Jornal da Cidade - 31 de outubro de 2013

Apoio Cultural

Lagoa da Prata, 31 de outubro de 2013 - Ano I - Nº 14

QUANTO VA...
Jornal da Cidade - 31 de outubro de 2013

2
3

Jornal da Cidade - 31 de outubro de 2013

Gestante diz que a falta de uma cesárea pode
ter contribuído com a morte de s...
4

Jornal da Cidade - 31 de outubro de 2013

Pegue o seu JORNAL DA CIDADE
nestas empresas. É de graça.
PADARISO/SANTA EUGÊ...
Jornal da Cidade - 31 de outubro de 2013

5
Jornal da Cidade - 31 de outubro de 2013

Edvani
Noivas

6
7

Jornal da Cidade - 31 de outubro de 2013

Wender Silva
8

Jornal da Cidade - 31 de outubro de 2013

Felicidades ao casal que completou nesta semana 3
anos de muito amor e compan...
9

Jornal da Cidade - 31 de outubro de 2013

Saúde & Qualidade de Vida

O formato do rosto determina a
escolha do óculos.
...
10

Jornal da Cidade - 31 de outubro de 2013

Dicas da Prata Baterias &
Oficina do Clóvis
A Prata Baterias &
Oficina do Cl...
Jornal da Cidade - 31 de outubro de 2013

Cruzeiro está sendo construído na
Praça da Igreja São Sebastião

Foto: Adriano J...
12

Jornal da Cidade - 31 de outubro de 2013

Clínica Saúde Fácil terá núcleo de reabilitação
Em entrevista ao Jornal da C...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Jornal Cidade - Ano I - Nº 14

3.098 visualizações

Publicada em

http://www.jornalcidademg.com.br
>Acesse e veja mais notícias
Jornal Cidade - Ano I - Nº 14 - 31 de Outubro de 2013

Principais notícias das cidades do centro-oeste mineiro. Notícias de Lagoa da Prata, Santo Antônio do Monte, Moema, Pedra do Indaiá e Japaraíba.

Publicada em: Notícias e política
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.098
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2.856
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Jornal Cidade - Ano I - Nº 14

  1. 1. Jornal da Cidade - 31 de outubro de 2013 Apoio Cultural Lagoa da Prata, 31 de outubro de 2013 - Ano I - Nº 14 QUANTO VALE A VIDA ? Criança veio antes do dia marcado pelo médico e mulher alega que cirurgia cesariana poderia ter salvo a vida do bebê Página 3 Lançamento da Coluna Social Câmara derruba veto do prefeito e mantém assessoria jurídica a ex-vereadores “Em Evidência”, Página 4 assinada Cruzeiro está sendo construído na praça por Cléo da Igreja São Sebastião Castro Página 11 E MAIS: Página 8
  2. 2. Jornal da Cidade - 31 de outubro de 2013 2
  3. 3. 3 Jornal da Cidade - 31 de outubro de 2013 Gestante diz que a falta de uma cesárea pode ter contribuído com a morte de seu bebê Uma mulher de 33 anos de idade, grávida de nove meses, começou a ter perda de líquido uterino em sua casa e foi levada para o Hospital São Carlos, em Lagoa da Prata, por volta das 15h do dia 16 de outubro. Daiana da Silva Maia permaneceu na unidade em observação e por volta das 21h30 começou a sentir fortes dores na barriga. Um médico que realizava atendimentos em seu consultório, nas proximidades, foi acionado e se deslocou até o hospital para atender a mulher. Ela foi levada ao bloco cirúrgico e submetida ao trabalho de parto. O bebê foi retirado, porém sem vida. Daiana disse que a demora na retirada do bebê pode ter contribuído com o óbito. Ela contou que os nove meses de gravidez foram considerados tranquilos. Daiana fez o pré-natal e os exames de ultrassom, sempre com resultados positivos. O nascimento da criança estava previsto para o dia 20 de outubro, de acordo com o outro médico que a acompanhou durante a gravidez. No dia 16 de outubro, ao retornar para casa depois de mais uma consulta, ela sentiu a perda excessiva de líquido. Imediatamente ligou para uma amiga e as duas foram para o hospital. Daiana contou ter ficado por cerca de oito horas dentro da unidade aguardando o momento de dar à luz ao filho. A perda de líquido foi cessanando, até que por volta de 21h30 havia somente um corrimento sujo de sangue e foi quando ela disse ter começado uma dor horrível na barriga, porém ela permaneceu aguardando o posicionamento dos profissionais. “Eu perguntava aos funcinários do hospital se era normal o que eu estava sentindo e elas me diziam para ficar tranquila que tudo aquilo era normal. Como eu não tinha nenhuma condição financeira no momento para pedir uma cesariana, eu fiquei quieta, sentindo a dor e aguardando pra ver o que ia acontecer”, contou Daiana. Ela disse que por volta das 22h o médico e os enfermeiros iniciaram os trabalhos para o parto e finalmente o bebê foi retirado, porém, ele já estava semvida. Daiana disse acreditar que se uma cesariana tivesse sido feita horas antes, talvez o bebê tivesse resistido à perda de líquido do útero. “O meu parto não foi normal, ele teve que ser forçado, pois meu bebê nasceu com várias manchas roxas no rosto e no corpo”, disse Daiana. A direção do Hospital São Carlos foi procurada para mas não se pronunciou até o fechamento desta edição.
  4. 4. 4 Jornal da Cidade - 31 de outubro de 2013 Pegue o seu JORNAL DA CIDADE nestas empresas. É de graça. PADARISO/SANTA EUGÊNIA II Padaria e Lanchonete Ponto do Café CENTRO Panificadora Prado Panificadora Pão Quente Drogaria Minasprev Panificadora Samantha Padaria Central Laboratório Geraldo de Almeida O Franguinho Umuarama Clube Droga Rede AMÉRICO SILVA Disk Tudo do Juninho Panificadora e Lanchonete Pão Quente Panificadora e Lanchonete Sabor do Trigo Mundo Animal Mercearia do Casquinha GOMES Casa do Pão de Queijo Panificadora Pão da Vida ETELVINA MIRANDA/NOSSA S. DAS GRAÇAS Padaria João Paulo MARIA CLARA LUCIANO HENRIQUES Esquina Lanches MARÍLIA Padaria Pão Quente Panificadora Pão Quente Bar do Paulista Mini Mercado Marília Mercearia Santa Clara SANTA EUGÊNIA Panificadora e Lanchonete Sabor do Trigo Panificadora e Lanchonete Real Panificadora Pão de Ouro SANTA HELENA O Franguinho Panificadora e Lanchonete Trigo da Terra CHICO MIRANDA Panificadora Pão Quente SOL NASCENTE Panificadora Pão de Mel SÃO JOSÉ Mercearia do Zizico Açougue Cupim de Boi SANTA ALEXANDRINA Supermercado Ki Barato Quer receber o JORNAL DA CIDADE no conforto de sua casa? Ligue para 9938-6310 JORNAL DA CIDADE PROPRIEDADE CNPJ INSCRIÇÃO ESTADUAL INSCRIÇÃO MUNICIPAL CARTA AO LEITOR Câmara derruba veto do prefeito e mantém assessoria jurídica a ex-vereadores Após divulgação da matéria na imprensa e pressão popular, três vereadores mudaram o voto Os vereadores de Lagoa da Prata haviam aprovado na sessão do dia 14 de outubro uma proposição de lei que oferece assistência jurídica aos ex-vereadores que estão respondendo a processos na justiça decorrentes de ações no exercício do mandato. O prefeito Paulo César Teodoro/PDT vetou o projeto alegando inconstitucionalidade e falta de interesse público. Na sessão da última segunda-feira (28), mesmo com três vereadores mudando de opinião, o veto do chefe do Executivo foi derrubado por 5 a 3 e a a lei entrará em vigor. O advogado Jaime Ferreira, assessor jurídico da Câmara, fez uso da palavra antes da votação e afirmou não ter encontrado jurisprudência contrária ao objetivo da proposição de lei. “O que não podemos admitir é um desvirtuamento do objetivo do projeto. Se aprovado, o vereador terá assessoria somente para atos próprios do mandato”, disse o advogado. A discussão do veto foi polêmica e houve troca de acusações entre os vereadores. O parlamentar Di-Gianne Nunes/PPS mudou de opinião e disse concordar com o veto. “Corre-se um enorme risco de abuso de poder aqui nesta casa. Pode acontecer de vereador saber que tem advogado por dez anos, falar e agir de forma totalmente indevida. Imagina em ano eleitoral, o vereador que quer se reeleger e sabendo que terá advogado por dez anos, vai até subir na mesa, imagina o circo que vai virar isso aqui? Nossa política não está preparada para este tipo de projeto”, questiona Di-Gianne. O vereador Adriano Moraes/PV criticou os colegas que mudaram de opinião. “Eu volto a tese de que aqui entra grandes homens e viram meninos. Tanto o Executivo e o Judiciário querem aqui (o Legislativo) fraco. Vereador hoje mudando o voto,é uma vergonha! Ou não estudou bem ou amarelou. Isso é a política. A gente tem que pensar antes de votar. E depois de votar tem que firmar o voto, tem que assumir. Principalmente pelo fato de o projeto ser da mesa e estar embasado pelo nosso jurídico. Triste é a gente se acovardar agora. É só balançar a moita que a gente corre, é um bando de covardes!”, disparou Moraes. A mesa diretora da Câmara é composta pelos vereadores Edmar Nunes, Nego da Ambulância e Di-Gianne Nunes. Os vereadores que mantiveram o voto a favor do projeto foram Adriano Moraes, Fortunato do Couto, Cida Marcelino, Paulo Roberto Pereira e Quelli Cássia. Di-Gianne Nunes, Adriano Moreira e Nego da Ambulância mudaram de opinião e votaram contrário ao projeto. OPINIÃO DIRETOR PRESIDENTE COMERCIAL DIRETOR EXECUTIVO DISTRIBUIÇÃO CHEFE DE REDAÇÃO FALE CONOSCO Esta é uma proposição polêmica. De acordo com o assessor jurídico da Câmara, nos últimos onze anos aconteceram três ou quatro casos em que a assessoria defendeu ex-vereador de acusações que sofreram em decorrência do exercício do mandato. Esta prestação de serviço não irá gerar nenhum custo adicional relevante aos cofres públicos. Outro ponto que merece ser levando em consideração é que a Câmara de Lagoa da Prata possui um dos modelos mais austeros e transparentes de gestão. Não por mérito de vereador algum. Mas, sim, pela cultura e eficiência implantadas pelos servidores ao longo dos anos. No Legislativo de Lagoa da Prata, os parlamentares recebem um dos menores salários da região, não recebem por reuniões extraordinárias e a casa possui um rigoroso controle dos gastos de viagem de vereadores e servidores. Isto posto, o assunto em pauta merece outras reflexões: 1) Ao responder a uma ação judicial, quem garante que o vereador estava defendendo o interesse público no exercício do mandato? Há o exemplo de um ex-presidente da Câmara que está respondendo na justiça por ter pago 13º salários aos colegas durante o seu mandato. Ele não está sendo assessorado pelo advogado do Legislativo porque na época, este deu um parecer contrário. O vere- Juliano Rossi - Editor ador estava a defender um interesse público? 2) Os vereadores favoráveis à proposição alegam que precisam de proteção para exercerem o papel de fiscalizador. Ora! Para fiscalizar, com objetividade e tendo o interesse público acima dos pessoais, quem precisa de defesa é o investigado. É possível escarafunchar as contas da prefeitura, por exemplo, sem dar margem para ser processado. Claro que desde que exista o real interesse público na fiscalização e adotadas medidas objetivas e formais. Se um jornalista está sujeito a ser processado se cometer excessos no exercício de seu trabalho, e um cidadão também tenha que pagar por conta própria um advogado por possíveis críticas errôneas que venha a fazer em rede social, porque a um ex-vereador o tratamento tenha que ser privilegiado? A Amarribo (Associação de Moradores e Amigos de Ribeirão Bonito, em São Paulo) possui uma cartilha contra a corrupção muito útil. Graças ao trabalho desta associação, o prefeito da cidade foi deposto por diversos crimes cometidos na cidade. Os vereadores que quiserem ser fiscais efetivos deveriam conhecer o trabalho da Amarribo. O endereço na internet da associação é http:// www.amarribo.org.br/. Vale a pena conferir. IMPRESSÃO
  5. 5. Jornal da Cidade - 31 de outubro de 2013 5
  6. 6. Jornal da Cidade - 31 de outubro de 2013 Edvani Noivas 6
  7. 7. 7 Jornal da Cidade - 31 de outubro de 2013 Wender Silva
  8. 8. 8 Jornal da Cidade - 31 de outubro de 2013 Felicidades ao casal que completou nesta semana 3 anos de muito amor e companheirismo. Feliz bodas de TRIGO a vocês, JAQUELINE E MAURÍCIO. Parabéns à família Amorim e Fantoni que irão comemorar os 12 anos da sua linda filha Renata, na próxima terça-feira (5). Nossos maiores sentimentos à família do acadêmico e médico, José Benedito Jeunon, sóicio e fundador da ACADELP que faleceu no dia 15 de outubro, nos , deixando eternas saudades. Dia 2 de novembro dia da saudade A Funerária São Francisco realiza neste sábado o “Dia da Saudade”, em homenagem aos entes queridos que já partiram. É uma bela ação que a empresa dirigida pelo solidário e competente empresário Érico Ricardo faz há muitos anos.
  9. 9. 9 Jornal da Cidade - 31 de outubro de 2013 Saúde & Qualidade de Vida O formato do rosto determina a escolha do óculos. Saiba qual é o ideal para você Oferecimento: Óticas Acuidade Visual Jessica Alba, que tem rosto oval, pode usar qualquer modelo de óculos. Já Scarlett Johansson, por exemplo, fica bem com o acessório no formato “gatinho”. Confira! Usar óculos pode ser um incômodo para muitas mulheres. Mas, se o acessório combinar com o estilo próprio e estiver adequado ao rosto, pode ser a “cereja do bolo” do look. Para Flávia Quintella, consultora de imagem, o óculos ideal é o que transmite harmonia. “O modelo aviador, por exemplo, combina com quase todos os formatos de rosto”, diz. Para escolher, todos os detalhes do rosto devem ser ava- liados. “Quem tem olheiras ou bolsas embaixo dos olhos pode usar um óculos grande para cobri-las”, sugere a consultora. Confira as dicas da consultora para cada tipo de rosto: Rua Cirilo Maciel,16 - Centro Lagoa da Prata Oval A atriz Jessica Alba, por exemplo, tem o rosto oval. E por esse motivo, pode usar todos os modelos de óculos. Vale a pena apostar em modelos ovais ou geométricos (retangulares ou quadrados). Rosto quadrado Katie Holmes tem o rosto quadrado. E para ela, as armações precisam ter a mesma largura do rosto e ser horizontais. O óculos no formato retangular é uma boa pedida. Redondo Gwyneth Paltrow, por sua vez, tem o rosto redondo – com queixo e testa arredondada. Ela precisa evitar usar óculos redondo, do mesmo formato do rosto, e acessórios grandes ou pequenos demais. Para ela, o modelo ideal é o angular. Triangular O óculos “gatinho” é o melhor modelo para quem tem o rosto triangular como Scarlett Johansson. Para usar outro modelo, o ideal é que as hastes sejam decoradas ou tenham detalhes na parte superior. 3261-5602 PREVENIR RUGAS Ricas em vitamina C, as frutas cítricas como laranja, limão, abacaxi, tangerina, ameixa, entre outras, funcionam como um fotoprotetor, ou seja, protegem a pele dos efeitos do sol. A ingestão desses alimentos previne rugas, envelhecimento precoce e lesões pré-cancerosas.
  10. 10. 10 Jornal da Cidade - 31 de outubro de 2013 Dicas da Prata Baterias & Oficina do Clóvis A Prata Baterias & Oficina do Clovis vem através desta agradecer aos clientes e amigos pela preferência, confiança e bom relacionamento comercial. Conheça um pouco mais sobre bateria e escapamento: A bateria é um acumulador de energia com a função de abastecer o sistema elétrico do veículo quando estiver parado ou em funcionamento. A bateria original é selada, não requer manutenção. A convencional necessita de manutenção (conferir o nível de água) de quatro em quatro meses. Se necessário, complete com água bi-desmineralizada. Lembrando que é só passar na Prata Baterias & Oficina do Clovis que fazemos esta manutenção para você. A vida útil de uma bateria original é em média 32 meses; de uma bateria convencional é 18 meses; e de uma segunda linha é 14 meses. Façamos uma comparação: O valor das baterias originais Moura ou Heliar 60 amperes na Prata Baterias & Oficina do Clovis é apenas R$240,00 (duzentos e quarenta reais); o valor médio de uma bateria convencional no mercado é R$215,00 (duzentos e quinze reais); e uma bateria segunda linha custa em média R$170,00 (cento e setenta reais). Vamos ao custo mensal: Bateria original: R$240,00 dividido por 32 meses = R$7,50. Bateria convencional: R$215,00 dividido por 18 meses = R$11,95. Bateria segunda linha: R$170,00 dividido por 14 meses = R$12,15. Comprando bateria não original, além de o custo médio mensal ser mais alto, você tem chance de se aborrecer com falta de partida, situação bem desagradável. Se você não sabe quanto tempo sua bateria tem de uso, passe na Prata Baterias & Oficina do Clovis, e peça um teste de carga (energia acumulada), é gratuito. Dicas de alerta: • Bateria sulfatada (bateria parada por um longo período); • Bateria com sobrecarga (regulador de voltagem com defeito manda energia além do necessário); • Bateria furada ou solta (instalada sem o suporte de fixação); • Bateria com caixa danificada, com pólo torto ou quebrado; • Enxerto (chupeta) com cabos invertidos. Novidades do setor automotivo de Lagoa da Prata Não compre gato por lebre, ao comprar sua bateria observe se ela já esta com o selo do Inmetro, ou se já esta homologada, o que garante a qualidade do produto. Baterias sem o selo, podem não oferecer a amperagem que esta impressa na etiqueta do produto. • Bateria com mau cheiro, jogando água fora (suando) ou esquentando, é problema, pode ocasionar explosão. Procure a Prata Baterias ou elétricas especializadas; • Bateria não estraga sozinha. Situações que podem estragar uma bateria: grande fuga de corrente, falta de água, alternador não esta funcionando corretamente ou motor de arranque com defeito. Situações em que se perde a garantia da bateria: • No caso de baterias com manutenção, deixar faltar água; Se tiver dúvidas não faça enxerto, um curto circuito pode queimar o alternador ou a central que comanda o sistema eletrônico. Causando transtorno e prejuízo, ligue na Prata Baterias que o atendimento é imediato. 3261-2255 Veja alguns sinais de bateria fraca: • Funcionamento lento na primeira partida do dia; • Dificuldades de partida após uso de acessórios, como aparelho de som, vidro elétrico, farol e outros; • Partida lenta após poucos dias que o veículo ficou parado. Escapamento: O escapamento original dura mais porque além do veículo ser novo, queima melhor o combustível, ele contém maior quantidade de alumínio, que o convencional. Daí, a necessidade de procurar por qualidade, e não apenas o menor preço. Além do barulho irritante, o escapamento furado pode causar pane no sensor (sonda lambda) que não enviará mensagem precisa, fazendo com que o combustível não queime corretamente, aumentando o consumo e dando mau cheiro. Podendo ainda danificar o catalisador, que é um dos componentes importante no siste- ma de exaustão, atuando como pulmão do carro. Atenção, com um catalisador de alta qualidade, você emitirá 70% menos poluentes na atmosfera. Se necessário, na Prata Baterias você adquire e instala o catalisador com um ano de garantia. Sempre que você precisar esclarecer dúvidas, estaremos à disposição, temos o maior prazer em atendê-lo. Você ainda encontra peças elétricas, extintores, palhetas e lâmpadas, com a comodidade de comprar e obter a instalação no próprio local. Prata Baterias e equipe.
  11. 11. Jornal da Cidade - 31 de outubro de 2013 Cruzeiro está sendo construído na Praça da Igreja São Sebastião Foto: Adriano JC A Igreja São Sebastião está localizada no ponto mais alto da cidade A Praça da Matriz da Paróquia São Sebastião de Lagoa da Prata já é visivelmente mais um cartão postal da cidade. Desde 2012 a praça vem sendo construída com a ajuda da comunidade. Os “Amigos da Praça”, formados por moradores de toda cidade, principalmente dos bairros Maria Fernanda I, Chico Miranda, Sol Nascente, Santa Helena e Santa Eugênia, ajudam com doações e eventos que são realizados na comunidade. A novidade que está sendo implantada na praça é o Cruzeiro. Uma cruz, feita de concreto, construída do lado esquerdo da Igreja São Sebastião. Segundo o pároco, Padre José de Castro, um lado do cruzeiro estará abençoando a cidade e o outro estará abençoando aqueles que passarem pela rodovia MG-170. A obra está sendo realizada com recursos doados por empresários de Lagoa da Prata, mas segundo a paró- quia os “Amigos da Praça” também ajudaram. Segundo empresários envolvidos na obra, não há previsão para sua inauguração. A Igreja São Sebastião é conhecida por estar localizada no ponto mais alto da cidade. Ela pode ser vista de quase todos os bairros de Lagoa da Prata e também pelos motoristas que transitam pela MG-170. O cruzeiro, segundo a paróquia, também terá esse destaque visual. 10 DICAS PARA ENSINAR CRIANÇAS A COMER BEM Hora do almoço e começa a missão impossível: pela milésima vez, pais, mães, babás ou professores tentam fazer com que as crianças comam uma refeição equilibrada, com verduras, legumes, grãos, proteínas etc. Ou simplesmente que comam --qualquer coisa. Misturinhas 1 - Misturar alimentos não é bater tudo junto em uma pasta sem cor nem gosto definido. É importante deixar a criança entrar em contato com sabores variados e aprender a diferenciá-los. Mesmo em uma sopa feita com vários legumes, escolha a cada vez um que será predominante, na cor e no sabor: cenoura, beterraba, mandioquinha etc. 2 - Nas sopas de legumes, o melhor é amassar os ingredientes com o garfo, sem passar pelo liqüidificador ou pela peneira, para conservar as fibras dos alimentos. 3 - Acrescente legumes cortados bem fino no omelete ou no recheio de panquecas. Eles também podem entrar em croquetes, almôndegas e hambúrgueres feitos em casa. 4 - Incremente a massa da panqueca com espinafre (bata no liquidificador 4 ovos, 500 ml de leite, 1 colher (sopa) de manteiga derretida e 1/3 de maço de espinafre cozido, espremido e picado. Junte 200 g de farinha de trigo, bata até ficar homogêneo e frite em frigideira antiaderente). 5 - Yakissoba, macarrão japonês feito com legumes e carnes, é um ótimo exemplo de mistura saudável e completa que a maioria das crianças gosta de comer. Você pode comprar pronto ou fazer uma versão em casa (use os legumes que tiver à mão, massa longa e shoyu --não use sal). 6 - Inclua nas refeições comidas que a criança pode pegar com as mãos: cenoura baby, tomate-cereja, espiga de milho, hortaliças cortadas em palito (erva-doce, pepino). 7 - Coloque os alimentos que compõem a refeição separadamente no prato ou em cumbucas individuais. Eles devem ter cores e texturas diferentes. Deixe a criança se servir sozinha e provar cada uma das diferentes porções. 8 - Não cozinhe demais os legumes. Quando estão crocantes, além de serem mais interessantes visualmente, porque mantêm a forma e as cores ficam mais vivas, eles são também muito mais saborosos. 9 - Para deixar a salada mais atraente, espalhe sobre as folhas croutons, batata-palha, ovo cozido picado, kani desfiado ou pedaços de frutas amarelas e vermelhas (para contrastar com o verde), como manga ou morango. 10 - Faça desenhos em cima do purê de batata. Nada complicado: pode ser um círculo ou uma espiral com ervilhas frescas ou congeladas. Não use as enlatadas --a questão não é apenas nutricional, é estética, porque as ervilhas de lata são moles demais e sua cor não é tão bonita. 11
  12. 12. 12 Jornal da Cidade - 31 de outubro de 2013 Clínica Saúde Fácil terá núcleo de reabilitação Em entrevista ao Jornal da Cidade, o diretor técnico da Clínica Saúde Fácil, Dr. Daniel Bernardes de Araújo, fala sobre as novidades que em breve estarão disponíveis aos clientes Inaugurada há quase um ano e meio, a Clínica Saúde Fácil oferece à população de Lagoa da Prata acesso a tratamento médico de qualidade, com rapidez e preços acessíveis. A empresa está em fase final de construção de seu Núcleo de Reabilitação, que vai oferecer espaço para fisioterapia, nutricionistas, hidroginástica e outros serviços. Confira a seguir uma entrevista com o diretor técnico Dr. Daniel Bernardes de Araújo: O que motivou a criação da Clínica Saúde Fácil? Dr. Daniel: Sonhávamos em oferecer à população um acesso rápido, fácil e acessível a todos os procedimentos de saúde. E hoje estamos conseguindo oferecer aos nossos clientes uma medicina de qualidade, com atendimento personalizado a pessoas de qualquer situação econômica. Qualo diferencial da clínica e o que você busca como diretor técnico? Dr. Daniel: Nosso foco é reunir os melhores profissionais e uma vasta gama de especialidades médicas e exames. Conseguimos ser a primeira clínica completa totalmente legalizada, com todos os registros e avaliações do Conselho Regional de Medicina. A questão ética e científica é muito importante para nós, da Clínica Saúde Fácil, pois estamos lidando com vidas e respeitamos todas as exigências dos órgãos de controle. Vocês seguem algum modelo de gestão? Dr. Daniel: Sim. Temos vários consultores externos que prestam assessoria jurídica e empresarial, mas a consultoria que considero mais importante é a do Sr. Érico Matucuma, presidente do Grupo Minasprev. Ele é um grande empreendedor e sempre inspira várias ideias. Hoje seguimos o Dr. Daniel Bernardes de Araújo, Diretor técnico padrão de atendimento sugerido pelo Sr. Érico, que é baseado no respeito e satisfação do cliente. Os princípios do Grupo Minasprev alicerçam os procedimentos da Clínica Saúde Fácil. A instalação do Núcleo de Reabilitação foi um pedido dos clientes? Dr. Daniel: Sim. Percebemos a necessidade de, além de atender o paciente, também oferecer o tratamento adequado com a máxima comodidade, flexibilidade e preço justo. O Núcleo de Reabilitação será inaugurado em breve e A Clínica Saúde Fácil está localizada na rua Joaquim Gomes Pereira, 800 (em frente à Prefeitura) terá fisioterapeutas, nutricionistas, psicólogos, educadores físicos, aulas de hidroginástica, etc. Queremos oferecer a opção de a paciente fazer todos os procedimentos médicos aqui na Saúde Fácil. Em breve teremos outro benefício para nossos clientes. Também iremos oferecer atendimento odontológico aqui na Clínica Saúde Fácil. oferecemos. A partir da fidelização desse cliente, ele terá à disposição benefícios ainda maiores em todos os procedimentos e especialidades médicas. Temos um plano de fidelização para pessoas físicas e jurídicas. Várias empresas já firmaram convênio para oferecer mais qualidade de vida aos seus funcionários e familiares. O que é o Plano de Fidelização Saúde Fácil? Dr. Daniel: É uma modalidade a partir da qual o cliente tem inúmeros benefícios em relação aos serviços que O que a população pode esperar da Clínica Saúde Fácil? Dr. Daniel: Nosso trabalho é incessante e a busca por novidades e benefícios aos clientes é constante. Buscaremos a cada dia melhorar e aprimorar a qualidade da clínica, trazendo mais profissionais, com atendimento rápido e personalizado. A Clínica Saúde Fácil oferece atendimento com angiologista cardiovascular, cardiologista, clínico geral, dermatologista, fisioterapeuta, fonaudiólogo, oftalmologista, ortopedista, otorrinolaringologista, pediatra, podóloga, psicóloga, urologista, terapeuta homeopata e exames de ultrassonografia e radiologia.

×