SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 15
Baixar para ler offline
Didática no ensino superior
Aula 6
Eniel do Espírito Santo
Avaliação das aprendizagens
Avaliação das aprendizagens
Princípios norteadores
• Contínua: processo contínuo e sistemático;
• Funcional: em função de objetivos previstos, verifica se os
estudantes o alcançaram;
• Orientadora: fornece devolutiva ao docente.
Avaliação das aprendizagens
Funções da avaliação
• Diagnóstica;
• Formativa;
• Somativa.
Avaliação das aprendizagens
Funções da avaliação
Diagnóstica
levantamento do nível de informações prévias do aluno em
relação ao assunto a ser abordado, buscando identificar as
lacunas e as estratégias de ensino mais adequadas para supri-
las.
Avaliação das aprendizagens
Funções da avaliação
Formativa
coleta de informações sobre o desenvolvimento do processo de
ensino e aprendizagem, possibilitando a alunos e docentes a
revisão de suas estratégias.
Avaliação das aprendizagens
Funções da avaliação
Somativa
• normalmente aplicada ao término de uma unidade de ensino,
possibilita verificar se os objetivos estabelecidos foram
alcançados;
• trata-se de um balanço final somatório dos vários instrumentos
utilizados no transcorrer do processo, buscando conferir
aprovação ou certificação de acordo com os resultados
alcançados.
Avaliação das aprendizagens
Avaliação integral
Diagnóstica, formativa e somativa
utilização de diversos instrumentos de coleta para a avaliação;
componente do ato pedagógico (planejamento dos objetivos,
execução e avaliação)
Avaliação das aprendizagens
Recomendações didáticas
• ter clareza das expectativas esperadas para sua disciplina e
deixar isso claro para os estudantes desde o início;
• explicar aos estudantes os critérios de avaliação;
• na medida do possível, utilizar vários instrumentos de avaliação;
• elaborar os instrumentos para avaliar a partir dos objetivos
traçados.
Avaliação das aprendizagens
Recomendações didáticas
• nos instrumentos de avaliação, evite inserção de armadilhas ou
questões dúbias;
• o critério de correção para cada instrumento deve ser claro;
• na correção, insira pequenas anotações significativas apontando
possibilidades de melhorias;
• jamais utilize os instrumentos de avaliação como ferramentas
disciplinares.
Avaliação das aprendizagens
Recomendações didáticas
• ter clareza das expectativas esperadas para sua disciplina e
deixar isso claro para os estudantes desde o início;
• explicar aos estudantes os critérios de avaliação;
• na medida do possível, utilizar vários instrumentos de avaliação;
• elaborar os instrumentos para avaliar a partir dos objetivos
traçados.
Avaliação das aprendizagens
Recomendações didáticas
• nos instrumentos de avaliação, evite inserção de armadilhas ou
questões dúbias;
• o critério de correção para cada instrumento deve ser claro;
• na correção, insira pequenas anotações significativas apontando
possibilidades de melhorias;
• jamais utilize os instrumentos de avaliação como ferramentas
disciplinares.
Avaliação das aprendizagens
O processo de avaliação das aprendizagens deverá
se constituir em uma ferramenta de retroalimentação
dos mecanismos de ensino e aprendizagem,
fornecendo subsídios para o docente revisar seus
planos de ensino e alcançar o objetivo derradeiro de
aprendizado dos estudantes (SANTO; LUZ 2012)
Referências
SANTO, Eniel Espírito; LUZ, Luiz Carlos Sacramento. Avaliação das
Aprendizagens no nível superior: avaliar para quê? Dialogia, São
Paulo, n. 16, 2012, p. 141-154. Disponível em:
https://goo.gl/HAeXpE Acesso em 20 nov. 2016.
LUCKESI, Cipriano Carlos. Avaliação da aprendizagem -
componente do ato pedagógico. São Paulo: Cortez, 2011.
Fim
Dr. Eniel do Espírito Santo
Didática no Ensino Superior

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Semi nu00 c1rio. recuperau00c7u00c3o da aprendizagem
Semi nu00 c1rio. recuperau00c7u00c3o da aprendizagemSemi nu00 c1rio. recuperau00c7u00c3o da aprendizagem
Semi nu00 c1rio. recuperau00c7u00c3o da aprendizagemJesicaNascimento
 
Recuperação da aprendizagem
Recuperação da aprendizagemRecuperação da aprendizagem
Recuperação da aprendizagemDanilo Raniery
 
Planejamento durval 2014 3dia 3 momento app
Planejamento durval 2014 3dia   3 momento appPlanejamento durval 2014 3dia   3 momento app
Planejamento durval 2014 3dia 3 momento appWilson Barbieri
 
Apresentau00 e7u00e3o avaliau00e7u00e3o escolar e democratizau00e7u00e3o- o...
Apresentau00 e7u00e3o   avaliau00e7u00e3o escolar e democratizau00e7u00e3o- o...Apresentau00 e7u00e3o   avaliau00e7u00e3o escolar e democratizau00e7u00e3o- o...
Apresentau00 e7u00e3o avaliau00e7u00e3o escolar e democratizau00e7u00e3o- o...JesicaNascimento
 
Avaliação no ciclo de alfabetização
Avaliação no ciclo de alfabetizaçãoAvaliação no ciclo de alfabetização
Avaliação no ciclo de alfabetizaçãoTatiana Schiavon
 
Avaliação da aprendizagem escolar um ato amoroso
Avaliação da aprendizagem escolar um ato amorosoAvaliação da aprendizagem escolar um ato amoroso
Avaliação da aprendizagem escolar um ato amorosojefc21
 
A comunicação dos resultados da avaliação escolar
A comunicação dos resultados da avaliação escolarA comunicação dos resultados da avaliação escolar
A comunicação dos resultados da avaliação escolarGilson Trajano
 
Recuperação da aprendizagem.
Recuperação da aprendizagem.Recuperação da aprendizagem.
Recuperação da aprendizagem.Affonso César
 
Avaliação escolar e democratização: o direito de errar.
Avaliação escolar e democratização: o direito de errar.Avaliação escolar e democratização: o direito de errar.
Avaliação escolar e democratização: o direito de errar.Affonso César
 
Orientação escolar conselho de classe e grupos de estudos
Orientação escolar   conselho de classe e grupos de estudosOrientação escolar   conselho de classe e grupos de estudos
Orientação escolar conselho de classe e grupos de estudosAlexandre Misturini
 
Quanto as reflexões sobre as avaliações
Quanto as reflexões sobre as avaliaçõesQuanto as reflexões sobre as avaliações
Quanto as reflexões sobre as avaliaçõesRoseildo Nunes Da Cruz
 
Avaliação recuperação
Avaliação recuperaçãoAvaliação recuperação
Avaliação recuperaçãoGilson Trajano
 
A comunicação dos resultados da avaliação escolar.
A comunicação dos resultados da avaliação escolar.A comunicação dos resultados da avaliação escolar.
A comunicação dos resultados da avaliação escolar.Affonso César
 
Avaliação escolar e democratizão direito de errar
Avaliação escolar e democratizão   direito de errarAvaliação escolar e democratizão   direito de errar
Avaliação escolar e democratizão direito de errarDanilo Raniery
 

Mais procurados (17)

S2 6
S2 6S2 6
S2 6
 
Semi nu00 c1rio. recuperau00c7u00c3o da aprendizagem
Semi nu00 c1rio. recuperau00c7u00c3o da aprendizagemSemi nu00 c1rio. recuperau00c7u00c3o da aprendizagem
Semi nu00 c1rio. recuperau00c7u00c3o da aprendizagem
 
Recuperação da aprendizagem
Recuperação da aprendizagemRecuperação da aprendizagem
Recuperação da aprendizagem
 
Planejamento durval 2014 3dia 3 momento app
Planejamento durval 2014 3dia   3 momento appPlanejamento durval 2014 3dia   3 momento app
Planejamento durval 2014 3dia 3 momento app
 
Apresentau00 e7u00e3o avaliau00e7u00e3o escolar e democratizau00e7u00e3o- o...
Apresentau00 e7u00e3o   avaliau00e7u00e3o escolar e democratizau00e7u00e3o- o...Apresentau00 e7u00e3o   avaliau00e7u00e3o escolar e democratizau00e7u00e3o- o...
Apresentau00 e7u00e3o avaliau00e7u00e3o escolar e democratizau00e7u00e3o- o...
 
Avaliação no ciclo de alfabetização
Avaliação no ciclo de alfabetizaçãoAvaliação no ciclo de alfabetização
Avaliação no ciclo de alfabetização
 
Avaliação da aprendizagem escolar um ato amoroso
Avaliação da aprendizagem escolar um ato amorosoAvaliação da aprendizagem escolar um ato amoroso
Avaliação da aprendizagem escolar um ato amoroso
 
Metodologia e didática
Metodologia e didáticaMetodologia e didática
Metodologia e didática
 
A comunicação dos resultados da avaliação escolar
A comunicação dos resultados da avaliação escolarA comunicação dos resultados da avaliação escolar
A comunicação dos resultados da avaliação escolar
 
Atividade de intervenção
Atividade de intervençãoAtividade de intervenção
Atividade de intervenção
 
Recuperação da aprendizagem.
Recuperação da aprendizagem.Recuperação da aprendizagem.
Recuperação da aprendizagem.
 
Avaliação escolar e democratização: o direito de errar.
Avaliação escolar e democratização: o direito de errar.Avaliação escolar e democratização: o direito de errar.
Avaliação escolar e democratização: o direito de errar.
 
Orientação escolar conselho de classe e grupos de estudos
Orientação escolar   conselho de classe e grupos de estudosOrientação escolar   conselho de classe e grupos de estudos
Orientação escolar conselho de classe e grupos de estudos
 
Quanto as reflexões sobre as avaliações
Quanto as reflexões sobre as avaliaçõesQuanto as reflexões sobre as avaliações
Quanto as reflexões sobre as avaliações
 
Avaliação recuperação
Avaliação recuperaçãoAvaliação recuperação
Avaliação recuperação
 
A comunicação dos resultados da avaliação escolar.
A comunicação dos resultados da avaliação escolar.A comunicação dos resultados da avaliação escolar.
A comunicação dos resultados da avaliação escolar.
 
Avaliação escolar e democratizão direito de errar
Avaliação escolar e democratizão   direito de errarAvaliação escolar e democratizão   direito de errar
Avaliação escolar e democratizão direito de errar
 

Semelhante a Didática do ensino superior videoaula 6

Nono --avaliacao-e-registro
Nono --avaliacao-e-registroNono --avaliacao-e-registro
Nono --avaliacao-e-registrosamuelbi1
 
08 avaliacao-e-registro
08 avaliacao-e-registro08 avaliacao-e-registro
08 avaliacao-e-registroJoao Balbi
 
ATPC Como Espaço de Formação - Avaliação
ATPC Como Espaço de Formação - AvaliaçãoATPC Como Espaço de Formação - Avaliação
ATPC Como Espaço de Formação - AvaliaçãoClaudia Elisabete Silva
 
Avaliação educacional.pptx
Avaliação educacional.pptxAvaliação educacional.pptx
Avaliação educacional.pptxjustinocarlos
 
Ideias 22 p089-090_c
Ideias 22 p089-090_cIdeias 22 p089-090_c
Ideias 22 p089-090_cSelmy Araujo
 
Rafaelly e Thamires, seminário 1
Rafaelly e Thamires, seminário 1Rafaelly e Thamires, seminário 1
Rafaelly e Thamires, seminário 1LidiaPerside
 
Seminario aula avaliacao
Seminario aula avaliacaoSeminario aula avaliacao
Seminario aula avaliacaoAndreza Lira
 
A favor ou contra a democratização do ensino
A favor ou contra a democratização do ensinoA favor ou contra a democratização do ensino
A favor ou contra a democratização do ensinothamiresaneves
 
AVALIAÇÃO DO ALUNO: A FAVOR OU CONTRA A DEMOCRATIZAÇÃO DO ENSINO?
AVALIAÇÃO DO ALUNO: A FAVOR OU CONTRA A DEMOCRATIZAÇÃO DO ENSINO?AVALIAÇÃO DO ALUNO: A FAVOR OU CONTRA A DEMOCRATIZAÇÃO DO ENSINO?
AVALIAÇÃO DO ALUNO: A FAVOR OU CONTRA A DEMOCRATIZAÇÃO DO ENSINO?Otaciso Silva
 
Avaliação do aluno a favor ou contra a democratização do ensino
Avaliação do aluno a favor ou contra a democratização do ensinoAvaliação do aluno a favor ou contra a democratização do ensino
Avaliação do aluno a favor ou contra a democratização do ensinojefc21
 
Seminario aula avaliacao
Seminario aula avaliacaoSeminario aula avaliacao
Seminario aula avaliacaoLidiaPerside
 
Slide 02 - Thamires e Rafaelly
Slide 02 - Thamires e RafaellySlide 02 - Thamires e Rafaelly
Slide 02 - Thamires e Rafaellyrafaelly04
 

Semelhante a Didática do ensino superior videoaula 6 (20)

Nono --avaliacao-e-registro
Nono --avaliacao-e-registroNono --avaliacao-e-registro
Nono --avaliacao-e-registro
 
08 avaliacao-e-registro
08 avaliacao-e-registro08 avaliacao-e-registro
08 avaliacao-e-registro
 
Tipos de avaliações
Tipos de avaliaçõesTipos de avaliações
Tipos de avaliações
 
ATPC Como Espaço de Formação - Avaliação
ATPC Como Espaço de Formação - AvaliaçãoATPC Como Espaço de Formação - Avaliação
ATPC Como Espaço de Formação - Avaliação
 
Refletindo sobre Avaliação
Refletindo sobre AvaliaçãoRefletindo sobre Avaliação
Refletindo sobre Avaliação
 
Comunicaçao portas abertas slides
Comunicaçao portas abertas slidesComunicaçao portas abertas slides
Comunicaçao portas abertas slides
 
Avaliação escolar
Avaliação escolarAvaliação escolar
Avaliação escolar
 
Questões sobre Avaliação
Questões sobre AvaliaçãoQuestões sobre Avaliação
Questões sobre Avaliação
 
Avaliação educacional.pptx
Avaliação educacional.pptxAvaliação educacional.pptx
Avaliação educacional.pptx
 
Oe aula 04
Oe aula 04Oe aula 04
Oe aula 04
 
Ideias 22 p089-090_c
Ideias 22 p089-090_cIdeias 22 p089-090_c
Ideias 22 p089-090_c
 
Testes
TestesTestes
Testes
 
Questões sobre Avaliação
Questões sobre AvaliaçãoQuestões sobre Avaliação
Questões sobre Avaliação
 
Rafaelly e Thamires, seminário 1
Rafaelly e Thamires, seminário 1Rafaelly e Thamires, seminário 1
Rafaelly e Thamires, seminário 1
 
Seminario aula avaliacao
Seminario aula avaliacaoSeminario aula avaliacao
Seminario aula avaliacao
 
A favor ou contra a democratização do ensino
A favor ou contra a democratização do ensinoA favor ou contra a democratização do ensino
A favor ou contra a democratização do ensino
 
AVALIAÇÃO DO ALUNO: A FAVOR OU CONTRA A DEMOCRATIZAÇÃO DO ENSINO?
AVALIAÇÃO DO ALUNO: A FAVOR OU CONTRA A DEMOCRATIZAÇÃO DO ENSINO?AVALIAÇÃO DO ALUNO: A FAVOR OU CONTRA A DEMOCRATIZAÇÃO DO ENSINO?
AVALIAÇÃO DO ALUNO: A FAVOR OU CONTRA A DEMOCRATIZAÇÃO DO ENSINO?
 
Avaliação do aluno a favor ou contra a democratização do ensino
Avaliação do aluno a favor ou contra a democratização do ensinoAvaliação do aluno a favor ou contra a democratização do ensino
Avaliação do aluno a favor ou contra a democratização do ensino
 
Seminario aula avaliacao
Seminario aula avaliacaoSeminario aula avaliacao
Seminario aula avaliacao
 
Slide 02 - Thamires e Rafaelly
Slide 02 - Thamires e RafaellySlide 02 - Thamires e Rafaelly
Slide 02 - Thamires e Rafaelly
 

Mais de Karlla Costa

Certificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedin
Certificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedinCertificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedin
Certificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedinKarlla Costa
 
FACILITADORES DA APRENDIZAGEM
FACILITADORES DA APRENDIZAGEMFACILITADORES DA APRENDIZAGEM
FACILITADORES DA APRENDIZAGEMKarlla Costa
 
DA VITIMIZAÇÃO A AÇÃO
DA VITIMIZAÇÃO A AÇÃO  DA VITIMIZAÇÃO A AÇÃO
DA VITIMIZAÇÃO A AÇÃO Karlla Costa
 
FORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAIS
FORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAISFORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAIS
FORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAISKarlla Costa
 
Certificadoempreendedorismonaep
CertificadoempreendedorismonaepCertificadoempreendedorismonaep
CertificadoempreendedorismonaepKarlla Costa
 
Turismo e-hotelaria
Turismo e-hotelariaTurismo e-hotelaria
Turismo e-hotelariaKarlla Costa
 
CURSO ASSOCIATIVISMO 2
CURSO ASSOCIATIVISMO 2CURSO ASSOCIATIVISMO 2
CURSO ASSOCIATIVISMO 2Karlla Costa
 
CURSO ASSOCIATIVISMO 1
CURSO ASSOCIATIVISMO 1CURSO ASSOCIATIVISMO 1
CURSO ASSOCIATIVISMO 1Karlla Costa
 
Agricultura de precisao modulo 6
Agricultura de precisao modulo 6Agricultura de precisao modulo 6
Agricultura de precisao modulo 6Karlla Costa
 
Agricultura de precisao modulo 5
Agricultura de precisao modulo 5Agricultura de precisao modulo 5
Agricultura de precisao modulo 5Karlla Costa
 
Agricultura de precisao modulo 4
Agricultura de precisao modulo 4Agricultura de precisao modulo 4
Agricultura de precisao modulo 4Karlla Costa
 
Agricultura de precisao modulo 3
Agricultura de precisao modulo 3Agricultura de precisao modulo 3
Agricultura de precisao modulo 3Karlla Costa
 

Mais de Karlla Costa (20)

Certificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedin
Certificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedinCertificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedin
Certificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedin
 
Trabalho Remoto
Trabalho RemotoTrabalho Remoto
Trabalho Remoto
 
FACILITADORES DA APRENDIZAGEM
FACILITADORES DA APRENDIZAGEMFACILITADORES DA APRENDIZAGEM
FACILITADORES DA APRENDIZAGEM
 
DA VITIMIZAÇÃO A AÇÃO
DA VITIMIZAÇÃO A AÇÃO  DA VITIMIZAÇÃO A AÇÃO
DA VITIMIZAÇÃO A AÇÃO
 
PAA
PAAPAA
PAA
 
MROC
MROCMROC
MROC
 
FORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAIS
FORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAISFORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAIS
FORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAIS
 
Certificadoempreendedorismonaep
CertificadoempreendedorismonaepCertificadoempreendedorismonaep
Certificadoempreendedorismonaep
 
Turismo e-hotelaria
Turismo e-hotelariaTurismo e-hotelaria
Turismo e-hotelaria
 
Agroturismo
AgroturismoAgroturismo
Agroturismo
 
ASSOCATIVISMO 5
ASSOCATIVISMO 5ASSOCATIVISMO 5
ASSOCATIVISMO 5
 
ASSOCIATIVISMO 5
ASSOCIATIVISMO 5ASSOCIATIVISMO 5
ASSOCIATIVISMO 5
 
ASSCIATIVISMO 4
ASSCIATIVISMO 4ASSCIATIVISMO 4
ASSCIATIVISMO 4
 
ASSOCIATIVISMO 3
ASSOCIATIVISMO 3ASSOCIATIVISMO 3
ASSOCIATIVISMO 3
 
CURSO ASSOCIATIVISMO 2
CURSO ASSOCIATIVISMO 2CURSO ASSOCIATIVISMO 2
CURSO ASSOCIATIVISMO 2
 
CURSO ASSOCIATIVISMO 1
CURSO ASSOCIATIVISMO 1CURSO ASSOCIATIVISMO 1
CURSO ASSOCIATIVISMO 1
 
Agricultura de precisao modulo 6
Agricultura de precisao modulo 6Agricultura de precisao modulo 6
Agricultura de precisao modulo 6
 
Agricultura de precisao modulo 5
Agricultura de precisao modulo 5Agricultura de precisao modulo 5
Agricultura de precisao modulo 5
 
Agricultura de precisao modulo 4
Agricultura de precisao modulo 4Agricultura de precisao modulo 4
Agricultura de precisao modulo 4
 
Agricultura de precisao modulo 3
Agricultura de precisao modulo 3Agricultura de precisao modulo 3
Agricultura de precisao modulo 3
 

Último

AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfAS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfssuserbb4ac2
 
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-NovaNós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-NovaIlda Bicacro
 
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisNós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisIlda Bicacro
 
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...LuizHenriquedeAlmeid6
 
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhosoO Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhosoVALMIRARIBEIRO1
 
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfAs Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfcarloseduardogonalve36
 
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptxSão Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptxMartin M Flynn
 
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importânciaclubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importânciaLuanaAlves940822
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfManuais Formação
 
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de.    Maio laranja dds.pptxCampanha 18 de.    Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptxlucioalmeida2702
 
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 finalPPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 finalcarlaOliveira438
 
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantilApresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantilMariaHelena293800
 
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024Rosana Andrea Miranda
 
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdfAtividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdfmaria794949
 
Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Mary Alvarenga
 
Poema - Reciclar é preciso
Poema            -        Reciclar é precisoPoema            -        Reciclar é preciso
Poema - Reciclar é precisoMary Alvarenga
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfPastor Robson Colaço
 
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdfARIANAMENDES11
 
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdfanálise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdfMaiteFerreira4
 

Último (20)

AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfAS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
 
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-NovaNós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
 
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisNós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
 
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
 
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhosoO Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
 
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfAs Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
 
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptxSão Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
 
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importânciaclubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
 
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de.    Maio laranja dds.pptxCampanha 18 de.    Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
 
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 finalPPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
 
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantilApresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
 
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
 
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdfAtividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
 
Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número
 
Poema - Reciclar é preciso
Poema            -        Reciclar é precisoPoema            -        Reciclar é preciso
Poema - Reciclar é preciso
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
 
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdfEnunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
 
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
 
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdfanálise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
 

Didática do ensino superior videoaula 6

  • 1. Didática no ensino superior Aula 6 Eniel do Espírito Santo
  • 3. Avaliação das aprendizagens Princípios norteadores • Contínua: processo contínuo e sistemático; • Funcional: em função de objetivos previstos, verifica se os estudantes o alcançaram; • Orientadora: fornece devolutiva ao docente.
  • 4. Avaliação das aprendizagens Funções da avaliação • Diagnóstica; • Formativa; • Somativa.
  • 5. Avaliação das aprendizagens Funções da avaliação Diagnóstica levantamento do nível de informações prévias do aluno em relação ao assunto a ser abordado, buscando identificar as lacunas e as estratégias de ensino mais adequadas para supri- las.
  • 6. Avaliação das aprendizagens Funções da avaliação Formativa coleta de informações sobre o desenvolvimento do processo de ensino e aprendizagem, possibilitando a alunos e docentes a revisão de suas estratégias.
  • 7. Avaliação das aprendizagens Funções da avaliação Somativa • normalmente aplicada ao término de uma unidade de ensino, possibilita verificar se os objetivos estabelecidos foram alcançados; • trata-se de um balanço final somatório dos vários instrumentos utilizados no transcorrer do processo, buscando conferir aprovação ou certificação de acordo com os resultados alcançados.
  • 8. Avaliação das aprendizagens Avaliação integral Diagnóstica, formativa e somativa utilização de diversos instrumentos de coleta para a avaliação; componente do ato pedagógico (planejamento dos objetivos, execução e avaliação)
  • 9. Avaliação das aprendizagens Recomendações didáticas • ter clareza das expectativas esperadas para sua disciplina e deixar isso claro para os estudantes desde o início; • explicar aos estudantes os critérios de avaliação; • na medida do possível, utilizar vários instrumentos de avaliação; • elaborar os instrumentos para avaliar a partir dos objetivos traçados.
  • 10. Avaliação das aprendizagens Recomendações didáticas • nos instrumentos de avaliação, evite inserção de armadilhas ou questões dúbias; • o critério de correção para cada instrumento deve ser claro; • na correção, insira pequenas anotações significativas apontando possibilidades de melhorias; • jamais utilize os instrumentos de avaliação como ferramentas disciplinares.
  • 11. Avaliação das aprendizagens Recomendações didáticas • ter clareza das expectativas esperadas para sua disciplina e deixar isso claro para os estudantes desde o início; • explicar aos estudantes os critérios de avaliação; • na medida do possível, utilizar vários instrumentos de avaliação; • elaborar os instrumentos para avaliar a partir dos objetivos traçados.
  • 12. Avaliação das aprendizagens Recomendações didáticas • nos instrumentos de avaliação, evite inserção de armadilhas ou questões dúbias; • o critério de correção para cada instrumento deve ser claro; • na correção, insira pequenas anotações significativas apontando possibilidades de melhorias; • jamais utilize os instrumentos de avaliação como ferramentas disciplinares.
  • 13. Avaliação das aprendizagens O processo de avaliação das aprendizagens deverá se constituir em uma ferramenta de retroalimentação dos mecanismos de ensino e aprendizagem, fornecendo subsídios para o docente revisar seus planos de ensino e alcançar o objetivo derradeiro de aprendizado dos estudantes (SANTO; LUZ 2012)
  • 14. Referências SANTO, Eniel Espírito; LUZ, Luiz Carlos Sacramento. Avaliação das Aprendizagens no nível superior: avaliar para quê? Dialogia, São Paulo, n. 16, 2012, p. 141-154. Disponível em: https://goo.gl/HAeXpE Acesso em 20 nov. 2016. LUCKESI, Cipriano Carlos. Avaliação da aprendizagem - componente do ato pedagógico. São Paulo: Cortez, 2011.
  • 15. Fim Dr. Eniel do Espírito Santo Didática no Ensino Superior