“Liderança, O caminho da
motivação!”
“Liderança, O caminho da
motivação!”
“Temos que nos concentrar no resultado porque é a natureza deste
clube…é a natureza q...
“Liderança, O caminho da
motivação!”
A operacionalização da liderança, enquadrada com as necessidades, é
vital para o suce...
“O Líder: como se relaciona e lidera”
O líder é uma pessoa que se relaciona, que se preocupa com os outros,
com as vontade...
“Exemplo de líder”
Vítor Maçãs: “Eu poderei ter treinadores que não percebem
nada de treino, mas que são autênticos lídere...
“O que é a liderança, no fundo?”
Para mim liderança, é saber gerir com e através dos outros para se
alcançar resultados. A...
“Liderança, O caminho da
motivação!”
Trabalho realizado por: João Paulo Pinto Sousa
Nº 31350
Bibliografia
 “Os jogos por trás do jogo (António Barbosa)”;
 António Barbosa- licenciatura em Educação Física e Desport...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Liderança, o caminho da motivação!

409 visualizações

Publicada em

Liderança

Publicada em: Esportes
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
409
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
14
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Liderança, o caminho da motivação!

  1. 1. “Liderança, O caminho da motivação!”
  2. 2. “Liderança, O caminho da motivação!” “Temos que nos concentrar no resultado porque é a natureza deste clube…é a natureza que eu quero que os jogadores tenham.” José Mourinho “A liderança é claramente uma forma de motivação, dependendo de como for exercida.” Diego Simeone “Um líder que não se organize, não tenha um bom plano operacional, um bom plano anual, um efetivo sistema de periodização, que não avalie as pessoas para saber como estão, não está a fazer uma boa ação de liderança, está a ser treinador, sem exercer liderança.” Pep Guardiola
  3. 3. “Liderança, O caminho da motivação!” A operacionalização da liderança, enquadrada com as necessidades, é vital para o sucesso. Todos os grandes treinadores são exímios no processo de liderar. Cabe ao líder enquadrar a sua liderança no seio do grupo, esse é o espaço do líder modelo: ser um entre os demais. Entretanto, liderar implica ver mais além, implementar obrigações no grupo, delimitar guias de comportamentos, controlar os processos, conhecer profundamente os diferentes enquadramentos e períodos das pessoas com quem trabalha, para poder decidir bem e no momento certo, gerir conflitos. Um líder tem excelente capacidade de comunicação, capacidade de explicar ao demais aquilo que pensa. No contexto da comunicação, Tomaz Morais diz-nos: “O líder deve ter um bom processo comunicacional, partindo de três princípios: inspirar, estimular e envolver.” .
  4. 4. “O Líder: como se relaciona e lidera” O líder é uma pessoa que se relaciona, que se preocupa com os outros, com as vontades de cada um dos indivíduos e que os faz evoluir. Os grupos são heterogéneos. Cabe ao responsável máximo, a leitura contínua das diferentes parte do grupo, onde a liderança tem que se envolver com as individualidades. Só na participação ativa com estes, é que o líder pode perceber quem têm … Quando se lidera, a harmonia entre todas estas vertentes é posta à prova vinte e quatro horas por dia, as ações, as palavras são a todo o instante avaliadas pelas estruturas externas, adversários, comunicação social. Mas o mais vital, é a harmonia com aqueles com quem o líder trabalha diariamente, o clube que representa, os departamentos, a equipa e a forma como eles sentem e acreditam na mensagem do líder, que é constantemente avaliada pelos demais.
  5. 5. “Exemplo de líder” Vítor Maçãs: “Eu poderei ter treinadores que não percebem nada de treino, mas que são autênticos líderes do grupo e aquilo anda, e poderei ter, eu já não lhes queria chamar treinadores, mas algumas pessoas que dominam tecnicamente aquelas matérias todas e nunca serão treinadores na vida por não terem as competências necessárias para se exporem perante um grupo, de modo a que eles possam fazer aquilo que queremos que eles façam…Há uma caraterística que todos nós conhecemos no senhor Mourinho: é um líder. Como todos os outros treinadores de top, podemos gostar ou não de Jorge Jesus, mas ele é claramente um líder. Todos os treinadores quer de top, quer de outros níveis de intervenção, essa é uma marca constante.”
  6. 6. “O que é a liderança, no fundo?” Para mim liderança, é saber gerir com e através dos outros para se alcançar resultados. A forma como a liderança é aplicada condiciona o desempenho do grupo de trabalho. Reconhecemos diversas formas de liderar. À partida, deveremos perceber que cada forma de liderar produz diferentes resultados. Muitas das vezes, o próprio treinador tem que ter estilos de liderança diferentes. Basta pensar no que acontece no treino: no início do treino, normalmente, o treinador, depois daquele período de descontração, diz: “meus amigos, hoje vamos fazer estes exercícios”- portanto, muito diretivo, autoritário quase. Depois, podemos verificar que, na parte do final do treino, em que estão todos à vontade, estão a relaxar, a descontrair, aí muitos treinadores até desaparecem ou se, estão lá, até mandam umas piadas. Portanto, o mesmo treinador tem estilos de liderança completamente diferentes, em diversos momentos do treino.
  7. 7. “Liderança, O caminho da motivação!” Trabalho realizado por: João Paulo Pinto Sousa Nº 31350
  8. 8. Bibliografia  “Os jogos por trás do jogo (António Barbosa)”;  António Barbosa- licenciatura em Educação Física e Desporto (ISMAI,2006). Concluiu o Diploma de Estudos Avançados (DEA), realizando a sua investigação na Organização do Jogo de Futebol (UL-INEFC,2010). Doutorado em Fundamentos Metodológicos da Investigação na Atividade Física e Desportiva, produzindo a investigação sobre a temática Métodos de Jogo Ofensivos no futebol (avaliada com nota máxima pela UL-INEFC, 2013);

×