Matern  idade    na adoles cênciaAutor: Joana Ferreira, nº15,        Pedro Ribeiro, nº23Disciplina: Área de ProjectoProfes...
Será comum?
Sim, infelizmente, é       comum!   Embora este já seja um problema bastante divulgado, aindasão imensos os casos de gravi...
AdolescênciA…   Sendo a adolescência uma fase de descobertas e avulgarmente chamada “fase das hormonas aos saltos”,é norma...
Gravidez na      adolescência?   Maioritariamente um descuido,algo não minimamente planeado,pré-conjugal, que irá provocar...
compArAndo…Enquanto que em Portugal (vermelho) a percentagem de mães antes dos 20 anos tem diminuído, no Reino Unido (verd...
Mundialmente
Terãoconsequências?      Muitas das vezes sim, têm consequências, pois  as adolescentes, com medo de serem julgadas  pela ...
Reacção e apoio        dos pais   Maior parte das vezes a relação comos pais é dificultada, existindo um enormedesapontame...
Reacção e apoio       dos amigos   Muita das vezes a relação com os amigosé dificultada, pois estes não compreendempor o q...
Opinião           profissional:“É importante que as pessoas que lidam com adolescentes tenhamsensibilidade para perceber o...
Como o prevenir?Pode ser prevenido através :  Do uso de contraceptivos – Preservativos (feminino oumasculino), pílula, dia...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Maternidade na adolescência

2.118 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.118
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
46
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Maternidade na adolescência

  1. 1. Matern idade na adoles cênciaAutor: Joana Ferreira, nº15, Pedro Ribeiro, nº23Disciplina: Área de ProjectoProfessor: Francisco LouroTurma/Ano Lectivo: 9ºA 2010/2011
  2. 2. Será comum?
  3. 3. Sim, infelizmente, é comum! Embora este já seja um problema bastante divulgado, aindasão imensos os casos de gravidez na adolescência. Números estes que são preocupantes pois, sendo os paisainda meros adolescentes, como saberão acatar com tantaresponsabilidade? Terão os apoios necessários para criar um filho? Serão rejeitados pelos amigos, ou ajudados? Serão gozados pelos de fora? Como será a vida dos jovens que, ainda adolescentes, se tornam pais?
  4. 4. AdolescênciA… Sendo a adolescência uma fase de descobertas e avulgarmente chamada “fase das hormonas aos saltos”,é normal que nos jovens desperte a curiosidade acercada sua sexualidade. Muitos adolescentes procuram conhecimentosatravés de filmes, da internet, havendo ainda aquelesque os procuram na própria prática de relações sexuais. Mas atenção, muitas das vezes através desta práticadescuidada, resultam as gravidezes inesperadas.
  5. 5. Gravidez na adolescência? Maioritariamente um descuido,algo não minimamente planeado,pré-conjugal, que irá provocar umproblema para os progenitores,interrompendo e criando dificuldadesnesta fase de preparação para a suavida adulta.
  6. 6. compArAndo…Enquanto que em Portugal (vermelho) a percentagem de mães antes dos 20 anos tem diminuído, no Reino Unido (verde) os números tendem a aumentar - recentemente.
  7. 7. Mundialmente
  8. 8. Terãoconsequências? Muitas das vezes sim, têm consequências, pois as adolescentes, com medo de serem julgadas pela sociedade, amigos e próprios pais, tendem a esconder a gravidez. Ao esconder põem em risco a sua própria saúde e a do feto, sendo que condicionam a assistência pré-natal, tornando-a muitas das vezes inexistente. Apesar disto, os adolescentes podem ainda ter crises de auto-estima porque o seu corpo muda drasticamente. Outros, na obrigação de criar condições monetárias para o futuro filho, deixam os estudos e começam a trabalhar em ofícios mal remunerados.
  9. 9. Reacção e apoio dos pais Maior parte das vezes a relação comos pais é dificultada, existindo um enormedesapontamento e havendo sempreculpa e acusações. Embora isto seja normal, é preciso quehaja uma aceitação, pois a adolescenteprecisa da ajuda dos pais, de alguémcom quem pode sempre contar, comquem possa trocar experiências, mas maisimportante, alguém de quem receba apoio.
  10. 10. Reacção e apoio dos amigos Muita das vezes a relação com os amigosé dificultada, pois estes não compreendempor o que a mãe precoce está a passar. Muita das vezes gozam, ignoram outecem comentários maldosos, o que como éóbvio deita abaixo. Estando a adolescente sensível, numafase complicada da sua vida, o apoio dosamigos é crucial para o seu estado deespírito.
  11. 11. Opinião profissional:“É importante que as pessoas que lidam com adolescentes tenhamsensibilidade para perceber o adolescente na totalidade física epsicológica, respeitando as suas origens, os seu preconceitos e tabus.Após o parto, é necessário que ela seja acolhida e amparada para quepossa continuar a sua vida e tomar conta desse filho que depende dela.É importante que a adolescente tenha a oportunidade de juntar os seuspedaços e de retomar o seu papel de mulher, de adolescente e decidadã. Precisa de experimentar o seu papel como mãe, e de se permitirou não de ter outros relacionamentos. Planear a sua actividade sexual,repensar a sua vida escolar e profissional e desenvolver a sua auto-estima para poder viver plenamente.” Clarice Skalkowicz Jreissati Psicóloga
  12. 12. Como o prevenir?Pode ser prevenido através : Do uso de contraceptivos – Preservativos (feminino oumasculino), pílula, diafragma, etc. Do planeamento familiar – É uma forma de assegurar que aspessoas têm acesso à informação, a métodos de contracepçãoeficazes e seguros, serviços de saúde adequados que permitama vivência da sexualidade segura e saudável, bem como umagravidez e parto nas condições maisadequadas.

×