RR in São Paulo

228 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
228
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
15
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

RR in São Paulo

  1. 1. 18.10.2012 - 15:59 Rolls-Royce inaugura concessionária em São Paulo O modelo de entrada no mercado brasileiro será o Ghost, com motor V12 biturbo de 563 cavalos, que está disponível no showroom para pronta entrega pelo preço de R$ 2,3 milhões BELISA FRANGIONE A Rolls-Royce inaugurou hoje, em São Paulo, a primeira concessionária da marca na América Latina. (Confira a fan page do Jornal do Carro no Facebook: http://www.facebook.com/JornaldoCarro) A empresa britânica de automóveis de luxo será representada no Brasil pelo Grupo Via Italia, que importa as marcas Ferrari, Lamborghini e Maserati.
  2. 2. O modelo de entrada no mercado brasileiro será o Ghost, com motor V12 biturbo de 563 cavalos, que está disponível no showroom para pronta entrega. Em algumas semanas chegará também um exemplar da família Phantom. Segundo o gerente comercial da Rolls-Royce Motor Cars São Paulo, Milton Chameh, ambos custarão R$ 2,3 milhões. Se o cliente optar pelo programa Bespoke, que possibilita a personalização dos modelos, o preço aumentará e o tempo de entrega pode levar até seis meses, pelo fato de produtos como centrais multimídia, adornos e frisos virem da Inglaterra.
  3. 3. O espaço, de 500 m², está localizado no bairro do Itaim-Bibi, na zona sul de São Paulo, e conta com o chamado Customer Lounge, onde há amostras de cores, couro, madeira, revestimentos, tapetes e opcionais que integram o programa Bespoke. Escolha pelo Brasil – O diretor de Relações Institucionais Rolls-Royce Motor Cars São Paulo, Jaroslav Sussland, afirmou que a decisão de trazer a marca para a América Latina foi tomada em 2011 e que a opção pelo Brasil foi pela “segurança” que o País oferece.
  4. 4. “A crise na Europa não nos afetou diretamente, mas nos fez pensar em outros mercados. O Brasil possuiestabilidade econômica e um público consumidor de alto luxo em franca expansão.” A marca espera vender de 8 a 12 carros por ano no País. Sobre o Inovar Auto, o novo regime automotivo, Sussland garantiu que ainda não é o momento para se pronunciar. “É muito recente. Talvez daqui a uma semana voltaremos a pensar nisso.” Além do Brasil, outros países que contarão com uma concessionária da Rolls-Royce na América Latina são o Chile, já em novembro, e o México, em 2013.

×