Regimes alimentares

733 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
733
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
184
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
20
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Regimes alimentares

  1. 1. REGIMES ALIMENTARES (ALIMENTAÇÃO) A alimentação é uma função indispensável à vida. Cada animal consome um conjunto muito variado de alimentos a que damos o nome de regime alimentar. Os animais, tendo em conta o regime alimentar, são classificados em: 1- CARNÍVOROS (alimentam-se de outros animais). 2- OMNÍVOROS (alimentam-se de animais e plantas). 3-HERBÍVOROS A-Carnívoros B-Insectívoros C-Piscívoros D-Necrófagos E-Hematófagos (alimentam-se de plantas ou partes de plantas). F-Herbívoros G-Roedores H-Granívoros I-Frugívoros NOTA: Existem os detritívoros (minhoca, tainha) que se alimentam de restos de animais ou plantas. 1- CARNÍVOROS A-Carnívoros – São os que se alimentam em exclusivo de outros animais, geralmente de herbívoros. Ex. Leão – lobo – gato selvagem – raposa... Lobo
  2. 2. B-Insectívoros – São os que se alimentam de insectos. Ex. Morcego – aranha – tatu... Aranha C-Piscívoros – São os que se alimentam de peixes. Ex. Lontra – urso... Lontra D-Necrófagos – São os que se alimentam de cadáveres de animais. Ex. Abutre – chacal – hiena... NOTA-Contribuem para a limpeza do ecossistema uma vez que os animais mortos são foco de transmissão de doenças. Abutre E- Hematófagos – São os que alimentam de sangue do seu hospedeiro. Ex . Pulga 2-OMNÍVOROS São os que têm uma alimentação muito variada, que inclui substâncias vegetais e animais. Ex. Macaco – porco – homem... Macaco
  3. 3. 3- HERBÍVOROS F-Herbívoros – São os que se alimentam unicamente de plantas. Ex. Boi – cavalo – coelho... cavalo G-Roedores – São aqueles que se alimentam de ervas, frutos secos e sementes. Ex. Coelho – rato... Coelho H-Granívoros – São aqueles que se alimentam essencialmente de grãos ou sementes. Ex. Pombo – rato-espigueiro – galinha... Pombo I-Frugívoros – São os que se alimentam essencialmente de frutos. Ex. Esquilo – rato-dos-pomares... Esquilo CURIOSIDADES.  O elefante come diariamente um vigésimo do seu peso, o que pode andar na ordem dos 150kg de frutos, ervas, rebentos, raízes...  O urso formigueiro deita a língua de fora duas vezes por segundo sempre que encontra um formigueiro. De cada vez ficam agarradas mais de 20 formigas.
  4. 4. ADAPTAÇÕES DOS MAMÍFEROS AOS REGIMES ALIMENTARES (DENTES) Os animais têm várias adaptações, consoante o seu regime alimentar. A forma, a disposição e o tamanho dos dentes são uma dessas adaptações. Os dentes podem ser: 1. Incisivos – Prendem e cortam os alimentos. 2. Caninos – Rasgam os alimentos. 3. Molares – Trituram e moem os alimentos. NOTA: A dentição é completa quando tem os três tipos de dentes. É incompleta quando falta um dos tipos de dentes. OS CARNÍVOROS leão - Dentição completa. - Incisivos pequenos. - Caninos muito desenvolvidos, compridos e aguçados, próprios para rasgar a carne. - Molares pontiagudos para triturar a carne das presas. morcego OS INSECTÍVOROS - Dentição completa. - Todos os dentes igualmente desenvolvidos e pontiagudos, próprios para perfurar a quitina que reveste o corpo dos insectos.
  5. 5. OS OMNÍVOROS -Dentição completa. -Incisivos cortantes. -Caninos fortes e pontiagudos mas menos desenvolvidos que nos carnívoros. -Molares com cristas arredondadas para moer os alimentos. macaco OS HERBÍVOROS - Dentição incompleta. - Incisivos longos em forma de lâmina. - Normalmente, não têm caninos ou se os têm são muito pequenos. -Têm barra ou diastema – espaço vazio entre os incisivos e os molares. - Molares largos e com pregas para moer e triturar bem os alimentos. castor NOTA – Nos animais ruminantes (vaca, cabra...) os incisivos só existem no maxilar inferior.
  6. 6. ADAPTAÇÕES DAS AVES AOS REGIMES ALIMENTARES (BICOS E PATAS) As aves têm os bicos adaptados aos diferentes regimes alimentares. A forma das suas patas facilita a captura dos alimentos. AS AVES SÃO: 1. CARNÍVORAS 2. INSECTÍVORAS 3. GRANÍVORAS 1- CARNÍVORAS - Possuem o bico forte e curvo, em forma de gancho, próprio para despedaçar a presa. -Têm as patas fortes e com garras Águia bem desenvolvidas, que ajudam a capturar a presa. Ex. Águia – falcão – coruja... -Têm o bico largo e comprido próprio para filtrar a água e apanhar o peixe. - Possuem as patas com uma membrana gaivota interdigital o que lhe permite procurar o alimento na água. Ex. Pato – ganso – gaivota...
  7. 7. 2 – INSECTÍVORAS - Têm o bico comprido e fino para poderem apanhar os insectos que se encontram nas fendas. - Possuem as patas com dois dedos virados para a frente e outros dois para trás, o que permite melhor fixação. pica-pau Ex. Pica-pau – colibri... -Têm o bico forte e curto próprio para apanhar insectos em vôo. Ex. Pisco – andorinha... pisco 3- GRANÍVOROS - Possuem o bico curto, forte e cónico para poder apanhar e quebrar sementes. -Têm as patas adaptadas à marcha para poder procurar as sementes no solo. Ex. Pardal – pombo... tentilhão NOTA – Os corvos são aves omnívoras.
  8. 8. ATENÇÃO: Os répteis, anfíbios e peixes também têm uma alimentação carnívora, herbívora e omnívora. RECAPITULANDO
  9. 9. ETAPAS DO COMPORTAMENTO ALIMENTAR A busca e obtenção de alimentos desenrola-se segundo um conjunto de etapas: CARNÍVOROS – Atenção – descoberta – aproximação – captura – morte - consumo HERBÍVOROS – Deslocação – escolha – colheita – consumo. Exemplos: A chita tem duas técnicas de caça: 1ª - Caminha lentamente na planície em direcção à presa. Escolhe o animal e corre na sua direcção. Quando está junto dele, derruba-o com uma patada e aperta-lhe o pescoço com as mandíbulas até o sufocar. 2ª - Aproxima-se sem se mostrar e espera para fazer o ataque. Quando o animal se encontra perto, lança-se na sua perseguição. A Águia e o Falcão São duas aves de rapina que voam a grandes altitudes para procurar a sua presa. Assim que a avistam lançam-se em voo picado sobre ela e atacam de surpresa. Se a presa é outra ave, conseguem voar por cima, de lado ou por baixo sem que ela dê conta. (Conseguem avistar a presa a cerca de 1500m)
  10. 10. A Águia-pesqueira Para caçar, esta águia voa a baixa altitude rodando a cabeça para um lado e para o outro para procurar a presa. Quando a encontra, pára sobre o local, estende as patas e mergulha. Volta à superfície, já com a presa, e procura um local para a comer. A Cobra-cascavel Este tipo de cobra consegue detectar a presa, mesmo sem a ver, graças a dois órgãos, situados entre os olhos e as narinas, sensíveis ao calor libertado pelo corpo da presa. Quando a presa está perto a cobra levanta a cabeça, morde-a e injecta-lhe o veneno que lhe provoca a morte. A Aranha Ao contrário dos outros animais, a aranha não precisa procurar o alimento. Depois de tecer a teia fica à espera que a presa caia na armadilha.
  11. 11. O morcego O morcego desloca-se na escuridão para capturar a sua presa. Ele tem a capacidade de emitir sons que os humanos não ouvem – ultra-sons – e que ao chocarem no obstáculo lhe permitem saber o que é e a que distância está. CURIOSIDADES O lince é um animal muito astuto, caça as suas presas de noite imobilizando-as e partindo-lhe a coluna vertebral ao nível do pescoço.

×