Procrastinacao_e-book_Gerva Academy

49 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
49
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Procrastinacao_e-book_Gerva Academy

  1. 1. por Jesse Gerva Dicas para fugir desse mal Janeiro/2016
  2. 2. 2 Procrastinação. A pronúncia é chata, a grafia é chata, o efeito é chato, os sintomas são chatos, tudo é chato, mas se eu te contasse o número de coachees (clientes) que eu tenho que sofrem deste mal você cairia para trás. Por isso resolvi facilitar a vida deles, a sua e a minha. Sim, a minha. Porque se um dia eu vier a ser seu coach, o fato de você não procrastinar irá me ajudar bastante!! (risos). Segundo o dicionário ‘‘Gerva’’ (acabei de criar), procrastinar é: 1. o ato de deixar para depois algo que você deveria deixar para lá, 2. o ato de se programar para fazer algo que já deveria estar pronto. Não chega a ser o mal do século, mas é incrível o efeito que esse “vírus” tem na vida das pessoas. Estaria exagerando se dissesse que é malígno, muito embora seja capaz de reduzir e muito o seu potencial e o seu nível de felicidade. Você lembra da história das cinco pulgas? Todos nós temos cinco pulgas que falam conosco o tempo todo. Elas dizem “isso é óbvio”, “isso não é para você”, “já está de bom tamanho”, “isso você já está fazendo” e “isso você já sabia”. Por alguma razão, elas sempre dizem isso na hora que aquela peça especial do quebra-cabeça está diante de nós, na hora que estamos a um passo da grande mudança. Você ouve uma das pulgas, não faz o que deveria e adia seu momento “eureka”. A procrastinação nada mais é que uma infestação, uma overdose de pulgas. Eu teria duas formas de te ajudar nesse assunto: te dando uma dica ou aplicando uma ferramenta de coaching. Como a ferramenta é algo mais técnico, seria irresponsabilidade minha jogar a informação aqui de qualquer jeito. Vamos então focar nessa dica prática e eficaz para dar início a erradição desse mal HOJE MESMO!
  3. 3. 3 Preciso que você pegue um papel e uma caneta logo após você ler esse artigo (eu disse logo após, ok? Não estrague a brincadeira com a procrastinação). Aliás eu pensei em fazer uma pausa no artigo para você ir lá buscar papel e caneta, mas ainda não inventaram essa tecnologia... Faça ai três colunas. No topo da primeira você coloca a palavra sim, no topo da segunda você escreve a palavra não e no topo da terceira você escreve as palavras ainda não. Na coluna do sim você lista absolutamente tudo que você precisava fazer e já fez ou está efetivamente fazendo. Na coluna do não você lista absolutamente tudo que você precisava fazer e não fez. Na coluna do ainda não você lista absolutamente tudo que você precisa fazer, mas ainda não fez. Acabou? O próximo passo é você parar de escrever, largar a caneta, olhar no espelho e admitir que não existe lista do ainda não. Isso é uma mentira. Você está mentindo para você mesmo por não ter coragem de aceitar o fato de que não fez algo que já deveria estar pronto. Com todo o carinho do mundo eu te peço para riscar a palavra ainda e ficar apenas com o não. É isso mesmo! Existem coisas que você fez e coisas que você não fez. Simples assim.
  4. 4. 4 O mal do brasileiro é resumido na expressão "fique tranquilo". Não, não fique tranquilo. As coisas não vão dar certo sozinhas, a academia não irá até a sua casa, o cigarro não fugirá da sua gaveta, o conhecimento contido no livro não irá da prateleira para sua cabeça sozinho, as contas não irão fechar se você não der atenção a elas, aquele sujeito na sua empresa não irá mudar de comportamento se você não tomar uma atitude e novos clientes não baterão na sua porta. Nada irá acontecer até que você faça! E só um detalhe aqui: alguns dos itens do ainda não são tarefas, preocupações e coisas que ocupam o seu pensamento, mas talvez algumas delas você não precise fazer. Você não fez e nada aconteceu, certo? Então liberte-se! Jogue isso fora! Tire isso da frente! Isso apenas soma um pilha de pendências e aumenta o peso na sua consciência. Se você viveu FELIZ sem isso até hoje, simplesmente risque da sua lista de pendências, porque não é uma pendência. Vamos focar nas coisas que você realmente já deveria ter feito. O curioso é que o fato de você não fazer algo é apenas um pedaço do problema. O outro é o efeito que isso causa no seu cérebro. 4 O cérebro é a parte do corpo mais fantástica em um ser humano, mas ao mesmo tempo a mais preguiçosa. Nosso cérebro gosta muito de viver na zona de conforto e no modo freio (um dia a gente fala mais só sobre este ponto específico). Nosso cérebro gosta desses dois estados, pois assim ele não precisa trabalhar. Na zona de conforto você não é testado e no modo freio você pára diante de tudo o que é novo. Por isso nosso cérebro, convenientemente, sempre tenta nos levar a um desses dois extremos. Entendeu?
  5. 5. 5 Eu realmente não sei qual é a sua luta, qual é o seu grau de contaminação com o vírus da procrastinação, mas tem uma coisa que eu sei: sua vida pode ser mais que isso. Se você colocou preocupações desnecessárias na lista do ainda não, descarte. Se você colocou desejos e sonhos, por que não realizá-los agora? ‘‘Nossa Jesse… que viagem! Eu nunca tinha pensado assim. E o que eu faço agora?’’ E tem mais! Às vezes a procrastinação vem do ego. Sim, o ego. Ele resiste a toda mudança que é importante para a nossa alma assim você não corre o risco de perder. Uma vez que você entendeu isso, fica mais fácil entender o que a procrastinação faz com você: 1. Você sabe que precisa fazer algo mas não o faz; 2. Começa a mentir para si mesmo e seu cérebro passa a achar que essa é a realidade na qual você quer viver, passa a achar que esse é o seu objetivo; 3. Como ele não quer trabalhar, ele passa a reproduzir isso em todas as áreas da sua vida para criar uma zona de conforto; 4. Uma vez que você está atingindo o seu objetivo (ou seja, não fazer nada), o seu cérebro envia para o resto do corpo uma sensação de prazer, de dever cumprido; 5. Como resultado da sensação de prazer você procrastina de novo. Não entendeu? Eu facilito: a procrastinação faz seu cérebro se acostumar com a ideia da derrota. E por que derrota? Oras, se algo depende de você para ser feito, tanto faz se você procrastinou ou se tentou fazer e não conseguiu. O resultado é o mesmo. Ah! Você não está feliz com a minha explicação? Não tem problema. Apenas apresente a você mesmo um benefício que a procrastinação te traz. Eu tentei esse exercício comigo e não consegui achar um benefício sequer... por isso resolvi escrever esse artigo.
  6. 6. 6 Temos que escolher se queremos ser águias ou galinhas. A galinha espera a migalha do dia, a boa vontade do dono e vive a vida esperando a morte. Porém, tem uma vida mais estável. A águia vive seus próprios sonhos, assume riscos e vê a vida por um outro ângulo. Contudo, tem uma vida menos previsível. Nada de errado em ser galinha. Elas tem seu papel também. Mas precisamos decidir. Se você quer ser águia, trace a meta do dia de hoje e faça. Amanhã você traça a meta de amanhã e faz também! Não hesite. Apenas faça. A sensação de dever cumprido é tão boa que você se perguntará se é o caso de fazer hoje as tarefas planejadas para amanhã! Não pense muito. Faça! E cada vez que fizer algo entenda a razão pela qual está fazendo aquilo e então terá mais motivos para fazer a próxima tarefa. Não avise que você irá a algum lugar. Vá. Não se programe para parar de fumar. Jogue o maço no lixo. Não inclua mais uma página na sua pesquisa teórica. Aplique o que você já sabe. Não espere fulano fazer algo que lhe incomoda. Vá lá e avise-o que aquilo está errado. Muitas pessoas esperam a situação perfeita para começar a fazer algo. Acredite: a situação perfeita nunca acontecerá. Muitas pessoas se confundem com a definição de perfeccionismo. Perfeccionista é a pessoa que FAZ algo e passa a vida inteira pensando em maneiras de melhorar o que FEZ. Alguém que está perdendo muito tempo PENSANDO em alguma coisa ao invés de realmente REALIZÁ- LA, não é um perfeccionista. É um procrastinador! O simples fato de você ter lido esse artigo até o final já é um indício que isso não te pertence mais!! “Se você quer ser águia, trace a meta do dia de hoje e faça. Amanhã você traça a meta de amanhã e faz também! Não hesite. Apenas faça.”
  7. 7. 7 Se não ficou claro, farei um RESUMINHO aqui: O resultado disso tudo é que seu cérebro cria um novo hábito e passa a entender que, na verdade, você quer ser feliz! Eu sugiro que você não comece pela organização da lista pois a essa altura talvez você ainda não esteja curado desse vírus e provavelmente ficará só na lista mesmo... Ah! Se algum amigo reclamar, criticar e disser que aquilo que você está fazendo não está perfeito, estufe o peito e diga que feito é melhor que perfeito! Se seu argumento não resolver, envie este artigo para ele... Forte abraço e… vá la fazer!!! (risos)
  8. 8. 8 Jesse Gerva é Business & Life Coach especializado liderança, estratégia e técnicas de produtividade. Ele é pós graduado em direito empresarial, também atua como mentor na Ryerson University e palestrante em universidades na região da grande Toronto, Canadá. Além das palestras, Jesse dedica-se também à elaboração de artigos, videos e técnicas de coaching que auxiliem empresários a viverem seu potencial máximo. Se você gostou desse artigo e deseja conhecer outras técnicas de business & life coaching para atingir melhores resultados em menos tempo, faça contato conosco pelo coach@gervaacademy.com e teremos o maior prazer em marcar uma sessão WOW (esse é o som que você faz depois de perceber o quão perto está do seu sonho).

×