Vf
 
ju
juju
ju
 
Praia sem futuro bb
Praia sem futuro bbPraia sem futuro bb
Praia sem futuro bb
 
Planos de Ação para Cidades Históricas
Planos de Ação para Cidades HistóricasPlanos de Ação para Cidades Históricas
Planos de Ação para Cidades Históricas
 
Atividades Características do Turismo no RS em 2013: Valor Adicionado Bruto n...
Atividades Características do Turismo no RS em 2013: Valor Adicionado Bruto n...Atividades Características do Turismo no RS em 2013: Valor Adicionado Bruto n...
Atividades Características do Turismo no RS em 2013: Valor Adicionado Bruto n...
 
1608
16081608
1608
 

Mais de Karlla Costa

Certificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedin
Certificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedinCertificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedin
Certificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedinKarlla Costa
 
FACILITADORES DA APRENDIZAGEM
FACILITADORES DA APRENDIZAGEMFACILITADORES DA APRENDIZAGEM
FACILITADORES DA APRENDIZAGEMKarlla Costa
 
DA VITIMIZAÇÃO A AÇÃO
DA VITIMIZAÇÃO A AÇÃO  DA VITIMIZAÇÃO A AÇÃO
DA VITIMIZAÇÃO A AÇÃO Karlla Costa
 
FORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAIS
FORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAISFORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAIS
FORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAISKarlla Costa
 
Certificadoempreendedorismonaep
CertificadoempreendedorismonaepCertificadoempreendedorismonaep
CertificadoempreendedorismonaepKarlla Costa
 
Turismo e-hotelaria
Turismo e-hotelariaTurismo e-hotelaria
Turismo e-hotelariaKarlla Costa
 
CURSO ASSOCIATIVISMO 2
CURSO ASSOCIATIVISMO 2CURSO ASSOCIATIVISMO 2
CURSO ASSOCIATIVISMO 2Karlla Costa
 
CURSO ASSOCIATIVISMO 1
CURSO ASSOCIATIVISMO 1CURSO ASSOCIATIVISMO 1
CURSO ASSOCIATIVISMO 1Karlla Costa
 
Agricultura de precisao modulo 6
Agricultura de precisao modulo 6Agricultura de precisao modulo 6
Agricultura de precisao modulo 6Karlla Costa
 
Agricultura de precisao modulo 5
Agricultura de precisao modulo 5Agricultura de precisao modulo 5
Agricultura de precisao modulo 5Karlla Costa
 
Agricultura de precisao modulo 4
Agricultura de precisao modulo 4Agricultura de precisao modulo 4
Agricultura de precisao modulo 4Karlla Costa
 
Agricultura de precisao modulo 3
Agricultura de precisao modulo 3Agricultura de precisao modulo 3
Agricultura de precisao modulo 3Karlla Costa
 

Mais de Karlla Costa (20)

Certificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedin
Certificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedinCertificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedin
Certificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedin
 
Trabalho Remoto
Trabalho RemotoTrabalho Remoto
Trabalho Remoto
 
FACILITADORES DA APRENDIZAGEM
FACILITADORES DA APRENDIZAGEMFACILITADORES DA APRENDIZAGEM
FACILITADORES DA APRENDIZAGEM
 
DA VITIMIZAÇÃO A AÇÃO
DA VITIMIZAÇÃO A AÇÃO  DA VITIMIZAÇÃO A AÇÃO
DA VITIMIZAÇÃO A AÇÃO
 
PAA
PAAPAA
PAA
 
MROC
MROCMROC
MROC
 
FORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAIS
FORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAISFORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAIS
FORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAIS
 
Certificadoempreendedorismonaep
CertificadoempreendedorismonaepCertificadoempreendedorismonaep
Certificadoempreendedorismonaep
 
Turismo e-hotelaria
Turismo e-hotelariaTurismo e-hotelaria
Turismo e-hotelaria
 
Agroturismo
AgroturismoAgroturismo
Agroturismo
 
ASSOCATIVISMO 5
ASSOCATIVISMO 5ASSOCATIVISMO 5
ASSOCATIVISMO 5
 
ASSOCIATIVISMO 5
ASSOCIATIVISMO 5ASSOCIATIVISMO 5
ASSOCIATIVISMO 5
 
ASSCIATIVISMO 4
ASSCIATIVISMO 4ASSCIATIVISMO 4
ASSCIATIVISMO 4
 
ASSOCIATIVISMO 3
ASSOCIATIVISMO 3ASSOCIATIVISMO 3
ASSOCIATIVISMO 3
 
CURSO ASSOCIATIVISMO 2
CURSO ASSOCIATIVISMO 2CURSO ASSOCIATIVISMO 2
CURSO ASSOCIATIVISMO 2
 
CURSO ASSOCIATIVISMO 1
CURSO ASSOCIATIVISMO 1CURSO ASSOCIATIVISMO 1
CURSO ASSOCIATIVISMO 1
 
Agricultura de precisao modulo 6
Agricultura de precisao modulo 6Agricultura de precisao modulo 6
Agricultura de precisao modulo 6
 
Agricultura de precisao modulo 5
Agricultura de precisao modulo 5Agricultura de precisao modulo 5
Agricultura de precisao modulo 5
 
Agricultura de precisao modulo 4
Agricultura de precisao modulo 4Agricultura de precisao modulo 4
Agricultura de precisao modulo 4
 
Agricultura de precisao modulo 3
Agricultura de precisao modulo 3Agricultura de precisao modulo 3
Agricultura de precisao modulo 3
 

Slide iot

  • 1. INVENTÁRIO DA OFERTA TURÍSTICA - IOT PROFª CARMÉLIA AMARAL Referência: MTur
  • 2. • O IOT exigiu revisão, atualização de documentos, ajustes, correções, adequações conceituais, metodológicas, operacionais e técnicas para refletir a dinâmica da economia do turismo, da sociedade e dos setores produtivos e se alinhar ao PNT, sua visão e diretrizes.
  • 3. O IOT é um instrumento de planejamento, dinâmico e flexível. As informações sistematizadas no IOT atendem às diretrizes do Governo Federal expressas no PNT como:  Redução das desigualdades sociais;  Geração e distribuição de renda;  Geração de emprego e ocupação;  Equilíbrio na balança de pagamentos.
  • 4. O IOT assume conceitos mais amplos no conjunto de procedimentos adotados como: Local como território impregnado de valores culturais (história), patrimônio, paisagem, mitos, símbolos, modos econômicos, relações sociais.
  • 5. O IOT é um dos passos para a implementação do macro programa 6 – Informações Turísticas que serve de base para o planejamento e operacionalização dos outros 6 macro programas do PNT.
  • 6. • Inventário da Oferta Turística: Processo de levantamento, identificação e registro dos atrativos turísticos, dos serviços e equipamentos turísticos e da infraestrutura de apoio ao turismo, como base de informação para fins de planejamento e gestão da atividade turística ( MTUR, 2000).
  • 7. METODOLOGIA Caminho lógico seqüencial, com procedimentos sistematizados, utilizando-se de instrumentos técnicos, padronizados para apreensão do objeto turístico.
  • 8. ESTRATÉGIAS METODOLÓGICAS DE INVENTARIAÇÃO Pesquisa de gabinete e mapeamento do município; Trabalho de campo – aplicação dos instrumentos padronizados (formulários). Necessidade de treinamento para os pesquisadores. Seleção do material, análise e tabulação; Relatório Final.
  • 9. IMPORTÂNCIA DO INVENTÁRIO DA OFERTA TURÍSTICA Identificar a potencialidade turística do lugar; Formar um banco de dados; Identificar existência de vantagens competitivas; Priorizar projetos e investimentos dentre outros; Dotar as administrações municipais de instrumento básicos de planejamento turístico.
  • 10. PAPEL DO MUNICÍPIO Sinalizar e apoiar a exeqüibilidade do IOT; Dar apoio logístico à equipe de pesquisar; Contar com o apoio da Prefeitura Municipal e dos gestores públicos; Estimular o apoio da comunidade.
  • 11. ESTRUTURA DOS FORMULÁRIOS Categorias – Formas de agrupar os componentes da oferta turística, exemplo:  Categoria A: Meios de acesso ao município; Tipo – Terrestre; Subtipo – Terminais/Estações Rodoviárias/ Serviços Rodoviários/Estações Ferroviárias.
  • 12.  Categoria B Serviços e equipamentos de hospedagens; Tipo – Meios de hospedagem Subtipo – Hotel/Hotel de Lazer, Resort/Pousada/Hotel de Selva
  • 13.  Categoria C Atrativos Naturais Tipo – Zona Costeira; Subtipo – Restinga/Duna/Falésia/Praia/Baía/ Enseada/Península/Ilha, Arquipélago/Ponta/ Estuário/Recife/Atol, outros.