SlideShare uma empresa Scribd logo

Sentido da Vida

Filosofia

Sentido da Vida

1 de 13
Baixar para ler offline
Sentido da Vida
 O sentido da vida é um tema obscuro, e 
no entanto central para a filosofia. 
Frequentemente associada à questão de 
os seres humanos fazerem parte de um 
desígnio mais vasto ou divino, a pergunta 
"qual é o sentido da vida?" parece pedir 
uma resposta religiosa. No entanto, 
grande parte das discussões filosóficas 
questiona a necessidade desta 
associação.
 A atenção dedicada à morte parece muitas vezes 
tornar a questão do sentido da vida problemática, 
mas não é óbvio que a imortalidade pudesse fazer a 
diferença entre o sentido e a sua ausência. Também 
é possível virar as costas à questão do sentido 
cósmico e procurar um sentido para a vida noutro 
lugar.
Sentido da Vida
 Mary Roberts, uma escritora norte-americana, afirmava: 
“um pouco de trabalho, um pouco de sono, um pouco 
de amor, e tudo acabou.“ 
 William Colton, um político de Nova York, uma vez 
disse: “a alma vive aqui como numa prisão e é liberta 
apenas pela morte.”
 Charles Chaplin: “A vida é uma peça de teatro que 
não permite ensaios. Por isso cante, dance, ria e 
viva intensamente cada minuto de sua vida, antes 
que a cortina se feche e a peça termine sem 
aplausos.” 
 Paulo, apóstolo de Jesus, escreveu: “Portanto, para 
mim o viver é Cristo”

Recomendados

O sentido da vida
O sentido da vidaO sentido da vida
O sentido da vidaguest429ba0
 
Palestra: O Verdadeiro Sentido Da Vida
Palestra: O Verdadeiro Sentido Da VidaPalestra: O Verdadeiro Sentido Da Vida
Palestra: O Verdadeiro Sentido Da VidaJulio Machado
 
O verdadeiro sentido da vida
O verdadeiro sentido da vidaO verdadeiro sentido da vida
O verdadeiro sentido da vidaIpb Ananindeua
 
O Sentido da Vida
O Sentido da VidaO Sentido da Vida
O Sentido da Vida-
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (20)

O SENTIDO DA VIDA
O SENTIDO DA VIDAO SENTIDO DA VIDA
O SENTIDO DA VIDA
 
AUTOCONHECIMENTO X AUTOESTIMA
AUTOCONHECIMENTO X AUTOESTIMAAUTOCONHECIMENTO X AUTOESTIMA
AUTOCONHECIMENTO X AUTOESTIMA
 
O Sentido Da Vida
O Sentido Da VidaO Sentido Da Vida
O Sentido Da Vida
 
A melhor escolha.
A melhor escolha.A melhor escolha.
A melhor escolha.
 
Conviver é preciso
Conviver é precisoConviver é preciso
Conviver é preciso
 
Valorização da vida - Wilma Badan CG
Valorização da vida - Wilma Badan CGValorização da vida - Wilma Badan CG
Valorização da vida - Wilma Badan CG
 
Palestra depressão uma visão espírita - palestra resumida2
Palestra depressão  uma visão espírita - palestra resumida2Palestra depressão  uma visão espírita - palestra resumida2
Palestra depressão uma visão espírita - palestra resumida2
 
Autoconhecimento
AutoconhecimentoAutoconhecimento
Autoconhecimento
 
Pai Nosso - Instituto Espírita de Educação
Pai Nosso - Instituto Espírita de EducaçãoPai Nosso - Instituto Espírita de Educação
Pai Nosso - Instituto Espírita de Educação
 
Juventude!
Juventude!Juventude!
Juventude!
 
Amor
AmorAmor
Amor
 
Caridade
Caridade  Caridade
Caridade
 
SERÁ QUE NOS CONHECEMOS?
SERÁ QUE NOS CONHECEMOS?SERÁ QUE NOS CONHECEMOS?
SERÁ QUE NOS CONHECEMOS?
 
Amar - O Maior Mandamento
Amar - O Maior MandamentoAmar - O Maior Mandamento
Amar - O Maior Mandamento
 
Palestra feliz ano novo
Palestra feliz ano novoPalestra feliz ano novo
Palestra feliz ano novo
 
Jugo leve
Jugo leveJugo leve
Jugo leve
 
A lei de amor ppt
A lei de amor pptA lei de amor ppt
A lei de amor ppt
 
Tolerancia e-respeito
Tolerancia e-respeitoTolerancia e-respeito
Tolerancia e-respeito
 
O Espiritismo e o Dia das Mães
O Espiritismo e o Dia das MãesO Espiritismo e o Dia das Mães
O Espiritismo e o Dia das Mães
 
Conhece te a ti mesmo
Conhece te a ti mesmoConhece te a ti mesmo
Conhece te a ti mesmo
 

Destaque

Apresentação Encontro de Casais com Cristo
Apresentação Encontro de Casais com CristoApresentação Encontro de Casais com Cristo
Apresentação Encontro de Casais com Cristopsaocamilo
 
O casal cristão_no_mundo_de_hoje_2
O casal cristão_no_mundo_de_hoje_2O casal cristão_no_mundo_de_hoje_2
O casal cristão_no_mundo_de_hoje_2Presentepravoce SOS
 
Cartaz - Exposição/Feira de Presépios - Casa Episcopal de Viseu
Cartaz -  Exposição/Feira de Presépios - Casa Episcopal de ViseuCartaz -  Exposição/Feira de Presépios - Casa Episcopal de Viseu
Cartaz - Exposição/Feira de Presépios - Casa Episcopal de ViseuSandra Figueiredo
 
Emrc_ viseu_Viver em grupo é... 5º ano ul 1
Emrc_ viseu_Viver em grupo é...  5º ano ul 1Emrc_ viseu_Viver em grupo é...  5º ano ul 1
Emrc_ viseu_Viver em grupo é... 5º ano ul 1Sandra Figueiredo
 
Camping in rio.oficial 2
Camping in rio.oficial 2Camping in rio.oficial 2
Camping in rio.oficial 2Paulo Barbosa
 
EMRC _ Divulgação 1º ciclo
 EMRC _ Divulgação 1º ciclo EMRC _ Divulgação 1º ciclo
EMRC _ Divulgação 1º cicloSandra Figueiredo
 
O que se faz durante a missa
O que se faz durante a missaO que se faz durante a missa
O que se faz durante a missaDaísa De Negri
 
Afilhados da Avomacc -ASSOCIAÇÃO VOLUNTÁRIA DE MÃES E CRIANÇAS CARENCIADAS
Afilhados da Avomacc -ASSOCIAÇÃO VOLUNTÁRIA DE MÃES E CRIANÇAS CARENCIADASAfilhados da Avomacc -ASSOCIAÇÃO VOLUNTÁRIA DE MÃES E CRIANÇAS CARENCIADAS
Afilhados da Avomacc -ASSOCIAÇÃO VOLUNTÁRIA DE MÃES E CRIANÇAS CARENCIADASSandra Figueiredo
 

Destaque (20)

Apresentação Encontro de Casais com Cristo
Apresentação Encontro de Casais com CristoApresentação Encontro de Casais com Cristo
Apresentação Encontro de Casais com Cristo
 
Familia e espiritualidade
Familia e espiritualidadeFamilia e espiritualidade
Familia e espiritualidade
 
Ecc historia
Ecc historiaEcc historia
Ecc historia
 
Diálogo com os_filhos_ecc
Diálogo com os_filhos_eccDiálogo com os_filhos_ecc
Diálogo com os_filhos_ecc
 
O casal cristão_no_mundo_de_hoje_2
O casal cristão_no_mundo_de_hoje_2O casal cristão_no_mundo_de_hoje_2
O casal cristão_no_mundo_de_hoje_2
 
Coma os morangos
Coma os morangosComa os morangos
Coma os morangos
 
Carregue a sua_cruz
Carregue a sua_cruzCarregue a sua_cruz
Carregue a sua_cruz
 
Oração conjugal ens
Oração conjugal ensOração conjugal ens
Oração conjugal ens
 
O plano de deus (2)
O plano de deus (2)O plano de deus (2)
O plano de deus (2)
 
O Plano de Deus - ECC - Texto
O Plano de Deus - ECC - TextoO Plano de Deus - ECC - Texto
O Plano de Deus - ECC - Texto
 
O Plano de Deus - ECC
O Plano de Deus - ECCO Plano de Deus - ECC
O Plano de Deus - ECC
 
Dinâmica das garrafas_vazias
Dinâmica das garrafas_vaziasDinâmica das garrafas_vazias
Dinâmica das garrafas_vazias
 
Cartaz - Exposição/Feira de Presépios - Casa Episcopal de Viseu
Cartaz -  Exposição/Feira de Presépios - Casa Episcopal de ViseuCartaz -  Exposição/Feira de Presépios - Casa Episcopal de Viseu
Cartaz - Exposição/Feira de Presépios - Casa Episcopal de Viseu
 
Emrc_ viseu_Viver em grupo é... 5º ano ul 1
Emrc_ viseu_Viver em grupo é...  5º ano ul 1Emrc_ viseu_Viver em grupo é...  5º ano ul 1
Emrc_ viseu_Viver em grupo é... 5º ano ul 1
 
Dinamicas emrc
Dinamicas emrcDinamicas emrc
Dinamicas emrc
 
Guiao rapazpijama
Guiao rapazpijamaGuiao rapazpijama
Guiao rapazpijama
 
Camping in rio.oficial 2
Camping in rio.oficial 2Camping in rio.oficial 2
Camping in rio.oficial 2
 
EMRC _ Divulgação 1º ciclo
 EMRC _ Divulgação 1º ciclo EMRC _ Divulgação 1º ciclo
EMRC _ Divulgação 1º ciclo
 
O que se faz durante a missa
O que se faz durante a missaO que se faz durante a missa
O que se faz durante a missa
 
Afilhados da Avomacc -ASSOCIAÇÃO VOLUNTÁRIA DE MÃES E CRIANÇAS CARENCIADAS
Afilhados da Avomacc -ASSOCIAÇÃO VOLUNTÁRIA DE MÃES E CRIANÇAS CARENCIADASAfilhados da Avomacc -ASSOCIAÇÃO VOLUNTÁRIA DE MÃES E CRIANÇAS CARENCIADAS
Afilhados da Avomacc -ASSOCIAÇÃO VOLUNTÁRIA DE MÃES E CRIANÇAS CARENCIADAS
 

Semelhante a Sentido da Vida

O InefáVel Sentido Da Vida
O InefáVel Sentido Da VidaO InefáVel Sentido Da Vida
O InefáVel Sentido Da VidaJNR
 
AD1 - 1 BIMESTRE - 3 ANO
AD1 - 1 BIMESTRE - 3 ANOAD1 - 1 BIMESTRE - 3 ANO
AD1 - 1 BIMESTRE - 3 ANOVictor França
 
Morte Filos ApresentaçãO
Morte Filos ApresentaçãOMorte Filos ApresentaçãO
Morte Filos ApresentaçãOelvira.sequeira
 
E por falar_em_vida
E por falar_em_vidaE por falar_em_vida
E por falar_em_vidaArmin Caldas
 
E por falar_em_vida
E por falar_em_vidaE por falar_em_vida
E por falar_em_vidaAna Maria
 
AUGUSTO CURY - O Mestre Inesquecivel.pdf
AUGUSTO CURY - O Mestre Inesquecivel.pdfAUGUSTO CURY - O Mestre Inesquecivel.pdf
AUGUSTO CURY - O Mestre Inesquecivel.pdfVIEIRA RESENDE
 
PALESTRA VIVER VALE A PENA.pdf
PALESTRA VIVER VALE A PENA.pdfPALESTRA VIVER VALE A PENA.pdf
PALESTRA VIVER VALE A PENA.pdfWennderTharso
 
Ensaio sobre o suicídio uma reflexão sobre a vida
Ensaio sobre o suicídio   uma reflexão sobre a vidaEnsaio sobre o suicídio   uma reflexão sobre a vida
Ensaio sobre o suicídio uma reflexão sobre a vidacatarina spagnol
 
Solidão trabalho de sociologia
Solidão trabalho de sociologiaSolidão trabalho de sociologia
Solidão trabalho de sociologiaEASYMATICA
 
Solidão trabalho de sociologia
Solidão trabalho de sociologiaSolidão trabalho de sociologia
Solidão trabalho de sociologiaEASYMATICA
 
Filosofia trabalhoformkt2007modif
Filosofia trabalhoformkt2007modifFilosofia trabalhoformkt2007modif
Filosofia trabalhoformkt2007modifJean Bartoli
 

Semelhante a Sentido da Vida (20)

O InefáVel Sentido Da Vida
O InefáVel Sentido Da VidaO InefáVel Sentido Da Vida
O InefáVel Sentido Da Vida
 
O InefáVel Sentido Da Vida
O InefáVel Sentido Da VidaO InefáVel Sentido Da Vida
O InefáVel Sentido Da Vida
 
AD1 - 1 BIMESTRE - 3 ANO
AD1 - 1 BIMESTRE - 3 ANOAD1 - 1 BIMESTRE - 3 ANO
AD1 - 1 BIMESTRE - 3 ANO
 
Morte Filos ApresentaçãO
Morte Filos ApresentaçãOMorte Filos ApresentaçãO
Morte Filos ApresentaçãO
 
Revista Grito de Alerta -Tema Suicídio.
Revista Grito de Alerta -Tema Suicídio.Revista Grito de Alerta -Tema Suicídio.
Revista Grito de Alerta -Tema Suicídio.
 
E por falar em vida
E por falar em vidaE por falar em vida
E por falar em vida
 
E por falar_em_vida
E por falar_em_vidaE por falar_em_vida
E por falar_em_vida
 
E por falar_em_vida
E por falar_em_vidaE por falar_em_vida
E por falar_em_vida
 
E por falar em vida
E por falar em vidaE por falar em vida
E por falar em vida
 
E por falar em vida
E por falar em vidaE por falar em vida
E por falar em vida
 
E por falar em vida
E por falar em vidaE por falar em vida
E por falar em vida
 
E por falar em vida
E por falar em vidaE por falar em vida
E por falar em vida
 
AUGUSTO CURY - O Mestre Inesquecivel.pdf
AUGUSTO CURY - O Mestre Inesquecivel.pdfAUGUSTO CURY - O Mestre Inesquecivel.pdf
AUGUSTO CURY - O Mestre Inesquecivel.pdf
 
PALESTRA VIVER VALE A PENA.pdf
PALESTRA VIVER VALE A PENA.pdfPALESTRA VIVER VALE A PENA.pdf
PALESTRA VIVER VALE A PENA.pdf
 
Solidão
SolidãoSolidão
Solidão
 
Ensaio sobre o suicídio uma reflexão sobre a vida
Ensaio sobre o suicídio   uma reflexão sobre a vidaEnsaio sobre o suicídio   uma reflexão sobre a vida
Ensaio sobre o suicídio uma reflexão sobre a vida
 
Solidão trabalho de sociologia
Solidão trabalho de sociologiaSolidão trabalho de sociologia
Solidão trabalho de sociologia
 
Solidão trabalho de sociologia
Solidão trabalho de sociologiaSolidão trabalho de sociologia
Solidão trabalho de sociologia
 
Clinica psicanalitica julho 2010
Clinica psicanalitica julho 2010Clinica psicanalitica julho 2010
Clinica psicanalitica julho 2010
 
Filosofia trabalhoformkt2007modif
Filosofia trabalhoformkt2007modifFilosofia trabalhoformkt2007modif
Filosofia trabalhoformkt2007modif
 

Mais de João Marcelo

A Idade Média e o Feudalismo
A Idade Média e o FeudalismoA Idade Média e o Feudalismo
A Idade Média e o FeudalismoJoão Marcelo
 
Plano de curso sociologia 1 ano
Plano de curso  sociologia 1 anoPlano de curso  sociologia 1 ano
Plano de curso sociologia 1 anoJoão Marcelo
 
Plano de curso historia 1 ano 2015
Plano de curso   historia 1 ano 2015Plano de curso   historia 1 ano 2015
Plano de curso historia 1 ano 2015João Marcelo
 
Projeto de pesquisa - Os Impactos causados pela Independência do Brasil
Projeto de pesquisa - Os Impactos causados pela Independência do BrasilProjeto de pesquisa - Os Impactos causados pela Independência do Brasil
Projeto de pesquisa - Os Impactos causados pela Independência do BrasilJoão Marcelo
 
Relatório de estagio
Relatório de estagioRelatório de estagio
Relatório de estagioJoão Marcelo
 
Interpretação de imagens
Interpretação de imagensInterpretação de imagens
Interpretação de imagensJoão Marcelo
 
Racionalismo (revisão)
Racionalismo (revisão)Racionalismo (revisão)
Racionalismo (revisão)João Marcelo
 
Revisão - Filosofia 1 ano (2º Bimestre)
Revisão - Filosofia 1 ano (2º Bimestre)Revisão - Filosofia 1 ano (2º Bimestre)
Revisão - Filosofia 1 ano (2º Bimestre)João Marcelo
 
Geografia - Os climas do brasil
Geografia - Os climas do brasilGeografia - Os climas do brasil
Geografia - Os climas do brasilJoão Marcelo
 
Revisão – filosofia 2º bimestre (3º Ano)
Revisão – filosofia 2º bimestre (3º Ano)Revisão – filosofia 2º bimestre (3º Ano)
Revisão – filosofia 2º bimestre (3º Ano)João Marcelo
 
Grécia antiga - Revisão com imagens
Grécia antiga - Revisão com imagensGrécia antiga - Revisão com imagens
Grécia antiga - Revisão com imagensJoão Marcelo
 
Resumo - Uma viagem pela história do Brasil
Resumo - Uma viagem pela história do BrasilResumo - Uma viagem pela história do Brasil
Resumo - Uma viagem pela história do BrasilJoão Marcelo
 
Globalização, indústria cultural e consumismo
Globalização, indústria cultural e consumismoGlobalização, indústria cultural e consumismo
Globalização, indústria cultural e consumismoJoão Marcelo
 
Independencia do Brasil
Independencia do BrasilIndependencia do Brasil
Independencia do BrasilJoão Marcelo
 
Vinda da família real para o brasil
Vinda da família real para o brasilVinda da família real para o brasil
Vinda da família real para o brasilJoão Marcelo
 
Religião e cultura no brasil colonial
Religião e cultura no brasil colonialReligião e cultura no brasil colonial
Religião e cultura no brasil colonialJoão Marcelo
 

Mais de João Marcelo (20)

A Idade Média e o Feudalismo
A Idade Média e o FeudalismoA Idade Média e o Feudalismo
A Idade Média e o Feudalismo
 
Plano de curso sociologia 1 ano
Plano de curso  sociologia 1 anoPlano de curso  sociologia 1 ano
Plano de curso sociologia 1 ano
 
Plano de curso historia 1 ano 2015
Plano de curso   historia 1 ano 2015Plano de curso   historia 1 ano 2015
Plano de curso historia 1 ano 2015
 
Projeto de pesquisa - Os Impactos causados pela Independência do Brasil
Projeto de pesquisa - Os Impactos causados pela Independência do BrasilProjeto de pesquisa - Os Impactos causados pela Independência do Brasil
Projeto de pesquisa - Os Impactos causados pela Independência do Brasil
 
Relatório de estagio
Relatório de estagioRelatório de estagio
Relatório de estagio
 
Interpretação de imagens
Interpretação de imagensInterpretação de imagens
Interpretação de imagens
 
Racionalismo (revisão)
Racionalismo (revisão)Racionalismo (revisão)
Racionalismo (revisão)
 
Revisão - Filosofia 1 ano (2º Bimestre)
Revisão - Filosofia 1 ano (2º Bimestre)Revisão - Filosofia 1 ano (2º Bimestre)
Revisão - Filosofia 1 ano (2º Bimestre)
 
Geografia - Os climas do brasil
Geografia - Os climas do brasilGeografia - Os climas do brasil
Geografia - Os climas do brasil
 
Revisão – filosofia 2º bimestre (3º Ano)
Revisão – filosofia 2º bimestre (3º Ano)Revisão – filosofia 2º bimestre (3º Ano)
Revisão – filosofia 2º bimestre (3º Ano)
 
Grécia antiga - Revisão com imagens
Grécia antiga - Revisão com imagensGrécia antiga - Revisão com imagens
Grécia antiga - Revisão com imagens
 
Resumo - Uma viagem pela história do Brasil
Resumo - Uma viagem pela história do BrasilResumo - Uma viagem pela história do Brasil
Resumo - Uma viagem pela história do Brasil
 
Globalização, indústria cultural e consumismo
Globalização, indústria cultural e consumismoGlobalização, indústria cultural e consumismo
Globalização, indústria cultural e consumismo
 
Independencia do Brasil
Independencia do BrasilIndependencia do Brasil
Independencia do Brasil
 
Ideologia
IdeologiaIdeologia
Ideologia
 
Vinda da família real para o brasil
Vinda da família real para o brasilVinda da família real para o brasil
Vinda da família real para o brasil
 
Lógica
LógicaLógica
Lógica
 
Movimentos sociais
Movimentos sociaisMovimentos sociais
Movimentos sociais
 
Religião e cultura no brasil colonial
Religião e cultura no brasil colonialReligião e cultura no brasil colonial
Religião e cultura no brasil colonial
 
Propriedade Privada
Propriedade PrivadaPropriedade Privada
Propriedade Privada
 

Último

Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaQuiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaCentro Jacques Delors
 
O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!
O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!
O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!Psyc company
 
2024 Tec Subsequente em Adm Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolog...
2024 Tec Subsequente em Adm Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolog...2024 Tec Subsequente em Adm Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolog...
2024 Tec Subsequente em Adm Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolog...pj989014
 
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba InicialDomínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba InicialTeresaCosta92
 
COMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIA
COMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIACOMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIA
COMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIAHisrelBlog
 
MAPA - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
MAPA - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024MAPA - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
MAPA - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024excellenceeducaciona
 
LUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGO
LUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGOLUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGO
LUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGOxogilo3990
 
Slides Lição 8, CPAD, A Disciplina na Igreja, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA TV.pptx
Slides Lição 8, CPAD, A Disciplina na Igreja, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA TV.pptxSlides Lição 8, CPAD, A Disciplina na Igreja, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA TV.pptx
Slides Lição 8, CPAD, A Disciplina na Igreja, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA TV.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdfCosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdfalexandrerodriguespk
 
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 9º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 9º ANO.pdfPLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 9º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 9º ANO.pdfkeiciany
 
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...azulassessoriaacadem3
 
Introdução à teoria do cinema - Robert Stam.pdf
Introdução à teoria do cinema - Robert Stam.pdfIntrodução à teoria do cinema - Robert Stam.pdf
Introdução à teoria do cinema - Robert Stam.pdfssuser2af87a
 
A realização das atividades extensionistas do CST em Gestão Financeira, vincu...
A realização das atividades extensionistas do CST em Gestão Financeira, vincu...A realização das atividades extensionistas do CST em Gestão Financeira, vincu...
A realização das atividades extensionistas do CST em Gestão Financeira, vincu...Colaborar Educacional
 
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 8º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 8º ANO.pdfPLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 8º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 8º ANO.pdfkeiciany
 
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdfCOSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdfalexandrerodriguespk
 
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 7º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 7º ANO.pdfPLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 7º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 7º ANO.pdfkeiciany
 
PLANEJAMENTO ANUAL LINGUA ESPANHOLA 2024 3 ANOS PRONTO.docx
PLANEJAMENTO ANUAL LINGUA ESPANHOLA 2024 3 ANOS PRONTO.docxPLANEJAMENTO ANUAL LINGUA ESPANHOLA 2024 3 ANOS PRONTO.docx
PLANEJAMENTO ANUAL LINGUA ESPANHOLA 2024 3 ANOS PRONTO.docxfran50171
 
1° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
1° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf1° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
1° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdfkelvindasilvadiasw
 
Apresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdf
Apresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdfApresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdf
Apresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdfAndreiaSilva852193
 
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdfkelvindasilvadiasw
 

Último (20)

Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaQuiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
 
O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!
O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!
O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!
 
2024 Tec Subsequente em Adm Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolog...
2024 Tec Subsequente em Adm Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolog...2024 Tec Subsequente em Adm Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolog...
2024 Tec Subsequente em Adm Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolog...
 
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba InicialDomínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba Inicial
 
COMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIA
COMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIACOMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIA
COMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIA
 
MAPA - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
MAPA - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024MAPA - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
MAPA - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
 
LUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGO
LUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGOLUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGO
LUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGO
 
Slides Lição 8, CPAD, A Disciplina na Igreja, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA TV.pptx
Slides Lição 8, CPAD, A Disciplina na Igreja, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA TV.pptxSlides Lição 8, CPAD, A Disciplina na Igreja, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA TV.pptx
Slides Lição 8, CPAD, A Disciplina na Igreja, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA TV.pptx
 
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdfCosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
 
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 9º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 9º ANO.pdfPLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 9º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 9º ANO.pdf
 
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
 
Introdução à teoria do cinema - Robert Stam.pdf
Introdução à teoria do cinema - Robert Stam.pdfIntrodução à teoria do cinema - Robert Stam.pdf
Introdução à teoria do cinema - Robert Stam.pdf
 
A realização das atividades extensionistas do CST em Gestão Financeira, vincu...
A realização das atividades extensionistas do CST em Gestão Financeira, vincu...A realização das atividades extensionistas do CST em Gestão Financeira, vincu...
A realização das atividades extensionistas do CST em Gestão Financeira, vincu...
 
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 8º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 8º ANO.pdfPLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 8º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 8º ANO.pdf
 
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdfCOSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
 
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 7º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 7º ANO.pdfPLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 7º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 7º ANO.pdf
 
PLANEJAMENTO ANUAL LINGUA ESPANHOLA 2024 3 ANOS PRONTO.docx
PLANEJAMENTO ANUAL LINGUA ESPANHOLA 2024 3 ANOS PRONTO.docxPLANEJAMENTO ANUAL LINGUA ESPANHOLA 2024 3 ANOS PRONTO.docx
PLANEJAMENTO ANUAL LINGUA ESPANHOLA 2024 3 ANOS PRONTO.docx
 
1° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
1° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf1° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
1° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
 
Apresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdf
Apresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdfApresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdf
Apresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdf
 
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
 

Sentido da Vida

  • 2.  O sentido da vida é um tema obscuro, e no entanto central para a filosofia. Frequentemente associada à questão de os seres humanos fazerem parte de um desígnio mais vasto ou divino, a pergunta "qual é o sentido da vida?" parece pedir uma resposta religiosa. No entanto, grande parte das discussões filosóficas questiona a necessidade desta associação.
  • 3.  A atenção dedicada à morte parece muitas vezes tornar a questão do sentido da vida problemática, mas não é óbvio que a imortalidade pudesse fazer a diferença entre o sentido e a sua ausência. Também é possível virar as costas à questão do sentido cósmico e procurar um sentido para a vida noutro lugar.
  • 5.  Mary Roberts, uma escritora norte-americana, afirmava: “um pouco de trabalho, um pouco de sono, um pouco de amor, e tudo acabou.“  William Colton, um político de Nova York, uma vez disse: “a alma vive aqui como numa prisão e é liberta apenas pela morte.”
  • 6.  Charles Chaplin: “A vida é uma peça de teatro que não permite ensaios. Por isso cante, dance, ria e viva intensamente cada minuto de sua vida, antes que a cortina se feche e a peça termine sem aplausos.”  Paulo, apóstolo de Jesus, escreveu: “Portanto, para mim o viver é Cristo”
  • 8.  Alan Watts, um filósofo inglês, afirmou: “O sentido da vida é estar vivo. É tão claro, tão óbvio e tão simples. Mesmo assim, todo mundo não para de correr em pânico, como se fosse necessário conseguir alguma coisa além de si próprio.”  Douglas R. Campbel, um juiz canadense, disse: “Viver é um corredor empoeirado, fechado de ambos os lados.”
  • 10.  Duas condições são básicas para um sentido à vida. Primeiramente não aceitar a pressão social para um sentido padronizado da vida. Cada um de nós é um indivíduo e, por isso, singular. Cada um tem sua particularidade, gostos, opções... E a construção vital deve obedecer a essa singularidade. A sociedade tende à padronização e estabelece regras que nos farão felizes. A autonomia humana, ao contrário, estabelece que a felicidade é pessoal, intransferível e inalienável. A felicidade ou o sentido da vida é personalizado. Quando muito, posso apenas partilhar esse sentido com o sentido
  • 11.  “As pequenas coisas, aquelas que realmente importam, não precisam de uma ocasião especial para serem feitas, elas acontecem naturalmente quando estamos juntos de quem a gente gosta.” – Autor desconhecido.  “O primeiro sentido da vida é senti-la, o segundo, vivê-la e o terceiro: conseguir realizar continuamente os dois.” - Marcus Deminco
  • 13. Video