Santa Maria, sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016 - Ano XVII - Edição 1106 - R$ 1,50
ja@jornalacidade.com-circulaàssextas-...
2 De 19 a 25 de fevereiro de 2016
A CONHECIDA 24
HORAS: que foi a primei-
ra do estado e a segunda do
Brasil.Asua estrutur...
A CidadeA Cidade 3De 19 a 25 de fevereiro de 2016
Mencionamos a praia Capão da Canoa pelo seu
crescimento e pelo quanto à ...
A CidadeA Cidade4 De 12 a 18 de fevereiro de 2016
Pe. Bertilo João Morsch –Pe. Bertilo João Morsch –Pe. Bertilo João Morsc...
A CidadeA Cidade 5De 19 a 25 de fevereiro de 2016
Valdemar Roveda, “Cidadão
Santa-mariense”, Ponto do Cafezi-
nho, desde m...
A CidadeA Cidade6 De 19 a 25 de fevereiro de 2016
Esta parte da cidade pertence
ao bairro Nonoai, limita-se com
a Rua Rigo...
7De 19 a 25 de fevereiro de 2016
Uma vida inteira ligada aos serviços grá-
ficos foi o que motivou o empresárioAde-
mar St...
8 De 19 a 25 de fevereiro de 2016
9De 19 a 25 de fevereiro de 2016
Jornal A Cidade em Comunidade
É o espaço que valorizamo...
10 De 19 a 25 de fevereiro de 2016
Em 1931, na comunidade de Furninhas, a morte de Cecília
Roveda chocou a família, os ami...
A CidadeA Cidade 11De 19 a 25 de fevereiro de 2016
CREMATÓRIO DOM JOSÉ: em Santa Rosa – planeje sua vida
após a morte! Des...
A CidadeA Cidade12 De 19 a 25 de fevereiro de 2016
COOPERATIVADE PRODUÇÃO E DESENVOLVIMENTO RURALDOSAGRICULTORES
FAMILIARE...
A CidadeA Cidade 13De 19 a 25 de fevereiro de 2016
A união de esforços das instituições públicas, privadas e comunitárias,...
A CidadeA Cidade14 De 19 a 25 de fevereiro de 2016
19/02
Rosa Beatriz M. Pappis
Carine Neves
Fernando Baltar
Humberto Sark...
15De 19 a 25 de fevereiro de 2016
Amanhã das 10h às 12h na
rádio Imembuí é o espaço da
comunidade.Assuntos impor-
tantes v...
Sexta-Feira, 19 de fevereiro de 2016
Ano XVII - Edição 1106 - R$ 1,50
Nesta edição é uma foto encontrada nos arquivos não ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Jornal A Cidade Edição Digital Completa. Edição n. 1106 que circula no dia 19.02.2016 do Jornal A Cidade de Santa Maria/RS.

419 visualizações

Publicada em

Jornal A Cidade Edição Digital Completa. Edição n. 1106 que circula no dia 19.02.2016 do Jornal A Cidade de Santa Maria/RS. O Jornal A Cidade é um jornal semanal focado no empreendorismo local.

Publicada em: Notícias e política
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
419
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
10
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Jornal A Cidade Edição Digital Completa. Edição n. 1106 que circula no dia 19.02.2016 do Jornal A Cidade de Santa Maria/RS.

  1. 1. Santa Maria, sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016 - Ano XVII - Edição 1106 - R$ 1,50 ja@jornalacidade.com-circulaàssextas-feiras- www.jornalacidade.com O empresário que tanto fez pela comunidade em sua homenagem o acesso ao Dis- trito I ndustrial traz seu nome. Uma área nobre, boa logística e dar as boas vindas aos investidores. Embora tenha várias denominações o elemento básico é o mos- quitoquesónoolharassusta,imaginachegandoperto.Omomen- to é de combater de todas as formas, elogiarem a postura do exér- cito que está nas ruas e a comunidade deve se mobilizar para prevenir. Lá em Brasília continua tudo igual.Apauta agora é o combate ao mosquito e buscar meios de defesa para apagar as denúncias que a mídia pode divulgar e que os investigadoresabasteçamaimprensaacadaaçãopraticadaenósumcarnavalantecipadoacaboucomasférias.Agorasomentedesempregadoseaposentadosquepodem usufruiraindadodescanso.Nasemanaaredeescolarparticularcomeçouasaulasecomoébeloveroentusiasmodascrianças.Algumasfaculdadestambémdarãoiniciona próximasemanaeparamarçoavoltadaUFSM.Masconstata-senacidadeummovimentointenso,muitosvisitantes,porissoébomsercordialeatenciosoaorecebê-los. Acomunidadequeaquiresidevamoscapricharemanteracidadelimpa.Comofoiagradávelemjaneiropercorrera cidadeevernosfinaisdesemanaasruaslimpas,nemo lixoestavasoltoaoladodoscontêineres.É precisoterconscientizaçãoecomissoparticiparemosdacampanhacontraomalqueameaçaatodos. Começar agora para que o inverno e o verão esteja ornamentan- do nossa cidade que tanto precisa do capricho de quem aqui vive. O descanso terminou: volta às aulas e o ano inicia Avenida Pedro Saccol Bichinho perigoso Cultivar flores Empresasqueproduzemriquezas A mártir de Orleans O regional e seus problemas Educação movimenta PÁGINA 13PÁGINA 13PÁGINA 13PÁGINA 13PÁGINA 13 Avenida Pedro Saccol PÁGINA 09PÁGINA 09PÁGINA 09PÁGINA 09PÁGINA 09 Cultivar flores Bichinho perigoso PÁGINA 09PÁGINA 09PÁGINA 09PÁGINA 09PÁGINA 09 NESTA EDIÇÃONESTA EDIÇÃONESTA EDIÇÃONESTA EDIÇÃONESTA EDIÇÃO PÁGINA 10PÁGINA 10PÁGINA 10PÁGINA 10PÁGINA 10 PÁGINA 03PÁGINA 03PÁGINA 03PÁGINA 03PÁGINA 03 PÁGINA 14PÁGINA 14PÁGINA 14PÁGINA 14PÁGINA 14
  2. 2. 2 De 19 a 25 de fevereiro de 2016 A CONHECIDA 24 HORAS: que foi a primei- ra do estado e a segunda do Brasil.Asua estrutura me- tálicadeveestarguardadae o tempo a destrói, ali tam- bémfoicriadoumlocalpara o hasteamento das bandei- ras do MERCOSUL e res- touhojeoscanteirosdeflo- res, um forte comércio e gastronomia.Denomina-se a Rua Alberto Pasqualini. Começa na Rua Floriano Peixoto e Termina na Rua do Acampamento. Cente- nas de profissionais desen- volvemsuasatividadesnes- te percurso e poderia aqui sercriadaumaPraçadeali- mentação e lazer, pois agora o empresário João Provence, homem também do esporte abriu o restaurante Pasqualini Grill com Buffet e grelhados ao meio dia e a tarde petiscos, um perfeito local para bate papo. PADARIA SHALOM: Deliciosos produtos inclusive coloniais. Faça a sua en- comenda. É naAv. Rio Branco 309. (3223-6111) Sexta-feira passe na padaria e leve sua cortesia o jornalACidade. COLHEITADOARROZ: Começou ontem e terminam amanhã emAlegrete a abertura oficial que, como acontece anualmente com presença de autoridades do setor.Apesar do otimismo o agronegócio passa por momentos delicados as chu- vas, os preços dos insumos e os impostos que os produtores acabam comparti- lhando e para o ano que vem a abertura oficial será três cidades do estado e uma delas é Santa Maria. E neste ano em alegrete marca presença da tecnologia e ino- vação. CACHOEIRA DO SUL: São 75 anos que acontecem aqui a Fenarroz, de 24 a 29 de maio.As rainhas da comitiva estão percorrendo o estado divulgando o gran- dioso evento. COMCERVA: O pai Sérgio. Mas os filhos que levam adiante o empreendimen- to.NaRuaRiachueloesquinacomaRuaPinheiroMachado.Éumapropostadife- rente na gastronomia o almoço executivoALa minuta, rápida, gostosa e faz bem para a saúde e sempre tem novidade segunda-feira principalmente à noite e no sábado a feijoada, mas é preciso fazer reservas. (3025-2001) CANTINHO DO PÃO: Doces, salgados, tortas.Aceitamos encomendas, na RuaVisconde de Pelotas, 1944, próximo à PresidenteVargas. (3025-3059)Aten- dido pelas proprietárias, família Matos. Sexta-feira vá às compras e receba corte- sia JornalACidade. Depois de fazer a leitura, faça a sua avaliação, ligue-nos. SEMANA DA PÁSCOA: Na primeira amostra o preço do ovo de chocolate estádis- t a n t e para ser c o m - prado. Aquele ovinho médio já custa q u a s e 50reais, não en- tramos noméri- to do valorda indús- tria,mas é um abuso.
  3. 3. A CidadeA Cidade 3De 19 a 25 de fevereiro de 2016 Mencionamos a praia Capão da Canoa pelo seu crescimento e pelo quanto à região central investe e veraneia lá. Quem lá esteve neste ano encontrou um verdadeiro canteiro de obras. Na construção civileleépermanentecresceumuitocomercializa- ção e empreendimentos, mas no setor público a novidade é a praça central quase pronta, a praça em frente à paróquia matriz de Nossa Senhora de Lourdes eAvenida Beira-Mar que se encontra em obras.Aprefeitura promete para final de este ano estar concluídas isso vai dar a dimensão do quan- to será benéfico para o visitante. A praia do santa-mariense: Inúmeras pessoas mantêm apartamentos ou vão para hotéis é um caminho prático e para quem comprou imóvel tornou-se uma aplicação rendável como inves- timento ou para locação. Atemporada:Segundooscomentáriosumadas melhoresdosúltimostempos,grandemovimenta- ção só que o carnaval cedo antecipou o término. Passadooferiadãoconstatava-seumvazionapraia que acolheu milhares de pessoas inclusive argen- tinos.As imobiliárias bateram palma pelas boas vendas. Aproveitadores:SevocêforaCapãonessesúltimosdiasdefeve- O asfalto da Rua Florianópolis foi iniciado colocado uma camada de asfalto no leito, mas não tem o passeio lateral e não se sabe se ele vai continuar após o hospital até a 158, marcado para março a entrega do prédio será que foi plane- jado a contratação de pessoas? Equipamento ou será feito por emergência? Nossa cidade sempre tem pauta na saúde. Alguns meses atrás era um complexo que a Unifra ia cons- truir depois o caso SAMU a empresa local desistiu contrata- ram emergencialmente hospital São Roque por 30 dias e ago- ra a empresa lá de e Fontoura Xavier venceu a concorrência e assumiu o serviço. Há poucos dias tivemos o caso da clinica oftalmológica que fechou e os pacientes eram envia- dos para outras cidades. Já imaginou o idoso doente e evitar o calor e as estradas para fazer uma consulta. Políticos não refletem sobre o assunto. É uma injustiça que se pratica nesse país. E a pauta maior agora é o mosquito, mas o regio- nal que ainda não se sabe quem vai administrar será uma polêmica e a falta de recursos para equipamento e o povo padece. É bom recordar que o hemocentro levou 7 anos para ficar pronto, mas pelo menos o asfalto está encaminhado. O veraneio acabou reiroouatémesmodemarçoevitarsempreaexploraçãonabebida enagastronomiaeescolhersempreoslocaisdebomatendimento. Umrestauranteaoladodooutrocompreçosdiferenci- adosdistantes.Conhecemosapraiahá30anos.Nunca fui cliente assíduo dos bares do centro. É o point de Capão,maséumabusonacobrança.Paraalgunsaten- desoimportanteéomomento.Nãoseformaumfuturo clientecompreçosconvidativos.Umacervejacusta21 reais,algumpratoespecial160,preçosiguaisaoRiode janeiro por isso a nossa sugestão olhem a cartela, con- sulte os preços e faça a sua leitura no atendimento do estabelecimento. É necessária que a prefeitura faça a fiscalização e conscientize os estabelecimentos que o turista se conquista ele lá chegando vai ser um consu- midor.Existemlocaisquetempreçosiguaisaosnossos daqui. É só andar, por isso que à noite os crepes são dezenas de barracas e enormes filas para degustar o produto, mas é por conta do preço de alguns locais e assim mesmo é a praia do santa-mariense e isso é uma questão de escolher de onde gastar. E agora é aguardar com todos aqueles imóveis fechados a temporada de final de ano e para quem mora próximo é evidente que nos finais de semana acaba visitando. HospitalRegional
  4. 4. A CidadeA Cidade4 De 12 a 18 de fevereiro de 2016 Pe. Bertilo João Morsch –Pe. Bertilo João Morsch –Pe. Bertilo João Morsch –Pe. Bertilo João Morsch –Pe. Bertilo João Morsch – Pároco da Paróquia da Ressurreição e Reitor do SeminárioPároco da Paróquia da Ressurreição e Reitor do SeminárioPároco da Paróquia da Ressurreição e Reitor do SeminárioPároco da Paróquia da Ressurreição e Reitor do SeminárioPároco da Paróquia da Ressurreição e Reitor do Seminário Maior São João Maria VianeyMaior São João Maria VianeyMaior São João Maria VianeyMaior São João Maria VianeyMaior São João Maria Vianey..... O carnaval que aconteceu por aqui nos clu- bes e em alguma escola de samba deu uma tré- gua, as pessoas viajaram e foram para o litoral e já na segunda-feira iniciava as aulas na rede particular. No dia seguinte a nomeação de pro- fessores e posse de direções no município, o lado positivo na educação onde devemos in- vestir e os preparativos para a compra de ma- terial recebendo os futuros universitários e dá para perceber nesta reta final de mês que a ci- dade já está diferente até a limpeza nas ruas tem-se constatado uma nova conscientização talvez pelo pouco movimento ou realmente as pessoas mudaram, que continue assim cidade limpa não abastece o mosquito que a cidade também foi movimentadíssima pelas ações dos militares e a comunidade no combate nas de- nuncias e na prevenção. Estamos de olho nes- se bichinho que tanta preocupação nos trans- mite, ele devia atingir alguns segmentos do nosso país principalmente a base lá em Brasília que ainda não chegou na capital federal, mas preci- samos pensar e valorizar as bondades que a natureza nos ofereceu prestigiando todos os setores empreendedores de Santa Maria que eles são a mola mestre para o crescimento. Sem eles nem a máquina pública funciona e por ser ano eleitoral muita negociações, mas que ela venha em benefício de todos e o principal a conscientização da sociedade evitando gastos maiores mais tarde e vamos estar atentos para receber de braços abertos novos moradores, família e estudantes. Não dá para imaginar o número de pessoal que aqui residiram, foram embora e voltaram para fixar moradia em nos- sa cidade. Mesmo sendo ano eleitoral, temos certeza que nossos sucessores levaram a dian- te a contento os projetos existentes. O que faz falta e não foi ainda programado é o local para as festas dos universitários, será a semana de surpresas mais uma vez, criando transtornos para a policia e para as festas que os jovens se reúnem, sempre a cautela acima de tudo. E par- ticipe da campanha de combate ao mosquito. Omomentoatual,principalmenteparaguentaralgunspo- líticos, a carga tributária, a mão de obra qualificada é deli- cado,principalmenteoempregadorcarregaconsigoatole- rância e a base para viver. Reflita sobre o que escrevemos: a) Na sua família, para um bom convívio as partes têm que tolerar muitas vezes, principalmente entender a nova geração, o difícil é transmitir que a disciplina é importante, o respeito, a ética e a pontualidade, até para quem gosta de dormir e que deva acordar cedo. b) A Vizinhança: num condomínio ou em qualquer lugar ela deve prevalescer. O silêncio, o sem bate boca resolve-se todas as questões. Não se deixem envolver por brigas de crianças. c) Criança na escola, professora impõem respeito e lá vão os pais protegendo o filho, é preciso entender que o mestre quer uma boa formação do aluno. d) Tolerância quando você atrasa as contas e o co- brador faz sua parte, começa a ligar e cobrar o seu direito, geralmente a pessoa desliga o celular, manda dizer que não está, e foge do compromisso, é preciso ter tolerância e entender a atividade do visitante indesejado. e) No trabalho, o empresário transtornado pela falta de vendas, compromisso para atender, crise. É necessário o colaborador entender a situação e ser parceiro, sempre ajudar, tolerar, só assim ele conquista a simpatia do chefe. f) No trânsito, aqui a parte mais grave, você dá o sinal de que vai dobrar a esquerda ou à direita e quem vem perto não diminui a velocidade e passa a falar mal, além de ser sujeito a um acidente, vem à discus- são, o bate boca e pode até dar briga e alguém tornar- se vítima. O meu conselho, quando alguém infringir as normas de trânsito ou você estiver errado, faça um ges- to de amor, de bem estar, desarme a pessoa, na certa as coisas vão melhorar. g) Na via pública, em toda parte, inclusive nos locais que você vai fazer suas compras, alguns vendedores não são muito chegado ao bom atendimento, e você um cara apressado, horário para cumprir, torna-se indese- jável e muitas vezes vêm o inesperado. Por isso é bom usar sempre a tolerância. h) A simpatia, a comunicação, uma saudação, se possível um aperto de mão, por mais agressivo que seja quem está a sua frente, você acaba desarmando ele ou ao contrário, tudo depende da cultura, da formação da parte. Lidar com pessoas com pouca formação não é fácil, geralmente eles são agressivos, por qualquer fato fútil partem para a provocação e as vias de fato. Por que no futebol acontece isso na maior parte das vezes, dá bem para separar o tipo de jogador, faça a sua reflexão. i) Sejam tolerantes com a cobrança de impostos, os governantes não dão a mínima importância, você que deve buscar alternativas para pagar, eles são precisos na cobrança, mais morosos nos pagamentos, pagam quando dá. j) Vivemos um ano eleitoral, vêm às eleições, vai re- ceber visitas que nunca imaginaria, lá estão os candida- tos sorridentes, desfrutando da sua gastronomia, pedin- do combustível para a sua campanha e quem os ouve resolve tudo, é preciso muita tolerância para aguentar, depois que chegam lá no legislativo, alguns se tornam aliados do executivo e esquecem a sua bondade eleito- ral. Esta é minha visão em termos de tolerância, se eu esqueci algum tópico principal, comunique-nos que re- gistraremos. Ser tolerante é um dom, é um mérito, é a cultura e aprendizado que somamos no dia a dia e atra- vés desta linha podemos viver longos anos e felizes. k) Mesmo contra a vontade você deve ser tolerante para guardar um atendimento em determinados locais. Alguns atendentes com a maior calmaria fazem o que podem e não adianta olhar no relógio sua vez vai che- gar. l) Para finalizar imagine sempre a tolerância até com os cobradores, pois eles não têm culpa recebem ordens só que muitas vezes chegam ao local no momento ina- dequado e com aquelas ligações que chegam após as 23h, dá para tolerar? Tire suas conclusões. m) A tolerância é um meio para você viver feliz. Tolerância Mais precisamente na quarta feira de cinzas(10/ 02) iniciamos em toda a Igreja este tempo quares- mal.Aquaresmaéumtempofortenoritmodoano litúrgicoenavidacristãcomunitáriaepessoal.An- tigamenteestesquarentadiasqueprecedemaPás- coadaRessurreiçãoeramvividoscomgrandeaus- teridade penitencial a base de jejum rigoroso e abstinência de carne. Hoje em dia está bastante mitigadoestecostume. AmpliandoasemanadepreparaçãoPascalouSe- manaSantadoIIIséculo,organizava-se,noIVsécu- lo,aprimeiraquaresmaqueconstavadetrêssemanas etinhaumforteacentobatismalcomopreparaçãodos catecúmenosparaobatismonaVigíliaPascal. Algunsséculosmaistardeaoseestabeleceraqua- resmadecincosemanasquetemosagora,incluídos osdiasapartirdaQuartaFeiradeCinzasparacom- pletar a quarentena, a quaresma adquiriu também sentidopenitencialparatodososfiéis,especialmen- teparaospenitentespúblicosqueeramreconcilia- dos com a Igreja no dia da Quinta Feira Santa. Na estruturação atual da quaresma, segundo o Missal Romano, os dois primeiros domingos e se- manas incidem sobre o tema da conversão ou pe- nitência;edoterceiroaoquintodomingoousema- nas ressalta-se a tonalidade batismal. O Objetivo global da Quaresma é a renovação da opção batismal entre os já cristãos: quer dizer, a ressurreição com Cristo, para a nova vida com Deus,umavezmortosparaopecado.Eocaminho para alcançar esta meta é a conversão do coração, da mente e da conduta, mediante a escuta da pala- vra de Deus, o serviço ao irmão, a penitência cor- poral, a esmola penitencial, a oração e a fidelidade radical ao Senhor, como Cristo no deserto. A Quaresma é mais uma atitude permanente de vida cristã que um espaço de tempo. É todo um estiloemododevivercristãmentenomundoatual, refletido nas atitudes básicas do discípulo de Jesus que brotam do Sermão da Montanha. Tempo de misericórdia e de bênçãos de Deus. Eoprofetapergunta-nos:“OndeestáoteuDeus?” Melhor,eledizqueassimqueperguntamaspesso- as que nos vêem e acham que somos tristes. E a nossaresposta:“OSenhorinflamou-seporsuater- ra. E teve piedade do seu povo”. Nosso Deus gos- tou de nós revela-se como Pai e não quer ninguém doente. Eis o tempo favorável.Tempo de reconciliação, tempo de acolhermos a graça de Deus.Através da sinceridade e simplicidade. Na oração, na esmola e no jejum, temos que apresentar o plano de Deus na verdade e na alegria. Todosinaldehumilhaçãosincerasignificaacolhi- mento novo, da parte de Deus. Quando nós erra- mosenospenitenciamos,Deusnosamamuitomais. Eéissoquevaiacontecercomvocêecomigo,no tempo abençoado da Quaresma. Quaresma-Tempode Conversão
  5. 5. A CidadeA Cidade 5De 19 a 25 de fevereiro de 2016 Valdemar Roveda, “Cidadão Santa-mariense”, Ponto do Cafezi- nho, desde março 2004. Sugestões e/ou críticas para esta página: Tel.: (55) 3223.5192/8407.1000 site: www.jornalacidade.com E-mail.: ja@jornalacidade.com ELEIÇÕES MUNICIPAIS DE SANTA MARIA: E agora gente com tanta badala- ção, a partir de hoje os políticos podem trocar de sigla sem perder o cargo e abrir uma janela imaginem os de baixo clero o quanto serão sediados lá em Brasília e quanta negociação neste momento, políti- cos para eles sempre encontram uma solu- ção. Vamos ver agora por aqui como vão se comportar os trabalhadores, pois daqui poderá nascer às coligações tudo depende das mudanças e negociatas, mas acima de tudo os interesses individuais. Há poucos dias ouvi que no Rio de Janeiro, Pais de Andrade, atual prefeito é can- didato a governador e poderá coligar com o PT. Precisa dizer mais? UNIDOS NO AMOR, NA FAMÍLIA, MAS SEPARA- DOS NAS CORES DE FUTEBOL: Clédio Callegaro é gremista e sua esposa colorada, o casal curtindo Capão da Canoa. OBRAS DO SICREDI: Na unidade do bairro Dores onde foi locado um terreno para construir uma moderna unidade, até quando a prefeitura vai demorar para libe- rar os projetos? EXÉRCITO NAS RUAS: Que beleza orientando e comba- tendo mosquito pode ser que assuste um pouco os marginais quem sabe lá permaneçam até final de ano. POVOCIVILIZADO:Nãovougeneralizar,maslamentavel- mente alguns torcedores não estão preparados para ir ao cam- po assistir ao jogo e registrar uma página negra para o Inter local, imagine o que pensa a cidade de Ijuí com SM que somos uma cidade cultura. JANELAPARAPOLÍTICOS:Apartir de hoje eles podem trocar de siglas sem perder o mandato, criar uma lei para se beneficiar imaginem as negociatas que vão acontecer. Será que a presidente vai aproveitar o momento e ir para o PDT? Vontade não falta, mas ela tem muitos compromissos. Acom- panhem as mudanças e as negociações. PREFEITURAS: Precisa dos jornais e rádios locais uma no estado com menos de 50mil habitantes investe mais de 15 mil por mês na rádio e no jornal e aqui meus colegas concedemos espaços gratuitos. TOCHA OLÍMPICA: Dirigentes percorrem o Brasil para dizer que ela vai passar na cidade. Quem paga a conta? Todos nós. Precisa? DEPUTADO JARDELESTEVE AQUI: Visitou a fazenda de recupe- ração em Itaara, como cidadão ou de- putado? JUSTIÇAMILITARDOESTADO: Continua atendendo no fórum local enquanto o prédio não for concluí- do, mas não tinha políticos que iam acabar com ela e agora ainda vão lo- car ou construir prédio para a sede da JME. Faz parte. DEPUTADOCHERINIDOPDT: Combate os marginais quer ver o do semiaberto cumprindo pena em casa com tornozeleiras certo ele, mas al- guém vai segurá-los? JOGOS: Andando no congresso vão legalizar tudo até os bingos e jogo do bicho tudo para arrecadar e não para estimular o turismo. DETEFOM: Acabaram até para ser vendido nos mercados e com isso faci- litaramofortalecimentodosmosquitos. BICICLETAS:Umaindústria de colchões de Candelária fa- mosa e seus colaboradores vão e voltam de bicicleta.Ao meio dia são dezenas percorrendo a indústria. Belo exemplo. MARCOU PRESENÇA: O governo federal mandou para estados do Brasil vários minis- tros para acompanhar o traba- lho da prevenção contra o mosquito precisava este gas- to tudo isso para mostrar po- der político. HOSPITALREGIONAL?O secretário do estado foi a Bra- sília para pressionar a abertu- ra, mas veio a público na semana que o estado já estaria fazendo compras para o hospital nem sabem quem vai administrar nem qual seu perfil. Será que o jeitinho brasileiro está no meio? BRASILIA: Dia 16 o congresso se reuniu, quase 60 dias de trégua. A pauta agora é a defesa pessoal das suspeitas de denúncias, mas da gosto em ver pela TV as votações dos parlamentares, pois quem vota é só o líder, bate boca e no final sempre a situação vence por que tem a maioria. Não entendi na terça-feira a aprovação dos projetos sobre o BB e CF, mas falava-se tanto em PanAmericano e o banco foi vendido total- mente endividado e a audi- ência que na quarta-feira o ex-presidente Lula e sua es- posa seriam ouvidos pelo MP de São Paulo, consegui- ramadiarporumabrechaju- rídica, quem não deve não teme tire suas conclusões. O procurador da república arquivou a denúncia do PSDB sobre as eleições.Al- guém esperava o contrário? E o ministro da saúde renun- ciou o cargo, voltou para a câmara de passagem para votar projetos de interesse do governo, assim funcio- na a politica. E os presiden- tes da casa do congresso ambos no aguardo do STF são mencionados na lava- jato. Eduardo Cunha criticou na ter- ça-feira a comissão de ética pela sua inoperância, que defesa e o presi- dente da comissão ao receber o pre- sidente da OAB nacional, o gaúcho Claudio Lamarca, pediu socorro. BANDITISMO: Fazem o que que- rem na hora e local que escolhem sem medo de ninguém até menores se revoltam contra autoridades. Fi- nal de semana 21 homicídios, terça à noite só em Porto Alegre mais 06, a lei dos marginais é severa, segunda atacaram uma lancheria, logo após uma pizzaria e um assaltante foi deti- do pelos frequentadores e não foi linchado por que a PM não deixou e na quarta-feira uma boate fechada com menores bebendo e fazendo festa. E por aqui o 5º homicídio, e o CASE com 34 vagas, são 70 meno- res ali imagina que escola da vida. E o estado só anuncia a diminuição dos acidentes de trânsito. JUROSDOSCARTÕESDECRÉ- DITO: 410% só pode pagar quem recebe propinas. KIKO LEMOSKIKO LEMOSKIKO LEMOSKIKO LEMOSKIKO LEMOS: Artista local percorre o Brasil levando o nome de Santa Maria através da música. E agora muito bem motorizado, buscou segurança em vista da precariedade das estradas. ASIGLAPT: Festejou 36 anos comemorados quase no ano- nimato, mas é preciso reconhecer os erros de alguns integran- tes, o descaminho, mas na sigla tem companheiros trabalha- dores e honestos, é necessário separar para reconquistar a credibilidade. AMIZADE: ela constrói, fortalece a vida de duas pessoas, não seja malicioso, se cada um pensasse por si o mundo seria melhor.Até o Papa João Paulo II foi notícia do final de semana. COBRANÇA:umamigore- cebeu um telefonema direto dizendo que era do Carrefour e que havia prestações em atraso, nem se quer o nome da pessoa foi dito, só deram o ultimato para saldar os débi- tos, isso era altas horas da noite, quando alguém vai de- fender o consumidor? TRT: interveio e suspendeu a admissão de 450 trabalha- dores de uma empresa de Ca- xias. Gente, quem sabe da saú- de financeira da empresa é a diretoria e não o judiciário. Ou será que os governantes vão bancar? LIMPEZA É PARA TO- DOS: Écomumouvirmosque a coleta do lixo deixa a desejar em nossa cidade, talvez pelo acúmulo, pela quantidade e pela estrutura e pela empresa que presta serviço, mas estamos longe de sermos uma cidade preparada conscientemente para que cada um faça a sua parte e tenha sua responsabilidade, com a coleta, com a seleção do lixo que produzimos no dia a dia. E agora, com a prevenção do mosquito, exige muito mais das pessoas, cada um deve fazer a sua parte. Limpeza: nessa trégua da cidade foi bom em ver nos finais de semana princi- palmente, as ruas limpas e os containers nos seus lugares sem qualquer depósito e na semana a prefeitura entrou em ação em várias partes para sua limpeza, mas ainda não chegou na Silva Jardim com a Benjamin Constant. CACACACACATTTTTADOR DE JÓIASADOR DE JÓIASADOR DE JÓIASADOR DE JÓIASADOR DE JÓIAS: durante a temporada com esseaparelhoelepercorreaspraias,converseicomelee todososdiasencontram,principalmente,anéisealian- ças, não faltam chaves que não tem qualquer utilidade. PPPPPARAISO DO SULARAISO DO SULARAISO DO SULARAISO DO SULARAISO DO SUL: Ali onde o asfalto está ondulado antes da lombada eletrônica, panelas no asfalto. Ali estava a Policia Rodoviária, fiscalizandoeatuandoquecontraponto. Silva Jardim com aSilva Jardim com aSilva Jardim com aSilva Jardim com aSilva Jardim com a Benjamin ConstantBenjamin ConstantBenjamin ConstantBenjamin ConstantBenjamin Constant
  6. 6. A CidadeA Cidade6 De 19 a 25 de fevereiro de 2016 Esta parte da cidade pertence ao bairro Nonoai, limita-se com a Rua Rigoberto Duarte, José Inácio Xavier, Rua Paraíba e Ta- manday, o progresso aqui se estabeleceu quando foram cons- truídas as primeiras casas deno- minadas conjunto Mariano da Rocha com financiamento da Cohab era uma região deserta e sem ruas e sem qualquer estru- tura apenas as casas padrão e que rapidamente foram vendi- das e daquela época ainda en- contramos algumas sem qual- quer alteração. Foi construído o calçamento e tornou-se uma região exemplar para a cidade, mas aos poucos os investido- res começaram a construir, veio as ruas asfal- tadas criaram a Praça Nonoai e os conjuntos Com o passar dos tempos certas profissões tendemasetornarrarase,atépoderãoserextin- tas, mas acredita-se que sempre haverá rema- nescentes, para contar sua história. Outras fun- ções vão sendo substituídas, adaptadas ou até incorporadasaoutrasatividadesparaotimizare melhorarasrelaçõesdetrabalho.Comoavanço tecnológico, cada vez mais as máquinas ocu- pam espaços destinados aos seres humanos. Entretanto, a ideia de facilitar a vida moderna pode acabar com certos empregos, bem como a busca pela qualificação em determinados ofíci- os em tradicionais profissões como, de alfaiate, sapateiro e da costureira, que ainda não estão extintas, mas tem poucos adeptos, nos dias atu- ais.Podemosdizerqueoalfaiate–hojeincorpo- rado aos magazines, fábricas, ou como autôno- mos – e também as costureiras estão sendo substituídos pelo “designer”, que aprende o Materiais foram arrecadados nas Unidades de Atendimento da Cooperativa e distribuí- dos a Escolas de todos os municípios. As unidades de atendimento da Sicredi Re- gião Centro entregaram doações de materiais escolares e brinquedos educativos a escolas e entidades com maior necessidade em cada município da área de atuação da cooperativa. No total, foram 2.773 itens doados, entre eles cadernos, lápis, borrachas, estojos, lápis de cor, mochilas, livros e brinquedos educativos. Iniciada na região em janeiro de 2016, a campanha Gente que Coopera é Solidária teve por objetivo arrecadar materiais escola- res e brinquedos educativos nas Unidades Em nossa pauta sempre imaginamos que a de trânsito é de suma importância e no número de acidentes materiais e vitimas, mas a cúpula policialentendeuqueaquicomportavaumade- legacia de homicídios. Parece-nos que ambas funcionam no mesmo local e se estamos a me- nosde60diasde2016jáaconteceram05homi- cídios e final de semana no estado, 21 homicí- dios superou o trânsito que foram apenas 04. Uma leitura deve ser feita, pois uma nova gera- ção de motoristas está por vir, um apelo às cri- anças, quando viajam com a família eles aler- tam da fiscalização, mas talvez seja a conscientização dos condutores que os minu- tos há mais na estrada fará falta e constata-se tambémgrandenúmeroqueseembriagaecon- trata táxi para voltar. É uma nova cultura no trânsito que deveria também diminuir a potên- cia do motor na sua fabricação que fosse igual a velocidade é permitida com isso economiza- Conj. Res. Mariano da Rocha residenciais de apartamentos que são mais de 500 unidades o Tamanday e o nonoai. E por todos os lados hoje encontramos aqui belos edifícios, existe até o loteamento Panorama pela visi- bilidade que oferece na cidade. Obras e obras todos os dias des- ponta, mas muito pouco efeito por parte do poder público. Che- garam a construir recentemente o asfalto com calçada e a chuva demoliu parte das obras. RUAJOSÉINÁCIOXAVIER: A que acolhe belos prédios só que entre a Rua Paraíba e a 19 de novembro onde encontra- mos obras em andamento há muito tempo a prefeitura não consegue consertar o calçamen- to o que deixa a desejar. Vila RolimVila RolimVila RolimVila RolimVila Rolim Rua José InácioRua José InácioRua José InácioRua José InácioRua José Inácio XavierXavierXavierXavierXavier Ameaçadaspelasinovaçõestecnológicas design, modelagem e depois a costura. Atual- mente, o termo Alfaiataria também é utilizado paracaracterizarroupas,mesmoqueindustriali- zada, que apresentam o corte característico das roupas masculinas produzidas artesanalmente, com cortes retos e precisos e tecidos clássicos. Já, a vida de sapateiro e de aprendiz está restrita a transmissão de conhecimento dos mais ve- lhosaosmaisnovos,estesúltimos,dificilmente encaram esse ofício. Mas, aqui, eles resistem e honramoofício,poisaspessoasvoltaramacon- sertar seus calçados, especialmente os de cou- ro,afirmouumprofissionaldesseramo.Heran- ça de mãe: O aprendizado de uma profissão é uma das melhores heranças que os pais podem deixaraosfilhos,esseconceitoseencaixa,quan- do se trata de alguém que consegue seguir os passos dos pais em uma profissão. Assim sur- giu o gosto, o prazer e o profissionalismo pela costura para Inês Pereira, natural de São Borja, mas há 18 anos morando aqui, mesmo tempo que conta neste ofício, na “arte” de confeccio- nar peças, realizar ajustes em geral e reformas. Sua mãe sustentou os filhos com o ganho das costuras, por isso seu aprendizado de forma au- todidata se intensificou ao auxiliar a mãe, nos arremates das costuras. Com o passar do tempo optou pela continuação da profissão para au- mentararendafamiliar,massemprecomgostoe prazer nas tarefas e a clientela. Mesmo com a possível extinção dessa profissão, Inês confia nodiferencialdeseutrabalho,adoatendimento adomiciliocomhoramarcada,e,apartirdaíuma cliente indica para outra e, muitas hoje optam pelo serviço, pois várias pessoas preferem ou não podem sair de casa. Com essa determina- ção, ela, facilita a vida das clientes e se mantém na profissão, contudo, a sua prioridade é “aten- derbemaqualquerhora,comcaprichoesatisfa- zeracliente.” Santo Antônio Oração para achar objetos perdidos Eu vos saúdo, glorioso SantoAntônio, fiel protetor dos que em vós esperam. Já que recebestes de Deus o poder especial de fa- zer achar os objetos perdidos, socorrei-me neste momento, afim de que, mediante vos- so auxílio, eu encontre o objeto que procuro...Alcançai-me, sobretudo, uma fé viva, uma esperança firme, uma caridade ardente e uma docilidade sempre pronta aos desejos de Deus. Que eu não me detenha apenas nas coisas deste mundo. Saiba va- lorizá-las como algo que nos foi empresta- do e lute sobretudo por aquelas coisas que ladrão nenhum pode nos arrebatar e nem iremos perder jamais. Assim seja. Sicredi, a solidariedade deAtendimento da Cooperativa, em 17 muni- cípios da região. Ao realizar esta ação solidária, o Sicredi bus- ca reforçar sua proposta de ‘Ser Cooperativa’, promovendo a melhoria da qualidade de vida das comunidades em que está presente.Acam- panha envolveu os colaboradores e associa- dos, fortalecendo o engajamento à coopera- ção e estimulando, através do exemplo, a sociedade a realizar ações cooperativas. Ao receber a doação, os diretores das esco- las destacaram a importância dessa iniciativa, visto que o material deverá ser utilizado em atividades pedagógicas para o desenvolvi- mento da aprendizagem. Delegacia de Trânsito x Homicídios ria o governo em policiamento e estrutura em todos os sentidos se o carro não anda não terá multa acabaria os acidentes. Quanto aos homicídios o crescimento é as- sustador pelas leis existentes pela liberdade das fronteiras na entrada de armas e drogas pelos presídios lotados e pela organização do banditismo eles têm suas leis não cumpriu é uma vitima certa nem os direitos humanos conseguem acabar com este jeito de agir por parte do bandido eles desrespeitam as insti- tuições e não temem a ninguém, pois o con- fronto é total vamos avaliar a delegacia local se era tão necessária assim em seu lugar po- dia ter sido construída uma nova escola e pre- parar a nova geração do amanhã. A delegacia de homicídio e trânsito localiza- se na Rua Joana D’Arc, 215, bairro Nossa Se- nhora de Lourdes entre as Ruas Fernando Ferrari e OtavioAires de Oliveira. 3217-5078. Encontramos na cidade imóvel para alugar residenciais e comerciais lo jas fechadas há mais de ano. Não há motivação para o investidor no quadro atu- al. O que encontramos sim é desemprego e lojas fechando nem a esperança mais aju- da e com reajuste deste mês em 12% ele é considerável chegou o momento das par- tes negociarem se entenderem para evitar desperdício e prejuízos para ambas as par- tes. A não ser que março a economia do país tome outros rumos é melhor uma pom- Alugueis ba na mão que duas vo- ando. Sabemos para quem paga é bastante e quem recebe é pouco levando em conta o valor do pa- trimônio. Que sempre é um bem que tem se valo- rizado nem tanto, mas continua sempre no pata- mar já tivemos em outras ocasiões monetos como esse em que os alugueis eram negociados direta- mente entre inquilino e proprietário e quando houver negociação e bom entendimento sempre é bom o inquilino colaborar para na manutenção do imóvel. Por tanto o rea- juste deste mês passa de 12% procure um bom en- tendimento.
  7. 7. 7De 19 a 25 de fevereiro de 2016 Uma vida inteira ligada aos serviços grá- ficos foi o que motivou o empresárioAde- mar Stecca apostar no próprio negócio. Responsável pela implementação da grá- fica do antigo colégio Pão dos Pobres, no ano de 1961, o empresário viu a oportuni- dade de ter sua própria gráfica nos anos 90. Foi quando, no dia 15 de fevereiro de 1990, junto de um sócio, deixou a institui- ção Pão dos Pobres para fundar a Stecca e Tâmbara Ltda para prestação de servi- ços gráficos. “Naquela época, o Pão dos Pobres tinha missão de capacitar profissi- onalmente os alunos, e uma das áreas era na parte gráfica, a qual fui um dos respon- sáveis pela implementação e condução por muitos anos”, lembra Ademar Stecca. No ano de 1995, a empresa passou a se cha- mar Gráfica Multipress e em 2007, tornou- se da família Stecca, quando os filhos de Ademar adquiriram parte do antigo sócio da empresa. Everton Stecca é quem toca hoje, com a supervisão do pai, a empresa que é de cunho familiar.Afalta de mão de obra capacitada no setor, por falta de cur- ARedetelltemomelhorsistemadetrans- missão de dados em rede, de internet e telefonia da região central do Estado. Con- solidada no mercado há 10 anos, a empre- sa tem seu foco de atuação voltado ao mercado corporativo e vem sempre inves- tindo em inovação para oferecer seus ser- viços com melhor qualidade e garantia aos seus clientes. Renovação de frota e refor- mulação da equipe de profissionais técni- cos especializados na área foi os últimos a receberem investimentos. No entanto, o mais importante deles, conforme o empre- sário diretor da Redetell Fernando Acos- ta, está voltado na infraestrutura de servi- ços aos clientes. Ou seja, a migração da transmissão de sinal de dados e internet por cabos de fibra ótica. Essa nova tecno- logia dá lugar às antigas torres metálicas antes necessárias para tal finalidade. “A utilização de fibra ótica significa moderni- zação. É um investimento voltado ao cli- ente, o qual terá em nossos serviços ga- rantia de qualidade, estabilidade de sinal, maior largura de banda e confiabilidade, uma vez que essa tecnologia imunidade, principalmente às intempéries do clima, como ventanias, temporais e raios que pre- judicavam as nossas torres”, explicaAcos- ta. Seus principais clientes a apostar nesta nova tecnologia são empresas como Ugli- one, Honda Minami Motors e Expresso Medianeira. A internet da Redetell dispo- nibilizada aos clientes é através do siste- ma autônomo de redundância de forneci- mentodeinternet,comlink100%dedicado e IP fixo, com equipamentos em comoda- to e suporte por parte da empresa. Com planos voltados à pequenas e médias em- presas, existem pacotes corporativos com valores a partir de R$ 180 mensais.A Re- detell é uma empresa franqueada da Tell- Multipress,qualidadehá26anosMultipress,qualidadehá26anos sos na área, bem como a rotatividade de trabalhadores da área dentro das mesmas empresas, são alguns problemas enfrenta- dosnaáreagráfica,segundoEverton.Além disso, a concorrência desleal por parte de algumas empresas atuante no ramo tam- bém atrapalha o setor.Tendo como princi- palfocovoltadoparaclientesdiretoseagên- cias de propaganda, a Multipress atua voltada no ramo comercial e promocional de folders, folhetos e impressos do tipo. O seu parque gráfico, que utiliza sistema off- set,contacomtecnologiadepontaemequi- pamentos importados da Alemanha e do Japão, além de uma qualificada equipe de profissionais. Rapidez, bom atendimento, agilidade e serviços de qualidade comple- tam o perfil da empresa que comemora seus 26 anos de vida de vento em pompa. A Gráfica Multipress está localizada na Avenida Liberdade, 50, em Santa Maria. Ohoráriodefuncionamentoédas7h30min às 11h45min e das 13h às 17h30min de segunda à sexta-feira. Mais informações pelo (55) 3221-8966. AdemarAdemarAdemarAdemarAdemar, à, à, à, à, à esquerda, comesquerda, comesquerda, comesquerda, comesquerda, com o filho Evertono filho Evertono filho Evertono filho Evertono filho Everton e parte de suae parte de suae parte de suae parte de suae parte de sua equipe deequipe deequipe deequipe deequipe de colaboradores.colaboradores.colaboradores.colaboradores.colaboradores. RedetellinvesteemfibraóticaFree, a qual oferece também o serviço de telefonia fixa para empresa e corporações com preços e tarifas inferiores ao encon- trado no mercado atualmente.Além da fi- bra ótica, o mais novo investimento que a Redetell está realizando, e que deve estar à disposição dos clientes ainda neste mês de fevereiro, é o serviço de arquivamento de dados de alta capacidade para empre- sas. Ou seja, o backup realizado na nuvem (cloud), o que permite ao usuário acesso aos seus arquivos de qualquer lugar. Estes dados serão armazenados em equipamen- tos de alta capacidade, em ambiente mo- nitorado e climatizado, com mais uma fon- te de energia, garantindo segurança e confiabilidade aos clientes na hora de ar- quivardadosedocumentosdigitaisdeuma empresa. Saiba um pouco mais sobre a Redetell através do site www.redetell.com.br ou visite a sede da empresa que fica da Rua Tuiuti, 2449. O telefone de contato é o (55) 4052-9400. EmpresárioEmpresárioEmpresárioEmpresárioEmpresário Fernando AcostaFernando AcostaFernando AcostaFernando AcostaFernando Acosta mostra como é ummostra como é ummostra como é ummostra como é ummostra como é um cabo de fibra óticacabo de fibra óticacabo de fibra óticacabo de fibra óticacabo de fibra ótica
  8. 8. 8 De 19 a 25 de fevereiro de 2016 9De 19 a 25 de fevereiro de 2016 Jornal A Cidade em Comunidade É o espaço que valorizamos o empreendedorismo em todos os segmentos, basta enviar fotos e dados e aqui vincularemos.É o espaço que valorizamos o empreendedorismo em todos os segmentos, basta enviar fotos e dados e aqui vincularemos.É o espaço que valorizamos o empreendedorismo em todos os segmentos, basta enviar fotos e dados e aqui vincularemos.É o espaço que valorizamos o empreendedorismo em todos os segmentos, basta enviar fotos e dados e aqui vincularemos.É o espaço que valorizamos o empreendedorismo em todos os segmentos, basta enviar fotos e dados e aqui vincularemos. Édsom Amorim da Silva e Zélida Schult depois de longos anos de união estável oficializaram a sua união em uma bela cerimônia na Paróquia das Dores e depois uma bela recepção aos convidados. A mãe da noiva, dona Maria feliz pela união do casal que já são pais dos filhos Leonardo, 21 anos e Lorenzo, 10 anos. Foi ela, com mais de 40 anos como estilista que confeccionou o vestido da noiva. Na foto familiares e padrinhos dos noivos. DDDDDia 25 inicia o ciclo de palestras e o palestrante é o empresário Ronie Gabbi, da empresa Santa Fé, talentos daqui valorizados. Contatos (55) 3222-7600. Na foto com sua esposa no jantar de posse da nova diretoria da CACISM. Fernando Frizzo, diretor das lojas Frizzo, participativo nas entida- des e instituições, comemora aniversário no dia 20 de fevereiro. Advogadas:ValériaMaronezePatriciaMichelon,comescritório na Benjamim Constat, 1198, felizes com sua atividade e a Valéria festeja aniversário no dia 20. Renor e ZilcaBeltrame festejam aniversário na mesma data, 25 de fevereiro. Em um passeio foto de arquivo. Benildo e Sônia Frizzo curtindo a neta no litoral. Passou às férias, calor intenso vem pela frente o in- verno tempo para plantar de tudo até flores. Quem sabelánesteanoacidadesemobilizenaspraças,can- teirosempoderverbelasfloresgerminando.Aprefei- tura que comande o empreendimento e busque parce- riacomasfloriculturas,comasagropecuáriasparadoar sementesemudas.Numamobilizaçãogeralconscien- tização é desta forma que é possível atender o chama- mento da campanha da fraternidade. O saneamento básico tem muito haver com o cultivo de flores por que a limpeza será permanente. Com isso a água terá seupercursonormal.Comoébeloveremfloriculturas Cultivar Flores Quemsabeaárvorepau-brasildocanteirocentralnaAv.Riobranco seja colocada uma placa indicando o patrimônio da nossa cidade. e no jardim de algumas casas as flores embelezando os ambientes e por que não na via pública. Sempre deve ter o inicio e uma forte liderança para que isso aconteça. É comum ouvirmos as pessoas que nos- sa cidade não tem indústria, por isso que falta oportunidade de empregos, Santa Maria é diferente, ela não tem só um se- guimento, são inúmeros para investir, o principaléaeducação,quevemsendofeito a contento, mesmo que o poder público apertou o cinto, mas a iniciativa privada continua criando novos cursos e investin- do, outro seguimento que não foi ainda focado e dado maior atenção é o funcio- nalismopúblicoeaposentadoséumafatia considerávelparainvestir.Oturismoreli- gioso,possuímosumafonteinesgotável,a rede gastronômica, as belezas naturais do interioreosserviçosqualificadosqueomunicípiotem a oferecer, mas não foge da mente das pessoas que a industrialização sempre é o carro chefe. DISTRI- TO INDUS- TRIAL: Na parteoesteda cidade uma área nobre e grandiosade- sapropriada no passado, parte dela co- lheu a Cohab Santa Marta, a Nova Santa Martaeainda sobrou espa- ço para a jus- tiça determi- nar o assentamento dacomunida- de indígena e a partir de 1970 uma área do estado começou a aco- lher as primeiras indústrias, a Coca-Cola, a Corrieri a Agrimecehojesãodezenasdeempresasdeváriosportes aliinstaladas,sóqueaburocraciavemdificultandoeo estadotransferiuagestãoparaomunicípio,maspare- ce-nosqueasdificuldadesestãoaindanapartelegal,as escriturasparaosempreendedoresqueprecisamdolocal próprio para seu empreendimento. Uma avenida aco- lhedora,terraplanagempreparandoolocaleasempre- sas produzem para o mercado interno e externo tam- bém, é preciso planejar melhor, pensar num ramal A espera de empreendedores ferroviárioeaprefeituraincentivarmaistodosaqueles quepretendemaquiseinstalar.Temoslocal,logística, talvezfalteoprincipal,avontadepolíticaparafavorecer o empreendedor.Avenida Pedro Saccol, um batalha- dornacriaçãodoDistritoquechegaramaformarentre osempresáriosaliestabelecidosaassociaçãododistri- tovivo,comtantaformaçãodetalentoslocais,comtanta áreanobreestáesperandooque,aburocracianosven- cer? Como aconteceu na capital, em que o governo gaúchopeloseupotencialnãoconseguiusuperaropo- derambientalecomissoaverbadestinadafoidevolvi- da ao governo federal. Quantos bons projetos devem tersidoelaboradosparaodistritoindustrialepelaburo- cracia na certa o empresário perdeu os prazos. OS PRIMEIROS INVESTIDORES: Entre tan- tos aAgrimec, Odilon Marion com sua empresa in- dustrializa aqui, atende o mercado interno e trabalha com exportação. E na semana a imprensa divulgou o mais recente contrato de exportação com país asiáti- co, a empresa foi criada em 1974. TERRAPLANAGEM:Noprimeirovisualpelaes- cavação, pelo espaço ocupado teremos aqui um gran- deinvestimento.
  9. 9. 10 De 19 a 25 de fevereiro de 2016 Em 1931, na comunidade de Furninhas, a morte de Cecília Roveda chocou a família, os amigos e os moradores do local, morta ao resistir a uma tentativa de violência sexual. Na cidade de Orleans, próximos à Criciúma e Tubarão en- contra-se o túmulo no cemitério onde foi sepultada a menina, semelhante ao que acontece em nossa cidade com Mariazinha Pena. Também a gruta construída pela comunidade onde os seguidores lá comparecem. E nos dias 26 a 28 deste mês uma extensa programação desta comunidade para a festa de São José e marcar os 85 anos do martírio da menina Cecília Rove- da. Nesta região residem numerosas famílias Roveda. É do conhecimento de todos que tanto o Tribunal de Contas do Estado como o Tribunal de Contas da União o primeiro é constituído de conselheiros indicados pelo go- vernador e o segundo são chamados ministros indicados pela presidente da república. No estado são sete conse- lheiros, os seis que lá trabalharam, quatro foram indicados politicamente são todos ex-deputados inclusive alguns jo- vens quando foram nomeados.Algir Lorenzon em 1989 e nos últimos tempos Estilac Xavier, Iradir Pietroski e Mar- co Peixoto que é o atual presidente. Mas tem os conse- lheiros Cezar Miola e Pedro Figueiredo também politico faleceu recentemente Adroaldo Loureiro que abriu uma vaga para indicação do Piratini e os nomes cotados Cesar Shirmer e Alexandre Postal, o nosso prefeito é o mais antigo militante do PMDB, pois são mais de 43 anos de vida pública, mas tem uma fila de outros partidos que que- rem o cargo daí vêm os interesses políticos. O governa- dor já se manifestou que não tem pressa em escolher o conselheiro, mas pelo visto e pelo trabalho da aprovação do pacote de 2015 deverá ser Postal. E no dia 23 come- mora seu aniversário com sua esposa Fátima e sua famí- CecíliaRoveda-AmeninadeFurninhas Gruta Túmulo Tribunais de contas lia distante de Santa Maria. Ele que tem dezenas de bons projetos aprovados em estudos para a nossa cidade, bem como acompanhar o pleito deste ano. Cesar eCesar eCesar eCesar eCesar e FatimaFatimaFatimaFatimaFatima SchirmerSchirmerSchirmerSchirmerSchirmer É uma Kombi do saudoso veículo do passado, equipa- do, decorado que comerci- aliza a tapioca, a gastrono- mia do nordeste do país. O empresário Iuri e sua espo- sa, criativos percorreram o Brasil e constataram que nossa cidade estava ansiosa para receber novidades. Hoje, o posto São Marcos comemora seu aniversário e ali à tardinha você encontra estacionada a Kombi com toda equipe e você pode de- gustar o saboroso produto nordestino e a você que pro- move eventos faça a dife- rença leve para o local a Kombioca. Kombioca
  10. 10. A CidadeA Cidade 11De 19 a 25 de fevereiro de 2016 CREMATÓRIO DOM JOSÉ: em Santa Rosa – planeje sua vida após a morte! Deseja ser cremado? Consulte o Rui. 3222.5362 | 9602.7736. Plano pagável em até 20 meses. ATELIER SCHULTZ: D. Maria procura profissional p/ser parcei- ra ou deseja vender equipamento com a clientela fiel. É só trabalhar. 8448.6657. DIRETOR COMERCIAL: buscamos um profissional com conhe- cimentos e liderança, agendar entrevista. 3223.5192 CIRCULAÇÃO EASSINATURAS:Vaga para trabalho na circula- ção do jornal e no comercio de assinaturas.Agendar 3223.5192. CONSULTOR DE VENDAS DE PUBLICIDADE: obtenha in- formações, venha conversar conosco, tenha um fixo e a receita em vendas sem limites, seja inovador e ambicioso para viver feliz. Tra- tar neste jornal. RELOJOEIRO PAIM: Consertos em geral. Capacidade e qualida- de. Basta ligar que ele vem ao seu encontro, 3026.6165. Contrua a sua Casa! ImóveiseUtilidades Vendas Utilidades e Serviços Roveda Imóveis Aluga Anunciando no JC você recebe cortesia no espaço da rádio Imembuí, sábados das 10h as 12h. Ligue 32235192. APARTAMENTO:Edifício centenário 3 dor, 280 mil. Desocupa- do. APARTAMENTO: Conj. Res.Acampamento 2 dor, 155 mil. TERRENO: Itaara, 514 m², frente Sicredi, 245 mil. TERRENO: Rua Pedro Santini, frente para 287, 2 há. CASA: DE 285 m², Dr. Turi, frente centenário. CASA: de alvenaria na Rua Barão do Triunfo, quaseAndradas, 03 pisos: no térreo, garagem para 02 carros, salão com churrasqueira e toda estrutura. No 1º andar uma ampla cozinha e no 2º andar 03 dormitórios com suíte. Pronta para famílias com filhos. 3223-5192. APARTAMENTO NO RESIDENCIALCAMOBI: 03 dormitó- rios desocupados, 199mil (3323-5192) LOJA: Na Floriano Peixoto, com 170 m², onde era a varanda, condomínio baixo,aluguel 6 mil, com bonificação. CASA: Na General Neto, de alvenaria, frente Rede Vivo, 4 dor. R$ 1200,00. APTO: Rua Pantaleão, 01dorm. c/gar, R$ 700,00. Tr. 3223-5192. APTO NOVO: Na General Neto, 02 dorm, 2 banh., c/gar. R$ 1100,00. SHOPPING INDEPENDÊNCIA: Tem para locação um espaço para comércio na praça de alimentação 3027-7778. Olá amigos leitores! Num condomínio fechado, qualificado, tem tudo para todos, nós lhe oferecemos o terreno de 15 x 25, próximo a entrada. O bom mesmo nos li- gue e vamos conhe- cer o local, sua famí- lia não vai resistir. (55) 3223-5192 Você já está pesquisando os seus candidatos para aspróximaseleições?Sãomuitososqueemépocas de eleição batem nas nossas portas com propostas extraordináriase,muitosfalamepregamamelhoria notrânsitocomocarrochefedoseusprogramaselei- torais.Começofalandoquebonsprogramasdetrân- sitoedeMobilidadeurbanapassamprimeiramente poravaliaçõestécnicasderealnecessidade,aplica- bilidade e gestão de recursos, ou seja, ha projetos quesãoderelevânciadeextremanecessidademas, são inviáveis financeiramente e não adianta serem começados,pois,ficampelametadeenãocumprem seu fim.Aqui na cidade de Santa Maria RS temos algunsexemplosdeprojetoseleitoreirosquenato- talidadenãocumpremsuafunçãosocialqueéme- lhorar o trânsito para a população, e acabam bene- ficiando os interesses de alguns como shoppings, empresasouinstituições. Écomumsecretáriosmunicipaisselançaremcomo candidatosavereadorescomodiscursoqueenquan- tosecretárioeuajudeiapopulaçãofizistoouaquilo, lembroatodosqueumsecretáriodemunicípioéum funcionário público indireto, e em geral são muito bemremuneradosparaexerceremaquelafunçãoe ganhamumsalárioqueamaioriadoseleitoresnão ganham nem a metade. Para fazer aquilo que a sua funçãoexigeemsantaMariaRSumsecretárioga- nhacercadeR$8.000,00maisbenefíciosconforme site do município. Se este cidadão fez algo na sua comunidadeoudeterminouumaobraoumelhorias notrânsitoqueseja,elenãotefeznemumfavorele apenasfezaquiloqueémuitobemremuneradopara fazer.Aqui em Santa Maria temos um exemplo de um secretário de mobilidade que comandou algu- mas melhorias no trânsito e, ao ser eleito vereador não teve projetos relevantes para a comunidade e sequernaáreadetrânsitoquefoiabandeiralevan- tadanasuacampanha. Em2016temosapossibili- dadedecandidaturaparavereadordealgunssecre- tários atuais, minha dica é, antes de confiar o seu voto, assim como é feito em uma empresa privada façaaanálisedocurrículodestecandidatoeavaliea vidaregressae,assimcomoumaempresafazseem algummomentodavidaocandidatoseenvolveuem delitos,ouemalgumempregodeixoudefazersuas obrigaçõesnãoocontrate,pois,ovotoamigossim- bolizaumcontratoécomosevocêaovotarestives- sedandoseuavalnacontrataçãodeumfuncionário, se você escolher mal depois não adianta reclamar. Aqui em Santa Maria em alguns momentos foram feitasmudançasdesinalizaçãoevendidoparaopovo comoobrasdemobilidadeurbana,masparaoleigo até passa já para a área técnica faltou o projeto das mudançaseosestudosparaaplicaçãoeamelhoria quenãoaconteceu,emalgunspontossótransferiu- seoproblemaparaalgunsmetrosalémevenderam como solução. Não vou nem comentar do Projeto deMobilidadeUrbanaquenopapelestamuitobo- nito a aplicação, mas, na prática não esta aconte- cendo.Amigosacordempinturadesinalizaçãohori- zontal nas ruas não é melhoria é obrigação, se for pintadodeformaerradaédinheirofora,etemmuita coisaincorretasendopintada!Lembremdistonahora devotar,estudeseuscandidatos,edestesqueestão poraipossogarantirquevãosobrarpoucasopções devotosevocêsfizeremumaavaliaçãomaiscriteri- osa.Deixesuaopinião! ASSEMBLEIAS: são convocadas através de edital publicado na mídia impressa no míni- mo 15 dias de antecedência com todos os da- dos necessários, pois se não for esses o pro- cedimento, os interessados em ser síndico podem anular as decisões da assembleia e elas são necessárias para tomar importantes deci- sões. O primeiro passo é eleger a diretoria por voto ou por aclamação, aprovar as contas da gestão anterior, deve ser com minúcias, caute- la e análises, sabe-se que o papel aceita tudo. Sempre é bom saber o que se paga e para que. A assembleia também vai definir os investimen- tos no prédio, reformas, pinturas, e outros. Quem paga são os proprietários, os quais de- vem participar da assembleia para aprovar esse assunto, e não o inquilino, ele deve estar pre- sente para pagar as despesas de condomínio que ele usufrui. Fundo reserva: o nome diz tudo, ele é co- brado por decisão da assembleia, bem como os valores. Ele é para suportar gastos eventu- ais, mediante normas que a assembleia deter- mina, esse dinheiro deve ser aberta uma conta no banco em nome do condomínio e que duas pessoas possam movimentar a mesma. Para tanto o condomínio deve estar legalizado, pos- suir o CNPJ, caso contrário, outra opção é abrir a conta em nome de dois proprietários de confiança, também num banco, para que esse valor produza receita. É comum em nossa ci- dade encontrarmos prédios pequenos sem con- domínio registrado e o dinheiro entregue ao administrador sem render qualquer tipo de juro. Deram-se conta se essa empresa ou essas pes- soas que cuidam desses valores resolverem gastar ou deixar de trabalhar na empresa, a quem vão cobrar, pode esquecer o dinheiro. É quase igual a você comprar um apartamento em construção, pois paga mensalmente ou a vista e a construtora não consegue terminar a obra e nem paga os encargos. O que vai acontecer? Quem comprou será chamado para participar do rateio para terminar a obra. Por aqui não é comum, mas em grandes cidades no litoral inú- meros casos dessa ordem surgem. Queremos esclarecer que o fundo de reserva deve ser fis- calizado pelos pagantes, e não misture amiza- de com negócio, nunca vai dar certo, dinheiro se ganha com trabalho, uma minoria ganha fa- cilmente com o mensalão e a lava-jato, mas estão pagando por isso. Cuide de seu condo- mínio, é onde você mora e recebe seus amigos e parentes. Capão da Canoa Aluga-se: na rua Sepé,Apartamento 1 dor- mitório, frente, sacada e garagem. O mês de março é convidativo para descansar com pre- ços ao alcance de todos. Alugamos também com contrato anual. Tr. (55) 8407.1000.
  11. 11. A CidadeA Cidade12 De 19 a 25 de fevereiro de 2016 COOPERATIVADE PRODUÇÃO E DESENVOLVIMENTO RURALDOSAGRICULTORES FAMILIARES DE SANTAMARIARS - COOPERCEDRO CNPJ/MF: 08.546.254/0001-11 NIRE: 43 400 094 334 EDITALDE CONVOCAÇÃO ASSEMBLÉIA GERAL ORDINÁRIA O presidente da Cooperativa de Produção e Desenvolvimento Rural dos Agricultores Familiares de Santa Maria RS – COOPERCEDRO, usando das atribuições que lhe confe- re o artigo 29 do Estatuto Social e de conformidade com a decisão do Conselho de Administração tomada em reunião no dia 11 de dezembro de 2015, CONVOCA os senho- res associados para ASSEMBLÉIA GERAL ORDINÁRIA a ser realizada no dia 03 de março de 2016, nas dependências do NESAF – Núcleo de Estudos em Agricultura Familiar, no Campus da Universidade Federal de Santa Maria no município de Santa Maria/RS em primeira chamada, às 12h30min com a presença de dois terços dos associados; em segunda chamada e às 13h30min com a presença da metade mais um dos associados; em terceira chamada às 14h30min, com a presença de no mínimo 10 (dez) associados para deliberarem sobre o seguinte: ORDEM DO DIADAAGO 1º - Prestação de Contas dos Órgãos de Administração compreendendo: Leitura e julga- mento do Relatório da Administração, Balanço Patrimonial, Demonstrativo de Sobras e Perdas Acumuladas, Demonstração de Origens e Aplicações de Recursos, Parecer do Conselho Fiscal, tudo referente ao exercício de 2015; 2º - Destino das Sobras do Exercício; 3º - Fixação dos valores da remuneração do conselho de administração, valores da cédula de presença do conselho de administração e fiscal; 4º - Eleição e posse do Conselho de Administração; 5º - Eleição e posse do Conselho Fiscal; 6° - Assuntos gerais. NOTA: O número de associados é de 150 sendo 109 atuantes. Santa Maria - RS, 19 de fevereiro de 2016. FERNANDO DOS SANTOS LIMA – Presidente – CPF/MF.: 425.013.690-68 Segundo informações o bichinho vem da África de 1947 e ninguém deu importância para ele. Em nosso país lá em Brasília as preocupações era conseguir do- ações para as campanhas, em- preiteiras, preços elevados nos serviços públicos e diante das denúncias que tenham envol- vido pessoas ilustres da Pátria o momento é de buscar defesa e negar sempre até que o judi- ciário, Policia Federal e o MP descubram tudo. Essa juven- tude no poder que chegaram paraprocederaumalimpa,evi- dente se os caciques deixarem, mas estão no caminho certo e o povo sofrido aplaude a cada açãoqueelesrealizametrazem ao conhecimento público con- tra a vontade dos citados que sempre alegam a defesa e a lei permite que só sejam conde- nados culpados depois de tran- sitar todos os caminhos do ju- diciário e isso leva mais de 10 anos. E diante do quadro atual esqueceu-se de investir na educação, transpor- te, segurança e saúde. Em todos os segmentos não tem dinheiro e não formaram estrutura e agora diante do calor internacional, a calamidade nacional recorreu ao exército que mesmo cortados os recursos se man- têm e a previsão na semana mais de 300 mil militares estão nas ruas para orientar e fiscalizar quem sabe nesta ação os marginais que não tem medo de nin- guémtambémlevemalgumsusto.Elogiáveisasinicia- tivas das forças armadas para colaborar nesta campa- nha. E o governo federal mandou os ministros para os estados para acompanhar às ações como se fizessem alguma coisa, mais gastos, mais um pro- veito político. Prevenção: Dá para perceber o quanto os governos estavam desligados nas ações pela saúde. Se um de- pósito de pneus na re- gião de Soledade mais de 100 mil estavam jo- gados no sol, chuva imagineoquantopros- perou ali o mosquito. Nolitoral,emCapãoda Canoa campanha in- tensa sábado última de esclarecimentoporpar- te da saúde e a beira- mar água podre, esgo- to e céu aberto sem qualquer ação para a limpeza. A prevenção deve ser do poder pú- blico, mas cada um Acordaram para combater devefazerasuapartefiscalizaroseuambientenalimpeza e na prevenção. O mosquito: É o carro chefe, mas falam-se muito em problemas de Zika vírus, chicunguia, dengue e outros, mas o foco principal é o mosquito. Tendo a prevenção governamental locais de atendimento estão preparados com rapidez para atender a tanto quantos lá chegarem? Sintomas: Dengue: Febre alta, dores articulares e musculares, dores de cabeça. Zika Vírus: febre baixa ou ausente, manchas na pele, vermelhidão nos olhos. Febre Chikungunya: dor nas articulações, febre alta, conjuntivite, dores nas costas. Militares:Acomunidadedeverecebê-loseouvircom atenção suas orientações, bem como ou- vir sempre os mais velhos e todos nós quando tivermos oportunidade transmitir orientação para prevenir. Emmarçoodiadoacolhi- mento que acontece no Santuário da Medianeira coordenado pela 3ª DE, quefaçapartetambémda programaçãoumamobili- zação na prevenção do mosquito. Colégios: Em casa na certaafamíliaabordaoas- sunto, mas no ensino onde tenha público até nos eventos sempre ocu- parumminutoeorientare prevenir, pois as crianças são a porta voz oficial da escola para casa. É uma nova geração consciente. Vala de esgoto:emCa- pão da Canoa um traba- lho intenso no entanto da Av. Beira-mar até o mar essa é a situação da água parada. Santa Maria, RSSanta Maria, RSSanta Maria, RSSanta Maria, RSSanta Maria, RS
  12. 12. A CidadeA Cidade 13De 19 a 25 de fevereiro de 2016 A união de esforços das instituições públicas, privadas e comunitárias, durante a mobilização nacional contra o mosquitoAedesAgypti, apresen- tou importantes resultados, em Santa Maria. Mais de 2,3 mil soldados do Exército, daAeronáutica e da Brigada Militar, além de servidores da prefei- tura, da Defesa Civil Municipal e Estadual, da CruzVermelha e da Secretaria daAgricultura do Estado percorreram, neste sábado (13), 95% do território do município para levar informação aos cidadãos sobre as doenças da Dengue, ZikaVirus e Febre Chikungunya. De acordo com a superintenden- te de Vigilância em Saúde, Selena Michel, 38 bairros e os nove distritos de Santa Maria foram visitados por completo. Isto é, 100% dos domicílios contaram com a presença de um soldado ou de um agente de saúde. A Prefeitura de Santa Maria lançou a campanha “Dez Minutos Contra Den- gue, Zika e Chikungunya”, voltada à conscientização para o combate à tríplice epidemia.Asecretária de Saúde, Vânia Olivo, afirma que a campa- nha foi criada com o intuito de sensibilizar a população. “Além de consci- entizar que estamos todos juntos no combate ao mosquito, também quere- mos tornar Santa Maria um exemplo para outros municípios como referência no combate e prevenção destas enfermidades”. Principais cuidados para prevenir a proliferação do mosquito: - Não deixar água parada em pneus fora de uso. O ideal é fazer furos nestes pneus para evitar o acúmulo de água; - Não deixar água acumulada sobre a laje de sua residência; - Não deixar a água parada nas calhas da residência. Remo- ver folhas, galhos ou qualquer material que impeça a circula- ção da água. - A vasilha que fica abaixo dos vasos de plantas não pode ter água parada. Deixar estas vasilhas sempre secas ou co- bri-las com areia; - Caixas de água devem ser limpas constantemente e manti- das sempre fechadas e bem vedadas. O mesmo vale para poços artesianos ou qualquer outro tipo de reservatório de água; - Vasilhas que servem para animais (gatos, cachorros) be- ber água não devem ficar mais do que um dia com a água sem trocar; -As piscinas devem ter tratamento de água com cloro (sem- pre na quantidade recomendada). Piscinas não utilizadas devem ser desativadas (retirar toda água) e permanecer sem- pre secas; - Garrafas ou outros recipientes semelhantes (latas, vasi- lhas, copos) devem ser armazenados em locais cobertos e sempre de cabeça para baixo. Se não forem usados devem ser embrulhados em sacos e descartados no lixo (fechado). - Não descartar lixo em terrenos baldios e manter a lata de lixo sempre bem fechada; - Sempre que observar alguma situação (que você não pos- sa resolver), avisar imediatamente um agente público de saúde para que uma medida eficaz seja tomada. Em janeiro, colhi o que, no final de 2006, como integrante da Comissão da Mulher Advogada da 6ª Subseção da OAB/RS – SantaMariajuntamentecomoPresidenteDr.JorgeMaciel,plan- tamos, entregando ao Exmo. Sr. Vice-Presidente do Tribunal de Justiça Dr. Armínio José Abreu Lima da Rosa, farto expediente elaborado após estudo da Comissão já referida solicitando a im- plantaçãodoJuizadodeViolênciaDomésticaemSantaMaria,em função da Lei Maria da Penha que fora sancionada naquele ano. Conhecedora das fragilidades femininas originadas pelas desa- venças com seus amores, devido a minha atuação diuturna na Defensoria Pública do Estado, passei a direcionar minhas forças na defesa dos direitos das mulheres. Nesta esteira fundei um Clube de Lions, de associadas mulheres para buscar alternativas de melhoria da qualidade de vida das mulheres. Como advogada passei a palestrar sobre a Lei Maria da Penha em todos os lugares possíveis, em escolas, CTGs, Universidades e como membro da Subseção da OAB/RS propus a vinda da farmacêutica Maria da Penha a Santa Maria para que relatasse a sua dolorosa experiên- cia.AOAB/RSaceitouapropostaefinanciouavindadacearense quemerecidamenteteveaLeinº11.340/2006identificadacomo seunome.Enumanoiteextremamentefria,920mulheresaouvi- ramnoHotelItaimbé,agasalhadacomumpaladelãquelhecedi. OLionsClubeMedianeirafoiincluídocomoMembrodoConse- lhoMunicipaldosDireitosdaMulher.Fuiindicadapararepresen- tar o Clube no Conselho. No ano seguinte fui eleita Presidente do Conselho.Toda esta caminhada foi feita com o objetivo primeiro debuscadaharmonizaçãofamiliar,poisaviolênciadomésticacria animosidades extra lar e atinge a todas. Integramos uma rede perfeita que abraçava os problemas e buscava a melhor alternati- va caso a caso. Não posso deixar de citar duas mulheres chaves desta rede: a Juíza de Direito Dra. Heloisa Helena Hernandes de Hernandes, e a Delegada de Polícia Dra. DéboraAparecida Dias. InclusiveemumaConferênciaMunicipaldosDireitosdaMulher, realizadanoClubeDores,foiinstaladaumaextensãodoCartório Criminal ao qual estavam afetos os processos de violência do- mésticaedaDelegaciaEspecializadaparaMulherese,colocadoa disposição, diversas mulheres compareceram e encorajadas pelo movimento do Conselho Municipal, conseguiram contar seus dramas. Naquele mesmo dia duas ou três medidas protetivas de afastamentodolarforamdeterminadas.Estruturadaarede,agora já com a Casa de Passagem, os serviços passaram a exigir maior agilidade e presteza. Dirigimos através do Conselho Municipal dosDireitosdaMulher,paraaDefensoriaPúblicaeaoMinistério Público,solicitaçãodenomeaçãodeprofissionaisexclusivospara esta área e através da OAB/RS – Santa Maria, a instalação do JuizadodaViolênciaDoméstica,aoTribunaldeJustiçadoEstado faceapeculiareexigentesituaçãodevulnerabilidadedasvítimas de violência. Dez anos depois a semente germinou e a planta instalou-se na gestão do Exmo. Dr. Juiz de Direito Dr. Rafael P. Cunha, exímio magistrado, com quem tive a honra de partilhar muitasaudiênciasnaVaradeFamíliaeapreciaroseujeito“gente” na forma de encaminhar as questões e por fim julgá-las. Falou o Dr.CorregedordoTribunaldeJustiçadizendoqueem2015foram deferidas no Estado 55.000 medidas protetivas e o que justifica a desprazerosa necessidade da instalação do 9º Juizado da Violên- ciaDomésticanoRioGrandedoSul.Porfim,oExmo.Sr.Presiden- te do Tribunal de Justiça do Estado Desembargador JoséAquino Flores de Camargo finalizou a cerimônia de instalação dizendo queaviolênciadomésticareproduzefeitogravenafamíliaeespa- lhaosdesajustesparaacomunidade.“Énafamíliaqueseaprende e exercita a solidariedade recíproca e que o Tribunal de Justiça deseja que os Juízes além do seu mister sejam gestores e líderes paragarantiraformaçãoderedescapazesdarestaurarapaz”.Saí do Fórum com a cabeça, o coração, a alma e a razão cheia de orgulhodevercompletadaaformaçãodemaisumorganismoora necessário para coibir a violência. Minha gratidão a todos que nesta caminhada colocaram os seus valores e aptidões em prol desta instalação. A Deus, o meu agradecimento pela Instalação doJuizadodaViolênciaDomésticaocorreuem21dejaneiro,data em que meu pai Lourenço Rebellatto educador e advogado con- ciliador completaria 90 anos se vivo fosse. Sandra Rebelato Na proteção da mulherTodos contra o mosquito Aedes Militares e vigilância emMilitares e vigilância emMilitares e vigilância emMilitares e vigilância emMilitares e vigilância em saúde visitaram casas esaúde visitaram casas esaúde visitaram casas esaúde visitaram casas esaúde visitaram casas e instruíram a comunidadeinstruíram a comunidadeinstruíram a comunidadeinstruíram a comunidadeinstruíram a comunidade
  13. 13. A CidadeA Cidade14 De 19 a 25 de fevereiro de 2016 19/02 Rosa Beatriz M. Pappis Carine Neves Fernando Baltar Humberto Sarkis Antônio C. de Oliveira 20/02 Kellen dos S. Soares Marcelo S. Pinto PatríciaA. de Oliveira Amilcar H. da Costa Roberto Bressiani Luziany C. Barnewitz Fernando Frizzo ValériaG.Maronez 21/02 Claudio Cechella Inácio Isaía Frederico Vontobel Cíntia Medeiros Fátima Castro Janete V. de Carmo 22/02 Carolina Pereira Vânia de F. Tricate Vera L. C. N. Rodrigues Frederico Campos LuizAramiD.Coelho 23/02 Adelmo Luchese Betiane Wartchow Gilberto B.Adames Silvete Stoll ValmirR.Ferreira Vera Cogo CézarSchirmer 24/02 GianaM.B.Calill Quelen Mendes Fabiano Fusaro Paulo Roberto Sartori Rodrigo deA. Mainardi Niura de A. Cardoso Adão José Correa Mury R. M. Meberti 25/02 Solaine M. Massierer Suziane O. Cargnelutti José W. A. dos Santos Renor Paulo Beltrame Aniro C. Fernandes José de O. Machado Luana Maciel Marinês B. Lundecker Claudia L. Campos ZilcaAnella Beltrame Edital de Citação – Cível 2ª Vara Cível – Comarca de Santa Maria Prazo de: 20 (vinte) dias. Natureza: Ação Monitória Processo: 027/ 1.12.0010290-8 (CNPJ:.002429544.2012.8.21.0027). Au- tor: Cooperativa de Crédito de Livre Admissão – Sicredi. Ré: Isaias Dias de Oliveira. Objeto: CITAÇÃO de Isaias Dias de Oliveira, atualmente em lugar incerto e não sabi- do, para, no PRAZO de QUINZE (15) dias, a contar do término do presente edital (art. 232, IV, CPC), contestar, querendo, e, não o fazendo, serão tidos como verdadei- ros os fatos articulados pelo autor na inicial. Santa Maria, 04 de fevereiro de 2016. SERVIDOR: Luiz Carlos Paim Donato. JUIZ: Stefânia Frighetto Schneider. Edital de Citação – Cível 3ª Vara Cível – Comarca de Santa Maria Prazo de: 20 (vinte) dias. Natureza: Anulatória Processo: 027/ 1.13.0001316-8 (CNPJ:.0002464-03.2013.8.21.0027). Au- tor: Paraíso Infantil Comércio de Roupas Ltda. Ré: T H Costa Calçados ME. Objeto: CITAÇÃO de T H Costa Cal- çados ME, atualmente em lugar incerto e não sabido, para, no PRAZO de QUINZE (15) dias, a contar do término do presente edital (art. 232, IV, CPC), contestar, querendo, e, não o fazendo, serão tidos como verdadeiros os fatos ar- ticulados pelo autor na inicial. Santa Maria, 11 de dezembro de 2015. SERVIDOR: Simone Boeck – Ajudante designada. JUIZ: Carlos Alberto Ely Fontela. O ÔNIBUS BRT: A esperança que todo o santa-marienseaguarda. Recentementeoprefeito Cesar Shirmer encon- trou-seemPortoAlegre comoministrodotrans- porteeoassuntofoitra- tado,mascomafaltade recursodogovernofede- ral que não consegue nem pagar as obras em andamentosempreatra- sadascomoéquevaiabrirnovasfrentesdeinvestimentos.Seoprojetofosseentre- gueainiciativaprivadaporquenãooconsórcioSIMdeSantaMariaencontraruma forma para que o retorno fosse garantido. Este é o caminho de agora em diante em vistaaaltaderecursosgovernamentaiséigualàsrodoviastemqueserterceirizadase cobrarpedágios,assimomotoristapaga,mastemsegurançaparaandar. OFTALMOCLINICA: Localizada no bairro Chácara das Flores, próximo ao AsiloVilaItagibavoltouafuncionarpelafelicidadedosqueprecisamatendimento. São mais de 80 atendimentos por dia e mais de uma centena de procedimentos cirúrgicos por mês.Afila de espera ultrapassa os 3 mil. E lá em Brasília quantas doações de campanhas foram contabilizadas e o TCE aprovou, mas ninguém per- guntou a origem e o pobre aposentado esperando atendimento médico. HORÁRIO DEVERÃO:Termina hoje, o relógio deve ser atrasado em 1 hora. TAQUAREMBÓ:Uruguaide2a6demarçoagrandefestagaúchaaquiestiveramos organizadoresparaconvidarosanta-marienseparacomparecercomofazanualmente. AES SUL: Investe 13 milhões na rede em nossa cidade SESTSENAT:Enviandoseuinformativoumrelatode2015emsuas12unidades no estado. Foram atendidas mais de 400 mil pessoas e a de Santa MariaTambém é um modelo de escola profissional. CAXIAS DO SUL: Vive a festa da uva até o dia 6 de março é um bom passeio. AGAS: No calendário de eventos do ano dia 23, um evento emViamão fechado para fornecedores e supermercadista. 9º GP de Kart e a convenção regional de Santa Maria vão acontecer de 27 a 28 de abril. RECEITAS MÉDICAS: agora as receitas têm valor por 180 dias. Para retirar medicamentos no programa farmácia populares brasileira, mas somente quando tiver remédio à disposição. ESCOLAAUGUSTO RUSCHI: Programa escola aberta. Curso de artesanato, grafite e outros.Aos sábados das 9 às 12h e à tarde das 15h às 18h. No domingo das 15h às 18h. (9726-3034) BRIC DAVILABELGA: Volta em março cheio de novidades. MÊS DA MULHER: Mês de março vai começar no dia 04 de março, às 10h commissanosantuáriomedianeiraeromariadasmulheres. PRONTO-SOCORRO DO HUSM: Novos telefones. Portaria central 3213- 1700 ou 3212-1701; portaria do pronto-socorro 3213-1703, portaria do ambula- tório 3213-1702. PREFEITURAMUNICIPAL: hoje, às 9h30min, reunião do GGI, para tratar volta às aulas, e o encontro dos bixos, os trotes. Dá tempo para indicar um local? Quem sabe a reitoria ceda um pavilhão para a festa. E hoje também, às 17h30min, na Praça Saldanha Marinho, a entrega da ambulância da SAMU e a apresentação da nova gestora de Fontoura Xavier que vai comandar o serviço. CÂMARA DE VEREADORES: dia 23, quase 60 dias de descanso, às 15h, os 21 vereadores iniciaram os trabalhos, um ano preocupante em que o povo vai avaliar o trabalho do legislativo no mês de outubro. ENCONTRO FAMÍLIAROVEDA:será dias 22 e 23 de abril em Monte Belo e em Bento Gonçalves, contatos aqui 8407-1000, em PortoAlegre, com Marina (51) 8937-7982, em Curitiba com Andressa (41) 8853- 4464. EDUCAÇÃO MUNICI- PAL:Asemana marcou com jantar festivo a posse dos di- retores e vice da rede escolar, mas também a nomeação so- lene de centenas de professo- res. Quando se investe em educação vibramos com esse empreendimentoéabasepara acabarmoscomacriminalida- de. EDITAL DE CONVOCAÇÃO COOPERATIVADE CRÉDITO RURALCOM INTERAÇÃO SOLIDÁRIA DE SANTA MARIA- CRESOL SANTA MARIA CNPJ/MF N° 05.220.232/0001-79 NIRE N° 43400086811 CONVOCAÇÃODEASSEMBLEIAGERALORDINÁRIA O Presidente da Cooperativa de Crédito Rural com Interação Soli- dária de Santa Maria - CRESOL SANTA MARIA, no uso de suas atribuições que lhe confere o Estatuto Social, CONVOCA todos os seus associados para a ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA, que realizar-se-á no dia 04 de março de 2016, no CPF Piá do Sul, situado na Rua Justino Couto, nº 179, Bairro Patronato, Santa Maria/RS.A instalação daAssembleia será às 14 horas, em Primeira Convoca- ção, com a presença mínima de 2/3 (dois terços) dos associados; em Segunda Convocação, às 15 horas, com a presença mínima de 50% (cinquenta por cento) mais um dos associados; e em Terceira e Última Convocação às 16 horas, com, no mínimo, 10 (dez) asso- ciados, para deliberarem sobre a seguinte ORDEMDODIA: I – Apresentação e deliberação sobre a prestação de contas do exercício 2015 da Cresol Santa Maria, acompanhado dos parece- res do Conselho Fiscal e daAuditoria Independente; II – Destinação de sobras ou rateio das perdas da Cresol Santa Maria apuradas no exercício 2015; IIII – Eleição do Conselho Fiscal da Cresol Santa Maria para o mandato 2016-2019; IV – Fixação dos honorários, gratificações e cédulas de presen- ça para o Conselho deAdministração e Conselho Fiscal da Cresol Santa Maria; V – Assuntos gerais de interesse social. NOTAS EXPLICATIVAS: 1) Para efeito de quorum legal, a Cresol Santa Maria possui, nesta data, 2.268 (dois mil duzentos e sessenta e oito) associados. 2)AAssembleia realizar-se-á no CPF Piá do Sul, situado na Rua Justino Couto, nº 179, Bairro Patronato, Santa Maria/RS, em virtu- de de não haver espaço suficiente na sede da Cresol Santa Maria. Santa Maria/RS, 19 de fevereiro de 2016. FERNANDODOSSANTOSLIMA DIRETORPRESIDENTEDACRESOLSANTAMARIA
  14. 14. 15De 19 a 25 de fevereiro de 2016 Amanhã das 10h às 12h na rádio Imembuí é o espaço da comunidade.Assuntos impor- tantes você pode agendar e participar e quando o progra- ma for ao vivo visite-nos e co- nheça a forma que trabalha- mos. Podemos transmitir o programa da sua empresa ao Valorizamos o empreendedorismo vivo fortalecendo a sua marca e produção. Va- mos agendar? CARLINHOS DES- PACHANTE:Háqua- se 25 anos trabalhando no segmento de trânsi- to, quando você busca umprofissionalparale- galizaroseuveículoga- nha tempo e praticida- de, apesar da informática sempre é bom facilitar o anda- mento. Duque de Ca- xias 385, telefone 3026-3237.
  15. 15. Sexta-Feira, 19 de fevereiro de 2016 Ano XVII - Edição 1106 - R$ 1,50 Nesta edição é uma foto encontrada nos arquivos não sabemos a época, mas ela é importante para destacar a importância dos escoteiros da nossa cidade com seus grupos, suas sedes e sua formação baseada em disciplina. É o indicativo para que as crianças busquem esse segmento na sua formação. Entre os mais antigos está o grupo Henrique Dias e o do Socepe. Fotos lembram o passado Foto: 22o Grupo Escoteiro Henrique Dias - Facebook TTTTTropa Propa Propa Propa Propa Preto Henrique Dias,reto Henrique Dias,reto Henrique Dias,reto Henrique Dias,reto Henrique Dias, Ano de 1941Ano de 1941Ano de 1941Ano de 1941Ano de 1941 Um lugar onde você pode deixar suas peças de roupas, cobertores, edredons, roupas de festa dentre outros e sabe que terá de volta limpo, conservado e em ótimo estado. Este lugar é a lavanderiaAguativa, que atua há 09 anos em Santa Maria e comemorou seu ani- versário nesta última terça-feira. A empresa familiarécomandadapeloempresárioRaimun- do Stefanello, que conta com ajuda da esposa Elaine, seus filhos Jader, Giovani e Vagner, além de uma capacitada equipe de profissio- nais. Qualidade, preço e atendimento perso- nalizado podem ser considerados fatores di- ferenciais da Aguativa. Quanto aos serviços prestados, além de lavanderia, o estabeleci- mento também oferece pequenos reparos de costura em peças de roupas. O local também possui convênios com algumas empresas, com condições especiais e preços diferencia- dos. Clientes mensalistas também têm descon- tos em alguns serviços. Busca e entrega de produtos também são destaque da Aguativa. Conforme o proprietário, várias iniciativas estão sendo tomadas para que os reajustes de impostos não sejam repassados aos servi- ços e, consequentemente, ao bolso do con- sumidor. “Temos ações voltadas à economia. Nove anos de bons serviços Criamos diferentes rotas pela cidade durante os dias da semana para busca e entrega de produtos. Além disso, não alteramos os pre- ços de 2015. E a cada mês, temos alguma pro- moção que dura cerca de uma semana, como, por exemplo, lavando um cobertor, o cliente ganha 10% de desconto na lavagem do se- gundo. São medidas simples, mas necessárias para o bom andamento da empresa”, garante Stefanello.AAguativaLavanderiasnasceuatra- vésdeumaparceriacomaSuzuki,maiorforne- cedora de equipamentos para lavanderias da América Latina.AAguativa é uma empresa di- ferente, tanto pelo tratamento dispensado aos clientes, quanto na execução dos serviços, pois está estruturada de modo que os clientes pos- sam visualizar de perto o tratamento realizado em suas roupas.AAguativa Lavanderias é es- pecializada em serviços de limpeza a seco, e, também com água, de roupas de uso pessoal, cama, mesa e banho, cobertores, edredons e cortinas. Visite a empresa na Avenida Nossa Senhora das Dores, 418, em Santa Maria. O horário de funcionamento é das 8h às 12h e das 13h às 18h de segunda à sexta-feira, e das 8h às 12h aos sábados. Mais informações pelo (55)3223-7370. Raimundo Stefanello, com esposa Elaine,Raimundo Stefanello, com esposa Elaine,Raimundo Stefanello, com esposa Elaine,Raimundo Stefanello, com esposa Elaine,Raimundo Stefanello, com esposa Elaine, filhos e equipe de colaboradores.filhos e equipe de colaboradores.filhos e equipe de colaboradores.filhos e equipe de colaboradores.filhos e equipe de colaboradores. Esta quinta-feira, 18 de fevereiro marca uma data especial para os proprietários, colabora- dores, clientes, fornecedores e amigos do Posto São Marcos. O motivo é que a empresa administrada pelos sócios Ricardo Cardoso e Luciano Rubin completa 7 anos de atividade em Santa Maria.Ahistória do empreendimen- to iniciou quando Ricardo Cardoso foi procu- rado pela companhia Ipiranga para ser mais um representante na região. Nascido na capi- tal do estado, casado, formado em Adminis- tração de Empresas, com especialização em Gestão Empresarial, pela UFSM, ele atuou por mais de 22 anos no Grupo JMT, na área de pós-vendas, nas concessionárias Mercedes Benz, Veisa, com sedes em Santa Maria, Pas- so Fundo e Entre Ijuís; e aceitou o desafio de comandar, juntamente com Luciano Rubin, esse novo empreendimento. Oferecendo pro- dutos da qualidade Ipiranga, aliado a preço Posto São Marcos, 7 anoscompetitivo e bom atendimento foram fatores determinantes para que o Posto São Marcos tivesse a grande aceitação do público santa- mariense. E isso fez com que a empresa cres- cesse e, em março de 2015, o Posto São Mar- cos abriu sua filial quando passou a administrar o posto de combustíveis na Ave- nida Presidente Vargas, em frente ao colégio Cilon Rosa. Hoje, o grupo gera mais de 25 empregos, oferecendo combustíveis, serviço de troca de óleo (Jet Oil) e loja de conveniên- cia AM/PM com venda de lanches e bebidas, inclusive cervejas artesanais para aqueles que gostam de apreciar um produto com qualida- de superior. O posto localizado na Rua Eucli- des da Cunha esquina com a Fontoura Ilha, no Bairro João Goulart, funciona todos os dias das 6h às 00h. Já a filial da Presidente Vargas atende 24h. Mais informações pelo (55) 3025 6767. Matriz do PMatriz do PMatriz do PMatriz do PMatriz do Posto São Marcososto São Marcososto São Marcososto São Marcososto São Marcos fica na Rua Euclides da Cunhafica na Rua Euclides da Cunhafica na Rua Euclides da Cunhafica na Rua Euclides da Cunhafica na Rua Euclides da Cunha esquina Fontoura Ilha.esquina Fontoura Ilha.esquina Fontoura Ilha.esquina Fontoura Ilha.esquina Fontoura Ilha. ARQUIVO HISTÓ- RICO MUNICIPAL: Comoéfeitohámaisde 17anosojornalACida- deencadernaasedições acada6meses. Nasede do jornal encontramos desde 17 de março de 1998arquivadasasnos- sas edições e no arqui- vo histórico municipal, na rua Appel também estáadisposiçãodosin- teressados. Há poucos dias realizamos a entre- ga do segundo semes- tre de 2015 recebidos pelosestagiáriosalipre- sentes já que a diretora Daniela encontrava-se emférias.

×