Importância do ar para os seres vivos

1.929 visualizações

Publicada em

0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.929
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
237
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
46
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Importância do ar para os seres vivos

  1. 1. IMPORTÂNCIA DO AR PARA OS SERES VIVOS ATMOSFERA – Camada gasosa que envolve a Terra e da qual faz parte o ar. É importante porque: É ela que tem os gases necessários para os seres vivos respirarem. Protege a Terra das radiações solares. Evita as altas temperaturas durante o dia e as baixas temperaturas de noite. Protege a Terra dos choques com outros astros. Hoje, e devido às informações recolhidas pelos satélites já é possível saber que a Atmosfera está dividida em quatro camadas: 1- TERMOSFERA- É a camada externa da Atmosfera. (100 Km) 2- MESOSFERA – É a camada formada por nuvens de gelo e poeiras. Aqui, os meteoritos que caem na Terra, ao passarem ficam em chama. (40 a 50 Km) 3- ESTRATOSFERA – É a camada onde está o ozono, que impede as radiações ultravioletas do Sol. (30/35 Km) 4- TROPOSFERA – Camada que fica mais perto da Terra e onde se dão todos os fenómenos meteorológicos. (15 Km)
  2. 2. MAIS INFORMAÇÃO O VENTO – É o ar em movimento. Ele forma-se quando existe o aquecimento de uma determinada zona: O ar ao aquecer sobe, porque pesa menos que o ar frio. Ao subir deixa um espaço vazio. O ar frio de outras zonas vem rapidamente ocupar esse espaço, formando-se assim o vento. PROPRIEDADES DO AR
  3. 3. CONCLUSÃO O ar tem peso. O ar ocupa espaço O ar é compressível e elástico. O ar tem forma variável. O ar tem pressão atmosférica. O ar é incolor, insípido e inodoro.
  4. 4. CONSTITUIÇÃO DO AR Depois de algumas experiências feitas pelos cientistas, chegou-se à conclusão que o ar é formado por: 2 1 3 COMBUSTÕES Alguns dos constituintes do ar fazem com que certas substâncias ardam. Quando passamos um fósforo pela lixa da caixa, ele arde. Ao arder, o fósforo está a sofrer uma transformação, ou seja, algumas substâncias que o formam estão a ser alteradas, dando origem a outras. Está a ocorrer uma combustão. COMBUSTÃO – Acto de arder ou queimar. Sempre que existem alterações ou transformações de determinados materiais. SABIAS QUE … … Para haver uma combustão é necessário: Uma substância que arda – COMBUSTÍVEL
  5. 5. Uma substância que permita a combustão – COMBURENTE Uma boa temperatura que permita a inflamação do combustível. COMBURENTE TRIÂNGULO DO FOGO TEMPERATURA COMBUSTÍVEL ADEQUADA …O que resulta da combustão é: Produção de energia (calor e luz). Dióxido de carbono. Vapor de água. NOTA Há substâncias combustíveis e incombustíveis. São as substâncias que ardem. São as substâncias que não ardem (gasolina, madeira, roupa…) (vidro, ferro…) PROPRIEDADES DOS GASES QUE CONSTITUEM O AR Depois de sabermos que o ar é constituído por: AZOTO – 78% OXIGÉNIO – 21% DIÓXIDO DE CARBONO + VAPOR DE ÁGUA E OUTROS GASES-1% vamos estudar as propriedades de cada um deles:
  6. 6. IMPORTÂNCIA DOS GASES ATMOSFÉRICOS Além de ser um bem indispensável à vida dos seres vivos, o ar ou alguns dos gases que o constituem são utilizados nas mais variadas actividades: desporto, medicina, indústria, agricultura, transportes… OXIGÉNIO - Gás com uma importância muito grande na respiração. Pode ainda ser utilizado noutras situações: NA MEDICINA – Usa-se em doentes com problemas respiratórios, na reanimação de doentes e na água-oxigenada para desinfectar feridas matando os micróbios. NA INDÚSTRIA – Usa-se nas fundições para acelerar as combustões, nos aparelhos de soldar… NO DESPORTO – Usa-se na pesca e nas investigações submarinas. NOS TRANSPORTES – Usa-se nos voos de grande altitude e voos espaciais. DIÓXIDO DE CARBONO – Gás com uma importância muito grande na respiração das plantas. Utiliza-se: NA INDÚSTRIA – Usa-se para fazer neve carbónica (extintores), no fabrico de aerossóis e de bebidas gaseificadas.
  7. 7. AZOTO - É o gás mais abundante no ar. Tem várias aplicações: NA AGRICULTURA – Usa-se no fabrico de fertilizantes para o solo. NA INDÚSTRIA – É usado na refrigeração dos alimentos, no fabrico de amoníaco e de explosivos. NA MEDICINA – É usado na congelação de células e intervenções cirúrgicas. POLUIÇÃO DO AR Fumos produzidos pelos motores dos automóveis e motas. Fumos produzidos pelas fábricas. Queima de lixos. As centrais térmicas quando queimam os seus produtos. Acidentes nas centrais nucleares. 1 – Chuvas Ácidas – Algumas indústrias deitam na atmosfera produtos poluentes que reagem entre si e se dissolvem na água da chuva, tornando-a mais ácida. Provocam - Morte de plantas. - Destruição de monumentos. - Destruição de peixes e outros seres vivos. - Contaminação dos solos.
  8. 8. 2 – Efeito Estufa – A grande acumulação de gases na atmosfera, principalmente dióxido de carbono, impede a saída do calor do Sol para o espaço, fazendo com que a temperatura na Terra aumente. Provoca – Morte de muitos seres vivos. - Fusão do gelo nos pólos. - Subida da água dos mares. 3 – Destruição da Camada do Ozono – Provocada pela grande quantidade de gases que se vão libertando para a atmosfera. Esses gases vêm dos sprays, dos frigoríficos, do ar condicionado… NOTA – Ozono (Gás que nos protege das radiações dos raios solares) Provoca – Morte de muitos seres vivos. -Aparecimento de doenças de pele. 4 – Destruição do Organismo Humano – Provocada pela grande quantidade de gases poluentes que são libertados na atmosfera. Os gases dos automóveis, das indústrias… EVITAR A POLUIÇÃO Utilizar energias do sol, vento, marés… Descobrir combustíveis que não poluam. Criar mais zonas verdes. Instalar equipamentos antipoluição nas fábricas. Combater os fogos.

×