Prova da UEA 2012

5.563 visualizações

Publicada em

Prova da UEA/2011 comentada pelo Prof. Jonas Araújo

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.563
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
402
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
35
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Prova da UEA 2012

  1. 1. Prof. Jonas Araújo
  2. 2. A prova da UEA é dividia em conhecimentos gerais eespecíficos.
  3. 3. 01. (UEA/2011/CG) Outros talvez, que não tu, saberão, acredito, dar melhor vida ao bronze e tirar do mármore vívidas figuras; outros saberão melhor defender causas, melhor descrever o movimento dos céus e dos astros. Mas tu, romano, lembra-te que nascestes para impor tuas leis ao universo. Teu destino é ditar tuas condições de paz, poupar os vencidos e domar os soberbos. (Virgílio. Eneida, século I a.C.) Segundo o poeta Virgílio, os romanosProf. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  4. 4. 01. (UEA/2011/CG) a) eram pacíficos nas suas relações com os vizinhos, procurando solucionar os conflitos pela diplomacia. b) desconheciam as artes plásticas, como a pintura e a escultura, a retórica e a ciência da astronomia. c) eram tolerantes internamente, protegendo os plebeus e proibindo a exploração da mão de obra escrava. d) eram senhores de si mesmos, dominadores, livres e guiados por sentimentos de severidade e de qualidades morais. e) evitavam desenvolver relações comerciais com outras cidades, temendo enfraquecer-se militarmente.Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  5. 5. • Resposta: D 1 • Assuntos: Roma no período Imperial 2 • Tema central:Cultura Romana de acordo 3 com Virgílio no poema Eneida • Argumentos: 1) Outros, que não tu, saberão da valor ao Bronze. 2) Teu destino é ditar 4 tuas condições de paz.Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  6. 6. 02 (UEA/2011/CG) A idade clássica do feudo estende-se pelos séculos XI a XIII, a época feudal, e abrange toda a Europa Ocidental (...). O feudo torna-se um bem privado, concedido em troca de serviços de natureza privada. O outorgante do feudo, qualificado de senhor, é geralmente um aristocrata de alto nível. O beneficiário ou vassalo é um auxiliar de estrato nobre; os serviços devidos são essencialmente militares. (Pierre Bonnassie. Dicionário de história medieval. Adaptado.) A partir do texto, pode-se afirmar queProf. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  7. 7. 02 (UEA/2011/CG) a) o feudo pertencia ao representante do poder público da região, que o outorgava segundo seus interesses. b) os camponeses, também chamados de vassalos, dependiam dos suseranos, para os quais prestavam serviços. c) os séculos XI a XIII foram prósperos, graças à comercialização dos feudos, o que terminou com as disputas por terras. d) os nobres que controlavam o maior número de suseranos tinham chances de disputar a coroa dos países europeus. e) as relações de suserania e vassalagem estabeleciam- se entre elementos da mesma camada social.Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  8. 8. • Resposta: E 1 • Assuntos: Feudalismo e contrato de 2 Vassalagem • Tema central: A relação entre o senhor 3 feudal e o vassalo • Argumentos: “O outorgante do feudo, 4 qualificado de senhor... militares”Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  9. 9. 03 (UEA/2011/CG) As cerâmicas marajoara e tapajônica são testemunhos de que as sociedades tribais amazônicas a) conheciam a escrita. b) eram divididas em classes sociais. c) eram pré-coloniais. d) eram cristianizadas pelos jesuítas. e) eram da época do bronze.Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  10. 10. • Resposta: C 1 • Assuntos: Sociedades tribais 2 amazônicas • Tema central: As cerâmicas marajoara e 3 tapajônica são testemunhos. • Argumentos: (Sem argumentos) 4Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  11. 11. 04 (UEA/2011/CG) O governo arbitrário de um príncipe justo (...) é sempre mau. Suas virtudes constituem a mais perigosa das seduções (...) Retira do povo o direito de deliberar, de querer ou de não querer, de se opor à vontade do príncipe até mesmo quando ele deseja fazer o bem. (Denis Diderot. Refutação de Helvétius, 1774.) Diderot refere-se, nessa passagem, a uma situação política preponderante em alguns Estados europeus do século XVIII, denominada deProf. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  12. 12. 04 (UEA/2011/CG) a) Despotismo Esclarecido. b) República Absolutista. c) Principado Democrático. d) Oligarquia Despótica. e) Tirania Popular.Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  13. 13. • Resposta: A 1 • Assuntos: Idade moderna: Formação 2 dos estados modernos • Tema central: O governo arbitrário de 3 um príncipe justo (...) é sempre mau. • Argumentos: “Retira do povo o direito 4 de deliberar...”Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  14. 14. 05 (UEA/2011/CG) De 1750 a 1777, Sebastião José de Carvalho e Melo, o futuro Marquês de Pombal, foi figura central do governo português. Entre as reformas por ele realizadas estão a criação do Estado do Grão-Pará e Maranhão eProf. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  15. 15. 05 (UEA/2011/BRANCO) a) a implantação de legislação que visava integrar colonos e indígenas, com sérias consequências para os últimos. b) a aliança com os jesuítas, encarregados de converter os índios e obrigá-los a trabalhar nas plantações de algodão e alimentos. c) o incentivo aos pequenos produtores, que contavam com empréstimos, assistência técnica e garantia de compra da produção. d) a política de introdução de mão de obra escrava, como forma de suprir as necessidades de expansão do mercado de trabalho. e) a assinatura de acordos com mercadores ingleses e franceses, que garantiam o embarque dos produtos do Grão- Pará e Maranhão para a Europa.Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  16. 16. • Resposta: A 1 • Assuntos: Reformas de Pombal e Criação 2 do Estado do Grão Pará e Maranhão • Tema central: Criação do Estado do Grão 3 Pará e Maranhão • Argumentos: (sem argumentos) 4Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  17. 17. 06 (UEA/2011/CG) Fugiram no dia 7 [de janeiro] da fazenda Santa Gertrudes em Jundiaí (...) os escravos seguintes: Apolinário, conhecido por baiano, idade 25 anos (...) Benedito, conhecido por Ribeiro, pardo, idade 25 anos (...) Quem os apreender e entregar em Jundiaí a seu senhor (...) será bem gratificado; protesta-se com todo o rigor da lei contra quem os tiver acoitado. (Jornal A Província de São Paulo, 15 de janeiro de 1878.)Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  18. 18. 06 (UEA/2011/CG) O anúncio publicado é a) um espelho do clima de liberdade social característico do Segundo Reinado. b) uma comprovação de que os senhores tratavam bem dos seus dependentes. c) um sinal de que o Parlamento brasileiro projetava abolir a escravidão. d) uma demonstração da presença da escravidão no cotidiano da sociedade brasileira. e) uma confirmação de que não havia liberdade de imprensa no Brasil monárquico.Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  19. 19. • Resposta: D 1 • Assuntos: Brasil colônia e a fuga de escravos 2 • Tema central: Notícias de jornais sobre a fuga de 3 escravos • Argumentos: (...) Quem os apreender e entregar em Jundiaí a seu senhor (...) será bem gratificado; 4 protesta-se com todo o rigor da lei contra quem os tiver acoitado.Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  20. 20. 07 (UEA/2011/CG) Observe a imagem.
  21. 21. 07 (UEA/2011/CG) O cartaz faz parte de uma intensa campanha publicitária desenvolvida pelo Serviço Especial de Mobilização de Trabalhadores para a Amazônia (SEMTA), em 1943, com a finalidade de aumentar a produção de látex no Brasil, para compensar a suspensão do fornecimento do produto dos seringais do Oriente para os Estados Unidos da América. O cartaz divulgado pelo SEMTA fornece uma imagem das condições de deslocamento e de trabalho na Amazônia que foiProf. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  22. 22. 07 (UEA/2011/CG) a) usada pelo Congresso Nacional com o objetivo de propagar no exterior as condições de vida do trabalhador rural brasileiro. b) desmentida pela vida difícil dos trabalhadores na floresta, sobretudo nordestinos, e pela alta taxa de mortalidade de que foram vítimas. c) fundamental para a denúncia das péssimas condições de vida dos moradores das periferias das grandes cidades. d) propagada pelos estados mais desenvolvidos do Brasil, que procuravam atrair trabalhadores para as suas indústrias. e) desenhada com a finalidade de evitar o esvaziamento populacional das regiões litorâneas do nordeste brasileiro.Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  23. 23. • Resposta: B 1 • Assuntos: Exploração da Borracha na Era Vargas. 2 • Tema central:Serviço Especial de Mobilização de Trabalhadores para a Amazônia (SEMTA) 3 • Argumentos: 1) Imagem e 2) (...)para compensar a suspensão do fornecimento do produto dos seringais 4 do Oriente para os Estados Unidos da América (...)Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  24. 24. 08 (UEA/2011/CG)Observe a célebre fotografia, tirada em 8 de junho de 1972 pelofotógrafo Huynh Cong Ut, que registrou a fuga de crianças vietnamitas,vítimas de bombardeio norte-americano, por bombas de napalm à suaaldeia.(www.folha.uol.com.br.)Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  25. 25. 08 (UEA/2011/CG) Sobre esse conflito, é correto afirmar que a) teve por causa principal a disputa pelos recursos petrolíferos do sudeste asiático. b) resultou na divisão do país em dois, o Vietnã do Norte e o Vietnã do Sul. c) correu no contexto da Guerra Fria e terminou com a derrota dos norte-americanos. d) expressou a divisão entre os hemisférios norte e sul e terminou em conflito armado. e) inseriu-se nas lutas travadas pelos países asiáticos a favor do colonialismo.Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  26. 26. • Resposta: C 1 • Assuntos: Guerra Fria e Guerra no 2 Vietnã • Tema central: O motivo do 3 bombardeio ao Vietnã • Argumentos: 1) Imagem 2) Contexto 4 que a imagem foi produzidaProf. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  27. 27. 09 (UEA/2011/CG)Em 1989, Fernando Collor de Mello foi eleito, pelovoto direto, Presidente da República. Neste governohouvea) a implantação do Plano Real e a consequente estabilização da economia brasileira.b) o fechamento do Congresso e a tentativa de implantar uma ditadura civil.c) alterações no texto constitucional, que garantiu maior poder ao executivo.d) denúncias de corrupção, que resultaram no impeachment do Presidente.e) a decisão unilateral de suspender os pagamentos da dívida externa brasileira.Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  28. 28. • Resposta: D 1 • Assuntos: Governo Collor. 2 • Tema central: O que ocorreu no 3 Governo Collor • Argumentos: (sem argumentos) 4Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  29. 29. 10 (UEA/2011/CG)Um dos procedimentos políticos fundamentais para ofuncionamento da Primeira República no Brasil foi aPolítica dos Governadores, que consistiaa) na alternância entre os candidatos das regiões Norte e Sul, em prejuízo de outras áreas do país.b) na defesa dos interesses econômicos e políticos dos industriais no Congresso Nacional.c) na lisura do processo eleitoral, capitaneado pelos coronéis e baseado no sufrágio universal.d) na escolha do candidato à presidência da República, a partir de consultas populares e eleições regionais.e) no acordo entre o poder executivo federal e as oligarquias que dominavam a política estadual.
  30. 30. • Resposta: E 1 • Assuntos: República Velha – 2 Política dos governadores • Tema central: O que é a política 3 dos Governadores? • Argumentos: (Sem argumentos) 4Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  31. 31. 11 (UEA/2011/CG) É no princípio do século VI a.C., na Grécia, quehomens como Tales de Mileto, Anaximandro eAnaxímenes inauguram um novo modo dereflexão concernente à natureza, tomada comoobjeto de investigação sistemática edesinteressada. (Jean-Pierre Vernant. As origens do pensamento grego. Adaptado.)O texto faz referênciaProf. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  32. 32. 11 (UEA/2011/CG)a) à perseguição sofrida pelos pensadores na Grécia Antiga, como exemplifica a morte de Sócrates, que contestou a hierarquia religiosa.b) ao fato de haver surgido, na Grécia Antiga, uma interpretação do universo que dispensava o recurso a forças sobrenaturais.c) à democracia, regime de governo criado na Grécia Antiga e que assegurava a participação dos cidadãos nos debates da pólis.d) à persistência, na Grécia Antiga, de concepções filosóficas elaboradas no Oriente pelos fenícios, mesopotâmicos e egípcios.e) a importantes líderes políticos e religiosos da Grécia Antiga, considerados representantes diretos dos deuses na Terra.
  33. 33. • Resposta: B 1 • Assuntos: Cultura Grega 2 • Tema central: “um novo modo de 3 reflexão concernente à natureza... “ • Argumentos: “objeto de investigação 4 sistemática e desinteressada”Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  34. 34. 12 (UEA/2011/CG)Dentre os objetivos da História da Filosofia, pode-se citara) a compreensão do discurso sobre o mundo, produzido pela reflexão filosófica.b) a análise das idéias, desvinculadas do tempo e das sociedades nas quais surgiram.c) a procura de semelhanças entre o pensamento lógico e os dogmas religiosos.d) o acordo dos grandes filósofos sobre a explicação das origens do universo.e) o reconhecimento do caráter conservador do saber e da produção dos filósofos.Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  35. 35. • Resposta: A 1 • Assuntos: Historiografia e pensamento 2 filosófico 3 • Tema central: Conceito de filosofia e História • Argumentos: (sem argumentos) 4Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  36. 36. Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  37. 37. 01. (UEA/2011/CE)A partir do século III da Era Cristã, aprofundou-se a crisedo Império Romano do Ocidente. Entre os fatores quecontribuíram para essa situação, destacam-sea) as constantes revoltas de escravos, que lhes asseguraram o estatuto de servos da gleba.b) as lutas políticas que impediam os imperadores de obter maioria no Senado e aprovar seus projetos.c) as dificuldades em controlar as suas fronteiras, que começam a ser transpostas pelos inimigos.d) as fracassadas reformas de Tibério e Caio Graco, que não garantiram direitos à plebe romana.e) as disputas entre os adeptos da religião tradicional e do cristianismo, que acabaram em guerras civis.Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  38. 38. • Resposta: C 1 • Assuntos: Crise do império romano 2 3 • Tema central: Crise do império romano • Argumentos: (sem argumentos) 4Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  39. 39. 02. (UEA/2011/CE)Dizem os entendidos que a maior glória de Colombo éter conseguido provar que a Terra não era chata. Nãosei não. (Millôr Fernandes. A Bíblia do Caos, 1994.)Millôr Fernandes, escritor e cartunista, refere-se a umepisódio histórico para exprimir com ironia a sua visãode mundo. Millôr utiliza a referência histórica demaneira, ao mesmo tempo, precisa e imprecisa. Oque está correto na alusão às expedições marítimasde Cristóvão Colombo éProf. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  40. 40. 02. (UEA/2011/CE)a) a concepção da forma da Terra, implícita na intenção de se chegar ao Oriente navegando para o Ocidente.b) o fato de ele ter sido o primeiro navegador a completar uma viagem de circum-navegação à Terra.c) a história dos feitos do navegador que, após enfrentar muitos perigos no mar, morreu pobre e abandonado.d) a referência de que o navegador acreditava nas representações do mundo da época medieval.e) a consideração que as explicações dos historiadores sobre o navegador são discutíveis e imprecisas.
  41. 41. • Resposta: A 1 • Assuntos: Millôr e a Bíblia do Caos; Conquista da América 2 • Tema central: “...O que está correto na alusão às expedições marítimas de Cristóvão Colombo é.” 3 • Argumentos: Ironia de Millôr sobre Cristóvão Colombo 4Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  42. 42. 03. (UEA/2011/CE)O filme Aguirre, a Cólera dos Deuses, dirigido pelocineasta alemão Werner Herzog, baseia-se nosrelatos sobre uma expedição espanhola, comandadapor Pedro de Ursúa, que, saindo do Peru, desceu orio Amazonas à procura do mítico Eldorado. Cerca devinte anos antes da expedição de Ursúa, Francisco deOrellana, também espanhol, navegou pelo rio com oobjetivo de encontrar jazidas de ouro na Amazônia.Comparando-se as pretensões daquelas expediçõescom a colonização europeia do vale amazônico, écorreto afirmar queProf. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  43. 43. 03. (UEA/2011/CE)a) ao contrário da extração de riquezas fabulosas, a ocupação da região baseou-se na coleta de gêneros naturais, como a castanha, o cacau, a madeira, além da caça e da pesca.b) o Eldorado amazônico foi escondido dos aventureiros espanhóis pelas tribos de guerreiros cristianizados, protegidos pelos padres da Companhia de Jesus.c) no lugar da exploração de ouro e prata, a ocupação da Amazônia pelos colonizadores portugueses foi sustentada pela produção em grande escala de algodão, fumo e açúcar.d) a fixação dos povoadores no espaço da floresta equatorial somente se tornou realidade com a atuação de um Estado empreendedor, que procurou industrializar a região.e) a ocupação da região foi propiciada pela facilidade de penetração dos colonizadores na floresta e pela alta densidade demográfica existente em Portugal no século XVI.Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  44. 44. • Resposta: A 1 • Assuntos: expedição espanhola, 2 comandada por Pedro de Ursúa • Tema central: Comparação das 3 três expedições na Amazônia • Argumentos: Ironia de Millôr 4 sobre Cristóvão ColomboProf. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  45. 45. 04. (UEA/2011/CE)A máquina, da qual parte a Revolução Industrial,substitui o trabalhador, que maneja uma únicaferramenta, por um mecanismo, que opera com umamassa de ferramentas iguais ou semelhantes de umasó vez, e que é movimentada por uma única forçamotriz, qualquer que seja sua força. (Karl Marx. O Capital, 1867.)A partir do texto, é correto considerar que aRevolução IndustrialProf. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  46. 46. 04. (UEA/2011/CE)a) aboliu a mão de obra no processo produtivo, provocando desemprego e sofrimentos sociais.b) aumentou a produção de mercadorias, instituindo uma forma de produção diferente da artesanal.c) impediu o surgimento de movimentos socialistas, subordinando os operários às máquinas.d) produziu um quadro de nivelamento econômico entre os países, devido à expansão da industrialização.e) atenuou as desigualdades sociais, favorecendo a ascensão política da grande massa de trabalhadores industriais.Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  47. 47. • Resposta: B 1 • Assuntos: Revolução Industrial 2 • Tema central: A máquina, da qual parte a 3 Revolução Industrial, substitui o trabalhador • Argumentos: o funcionamento da máquina 4Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  48. 48. 05. (UEA/2011/CE)A escravidão no Brasil foi abolida em 1888. Sobreesse processo, é correto afirmar quea) ocorreu primeiro no Nordeste, região que recebeu levas de imigrantes europeus, que se opunham à escravidão.b) o movimento sofreu forte influência das rebeliões ocorridas no continente africano, no final do século XIX.c) resultou das ações do imperador, que libertou seus escravos e assinou manifestos abolicionistas.d) não contou com apoio popular, pois se temia a ruína econômica do país, caso os escravos fossem libertados.e) desgostou os escravistas, uma vez que a lei não previu o pagamento de indenizações pelas suas perdas.
  49. 49. • Resposta: E 1 • Assuntos: Abolição da escravidão 2 no Brasil • Tema central: Abolição da 3 escravidão no Brasil • Argumentos: (Sem argumentos) 4Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  50. 50. 06. (UEA/2011/CE)Essa ideologia baseia-se no pressuposto de que aliberalização do mercado otimiza o crescimento e ariqueza do mundo, e leva à melhor distribuição desseincremento. Toda tentativa de controlar eregulamentar o mercado deve, portanto, apresentarresultados negativos (...). (Eric J. Hobsbawm. O novo século: Entrevista a Antonio Polito, 1999.)O autor faz referência aoa) fisiocratismo.b) absolutismo.c) mercantilismo.d) neoliberalismo.e) metalismo.Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  51. 51. • Resposta: D 1 • Assuntos: Mercado econômico no século XX. 2 • Tema central: a liberalização do mercado otimiza o crescimento e a riqueza do mundo 3 • Argumentos: 1) “Toda tentativa de controlar e regulamentar o mercado deve, portanto, apresentar resultados negativos (...)” 2) Eric J. Hobsbawm. O 4 novo século.Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  52. 52. 07. (UEA/2011/CE)A Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste(SUDENE) foi criada pelo presidente JuscelinoKubitschek. O seu governo procurava combatera) a oposição dos Estados Unidos aos projetos sociais, uma vez que se temia a eclosão de revoltas rurais.b) o latifúndio e realizar uma distribuição de terras, que contemplasse as famílias de retirantes.c) a penúria, em uma das regiões que, na época, ostentava elevados índices de pobreza e de desigualdade social.d) o crescimento da agricultura de subsistência, incapaz de garantir a sobrevivência das famílias pobres.e) a passividade do camponês da zona da mata nordestina, controlado politicamente pelos usineiros.
  53. 53. • Resposta: C 1 • Assuntos: Superintendência do 2 Desenvolvimento do Nordeste. • Tema central: Superintendência do 3 Desenvolvimento do Nordeste. • Argumentos: O governo de JK e a 4 SUDENE.Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  54. 54. 08 (UEA/2011/CE)Veja o quadro pintadopelo artista acreanoHélio Melo (1926-2001). (www.almaacreana.blogspot.com)Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  55. 55. 08 (UEA/2011/CE) A pintura exprime uma situação irreal, mas que representa a) o assistencialismo do Estado brasileiro, que procura atender as populações carentes do interior do país. b) a religiosidade do homem amazônico, oriunda do sincretismo entre o cristianismo e a herança africana. c) as condições de vida das famílias de seringueiros que vivem apenas da extração de recursos florestais. d) a expansão da pecuária na Amazônia e a expulsão dos antigos trabalhadores e ocupantes da floresta. e) a utopia social do habitante da floresta, que desejaria viver em casas confortáveis em meio a uma natureza aprazível.Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  56. 56. • Resposta: C 1 • Assuntos: Situação social das 2 comunidades ribeirinha . • Tema central: Plano Central 3 • Argumentos: Plano de fundo 4Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  57. 57. 09 (UEA/2011/CE) (...) a „civilização de palha‟ erguida na Amazônia – resultado da experiência milenar e coletiva dos povos indígenas – faz parte de um passado que a ideologia teima em considerar „atrasado‟, „bárbaro‟, e „não-histórico‟, embora ele tenha contribuído com soluções inteligentes e criativas nas várias formas de se aprimorar e habitar o espaço amazônico. (José Ribamar Bessa Freire. Barés, Manáos e Tarumãs.Amazônia em cadernos, n.º 2 e 3, 1993-1994.)Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  58. 58. 09 (UEA/2011/CE) A partir do texto, pode-se inferir que o autor a) condena as formas tradicionais de habitação, ainda vigentes na região. b) descreve hábitos antigos, abandonados frente à tecnologia atual. c) valoriza vivências e práticas acumuladas por gerações. d) nega a capacidade inventiva às sociedades tribais. e) defende o processo de modernização e superação do atraso.Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  59. 59. • Resposta: C 1 • Assuntos: Situação social das comunidades ribeirinha . 2 • Tema central: „civilização de palha‟ erguida na Amazônia 3 • Argumentos: 1) resultado da experiência milenar e coletiva dos povos indígenas / 2) A ideologia insiste em chamar de 4 não históricoProf. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  60. 60. 10 (UEA/2011/CE) Na edição especial da revista Veja (2009), dedicada à Amazônia, informa-se que apenas 9,7% dos domicílios na Região Norte são atendidos com rede de esgotos. No país, a média é de 51% (...). Estudo do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia sobre a situação nutricional de crianças em idade pré-escolar no Estado do Amazonas concluiu que 10% das crianças da capital são desnutridas, no interior sobe para 23% e nas comunidades à margem do Rio Negro, onde a quantidade de peixes é menor, chega a 35%. (www.veja.abril.com.br.)Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  61. 61. 10(UEA/2011/CE) Os dados indicam a) que a condição nutricional das crianças é melhor nas cidades do interior. b) a ausência de conhecimentos estatísticos sobre os problemas específicos da região. c) que condições ambientais não afetam a situação alimentar da população. d) a falta de políticas para fazer frente às necessidades básicas da população. e) os resultados positivos da região, quando contrapostos ao conjunto do país.Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  62. 62. • Resposta: D 1 • Assuntos: Situação social das 2 comunidades ribeirinha em 2009. • Tema central: Dados da revista veja de 3 2009 sobre a Amazônia • Argumentos: Cada dado apresentando 4 na questão.Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  63. 63. 11 (UEA/2011/CE) (...) a arte de imitar está bem longe da verdade e, se executa tudo, ao que parece, é pelo fato de atingir apenas uma porção de cada coisa, que não passa de uma aparição. Por exemplo, dizemos que o pintor nos pintará um sapateiro, um carpinteiro (...) sem nada conhecer dos respectivos ofícios. (Platão. A República, século IV a.C.)Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  64. 64. 11 (UEA/2011/CE) Platão apresenta, nesse texto, uma das primeiras definições de “arte” da história do Ocidente, considerando-a como a) um meio capaz de levar ao conhecimento filosófico da natureza e da vida na cidade. b) uma atividade útil para a formação de políticos e guerreiros na Grécia antiga. c) uma profissão semelhante ao trabalho artesanal de ferreiros e carpinteiros. d) uma forma intermediária entre o conhecimento e a atividade produtiva. e) um espelho, afastado do saber filosófico, que refletiria as aparências do mundo.Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  65. 65. • Resposta: E 1 • Assuntos: Arte na história do ocidente. 2 • Tema central: Relação entre a arte e a 3 realidade • Argumentos: a arte de imitar está bem 4 longe da verdadeProf. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  66. 66. 12 (UEA/2011/CE) (...) embora nosso pensamento pareça possuir liberdade ilimitada, examinando o assunto mais de perto vemos que em realidade ele se acha encerrado dentro de limites muito estreitos e que todo o poder criador da mente se reduz à simples faculdade de combinar, transpor, aumentar ou diminuir os materiais fornecidos pelos sentidos e pela experiência. (David Hume (1711-1776). Investigação sobre o entendimento humano.)Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  67. 67. 12(UEA/2011/CE) No trecho, o filósofo a) atribui à razão papel fundamental na elaboração no entendimento do mundo. b) explicita sua concepção a respeito da forma como adquirimos conhecimento. c) reconhece as limitações da mente humana, incapaz de ir além de operações simples. d) sugere que os indivíduos nascem com um repertório de saberes inatos. e) valoriza a imaginação e a habilidade dos seres humanos para sonhar e inventar.Prof. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com
  68. 68. • Resposta: B 1 • Assuntos: A produção do pensamento. 2 • Tema central: embora nosso pensamento 3 pareça possuir liberdade ilimitada • Argumentos: todo o poder criador da mente se reduz à simples faculdade de combinar, 4 transpor, aumentar ou diminuir os materiais fornecidos pelos sentidos e pela experiênciaProf. Jonas Araújo historiacomfarinha.blogspot.com

×