SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 4
Baixar para ler offline
1
UNIFEOB - CENTRO UNIVERSITÁRIO DA FUNDAÇÃO
DE ENSINO OCTÁVIO BASTOS
CURSO DE HISTÓRIA
Síntese
A função social da escola
Unidade de Estudo: Didática
Módulo: 1
Professora: Márcia Belli
Aluno: Johnny Ribeiro Barbosa -
RA:611366
São João da Boa Vista , SP
Março, 2014
2
Para ser direto e evitar assuntos repetitivos analisarei o texto de maneira
simples e objetiva, citando alguns pontos e dando minha opinião a respeito dos
tópicos mencionados.
Prosseguindo, temos logo na introdução a seguinte citação:
“A sociedade tem avançado em vários aspectos, e mais do que nunca é imprescindível
que a escola acompanhe essas evoluções, que ela esteja conectada a essas
transformações, falando a mesma língua, favorecendo o acesso ao conhecimento que é
o assunto crucial a ser tratado neste trabalho.”
A partir deste trecho, conseguimos visualizar o contexto principal do
profissional que uma escola necessita, afinal, conforme mencionado e é de
conhecimento geral, que a sociedade que nós vivemos avançou de uma forma
muito brusca, principalmente nos últimos 10 anos, mais precisamente após a
era F.H.C.
Antes, investimentos na educação pública eram pífios e apesar de ter sido feito
uma melhora no ensino, só se deu um grande passo na área da educação
quando o governo decidiu governar para o povo, resultando em um maior
investimento na área, aumentando a oferta de vagas nas escolas públicas de
ensino fundamental, médio, superior e também nas escolas técnicas.
E é nesse contexto que o professor entra, afinal, estamos fazendo parte de
uma evolução e consequentemente temos que evoluir junto, ou não seremos
bem sucedidos na profissão que escolhemos exercer.
Prosseguindo, ainda na introdução:
“... Qual é na verdade a função social da escola? A escola está realmente cumprindo
ou procurando cumprir sua função, como agente de intervenção na sociedade?”
Com base nas leis, podemos facilitar a compreensão do trecho acima citado:
Constituição Federal 1988 - Artigo 205
“A educação, direito de todos e dever do Estado e da família, será promovida e
incentivada com a colaboração da sociedade, visando ao pleno desenvolvimento da
pessoa, seu preparo para o exercício da cidadania e sua qualificação para o trabalho”.
A resposta sobre qual seria a Função Social da Escola já se mostra na
página 07, a qual segue reprodução abaixo.
"A escola é uma instituição social com objetivo explícito: o desenvolvimento das
potencialidades físicas, cognitivas e afetivas dos alunos, por meio da aprendizagem
dos conteúdos (conhecimentos, habilidades, procedimentos, atitudes, e valores) que,
aliás, deve acontecer de maneira contextualizada desenvolvendo nos discentes a
capacidade de tornarem-se cidadãos participativos na sociedade em que vivem."
3
Isso é o que deve ser feito, mas não é a realidade. Alguns alunos são
matriculados nas instituições de ensino pelo seu responsável, e ali se encerra o
vínculo familiar com a escola, permanecendo apenas o aluno dentro deste
ciclo.
A comunidade familiar deve compreender que deve participar ativamente do
processo de escolar, não deixando que se pense que apenas a escola e o
educador são responsáveis pelo processo de formação de um cidadão ativo.¹
Portanto, concluo este trecho com a seguinte afirmação:
É dever da escola/educador trazer a comunidade para a instituição, ressaltando
a importância da participação familiar na formação do aluno. Muitas pessoas
não sabem o que se passa dentro da escola, da sala de aula, com seus
próprios filhos. E muito menos imaginam que para se formar um cidadão
pensativo capaz de questionar o mundo em que vivemos e colaborar com a
evolução do nosso meio, não é possível apenas com a participação da escola.
Sabemos que o tempo que a instituição dispõe para o aluno não é o suficiente,
e creio ser dever da comunidade incentivar grupos de estudo e pesquisa fora
da escola com a finalidade de complementar e facilitar o ato do ensino.
Indo um pouco mais além, chegamos à:
Ação do Gestor Escolar:
"Um bom clima de trabalho, em que a direção contribua para conseguir o
empenho de todos, em que os professores aceitem aprender com a experiência
dos colegas."
Um diploma não torna uma pessoa melhor que outra, mas a humildade em
estar sempre aprendendo com as pessoas que estão ao seu redor, certamente
lhe tornarão uma pessoa melhor no que faz.
E quando um profissional que não tem a capacidade de se integrar com os
demais, trocando ideias e informações que é o essencial para o aprendizado, o
que esse formador tem para oferecer a sua classe? Se o que buscamos é uma
socialização da turma de forma organizada, também temos que fazer o mesmo
em nosso meio.
Quanto a ação do gestor em si, o que se espera é que ele torne o ambiente
agradável a todos, tomando as atitudes cabíveis ao seu cargo, oferecendo o
que tem de melhor para que os professores, alunos e demais envolvidos
possam fazer da escola um local agradável e que cumpra com seu dever para
com a sociedade.
Conclusão:
Antes de apresentar conclusões precipitadas, devo ressaltar que o estudo do
fator "escola" é feito de forma cautelosa. Quando analisamos o nível das
instituições no nosso país vemos que cada estado/cidade se destaca em algo,
seja positivo ou negativo, portanto não seria certo concluir com alguma
resposta pronta.
4
Todos estados do Brasil tem que obedecer as regras impostas pelo governo
federal, porém é de conhecimento de todos que as leis em sua maioria não são
respeitadas. Cabe a nós, futuros professores nos juntarmos aos que já estão
nessa caminhada e participar do processo de transformação da cultura escolar,
lutando para que os direitos e deveres de cada parte seja cumprido.
¹ - Ressaltando que não podemos generalizar o assunto. Não existe escola
"padrão", portanto quando se questiona se a instituição está cumprindo seu
dever, deve-se analisar casos singulares.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Função social da escola
Função social da escolaFunção social da escola
Função social da escolamtolentino1507
 
Aulas papel social_escola
Aulas papel social_escolaAulas papel social_escola
Aulas papel social_escolaSonia Souza
 
A Função Social da Escola
A Função Social da EscolaA Função Social da Escola
A Função Social da Escolaleokos
 
Função social da escola
Função social da escolaFunção social da escola
Função social da escolaJohnny Ribeiro
 
Papel da escola na reprodução social trabalho
Papel da escola na reprodução social   trabalhoPapel da escola na reprodução social   trabalho
Papel da escola na reprodução social trabalhocarlonaviola
 
A escola na sociedade de conhecimento
A escola na sociedade de conhecimento  A escola na sociedade de conhecimento
A escola na sociedade de conhecimento BrunaDinis
 
Instituições sociais - Escola
Instituições sociais - EscolaInstituições sociais - Escola
Instituições sociais - EscolaDheyvson Dantas
 
A autoridade do professor e a função da escola (2)
A autoridade do professor e a função da escola (2)A autoridade do professor e a função da escola (2)
A autoridade do professor e a função da escola (2)Suellen87
 
Apresentação as escolas são diferentes
Apresentação as escolas são diferentesApresentação as escolas são diferentes
Apresentação as escolas são diferentesLara M
 
A ESCOLA E SUA CONTRIBUIÇÃO NA FORMAÇÃO DE SUJEITOS: UM OLHAR A PARTIR DA NOV...
A ESCOLA E SUA CONTRIBUIÇÃO NA FORMAÇÃO DE SUJEITOS: UM OLHAR A PARTIR DA NOV...A ESCOLA E SUA CONTRIBUIÇÃO NA FORMAÇÃO DE SUJEITOS: UM OLHAR A PARTIR DA NOV...
A ESCOLA E SUA CONTRIBUIÇÃO NA FORMAÇÃO DE SUJEITOS: UM OLHAR A PARTIR DA NOV...Claudinei Gonçalves de Lima
 
Cidadania, inclusão e ética na educação de jovens e adultos
Cidadania, inclusão e ética na educação de jovens e adultosCidadania, inclusão e ética na educação de jovens e adultos
Cidadania, inclusão e ética na educação de jovens e adultosSilvânio Barcelos
 
Parte I – A escola, o Conselho Escolar e o processo de formação humana
Parte I – A escola, o Conselho Escolar e o processo de formação humanaParte I – A escola, o Conselho Escolar e o processo de formação humana
Parte I – A escola, o Conselho Escolar e o processo de formação humanaUFBA
 
Com a matemática ensinando valores e atitudes
Com a matemática ensinando valores e atitudesCom a matemática ensinando valores e atitudes
Com a matemática ensinando valores e atitudesAna Paula Azevedo
 
Ensaio aline modulo v
Ensaio aline modulo vEnsaio aline modulo v
Ensaio aline modulo vVania Mendes
 
A EDUCAÇÃO NO SÉCULO XXI
A EDUCAÇÃO NO SÉCULO XXIA EDUCAÇÃO NO SÉCULO XXI
A EDUCAÇÃO NO SÉCULO XXILuana Couto
 
Ensaio eronilde modulo v
Ensaio eronilde modulo vEnsaio eronilde modulo v
Ensaio eronilde modulo vVania Mendes
 
Serviço social no contexto educativo
Serviço social no  contexto educativoServiço social no  contexto educativo
Serviço social no contexto educativoLisandra Rego
 
PORTIFÓLIO DE EDUCAÇÃO FÍSICA LICENCIATURA 1º PERÍODO.
PORTIFÓLIO DE EDUCAÇÃO FÍSICA LICENCIATURA 1º PERÍODO.PORTIFÓLIO DE EDUCAÇÃO FÍSICA LICENCIATURA 1º PERÍODO.
PORTIFÓLIO DE EDUCAÇÃO FÍSICA LICENCIATURA 1º PERÍODO.João Luís Custódio
 

Mais procurados (20)

Função social da escola
Função social da escolaFunção social da escola
Função social da escola
 
Aulas papel social_escola
Aulas papel social_escolaAulas papel social_escola
Aulas papel social_escola
 
A Função Social da Escola
A Função Social da EscolaA Função Social da Escola
A Função Social da Escola
 
Função social da escola
Função social da escolaFunção social da escola
Função social da escola
 
Papel da escola na reprodução social trabalho
Papel da escola na reprodução social   trabalhoPapel da escola na reprodução social   trabalho
Papel da escola na reprodução social trabalho
 
A escola na sociedade de conhecimento
A escola na sociedade de conhecimento  A escola na sociedade de conhecimento
A escola na sociedade de conhecimento
 
A escola
A escolaA escola
A escola
 
Instituições sociais - Escola
Instituições sociais - EscolaInstituições sociais - Escola
Instituições sociais - Escola
 
A autoridade do professor e a função da escola (2)
A autoridade do professor e a função da escola (2)A autoridade do professor e a função da escola (2)
A autoridade do professor e a função da escola (2)
 
Apresentação as escolas são diferentes
Apresentação as escolas são diferentesApresentação as escolas são diferentes
Apresentação as escolas são diferentes
 
A ESCOLA E SUA CONTRIBUIÇÃO NA FORMAÇÃO DE SUJEITOS: UM OLHAR A PARTIR DA NOV...
A ESCOLA E SUA CONTRIBUIÇÃO NA FORMAÇÃO DE SUJEITOS: UM OLHAR A PARTIR DA NOV...A ESCOLA E SUA CONTRIBUIÇÃO NA FORMAÇÃO DE SUJEITOS: UM OLHAR A PARTIR DA NOV...
A ESCOLA E SUA CONTRIBUIÇÃO NA FORMAÇÃO DE SUJEITOS: UM OLHAR A PARTIR DA NOV...
 
Cidadania, inclusão e ética na educação de jovens e adultos
Cidadania, inclusão e ética na educação de jovens e adultosCidadania, inclusão e ética na educação de jovens e adultos
Cidadania, inclusão e ética na educação de jovens e adultos
 
Parte I – A escola, o Conselho Escolar e o processo de formação humana
Parte I – A escola, o Conselho Escolar e o processo de formação humanaParte I – A escola, o Conselho Escolar e o processo de formação humana
Parte I – A escola, o Conselho Escolar e o processo de formação humana
 
Com a matemática ensinando valores e atitudes
Com a matemática ensinando valores e atitudesCom a matemática ensinando valores e atitudes
Com a matemática ensinando valores e atitudes
 
Ensaio aline modulo v
Ensaio aline modulo vEnsaio aline modulo v
Ensaio aline modulo v
 
A EDUCAÇÃO NO SÉCULO XXI
A EDUCAÇÃO NO SÉCULO XXIA EDUCAÇÃO NO SÉCULO XXI
A EDUCAÇÃO NO SÉCULO XXI
 
Ensaio eronilde modulo v
Ensaio eronilde modulo vEnsaio eronilde modulo v
Ensaio eronilde modulo v
 
Vídeo aula 12
Vídeo aula 12Vídeo aula 12
Vídeo aula 12
 
Serviço social no contexto educativo
Serviço social no  contexto educativoServiço social no  contexto educativo
Serviço social no contexto educativo
 
PORTIFÓLIO DE EDUCAÇÃO FÍSICA LICENCIATURA 1º PERÍODO.
PORTIFÓLIO DE EDUCAÇÃO FÍSICA LICENCIATURA 1º PERÍODO.PORTIFÓLIO DE EDUCAÇÃO FÍSICA LICENCIATURA 1º PERÍODO.
PORTIFÓLIO DE EDUCAÇÃO FÍSICA LICENCIATURA 1º PERÍODO.
 

Destaque

Politicas publicas
Politicas publicasPoliticas publicas
Politicas publicaspibidsociais
 
Políticas Públicas
Políticas PúblicasPolíticas Públicas
Políticas PúblicasSarah Mendes
 
As principais politicas públicas
As principais politicas públicasAs principais politicas públicas
As principais politicas públicasSonia Memoria
 
Slides Gestão Escolar
Slides Gestão EscolarSlides Gestão Escolar
Slides Gestão Escolarroxanessavivi
 
SLIDE DE TEORIAS ADMINISTRATIVAS E GESTÃO ESCOLAR
SLIDE DE TEORIAS ADMINISTRATIVAS E GESTÃO ESCOLARSLIDE DE TEORIAS ADMINISTRATIVAS E GESTÃO ESCOLAR
SLIDE DE TEORIAS ADMINISTRATIVAS E GESTÃO ESCOLARProfRibamar Campos
 
Políticas públicas educacionais aula 1
Políticas públicas educacionais   aula   1Políticas públicas educacionais   aula   1
Políticas públicas educacionais aula 1Darlan Campos
 
Políticas públicas no brasil
Políticas públicas no brasilPolíticas públicas no brasil
Políticas públicas no brasilferaps
 
POLITICAS PUBLICAS EDUCACIONAIS
POLITICAS PUBLICAS EDUCACIONAISPOLITICAS PUBLICAS EDUCACIONAIS
POLITICAS PUBLICAS EDUCACIONAISJose Wilson Melo
 

Destaque (11)

Politicas publicas
Politicas publicasPoliticas publicas
Politicas publicas
 
Políticas Públicas
Políticas PúblicasPolíticas Públicas
Políticas Públicas
 
Políticas públicas
Políticas públicasPolíticas públicas
Políticas públicas
 
Gestao escolar
Gestao escolarGestao escolar
Gestao escolar
 
As principais politicas públicas
As principais politicas públicasAs principais politicas públicas
As principais politicas públicas
 
Slides Gestão Escolar
Slides Gestão EscolarSlides Gestão Escolar
Slides Gestão Escolar
 
SLIDE DE TEORIAS ADMINISTRATIVAS E GESTÃO ESCOLAR
SLIDE DE TEORIAS ADMINISTRATIVAS E GESTÃO ESCOLARSLIDE DE TEORIAS ADMINISTRATIVAS E GESTÃO ESCOLAR
SLIDE DE TEORIAS ADMINISTRATIVAS E GESTÃO ESCOLAR
 
Políticas públicas educacionais aula 1
Políticas públicas educacionais   aula   1Políticas públicas educacionais   aula   1
Políticas públicas educacionais aula 1
 
Políticas públicas no brasil
Políticas públicas no brasilPolíticas públicas no brasil
Políticas públicas no brasil
 
POLITICAS PUBLICAS EDUCACIONAIS
POLITICAS PUBLICAS EDUCACIONAISPOLITICAS PUBLICAS EDUCACIONAIS
POLITICAS PUBLICAS EDUCACIONAIS
 
O conceito de gestão escolar
O conceito de gestão escolarO conceito de gestão escolar
O conceito de gestão escolar
 

Semelhante a A funcao social da escola - síntese

O GESTOR ESCOLAR E SUAS COMPETÊNCIAS NA SOCIEDADE ATUAL
O GESTOR ESCOLAR E SUAS COMPETÊNCIAS NA SOCIEDADE ATUALO GESTOR ESCOLAR E SUAS COMPETÊNCIAS NA SOCIEDADE ATUAL
O GESTOR ESCOLAR E SUAS COMPETÊNCIAS NA SOCIEDADE ATUALchristianceapcursos
 
O papel da escola e suas demandas sociais
O papel da escola e suas demandas sociaisO papel da escola e suas demandas sociais
O papel da escola e suas demandas sociaisLoureni Reis
 
Plano de Gstão Escola au santo
Plano de Gstão Escola au santoPlano de Gstão Escola au santo
Plano de Gstão Escola au santoLucio Lira
 
PTE_Apresentacao_final_para_ler_o_mundo.pdf
PTE_Apresentacao_final_para_ler_o_mundo.pdfPTE_Apresentacao_final_para_ler_o_mundo.pdf
PTE_Apresentacao_final_para_ler_o_mundo.pdfdanielle50811770
 
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas GEOGRAFIA
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas GEOGRAFIAProjeto ler e escrever compromisso de todas as áreas GEOGRAFIA
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas GEOGRAFIAAdriana Melo
 
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas LÍNGUA ESTRANGEIRA
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas LÍNGUA ESTRANGEIRAProjeto ler e escrever compromisso de todas as áreas LÍNGUA ESTRANGEIRA
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas LÍNGUA ESTRANGEIRAAdriana Melo
 
Projeto ler e escrever compromisso de todas as areas ciências
Projeto ler e escrever compromisso de todas as areas ciênciasProjeto ler e escrever compromisso de todas as areas ciências
Projeto ler e escrever compromisso de todas as areas ciênciasAdriana Melo
 
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas HISTÓRIA
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas HISTÓRIAProjeto ler e escrever compromisso de todas as áreas HISTÓRIA
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas HISTÓRIAAdriana Melo
 
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas MATEMÁTICA
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas MATEMÁTICAProjeto ler e escrever compromisso de todas as áreas MATEMÁTICA
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas MATEMÁTICAAdriana Melo
 
Educação para a vida :os formadores e a estrutura educativa
Educação para a vida :os formadores e a estrutura educativaEducação para a vida :os formadores e a estrutura educativa
Educação para a vida :os formadores e a estrutura educativawilkerfilipel
 
Projeto de Intervenção
Projeto de IntervençãoProjeto de Intervenção
Projeto de Intervençãomoniquests
 
O professor de matematica e o conhecimento lógico matematico
O professor de  matematica e o conhecimento lógico matematicoO professor de  matematica e o conhecimento lógico matematico
O professor de matematica e o conhecimento lógico matematicoslucarz
 
PPP - Escola Frei Antonio Sinibaldi, 2015
PPP - Escola Frei Antonio Sinibaldi, 2015PPP - Escola Frei Antonio Sinibaldi, 2015
PPP - Escola Frei Antonio Sinibaldi, 2015Adilson P Motta Motta
 
Projeto Político Pedagógico Escola Ney Braga 2014
Projeto Político Pedagógico Escola Ney Braga 2014Projeto Político Pedagógico Escola Ney Braga 2014
Projeto Político Pedagógico Escola Ney Braga 2014Adilson P Motta Motta
 

Semelhante a A funcao social da escola - síntese (20)

O GESTOR ESCOLAR E SUAS COMPETÊNCIAS NA SOCIEDADE ATUAL
O GESTOR ESCOLAR E SUAS COMPETÊNCIAS NA SOCIEDADE ATUALO GESTOR ESCOLAR E SUAS COMPETÊNCIAS NA SOCIEDADE ATUAL
O GESTOR ESCOLAR E SUAS COMPETÊNCIAS NA SOCIEDADE ATUAL
 
O papel da escola e suas demandas sociais
O papel da escola e suas demandas sociaisO papel da escola e suas demandas sociais
O papel da escola e suas demandas sociais
 
1 slide de apresentação - unidade iii
1   slide de apresentação - unidade iii1   slide de apresentação - unidade iii
1 slide de apresentação - unidade iii
 
Plano de Gstão Escola au santo
Plano de Gstão Escola au santoPlano de Gstão Escola au santo
Plano de Gstão Escola au santo
 
PTE_Apresentacao_final_para_ler_o_mundo.pdf
PTE_Apresentacao_final_para_ler_o_mundo.pdfPTE_Apresentacao_final_para_ler_o_mundo.pdf
PTE_Apresentacao_final_para_ler_o_mundo.pdf
 
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas GEOGRAFIA
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas GEOGRAFIAProjeto ler e escrever compromisso de todas as áreas GEOGRAFIA
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas GEOGRAFIA
 
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas LÍNGUA ESTRANGEIRA
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas LÍNGUA ESTRANGEIRAProjeto ler e escrever compromisso de todas as áreas LÍNGUA ESTRANGEIRA
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas LÍNGUA ESTRANGEIRA
 
Projeto ler e escrever compromisso de todas as areas ciências
Projeto ler e escrever compromisso de todas as areas ciênciasProjeto ler e escrever compromisso de todas as areas ciências
Projeto ler e escrever compromisso de todas as areas ciências
 
Pnfem – slide do caderno II
Pnfem – slide do caderno IIPnfem – slide do caderno II
Pnfem – slide do caderno II
 
Projeto
ProjetoProjeto
Projeto
 
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas HISTÓRIA
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas HISTÓRIAProjeto ler e escrever compromisso de todas as áreas HISTÓRIA
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas HISTÓRIA
 
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas MATEMÁTICA
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas MATEMÁTICAProjeto ler e escrever compromisso de todas as áreas MATEMÁTICA
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas MATEMÁTICA
 
Educação para a vida :os formadores e a estrutura educativa
Educação para a vida :os formadores e a estrutura educativaEducação para a vida :os formadores e a estrutura educativa
Educação para a vida :os formadores e a estrutura educativa
 
Projeto de Intervenção
Projeto de IntervençãoProjeto de Intervenção
Projeto de Intervenção
 
AD 1 - Didática CEDERJ
AD 1 - Didática CEDERJAD 1 - Didática CEDERJ
AD 1 - Didática CEDERJ
 
Didatica ad1
Didatica   ad1Didatica   ad1
Didatica ad1
 
O professor de matematica e o conhecimento lógico matematico
O professor de  matematica e o conhecimento lógico matematicoO professor de  matematica e o conhecimento lógico matematico
O professor de matematica e o conhecimento lógico matematico
 
PPP - Escola Frei Antonio Sinibaldi, 2015
PPP - Escola Frei Antonio Sinibaldi, 2015PPP - Escola Frei Antonio Sinibaldi, 2015
PPP - Escola Frei Antonio Sinibaldi, 2015
 
Projeto Político Pedagógico Escola Ney Braga 2014
Projeto Político Pedagógico Escola Ney Braga 2014Projeto Político Pedagógico Escola Ney Braga 2014
Projeto Político Pedagógico Escola Ney Braga 2014
 
Inclusão nas escolas
Inclusão nas escolasInclusão nas escolas
Inclusão nas escolas
 

Último

Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja Mary Alvarenga
 
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresModelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresAna Isabel Correia
 
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na ÁfricaPeriodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na Áfricajuekfuek
 
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptx
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptxSlides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptx
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
nocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.ppt
nocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.pptnocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.ppt
nocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.pptElifabio Sobreira Pereira
 
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São PauloCurrículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Pauloririg29454
 
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)Centro Jacques Delors
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilMariaHelena293800
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfGisellySobral
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdfaulasgege
 
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)Centro Jacques Delors
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...WelitaDiaz1
 
Quando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
Quando a escola é de vidro, de Ruth RochaQuando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
Quando a escola é de vidro, de Ruth RochaREGIANELAURALOUREIRO1
 
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptxSlides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdfCarinaSofiaDiasBoteq
 
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfTema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfAnaAugustaLagesZuqui
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfKelly Mendes
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfAndersonW5
 

Último (20)

Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja
 
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresModelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
 
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na ÁfricaPeriodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
 
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptx
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptxSlides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptx
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptx
 
nocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.ppt
nocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.pptnocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.ppt
nocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.ppt
 
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São PauloCurrículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
 
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
 
Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
 
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
 
Quando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
Quando a escola é de vidro, de Ruth RochaQuando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
Quando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
 
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptxSlides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
 
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
 
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfTema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
 
662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica
 

A funcao social da escola - síntese

  • 1. 1 UNIFEOB - CENTRO UNIVERSITÁRIO DA FUNDAÇÃO DE ENSINO OCTÁVIO BASTOS CURSO DE HISTÓRIA Síntese A função social da escola Unidade de Estudo: Didática Módulo: 1 Professora: Márcia Belli Aluno: Johnny Ribeiro Barbosa - RA:611366 São João da Boa Vista , SP Março, 2014
  • 2. 2 Para ser direto e evitar assuntos repetitivos analisarei o texto de maneira simples e objetiva, citando alguns pontos e dando minha opinião a respeito dos tópicos mencionados. Prosseguindo, temos logo na introdução a seguinte citação: “A sociedade tem avançado em vários aspectos, e mais do que nunca é imprescindível que a escola acompanhe essas evoluções, que ela esteja conectada a essas transformações, falando a mesma língua, favorecendo o acesso ao conhecimento que é o assunto crucial a ser tratado neste trabalho.” A partir deste trecho, conseguimos visualizar o contexto principal do profissional que uma escola necessita, afinal, conforme mencionado e é de conhecimento geral, que a sociedade que nós vivemos avançou de uma forma muito brusca, principalmente nos últimos 10 anos, mais precisamente após a era F.H.C. Antes, investimentos na educação pública eram pífios e apesar de ter sido feito uma melhora no ensino, só se deu um grande passo na área da educação quando o governo decidiu governar para o povo, resultando em um maior investimento na área, aumentando a oferta de vagas nas escolas públicas de ensino fundamental, médio, superior e também nas escolas técnicas. E é nesse contexto que o professor entra, afinal, estamos fazendo parte de uma evolução e consequentemente temos que evoluir junto, ou não seremos bem sucedidos na profissão que escolhemos exercer. Prosseguindo, ainda na introdução: “... Qual é na verdade a função social da escola? A escola está realmente cumprindo ou procurando cumprir sua função, como agente de intervenção na sociedade?” Com base nas leis, podemos facilitar a compreensão do trecho acima citado: Constituição Federal 1988 - Artigo 205 “A educação, direito de todos e dever do Estado e da família, será promovida e incentivada com a colaboração da sociedade, visando ao pleno desenvolvimento da pessoa, seu preparo para o exercício da cidadania e sua qualificação para o trabalho”. A resposta sobre qual seria a Função Social da Escola já se mostra na página 07, a qual segue reprodução abaixo. "A escola é uma instituição social com objetivo explícito: o desenvolvimento das potencialidades físicas, cognitivas e afetivas dos alunos, por meio da aprendizagem dos conteúdos (conhecimentos, habilidades, procedimentos, atitudes, e valores) que, aliás, deve acontecer de maneira contextualizada desenvolvendo nos discentes a capacidade de tornarem-se cidadãos participativos na sociedade em que vivem."
  • 3. 3 Isso é o que deve ser feito, mas não é a realidade. Alguns alunos são matriculados nas instituições de ensino pelo seu responsável, e ali se encerra o vínculo familiar com a escola, permanecendo apenas o aluno dentro deste ciclo. A comunidade familiar deve compreender que deve participar ativamente do processo de escolar, não deixando que se pense que apenas a escola e o educador são responsáveis pelo processo de formação de um cidadão ativo.¹ Portanto, concluo este trecho com a seguinte afirmação: É dever da escola/educador trazer a comunidade para a instituição, ressaltando a importância da participação familiar na formação do aluno. Muitas pessoas não sabem o que se passa dentro da escola, da sala de aula, com seus próprios filhos. E muito menos imaginam que para se formar um cidadão pensativo capaz de questionar o mundo em que vivemos e colaborar com a evolução do nosso meio, não é possível apenas com a participação da escola. Sabemos que o tempo que a instituição dispõe para o aluno não é o suficiente, e creio ser dever da comunidade incentivar grupos de estudo e pesquisa fora da escola com a finalidade de complementar e facilitar o ato do ensino. Indo um pouco mais além, chegamos à: Ação do Gestor Escolar: "Um bom clima de trabalho, em que a direção contribua para conseguir o empenho de todos, em que os professores aceitem aprender com a experiência dos colegas." Um diploma não torna uma pessoa melhor que outra, mas a humildade em estar sempre aprendendo com as pessoas que estão ao seu redor, certamente lhe tornarão uma pessoa melhor no que faz. E quando um profissional que não tem a capacidade de se integrar com os demais, trocando ideias e informações que é o essencial para o aprendizado, o que esse formador tem para oferecer a sua classe? Se o que buscamos é uma socialização da turma de forma organizada, também temos que fazer o mesmo em nosso meio. Quanto a ação do gestor em si, o que se espera é que ele torne o ambiente agradável a todos, tomando as atitudes cabíveis ao seu cargo, oferecendo o que tem de melhor para que os professores, alunos e demais envolvidos possam fazer da escola um local agradável e que cumpra com seu dever para com a sociedade. Conclusão: Antes de apresentar conclusões precipitadas, devo ressaltar que o estudo do fator "escola" é feito de forma cautelosa. Quando analisamos o nível das instituições no nosso país vemos que cada estado/cidade se destaca em algo, seja positivo ou negativo, portanto não seria certo concluir com alguma resposta pronta.
  • 4. 4 Todos estados do Brasil tem que obedecer as regras impostas pelo governo federal, porém é de conhecimento de todos que as leis em sua maioria não são respeitadas. Cabe a nós, futuros professores nos juntarmos aos que já estão nessa caminhada e participar do processo de transformação da cultura escolar, lutando para que os direitos e deveres de cada parte seja cumprido. ¹ - Ressaltando que não podemos generalizar o assunto. Não existe escola "padrão", portanto quando se questiona se a instituição está cumprindo seu dever, deve-se analisar casos singulares.