SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 10
DE 4 A 7 DE MAIO
CENTRO DE CONVENÇÕES-ILHÉUS-BA
1.   CANAVIEIRAS;
2.   ILHÉUS
3.   ITABUNA
4.   ITACARÉ
5.   PAU BRASIL
6.   SANTA LUZIA
7.   UNA
8.   URUÇUCA
   Um dos objetivos do Programa de Regionalização
    do Turismo - Roteiros do Brasil é a diversificação
    da oferta turística. A roteirização é fundamental
    para atingir esse objetivo por meio da
    estruturação, da oferta e da aceitação de
    produtos diferenciados nos mercados nacional e
    internacional.
   Representantes     dos    órgãos      governamentais
    municipais, estaduais e federais que se mostrarem
    necessários ao bom andamento do processo.
    Empresários e profissionais da cadeia produtiva do
    turismo, ou seja, o conjunto de prestadores de
    serviços que atuam direta ou indiretamente nessa
    atividade.
   Representantes da sociedade civil de diferentes
    segmentos sociais, como organizações locais,
    associações comunitárias, instituições de ensino,
    organizações     não     governamentais      (ONGs),
    associações comerciais, entre outras.
 Todo participante é um agente da construção do
  conhecimento, capaz de realizar leituras dos
  próprios cenários em que está imerso,
  estabelecer objetivos, traçar estratégias e definir
  procedimentos para alcançar os resultados
  pretendidos.
 A Oficina de Roteirização será trabalhada através

  da avaliação dos roteiros existentes visando a sua
  qualificação e a identificação de novos roteiros
  potenciais.
    
   A Oficina abordará conceitos e informações sobre a
    roteirização turística, que organiza e integra a oferta turística
    brasileira a partir dos princípios da participação, flexibilidade
    e sustentabilidade, mostrando-se como elemento-chave para
    permitir que os recursos resultantes do incremento da
    atividade turística de uma região possam promover a inclusão
    social e auxiliar na redução das desigualdades sociais e
    regionais, criando condições para que os objetivos propostos
    pelo Programa de Regionalização do Turismo - Roteiros do
    Brasil sejam alcançados.
    
É o processo que visa propor aos diversos atores
envolvidos com o turismo, orientações para a
elaboração dos roteiros turísticos. Estas
orientações vão auxiliar na integração e na
organização de atrativos, equipamentos, serviços
turísticos e infra-estrutura de apoio ao turismo,
resultando na consolidação dos produtos de uma
determinada região.
Seminário de regionalização
Seminário de regionalização
Seminário de regionalização

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Apresentação Madeira Rural
Apresentação Madeira RuralApresentação Madeira Rural
Apresentação Madeira Rural
guest85248e
 
Apresentação noções conceituais turismo
Apresentação   noções conceituais turismo Apresentação   noções conceituais turismo
Apresentação noções conceituais turismo
Karlla Costa
 

Mais procurados (20)

Doutorado em Hospitalidade: referencial bibliográfico preliminar
Doutorado em Hospitalidade: referencial bibliográfico preliminarDoutorado em Hospitalidade: referencial bibliográfico preliminar
Doutorado em Hospitalidade: referencial bibliográfico preliminar
 
Apresentação Madeira Rural
Apresentação Madeira RuralApresentação Madeira Rural
Apresentação Madeira Rural
 
Disciplina Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao) (aula 06)
Disciplina Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao) (aula 06)Disciplina Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao) (aula 06)
Disciplina Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao) (aula 06)
 
Disciplina Gestao Publica (IFSP Campus Cubatao) (aula 06)
Disciplina Gestao Publica (IFSP Campus Cubatao) (aula 06)Disciplina Gestao Publica (IFSP Campus Cubatao) (aula 06)
Disciplina Gestao Publica (IFSP Campus Cubatao) (aula 06)
 
Tendências e perspectivas para a gestão de destinos turísticos litorâneos
Tendências e perspectivas para a gestão de destinos turísticos litorâneosTendências e perspectivas para a gestão de destinos turísticos litorâneos
Tendências e perspectivas para a gestão de destinos turísticos litorâneos
 
Apresentação no V FCGTurH (Univali) 2017
Apresentação no V FCGTurH (Univali) 2017Apresentação no V FCGTurH (Univali) 2017
Apresentação no V FCGTurH (Univali) 2017
 
Disciplina Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao) (aulas 07 a...
Disciplina Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao) (aulas 07 a...Disciplina Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao) (aulas 07 a...
Disciplina Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao) (aulas 07 a...
 
Planilha Ações em Curso Suset Jan/14
Planilha Ações em Curso Suset Jan/14Planilha Ações em Curso Suset Jan/14
Planilha Ações em Curso Suset Jan/14
 
Aula 07 estrutura institucional do turismo
Aula 07   estrutura institucional do turismoAula 07   estrutura institucional do turismo
Aula 07 estrutura institucional do turismo
 
Formação Superior em Turismo & Hospitalidade: um fator de competitividade de ...
Formação Superior em Turismo & Hospitalidade: um fator de competitividade de ...Formação Superior em Turismo & Hospitalidade: um fator de competitividade de ...
Formação Superior em Turismo & Hospitalidade: um fator de competitividade de ...
 
Disciplina Gestao Publica (IFSP Campus Cubatao) (aula 05)
Disciplina Gestao Publica (IFSP Campus Cubatao) (aula 05)Disciplina Gestao Publica (IFSP Campus Cubatao) (aula 05)
Disciplina Gestao Publica (IFSP Campus Cubatao) (aula 05)
 
Aula inaugura de Fundamentos do Turismo (IFSP Campus Cubatao)
Aula inaugura de Fundamentos do Turismo (IFSP Campus Cubatao)Aula inaugura de Fundamentos do Turismo (IFSP Campus Cubatao)
Aula inaugura de Fundamentos do Turismo (IFSP Campus Cubatao)
 
SEMEI IFRR: Oficina Turismo e Inovação
SEMEI IFRR: Oficina Turismo e InovaçãoSEMEI IFRR: Oficina Turismo e Inovação
SEMEI IFRR: Oficina Turismo e Inovação
 
Mobilização, Participação e Controle Social (III CGPOP Unifesp)
Mobilização, Participação e Controle Social (III CGPOP Unifesp)Mobilização, Participação e Controle Social (III CGPOP Unifesp)
Mobilização, Participação e Controle Social (III CGPOP Unifesp)
 
Disciplina Gestao Publica (IFSP Campus Cubatao) (aula 07)
Disciplina Gestao Publica (IFSP Campus Cubatao) (aula 07)Disciplina Gestao Publica (IFSP Campus Cubatao) (aula 07)
Disciplina Gestao Publica (IFSP Campus Cubatao) (aula 07)
 
Apresentação noções conceituais turismo
Apresentação   noções conceituais turismo Apresentação   noções conceituais turismo
Apresentação noções conceituais turismo
 
Um Olhar Cultura por Cuiaba
Um Olhar Cultura por CuiabaUm Olhar Cultura por Cuiaba
Um Olhar Cultura por Cuiaba
 
Disciplina Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao) (aulas 03 e...
Disciplina Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao) (aulas 03 e...Disciplina Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao) (aulas 03 e...
Disciplina Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao) (aulas 03 e...
 
Marketing e Turismo: aulas 17 a 19
Marketing e Turismo: aulas 17 a 19Marketing e Turismo: aulas 17 a 19
Marketing e Turismo: aulas 17 a 19
 
Seminário de Hospitalidade | Santos 2015: apresentação institucional
Seminário de Hospitalidade | Santos 2015: apresentação institucionalSeminário de Hospitalidade | Santos 2015: apresentação institucional
Seminário de Hospitalidade | Santos 2015: apresentação institucional
 

Destaque (8)

Projeto Produção Associada
Projeto Produção AssociadaProjeto Produção Associada
Projeto Produção Associada
 
Cooperativismo
CooperativismoCooperativismo
Cooperativismo
 
Planilha de delegados_atualizado_em_29_04
Planilha de delegados_atualizado_em_29_04Planilha de delegados_atualizado_em_29_04
Planilha de delegados_atualizado_em_29_04
 
Inovação
InovaçãoInovação
Inovação
 
I seminário de turismo
I seminário de turismoI seminário de turismo
I seminário de turismo
 
Categorização de municípios cacau
Categorização de municípios cacauCategorização de municípios cacau
Categorização de municípios cacau
 
Cadastur
CadasturCadastur
Cadastur
 
Certificate direitos e ativismo
Certificate direitos e ativismoCertificate direitos e ativismo
Certificate direitos e ativismo
 

Semelhante a Seminário de regionalização

Projeto inventário da oferta turística
Projeto inventário da oferta turísticaProjeto inventário da oferta turística
Projeto inventário da oferta turística
Elizabeth Wada
 
Regionalização gestor
Regionalização gestorRegionalização gestor
Regionalização gestor
Karlla Costa
 
Modulox20operacional 7 roteirizacao_turistica
Modulox20operacional 7 roteirizacao_turisticaModulox20operacional 7 roteirizacao_turistica
Modulox20operacional 7 roteirizacao_turistica
lucilaback
 
Balanço Final do Governo Lula - livro 3 (cap. 5)
Balanço Final do Governo Lula - livro 3 (cap. 5)Balanço Final do Governo Lula - livro 3 (cap. 5)
Balanço Final do Governo Lula - livro 3 (cap. 5)
Edinho Silva
 
Manual-Turismo-e-Empreendedorismo-Final.pdf
Manual-Turismo-e-Empreendedorismo-Final.pdfManual-Turismo-e-Empreendedorismo-Final.pdf
Manual-Turismo-e-Empreendedorismo-Final.pdf
ssuserd70dab
 
Apresentação da minuta de discussão da Lei Estadual de Turismo
Apresentação da minuta de discussão da Lei Estadual de TurismoApresentação da minuta de discussão da Lei Estadual de Turismo
Apresentação da minuta de discussão da Lei Estadual de Turismo
Secretaria de Turismo da Bahia
 
Teoria e técnica profissional 3
Teoria e técnica profissional 3Teoria e técnica profissional 3
Teoria e técnica profissional 3
Vinicius Raszl
 

Semelhante a Seminário de regionalização (20)

Projeto inventário da oferta turística
Projeto inventário da oferta turísticaProjeto inventário da oferta turística
Projeto inventário da oferta turística
 
Turismo de base comunitária, mtur.
Turismo de base comunitária, mtur.Turismo de base comunitária, mtur.
Turismo de base comunitária, mtur.
 
Regionalização gestor
Regionalização gestorRegionalização gestor
Regionalização gestor
 
Conheça a ONG Araucária!
Conheça a ONG Araucária!Conheça a ONG Araucária!
Conheça a ONG Araucária!
 
Modulox20operacional 7 roteirizacao_turistica
Modulox20operacional 7 roteirizacao_turisticaModulox20operacional 7 roteirizacao_turistica
Modulox20operacional 7 roteirizacao_turistica
 
Balanço Final do Governo Lula - livro 3 (cap. 5)
Balanço Final do Governo Lula - livro 3 (cap. 5)Balanço Final do Governo Lula - livro 3 (cap. 5)
Balanço Final do Governo Lula - livro 3 (cap. 5)
 
Ecoturismo e Turismo de Aventura: aula 05
Ecoturismo e Turismo de Aventura: aula 05Ecoturismo e Turismo de Aventura: aula 05
Ecoturismo e Turismo de Aventura: aula 05
 
Manual-Turismo-e-Empreendedorismo-Final.pdf
Manual-Turismo-e-Empreendedorismo-Final.pdfManual-Turismo-e-Empreendedorismo-Final.pdf
Manual-Turismo-e-Empreendedorismo-Final.pdf
 
manual-de-producao-associada-ao-turismo (1).pdf
manual-de-producao-associada-ao-turismo (1).pdfmanual-de-producao-associada-ao-turismo (1).pdf
manual-de-producao-associada-ao-turismo (1).pdf
 
Disciplina Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao) (aula 05)
Disciplina Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao) (aula 05)Disciplina Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao) (aula 05)
Disciplina Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao) (aula 05)
 
Gestão Pública: aula 12
Gestão Pública: aula 12Gestão Pública: aula 12
Gestão Pública: aula 12
 
Apresentação da minuta de discussão da Lei Estadual de Turismo
Apresentação da minuta de discussão da Lei Estadual de TurismoApresentação da minuta de discussão da Lei Estadual de Turismo
Apresentação da minuta de discussão da Lei Estadual de Turismo
 
Teoria e técnica profissional 3
Teoria e técnica profissional 3Teoria e técnica profissional 3
Teoria e técnica profissional 3
 
Operadora de Turismo Braztoa
Operadora de Turismo BraztoaOperadora de Turismo Braztoa
Operadora de Turismo Braztoa
 
Turismo Cultural Ferroviário – Potencialidades e Perspectivas
Turismo Cultural Ferroviário – Potencialidades e PerspectivasTurismo Cultural Ferroviário – Potencialidades e Perspectivas
Turismo Cultural Ferroviário – Potencialidades e Perspectivas
 
Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Apresentação de resultados...
Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Apresentação de resultados...Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Apresentação de resultados...
Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Apresentação de resultados...
 
Disciplina Gestao Publica (IFSP Campus Cubatao) (aula 12)
Disciplina Gestao Publica (IFSP Campus Cubatao) (aula 12)Disciplina Gestao Publica (IFSP Campus Cubatao) (aula 12)
Disciplina Gestao Publica (IFSP Campus Cubatao) (aula 12)
 
Instância de Governança da Grande Florianópolis
Instância de Governança da Grande FlorianópolisInstância de Governança da Grande Florianópolis
Instância de Governança da Grande Florianópolis
 
Proposta de Comunição e Marketing Turístico para a Estância Turística de Avaré
Proposta de Comunição e Marketing Turístico para a Estância Turística de AvaréProposta de Comunição e Marketing Turístico para a Estância Turística de Avaré
Proposta de Comunição e Marketing Turístico para a Estância Turística de Avaré
 
Seminário Turismo, Gestão e Políticas de Turismo
Seminário Turismo, Gestão e Políticas de Turismo Seminário Turismo, Gestão e Políticas de Turismo
Seminário Turismo, Gestão e Políticas de Turismo
 

Mais de Karlla Costa

Certificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedin
Certificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedinCertificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedin
Certificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedin
Karlla Costa
 
FORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAIS
FORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAISFORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAIS
FORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAIS
Karlla Costa
 
Certificadoempreendedorismonaep
CertificadoempreendedorismonaepCertificadoempreendedorismonaep
Certificadoempreendedorismonaep
Karlla Costa
 

Mais de Karlla Costa (20)

Certificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedin
Certificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedinCertificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedin
Certificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedin
 
Trabalho Remoto
Trabalho RemotoTrabalho Remoto
Trabalho Remoto
 
FACILITADORES DA APRENDIZAGEM
FACILITADORES DA APRENDIZAGEMFACILITADORES DA APRENDIZAGEM
FACILITADORES DA APRENDIZAGEM
 
DA VITIMIZAÇÃO A AÇÃO
DA VITIMIZAÇÃO A AÇÃO  DA VITIMIZAÇÃO A AÇÃO
DA VITIMIZAÇÃO A AÇÃO
 
PAA
PAAPAA
PAA
 
MROC
MROCMROC
MROC
 
FORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAIS
FORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAISFORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAIS
FORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAIS
 
Certificadoempreendedorismonaep
CertificadoempreendedorismonaepCertificadoempreendedorismonaep
Certificadoempreendedorismonaep
 
Turismo e-hotelaria
Turismo e-hotelariaTurismo e-hotelaria
Turismo e-hotelaria
 
Agroturismo
AgroturismoAgroturismo
Agroturismo
 
ASSOCATIVISMO 5
ASSOCATIVISMO 5ASSOCATIVISMO 5
ASSOCATIVISMO 5
 
ASSOCIATIVISMO 5
ASSOCIATIVISMO 5ASSOCIATIVISMO 5
ASSOCIATIVISMO 5
 
ASSCIATIVISMO 4
ASSCIATIVISMO 4ASSCIATIVISMO 4
ASSCIATIVISMO 4
 
ASSOCIATIVISMO 3
ASSOCIATIVISMO 3ASSOCIATIVISMO 3
ASSOCIATIVISMO 3
 
CURSO ASSOCIATIVISMO 2
CURSO ASSOCIATIVISMO 2CURSO ASSOCIATIVISMO 2
CURSO ASSOCIATIVISMO 2
 
CURSO ASSOCIATIVISMO 1
CURSO ASSOCIATIVISMO 1CURSO ASSOCIATIVISMO 1
CURSO ASSOCIATIVISMO 1
 
Agricultura de precisao modulo 6
Agricultura de precisao modulo 6Agricultura de precisao modulo 6
Agricultura de precisao modulo 6
 
Agricultura de precisao modulo 5
Agricultura de precisao modulo 5Agricultura de precisao modulo 5
Agricultura de precisao modulo 5
 
Agricultura de precisao modulo 4
Agricultura de precisao modulo 4Agricultura de precisao modulo 4
Agricultura de precisao modulo 4
 
Agricultura de precisao modulo 3
Agricultura de precisao modulo 3Agricultura de precisao modulo 3
Agricultura de precisao modulo 3
 

Seminário de regionalização

  • 1. DE 4 A 7 DE MAIO CENTRO DE CONVENÇÕES-ILHÉUS-BA
  • 2. 1. CANAVIEIRAS; 2. ILHÉUS 3. ITABUNA 4. ITACARÉ 5. PAU BRASIL 6. SANTA LUZIA 7. UNA 8. URUÇUCA
  • 3. Um dos objetivos do Programa de Regionalização do Turismo - Roteiros do Brasil é a diversificação da oferta turística. A roteirização é fundamental para atingir esse objetivo por meio da estruturação, da oferta e da aceitação de produtos diferenciados nos mercados nacional e internacional.
  • 4. Representantes dos órgãos governamentais municipais, estaduais e federais que se mostrarem necessários ao bom andamento do processo. Empresários e profissionais da cadeia produtiva do turismo, ou seja, o conjunto de prestadores de serviços que atuam direta ou indiretamente nessa atividade.  Representantes da sociedade civil de diferentes segmentos sociais, como organizações locais, associações comunitárias, instituições de ensino, organizações não governamentais (ONGs), associações comerciais, entre outras.
  • 5.  Todo participante é um agente da construção do conhecimento, capaz de realizar leituras dos próprios cenários em que está imerso, estabelecer objetivos, traçar estratégias e definir procedimentos para alcançar os resultados pretendidos.  A Oficina de Roteirização será trabalhada através da avaliação dos roteiros existentes visando a sua qualificação e a identificação de novos roteiros potenciais.
  • 6.    A Oficina abordará conceitos e informações sobre a roteirização turística, que organiza e integra a oferta turística brasileira a partir dos princípios da participação, flexibilidade e sustentabilidade, mostrando-se como elemento-chave para permitir que os recursos resultantes do incremento da atividade turística de uma região possam promover a inclusão social e auxiliar na redução das desigualdades sociais e regionais, criando condições para que os objetivos propostos pelo Programa de Regionalização do Turismo - Roteiros do Brasil sejam alcançados.   
  • 7. É o processo que visa propor aos diversos atores envolvidos com o turismo, orientações para a elaboração dos roteiros turísticos. Estas orientações vão auxiliar na integração e na organização de atrativos, equipamentos, serviços turísticos e infra-estrutura de apoio ao turismo, resultando na consolidação dos produtos de uma determinada região.