SlideShare uma empresa Scribd logo
www.jornalcidademg.com.br • Lagoa da Prata, S. A. do Monte, Moema e Japaraíba • 22/Nov/2018 - Ano 6 - Edição Nº 130 • JORNAL DE DISTRIBUIÇÃO GRATUITA - VENDA PROIBIDA
AMM pede
intervenção federal
no governo de MG
PÁG 08
Empresário propõe
“revolucionar” administração
municipal de Lagoa da Prata
Naza volta à política para se candidatar a prefeito em 2020.
Ele filiou-se ao PSD, registrou em cartório medidas que pretende implantar,
e garante que a cidade será referência de gestão no Brasil
Réveillon 2019 Divina Gula –
O Casarão - promete agitar
sua virada de ano
PÁG 05
INMET prevê novos e
mais fortes temporais a
partir de domingo
PÁG 04
PÁG 12
PÁG 06
Lions Clube oferece exames
gratuitos para prevenir
o câncer de próstata. PÁG 06
Pedido de
aposentadoria pela
regra 85/95 deve
ser feito até 31 de
dezembro. PÁG 10
EmBrasília,oprefeitodeMoemaepresidentedaAssociação
Mineira de Municípios (AMM), Julvan Lacerda, requereu do
presidente Michel Temer medida para que o e Estado pague
dívida de mais de R$ 10 bilhões de reais para os municípios.
As chuvas estão causando muitos alagamen-
tos e prejuízos na cidade. No fim de semana,
nova frente fria chega à região, favorecendo
as pancadas.
Instituto Marcos Moraes
realiza leilão beneficente
22.11.2018Leia mais notícias em
www.jornalcidademg.com.brEDITORIAL2
Caros leitores,
BEATRIZ
VASCONCELOS
beatriz@jornalcidademg.com.br
Mais uma vez a chuva causou
prejuízos para muita gente na ci-
dade. O problema dos alagamen-
tos aqui é um caso antigo, sempre
com os mesmos pontos atingidos.
Durantemuitosanosasadministra-
ções da nossa cidade deixaram por
fazer obras importantes de drena-
gem,eagoracomocrescimentoda
cidade, elas se tornaram tão urgen-
tes. O pior que essa urgência custa
caro, 33 milhões de reais, um valor
que muito provavelmente o muni-
cípionãovaiquererpagarsozinho.
AlgumasobrasdoSAAEvãoaju-
dar no desemboque das águas plu-
viais e estão em andamento, uma
naAvenidadasPalmeiras(contorno
daPraia),emexecução,outranarua
dosFerroviárioseoutraqueirádre-
nar parte da Avenida Isabel de Cas-
tro,previstaparacomeçarlogoapós
a conclusão da primeira. Entretan-
to, a necessidade de outras tantas é
imensamente muito maior que is-
so.E,enquantonãosaemasdemais
necessárias,cadapessoaquetemsu-
asperdaspelachuvaéquemvaipa-
gando sozinho a conta do seu pre-
juízo.
Paz e bem a todos!
–
falta de “quorum legal”, a Assembl
PSF’s voltam a ter
atendimento médico
As seis unidades de
PSF’s (Programa Saú-
de da Família) que estavam
sem médicos em Lagoa da
Prata já estão com os profis-
sionais contratados e aten-
dendo normalmente. Com
isso,maisde25milusuários
atendidospeloserviçovolta-
ram a ter acesso ao atendi-
mento básico de saúde nos
postos próximos as suas re-
sidências. Os Psf’s estavam
sem médicos porque vários
contratos por tempo deter-
minado na área da saúde
haviam vencido e não pude-
ram ser renovados por cau-
sa de impeditivos jurídicos.
As proibições diziam respei-
to a contratações temporá-
rias de profissionais que de-
veriam estar efetivados com
concurso público.
Após negociações entre
aPrefeitura,oMinistérioPú-
blico e o Ministério Público
do Trabalho, foi autorizada
a realização de um processo
seletivo a fim de viabilizar
novas contratações tempo-
rárias até que se tenha con-
cluído o concurso público
que está em andamento. Se-
gundoSabrinaNovaes,coor-
denadora dos PSF’s e da Po-
liclínica, 16 médicos foram
aprovados, e seis deles assi-
naram contrato de seis me-
ses. “Orientamos o usuário
que precisa agendar uma
consulta a procurar sua uni-
dadedereferênciaparaaten-
dimento, e quem não pos-
sui PSF como referência de-
ve procurar atendimento na
Policlínica I”, reforça a coor-
denadora.
VEJA QUEM SÃO OS
NOVOS MÉDICOS
CONTRATADOS:
•PSF Edil Handan - Dra.
Bárbara Lima e Melo
•PSF Gomes - Dra.Gabriela
de Oliveira Florindo -
•PSFMarilia- Dra.Lucianne
Vonelle Sales de Freitas
•PSF Chico Miranda - Dra.
Elba Cristina de Bessas Ro-
gana
•PSF Américo Silva I - Dr.
MarcosViniciusMendesBar-
roso
•PSFSolNascente-Dr.Moi-
sésSamuelGonçalvesOlivei-
ra
DA REDAÇÃO contato@jornalcidademg.com.br
DIVULGAÇÃO
22.11.2018 Curta no Facebook
fb.com/jornalcidademg COOPERATIVISMO 3
22.11.2018Leia mais notícias em
www.jornalcidademg.com.brCOTIDIANO4
FOTOS: ARQUIVO PHARLAB
Pharlab divulga percurso e atrações da 2ª edição
da Corrida Bem-Estar de Lagoa da Prata
APharlabanunciounes-
ta segunda-feira (19) o
percurso da 2ª edição da Cor-
rida Bem-Estar de Lagoa da
Prata. A prova acontece no
dia 02 de dezembro, e passa-
rá pelos principais pontos da
cidade,comlargadaemfrente
àPraiaMunicipal.Nasequên-
cia,oscorredorespassampela
R.Dr.RômuloAmorim,R.Per-
nambucoatéaAvenidaBrasil.
Depois, viram na R. Joaquim
GomesPereiraenaR.Modes-
toGomes-ondeaturmados5
km faz o retorno para a parte
finaldaprova.Ogrupodos10
km segue para a R. Santo An-
tôniodoMonte-passandoem
frenteàPraçadaIgrejadeNos-
sa Senhora do Rosário -, até o
retornoquetambémmarcaa
metade da corrida para eles,
voltando para a área de che-
gadaepremiações.
A Corrida conta com per-
cursos de 5 e 10 quilômetros,
alémdecaminhadade3,5km
e modalidade Kids por fai-
xa etária. As inscrições estão
abertas através do site www.
pharlab.com.br, e o kit atleta
conta com camiseta, viseira,
medalha, chip e itens de nu-
trição.Ostrêsprimeiroscolo-
cados das classes feminina e
masculina,tantoparaos5km
quantoparaos10km,ganha-
rãotroféusepremiação.Além
disso, haverá premiações por
faixa etária em ambos os per-
cursos, conforme as seguin-
tes faixas: 16 a 29 anos, 30 a
39 anos, 40 a 44 anos, 45 a 49
anosemaisde50anos.Noen-
tornodaPraiaMunicipal,será
montadaaestruturadoeven-
to, onde estarão disponíveis
tendas com serviços de mas-
sagens para os participantes,
foodtruckscomcomidasebe-
bidasdiversas,eespaçokids.
DA REDAÇÃO contato@jornalcidademg.com.br
FOTOS: NELZITA LACERDA
INMET prevê novos e mais fortes
temporais a partir de domingo
As chuvas estão causando muitos alagamentos e prejuízos na cidade. No fim de semana
nova frente fria chega à região favorecendo as pancadas.
As chuvas registradas
na tarde da última sex-
ta-feira (16) causaram estra-
gosemLagoadaPrata.Emvá-
rios pontos da cidade ruas e
avenidasforamtomadaspela
água, com registros de cenas
de carros ilhados no meio da
inundação ou sendo arrasta-
dos pela enxurrada, sem con-
tarascasaseoscomérciosque
sofreram prejuízos com a en-
trada da água em seus cômo-
dos. De acordo com Instituto
NacionaldeMeteorologia(In-
met),aschuvasdoiníciodase-
mana tendem a diminuir e a
temperatura aumentar, mas
há previsão de novos tempo-
rais, e com mais força, a par-
tirdestedomingo(25).
De acordo com o mete-
orologista do Inmet Cleber
Souza, a chegada de frentes
frias na região Sudeste favo-
receu as chuvas ocorridas na
cidade. “Elas sempre trazem
a possibilidade de temporais,
e os meses de novembro, de-
zembro e janeiro são os me-
ses climatologicamente mais
chuvososdoano.Essevolume
de chuva observado está den-
trodanormalidadeesperada,
masnesteanotemosobserva-
doquetemchovidocommais
frequênciaquenosanosante-
riores”, informa o especialis-
ta, alertando para o risco de
novostemporais:“Apartirde
domingojáobservamosache-
gada de uma nova frente fria
easchuvasdapróximasema-
napodemsermaisfortesque
essas”,destaca.
OlagopratenseCarlosBra-
silGuadalupe,oLalinho,fazo
acompanhamentodaschuvas
em Lagoa da Prata há 32 anos
comumpluviômetroinstala-
do em sua casa. Para a repor-
tagem,elecontouque,duran-
te todo dia de sexta-feira cho-
veu 57 milímetros, e durante
àtarde,quandoumtemporal
atingiu o município, em me-
nos de uma hora choveu 44
milímetros. O que ele descre-
ve como normal, porém, não
é habitual que aconteça. Ain-
daconformeLalinho,amédia
paraomêsdenovembroéde
217 milímetros, e até essa se-
gunda-feira (19) já havia cho-
vido o volume esperado para
todomês.
Muitas casas e comércios
ficaram alagados e mais uma
vezosmunícipesamargaram
prejuízos. Váriosvídeoscircu-
larampelasredessociaismos-
trando o drama vivido pelos
moradores. Em um deles é
possível ver uma farmácia lo-
calizadanaAvenidaBrasil,to-
madapelaágua.Outro,grava-
donaAvenidaJoséBernardes
Maciel, mostra motoristas e
motociclistasilhados.
A aposentada Nelzita La-
cerdaémoradoradaruaZino
Gomes, e novamente sofreu
com o alagamento. “Aqui em
casaentraáguahámuitotem-
po, meu filho tinha quatro
anosehojetemtrintaeoitoe
asituaçãonãomudou.Prefei-
tonenhumnuncaresolveues-
se problema para a gente. Al-
guns vereadores já estiveram
aqui, mas até agora nada foi
feito,aPrefeituranãofeznada
para nos ajudar. Pelo menos
nove residências próximas à
minha sofrem com o mesmo
problematodavezquechove
forte. Desta última vez eu es-
tavaforadecasa,quandoche-
guei,viquemaisumavezha-
viaperdidodiversosmóveis”,
lamenta.
ParaAstácioCorreiaNeto,
diretor-adjuntodoServiçoAu-
tônomodeÁguaeEsgoto(Sa-
ae), os constantes alagamen-
tos que a cidade vem sofren-
dosãoconsequênciadefalhas
noplanejamentoaolongode
muitotempo.“LagoadaPrata
sofre porque não tem um sis-
temadedrenagem,poisantes
issonãoeraexigidodosdonos
de loteamento e a prefeitura
também não fazia. A cidade
toda é carente de drenagem.
E infelizmente não é possível
fazer tudo de uma vez. Inclu-
sive,nóselaboramosumpro-
jetodedrenagemparaospon-
tos mais críticos, que foi con-
cluídoessasemanaecontem-
pla nove pontos, como a ave-
nida Isabel de Castro e a rua
Zino Gomes. Essa obra custa-
ria 33 milhões de reais para o
município, é um valor muito
alto,esemrecursosdosgover-
nosFederaleEstadualagente
dificilmente vai conseguir fa-
zerisso”,afirma.
Segundo Neto, estão em
andamento obras para esco-
amento pluvial nas avenidas
do Contorno, Isabel de Cas-
tro e na Rua dos Ferroviários.
Enquantoosistemadedrena-
gemnomunicípionãosetor-
neeficiente,eleexplicaqueal-
gumas medidas precisam ser
tomadaspelapopulaçãoafim
dediminuirosproblemascau-
sadospelachuva.“Osbueiros
precisam estar totalmente li-
vres,aspessoasnãopodemjo-
garlixoeoutrosmateriais.Ou-
tracoisaqueprejudicaoesco-
amentoédeixarrestosdema-
teriais de construção nas cal-
çadas,porquequandochovea
águacarregamuitacoisapara
dentro dos bueiros. É impor-
tantelembrarqueemmuitas
casas a água da chuva é dire-
cionadaparaarededeesgoto,
eissoéumproblemaqueleva
amuitostranstornostambém
paraosvizinhos”,avisa.
DA REDAÇÃO contato@jornalcidademg.com.br
Rua Zino Gomes (Bairro Gomes) sofreu com o alagamento
22.11.2018 Curta no Facebook
fb.com/jornalcidademg COTIDIANO 5
22.11.2018Leia mais notícias em
www.jornalcidademg.com.brCOTIDIANO6
FOTOS: CHIODI FOTOGRAFIA
ASCOM LAGOA DA PRATA
Instituto Marcos Moraes realiza
leilão beneficente
Lions Clube oferece exames gratuitos para
prevenir o câncer de próstata
Secretária de Assistência Social, Cali, e o presidente do
Lions Clube de Lagoa da Prata, Benildo.
O objetivo foi arrecadar fundos para a construção de uma sede própria. A entidade começou há
dois anos em Lagoa da Prata e já atende cerca de 80 crianças.
A ação acontece durante o ‘Novembro Azul’, mês escolhido para alertar o público masculino
sobre a importância do autocuidado com a saúde.
O instituto Marcos Mo-
raes realizou no dia 9
de novembro um leilão be-
neficente de antiguidades.
O evento aconteceu no Ca-
sarão do Buffet Divina Gula
e reuniu dezenas de pesso-
as. Cerca de 80% dos 46 lotes
de peças antigas foram arre-
matados, de um acervo que
incluía móveis, prataria, re-
lógios, vitrolas, entre outras
variedades de colecionado-
res. O objetivo foi arrecadar
fundos para a construção de
uma sede própria para aten-
derademandadestanovaen-
tidade de filantropia em La-
goa da Prata, que está desen-
volvendotrabalhosnacidade
em benefício de crianças ca-
rentesemulheresgestantes.
Elisete de Oliveira é a
idealizadora e fundadora do
instituto Marcos Moraes, e
quem organizou o leilão. To-
dasaspeçasqueestavamsen-
doleiloadasforamdoseupai,
que era um grande colecio-
No Brasil, de acordo
com o Instituto Nacio-
naldoCâncer(Inca),otumor
depróstataéosegundomais
comumentrehomens-fican-
do atrás apenas do câncer de
pele não melanoma - e, anu-
almente, são diagnosticados
cerca de 70 mil novos casos
nopaís.Afimdealertaropú-
blico masculino sobre a im-
portância do autocuidado
em saúde, e chamar a aten-
ção dos governantes sobre a
necessidadedepriorizarpolí-
ticas públicas voltadas à saú-
de do homem, foi criado o
Novembro Azul. Neste mês
então, várias ações de cons-
cientização e prevenção são
intensificadas em todo o pa-
ís. Aqui em Lagoa da Prata, o
LionsClubeBelchiorJoaquim
Neto, em parceria com as se-
cretariasdeSaúdeeAssistên-
cia Social, está doando cerca
de200examesahomenscom
idade acima de 50 anos.
De acordo com presiden-
te do Lions Clube, Benildo
Torres,asamostrasdesangue
paraotestedoAntígenoPros-
tático Específico (PSA) estão
sendocolhidasaolongodeto-
do o mês de novembro. A úl-
tima coleta vai acontecer na
próximaquarta-feira(28).“Es-
tamos oferecendo a homens
commaisde50anosdenossa
comunidade,principalmente
aquelesquenãopodempagá-
-lo, um número limitado de
exames de PSA total e livre,
queestãosendorealizadasno
InstitutoHermesPardiniem
Belo Horizonte.”
Acoletaestáacontecendo
noInstitutoMunicipalAnáli-
ses Clínicas (IMAC), que fica
na rua Cirilo Maciel número
32. Para fazer o exame é pre-
cisoseguiralgumasrecomen-
dações, como explica Benil-
do: “Somente aqueles que
preencheremumformulário
queestánaúltimapáginado
folhetoquedistribuímospela
cidade, e receberem um car-
tão indicando o dia da coleta
do sangue irão efetivamente
fazê-la”, informa.
É a primeira vez que o
Lions promove esta campa-
nha,e,pararealizá-la,foipre-
ciso unir forças “Quando o
planejamentoestavapronto,
procurei o secretário de Saú-
deparaexporoplanoeverse
a secretaria poderia nos aju-
dar,principalmentecedendo
espaçoadequadoparaacole-
ta de sangue, o que foi resol-
vido. Na ocasião, ele nos in-
formou de uma demanda re-
primida para se fazer o exa-
me de PSA. Há uma procura
acimadadisponibilidadeque
elepodedispor.Assim,dispo-
nibilizei dez exames para ca-
da PSF, ficando a divulgação
e a escolha com eles. Esta-
moscontandocoma colabo-
raçãodapastadeAssistência
Social,ambasestãoajudando
adivulgar,distribuindofolhe-
toserecolhendoospreenchi-
dos, além de nos ofertar es-
paço para realização da cole-
tadesangue.Todasasfarmá-
cias e algumas entidades re-
ligiosas , também estão nos
ajudando”, destaca
A DOENÇA
Andrey Soares é médico on-
cologista do Centro Paulista
de Oncologia (CPO) e alerta
dequecasosfamiliaresdepai
ouirmãocomcâncerdeprós-
tata, antes do 60 anos de ida-
de, podem aumentar o risco
em até dez vezes em relação
à população em geral. “A ne-
oplasia afeta somente os ho-
mens,jáqueéumaglândula
quefazparteexclusivamente
doaparelhoreprodutormas-
culino.Parentesdeprimeiro
grau com tumor de prósta-
ta, em idade jovem são fato-
resderisco.Emalgunscasos,
apesardediscutível,amáali-
mentação pode ser um fator
que aumenta as chances da
doença se desenvolver”, ex-
plica.
Porserdifícildeserdiag-
nosticado, é recomendável
que homens a partir de 50
anos (e 45 anos para quem
tem histórico da doença na
família)façamoexameclíni-
co(toqueretal)eoPSAanual-
mente para rastrear o apare-
cimentodadoença.“OPSAé
umaproteínaespecíficapro-
duzida pelas células da glân-
dula(presenteapenasemho-
mens)ecujataxa,emmédia,
deve ser de quatro nanogra-
mas por mililitro. Uma alte-
raçãodestevalorparanúme-
ros mais elevados, um au-
mento muito rápido entre
duas medidas, ou até mes-
mo valores menores, porém
em pacientes jovens e com
próstata pequena, pode ser
um indicativo do câncer e é
importante aliado para a de-
tecçãodacondiçãoemsuafa-
se inicial, quando ainda é as-
sintomática.Quandoestasal-
terações aparecem e há uma
suspeita da doença no orga-
nismo do homem, é indica-
daumabiópsiaatravésdeul-
trassonografiatransretalpa-
raaconfirmaçãododiagnós-
tico”, orienta o oncologista.
nador de Santo Antônio do
Monte, apaixonado por an-
tiguidades. Esta herança foi
doadapelafamíliadaElisete,
queabraçouacausadoinsti-
tuto para dar seguimento às
obras de caridade que come-
çaram há dois anos na cida-
de.
Para dar preço aos itens,
as peças foram avaliadas por
especialistas, como conta
Elisete: “A avaliação foi fei-
ta por dois antiquários em
Belo Horizonte e um em Ou-
ro Preto, além de relojoeiros
e da experiência que eu ad-
quiri acompanhando meu
pai nas negociações”, desta-
ca, acrescentando a boa par-
ticipaçãodacomunidade: “A
receptividade foi muito boa
desde o momento da entre-
ga dos convites. Muitas pes-
soas se interessaram porque
gostam e valorizam antigui-
dades, mas também por en-
tenderem que é uma forma
de ajudar àqueles que preci-
sam”.
MARCOS MORAES
O nome da entidade é uma
homenagem ao filho de Eli-
zete,queteveajuventudein-
terrompidaporumacidente
automobilístico. Segundo a
mãe do jovem, ele era muito
altruísta e a criação de uma
instituição beneficente foi a
melhor maneira que ela en-
controu para aliviar a dor da
perda.Hátrêsanosainstitui-
ção iniciou as atividades au-
xiliandoumafamíliaemSan-
to Antônio do Monte, onde
Elizete morava.
Há dois anos Elisete mu-
dou-se para Lagoa da Prata e
passou a desenvolver traba-
lhos por aqui também. Hoje
sãocercade80criançasaten-
didas,38mulheresgrávidase
um total de 41 bebês que es-
tão para chegar receberam
auxílio.“Começamoscuidan-
do de seis crianças do bairro
AméricoSilva.Apartirdaíti-
ve mais contato com as fa-
mílias, passei a entender su-
as necessidades e carências,
e surgiu a ideia de continu-
ar as ações, para ajudar tam-
bémcomalimentação eexa-
mes médicos. Tenho dedica-
do minha vida a este traba-
lho e pretendo me esforçar
cadadiamaisparamelhorar
as obras sociais”.
Visite a página no Face-
book (Instituto Marcos
Moraes) para conhecer
oinstituoesejaumdoa-
dor ou voluntário.
Telefone: 37 9 9949-0628
DA REDAÇÃO contato@jornalcidademg.com.br
DA REDAÇÃO contato@jornalcidademg.com.br
22.11.2018 Curta no Facebook
fb.com/jornalcidademg COTIDIANO 7
DAVI MARTINS
Embaré vence prêmio “Minas -
Desempenho Empresarial” na
categoria “Indústria Alimentícia”
A Embaré, sexta maior
empresa de lácteos do
país, recebeu no último dia
25 de outubro o prêmio Mi-
nas – Desempenho Empre-
sarial, realizado pela revista
MercadoComumhá20anos,
na categoria Indústria Ali-
mentícia. A premiação é re-
conhecida como o “Oscar da
economiadeMinasGerais”e
homenageiaasempresasque
mais se destacaram no mer-
cadonoúltimobiênio,apar-
tirdoestudoXXIRankingde
Empresas Mineiras.
A escolha das empresas
premiadas é definida, fun-
damentalmente, pela efe-
tiva contribuição à econo-
mia e ao desenvolvimento
de Minas Gerais. São consi-
derados critérios como: ino-
vação e absorção tecnológi-
ca,expansãodevendas,inte-
graçãonacionaleinternacio-
nal,governançacorporativa,
competitividadeeprodutivi-
dade,transparência,geração
derendaeempregoesusten-
tabilidade.
“Estamos muito satisfei-
toscomesseresultado.Reco-
nhecimentoscomoestefun-
cionam como ferramentas
de incentivo e corroboram
com nossos esforços de atu-
ar de maneira ética, inova-
dora, pautada no respeito ao
indivíduo, na excelência em
gestãoenaentregadeprodu-
tosdequalidade”,afirmaRo-
meroMarinho,diretorpresi-
dente da Embaré.
EXCELÊNCIA
RECONHECIDA
Além do prêmio Minas – De-
sempenho Empresarial do
Mercado Comum, a Embaré
conquistou em 2018 os reco-
nhecimentos:
“AsmelhoresdaDinheiro”-
CategoriaAlimentos–Revis-
ta IstoÉ Dinheiro;
1ºlugar“MarcasqueeuGos-
to” - Categoria Bebidas/Leite
– Folha de Pernambuco;
“TroféuGenteNossaForne-
cedores” - Categoria Leite –
AssociaçãoMineiradeSuper-
mercados;
1ºlugar“MelhoresEmpre-
saseProfissionaisdoAno”
- Categoria Indústria Local -
CDL Lagoa da Prata.
SOBRE A EMBARÉ
A Embaré atua no mercado
háquase83anos.Hojepossui
umaestruturafabrilrobusta,
cerca de 37,5 mil m² de área
construída e com um qua-
dro de mais de 1.600 funcio-
nários.Aindústriatemcapa-
cidade de processamento de
2,4 milhões de litros de leite
por dia e produção na área
de confeitaria de 2 mil tone-
ladas por mês.
Hoje a Embaré é uma
daspoucasempresasno Bra-
sil que possui a certificação
FSSC22000 - Food Safety Sys-
temCertification-quegaran-
te a segurança alimentar de
toda a sua linha produtiva.
Possui certificação interna-
cionalWorkplaceConditions
Assessment (WCA), que ava-
lia e garante o atendimento
aos requisitos relacionados
às obrigações trabalhistas,
adoção de jornadas legais de
trabalho, gestão de saúde e
segurança,sistemadegestão
integrada e respeito ao meio
ambiente.
A empresa ainda dispõe
deprojetosambientaiscomo
uma Estação de Tratamen-
to de Efluentes Industriais
(ETEI), programa de recicla-
gemderesíduosegeraçãode
energia elétrica por meio de
Mecanismo de Desenvolvi-
mentoLimpo(MDL).Naárea
de responsabilidade social,
possui o diploma de Empre-
sa Amiga da Criança, conce-
dido pela Fundação Abrinq.
E também mantém pro-
jetos em benefícios de seus
colaboradores e da comuni-
dade,comaçõessociaiscoor-
denadas pela Fundação Em-
baré, que vão desde a manu-
tenção do Centro de Educa-
çãoInfantilArletteAntunes,
creche-escola onde são aten-
didas90criançascarentesen-
tre um e seis anos de idade,
passando pelo fornecimen-
to de leite em pó para as cre-
cheseentidadesassistenciais
da região, a manutenção do
Centro Cultural Hilde Schi-
mdt, Coral Embaré e ARCE
– Associação Recreativa dos
Colaboradores da Embaré,
entre outros projetos.
PUBLIEDITORIAL
O presidente da Embaré Romero Alves Marinho
recebe o prêmio.
22.11.2018Leia mais notícias em
www.jornalcidademg.com.brCOTIDIANO8
FOTO: BEATRIZ VASCONCELOS
ARQUIVO PESSOAL
Naza volta à política para
se candidatar a prefeito
de Lagoa da Prata em 2020
Depois de dez anos
afastado da política,
Narcízio da Cruz Ferrei-
ra, o Naza, volta ao cená-
rio político e anuncia que
pretende disputar a prefei-
tura de Lagoa da Prata nas
eleições que ocorrerão em
2020. Naza foi vereador por
duas legislaturas consecuti-
vas (2001 a 2008) e presidiu
a Câmara em 2005 e 2006.
Atualmente é microempre-
sário e sua empresa tem atu-
ação em mais de 200 muni-
cípios mineiros.
O empreendedor afir-
ma que nos últimos 10 anos
se preparou para ocupar a
principal cadeira do Execu-
tivo municipal. Ele concluiu
o curso de Direito e se espe-
cializou nas áreas de Direi-
to Público e Gestão de Saú-
de Pública.
Para legitimar suas pro-
postas, Naza registrou um
documento em cartório, no
qual constam medidas ino-
vadoras na gestão pública,
que inclui a participação de
entidades filantrópicas na
escolha dos secretários mu-
nicipais, que terão perfil to-
talmente técnico. Outra me-
dida que visa a transparên-
ciaésubstituirasparedesdo
gabinete do prefeito por vi-
dros blindex, de modo que
o cidadão saiba com quem
o mandatário do município
está se reunindo. A medida,
segundo ele, é para dar to-
taltransparênciaaosatosdo
Executivo.
O Jornal Cidade conver-
sou com Narcízio, que deta-
lhou os seus projetos, e ga-
rante que tem um modelo
de gestão inovador, planeja-
doealinhadodeacordocom
as discussões das principais
lideranças comunitárias de
LagoadaPrata,emseusmais
variados segmentos.
Quais razões levam vo-
cê a colocar seu nome à
disposição para dispu-
tar a Prefeitura de La-
goa da Prata?
Fui vereador por dois man-
datos e também ocupei a
presidência da Câmara. Co-
mo parlamentar eu fui mui-
to combativo, sempre pro-
curei fazer com veemência
meu trabalho também de
fiscal, e isso foi reconheci-
dopelapopulação.Alémdis-
so, outros resultados muito
positivos da minha atuação
na Câmara me dão motiva-
ção, por exemplo as verbas
importantes que eu conse-
gui para Lagoa da Prata com
14 deputados diferentes, es-
taduais e federais.
Duranteessetempofora
de função pública, eu mon-
tei a minha empresa, a Naza
Representações. Venho tra-
balhando neste ramo do co-
mércio, mas também estou
semprepensandonosassun-
tos da política. Eu estou há
quase 10 anos me dedicando
aos estudos, fiz Direito e es-
pecializações em Direito Pú-
blico e Gestão da Saúde Pú-
blica.
Considero a Saúde a pas-
ta mais importante do mu-
nicípio e, para entendê-la
melhor, eu aprofundei as
pesquisas das regras sobre
os convênios e a busca por
recursos. Eu também estu-
do bastante o Orçamento e
aLeiOrgânicadomunicípio.
Sempre sonhei em adminis-
trar nossa cidade, e hoje me
sinto preparado para ser
gestor e fazer uma adminis-
tração que vai ficar na histó-
ria do município.
Qual é o nome da pes-
soa que irá compor sua
chapa para ser seu vice,
caso permaneça candi-
dato?
Paraumpossívelvice-prefei-
to,temosbonsnomes,etem
um que possui grande chan-
ce de compor a chapa comi-
go, que é um grande amigo
e fomos vereadores juntos:
Joanes Bosco. Ele é um ve-
reador de quatro mandatos,
quetrabalhoutrintaanosna
Saúde, tem ótimos relacio-
namentos e muito conhe-
cimento nesta área. Se não
houvernenhumamudança,
o vereador Joanes Bosco se-
rá candidato a vice-prefeito
pela sua experiência, seu ca-
ráter e carisma.
E as articulações parti-
dárias?
Acabamos de nos filiar ao
Partido Social Democrático
(PSD), legenda 55. Estamos
fazendo os contatos de filia-
ção de pessoas e nos reunin-
do em Belo Horizonte com
o deputado estadual Duar-
te Bechir e o deputado fe-
deral Diego Andrade, que
é o presidente estadual do
PSD. Também estamos con-
versando com empresários,
comerciantes, entidades fi-
lantrópicas e várias lideran-
ças do município, a fim de
ouvir bem o anseio da po-
pulação para desenvolver
um programa de governo
que contemple suas neces-
sidades.
DA REDAÇÃO contato@jornalcidademg.com.br
O pré-candidato filiou-se ao PSD, registrou em cartório medidas que pretende implantar,
e garante que a cidade será referência de gestão no Brasil
Narcízio tem 50 anos de idade, é casado com Joana Darc Rios
Ferreira e pai de duas filhas, Izabela e Camila. Além de bacharel
em Direito e duas pós-graduações, possui formação técnica em
Contabilidade e Segurança do Trabalho. Atualmente é proprietário
da empresa Naza Representações, que comercializa cosméticos,
bonés e acessórios. Na sua jovialidade, Narcízio já era muito
conhecido pelas suas intensas congregações, como por exemplo,
no Movimento de Amizade Cristã (MAC), grupo católico que ele
ajudou a implantar na cidade. É diretor de Esportes do time de
futebol Laprata, já esteve também à frente do setor de Esportes
do Umuarama Clube, fundou e foi presidente da Associação de
Segurança Pública da Polícia Militar de Lagoa da Prata, entre outras
tantas participações na comunidade.
Narcízio “Naza”: Considero a Saúde a pasta mais importante do município
22.11.2018 Curta no Facebook
fb.com/jornalcidademg COTIDIANO 9
FOTO: BEATRIZ VASCONCELOS
ARQUIVO PESSOAL
ARQUIVO PESSOAL
ARQUIVO PESSOAL
Se for eleito, como irá
compor sua equipe de
trabalho?
Minha ideia quanto a isso já
está registrada em cartório.
Euireideixardeseguiraque-
levelhomodeloquetemim-
perado em quase todas as
prefeituras. Com frequên-
cia, quando um novo prefei-
to toma posse, ele oferece os
cargosdesecretáriosàquelas
pessoasquederamapoiopo-
lítico, ou seja, os seus ‘com-
padres’. Isso precisa acabar,
porque leva a uma ingerên-
cia total. Para quebrar esse
paradigma, minha propos-
ta é que os secretários das
nove pastas mais importan-
tes do município sejam es-
colhidos por comissões es-
peciais. Elas serão formadas
porliderançasdacomunida-
de,representantesdeentida-
des filantrópicas, pelos con-
selhos de igrejas católicas e
evangélicas, diretores de es-
colas, ou seja, pessoas que
realmente conhecem as ne-
cessidadesdacidade.Osgru-
pos irão indicar de três a cin-
co nomes para cada pasta e
teremos um conselho, for-
mado por onze pessoas, que
iráavaliarseguindocritérios
deseleção,porexemplo:for-
mação acadêmica específica
na pasta, experiência, entre
outrosquesitosimportantes
que irão contando ponto. É
um processo de seleção de
profissionais, que serão es-
colhidos pela sociedade pa-
ra trabalhar para a socieda-
de. Assim iremos ter um se-
cretariado de excelência.
Você foi vereador por
dois mandatos, como
enxerga e pretende que
sejaarelaçãoentreExe-
cutivo e Legislativo?
Nem sempre o Legislativo é
respeitado. O vereador rece-
be algum questionamento
ou demanda de um cidadão
e a partir daí faz uma indica-
ção ou requerimento, mas,
muitas vezes ele não obtém
resposta ou não é respondi-
do à altura do que deveria
ser. Sabendo dessa situação,
aminhapropostaéirtodase-
gunda-feira à Câmara Muni-
cipal uma hora antes da reu-
nião ordinária para respon-
der pessoalmente os ques-
tionamentos dos vereado-
res, e sempre que um secre-
tário for citado, ele também
deverá ir. Além disso, a im-
prensatambémserárespon-
dida,porqueeuacreditoque
essas atitudes são o mínimo
que um gestor público pode
fazer em respeito ao Legisla-
tivo e à população.
Quais são suas propos-
tas para e educação?
Nossa principal bandeira se-
rátrazerumagrandeuniver-
sidade para Lagoa da Prata e
não mediremos esforços pa-
ra alcançar este objetivo. La-
goadaPrataestácommaisde
50milhabitantes,possuium
poloindustrialemexpansão,
eéurgenteaimplantaçãode
um sistema de ensino supe-
rior que prepare nossos ado-
lescentesejovens.Jáagenda-
mos uma conversa com a di-
reção da Unifenas, que tem
sede em Alfenas e possui po-
los em Varginha, Campo Be-
lo, Belo Horizonte e Divinó-
polis,evamosveroutraspos-
sibilidades também de uni-
versidades no mesmo nível
de qualidade.
No que diz respeito a en-
sino técnico e profissiona-
lizante, precisamos trazer
cursos do Cefet, Sesc ou Se-
nai, buscando parcerias jun-
toàFiemg.Quantoaoensino
fundamentalemédio,temos
umaótimaeducaçãonacida-
de, que é fruto de mais de 20
anosdetrabalhomuitosério,
e vamos trabalhar para me-
lhorar o que já é bom.
O espaço está aberto
para as considerações
finais.
Sou pré-candidato a prefeito
deLagoadaPratapeloamore
carinhoquetenhopelanossa
cidade,eseiquetenhomuito
a contribuir, unindo a expe-
riênciaquepossuoaoconhe-
cimento adquirido ao longo
dos últimos nove anos e a
uma boa equipe de governo.
Podemos fazer um excelen-
tetrabalhoadministrandoos
recursosquetemosebuscan-
do com os governos federal
e estadual mais investimen-
tos para melhorar substan-
cialmente a qualidade de vi-
da do nosso povo.
Queremos desenvolver
grandes projetos na área de
Esporte e Turismo. Em par-
ceria com a Polícia Civil Po-
lícia Militar e a Guarda Civil,
fazer uma grande força-tare-
fa para melhorar a seguran-
ça pública. Trabalharemos
para prevenir as mazelas da
sociedade, visando também
as crianças, adolescentes e
jovens. Realizaremos ações
para melhorar ainda mais a
área da saúde. Vamos man-
ter, e se possível, ampliar a
casa de acolhimento em Be-
lo Horizonte, e criaremos
uma também em Divinópo-
lis.Tambémvamosdiminuir
cargos comissionados, redu-
zir drasticamente a taxa de
ITBI, reduzir pela metade a
taxa de esgoto, respeitar o
plano de carreira do funcio-
nalismo público e estudar a
viabilidadedeimplantarum
plano de saúde para os fun-
cionários da prefeitura e do
SAAE.Enfim,vamosmontar
um governo de excelência.
O pré-candidato à prefeito convidou o vereador Joanes Bosco para estar ao seu lado co-
mo candidato a vice-prefeito.
Reunião no diretório do PSD-BH: Fernando (ex-prefeito de Cana Verde-MG), Narcízio
“Naza”, Jacó (chefe de gabinete do Deputado Duarte Bechir), o vereador Joanes Bosco e
Dirceu do Couto.
Naza dedicou os últimos 10 anos ao estudo de Direito e Saúde Pública.
Narcízio “Naza”, Deputado Estadual Duarte Bechir e o vereador Joanes Bosco.
22.11.2018Leia mais notícias em
www.jornalcidademg.com.brCOTIDIANO10
DIVULGAÇÃO
ARQUIVO PESSOAL
FOTOS: CONSELHO
Pedido de aposentadoria pela regra
85/95 deve ser feito até 31 de dezembro
9ª Conferência Municipal dos Direitos
da Criança e do Adolescente elege
novos conselheiros
A partir de 2019 segurados precisam cumprir o cálculo 86/96 para ter direito ao benefício integral por tempo de contribuição.
Segurados do Instituto
Nacional do Seguro So-
cial(INSS)quetiveremtempo
necessário de contribuição e
quiseremseaposentarcomo
benefíciointegralesteanode-
vem fazer o pedido até 31 de
dezembro. Após esta data, a
fórmula 85/95, que garante a
integralidade com a soma da
idade e do tempo de contri-
buiçãomudará,eentraráem
vigoraregra86/96,conforme
previstonaLei13.183,de2015.
Quando foi aprovada, es-
saleiestabeleceuaprogressi-
A 9ª Conferência Mu-
nicipal dos Direitos da
Criança e Adolescente de La-
goa da Prata foi realizada no
dia oito de novembro, no Te-
atro Fausto Resende. O en-
contro,promovidopeloCon-
selho Municipal dos Direitos
da Criança e do Adolescen-
te (CMDCA), reuniu dezenas
de pessoas que discutiram o
tema “Proteção Integral, Di-
versidade e Enfrentamento
dasViolências”.Noencontro
tambémforameleitososcon-
selheiros do CMDCA e os de-
legados que representarão o
municípionaConferênciaEs-
tadual, em Belo Horizonte.
Segundo a presidente do
CMDCA,AdrianaCristinaSil-
vaFerreira,ocongressoacon-
tece a cada dois ou três anos,
de acordo com a deliberação
do Conselho Nacional dos
DireitosdaCriançaedoAdo-
lescente (Conanda). “O obje-
tivo foi discutir políticas pú-
blicasparaosegmento,afim
defortalecerodiálogoeaco-
operaçãoentreórgãoseenti-
dadesgovernamentaisenão-
-governamentais de promo-
ção e defesa dos direitos de
criançaseadolescentes”,res-
saltaaconselheira,lembran-
do o tema escolhido para es-
sa edição: “buscamos mobi-
lizar os integrantes do Siste-
ma de Garantia de Direitos,
ascrianças,osadolescentese
a sociedade lagopratense pa-
ra a construção de propostas
voltadasparaaafirmaçãodo
princípio da proteção inte-
gral de crianças e adolescen-
tes.Assimfortaleceasestraté-
giasdeenfrentamentoàsvio-
lências, levando em conside-
ração as diversidades”, disse.
Durante o evento, acon-
teceram as eleições dos con-
selheiros do CMDCA, repre-
sentantes da sociedade civil,
paraobiênio2019/2020,edos
delegadosquerepresentarão
o município na Conferência
Estadual, no ano de 2019, em
Belo Horizonte. O trabalho
desenvolvido pelos conse-
lheiros é deliberar, controlar
e articular a Política Munici-
pal dos Direitos da Criança e
do Adolescente para efetiva
garantia da sua promoção,
defesa e orientação, visando
aproteçãointegraldascrian-
çasedosadolescentes;opinar
e formular a política munici-
pal dos Direitos da Criança e
do Adolescente; gerir o Fun-
dodaCriançaedoAdolescen-
te (FIA), realizar a eleição do
Conselho Tutelar, entre ou-
tras atribuições.
CONSELHEIROS ELEITOS
GESTÃO 2019/2020
•REPRESENTANTESDEENTIDADESPRESTADORAS
DE SERVIÇO À CRIANÇA E AO ADOLESCENTE
COM DEFICIÊNCIA – 01 Cadeira
-Titular: Sabrina da Silva Rodrigues (APAE)
Suplente: Eunice Pereira (ASAP)
•REPRESENTANTE DE ENTIDADES DE
ATENDIMENTO E PROMOÇÃO DOS DIREITOS
DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE – 04 Cadeiras
-Titular: Adriana Cristina Silva Ferreira (AFA)
Suplente: Rafaela Castro Braga (Rede Cidadã)
-Titular: Adriana Couto Dias Castro (Amavi)
Suplente: Gislene Aparecida Lima (AFA)
-Titular: Elias Rodrigues Ribeiro (Amavida)
Suplente: Aianda Cristina Pereira (Farsvec)
-Titular: Bruna Maísa Mascarenhas Viana (Farasvec)
Suplente: Vaga não preenchida
•REPRESENTANTE DE ORGANIZAÇÃO
RELIGIOSA - 01 Cadeira
-Titular: Angela Maria Alves
(Paróquia São Carolos Borromeu)
Suplente: Rute Maria da Silva Ferreira
(Igreja Assembleia de Deus- Ministério Lagoa da Prata)
vidade da fórmula 85/95, ou
seja,acadadoisanosaumen-
ta um ponto para que seja
possível pedir a aposentado-
ria integral. O escalonamen-
to funciona da seguinte ma-
neira: a exigência para a apo-
sentadoria passa a ser 86/96
em 31 de dezembro de 2018;
87/97 em 31 de dezembro de
2020; 88/98 em 31 de dezem-
bro de 2022; 89/99 em 31 de
dezembro de 2024; e 90/100
em 31 de dezembro de 2026.
AFórmula85/95éaequa-
ção em que a idade e o tem-
podecontribuiçãodevemso-
mar 85 anos para mulher ou
95 anos para homem. Espe-
cialistas alertam que os tra-
balhadores precisam ficar
atentos e conferir se os crité-
riospararequereraaposenta-
doriaportempodecontribui-
ção já foi atingido, como ex-
plicaoconsultorprevidenciá-
rioGenésioMagalhães:“Con-
siderandoquenoanode2019
tais fatores serão atualizados
para 86/96, em alguns casos
compensa apurar o período
contributivo, através da con-
tagem de tempo de contri-
buição. Para tais segurados
ainda há tempo de se alcan-
çar a aposentadoria preten-
dida neste exercício, anteci-
pando-se, assim, pelo menos
seis meses no início do rece-
bimento da aposentadoria
por tempo de contribuição”,
orienta. É importante lem-
brarque,seapessoanãoche-
ga à pontuação exigida, ain-
daassimpoderequereraapo-
sentadoria, contudo o cálcu-
lo sofrerá a aplicação do fa-
torprevidenciário,quepode-
rá reduzir a renda inicial do
benefício em até 40%.
Para exemplificar, toma-
mos como base a seguinte si-
tuação:hojeumamulherpo-
de ganhar aposentadoria in-
tegraltendo55anosdeidade
e 30 de contribuição. Se não
alcançar esses valores até a
virada do ano, essa trabalha-
doraterádeficarpelomenos
mais seis meses no merca-
do de trabalho, até alcançar
55 anos e meio de idade e 30
anos e meio de contribuição.
Porém, mesmo que não te-
nhaatingidoapontuaçãone-
cessária, ainda assim, ela po-
de requerer a aposentadoria,
mas o cálculo sofrerá a apli-
caçãodofatorprevidenciário,
que poderá diminuir o valor
do benefício.
Segundo Genésio, os se-
gurados não devem se alar-
mar, mas precisam buscar
entender melhor a situação
em que se encontram: “Há
casosemqueoseguradoatu-
almente já alcançou o direi-
to à aposentadoria, mas com
o uso do fator previdenciário
e, caso aguarde mais alguns
meses, poderá requerer essa
aposentadoriajáfazendouso
do fator que não reduz o va-
lor do benefício previdenciá-
rio. Para isso vale a pena pro-
curarporserviçosespecializa-
dos onde se faça uma análise
do tempo contributivo e su-
as projeções para o melhor
período onde se possa alcan-
çaraaposentadoriamaisvan-
tajosa”,orientaoespecialista,
frisando que, para se utilizar
o fator 85/95, é preciso com-
provarinicialmenteotempo
mínimode30/35anosdecon-
tribuição.
O “MEU INSS”
Umaopçãoparasaberotem-
po de contribuição é a ferra-
menta disponibilizada na in-
ternet “Meu INSS”, que per-
miteaotrabalhadorquecon-
tribui para a previdência
ter acesso a informações so-
bre o seu pedido de aposen-
tadoria por idade ou por in-
validez, auxílio-doença e ou-
tros. Além disso, o sistema
dispõe de uma calculadora,
que informa para o trabalha-
dor quantos pontos ele tem
paraconseguiraaposentado-
ria por tempo de contribui-
ção, considerando a fórmula
85/95.OInstitutoressaltaque
estasimulaçãofuncionaape-
nas como um primeiro ‘indí-
cio’ do direito à aposentado-
ria,poisosegurado,aovisua-
lizar a suposta possibilidade
depediraaposentadoria,pre-
cisaentraremcontatocomo
INSSparasaberse,defato,po-
derá receber o benefício.
Para poder fazer as ope-
rações disponíveis no ‘Meu
INSS’, é preciso um cadastro
no serviço, que pode ser fei-
toentretrêsecincominutos.
O segurado precisa ter em
mãosonomecompleto,CPF,
nome da mãe, data e local de
nascimento para que o siste-
ma gere uma senha de aces-
soprovisório.Assimqueolo-
gin for efetuado, aparecerá
uma mensagem instruindo
o segurado a criar a própria
senha. Após esse processo, o
contribuinte já pode confe-
rir, por exemplo, todo o tem-
podecontribuição,comdeta-
lhesespecíficoscomoempre-
sa e o tempo trabalhado, em
anos, meses e dias.
DA REDAÇÃO contato@jornalcidademg.com.br
DA REDAÇÃO contato@jornalcidademg.com.br
Genésio Magalhães,
consultor previdenciário
22.11.2018 Curta no Facebook
fb.com/jornalcidademg COTIDIANO 11
22.11.2018Leia mais notícias em
www.jornalcidademg.com.brCOTIDIANO12
DIVULGAÇÃO
Abertas as inscrições
para o concurso da PMMG
FOTOS: ARQUIVO ROTARY
Rotary Club recebe
governador
O Rotary Club de La-
goa da Prata Princesa
do Oeste recebeu a visita ofi-
cialdoGovernadordoDistri-
to4.560deRotaryInternatio-
nal,PauloSérgioAzevedo,no
sábado dia 10 de novembro.
Elechegounacidadeporvol-
ta de 10 horas da manhã, es-
tevenaPraiaMunicipal,efez
visitas para conhecer a Esta-
çãodeTratamentodeEsgoto
(ETE)eaPraçadaPaz,nobair-
ro Cidade Jardim.
A ETE e a Praça da Paz fo-
ram locais que receberam
plantio de árvores pelo pro-
jeto“UmaVidaUmaÁrvore”
promovido pelo Rotary. Pa-
ra marcar sua presença aqui
na cidade, Paulo Sérgio fez
questão de realizar o plan-
tiodeduasmudasdeárvores
na Praça da Paz, num gesto
de apoio e fortalecimento ao
projeto.
O governador também
participouna noite dessedia
10 da Assembleia do Rota-
ry Clube, em que esteve pre-
senteafamíliadacriançasor-
teada pelo projeto que apoia
a vacinação contra a Parali-
As inscrições do con-
curso para soldado mú-
sicosedasaúdedaPolíciaMi-
litardeMinasGerais(PM-MG)
estão abertas. Os interessa-
dos poderão se inscrever pe-
la internet, por meio do site
www.policiamilitar.mg.gov.
br/crs, até 20 de dezembro.
A taxa de inscrição é de R$
122,95.São60vagasparaSol-
dados da Saúde: 26 para Téc-
nicodeEnfermagem,15para
Auxiliar de Farmácia, 9 para
Técnico em Patologia Clíni-
cae10paraTécnicodeSaúde
Bucal, além de 90 vagas para
Soldados Músicos.
Segundo o edital divul-
gado pela PM, durante o pe-
ríodo do curso, o Soldado 2ª
Classe receberá a remunera-
ção de R$ 3.506,41, mais abo-
no fardamento, assistência
médico-hospitalar, psicoló-
gica e odontológica, de acor-
docomalegislaçãoemvigor.
Para participar do certa-
me, o candidato deve pos-
suir nível superior em qual-
queráreadeformação,deve-
ráterformaçãotécnicacom-
patívelcomaespecialidadea
que pretende concorrer, ter
entre 18 e 30 anos na data da
inclusão (prevista para o dia
1º de agosto de 2019), altura
mínima de 1,60m, entre ou-
tros requisitos.
PROVAS
O concurso terá prova de co-
nhecimentos (objetiva e dis-
sertativa), avaliações psico-
lógicas, avaliação física Mili-
tar (AFM), exames de saúde,
exame toxicológico e prova
prática para Soldado Músi-
co. As provas, objetiva e dis-
sertativa, serão realizada às
8h30min do dia 24 de feve-
reiro de 2019, em Belo Hori-
zonte.
sia Infantil, que foi receber
a premiação da campanha:
uma bicicleta oferecida pelo
Rotary de Lagoa da Prata e a
Athor Bike.
Nestamesmanoiteficou
registradoaentregadoTítulo
“Companheiro Paul Harris”,
conferido ao senhor Ângelo
Robson de Oliveira. A home-
nagem é um reconhecimen-
to outorgado pela Fundação
Rotária,peladoaçãoespontâ-
neadaimportânciademildó-
lares,comafinalidadecontri-
buirparaosrecursoscomque
sãodesenvolvidosprogramas
humanitáriospelafundação.
DA REDAÇÃO contato@jornalcidademg.com.br
DA REDAÇÃO contato@jornalcidademg.com.br
Ângelo Robson de Oliveira recebeu o Título
“Companheiro Paul Harris”
Governador Paulo Azevedo fez plantio de árvores na
Praça da Paz
São 150 vagas de Soldados da Saúde e Músicos. Candidatos
devem ter nível superior em qualquer área, e formação
técnica compatível com a especialidade.
FOTO: AMM
AMM pede intervenção federal
no governo de Minas
Em Brasília, o prefeito de Moema e presidente da Associação Mineira de Municípios (AMM), Julvan Lacerda, requereu do
presidente Michel Temer medida para que o Estado pague dívida de mais de R$ 10 bilhões de reais para os municípios.
O prefeito de Moema e
presidente da Associa-
ção Mineira de Municípios
(AMM), Julvan Lacerda, este-
ve em Brasília na última se-
gunda-feira (19), onde se en-
controu com Presidente Mi-
chel Temer e lhe entregou
umpedidodeintervençãofe-
deral no governo de Minas.
O prefeito, que também é vi-
ce-presidente da Confedera-
ção Nacional de Municípios
(CNM), participou de uma
reuniãonasededaentidade,
naCapitalFederal,eapresen-
tou uma pauta municipalis-
ta a Temer.
Para Julvan, a iniciativa
se justifica pela situação de
atrasos nos repasses do go-
vernodoestadoparaasmais
de800prefeituras,epelofim
daspossibilidadesdediálogo
com a admininistração de
Fernando Pimentel. Confor-
me levantamento da AMM,
a dívida já está acima de R$
10 bilhões. Ao todo, 18 asso-
ciações de microrregiões en-
dossamopedido.“Tentamos
o diálogo. Entramos com di-
versasações,buscamosapoio
detodosospoderes,enada.A
dívida do Estado com os mu-
nicípios só aumenta e já pas-
sa dos R$ 10 bilhões. O Esta-
do voltou a confiscar o ICMS
semanaleosmunicípiosnão
aguentam mais”, exclama.
Segundo o presidente da
AMM, a falta dos repasses do
governodeMinascriouuma
situação insustentável para
a maioria dos municípios do
estado.Aentidadeprevêque
90%dasprefeiturasmineiras
irão terminar o ano de 2018
no‘vermelho’,devidoàsoma
dodébitodogoverno.“Poris-
so,estamosaqui,emBrasília,
requerendoessaintervenção
aopresidenteTemer.Asitua-
çãoégravíssimaeasprefeitu-
ras estão à beira de fechar as
portas, desencadeando uma
crisesemprecedentesemMi-
nas Gerais”, declarou.
NopedidoentregueaTe-
mer, Lacerda usa o artigo 34
daConstituiçãoquetratadas
possibilidades de o governo
federal intervir nos estados.
“AConstituiçãoprevêquese
o ente deixar de repassar o
recurso para outro ente, es-
tápassíveldeintervençãofe-
deral.Nãoprecisaserumain-
tervenção ampla, que afaste
ointerventor,masumainter-
vençãoparcial,nascontasdo
Estado, que é o que a AMM
quer”, afirmou.
O QUE DIZ O
ESTADO
Ao Jornal Estado de Minas,
o advogado-geral do Estado,
Onofre Batista, disse que a
medida é “inadequada e es-
téril!”. Isso porque, de acor-
do com ele, essa questão já
foi apresentada ao Supremo
Tribunal Federal (STF) ante-
riormenteenãofoideferida.
Ele argumentou que os esta-
dos passam por esse proble-
maeamedidaafetariatodos.
“Acredito que a providência
podebemservirquandome-
lhoriaspodemserintroduzi-
das, mas em um quadro re-
cessivo e com um desajuste
grave e estrutural do federa-
lismo, como agora se verifi-
ca, a medida além de tudo
seria inadequada e estéril”,
apontou.
DA REDAÇÃO contato@jornalcidademg.com.br
Julvan Lacerda e o Presidente Michel Temer
22.11.2018 Curta no Facebook
fb.com/jornalcidademg COTIDIANO 13
22.11.2018Leia mais notícias em
www.jornalcidademg.com.brCOTIDIANO14
22.11.2018 Curta no Facebook
fb.com/jornalcidademg COOPERATIVISMO 15
22.11.2018Leia mais notícias em
www.jornalcidademg.com.brCOOPERATIVISMO16
FOTOS: SICOOB CREDIPRATA
O dia-a-dia corrido dos brasileiros tem
exigido que as instituições financeiras
ofereçam a seus clientes soluções mais ami-
gáveis e práticas para facilitar o relaciona-
mento e a realização de suas operações.
Nas cooperativas financeiras não é di-
ferente, como é o exemplo do SICOOB, que
tem direcionado significativos investimen-
tos à tecnologia, com o objetivo de desen-
volver soluções digitais seguras para facili-
tar a vida de seus mais de 4 milhões de as-
sociados.
O Sicoob Crediprata participa deste
grande Sistema, que o credencia a disponi-
bilizar modernos e premiados aplicativos,
onde seus associados encontram tudo que
necessitam para facilitar sua vida financei-
ra.
Além disso, o APP SICOOBCARD conta
com outras excelentes funcionalidades que
no dia-a-dia trazem comodidade e agilidade
aos portadores, como:
•Desbloquear/bloquear cartão:
o portador Sicoobcard já pode dar adeus às
horasnotelemarketing,podendofazersem
burocracia e perda de tempo estas opera-
ções direto no APP SICOOBCARD.
•Limites por categoria: na aba de
Autorizador Pessoal é possível definir um
limite de quanto o portador pretende gas-
tar em cada categoria: vestuário, combustí-
vel, alimentação, entretenimento, etc.
•Cartão virtual: para compras onli-
ne com muito mais segurança, o portador
gera um cartão virtual com vigência e limi-
te único de compra.
•Fatura:permitesuspenderafaturaim-
pressa ou vincular a fatura do cartão com o
aplicativoSicoobMinhasFinanças.
•Cartãoadicional:alteraçãodolimite
doseuadicionalebloqueiodoplástico.
Parabaixaroaplicativo,ésóentrarnaloja
doseusmartphoneedigitar“Sicoobcardmo-
bile”naáreadebusca.
APP SICOOB
O APP SICOOB é a internet banking do
Sicoob que pode ser acessado em notebooks,
smartphones ou tablets a qualquer lugar e a
qualquer hora. A supervisora de produtos do
SicoobCrediprata,ThaisEmanueladeSousa
Borges,confirmaosucessodoaplicativo,regis-
trando quemaisde400milassociadosdasco-
operativasdoSicoobjáoutilizamdiariamen-
tepararealizarsuasoperaçõesfinanceiras.
Comvisualmaismodernoemelhoriasna
navegação e uso, agora os associados podem
realizar suas transações com poucos cliques,
deformarápidaesegura.Osserviçosdisponí-
veissãosaldos,extratos,pagamentos,transfe-
rências,empréstimos,investimentos,cartões,
previdênciaemuitomais.
CONFIRA OUTRAS VANTAGENS:
PUBLIEDITORIAL
Conheça dois modernos APPs que facilitam a sua vida financeira
Thais Emanuela de Sousa Borges
Supervisora de Produtos
do Sicoob Crediprata
Sicoob Crediprata
é Digital
Rosimeire Oliveira de Sousa
Gerente de Negócios do
Sicoob Crediprata
“ O APP SICOOBCARD é um instrumen-
to indispensável à educação financeira dos
associados, na medida em que permite que
os portadores dos cartões Sicoobcard, de
forma simples e intuitiva controlem seus
gastos eficientemente. ”

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

AMAR - INFORME do 1º Trimestre de 2015 - páginas 01 à 08
AMAR -  INFORME do 1º Trimestre de 2015 - páginas 01 à 08AMAR -  INFORME do 1º Trimestre de 2015 - páginas 01 à 08
AMAR - INFORME do 1º Trimestre de 2015 - páginas 01 à 08
Amar Jardim Oceânico
 
Jornal digital 4645_sex_10042015
Jornal digital 4645_sex_10042015Jornal digital 4645_sex_10042015
Jornal digital 4645_sex_10042015
Jornal Correio do Sul
 
Folha 133
Folha 133Folha 133
Folha 140
Folha 140Folha 140
29-05-17 Jornal Digital
29-05-17 Jornal Digital29-05-17 Jornal Digital
29-05-17 Jornal Digital
Jornal Correio do Sul
 
47ª sessão ordinária 19.08.2013
47ª sessão ordinária 19.08.201347ª sessão ordinária 19.08.2013
47ª sessão ordinária 19.08.2013
Camaramre
 
Fo
FoFo
501 an 12_novembro_2014.ok
501 an 12_novembro_2014.ok501 an 12_novembro_2014.ok
501 an 12_novembro_2014.ok
Roberto Rabat Chame
 
59ª sessão ordinária 07.10.2013
59ª sessão ordinária 07.10.201359ª sessão ordinária 07.10.2013
59ª sessão ordinária 07.10.2013
Camaramre
 
CULTURARTEEN 155 - Deputada Rosângela Zeidan
CULTURARTEEN 155 - Deputada Rosângela ZeidanCULTURARTEEN 155 - Deputada Rosângela Zeidan
CULTURARTEEN 155 - Deputada Rosângela Zeidan
Pery Salgado
 
Jornal digital 08 11-17
Jornal digital 08 11-17Jornal digital 08 11-17
Jornal digital 08 11-17
Jornal Correio do Sul
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata, Santo Antônio do Monte e região - Ano II Nº 46
Jornal Cidade - Lagoa da Prata, Santo Antônio do Monte e região - Ano II Nº 46Jornal Cidade - Lagoa da Prata, Santo Antônio do Monte e região - Ano II Nº 46
Jornal Cidade - Lagoa da Prata, Santo Antônio do Monte e região - Ano II Nº 46
Jornal Cidade
 
Jornal digital 16 06-17
Jornal digital 16 06-17Jornal digital 16 06-17
Jornal digital 16 06-17
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 4695_ter_23062015
Jornal digital 4695_ter_23062015Jornal digital 4695_ter_23062015
Jornal digital 4695_ter_23062015
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 4647_ter_14042015
Jornal digital 4647_ter_14042015Jornal digital 4647_ter_14042015
Jornal digital 4647_ter_14042015
Jornal Correio do Sul
 
Jornal Destak - Edição nº 441
Jornal Destak - Edição nº 441Jornal Destak - Edição nº 441
Jornal Destak - Edição nº 441
JornalDestak
 
Jornal digital 4609_qua_18022015
Jornal digital 4609_qua_18022015Jornal digital 4609_qua_18022015
Jornal digital 4609_qua_18022015
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 24-02-17
Jornal digital 24-02-17Jornal digital 24-02-17
Jornal digital 24-02-17
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 4608_sex_13022015
Jornal digital 4608_sex_13022015Jornal digital 4608_sex_13022015
Jornal digital 4608_sex_13022015
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 10 de janeiro de 2017
Jornal digital   10 de janeiro de 2017Jornal digital   10 de janeiro de 2017
Jornal digital 10 de janeiro de 2017
Jornal Correio do Sul
 

Mais procurados (20)

AMAR - INFORME do 1º Trimestre de 2015 - páginas 01 à 08
AMAR -  INFORME do 1º Trimestre de 2015 - páginas 01 à 08AMAR -  INFORME do 1º Trimestre de 2015 - páginas 01 à 08
AMAR - INFORME do 1º Trimestre de 2015 - páginas 01 à 08
 
Jornal digital 4645_sex_10042015
Jornal digital 4645_sex_10042015Jornal digital 4645_sex_10042015
Jornal digital 4645_sex_10042015
 
Folha 133
Folha 133Folha 133
Folha 133
 
Folha 140
Folha 140Folha 140
Folha 140
 
29-05-17 Jornal Digital
29-05-17 Jornal Digital29-05-17 Jornal Digital
29-05-17 Jornal Digital
 
47ª sessão ordinária 19.08.2013
47ª sessão ordinária 19.08.201347ª sessão ordinária 19.08.2013
47ª sessão ordinária 19.08.2013
 
Fo
FoFo
Fo
 
501 an 12_novembro_2014.ok
501 an 12_novembro_2014.ok501 an 12_novembro_2014.ok
501 an 12_novembro_2014.ok
 
59ª sessão ordinária 07.10.2013
59ª sessão ordinária 07.10.201359ª sessão ordinária 07.10.2013
59ª sessão ordinária 07.10.2013
 
CULTURARTEEN 155 - Deputada Rosângela Zeidan
CULTURARTEEN 155 - Deputada Rosângela ZeidanCULTURARTEEN 155 - Deputada Rosângela Zeidan
CULTURARTEEN 155 - Deputada Rosângela Zeidan
 
Jornal digital 08 11-17
Jornal digital 08 11-17Jornal digital 08 11-17
Jornal digital 08 11-17
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata, Santo Antônio do Monte e região - Ano II Nº 46
Jornal Cidade - Lagoa da Prata, Santo Antônio do Monte e região - Ano II Nº 46Jornal Cidade - Lagoa da Prata, Santo Antônio do Monte e região - Ano II Nº 46
Jornal Cidade - Lagoa da Prata, Santo Antônio do Monte e região - Ano II Nº 46
 
Jornal digital 16 06-17
Jornal digital 16 06-17Jornal digital 16 06-17
Jornal digital 16 06-17
 
Jornal digital 4695_ter_23062015
Jornal digital 4695_ter_23062015Jornal digital 4695_ter_23062015
Jornal digital 4695_ter_23062015
 
Jornal digital 4647_ter_14042015
Jornal digital 4647_ter_14042015Jornal digital 4647_ter_14042015
Jornal digital 4647_ter_14042015
 
Jornal Destak - Edição nº 441
Jornal Destak - Edição nº 441Jornal Destak - Edição nº 441
Jornal Destak - Edição nº 441
 
Jornal digital 4609_qua_18022015
Jornal digital 4609_qua_18022015Jornal digital 4609_qua_18022015
Jornal digital 4609_qua_18022015
 
Jornal digital 24-02-17
Jornal digital 24-02-17Jornal digital 24-02-17
Jornal digital 24-02-17
 
Jornal digital 4608_sex_13022015
Jornal digital 4608_sex_13022015Jornal digital 4608_sex_13022015
Jornal digital 4608_sex_13022015
 
Jornal digital 10 de janeiro de 2017
Jornal digital   10 de janeiro de 2017Jornal digital   10 de janeiro de 2017
Jornal digital 10 de janeiro de 2017
 

Semelhante a Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 130 - 22/11/2018

Jn 16 05
Jn 16 05Jn 16 05
Jn 16 05
daquimoc
 
Jornal digital 4611_sex_20022015
Jornal digital 4611_sex_20022015Jornal digital 4611_sex_20022015
Jornal digital 4611_sex_20022015
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 05-05-17
Jornal digital 05-05-17Jornal digital 05-05-17
Jornal digital 05-05-17
Jornal Correio do Sul
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 124 - 23/08/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 124 - 23/08/2018Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 124 - 23/08/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 124 - 23/08/2018
Jornal Cidade
 
Jornal Ipiranga Seu Estilo de Vida - Abril
Jornal Ipiranga Seu Estilo de Vida  - AbrilJornal Ipiranga Seu Estilo de Vida  - Abril
Jornal Ipiranga Seu Estilo de Vida - Abril
Elejota Editora
 
Jornal digital 4681_ter_02062015
Jornal digital 4681_ter_02062015Jornal digital 4681_ter_02062015
Jornal digital 4681_ter_02062015
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 4496 qui 04-09-14
Jornal digital 4496 qui 04-09-14Jornal digital 4496 qui 04-09-14
Jornal digital 4496 qui 04-09-14
Jornal Correio do Sul
 
Correio popular -a10-07-03-15
Correio popular -a10-07-03-15Correio popular -a10-07-03-15
Correio popular -a10-07-03-15
Agricultura Sao Paulo
 
Jornal digital 14 09-17
Jornal digital 14 09-17Jornal digital 14 09-17
Jornal digital 14 09-17
Jornal Correio do Sul
 
Diário Oficial: 13-11-2015
Diário Oficial: 13-11-2015Diário Oficial: 13-11-2015
Diário Oficial: 13-11-2015
Prefeitura Guarujá
 
Jornal digital 4642_ter_07042015
Jornal digital 4642_ter_07042015Jornal digital 4642_ter_07042015
Jornal digital 4642_ter_07042015
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 15-02-17
Jornal digital 15-02-17Jornal digital 15-02-17
Jornal digital 15-02-17
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 4827_ter_05012016
Jornal digital 4827_ter_05012016Jornal digital 4827_ter_05012016
Jornal digital 4827_ter_05012016
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 4716 qua-22072015
Jornal digital 4716 qua-22072015Jornal digital 4716 qua-22072015
Jornal digital 4716 qua-22072015
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 4585_qua_ 14012015
Jornal digital 4585_qua_ 14012015Jornal digital 4585_qua_ 14012015
Jornal digital 4585_qua_ 14012015
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 27 06-18
Jornal digital 27 06-18Jornal digital 27 06-18
Jornal digital 27 06-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 4659_qui_30042015
Jornal digital 4659_qui_30042015Jornal digital 4659_qui_30042015
Jornal digital 4659_qui_30042015
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 4775_qui_15102015
Jornal digital 4775_qui_15102015Jornal digital 4775_qui_15102015
Jornal digital 4775_qui_15102015
Jornal Correio do Sul
 
EDIÇÃO 318
EDIÇÃO 318EDIÇÃO 318
EDIÇÃO 318
Afonso Pena
 
Guaianas ed 100
Guaianas ed 100Guaianas ed 100
Guaianas ed 100
cocopequeno007
 

Semelhante a Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 130 - 22/11/2018 (20)

Jn 16 05
Jn 16 05Jn 16 05
Jn 16 05
 
Jornal digital 4611_sex_20022015
Jornal digital 4611_sex_20022015Jornal digital 4611_sex_20022015
Jornal digital 4611_sex_20022015
 
Jornal digital 05-05-17
Jornal digital 05-05-17Jornal digital 05-05-17
Jornal digital 05-05-17
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 124 - 23/08/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 124 - 23/08/2018Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 124 - 23/08/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 124 - 23/08/2018
 
Jornal Ipiranga Seu Estilo de Vida - Abril
Jornal Ipiranga Seu Estilo de Vida  - AbrilJornal Ipiranga Seu Estilo de Vida  - Abril
Jornal Ipiranga Seu Estilo de Vida - Abril
 
Jornal digital 4681_ter_02062015
Jornal digital 4681_ter_02062015Jornal digital 4681_ter_02062015
Jornal digital 4681_ter_02062015
 
Jornal digital 4496 qui 04-09-14
Jornal digital 4496 qui 04-09-14Jornal digital 4496 qui 04-09-14
Jornal digital 4496 qui 04-09-14
 
Correio popular -a10-07-03-15
Correio popular -a10-07-03-15Correio popular -a10-07-03-15
Correio popular -a10-07-03-15
 
Jornal digital 14 09-17
Jornal digital 14 09-17Jornal digital 14 09-17
Jornal digital 14 09-17
 
Diário Oficial: 13-11-2015
Diário Oficial: 13-11-2015Diário Oficial: 13-11-2015
Diário Oficial: 13-11-2015
 
Jornal digital 4642_ter_07042015
Jornal digital 4642_ter_07042015Jornal digital 4642_ter_07042015
Jornal digital 4642_ter_07042015
 
Jornal digital 15-02-17
Jornal digital 15-02-17Jornal digital 15-02-17
Jornal digital 15-02-17
 
Jornal digital 4827_ter_05012016
Jornal digital 4827_ter_05012016Jornal digital 4827_ter_05012016
Jornal digital 4827_ter_05012016
 
Jornal digital 4716 qua-22072015
Jornal digital 4716 qua-22072015Jornal digital 4716 qua-22072015
Jornal digital 4716 qua-22072015
 
Jornal digital 4585_qua_ 14012015
Jornal digital 4585_qua_ 14012015Jornal digital 4585_qua_ 14012015
Jornal digital 4585_qua_ 14012015
 
Jornal digital 27 06-18
Jornal digital 27 06-18Jornal digital 27 06-18
Jornal digital 27 06-18
 
Jornal digital 4659_qui_30042015
Jornal digital 4659_qui_30042015Jornal digital 4659_qui_30042015
Jornal digital 4659_qui_30042015
 
Jornal digital 4775_qui_15102015
Jornal digital 4775_qui_15102015Jornal digital 4775_qui_15102015
Jornal digital 4775_qui_15102015
 
EDIÇÃO 318
EDIÇÃO 318EDIÇÃO 318
EDIÇÃO 318
 
Guaianas ed 100
Guaianas ed 100Guaianas ed 100
Guaianas ed 100
 

Mais de Jornal Cidade

Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 137 - 11/ABR/2019
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 137 - 11/ABR/2019Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 137 - 11/ABR/2019
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 137 - 11/ABR/2019
Jornal Cidade
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 135 - 28/FEV/2019
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 135 - 28/FEV/2019Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 135 - 28/FEV/2019
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 135 - 28/FEV/2019
Jornal Cidade
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 135 - 28/FEV/2019
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 135 - 28/FEV/2019Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 135 - 28/FEV/2019
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 135 - 28/FEV/2019
Jornal Cidade
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 134 - 14/FEV/2019
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 134 - 14/FEV/2019Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 134 - 14/FEV/2019
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 134 - 14/FEV/2019
Jornal Cidade
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 133 - 31/JAN/2019
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 133 - 31/JAN/2019Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 133 - 31/JAN/2019
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 133 - 31/JAN/2019
Jornal Cidade
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 131 - 06/12/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 131 - 06/12/2018Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 131 - 06/12/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 131 - 06/12/2018
Jornal Cidade
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 128 - 18/10/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 128 - 18/10/2018Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 128 - 18/10/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 128 - 18/10/2018
Jornal Cidade
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 126 - 20/09/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 126 - 20/09/2018Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 126 - 20/09/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 126 - 20/09/2018
Jornal Cidade
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 125 - 06/09/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 125 - 06/09/2018Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 125 - 06/09/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 125 - 06/09/2018
Jornal Cidade
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 122 - 26/07/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 122 - 26/07/2018Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 122 - 26/07/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 122 - 26/07/2018
Jornal Cidade
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 121 - 12/07/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 121 - 12/07/2018Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 121 - 12/07/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 121 - 12/07/2018
Jornal Cidade
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 114 - 29/03/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 114 - 29/03/2018Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 114 - 29/03/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 114 - 29/03/2018
Jornal Cidade
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 111 - 08/02/2017
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 111 - 08/02/2017Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 111 - 08/02/2017
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 111 - 08/02/2017
Jornal Cidade
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 108 - 27/12/2017
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 108 - 27/12/2017Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 108 - 27/12/2017
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 108 - 27/12/2017
Jornal Cidade
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 107 - 14/12/2017
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 107 - 14/12/2017Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 107 - 14/12/2017
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 107 - 14/12/2017
Jornal Cidade
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 95 - 15/06/2017
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 95 - 15/06/2017 Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 95 - 15/06/2017
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 95 - 15/06/2017
Jornal Cidade
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 94 - 25/05/2017
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 94 - 25/05/2017Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 94 - 25/05/2017
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 94 - 25/05/2017
Jornal Cidade
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 91 - 27/04/2017
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 91 - 27/04/2017Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 91 - 27/04/2017
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 91 - 27/04/2017
Jornal Cidade
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 87 - 26/01/2017
 Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 87 - 26/01/2017 Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 87 - 26/01/2017
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 87 - 26/01/2017
Jornal Cidade
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata - Nº 85 - 24/11/2016
Jornal Cidade - Lagoa da Prata - Nº 85 - 24/11/2016 Jornal Cidade - Lagoa da Prata - Nº 85 - 24/11/2016
Jornal Cidade - Lagoa da Prata - Nº 85 - 24/11/2016
Jornal Cidade
 

Mais de Jornal Cidade (20)

Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 137 - 11/ABR/2019
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 137 - 11/ABR/2019Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 137 - 11/ABR/2019
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 137 - 11/ABR/2019
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 135 - 28/FEV/2019
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 135 - 28/FEV/2019Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 135 - 28/FEV/2019
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 135 - 28/FEV/2019
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 135 - 28/FEV/2019
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 135 - 28/FEV/2019Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 135 - 28/FEV/2019
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 135 - 28/FEV/2019
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 134 - 14/FEV/2019
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 134 - 14/FEV/2019Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 134 - 14/FEV/2019
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 134 - 14/FEV/2019
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 133 - 31/JAN/2019
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 133 - 31/JAN/2019Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 133 - 31/JAN/2019
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 133 - 31/JAN/2019
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 131 - 06/12/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 131 - 06/12/2018Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 131 - 06/12/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 131 - 06/12/2018
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 128 - 18/10/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 128 - 18/10/2018Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 128 - 18/10/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 128 - 18/10/2018
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 126 - 20/09/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 126 - 20/09/2018Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 126 - 20/09/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 126 - 20/09/2018
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 125 - 06/09/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 125 - 06/09/2018Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 125 - 06/09/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 125 - 06/09/2018
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 122 - 26/07/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 122 - 26/07/2018Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 122 - 26/07/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 122 - 26/07/2018
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 121 - 12/07/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 121 - 12/07/2018Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 121 - 12/07/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 121 - 12/07/2018
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 114 - 29/03/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 114 - 29/03/2018Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 114 - 29/03/2018
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 114 - 29/03/2018
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 111 - 08/02/2017
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 111 - 08/02/2017Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 111 - 08/02/2017
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 111 - 08/02/2017
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 108 - 27/12/2017
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 108 - 27/12/2017Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 108 - 27/12/2017
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 108 - 27/12/2017
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 107 - 14/12/2017
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 107 - 14/12/2017Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 107 - 14/12/2017
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 107 - 14/12/2017
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 95 - 15/06/2017
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 95 - 15/06/2017 Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 95 - 15/06/2017
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 95 - 15/06/2017
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 94 - 25/05/2017
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 94 - 25/05/2017Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 94 - 25/05/2017
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 94 - 25/05/2017
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 91 - 27/04/2017
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 91 - 27/04/2017Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 91 - 27/04/2017
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 91 - 27/04/2017
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 87 - 26/01/2017
 Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 87 - 26/01/2017 Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 87 - 26/01/2017
Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 87 - 26/01/2017
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata - Nº 85 - 24/11/2016
Jornal Cidade - Lagoa da Prata - Nº 85 - 24/11/2016 Jornal Cidade - Lagoa da Prata - Nº 85 - 24/11/2016
Jornal Cidade - Lagoa da Prata - Nº 85 - 24/11/2016
 

Jornal Cidade - Lagoa da Prata e região - Nº 130 - 22/11/2018

  • 1. www.jornalcidademg.com.br • Lagoa da Prata, S. A. do Monte, Moema e Japaraíba • 22/Nov/2018 - Ano 6 - Edição Nº 130 • JORNAL DE DISTRIBUIÇÃO GRATUITA - VENDA PROIBIDA AMM pede intervenção federal no governo de MG PÁG 08 Empresário propõe “revolucionar” administração municipal de Lagoa da Prata Naza volta à política para se candidatar a prefeito em 2020. Ele filiou-se ao PSD, registrou em cartório medidas que pretende implantar, e garante que a cidade será referência de gestão no Brasil Réveillon 2019 Divina Gula – O Casarão - promete agitar sua virada de ano PÁG 05 INMET prevê novos e mais fortes temporais a partir de domingo PÁG 04 PÁG 12 PÁG 06 Lions Clube oferece exames gratuitos para prevenir o câncer de próstata. PÁG 06 Pedido de aposentadoria pela regra 85/95 deve ser feito até 31 de dezembro. PÁG 10 EmBrasília,oprefeitodeMoemaepresidentedaAssociação Mineira de Municípios (AMM), Julvan Lacerda, requereu do presidente Michel Temer medida para que o e Estado pague dívida de mais de R$ 10 bilhões de reais para os municípios. As chuvas estão causando muitos alagamen- tos e prejuízos na cidade. No fim de semana, nova frente fria chega à região, favorecendo as pancadas. Instituto Marcos Moraes realiza leilão beneficente
  • 2. 22.11.2018Leia mais notícias em www.jornalcidademg.com.brEDITORIAL2 Caros leitores, BEATRIZ VASCONCELOS beatriz@jornalcidademg.com.br Mais uma vez a chuva causou prejuízos para muita gente na ci- dade. O problema dos alagamen- tos aqui é um caso antigo, sempre com os mesmos pontos atingidos. Durantemuitosanosasadministra- ções da nossa cidade deixaram por fazer obras importantes de drena- gem,eagoracomocrescimentoda cidade, elas se tornaram tão urgen- tes. O pior que essa urgência custa caro, 33 milhões de reais, um valor que muito provavelmente o muni- cípionãovaiquererpagarsozinho. AlgumasobrasdoSAAEvãoaju- dar no desemboque das águas plu- viais e estão em andamento, uma naAvenidadasPalmeiras(contorno daPraia),emexecução,outranarua dosFerroviárioseoutraqueirádre- nar parte da Avenida Isabel de Cas- tro,previstaparacomeçarlogoapós a conclusão da primeira. Entretan- to, a necessidade de outras tantas é imensamente muito maior que is- so.E,enquantonãosaemasdemais necessárias,cadapessoaquetemsu- asperdaspelachuvaéquemvaipa- gando sozinho a conta do seu pre- juízo. Paz e bem a todos! – falta de “quorum legal”, a Assembl PSF’s voltam a ter atendimento médico As seis unidades de PSF’s (Programa Saú- de da Família) que estavam sem médicos em Lagoa da Prata já estão com os profis- sionais contratados e aten- dendo normalmente. Com isso,maisde25milusuários atendidospeloserviçovolta- ram a ter acesso ao atendi- mento básico de saúde nos postos próximos as suas re- sidências. Os Psf’s estavam sem médicos porque vários contratos por tempo deter- minado na área da saúde haviam vencido e não pude- ram ser renovados por cau- sa de impeditivos jurídicos. As proibições diziam respei- to a contratações temporá- rias de profissionais que de- veriam estar efetivados com concurso público. Após negociações entre aPrefeitura,oMinistérioPú- blico e o Ministério Público do Trabalho, foi autorizada a realização de um processo seletivo a fim de viabilizar novas contratações tempo- rárias até que se tenha con- cluído o concurso público que está em andamento. Se- gundoSabrinaNovaes,coor- denadora dos PSF’s e da Po- liclínica, 16 médicos foram aprovados, e seis deles assi- naram contrato de seis me- ses. “Orientamos o usuário que precisa agendar uma consulta a procurar sua uni- dadedereferênciaparaaten- dimento, e quem não pos- sui PSF como referência de- ve procurar atendimento na Policlínica I”, reforça a coor- denadora. VEJA QUEM SÃO OS NOVOS MÉDICOS CONTRATADOS: •PSF Edil Handan - Dra. Bárbara Lima e Melo •PSF Gomes - Dra.Gabriela de Oliveira Florindo - •PSFMarilia- Dra.Lucianne Vonelle Sales de Freitas •PSF Chico Miranda - Dra. Elba Cristina de Bessas Ro- gana •PSF Américo Silva I - Dr. MarcosViniciusMendesBar- roso •PSFSolNascente-Dr.Moi- sésSamuelGonçalvesOlivei- ra DA REDAÇÃO contato@jornalcidademg.com.br DIVULGAÇÃO
  • 3. 22.11.2018 Curta no Facebook fb.com/jornalcidademg COOPERATIVISMO 3
  • 4. 22.11.2018Leia mais notícias em www.jornalcidademg.com.brCOTIDIANO4 FOTOS: ARQUIVO PHARLAB Pharlab divulga percurso e atrações da 2ª edição da Corrida Bem-Estar de Lagoa da Prata APharlabanunciounes- ta segunda-feira (19) o percurso da 2ª edição da Cor- rida Bem-Estar de Lagoa da Prata. A prova acontece no dia 02 de dezembro, e passa- rá pelos principais pontos da cidade,comlargadaemfrente àPraiaMunicipal.Nasequên- cia,oscorredorespassampela R.Dr.RômuloAmorim,R.Per- nambucoatéaAvenidaBrasil. Depois, viram na R. Joaquim GomesPereiraenaR.Modes- toGomes-ondeaturmados5 km faz o retorno para a parte finaldaprova.Ogrupodos10 km segue para a R. Santo An- tôniodoMonte-passandoem frenteàPraçadaIgrejadeNos- sa Senhora do Rosário -, até o retornoquetambémmarcaa metade da corrida para eles, voltando para a área de che- gadaepremiações. A Corrida conta com per- cursos de 5 e 10 quilômetros, alémdecaminhadade3,5km e modalidade Kids por fai- xa etária. As inscrições estão abertas através do site www. pharlab.com.br, e o kit atleta conta com camiseta, viseira, medalha, chip e itens de nu- trição.Ostrêsprimeiroscolo- cados das classes feminina e masculina,tantoparaos5km quantoparaos10km,ganha- rãotroféusepremiação.Além disso, haverá premiações por faixa etária em ambos os per- cursos, conforme as seguin- tes faixas: 16 a 29 anos, 30 a 39 anos, 40 a 44 anos, 45 a 49 anosemaisde50anos.Noen- tornodaPraiaMunicipal,será montadaaestruturadoeven- to, onde estarão disponíveis tendas com serviços de mas- sagens para os participantes, foodtruckscomcomidasebe- bidasdiversas,eespaçokids. DA REDAÇÃO contato@jornalcidademg.com.br FOTOS: NELZITA LACERDA INMET prevê novos e mais fortes temporais a partir de domingo As chuvas estão causando muitos alagamentos e prejuízos na cidade. No fim de semana nova frente fria chega à região favorecendo as pancadas. As chuvas registradas na tarde da última sex- ta-feira (16) causaram estra- gosemLagoadaPrata.Emvá- rios pontos da cidade ruas e avenidasforamtomadaspela água, com registros de cenas de carros ilhados no meio da inundação ou sendo arrasta- dos pela enxurrada, sem con- tarascasaseoscomérciosque sofreram prejuízos com a en- trada da água em seus cômo- dos. De acordo com Instituto NacionaldeMeteorologia(In- met),aschuvasdoiníciodase- mana tendem a diminuir e a temperatura aumentar, mas há previsão de novos tempo- rais, e com mais força, a par- tirdestedomingo(25). De acordo com o mete- orologista do Inmet Cleber Souza, a chegada de frentes frias na região Sudeste favo- receu as chuvas ocorridas na cidade. “Elas sempre trazem a possibilidade de temporais, e os meses de novembro, de- zembro e janeiro são os me- ses climatologicamente mais chuvososdoano.Essevolume de chuva observado está den- trodanormalidadeesperada, masnesteanotemosobserva- doquetemchovidocommais frequênciaquenosanosante- riores”, informa o especialis- ta, alertando para o risco de novostemporais:“Apartirde domingojáobservamosache- gada de uma nova frente fria easchuvasdapróximasema- napodemsermaisfortesque essas”,destaca. OlagopratenseCarlosBra- silGuadalupe,oLalinho,fazo acompanhamentodaschuvas em Lagoa da Prata há 32 anos comumpluviômetroinstala- do em sua casa. Para a repor- tagem,elecontouque,duran- te todo dia de sexta-feira cho- veu 57 milímetros, e durante àtarde,quandoumtemporal atingiu o município, em me- nos de uma hora choveu 44 milímetros. O que ele descre- ve como normal, porém, não é habitual que aconteça. Ain- daconformeLalinho,amédia paraomêsdenovembroéde 217 milímetros, e até essa se- gunda-feira (19) já havia cho- vido o volume esperado para todomês. Muitas casas e comércios ficaram alagados e mais uma vezosmunícipesamargaram prejuízos. Váriosvídeoscircu- larampelasredessociaismos- trando o drama vivido pelos moradores. Em um deles é possível ver uma farmácia lo- calizadanaAvenidaBrasil,to- madapelaágua.Outro,grava- donaAvenidaJoséBernardes Maciel, mostra motoristas e motociclistasilhados. A aposentada Nelzita La- cerdaémoradoradaruaZino Gomes, e novamente sofreu com o alagamento. “Aqui em casaentraáguahámuitotem- po, meu filho tinha quatro anosehojetemtrintaeoitoe asituaçãonãomudou.Prefei- tonenhumnuncaresolveues- se problema para a gente. Al- guns vereadores já estiveram aqui, mas até agora nada foi feito,aPrefeituranãofeznada para nos ajudar. Pelo menos nove residências próximas à minha sofrem com o mesmo problematodavezquechove forte. Desta última vez eu es- tavaforadecasa,quandoche- guei,viquemaisumavezha- viaperdidodiversosmóveis”, lamenta. ParaAstácioCorreiaNeto, diretor-adjuntodoServiçoAu- tônomodeÁguaeEsgoto(Sa- ae), os constantes alagamen- tos que a cidade vem sofren- dosãoconsequênciadefalhas noplanejamentoaolongode muitotempo.“LagoadaPrata sofre porque não tem um sis- temadedrenagem,poisantes issonãoeraexigidodosdonos de loteamento e a prefeitura também não fazia. A cidade toda é carente de drenagem. E infelizmente não é possível fazer tudo de uma vez. Inclu- sive,nóselaboramosumpro- jetodedrenagemparaospon- tos mais críticos, que foi con- cluídoessasemanaecontem- pla nove pontos, como a ave- nida Isabel de Castro e a rua Zino Gomes. Essa obra custa- ria 33 milhões de reais para o município, é um valor muito alto,esemrecursosdosgover- nosFederaleEstadualagente dificilmente vai conseguir fa- zerisso”,afirma. Segundo Neto, estão em andamento obras para esco- amento pluvial nas avenidas do Contorno, Isabel de Cas- tro e na Rua dos Ferroviários. Enquantoosistemadedrena- gemnomunicípionãosetor- neeficiente,eleexplicaqueal- gumas medidas precisam ser tomadaspelapopulaçãoafim dediminuirosproblemascau- sadospelachuva.“Osbueiros precisam estar totalmente li- vres,aspessoasnãopodemjo- garlixoeoutrosmateriais.Ou- tracoisaqueprejudicaoesco- amentoédeixarrestosdema- teriais de construção nas cal- çadas,porquequandochovea águacarregamuitacoisapara dentro dos bueiros. É impor- tantelembrarqueemmuitas casas a água da chuva é dire- cionadaparaarededeesgoto, eissoéumproblemaqueleva amuitostranstornostambém paraosvizinhos”,avisa. DA REDAÇÃO contato@jornalcidademg.com.br Rua Zino Gomes (Bairro Gomes) sofreu com o alagamento
  • 5. 22.11.2018 Curta no Facebook fb.com/jornalcidademg COTIDIANO 5
  • 6. 22.11.2018Leia mais notícias em www.jornalcidademg.com.brCOTIDIANO6 FOTOS: CHIODI FOTOGRAFIA ASCOM LAGOA DA PRATA Instituto Marcos Moraes realiza leilão beneficente Lions Clube oferece exames gratuitos para prevenir o câncer de próstata Secretária de Assistência Social, Cali, e o presidente do Lions Clube de Lagoa da Prata, Benildo. O objetivo foi arrecadar fundos para a construção de uma sede própria. A entidade começou há dois anos em Lagoa da Prata e já atende cerca de 80 crianças. A ação acontece durante o ‘Novembro Azul’, mês escolhido para alertar o público masculino sobre a importância do autocuidado com a saúde. O instituto Marcos Mo- raes realizou no dia 9 de novembro um leilão be- neficente de antiguidades. O evento aconteceu no Ca- sarão do Buffet Divina Gula e reuniu dezenas de pesso- as. Cerca de 80% dos 46 lotes de peças antigas foram arre- matados, de um acervo que incluía móveis, prataria, re- lógios, vitrolas, entre outras variedades de colecionado- res. O objetivo foi arrecadar fundos para a construção de uma sede própria para aten- derademandadestanovaen- tidade de filantropia em La- goa da Prata, que está desen- volvendotrabalhosnacidade em benefício de crianças ca- rentesemulheresgestantes. Elisete de Oliveira é a idealizadora e fundadora do instituto Marcos Moraes, e quem organizou o leilão. To- dasaspeçasqueestavamsen- doleiloadasforamdoseupai, que era um grande colecio- No Brasil, de acordo com o Instituto Nacio- naldoCâncer(Inca),otumor depróstataéosegundomais comumentrehomens-fican- do atrás apenas do câncer de pele não melanoma - e, anu- almente, são diagnosticados cerca de 70 mil novos casos nopaís.Afimdealertaropú- blico masculino sobre a im- portância do autocuidado em saúde, e chamar a aten- ção dos governantes sobre a necessidadedepriorizarpolí- ticas públicas voltadas à saú- de do homem, foi criado o Novembro Azul. Neste mês então, várias ações de cons- cientização e prevenção são intensificadas em todo o pa- ís. Aqui em Lagoa da Prata, o LionsClubeBelchiorJoaquim Neto, em parceria com as se- cretariasdeSaúdeeAssistên- cia Social, está doando cerca de200examesahomenscom idade acima de 50 anos. De acordo com presiden- te do Lions Clube, Benildo Torres,asamostrasdesangue paraotestedoAntígenoPros- tático Específico (PSA) estão sendocolhidasaolongodeto- do o mês de novembro. A úl- tima coleta vai acontecer na próximaquarta-feira(28).“Es- tamos oferecendo a homens commaisde50anosdenossa comunidade,principalmente aquelesquenãopodempagá- -lo, um número limitado de exames de PSA total e livre, queestãosendorealizadasno InstitutoHermesPardiniem Belo Horizonte.” Acoletaestáacontecendo noInstitutoMunicipalAnáli- ses Clínicas (IMAC), que fica na rua Cirilo Maciel número 32. Para fazer o exame é pre- cisoseguiralgumasrecomen- dações, como explica Benil- do: “Somente aqueles que preencheremumformulário queestánaúltimapáginado folhetoquedistribuímospela cidade, e receberem um car- tão indicando o dia da coleta do sangue irão efetivamente fazê-la”, informa. É a primeira vez que o Lions promove esta campa- nha,e,pararealizá-la,foipre- ciso unir forças “Quando o planejamentoestavapronto, procurei o secretário de Saú- deparaexporoplanoeverse a secretaria poderia nos aju- dar,principalmentecedendo espaçoadequadoparaacole- ta de sangue, o que foi resol- vido. Na ocasião, ele nos in- formou de uma demanda re- primida para se fazer o exa- me de PSA. Há uma procura acimadadisponibilidadeque elepodedispor.Assim,dispo- nibilizei dez exames para ca- da PSF, ficando a divulgação e a escolha com eles. Esta- moscontandocoma colabo- raçãodapastadeAssistência Social,ambasestãoajudando adivulgar,distribuindofolhe- toserecolhendoospreenchi- dos, além de nos ofertar es- paço para realização da cole- tadesangue.Todasasfarmá- cias e algumas entidades re- ligiosas , também estão nos ajudando”, destaca A DOENÇA Andrey Soares é médico on- cologista do Centro Paulista de Oncologia (CPO) e alerta dequecasosfamiliaresdepai ouirmãocomcâncerdeprós- tata, antes do 60 anos de ida- de, podem aumentar o risco em até dez vezes em relação à população em geral. “A ne- oplasia afeta somente os ho- mens,jáqueéumaglândula quefazparteexclusivamente doaparelhoreprodutormas- culino.Parentesdeprimeiro grau com tumor de prósta- ta, em idade jovem são fato- resderisco.Emalgunscasos, apesardediscutível,amáali- mentação pode ser um fator que aumenta as chances da doença se desenvolver”, ex- plica. Porserdifícildeserdiag- nosticado, é recomendável que homens a partir de 50 anos (e 45 anos para quem tem histórico da doença na família)façamoexameclíni- co(toqueretal)eoPSAanual- mente para rastrear o apare- cimentodadoença.“OPSAé umaproteínaespecíficapro- duzida pelas células da glân- dula(presenteapenasemho- mens)ecujataxa,emmédia, deve ser de quatro nanogra- mas por mililitro. Uma alte- raçãodestevalorparanúme- ros mais elevados, um au- mento muito rápido entre duas medidas, ou até mes- mo valores menores, porém em pacientes jovens e com próstata pequena, pode ser um indicativo do câncer e é importante aliado para a de- tecçãodacondiçãoemsuafa- se inicial, quando ainda é as- sintomática.Quandoestasal- terações aparecem e há uma suspeita da doença no orga- nismo do homem, é indica- daumabiópsiaatravésdeul- trassonografiatransretalpa- raaconfirmaçãododiagnós- tico”, orienta o oncologista. nador de Santo Antônio do Monte, apaixonado por an- tiguidades. Esta herança foi doadapelafamíliadaElisete, queabraçouacausadoinsti- tuto para dar seguimento às obras de caridade que come- çaram há dois anos na cida- de. Para dar preço aos itens, as peças foram avaliadas por especialistas, como conta Elisete: “A avaliação foi fei- ta por dois antiquários em Belo Horizonte e um em Ou- ro Preto, além de relojoeiros e da experiência que eu ad- quiri acompanhando meu pai nas negociações”, desta- ca, acrescentando a boa par- ticipaçãodacomunidade: “A receptividade foi muito boa desde o momento da entre- ga dos convites. Muitas pes- soas se interessaram porque gostam e valorizam antigui- dades, mas também por en- tenderem que é uma forma de ajudar àqueles que preci- sam”. MARCOS MORAES O nome da entidade é uma homenagem ao filho de Eli- zete,queteveajuventudein- terrompidaporumacidente automobilístico. Segundo a mãe do jovem, ele era muito altruísta e a criação de uma instituição beneficente foi a melhor maneira que ela en- controu para aliviar a dor da perda.Hátrêsanosainstitui- ção iniciou as atividades au- xiliandoumafamíliaemSan- to Antônio do Monte, onde Elizete morava. Há dois anos Elisete mu- dou-se para Lagoa da Prata e passou a desenvolver traba- lhos por aqui também. Hoje sãocercade80criançasaten- didas,38mulheresgrávidase um total de 41 bebês que es- tão para chegar receberam auxílio.“Começamoscuidan- do de seis crianças do bairro AméricoSilva.Apartirdaíti- ve mais contato com as fa- mílias, passei a entender su- as necessidades e carências, e surgiu a ideia de continu- ar as ações, para ajudar tam- bémcomalimentação eexa- mes médicos. Tenho dedica- do minha vida a este traba- lho e pretendo me esforçar cadadiamaisparamelhorar as obras sociais”. Visite a página no Face- book (Instituto Marcos Moraes) para conhecer oinstituoesejaumdoa- dor ou voluntário. Telefone: 37 9 9949-0628 DA REDAÇÃO contato@jornalcidademg.com.br DA REDAÇÃO contato@jornalcidademg.com.br
  • 7. 22.11.2018 Curta no Facebook fb.com/jornalcidademg COTIDIANO 7 DAVI MARTINS Embaré vence prêmio “Minas - Desempenho Empresarial” na categoria “Indústria Alimentícia” A Embaré, sexta maior empresa de lácteos do país, recebeu no último dia 25 de outubro o prêmio Mi- nas – Desempenho Empre- sarial, realizado pela revista MercadoComumhá20anos, na categoria Indústria Ali- mentícia. A premiação é re- conhecida como o “Oscar da economiadeMinasGerais”e homenageiaasempresasque mais se destacaram no mer- cadonoúltimobiênio,apar- tirdoestudoXXIRankingde Empresas Mineiras. A escolha das empresas premiadas é definida, fun- damentalmente, pela efe- tiva contribuição à econo- mia e ao desenvolvimento de Minas Gerais. São consi- derados critérios como: ino- vação e absorção tecnológi- ca,expansãodevendas,inte- graçãonacionaleinternacio- nal,governançacorporativa, competitividadeeprodutivi- dade,transparência,geração derendaeempregoesusten- tabilidade. “Estamos muito satisfei- toscomesseresultado.Reco- nhecimentoscomoestefun- cionam como ferramentas de incentivo e corroboram com nossos esforços de atu- ar de maneira ética, inova- dora, pautada no respeito ao indivíduo, na excelência em gestãoenaentregadeprodu- tosdequalidade”,afirmaRo- meroMarinho,diretorpresi- dente da Embaré. EXCELÊNCIA RECONHECIDA Além do prêmio Minas – De- sempenho Empresarial do Mercado Comum, a Embaré conquistou em 2018 os reco- nhecimentos: “AsmelhoresdaDinheiro”- CategoriaAlimentos–Revis- ta IstoÉ Dinheiro; 1ºlugar“MarcasqueeuGos- to” - Categoria Bebidas/Leite – Folha de Pernambuco; “TroféuGenteNossaForne- cedores” - Categoria Leite – AssociaçãoMineiradeSuper- mercados; 1ºlugar“MelhoresEmpre- saseProfissionaisdoAno” - Categoria Indústria Local - CDL Lagoa da Prata. SOBRE A EMBARÉ A Embaré atua no mercado háquase83anos.Hojepossui umaestruturafabrilrobusta, cerca de 37,5 mil m² de área construída e com um qua- dro de mais de 1.600 funcio- nários.Aindústriatemcapa- cidade de processamento de 2,4 milhões de litros de leite por dia e produção na área de confeitaria de 2 mil tone- ladas por mês. Hoje a Embaré é uma daspoucasempresasno Bra- sil que possui a certificação FSSC22000 - Food Safety Sys- temCertification-quegaran- te a segurança alimentar de toda a sua linha produtiva. Possui certificação interna- cionalWorkplaceConditions Assessment (WCA), que ava- lia e garante o atendimento aos requisitos relacionados às obrigações trabalhistas, adoção de jornadas legais de trabalho, gestão de saúde e segurança,sistemadegestão integrada e respeito ao meio ambiente. A empresa ainda dispõe deprojetosambientaiscomo uma Estação de Tratamen- to de Efluentes Industriais (ETEI), programa de recicla- gemderesíduosegeraçãode energia elétrica por meio de Mecanismo de Desenvolvi- mentoLimpo(MDL).Naárea de responsabilidade social, possui o diploma de Empre- sa Amiga da Criança, conce- dido pela Fundação Abrinq. E também mantém pro- jetos em benefícios de seus colaboradores e da comuni- dade,comaçõessociaiscoor- denadas pela Fundação Em- baré, que vão desde a manu- tenção do Centro de Educa- çãoInfantilArletteAntunes, creche-escola onde são aten- didas90criançascarentesen- tre um e seis anos de idade, passando pelo fornecimen- to de leite em pó para as cre- cheseentidadesassistenciais da região, a manutenção do Centro Cultural Hilde Schi- mdt, Coral Embaré e ARCE – Associação Recreativa dos Colaboradores da Embaré, entre outros projetos. PUBLIEDITORIAL O presidente da Embaré Romero Alves Marinho recebe o prêmio.
  • 8. 22.11.2018Leia mais notícias em www.jornalcidademg.com.brCOTIDIANO8 FOTO: BEATRIZ VASCONCELOS ARQUIVO PESSOAL Naza volta à política para se candidatar a prefeito de Lagoa da Prata em 2020 Depois de dez anos afastado da política, Narcízio da Cruz Ferrei- ra, o Naza, volta ao cená- rio político e anuncia que pretende disputar a prefei- tura de Lagoa da Prata nas eleições que ocorrerão em 2020. Naza foi vereador por duas legislaturas consecuti- vas (2001 a 2008) e presidiu a Câmara em 2005 e 2006. Atualmente é microempre- sário e sua empresa tem atu- ação em mais de 200 muni- cípios mineiros. O empreendedor afir- ma que nos últimos 10 anos se preparou para ocupar a principal cadeira do Execu- tivo municipal. Ele concluiu o curso de Direito e se espe- cializou nas áreas de Direi- to Público e Gestão de Saú- de Pública. Para legitimar suas pro- postas, Naza registrou um documento em cartório, no qual constam medidas ino- vadoras na gestão pública, que inclui a participação de entidades filantrópicas na escolha dos secretários mu- nicipais, que terão perfil to- talmente técnico. Outra me- dida que visa a transparên- ciaésubstituirasparedesdo gabinete do prefeito por vi- dros blindex, de modo que o cidadão saiba com quem o mandatário do município está se reunindo. A medida, segundo ele, é para dar to- taltransparênciaaosatosdo Executivo. O Jornal Cidade conver- sou com Narcízio, que deta- lhou os seus projetos, e ga- rante que tem um modelo de gestão inovador, planeja- doealinhadodeacordocom as discussões das principais lideranças comunitárias de LagoadaPrata,emseusmais variados segmentos. Quais razões levam vo- cê a colocar seu nome à disposição para dispu- tar a Prefeitura de La- goa da Prata? Fui vereador por dois man- datos e também ocupei a presidência da Câmara. Co- mo parlamentar eu fui mui- to combativo, sempre pro- curei fazer com veemência meu trabalho também de fiscal, e isso foi reconheci- dopelapopulação.Alémdis- so, outros resultados muito positivos da minha atuação na Câmara me dão motiva- ção, por exemplo as verbas importantes que eu conse- gui para Lagoa da Prata com 14 deputados diferentes, es- taduais e federais. Duranteessetempofora de função pública, eu mon- tei a minha empresa, a Naza Representações. Venho tra- balhando neste ramo do co- mércio, mas também estou semprepensandonosassun- tos da política. Eu estou há quase 10 anos me dedicando aos estudos, fiz Direito e es- pecializações em Direito Pú- blico e Gestão da Saúde Pú- blica. Considero a Saúde a pas- ta mais importante do mu- nicípio e, para entendê-la melhor, eu aprofundei as pesquisas das regras sobre os convênios e a busca por recursos. Eu também estu- do bastante o Orçamento e aLeiOrgânicadomunicípio. Sempre sonhei em adminis- trar nossa cidade, e hoje me sinto preparado para ser gestor e fazer uma adminis- tração que vai ficar na histó- ria do município. Qual é o nome da pes- soa que irá compor sua chapa para ser seu vice, caso permaneça candi- dato? Paraumpossívelvice-prefei- to,temosbonsnomes,etem um que possui grande chan- ce de compor a chapa comi- go, que é um grande amigo e fomos vereadores juntos: Joanes Bosco. Ele é um ve- reador de quatro mandatos, quetrabalhoutrintaanosna Saúde, tem ótimos relacio- namentos e muito conhe- cimento nesta área. Se não houvernenhumamudança, o vereador Joanes Bosco se- rá candidato a vice-prefeito pela sua experiência, seu ca- ráter e carisma. E as articulações parti- dárias? Acabamos de nos filiar ao Partido Social Democrático (PSD), legenda 55. Estamos fazendo os contatos de filia- ção de pessoas e nos reunin- do em Belo Horizonte com o deputado estadual Duar- te Bechir e o deputado fe- deral Diego Andrade, que é o presidente estadual do PSD. Também estamos con- versando com empresários, comerciantes, entidades fi- lantrópicas e várias lideran- ças do município, a fim de ouvir bem o anseio da po- pulação para desenvolver um programa de governo que contemple suas neces- sidades. DA REDAÇÃO contato@jornalcidademg.com.br O pré-candidato filiou-se ao PSD, registrou em cartório medidas que pretende implantar, e garante que a cidade será referência de gestão no Brasil Narcízio tem 50 anos de idade, é casado com Joana Darc Rios Ferreira e pai de duas filhas, Izabela e Camila. Além de bacharel em Direito e duas pós-graduações, possui formação técnica em Contabilidade e Segurança do Trabalho. Atualmente é proprietário da empresa Naza Representações, que comercializa cosméticos, bonés e acessórios. Na sua jovialidade, Narcízio já era muito conhecido pelas suas intensas congregações, como por exemplo, no Movimento de Amizade Cristã (MAC), grupo católico que ele ajudou a implantar na cidade. É diretor de Esportes do time de futebol Laprata, já esteve também à frente do setor de Esportes do Umuarama Clube, fundou e foi presidente da Associação de Segurança Pública da Polícia Militar de Lagoa da Prata, entre outras tantas participações na comunidade. Narcízio “Naza”: Considero a Saúde a pasta mais importante do município
  • 9. 22.11.2018 Curta no Facebook fb.com/jornalcidademg COTIDIANO 9 FOTO: BEATRIZ VASCONCELOS ARQUIVO PESSOAL ARQUIVO PESSOAL ARQUIVO PESSOAL Se for eleito, como irá compor sua equipe de trabalho? Minha ideia quanto a isso já está registrada em cartório. Euireideixardeseguiraque- levelhomodeloquetemim- perado em quase todas as prefeituras. Com frequên- cia, quando um novo prefei- to toma posse, ele oferece os cargosdesecretáriosàquelas pessoasquederamapoiopo- lítico, ou seja, os seus ‘com- padres’. Isso precisa acabar, porque leva a uma ingerên- cia total. Para quebrar esse paradigma, minha propos- ta é que os secretários das nove pastas mais importan- tes do município sejam es- colhidos por comissões es- peciais. Elas serão formadas porliderançasdacomunida- de,representantesdeentida- des filantrópicas, pelos con- selhos de igrejas católicas e evangélicas, diretores de es- colas, ou seja, pessoas que realmente conhecem as ne- cessidadesdacidade.Osgru- pos irão indicar de três a cin- co nomes para cada pasta e teremos um conselho, for- mado por onze pessoas, que iráavaliarseguindocritérios deseleção,porexemplo:for- mação acadêmica específica na pasta, experiência, entre outrosquesitosimportantes que irão contando ponto. É um processo de seleção de profissionais, que serão es- colhidos pela sociedade pa- ra trabalhar para a socieda- de. Assim iremos ter um se- cretariado de excelência. Você foi vereador por dois mandatos, como enxerga e pretende que sejaarelaçãoentreExe- cutivo e Legislativo? Nem sempre o Legislativo é respeitado. O vereador rece- be algum questionamento ou demanda de um cidadão e a partir daí faz uma indica- ção ou requerimento, mas, muitas vezes ele não obtém resposta ou não é respondi- do à altura do que deveria ser. Sabendo dessa situação, aminhapropostaéirtodase- gunda-feira à Câmara Muni- cipal uma hora antes da reu- nião ordinária para respon- der pessoalmente os ques- tionamentos dos vereado- res, e sempre que um secre- tário for citado, ele também deverá ir. Além disso, a im- prensatambémserárespon- dida,porqueeuacreditoque essas atitudes são o mínimo que um gestor público pode fazer em respeito ao Legisla- tivo e à população. Quais são suas propos- tas para e educação? Nossa principal bandeira se- rátrazerumagrandeuniver- sidade para Lagoa da Prata e não mediremos esforços pa- ra alcançar este objetivo. La- goadaPrataestácommaisde 50milhabitantes,possuium poloindustrialemexpansão, eéurgenteaimplantaçãode um sistema de ensino supe- rior que prepare nossos ado- lescentesejovens.Jáagenda- mos uma conversa com a di- reção da Unifenas, que tem sede em Alfenas e possui po- los em Varginha, Campo Be- lo, Belo Horizonte e Divinó- polis,evamosveroutraspos- sibilidades também de uni- versidades no mesmo nível de qualidade. No que diz respeito a en- sino técnico e profissiona- lizante, precisamos trazer cursos do Cefet, Sesc ou Se- nai, buscando parcerias jun- toàFiemg.Quantoaoensino fundamentalemédio,temos umaótimaeducaçãonacida- de, que é fruto de mais de 20 anosdetrabalhomuitosério, e vamos trabalhar para me- lhorar o que já é bom. O espaço está aberto para as considerações finais. Sou pré-candidato a prefeito deLagoadaPratapeloamore carinhoquetenhopelanossa cidade,eseiquetenhomuito a contribuir, unindo a expe- riênciaquepossuoaoconhe- cimento adquirido ao longo dos últimos nove anos e a uma boa equipe de governo. Podemos fazer um excelen- tetrabalhoadministrandoos recursosquetemosebuscan- do com os governos federal e estadual mais investimen- tos para melhorar substan- cialmente a qualidade de vi- da do nosso povo. Queremos desenvolver grandes projetos na área de Esporte e Turismo. Em par- ceria com a Polícia Civil Po- lícia Militar e a Guarda Civil, fazer uma grande força-tare- fa para melhorar a seguran- ça pública. Trabalharemos para prevenir as mazelas da sociedade, visando também as crianças, adolescentes e jovens. Realizaremos ações para melhorar ainda mais a área da saúde. Vamos man- ter, e se possível, ampliar a casa de acolhimento em Be- lo Horizonte, e criaremos uma também em Divinópo- lis.Tambémvamosdiminuir cargos comissionados, redu- zir drasticamente a taxa de ITBI, reduzir pela metade a taxa de esgoto, respeitar o plano de carreira do funcio- nalismo público e estudar a viabilidadedeimplantarum plano de saúde para os fun- cionários da prefeitura e do SAAE.Enfim,vamosmontar um governo de excelência. O pré-candidato à prefeito convidou o vereador Joanes Bosco para estar ao seu lado co- mo candidato a vice-prefeito. Reunião no diretório do PSD-BH: Fernando (ex-prefeito de Cana Verde-MG), Narcízio “Naza”, Jacó (chefe de gabinete do Deputado Duarte Bechir), o vereador Joanes Bosco e Dirceu do Couto. Naza dedicou os últimos 10 anos ao estudo de Direito e Saúde Pública. Narcízio “Naza”, Deputado Estadual Duarte Bechir e o vereador Joanes Bosco.
  • 10. 22.11.2018Leia mais notícias em www.jornalcidademg.com.brCOTIDIANO10 DIVULGAÇÃO ARQUIVO PESSOAL FOTOS: CONSELHO Pedido de aposentadoria pela regra 85/95 deve ser feito até 31 de dezembro 9ª Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente elege novos conselheiros A partir de 2019 segurados precisam cumprir o cálculo 86/96 para ter direito ao benefício integral por tempo de contribuição. Segurados do Instituto Nacional do Seguro So- cial(INSS)quetiveremtempo necessário de contribuição e quiseremseaposentarcomo benefíciointegralesteanode- vem fazer o pedido até 31 de dezembro. Após esta data, a fórmula 85/95, que garante a integralidade com a soma da idade e do tempo de contri- buiçãomudará,eentraráem vigoraregra86/96,conforme previstonaLei13.183,de2015. Quando foi aprovada, es- saleiestabeleceuaprogressi- A 9ª Conferência Mu- nicipal dos Direitos da Criança e Adolescente de La- goa da Prata foi realizada no dia oito de novembro, no Te- atro Fausto Resende. O en- contro,promovidopeloCon- selho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescen- te (CMDCA), reuniu dezenas de pessoas que discutiram o tema “Proteção Integral, Di- versidade e Enfrentamento dasViolências”.Noencontro tambémforameleitososcon- selheiros do CMDCA e os de- legados que representarão o municípionaConferênciaEs- tadual, em Belo Horizonte. Segundo a presidente do CMDCA,AdrianaCristinaSil- vaFerreira,ocongressoacon- tece a cada dois ou três anos, de acordo com a deliberação do Conselho Nacional dos DireitosdaCriançaedoAdo- lescente (Conanda). “O obje- tivo foi discutir políticas pú- blicasparaosegmento,afim defortalecerodiálogoeaco- operaçãoentreórgãoseenti- dadesgovernamentaisenão- -governamentais de promo- ção e defesa dos direitos de criançaseadolescentes”,res- saltaaconselheira,lembran- do o tema escolhido para es- sa edição: “buscamos mobi- lizar os integrantes do Siste- ma de Garantia de Direitos, ascrianças,osadolescentese a sociedade lagopratense pa- ra a construção de propostas voltadasparaaafirmaçãodo princípio da proteção inte- gral de crianças e adolescen- tes.Assimfortaleceasestraté- giasdeenfrentamentoàsvio- lências, levando em conside- ração as diversidades”, disse. Durante o evento, acon- teceram as eleições dos con- selheiros do CMDCA, repre- sentantes da sociedade civil, paraobiênio2019/2020,edos delegadosquerepresentarão o município na Conferência Estadual, no ano de 2019, em Belo Horizonte. O trabalho desenvolvido pelos conse- lheiros é deliberar, controlar e articular a Política Munici- pal dos Direitos da Criança e do Adolescente para efetiva garantia da sua promoção, defesa e orientação, visando aproteçãointegraldascrian- çasedosadolescentes;opinar e formular a política munici- pal dos Direitos da Criança e do Adolescente; gerir o Fun- dodaCriançaedoAdolescen- te (FIA), realizar a eleição do Conselho Tutelar, entre ou- tras atribuições. CONSELHEIROS ELEITOS GESTÃO 2019/2020 •REPRESENTANTESDEENTIDADESPRESTADORAS DE SERVIÇO À CRIANÇA E AO ADOLESCENTE COM DEFICIÊNCIA – 01 Cadeira -Titular: Sabrina da Silva Rodrigues (APAE) Suplente: Eunice Pereira (ASAP) •REPRESENTANTE DE ENTIDADES DE ATENDIMENTO E PROMOÇÃO DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE – 04 Cadeiras -Titular: Adriana Cristina Silva Ferreira (AFA) Suplente: Rafaela Castro Braga (Rede Cidadã) -Titular: Adriana Couto Dias Castro (Amavi) Suplente: Gislene Aparecida Lima (AFA) -Titular: Elias Rodrigues Ribeiro (Amavida) Suplente: Aianda Cristina Pereira (Farsvec) -Titular: Bruna Maísa Mascarenhas Viana (Farasvec) Suplente: Vaga não preenchida •REPRESENTANTE DE ORGANIZAÇÃO RELIGIOSA - 01 Cadeira -Titular: Angela Maria Alves (Paróquia São Carolos Borromeu) Suplente: Rute Maria da Silva Ferreira (Igreja Assembleia de Deus- Ministério Lagoa da Prata) vidade da fórmula 85/95, ou seja,acadadoisanosaumen- ta um ponto para que seja possível pedir a aposentado- ria integral. O escalonamen- to funciona da seguinte ma- neira: a exigência para a apo- sentadoria passa a ser 86/96 em 31 de dezembro de 2018; 87/97 em 31 de dezembro de 2020; 88/98 em 31 de dezem- bro de 2022; 89/99 em 31 de dezembro de 2024; e 90/100 em 31 de dezembro de 2026. AFórmula85/95éaequa- ção em que a idade e o tem- podecontribuiçãodevemso- mar 85 anos para mulher ou 95 anos para homem. Espe- cialistas alertam que os tra- balhadores precisam ficar atentos e conferir se os crité- riospararequereraaposenta- doriaportempodecontribui- ção já foi atingido, como ex- plicaoconsultorprevidenciá- rioGenésioMagalhães:“Con- siderandoquenoanode2019 tais fatores serão atualizados para 86/96, em alguns casos compensa apurar o período contributivo, através da con- tagem de tempo de contri- buição. Para tais segurados ainda há tempo de se alcan- çar a aposentadoria preten- dida neste exercício, anteci- pando-se, assim, pelo menos seis meses no início do rece- bimento da aposentadoria por tempo de contribuição”, orienta. É importante lem- brarque,seapessoanãoche- ga à pontuação exigida, ain- daassimpoderequereraapo- sentadoria, contudo o cálcu- lo sofrerá a aplicação do fa- torprevidenciário,quepode- rá reduzir a renda inicial do benefício em até 40%. Para exemplificar, toma- mos como base a seguinte si- tuação:hojeumamulherpo- de ganhar aposentadoria in- tegraltendo55anosdeidade e 30 de contribuição. Se não alcançar esses valores até a virada do ano, essa trabalha- doraterádeficarpelomenos mais seis meses no merca- do de trabalho, até alcançar 55 anos e meio de idade e 30 anos e meio de contribuição. Porém, mesmo que não te- nhaatingidoapontuaçãone- cessária, ainda assim, ela po- de requerer a aposentadoria, mas o cálculo sofrerá a apli- caçãodofatorprevidenciário, que poderá diminuir o valor do benefício. Segundo Genésio, os se- gurados não devem se alar- mar, mas precisam buscar entender melhor a situação em que se encontram: “Há casosemqueoseguradoatu- almente já alcançou o direi- to à aposentadoria, mas com o uso do fator previdenciário e, caso aguarde mais alguns meses, poderá requerer essa aposentadoriajáfazendouso do fator que não reduz o va- lor do benefício previdenciá- rio. Para isso vale a pena pro- curarporserviçosespecializa- dos onde se faça uma análise do tempo contributivo e su- as projeções para o melhor período onde se possa alcan- çaraaposentadoriamaisvan- tajosa”,orientaoespecialista, frisando que, para se utilizar o fator 85/95, é preciso com- provarinicialmenteotempo mínimode30/35anosdecon- tribuição. O “MEU INSS” Umaopçãoparasaberotem- po de contribuição é a ferra- menta disponibilizada na in- ternet “Meu INSS”, que per- miteaotrabalhadorquecon- tribui para a previdência ter acesso a informações so- bre o seu pedido de aposen- tadoria por idade ou por in- validez, auxílio-doença e ou- tros. Além disso, o sistema dispõe de uma calculadora, que informa para o trabalha- dor quantos pontos ele tem paraconseguiraaposentado- ria por tempo de contribui- ção, considerando a fórmula 85/95.OInstitutoressaltaque estasimulaçãofuncionaape- nas como um primeiro ‘indí- cio’ do direito à aposentado- ria,poisosegurado,aovisua- lizar a suposta possibilidade depediraaposentadoria,pre- cisaentraremcontatocomo INSSparasaberse,defato,po- derá receber o benefício. Para poder fazer as ope- rações disponíveis no ‘Meu INSS’, é preciso um cadastro no serviço, que pode ser fei- toentretrêsecincominutos. O segurado precisa ter em mãosonomecompleto,CPF, nome da mãe, data e local de nascimento para que o siste- ma gere uma senha de aces- soprovisório.Assimqueolo- gin for efetuado, aparecerá uma mensagem instruindo o segurado a criar a própria senha. Após esse processo, o contribuinte já pode confe- rir, por exemplo, todo o tem- podecontribuição,comdeta- lhesespecíficoscomoempre- sa e o tempo trabalhado, em anos, meses e dias. DA REDAÇÃO contato@jornalcidademg.com.br DA REDAÇÃO contato@jornalcidademg.com.br Genésio Magalhães, consultor previdenciário
  • 11. 22.11.2018 Curta no Facebook fb.com/jornalcidademg COTIDIANO 11
  • 12. 22.11.2018Leia mais notícias em www.jornalcidademg.com.brCOTIDIANO12 DIVULGAÇÃO Abertas as inscrições para o concurso da PMMG FOTOS: ARQUIVO ROTARY Rotary Club recebe governador O Rotary Club de La- goa da Prata Princesa do Oeste recebeu a visita ofi- cialdoGovernadordoDistri- to4.560deRotaryInternatio- nal,PauloSérgioAzevedo,no sábado dia 10 de novembro. Elechegounacidadeporvol- ta de 10 horas da manhã, es- tevenaPraiaMunicipal,efez visitas para conhecer a Esta- çãodeTratamentodeEsgoto (ETE)eaPraçadaPaz,nobair- ro Cidade Jardim. A ETE e a Praça da Paz fo- ram locais que receberam plantio de árvores pelo pro- jeto“UmaVidaUmaÁrvore” promovido pelo Rotary. Pa- ra marcar sua presença aqui na cidade, Paulo Sérgio fez questão de realizar o plan- tiodeduasmudasdeárvores na Praça da Paz, num gesto de apoio e fortalecimento ao projeto. O governador também participouna noite dessedia 10 da Assembleia do Rota- ry Clube, em que esteve pre- senteafamíliadacriançasor- teada pelo projeto que apoia a vacinação contra a Parali- As inscrições do con- curso para soldado mú- sicosedasaúdedaPolíciaMi- litardeMinasGerais(PM-MG) estão abertas. Os interessa- dos poderão se inscrever pe- la internet, por meio do site www.policiamilitar.mg.gov. br/crs, até 20 de dezembro. A taxa de inscrição é de R$ 122,95.São60vagasparaSol- dados da Saúde: 26 para Téc- nicodeEnfermagem,15para Auxiliar de Farmácia, 9 para Técnico em Patologia Clíni- cae10paraTécnicodeSaúde Bucal, além de 90 vagas para Soldados Músicos. Segundo o edital divul- gado pela PM, durante o pe- ríodo do curso, o Soldado 2ª Classe receberá a remunera- ção de R$ 3.506,41, mais abo- no fardamento, assistência médico-hospitalar, psicoló- gica e odontológica, de acor- docomalegislaçãoemvigor. Para participar do certa- me, o candidato deve pos- suir nível superior em qual- queráreadeformação,deve- ráterformaçãotécnicacom- patívelcomaespecialidadea que pretende concorrer, ter entre 18 e 30 anos na data da inclusão (prevista para o dia 1º de agosto de 2019), altura mínima de 1,60m, entre ou- tros requisitos. PROVAS O concurso terá prova de co- nhecimentos (objetiva e dis- sertativa), avaliações psico- lógicas, avaliação física Mili- tar (AFM), exames de saúde, exame toxicológico e prova prática para Soldado Músi- co. As provas, objetiva e dis- sertativa, serão realizada às 8h30min do dia 24 de feve- reiro de 2019, em Belo Hori- zonte. sia Infantil, que foi receber a premiação da campanha: uma bicicleta oferecida pelo Rotary de Lagoa da Prata e a Athor Bike. Nestamesmanoiteficou registradoaentregadoTítulo “Companheiro Paul Harris”, conferido ao senhor Ângelo Robson de Oliveira. A home- nagem é um reconhecimen- to outorgado pela Fundação Rotária,peladoaçãoespontâ- neadaimportânciademildó- lares,comafinalidadecontri- buirparaosrecursoscomque sãodesenvolvidosprogramas humanitáriospelafundação. DA REDAÇÃO contato@jornalcidademg.com.br DA REDAÇÃO contato@jornalcidademg.com.br Ângelo Robson de Oliveira recebeu o Título “Companheiro Paul Harris” Governador Paulo Azevedo fez plantio de árvores na Praça da Paz São 150 vagas de Soldados da Saúde e Músicos. Candidatos devem ter nível superior em qualquer área, e formação técnica compatível com a especialidade. FOTO: AMM AMM pede intervenção federal no governo de Minas Em Brasília, o prefeito de Moema e presidente da Associação Mineira de Municípios (AMM), Julvan Lacerda, requereu do presidente Michel Temer medida para que o Estado pague dívida de mais de R$ 10 bilhões de reais para os municípios. O prefeito de Moema e presidente da Associa- ção Mineira de Municípios (AMM), Julvan Lacerda, este- ve em Brasília na última se- gunda-feira (19), onde se en- controu com Presidente Mi- chel Temer e lhe entregou umpedidodeintervençãofe- deral no governo de Minas. O prefeito, que também é vi- ce-presidente da Confedera- ção Nacional de Municípios (CNM), participou de uma reuniãonasededaentidade, naCapitalFederal,eapresen- tou uma pauta municipalis- ta a Temer. Para Julvan, a iniciativa se justifica pela situação de atrasos nos repasses do go- vernodoestadoparaasmais de800prefeituras,epelofim daspossibilidadesdediálogo com a admininistração de Fernando Pimentel. Confor- me levantamento da AMM, a dívida já está acima de R$ 10 bilhões. Ao todo, 18 asso- ciações de microrregiões en- dossamopedido.“Tentamos o diálogo. Entramos com di- versasações,buscamosapoio detodosospoderes,enada.A dívida do Estado com os mu- nicípios só aumenta e já pas- sa dos R$ 10 bilhões. O Esta- do voltou a confiscar o ICMS semanaleosmunicípiosnão aguentam mais”, exclama. Segundo o presidente da AMM, a falta dos repasses do governodeMinascriouuma situação insustentável para a maioria dos municípios do estado.Aentidadeprevêque 90%dasprefeiturasmineiras irão terminar o ano de 2018 no‘vermelho’,devidoàsoma dodébitodogoverno.“Poris- so,estamosaqui,emBrasília, requerendoessaintervenção aopresidenteTemer.Asitua- çãoégravíssimaeasprefeitu- ras estão à beira de fechar as portas, desencadeando uma crisesemprecedentesemMi- nas Gerais”, declarou. NopedidoentregueaTe- mer, Lacerda usa o artigo 34 daConstituiçãoquetratadas possibilidades de o governo federal intervir nos estados. “AConstituiçãoprevêquese o ente deixar de repassar o recurso para outro ente, es- tápassíveldeintervençãofe- deral.Nãoprecisaserumain- tervenção ampla, que afaste ointerventor,masumainter- vençãoparcial,nascontasdo Estado, que é o que a AMM quer”, afirmou. O QUE DIZ O ESTADO Ao Jornal Estado de Minas, o advogado-geral do Estado, Onofre Batista, disse que a medida é “inadequada e es- téril!”. Isso porque, de acor- do com ele, essa questão já foi apresentada ao Supremo Tribunal Federal (STF) ante- riormenteenãofoideferida. Ele argumentou que os esta- dos passam por esse proble- maeamedidaafetariatodos. “Acredito que a providência podebemservirquandome- lhoriaspodemserintroduzi- das, mas em um quadro re- cessivo e com um desajuste grave e estrutural do federa- lismo, como agora se verifi- ca, a medida além de tudo seria inadequada e estéril”, apontou. DA REDAÇÃO contato@jornalcidademg.com.br Julvan Lacerda e o Presidente Michel Temer
  • 13. 22.11.2018 Curta no Facebook fb.com/jornalcidademg COTIDIANO 13
  • 14. 22.11.2018Leia mais notícias em www.jornalcidademg.com.brCOTIDIANO14
  • 15. 22.11.2018 Curta no Facebook fb.com/jornalcidademg COOPERATIVISMO 15
  • 16. 22.11.2018Leia mais notícias em www.jornalcidademg.com.brCOOPERATIVISMO16 FOTOS: SICOOB CREDIPRATA O dia-a-dia corrido dos brasileiros tem exigido que as instituições financeiras ofereçam a seus clientes soluções mais ami- gáveis e práticas para facilitar o relaciona- mento e a realização de suas operações. Nas cooperativas financeiras não é di- ferente, como é o exemplo do SICOOB, que tem direcionado significativos investimen- tos à tecnologia, com o objetivo de desen- volver soluções digitais seguras para facili- tar a vida de seus mais de 4 milhões de as- sociados. O Sicoob Crediprata participa deste grande Sistema, que o credencia a disponi- bilizar modernos e premiados aplicativos, onde seus associados encontram tudo que necessitam para facilitar sua vida financei- ra. Além disso, o APP SICOOBCARD conta com outras excelentes funcionalidades que no dia-a-dia trazem comodidade e agilidade aos portadores, como: •Desbloquear/bloquear cartão: o portador Sicoobcard já pode dar adeus às horasnotelemarketing,podendofazersem burocracia e perda de tempo estas opera- ções direto no APP SICOOBCARD. •Limites por categoria: na aba de Autorizador Pessoal é possível definir um limite de quanto o portador pretende gas- tar em cada categoria: vestuário, combustí- vel, alimentação, entretenimento, etc. •Cartão virtual: para compras onli- ne com muito mais segurança, o portador gera um cartão virtual com vigência e limi- te único de compra. •Fatura:permitesuspenderafaturaim- pressa ou vincular a fatura do cartão com o aplicativoSicoobMinhasFinanças. •Cartãoadicional:alteraçãodolimite doseuadicionalebloqueiodoplástico. Parabaixaroaplicativo,ésóentrarnaloja doseusmartphoneedigitar“Sicoobcardmo- bile”naáreadebusca. APP SICOOB O APP SICOOB é a internet banking do Sicoob que pode ser acessado em notebooks, smartphones ou tablets a qualquer lugar e a qualquer hora. A supervisora de produtos do SicoobCrediprata,ThaisEmanueladeSousa Borges,confirmaosucessodoaplicativo,regis- trando quemaisde400milassociadosdasco- operativasdoSicoobjáoutilizamdiariamen- tepararealizarsuasoperaçõesfinanceiras. Comvisualmaismodernoemelhoriasna navegação e uso, agora os associados podem realizar suas transações com poucos cliques, deformarápidaesegura.Osserviçosdisponí- veissãosaldos,extratos,pagamentos,transfe- rências,empréstimos,investimentos,cartões, previdênciaemuitomais. CONFIRA OUTRAS VANTAGENS: PUBLIEDITORIAL Conheça dois modernos APPs que facilitam a sua vida financeira Thais Emanuela de Sousa Borges Supervisora de Produtos do Sicoob Crediprata Sicoob Crediprata é Digital Rosimeire Oliveira de Sousa Gerente de Negócios do Sicoob Crediprata “ O APP SICOOBCARD é um instrumen- to indispensável à educação financeira dos associados, na medida em que permite que os portadores dos cartões Sicoobcard, de forma simples e intuitiva controlem seus gastos eficientemente. ”