Análise do tema de redação do UOL mês de maio

1.377 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.377
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
870
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Análise do tema de redação do UOL mês de maio

  1. 1. Deve-se reduzir a maioridade penal no Brasil?Toda vez que um crime cometido por um menor de idade ganha evidência na mídia, cria-se uma comoção nacionale a polêmica envolvendo a maioridade penal vem à tona. Isso ocorreu recentemente, após um jovem prestes acompletar 18 anos ter assassinado um universitário por causa de um celular, no início de abril, em São Paulo.Pesquisa Datafolha, uma semana depois do fato, revelou que 93% dos paulistanos eram favoráveis à redução damaioridade penal, uma vez que, no Brasil, os menores de 18 anos não respondem criminalmente por seus atos.Dezesseis anos é a idade mais cogitada para marcar esse limite. A principal alegação apresentada na defesa dessamudança é o precoce amadurecimento do jovem, que hoje tem fácil acesso a informações e discernimentosuficiente inclusive para votar. No entanto, os opositores dessa mudança alegam que outros casos surgirão comjovens (ou até crianças) com idades inferiores a essa, uma vez que as causas do problema não estariam sendocombatidas. Queremos saber qual é a sua opinião sobre esse assunto. Deve-se alterar a maioridade penal noBrasil?93% a favor da reduçãoPesquisa Datafolha mostra que 93% dos moradores da capital paulista concordam com a diminuição daidade em que uma pessoa deve responder criminalmente por seus atos. Outros 6% são contra, e 1% não souberesponder.Em consultas anteriores, em 2003 e 2006, a aprovação à medida pelos moradores da cidade foi de 83% e88%, respectivamente -a margem de erro era de dois pontos.Sobre a idade a partir da qual um adolescente deveria passar a ser responsabilizado criminalmente, partedos entrevistados, em respostas espontâneas (sem haver opções no questionário), defende que menores de 16anos sejam enquadrados.(...)Um levantamento da Secretaria Especial de Direitos Humanos da Presidência da República em 53 paísesaponta que 42 adotam a maioridade penal a partir dos 18 anos.Entre os que responsabilizam mais jovens estão os EUA -a partir dos 12 anos, dependendo do Estado.O debate sobre a alteração na legislação voltou à tona depois do assassinato do universitário Victor HugoDeppman, 19, mesmo sem ter reagido a um roubo de celular no último dia 9 em São Paulo.O suspeito pelo crime é um jovem que estava a três dias de fazer 18 anos. Ele foi detido e levado para aFundação Casa (antiga Febem).Na avaliação de Paulino, a alta aprovação à redução da maioridade penal está dentro do contexto deviolência praticada por um adolescente.O levantamento feito em 2003 também foi realizado pouco tempo depois da morte de um casal denamorados (Liana Friedenbach, 16, e Felipe Caffé, 19) por um jovem que na época tinha 16 anos - conhecido comoChampinha.[Folha de S.Paulo, 17/04/2013]
  2. 2. OAB: redução não resolveBrasília – O assassinato, na semana passada, do estudante Victor Hugo Deppman, de 19 anos, com um tiro disparadopor um adolescente de 17 anos, em São Paulo, trouxe de volta ao debate a redução da maioridade penal, temacontroverso sobre o qual a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) sempre se posicionou contrariamente. Segundo opresidente nacional da entidade, Marcus Vinicius Furtado, a criminalidade envolvendo crianças e adolescentes requeratenção especial das autoridades e de toda a sociedade, mas não se deve deixar que a comoção leve a caminhos quenão irão resolver o problema, mas apenas agravá-lo.“Seria um retrocesso para o país, além de transformar o menino num delinquente sujeito à crueldade das prisões”,afirmou. “É a negação de tudo que podemos imaginar para o futuro”. Para Marcus Vinicius, a criminalidade e a violênciaentre os jovens precisam ser enfrentados a partir de um trabalho social muito forte. “Um pouco de dignidade járesolveria muita coisa”, disse, lembrando a falta de perspectiva que leva muitos adolescentes a buscar o caminho dasdrogas e da criminalidade.(...)[Ordem dos Advogados do Brasil]Levando em consideração as ideias oferecidas pela coletânea de textos, como também seusconhecimentos acerca do assunto, mobilize argumentos se posicionando acerca da seguinte questão:Deve-se reduzir a maioridade penal no Brasil? Levante fatos, dados, exemplos que levem seu texto a iralém do senso comum e realizar uma crítica análise da problemática imposta.Análise sobre o tema de redação do UOL do mês de maio discutido na aula da última sexta-feira(17/05/2013).No mês de maio o UOL trouxe um tema questionatório. Aqui o candidato tem dois caminhos a seguir: sercontra ou a favor da redução da maioridade penal no Brasil. Qualquer um dos caminhos seguidos é bempossível de obter a nota máxima na redação; basta que o candidato construa sua argumentação de forma apraticar o senso crítico, sempre fazendo uma análise abalizada e racional, utilizando os conhecimentos demundo adquiridos ao longo da vida estudantil. Abaixo, alguns possíveis argumentos, tanto a favor comocontra a redução da maioridade penal.Argumentos a favor da redução da maioridade penal: O artigo 1.517, do código civil, permite que uma pessoa case a partir dos 16 anos com a autorização dospais; A Constituição da República, no artigo 7º, inciso XXXIII, possibilita o trabalho para a pessoa a partir dos 16anos, na condição de aprendiz; - A Constituição da República, no artigo 14, inciso II, permite o voto aos 16 anos; O artigo 5º, do código civil prevê a possibilidade de emancipação a partir dos 16 anos, situação em que apessoa pode, por si só, exprimir sua vontade para realização de negócios jurídicos; Em alguns países a maioridade ocorre aos 16 anos: Na Argentina, Espanha, Bélgica e Israel, a maioridadeocorre aos 16 anos; na Alemanha, Holanda e no Haiti, ocorre aos 14 anos; na Índia, Egito e Paraguai, aos 15anos; no Reino Unido, aos 12 anos. Nos Estados Unidos e na Grã-Bretanha, por exemplo, observa-se primeiro a gravidade do crime para depoisse observar a idade do criminoso.Então, se uma pessoa menor de 18 anos pode votar, trabalhar, casar e contratar por que não pode respondercriminalmente?Argumentos contra a redução da maioridade penal: - O artigo 228 impossibilita sanções iguais às de adultos para menores e é uma garantia individual dacriança e do adolescente, ou seja, e uma cláusula pétrea.
  3. 3.  Estatisticamente, os dados mostram que a quantidade de crimes cometidos por menores é infinitamentemenor em relação aos cometidos por adultos, numa proporção de mais de 90% para adultos e menos de10% para menores. - colocar menores de 18 anos no sistema carcerário falido que o Brasil possui é graduar o menor no mundodo crime. - Ao invés de o Estado enfrentar a questão de forma punitiva, deveria programar políticas públicas deinserção social de crianças e adolescentes que estão em desacordo com a lei, ou seja, observar melhor ascausas sociais que levam esses jovens a entrar no submundo do crime.

×