INTEGRAÇÃO EGPxTSS            Manual de Integração                             TOTVS MARKERTPLACE
INTEGRAÇÃO EGPxTSSÍNDICE  Visão Geral........................................................................................
INTEGRAÇÃO EGPxTSS Visão GeralCom a integração entre o ERP 2 e o Portal de Compras Paradigma (WBC – Web Business Center), ...
INTEGRAÇÃO EGPxTSS Fluxo de Integração de Cadastros1.   Usuário inclui ou altera um cadastro no ERP;2.   Dados do Cadastro...
INTEGRAÇÃO EGPxTSS Fluxo de Gestão de Pedidos com Cotação1.    O requisitante gera uma solicitação de compra no ERP;2.    ...
INTEGRAÇÃO EGPxTSS Fluxo de Gestão de Pedidos Sem Cotação1.   Criação do Pedido no ERP;2.   Aprovação do Pedido no ERP;3. ...
INTEGRAÇÃO EGPxTSS      Fluxo de Alterações e CancelamentoAlteração de Pedido de Compra    1.   Comprador altera o pedido ...
INTEGRAÇÃO EGPxTSS         Pré-requisitos da Integração dos ProdutosContrato realizado com a Paradigma para utilização do ...
INTEGRAÇÃO EGPxTSS          Alíquota ISS: Somente pode estar habilitada ou aparecendo para informar a taxa se o cliente t...
INTEGRAÇÃO EGPxTSS2. O EMS possui opção de deixar o fornecedor inativo por um determinado período, no final deste período ...
INTEGRAÇÃO EGPxTSS    6.   Atualiza código fornecedorNão ocorrendo nenhum erro na integração do fornecedor no ERP, o códig...
INTEGRAÇÃO EGPxTSSO retorno é efetivado no ERP, que atualiza se a requisição foi integrada com sucesso ou se ocorreram err...
INTEGRAÇÃO EGPxTSS    10. Dados da resposta da cotação.Após o encerramento do item de cotação na Paradigma, ele fica dispo...
INTEGRAÇÃO EGPxTSS    13. Comprador gera pedido de compra no ERP.Com base nas respostas vencedoras o comprador gera o pedi...
INTEGRAÇÃO EGPxTSS         Processo de Integração – Gestão de Pedidos sem Cotações (com Contratos)    1.     Criação do Pe...
INTEGRAÇÃO EGPxTSS      Processo de Integração – Alterações e CancelamentosNa integração existem ainda os fluxos alternati...
INTEGRAÇÃO EGPxTSS      Processo de Integração – Alteração de Ordem de Compra    1.   Comprador altera a ordem de compra.A...
INTEGRAÇÃO EGPxTSS      Processo de Integração – Cancelamento de Ordem de Compra    1.   Comprador cancela/elimina a requi...
INTEGRAÇÃO EGPxTSSOs mapas de integração das transações abaixo encontram-se liberadas no Datasul EAI:Transação            ...
INTEGRAÇÃO EGPxTSS       Trasações EAI para Integração ERP x Portal de Compras Paradigma – Monitor de Integração IPermite ...
INTEGRAÇÃO EGPxTSS      Configurações do ESBNeste documento é abordado a configuração de mapas e diagramas no ESB para as ...
INTEGRAÇÃO EGPxTSSDentro do diretório “Paradigma” devem ser colocados todos os arquivos com extensão “.xsl” (eles estão di...
INTEGRAÇÃO EGPxTSS      Configurações do ESB – Configuração para Acesso aos Web Services da ParadigmaNota:Para configuraçã...
INTEGRAÇÃO EGPxTSSNa sequência é apresentado um exemplo do diagrama “ParadigmaErroCotacaoReceiver”, indicado em vermelho p...
INTEGRAÇÃO EGPxTSS A tabela abaixo contém a configuração para os componentes “WS Sender” nos demais diagramas: Diagrama   ...
INTEGRAÇÃO EGPxTSS      Configurações do ESB – Configuração para Acesso ao Banco de Dados EAINos diagramas é necessário co...
INTEGRAÇÃO EGPxTSSA tabela abaixo possui a lista dos componentes que precisam ser configurados para conectar corretamente ...
INTEGRAÇÃO EGPxTSS         Cálculo de Preço LíquidoA base para os cálculos é o Preço Fornecedor (cotacao-item.preco-fornec...
INTEGRAÇÃO EGPxTSS             Dias de taxa financeira: 5             Alíquota IPI: 10,00             Condição de pagam...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Tdn totvs+marketplace

1.163 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.163
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
39
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Tdn totvs+marketplace

  1. 1. INTEGRAÇÃO EGPxTSS Manual de Integração TOTVS MARKERTPLACE
  2. 2. INTEGRAÇÃO EGPxTSSÍNDICE Visão Geral.............................................................................................................................................................................. 3 Fluxo de Integração de Cadastros........................................................................................................................................... 4 Fluxo de Gestão de Pedidos com Cotação .............................................................................................................................. 5 Fluxo de Gestão de Pedidos Sem Cotação .............................................................................................................................. 6 Fluxo de Alterações e Cancelamento...................................................................................................................................... 7 Pré-requisitos da Integração dos Produtos............................................................................................................................. 8 Parametrização da Integeração no Produto, Origem ............................................................................................................. 8 Parametrização da Integração no Produto, Destino ............................................................................................................... 8 Processos de Integração ......................................................................................................................................................... 9 Processo de Integração – Cadastros ....................................................................................................................................... 9 Processo de Integração – Gestão de Pedidos com Cotação ................................................................................................. 11 Processo de Integração – Gestão de Pedidos sem Cotações (com Contratos) ..................................................................... 15 Processo de Integração – Alterações e Cancelamentos........................................................................................................ 16 Processo de Integração – Alteração de Pedido de Compra .................................................................................................. 16 Processo de Integração – Alteração de Ordem de Compra .................................................................................................. 17 Processo de Integração – Cancelamento de Pedido de Compra .......................................................................................... 17 Processo de Integração – Cancelamento de Ordem de Compra .......................................................................................... 18 Trasações EAI para Integração ERP x Portal de Compras Paradigma .................................................................................... 18 Trasações EAI para Integração ERP x Portal de Compras Paradigma – Monitor de Integração I .......................................... 20 Configurações do ESB ........................................................................................................................................................... 21 Configurações do ESB – Criação do Projeto.......................................................................................................................... 21 Configurações do ESB – Configuração para Acesso aos Web Services da Paradigma........................................................... 23 Configurações do ESB – Configuração para Acesso ao Banco de Dados EAI......................................................................... 26 Configurações do ESB – Configuração para o Arquivo “configurationsparadigma.xsl” ........................................................ 27 Cálculo de Preço Líquido....................................................................................................................................................... 28 2
  3. 3. INTEGRAÇÃO EGPxTSS Visão GeralCom a integração entre o ERP 2 e o Portal de Compras Paradigma (WBC – Web Business Center), que será responsável pelacotação de itens com diversos fornecedores, é possível agregar volumes de compras para cotação de preço, dentre outrasvantagens. A integração proporciona uma automação da área de compras, pois todo o processo de respostas de cotações érealizado pelos próprios fornecedores no portal de compras da Paradigma. A geração de ordens de compra será realizada noERP 2, e serão enviadas para o portal de acordo com a necessidade, para o tratamento pelo portal de compras. O processo decotação e escolha dos vencedores é realizada no portal, sendo o pedido de compra gerado pelo ERP 2 e posteriormente enviadopara o portal de compras da Paradigma.Existe ainda um segundo fluxo nesta integração, onde o comprador pode realizar todo o processo até a geração do pedido decompra dentro do ERP e enviar então o pedido para o portal.Além da integração de transações de negócio (ordens de compra, cotação e pedido) são integrados uma série de cadastradospara equalizar os dados utilizados entre os dois sistemas. 3
  4. 4. INTEGRAÇÃO EGPxTSS Fluxo de Integração de Cadastros1. Usuário inclui ou altera um cadastro no ERP;2. Dados do Cadastro incluído ou alterado são enviados para a Paradigma;3. Dados de retorno do processamento do cadastro na Paradigma (sucesso ou erro) são enviados ao ERP;4. Busca o fornecedor do Clic business para a sua base de fornecedores;5. Dados do fornecedor são envidas para o ERP;6. Se o cadastro for executado com sucesso, o código do fornecedor é atualizado no portal. 4
  5. 5. INTEGRAÇÃO EGPxTSS Fluxo de Gestão de Pedidos com Cotação1. O requisitante gera uma solicitação de compra no ERP;2. Aprovador aprova solicitação no ERP;3. Comprador Gera Ordem de Compra;4. Comprador seleciona as ordens de compra para tratamento no portal;5. Dados da requisição no ERP são enviados para o portal;6. Retorno do processamento da requisição no Portal é enviada ao ERP;7. Comprador cria e envia cotação a partir da requisição;8. Fornecedores respondem a cotação;9. Comprador Encerra o item de cotação ou a cotação;10. Dados da resposta da cotação são enviados ao ERP;11. Aprovador aprova ou recusa processo de compra;12. Reabertura de item de cotação na Paradigma (no caso de recusa de processo);13. Comprador gera pedido de compra no ERP;14. Pedido passa pela aprovação interna do ERP;15. Comprador seleciona pedidos para tratamento no portal;16. Dados do pedido no ERP são enviados para o portal;17. Retorno do processamento dos pedidos no Portal é enviado ao ERP;18. Fornecedor realiza Aceita/Recusa do pedido;19. Dados do aceite do pedido no Portal são enviados ao ERP. 5
  6. 6. INTEGRAÇÃO EGPxTSS Fluxo de Gestão de Pedidos Sem Cotação1. Criação do Pedido no ERP;2. Aprovação do Pedido no ERP;3. Comprador seleciona pedidos para tratamento no portal;4. Dados do pedido no ERP são enviados para o Portal;5. Retorno do processamento do pedido no Portal é enviado ao ERP;6. Fornecedor realiza Aceita/Recusa do pedido;7. Dados do aceite do pedido no Portal são enviados ao ERP. 6
  7. 7. INTEGRAÇÃO EGPxTSS Fluxo de Alterações e CancelamentoAlteração de Pedido de Compra 1. Comprador altera o pedido de compra no ERP; 2. Aprovador aprova o pedido no ERP; 3. Dados do Pedido no ERP são enviados para a Paradigma; 4. Retorno do processamento do pedido no portal é enviado ao ERP; 5. Fornecedor aceita/recusa o pedido no Portal; 6. Dados do aceite do pedido no Portal são enviados ao ERP.Alteração de Ordem de Compra 1. Comprador altera a ordem de compra no ERP; 2. Dados da ordem de compra do ERP são enviados para a Paradigma; 3. Retorno do processamento da ordem de compra no portal é enviada ao ERP.Cancelamento de Pedido de Compra 1. Comprador cancela/elimina o pedido de compra no ERP; 2. Dados para o cancelamento do pedido são enviados para o Portal; 3. Retorno do cancelamento do pedido no portal é enviado ao ERP.Cancelamento de Ordem de Compra 1. Comprador cancela/elimina a requisição no Portal; 2. Dados para eliminação da ordem de compra são enviados ao ERP. 7
  8. 8. INTEGRAÇÃO EGPxTSS Pré-requisitos da Integração dos ProdutosContrato realizado com a Paradigma para utilização do portal de compras (WBC – Web Business Center).Datasul EAI e TOTVS ESB instalados, configurados e ativos para a integração com o portal da Paradigma.Nota:TOTVS | ESB Server 12.2.3 ou superior;TOTVS | Developer Studio 11.1;TOTVS | ESB Plugin 12.2.3 ou superior. Parametrização da Integeração no Produto, Origem  O ERP 2 deve ser parametrizado para utilizar os módulos de “Compras” e “Cotações de Compras” (CD0101);  A utilização do Processo de Compra nos parâmetros de cotação (OC0101) deverá estar habilitada, campo “Utiliza Processo”;  A função referente a integração ("PORTAL-PARADIGMA") do ERP 2 com o portal de compras Paradigma deve estar ativa (CD7070);  Parâmetro “Integra com o Portal de compras” ativado no programa CC0104 – Manutenção de parâmetros de compra;  A lista das transações que deverão ser implantadas para essa integração no EAI podem ser visualizadas em Transações Integração ERP x Portal de Compras Paradigma.  Caso seja utilizado o módulo de MLA: cadastrar o programa “lap/mla0301d.p” como programa de aprovação no (MLA0101) para os documentos que são utilizados e que possuem integração com a Paradigma (pedido de compra, contrato e cotação).Configurar os diagramas no ESB conforme orientações disponíveis em configurações do ESB. Parametrização da Integração no Produto, DestinoCálculo do preço líquidoÉ necessário realizar as configurações para o cálculo do preço líquido na Paradigma.Variáveis envolvidas no cálculo:  Percentual de desconto: informado na cotação;  Taxa financeira: informada na cotação;  Alíquota IPI: informada na cotação;  Cálculo do IPI pelo preço bruto ou líquido: pode mudar conforme o cliente, é necessário verificar no ERP (programa Manutenção de Parâmetros de Compra (CC0104)) como deve ser o cálculo;  Condição de pagamento: números de dias e percentual de pagamento das parcelas (condição de pagamento da cotação).Pré-requisitos das taxas a serem informadas no Paradigma:  Taxa financeira: Somente pode estar habilitada ou aparecendo para informar a taxa se o cliente tiver parametrizado dessa forma no ERP (Verificar no programa Manutenção de Parâmetros de Compra (CC0104), o parâmetro “Utiliza Taxa Financ”). O controle para dizer se está ou não incluso no preço deve estar habilitado conforme o parâmetro também;  Alíquota IPI: Sempre visível/habilitado. O controle para dizer se está ou não incluso no preço deve estar habilitado;  Alíquota ICMS: Somente pode estar habilitada ou aparecendo para informar a taxa se o cliente tiver parametrizado dessa forma no ERP (Verificar no programa Manutenção de Parâmetros de Compra (CC0104), o parâmetro “Utiliza ICMS”). O controle para dizer se está ou não incluso no preço NÃO deve estar habilitado (neste caso deve considerar que sempre está incluso no preço bruto); 8
  9. 9. INTEGRAÇÃO EGPxTSS  Alíquota ISS: Somente pode estar habilitada ou aparecendo para informar a taxa se o cliente tiver parametrizado dessa forma no ERP (Verificar no programa Manutenção de Parâmetros de Compra (CC0104), o parâmetro “Utiliza ISS”). O controle para dizer se está ou não incluso no preço NÃO deve estar habilitado (neste caso deve considerar que sempre está incluso no preço bruto).Nota:Para mais detalhes, veja o cálculo do preço líquido. Processos de IntegraçãoAbaixo são apresentados os dois fluxos de mensagens que são trocadas entre o EMS e o portal Paradigma: gestão de pedidos comcotação e gestão de pedidos sem cotação. Além disso, são apresentados os fluxos de mensagens de cadastros, alterações ecancelamentos de requisições (ordens de compra) e pedidos.A Paradigma trata todas as suas transações como síncrona, porém para não prejudicar a performance do sistema, através do TOTVSESB, as transações são tratadas de forma assíncrona. Ou seja, o retorno das mensagens será tratado como uma nova mensagem noEAI, onde se houverem erros, o usuário deverá corrigir e integrar novamente o registro em questão. Processo de Integração – Cadastros 1. Usuário inclui ou altera um cadastro no ERPPara equalização dos dados cadastrais entre os dois sistemas (Datasul EMS 2 e Paradigma) será realizada a integração de algunscadastros. A integração desses cadastros parte do ERP para a Paradigma, e ocorre quando há uma inclusão ou alteração de umregistro. Eliminações não são tratadas.A integração do sentido contrário da Paradigma para o ERP será realizada apenas para o cadastro de fornecedor. Apenas para ocadastro de fornecedor, quando for buscado um fornecedor do Clic Business para a base na empresa. Os demais cadastros queforem integrados devem ser bloqueados na Paradigma para que não haja incompatibilidade dos dados.Nota:Exceções serão detalhadas na sequência. 2. Dados do Cadastro incluído ou alterado são enviados para a ParadigmaOs cadastros que serão integrados são os seguintes:  Unidade de Medida (Transação “UnitOfMeasure” no EAI);  Item (Paradigma trata como Produto) - (Transação “Item” no EAI);  Moeda - (Transação “Currency” no EAI);  Condição de Pagamento: Ao enviar uma condição de pagamento para a Paradigma é necessário relacioná-la a uma empresa, como no ERP não existe este controle, a condição de pagamento deve estar disponível para ser utilizada por todas as empresas, sem restrições - (Transação “PaymentPlan” no EAI);  Grupo de estoque (Paradigma trata como Categoria de Produto) - (Transação “InventoryGroup” no EAI);  Fornecedor (Paradigma trata como Empresa Vendedora) – (Transação “CustomerVendor” no EAI) - Como não serão tratadas importações nesta primeira fase do projeto, somente fornecedores brasileiros serão enviados para a Paradigma;Quando incluído um fornecedor no ERP e integrado com o portal pela primeira vez, é gerada uma senha para acesso no portal com ousuário sendo o número do CNPJ do fornecedor. Quando o fornecedor acessar o portal pela primeira vez, é solicitada a alteração dasenha.Nota:1. Como o EMS não obriga informar e-mail no cadastro, o portal irá realizar essa validação, e caso não esteja preenchido amensagem será retornada com erro. 9
  10. 10. INTEGRAÇÃO EGPxTSS2. O EMS possui opção de deixar o fornecedor inativo por um determinado período, no final deste período o fornecedor éconsiderado automaticamente ativo. O Portal não possui esse tipo de controle, portanto para ativar o fornecedor no portal ao finaldo período, o cadastro deverá ser alterado para envio da mensagem de alteração.3. Somente serão integrados com o portal os fornecedores que forem parametrizados para esse fim, esse controle estará disponívelpara o usuário no Cadastro de Fornecedores do ERP (CD0401).4. O código do fornecedor na Paradigma terá a seguinte estrutura: for + <código do fornecedor no ERP>  Estabelecimento (Paradigma trata como Empresa Compradora) – (Transação “Site” no EAI) - Ficou definido que ao enviar o estabelecimento para a Paradigma, irá sempre como Empresa “Compradora”, dessa forma nenhum registro do EMS gerará uma Empresa “Administradora” na Paradigma.Como não serão tratadas regras para outros países, somente estabelecimentos brasileiros serão enviados para a Paradigma;Nota:O código do estabelecimento na Paradigma terá a seguinte estrutura: est + <código do estabelecimento no ERP>  Transportador (Paradigma trata como Empresa Transportadora) - (Transação “Carrier” no EAI) - Como não serão tratadas importações, somente transportadores brasileiros serão enviados para a Paradigma;Nota:O código do transportador na Paradigma terá a seguinte estrutura: tra + <código do transportador no ERP>  Item Fornecedor (Paradigma trata como Produto x Empresa) – (Transação “VendorItem” no EAI) Ao enviar esse relacionamento para a Paradigma, além do relacionamento entre Produto e Empresa deverá ser criado também o relacionamento entre Categoria e Empresa;Nota:Somente serão enviados para o portal os relacionamentos de item x fornecedor de fornecedores que possuírem integração com oportal de compras, configurado na função Cadastro de Fornecedores do ERP (CD0401).  Usuário – (Transação “MaterialUser” no EAI) – Serão integrados os usuários de materiais que sejam compradores e/ou requisitantes.Como é necessário vincular o usuário a uma única empresa ao enviar a integração, esse cadastro deverá ser habilitado para alteraçãona Paradigma. Isso se faz necessário para que seja possível relacionar um usuário a mais de uma empresa.Como no ERP não possui a obrigatoriedade de informar o e-mail no cadastro de usuário, essa validação será realizada pelaParadigma, sendo retornado um erro, caso não seja enviado o e-mail para o usuário.Quando incluído um usuário no ERP e integrado com o portal pela primeira vez, é gerada uma senha para acesso no portal que éenviada por e-mail para o endereço informado no cadastro de usuário do ERP (por isso é importante que essa informação estejacorreta). Quando o usuário acessar o portal pela primeira vez, é solicitada a alteração da senha. 3. Dados de retorno do processamento do cadastro na Paradigma (sucesso ou erro)A Paradigma trata todas as suas transações como síncrona, porém para não prejudicar a performance do sistema, através do TOTVSESB, o processo foi tornado assíncrono. Ou seja, o retorno das mensagens será tratado como uma nova mensagem no EAI (Transação“ReturnIntegrationErrors” no EAI), onde se houverem erros, o usuário deverá corrigir e integrar o cadastro novamente. 4. Busca o fornecedor do Clic business para a sua base de fornecedoresQuando o usuário atualiza o fornecedor no portal que estava disponível no Clic Business, esse fica pendente para integrar com o ERP. 5. Dados do fornecedor na Paradigma  Fornecedor – (Transação “CustomerVendorParadigma” no EAI) – Quando Buscado o fornecedor do clic Business para o portal e integrado no ERP pela primeira vez o mesmo vai ficar com a situação de Inativo. Será necessário que esse cadastro seja revisado pelo usuário, atualizando os dados que não foram integrados pelo portal. Depois dessa revisão o fornecedor poderá ter sua situação alterada para ativo. 10
  11. 11. INTEGRAÇÃO EGPxTSS 6. Atualiza código fornecedorNão ocorrendo nenhum erro na integração do fornecedor no ERP, o código do ERP desse fornecedor é atualizado no portal paramanter a integridade entre eles. Processo de Integração – Gestão de Pedidos com CotaçãoNo fluxo de gestão de pedidos com cotações, o processo de cotações das ordens de compra e escolha do fornecedor vencedor érealizado no portal de compras da Paradigma.Detalhamento do fluxo: 1. O requisitante gera uma solicitação de compra no ERP.Todo o processo de criação de requisição ou geração de ordens de compra serão feitos no ERP, sem nenhuma integração com oportal de compras. 2. Aprovador aprova solicitação no ERP.A solicitação passa pela estratégia atual de aprovação interna no ERP (caso exista) e, uma vez aprovado, é enviada para o compradorfazer o tratamento necessário. 3. Comprador Gera Ordem de Compra.O comprador analisa as solicitações em aberto, agrupa por item se necessário e gera a ordem de compra. 4. Comprador seleciona as ordens de compra para tratamento no portal.O comprador seleciona as ordens de compra que deseja trabalhar através do portal de Compras e as envia, através da rotina “Enviode Ordens para o portal” (CC0324), que permite ao comprador selecionar as ordens que deseja enviar para o portal de compras.Nota:Podem ser enviadas ordens de compra que tenham sido originadas de requisições ou que foram criadas por outras rotinas no ERP.Para que a ordem de compra possa ser enviada ao portal ela deve estar como “Não Confirmada”, não deve pertencer a um pacotede compra e não deve pertencer a um contrato. A ordem não precisa ter um comprador definido para ser enviado, ele poderá serdefinido no portal. As parcelas da ordem de compra não devem ter datas de entrega menores que a data atual, caso contráriotambém não podem ser enviadas.Nota:Para ordens de compra que possuam mais de uma entrega (parcela), a cada entrega da ordem será criada uma requisiçãodiferenciada na Paradigma (sendo que essas requisições sempre deverão ser tratadas em conjunto na Paradigma). 5. Dados da requisição no ERP.O ERP gera um documento de integração (Dados da Requisição no ERP) – Transação “PurchaseOrderLine” no EAI.Nota:Após uma ordem de compra ter sido enviada ao portal, ela ficará congelada, sendo que neste caso não será permitida a eliminaçãoda ordem de compra. A eliminação, ou no caso cancelamento, somente poderá ser feito através da Paradigma. Os dados alteradosda ordem de compra após ela ter sido enviada para a Paradigma são reenviados para que seja mantida a consistência entre os doissistemas. 6. Retorno do processamento da requisição no Portal.A plataforma do portal faz o processamento da mensagem de integração (Dados da Requisição no ERP). (Transação“RequisitionOrderConfirm” e “ReturnIntegrationErrors” no EAI). 11
  12. 12. INTEGRAÇÃO EGPxTSSO retorno é efetivado no ERP, que atualiza se a requisição foi integrada com sucesso ou se ocorreram erros na integração. Os errossão listados através do EAI para o usuário possa consultá-los, corrigir e reenviar a ordem de compra.Nota:1. Consultar a situação na ordem de compra na consulta de ordens de compra (CC0505).2. Não é necessário armazenar nenhum número de referência da Paradigma, pois o número da requisição no Portal será o mesmo doERP. Neste caso o usuário tem a rastreabilidade das informações.3. Caso tenha ocorrido erro na efetivação de alguma parcela na Paradigma, a ordem deverá ser marcada com erro, para que asituação seja corrigida e a ordem reenviada. 7. Comprador cria e envia cotação a partir da requisição.Com a requisição salva no Portal de Compras, o comprador acessa a lista de requisições, podendo criar um processo de Tomada dePreço (Solicitação de Cotação). Neste processo temos: a. O comprador seleciona as requisições que farão parte da cotação; b. São definidos os fornecedores da cotação (conforme relacionamento Produto x Empresa (fornecedor)); c. O comprador envia a solicitação de cotação através do Portal de Compras para os fornecedores selecionados.Nota:1 - Como para a Paradigma cada entrega de uma requisição (ordem de compra) é uma requisição independente, o comprador aoinserir uma requisição (entrega) em um processo de cotação, deverá inserir todas as outras requisições (entregas) que são referentesa mesma ordem de compra no ERP no mesmo processo de cotação.2 - Por conceito do portal, para que o fornecedor esteja disponível para relacionamento na cotação é pré-requisito que tenha sidocadastrado o relacionamento do item x fornecedor. 8. Fornecedores respondem a cotação.Os fornecedores respondem ao processo de cotação via Portal de Compras.Diferenças de conceito: a. No EMS a cotação deve ser feita sempre com na unidade de medida do fornecedor, já no portal não há a opção para que o fornecedor escolha uma unidade de medida ou possa responder na sua unidade de medida. Ou seja, o fornecedor sempre terá que responder a cotação na unidade de medida interna do item; b. Como não existe controle com relação à utilização da unidade de medida do fornecedor, a quantidade a ser apresentada para o fornecedor no portal será sempre a quantidade interna e não a quantidade do fornecedor; c. O Portal possui o conceito de que o fornecedor informa o preço bruto da mercadoria, e o sistema calcula internamente o preço líquido. (Para que o preço líquido entre os dois sistemas esteja equalizado, devem ser seguidas as regras para configuração de preço líquido já apresentadas anteriormente); d. Como a Paradigma controla o preço do fornecedor com 4 decimais e o ERP com 5, poderão haver pequenas diferenças entre os preços calculados entre os dois sistemas; e. Ao gerar a cotação a Paradigma possui alguns “agrupadores” de itens, sendo que várias ordens de compra podem gerar um item na Cotação da Paradigma com a soma das quantidades. Neste caso o item possui várias entregas que serão as requisições (ordens de compra); f. Não será permitido ao fornecedor informar uma condição específica de pagamento que não esteja cadastrada no sistema. 9. Comprador Encerra o item de cotação.O comprador analisa as respostas dos fornecedores, seleciona a cotação vencedora e encerra o item de cotação, neste momentoserá enviado um documento de integração para o ERP (Dados das Respostas da Cotação – Transação “ProcessQuotations”) comtodas as respostas dos fornecedores juntamente com a cotação vencedora.A Paradigma não deve permitir que mais uma proposta seja selecionada como vencedora, ou seja, para cada requisição da cotação,pode haver apenas uma proposta (fornecedor) como vencedor.A alteração da cotação e cancelamento na Paradigma somente é permitida antes do encerramento da cotação. Após a cotação tersido encerrada e enviada ao ERP, somente o ERP poderá reabri-la em função de algumas situações detalhadas posteriormente. 12
  13. 13. INTEGRAÇÃO EGPxTSS 10. Dados da resposta da cotação.Após o encerramento do item de cotação na Paradigma, ele fica disponível para ser buscado e efetivado pelo ERP. Uma vez que acotação tenha sido retornada para o ERP, somente poderá ser disponibilizada novamente pela Paradigma caso o item tenha sidoreaberto e encerrado novamente pelo comprador. No caso, quando ocorrem esses encerramentos em função de reabertura de itens,somente os itens de cotação que foram reabertos serão retornados para o ERP na nova busca.Sobre a estrutura do processo de cotação na Paradigma:  Uma cotação pode conter diversos itens, ou seja, diversas ordens de compra;  Uma cotação pode conter diversas respostas de fornecedores;  Uma cotação pode conter diversas respostas do mesmo fornecedor para a mesma ordem de compra.  Uma solicitação de cotação (cotação do item do ERP) pode ser enviada ao fornecedor e ele declinar ou não responder, neste caso essas cotações não são retornadas ao ERP;  Propostas aceitas e desclassificadas pelos compradores são retornadas ao ERP, porém somente serão gravadas as cotações aceitas e que não foram desclassificadas.Em função dessa estrutura, e de que o Pedido de compra na Paradigma somente pode ser referente a uma cotação, ao chegar umacotação da Paradigma, será gerado um Processo de Compras, que agrupará as ordens de compra conforme o que foi feito naParadigma. Após a criação do processo, são efetivadas as cotações, sendo que uma cotação da Paradigma, quando efetivada no ERPpode gerar diversas cotações (respostas de fornecedores).Para que o usuário possa manter a rastreabilidade entre o processo de cotação da Paradigma e o processo de compra do ERP, adescrição do processo de compras criado no ERP será sempre o Código do processo da Paradigma (sendo que este não poderá serepetir para diferentes processos na Paradigma). O processo de compra também fica como integrado com a Paradigma, consultar nafunção Consulta Processo (OC0401).Em função do portal não permitir alteração na unidade de medida para que o fornecedor responda a cotação e o EMS exige que acotação seja realizada na unidade de medida do fornecedor, ao receber uma cotação, a unidade de medida e preço são convertidosconforme a unidade de medida e fator de conversão do relacionamento Item X Fornecedor.Para manter a rastreabilidade entre os sistemas será armazenado no ERP além dos códigos internos de controle da Paradigma o“Código do processo”, através do qual o usuário consegue identificar a cotação na Paradigma.Nota:Consultar na função Consulta Cotações (CC0506).Como o ERP não possui controle de cotação por parcela da ordem de compra, ao gravar as informações de uma cotação aprovada naParadigma, não será considerado o prazo de entrega da cotação para recalcular as novas datas de entrega, serão assumidas as datasinformadas pelo fornecedor na Paradigma.O Portal permite que o fornecedor informe preço proposto igual a R$ 0,00, caso isso ocorra o ERP irá bloquear a cotação para ajuste.Caso ocorram erros na efetivação da cotação vencedora no ERP, será enviada uma mensagem para reabertura de item de cotação naParadigma, para que possa ser corrigido o problema e a cotação reenviada ao ERP. 11. Aprovador aprova ou recusa processo de compra.O processo de compra passa pela estratégia atual de aprovação interna no ERP (caso exista) e, uma vez aprovado, o comprador podefazer a geração do pedido. 12. Reabertura de item de cotação na Paradigma.Caso ocorram erros na efetivação da cotação vencedora vinda do Portal ou o processo seja reprovado no fluxo de aprovação do ERP,é enviada uma mensagem para a Paradigma, contendo os dados para a reabertura do item da cotação.Nestes casos será feita a reabertura do item da cotação na Paradigma, pode-se realizar a correção do que gerou o problema,encerrar a cotação novamente e ela será efetivada no ERP.Como o controle será por item de cotações, caso o comprador deseje gerar o pedido dos itens que foram efetivados com sucesso,isso será possível. E neste caso ele poderá realizar a correção do item da cotação que deu problema posteriormente e gerar umpedido separadamente. 13
  14. 14. INTEGRAÇÃO EGPxTSS 13. Comprador gera pedido de compra no ERP.Com base nas respostas vencedoras o comprador gera o pedido de compra no ERP. Neste caso o comprador terá que criar o pedidosempre se baseando no processo de compras que foi gerado para a cotação.Nota:Essa regra do processo de compra foi criada para atender a estrutura da Paradigma, que não permite que um pedido de compratenha ordens de compra (requisições) referente a processos de Cotação distintos. 14. Pedido passa pela aprovação interna do ERP.O pedido passa pela estratégia atual de aprovação interna no ERP (caso exista) e, uma vez aprovado, fica disponível para ocomprador fazer o envio para o portal. 15. Comprador seleciona pedidos para tratamento no portal.Comprador seleciona os pedidos e envia para o portal de compras, por intermédio da interface para envio de pedidos (CC0329).Para que o pedido possa ser enviado ao portal ele deve estar “Aprovado”, “Impresso" e não deve possuir uma condição depagamento específica.Diferenças de conceito: a. O portal não possui suporte a informação de condições específicas de pagamento, portando sempre será necessário informar uma condição de pagamento que não seja a “0 – Condição especial de pagamento”. b. Os pedidos neste caso serão enviados sempre como Normais. 16. Dados do pedido no ERP.É enviada uma mensagem de integração (Dados do Pedido no ERP) para criação do pedido no portal (Transação “PurchaseOrder” noEAI). O número do pedido do portal deverá ser o mesmo que o ERP para permitir a rastreabilidade entre os sistemas.Neste momento do envio do pedido, é recalculado o valor líquido do pedido, pois podem ter ocorrido mudanças, e enviado o novovalor para a Paradigma, que assumirá o novo valor do pedido. 17. Retorno do processamento dos pedidos no Portal.A plataforma do portal faz o processamento da mensagem de integração (Dados do Pedido no ERP ). Se ocorrer um erro noprocessamento, é devolvida uma mensagem contendo o código do erro e sua descrição, neste caso o pedido é marcado “Com Erro”.Se for integrado com sucesso o pedido é marcado como “Integrado”. (Transação “RequisitionOrderConfirm” e“ReturnIntegrationErrors” no EAI).Nota:Consultar situação do pedido na Função Consulta de Pedidos (CC0509). 18. Fornecedor realiza Aceita/Recusa do pedido.O fornecedor realiza o aceite/recusa do pedido no portal. 19. Dados do aceite do pedido no Portal.O ERP busca essa informação de aceite/recusa e atualiza esse dado no ERP.Nota:1. Caso o pedido esteja recusado pelo fornecedor, o recebimento não será permitido.2. Consultar situação do pedido (aceite/recusa) no Função Consulta de Pedidos (CC0509). 14
  15. 15. INTEGRAÇÃO EGPxTSS Processo de Integração – Gestão de Pedidos sem Cotações (com Contratos) 1. Criação do Pedido no ERP.O comprador gera um pedido de compra no ERP sem integração com o portal de compras. 2. Aprovação do Pedido no ERP.O pedido passa pela estratégia atual de aprovação interna no ERP (caso exista) e, caso aprovado, é enviado para o comprador fazer otratamento necessário. Esse passo também é realizado sem integração com o portal de compras. 3. Comprador seleciona pedidos para tratamento no portal.Comprador seleciona os pedidos e envia para o portal de compras. Essa ação poderá ser realizada pela rotina de envio de pedidospara o portal (CC0329) ou no momento da impressão do pedido de compra (CC0305).Para que o pedido possa ser enviado ao portal ele deve estar “Aprovado”, “Impresso” e não deve possuir uma condição depagamento específica.Diferenças de conceito: a. O portal não possui suporte a informação de condições específicas de pagamento, portando sempre será necessário informar uma condição de pagamento que não seja a “0 – Condição especial de pagamento”. b. Os pedidos são divididos em três categorias para serem enviados ao portal: Normal, emergencial e com contrato. 4. Dados do pedido no ERP.É enviada uma mensagem de integração (Dados do Pedido no ERP – Transação “PurchaseOrder” no EAI) para criação do pedido noportal. O número do pedido do portal deverá ser o mesmo que o ERP para permitir a rastreabilidade entre os sistemas.Neste momento do envio do pedido, é calculado o valor líquido do pedido e enviado o novo valor para a Paradigma. 5. Retorno do processamento do pedidos no Portal.A plataforma do portal faz o processamento da mensagem de integração (Dados do Pedido no ERP). Se ocorrer um erro noprocessamento, é devolvida uma mensagem contendo o código do erro e sua descrição, neste caso o pedido é marcado “Com Erro”.Se for integrado com sucesso o pedido é marcado como “Integrado”. (Transação “RequisitionOrderConfirm” e“ReturnIntegrationErrors” no EAI).Nota:Consultar situação do pedido na Função Consulta de Pedidos (CC0509). 6. Fornecedor realiza Aceita/Recusa do pedido.O fornecedor realiza o aceite/recusa do pedido no portal. 7. Dados do aceite do pedido no Portal.O ERP busca essa informação de aceite/recusa e atualiza esse dado no ERP.Nota:Caso o pedido esteja recusado pelo fornecedor, o recebimento não será permitido.Consultar situação do pedido (aceite/recusa) na Função Consulta de Pedidos (CC0509). 15
  16. 16. INTEGRAÇÃO EGPxTSS Processo de Integração – Alterações e CancelamentosNa integração existem ainda os fluxos alternativos, que contemplam as alterações de ordens e pedidos, e também os cancelamentos. Processo de Integração – Alteração de Pedido de Compra 1. Comprador altera o pedido de compra.Após o pedido de compra ter sido enviado para a Paradigma a alteração do mesmo somente pode ser feita no ERP. Toda vez que elefor alterado, será enviada uma mensagem de atualização do pedido para a Paradigma assim que não houverem mais pendências deaprovação.Caso o ERP envie uma mensagem de alteração de pedido de compra e na Paradigma ocorra algum problema na efetivação, seráretornado um erro. Neste caso o usuário terá que desfazer a alteração do pedido manualmente no ERP para deixar as informaçõesequalizadas entre os sistemas. 2. Aprovador aprova o pedido no ERP.Caso esteja parametrizado para gerar pendências de aprovação, o pedido passa pelo fluxo de aprovação antes da atualização serenviada para Paradigma. 3. Dados do Pedido no ERP.Quando não houverem mais pendências de aprovação, o pedido é enviado para a Paradigma. (Transação “PurchaseOrder” no EAI). 4. Retorno do processamento do pedido no portal.A plataforma do portal faz o processamento da mensagem de integração (Dados do Pedido no ERP). Se ocorrer um erro noprocessamento, é devolvida uma mensagem contendo o código do erro e sua descrição, neste caso o pedido é marcado “Com Erro”,porém mantido como “Integrado” para saber se já foi integrado anteriormente e já está na Paradigma. (Transação“RequisitionOrderConfirm” e “ReturnIntegrationErrors” no EAI).Nota:Consultar situação do pedido na Função Consulta de Pedidos (CC0509). 5. Fornecedor aceita/recusa o pedido.Cada vez que é enviada uma atualização de pedido para a Paradigma, o pedido passa pelo aceite do fornecedor novamente.Nota:Consultar situação do pedido (aceite/recusa) na Função Consulta de Pedidos (CC0509). 16
  17. 17. INTEGRAÇÃO EGPxTSS Processo de Integração – Alteração de Ordem de Compra 1. Comprador altera a ordem de compra.Após a ordem de compra ter sido enviada para a Paradigma a alteração da mesma somente pode ser feita no ERP. Toda vez que elafor alterada, será enviada uma mensagem de atualização de requisição para a Paradigma. 2. Dados da ordem de compra no ERP.Os dados da ordem de compra são enviados para a Paradigma. (Transação “PurchaseOrderLine” no EAI). 3. Retorno do processamento da ordem de compra no portal.A plataforma do portal faz o processamento da mensagem de integração (Dados da requisição no ERP). Se ocorrer um erro noprocessamento, neste caso a ordem de compra é marcada “Com Erro”, porém mantida como “Integrada” para saber se já foiintegrada anteriormente e já está na Paradigma. (Transação “RequisitionOrderConfirm” e “ReturnIntegrationErrors” no EAI).Nota:Consultar no CC0505.Caso o ERP envie uma mensagem de alteração de ordem de compra e na Paradigma e ocorra algum problema na efetivação, seráretornado um erro. Neste caso o usuário terá que desfazer a alteração da ordem manualmente no ERP para deixar as informaçõesequalizadas entre os sistemas. Processo de Integração – Cancelamento de Pedido de Compra 1. Comprador cancela/elimina o pedido de compra no ERP.Caso seja necessário realizar o cancelamento do pedido, esse deverá ser realizado no ERP, nesta ação será enviado um documentode integração (Dados do Cancelamento do Pedido) para o portal também realize o cancelamento. 2. Dados para o cancelamento do pedido.Os dados do cancelamento do pedido enviados para a Paradigma. 3. Retorno do cancelamento do pedido no portal.O cancelamento do pedido é a única transação executada totalmente de forma síncrona com a Paradigma, pois não se pode deixar opedido ser eliminado no ERP sem saber se pode ser eliminado na Paradigma. 17
  18. 18. INTEGRAÇÃO EGPxTSS Processo de Integração – Cancelamento de Ordem de Compra 1. Comprador cancela/elimina a requisição no PortalCaso seja necessário realizar o cancelamento da requisição, esse deverá ser realizado no portal de compras, nesta ação será enviadoum documento de integração (Dados do Cancelamento da Requisição no ERP – Transação “PurchaseOrderLine” no EAI) para que ocancelamento também seja realizado no ERP.No processo de cotação, caso o usuário elimine uma Requisição (ordem de compra) da cotação e informe que ela não deve serliberada para poder ser utilizada em uma nova cotação, esta deverá ser retornada como uma requisição cancelada para o ERP.Nota:A busca dos cancelamentos de requisição deve ocorrer da mesma forma que as cotações, ou seja, uma vez buscadas pelo ERP nãodevem mais ser retornadas. 2. Dados para eliminação da ordem de compra no ERP.A requisição é eliminada no ERP com base nos dados enviados pela Paradigma.Como na Paradigma podem existir diversas requisições para a mesma ordem de compra, o cancelamento de uma requisição naParadigma pode representar a eliminação de uma parcela no ERP, portanto o Paradigma obrigará o cancelamento de todas asparcelas da requisição no Portal para que seja cancelada a ordem de compra no ERP. Trasações EAI para Integração ERP x Portal de Compras ParadigmaCom a integração entre o ERP 2 e o Portal de Compras Paradigma (WBC – Web Business Center), que será responsável pela cotaçãode itens com diversos fornecedores, é possível agregar volumes de compras para cotação de preço, dentre outras vantagens. Aintegração proporciona uma automação da área de compras, pois todo o processo de respostas de cotações é realizado pelospróprios fornecedores no portal de compras da Paradigma. A geração de ordens de compra será realizada no ERP 2, e serão enviadaspara o portal de acordo com a necessidade, para o tratamento pelo portal de compras. O processo de cotação e escolha dosvencedores é realizada no portal, sendo o pedido de compra gerado pelo ERP 2 e posteriormente enviado para o portal de comprasda Paradigma.Existe ainda um segundo fluxo nesta integração, onde o comprador pode realizar todo o processo até a geração do pedido decompra dentro do ERP e enviar então o pedido para o portal.Além da integração de transações de negócio (ordens de compra, cotação e pedido) são integrados uma série de cadastrados paraequalizar os dados utilizados entre os dois sistemas. 18
  19. 19. INTEGRAÇÃO EGPxTSSOs mapas de integração das transações abaixo encontram-se liberadas no Datasul EAI:Transação Adapter Envio/ Aplicativo Web Service e operação Recebimento executada na Paradigma adapters/xml/utp/axsut004.p (Web Service) URL: WS: Pedido http://<servidor>:<porta>/ws/esb/ESBWebServCancelationOrder Envio sender Operação: ice,<servidor>, ProcessarPedidoCancelamento <porta>,sendMessageSync,message,queue,stri ng,WSCancelOrder adapters/xml/utp/axsut001.p WS: EmpresaCarrier Envio Sender (Fila EAI) Operação: ProcessarEmpresa adapters/xml/utp/axsut001.p WS: MoedaCurrency Envio Sender (Fila EAI) Operação: ProcessarMoeda adapters/xml/utp/axsut001.p WS: EmpresaCustomerVendor Envio sender (Fila EAI) Operação: ProcessarEmpresa WS: CategoriaInventoryGroup adapters/xml/utp/axsut001.p (Fila EAI) Envio Sender Operação: ProcessarCategoriaProduto WS: ProdutoItem adapters/xml/utp/axsut001.p (Fila EAI) Envio Sender Operação: ProcessarProduto WS: UsuarioMaterialUser adapters/xml/utp/axsut001.p (Fila EAI) Envio Sender Operação: ProcessarUsuario WS: CondicaoPagamentoPaymentPlan adapters/xml/utp/axsut001.p (Fila EAI) Envio Sender Operação: ProcessarCondicaoPagamento WS: CotacaoProcessQuotations adapters/xml/utp/axsut001.p (Fila EAI) Envio Sender Operação: ReabrirCotacaoItem WS: PedidoPurchaseOrder adapters/xml/utp/axsut001.p (Fila EAI) Envio Sender Operação: ProcessarPedido WS: RequisicaoPurchaseOrderLine adapters/xml/utp/axsut001.p (Fila EAI) Envio Sender Operação: ProcessarRequisicao WS: EmpresaSite adapters/xml/utp/axsut001.p (Fila EAI) Envio Sender Operação: ProcessarEmpresa WS: UnidadeMedidaUnitOfMeasure adapters/xml/utp/axsut001.p (Fila EAI) Envio Sender Operação: ProcessarUnidadeMedida WS: EmpresaProdutoVendorItem adapters/xml/utp/axsut001.p (Fila EAI) Envio Sender Operação: ProcessarEmpresaProduto adapters/xml/su2/axrsu003.p WS: CotacaoProcessQuotations Recebimento receiver (Padrão de negócio – Recebimento) Operação: RetornarCotacaoItem adapters/xml/su2/axrsu004.p WS: PedidoPurchaseOrder Recebimento receiver (Padrão de negócio – Recebimento) Operação: RetornarPedidoAceite WS: Requisicao adapters/xml/su2/axrsu002.p Operação:PurchaseOrderLine Recebimento receiver (Padrão de negócio – Recebimento) RetornarRequisicaoEntregaCancelame ntoRequisitionOrderConfir Retorno do processamento de ordem adapters/xml/su2/axrsu011.p Recebimento receiverm de compra e pedido de compraReturnIntegrationError Retorno do processamento de adapters/xml/su2/axrsu014.p Recebimento receivers cadastros WS: EmpresaCustomerVendorParadi adapters/xml/su2/axrsu012.p Recebimento receiver Operação:gma RetornaEmpresaSemDePara 19
  20. 20. INTEGRAÇÃO EGPxTSS Trasações EAI para Integração ERP x Portal de Compras Paradigma – Monitor de Integração IPermite a manutenção da fila de mensagens XML utilizadas na integração assíncrona do EAI. As mensagens assíncronas sãomensagens utilizadas para transportar informações entre produtos integrados. Levam esse nome pois não são simultâneas e nãopossuem ritmo regular e definido.As mensagens visualizadas no Monitor são filtradas de acordo com seu destino, estado de processamento, tipo, transação às quaisestão associadas e a data em que foram geradas.São necessários os seguintes procedimentos para visualizar as mensagens do Monitor de Integração:1 - Acessar "Opções" no menu de qualquer módulo do ERP 2;2 - Selecionar a opção "Monitor de Integração;3 - É apresentada a janela da função Monitor de Integração (EAI9999), onde é possível selecionar o estado de processamento damensagem desejada. Para seleção, são apresentadas as seguintes opções:  Não processada: Quando selecionada, somente são apresentadas as mensagens não manipuladas no sistema de destino.  Erro: Quando selecionada, somente são apresentadas mensagens que o sistema de destino encontrou algum problema ao recuperá-las da fila.  Processada: Quando selecionada, somente são apresentadas as mensagens processadas com sucesso no sistema de destino.NotaPara mais detalhes relacionados aos procedimentos do aplicativo Datasul EAI, acessar o Manual de Referência do EAI, em especial afunção Monitor de Integração. 20
  21. 21. INTEGRAÇÃO EGPxTSS Configurações do ESBNeste documento é abordado a configuração de mapas e diagramas no ESB para as transformações de mensagens trocadas entre oERP 2 e a Paradigma.Nota:Para realizar as configurações listadas na sequência é necessário ter o ESB (versão 12.1 ou superior) instalado, assim como o by YouStudio. Atentar para se já existir uma versão inferior no ESB sendo utilizada, será necessário migrar os diagramas/mapas parautilização através da nova versão do ESB. Configurações do ESB – Criação do ProjetoPor intermédio do by You Studio criar um novo Projeto do tipo “ESB Project”:Neste projeto, será necessário criar um diretório chamado “Paradigma” (indicado pelo número 1 na figura) e importar os diagramaspara o projeto (indicado pelo número 2 na figura). Os 8 diagramas estão disponíveis estão disponíveis no diretório“Integrator/Paradigma” no produto EAI. 21
  22. 22. INTEGRAÇÃO EGPxTSSDentro do diretório “Paradigma” devem ser colocados todos os arquivos com extensão “.xsl” (eles estão disponíveis no diretório“Integrator/Paradigma” no produto EAI). Esses arquivos são necessários para realizar a conversão de mensagens no formato Datasulpara o formato Paradigma, e vice-versa, assim como realizar algumas configurações da integração.Exemplo dos arquivos já dentro do projeto do ESB:Tendo os diagramas e arquivos dentro do projeto do ESB, pode-se iniciar a configurações dos componentes para realizar o acesso aosWeb Services da Paradigma e ao banco de dados do EAI. 22
  23. 23. INTEGRAÇÃO EGPxTSS Configurações do ESB – Configuração para Acesso aos Web Services da ParadigmaNota:Para configuração dos componentes Web Services é necessário ter o conhecimento da URL a ser utilizada para acesso a Paradigma.Nos diagramas, é necessário configurar os componentes “WS Receiver” e “WS Sender” para realizar a conexão correta aos WebServices da Paradigma.Na sequência, é apresentado um exemplo do diagrama “ParadigmaAceiteRecusaPedReceiver”, indicado em vermelho pelo número 1está o componente “WS Receiver” que precisa ser configurado. Indicado pelo número 2, onde deve ser configurado a URL (WSDLURL) e Operação (Operation).A tabela abaixo contém a configuração para os componentes “WS Receiver” nos demais diagramas:Diagrama Componente do Diagrama WSDL URL Operation <URLParadigmaAceitaRecusaPedR WSReceiverAceiteRecusa Paradigma>/Pedido.svc?ws RetornarPedidoAceiteeceiver dl <URLParadigmaCancRequsicaoRec WSReceiverRequisicaoCancela RetornarRequisicaoEntregaCancel Paradigma>/Requisicao.svceiver mento amento ?wsdl <URLParadigmaCotacaoItemReceiv WSReceiverCotacaoItem Paradigma>/Cotacao.svc? RetornarCotacaoItemer wsdl <URL Paradigma>/paradigmacustomervendor WSReceiverCustomerVendor RetornaEmpresaSemDePara Empresa.svc?wsdl 23
  24. 24. INTEGRAÇÃO EGPxTSSNa sequência é apresentado um exemplo do diagrama “ParadigmaErroCotacaoReceiver”, indicado em vermelho pelo número 1 ondeestá o componente “WS Sender” que precisa ser configurado. Indicado pelo número 2, onde deve ser configurado a URL (WSDL URL),Operação (Operation) e Parâmetros. 24
  25. 25. INTEGRAÇÃO EGPxTSS A tabela abaixo contém a configuração para os componentes “WS Sender” nos demais diagramas: Diagrama Componente do WSDL URL Operation DiagramaParadigmaErroCotacaoReceiver WSCotacaoItem <URL Paradigma>/Cotacao.svc?wsdl ReabrirCotacaoItemParadigmaCadastrosReceiver WSUnidadeMedida <URL Paradigma>/UnidadeMedida.svc?wsdl ProcessarUnidadeMedida <URLParadigmaCadastrosReceiver WSCondicaoPagamento ProcessarCondicaoPagamento Paradigma>/CondicaoPagamento.svc?wsdlParadigmaCadastrosReceiver WSCategoria <URL Paradigma>/Categoria.svc?wsdl ProcessarCategoriaProdutoParadigmaCadastrosReceiver WSItem <URL Paradigma>/Produto.svc?wsdl ProcessarProdutoParadigmaCadastrosReceiver WSVendorItem <URL Paradigma>/EmpresaProduto.svc?wsdl ProcessarEmpresaProdutoParadigmaCadastrosReceiver WSEmpresa <URL Paradigma>/Empresa.svc?wsdl ProcessarEmpresaParadigmaCadastrosReceiver WSCurency <URL Paradigma>/Moeda.svc?wsdl ProcessarMoedaParadigmaCadastrosReceiver WSMaterialUser <URL Paradigma>/Usuario.svc?wsdl ProcessarUsuarioParadigmaTransNegocioReceiver WSPedido <URL Paradigma>/Pedido.svc?wsdl ProcessarPedidoParadigmaTransNegocioReceiver WSPurchaseRequisition <URL Paradigma>/Requisicao.svc?wsdl ProcessarRequisicaoParadigmaTransNegocioReceiver WSReabrirCotacaoItem <URL Paradigma>/Cotacao.svc?wsdl ReabrirCotacaoItemParadigmaTransNegocioReceiver WSReabrirCotacao <URL Paradigma>/Cotacao.svc?wsdl ReabrirCotacaoParadigmaWSCancelOrder WSCancelationOrder <URL Paradigma>/Pedido.svc?wsdl ProcessarPedidoCancelamento Os parâmetros para todos os componentes “WS Sender” devem ser: Name Data Type Value # XMLDocument # 25
  26. 26. INTEGRAÇÃO EGPxTSS Configurações do ESB – Configuração para Acesso ao Banco de Dados EAINos diagramas é necessário configurar os componentes “TOTVS Sender” e “TOTVS Receiver” para realizar a conexão com o banco dedados do EAI.Na sequência é apresentado um exemplo do diagrama “ParadigmaCancRequisicaoReceiver”, indicado em vermelho pelo número 1está o componente “TOTVSSender” que precisa ser configurado. Indicado pelo número 2, onde deve ser configurado o acesso aobanco de dados do EAI. A conexão pode ser testada através do botão “Test Connection”.Nota:As informações deverão ser configuradas conforme a instalação do banco EAI no ambiente do cliente. 26
  27. 27. INTEGRAÇÃO EGPxTSSA tabela abaixo possui a lista dos componentes que precisam ser configurados para conectar corretamente o banco de dados do EAI:Diagrama Componente no DiagramaParadigmaCadastrosReceiver CadastrosReceiverParadigmaCadastrosReceiver ErroCadastrosEAIParadigmaCancRequisicaoReceiver SenderCancReqEAIParadigmaCotacaoItemReceiver SendCotacaoEAIParadigmaErroCotacaoReceiver ErroCotacaoReceiverParadigmaTransNegocioReceiver TransNegocioReceiverParadigmaTransNegocioReceiver RetornoNegocioEAIParadigmaAceitaRecusaPedReceiver TOTVSSender1437paradigmacustomervendor TOTVSSenderCustomer Configurações do ESB – Configuração para o Arquivo “configurationsparadigma.xsl”ShipToAddress: Endereço de entrega padrão a ser definido. Essa informação será utilizada no envio de ordens de compra para oportal da Paradigma.Nota:Trocar o valor “401”pelo código do endereço de entrega (Estabelecimento) padrão informado pelo cliente.BillToAddress: Endereço de cobrança padrão a ser definido. Essa informação será utilizada no envio de ordens de compra para oportal da Paradigma.Nota:Trocar o valor “401” pelo código do endereço de cobrança (Estabelecimento) padrão informado pelo cliente.Country: Sigla do país. Essa informação será utilizada para tradução da descrição do país (Brasil) cadastrada no EMS, para a sigla dopaís enviada para a Paradigma.Nota:Somente é necessário alterar essa informação caso no cadastro possua uma descrição diferente de “Brasil”. 27
  28. 28. INTEGRAÇÃO EGPxTSS Cálculo de Preço LíquidoA base para os cálculos é o Preço Fornecedor (cotacao-item.preco-fornec).IPI pelo preço líquidoEncargos financeiros inclusos no preço do fornecedor:  IPI incluso no preço: Retira o valor do desconto do preço (preço = preço - Valor do desconto) Retira a taxa financeira do preço (Ver "Cálculo para remover taxa financeira no preço") Retira o IPI do preço (preço = preço / (1 + (Alíquota IPI / 100)))  IPI não incluso no preço: Retira a taxa financeira do preço (Ver "Cálculo para remover taxa financeira no preço") Retira o valor do desconto do preço (preço = preço - Valor do desconto) o Encargos financeiros não inclusos no preço do fornecedor:  IPI incluso no preço: Retira o IPI do preço (preço = preço / (1 + (Alíquota IPI / 100))) Retira o valor do desconto do preço (preço = preço - Valor do desconto)  IPI não incluso no preço: Retira o valor do desconto do preço (preço = preço - Valor do desconto)IPI pelo preço brutoEncargos financeiros inclusos no preço do fornecedor:  IPI incluso no preço: Retira o IPI do preço (preço = preço / (1 + (Alíquota IPI / 100))) Retira o valor do desconto do preço (preço = preço - Valor do desconto) Retira a taxa financeira do preço (Ver "Cálculo para remover taxa financeira no preço")  IPI não incluso no preço: Retira o valor do desconto do preço (preço = preço - Valor do desconto) Retira a taxa financeira do preço (Ver "Cálculo para remover taxa financeira no preço")Encargos financeiros não inclusos no preço do fornecedor:  IPI incluso no preço: Retira o valor do desconto do preço (preço = preço - Valor do desconto) Retira o IPI do preço (preço = preço / (1 + (Alíquota IPI / 100)))  IPI não incluso no preço: Retira o valor do desconto do preço (preço = preço - Valor do desconto)Obs.: Se houver índice de conversão para o fornecedor é necessário multiplicar o preço obtido pelo índice.ExemploConsiderando uma cotação com os seguintes dados:  Preço do fornecedor: R$ 12,40000  Valor do desconto: R$ 0,1240  Encargos Financeiros e IPI inclusos no preço  Taxa financeira: 0,9000 28
  29. 29. INTEGRAÇÃO EGPxTSS  Dias de taxa financeira: 5  Alíquota IPI: 10,00  Condição de pagamento: 30, 60 e 90 Prazo Percentual de pagamento duplicata 30 33,33 60 33,33 90 33,34Obs.: Exemplo considerando que o IPI está sendo calculado pelo preço líquido.Passo 1:Retirar o valor do desconto do preço (preço = preço - Valor do desconto)12,4 – 0,1240 = 12,276Passo 2:Retirar a taxa financeira do preço1. Para cada parcela calcular: Prazo de pagamento X Percentual Pagamento da Duplicata30 x 33,33 = 999,9960 x 33,33 = 1999,890 x 33,34 = 3000,62. Somar todos os resultados obtidos e dividir o valor por 100(Considerar o valor obtido como "Prazo")999,99 + 1999,8 + 3000,6 = 6000,39“Prazo” = 6000,39 / 100 = 60,00393. Calcular: (Valor da Taxa / 100) + 1(Considerar o valor obtido como "Cálculo 1")"Cálculo 1" = (0,9 / 100) + 1 = 1,0094. Calcular: (1 / Número de dias da taxa financeira)(Considerar o valor obtido como "Cálculo 2")"Cálculo 2" = (1 / 5) = 0,25. Calcular: Elevar o valor de "Cálculo 1" a potência encontrada em "Cálculo 2"(Considerar o valor obtido como "Cálculo 3")"Cálculo 3" = (1,009)0,2 = 1,00179355476. Calcular: Elevar o valor de "Cálculo 3" a potência encontrada em "Prazo"(Considerar o valor obtido como "Cálculo 4")"Cálculo 4" = (1,0017935547)60,0039 = 1,11351745207. Resultado final: Preço = Preço / "Cálculo 4". (Preço sem o desconto)12,276 / 1,1135174520 = 11,0245241132Passo 3:Retirar o IPI do preço (preço = preço / (1 + (Alíquota IPI / 100)))11,0245241132 / (1 + (10 / 100)) = 10,0223Preço Líquido: R$ 10,0223 29

×