Jandeildo Alves
Priscila Rodrigues
O IntServ é uma arquitetura de qualidade de
serviço, que tem o propósito de garantir níveis de
qualidade de serviço fim a ...
Os serviços integrados (Intserv) possuem duas classes de serviços:
• Serviço de carga garantido: estabelece limites rígido...
• Descrito na RFC 1633
• Cada pacote pode ser associado a um fluxo.
• Limitado às redes que suportam a arquitetura (como u...
• Controle de admissão – para o estabelecimento de QoS para um
fluxo deve-se alocar previamente os recursos da rede, caso ...
Arquitetura ISA
Resource Reservation Protocol (RSVP) é uma técnica de
sinalização utilizada para garantir a qualidade do serviço (QoS) por...
T1 é uma máquina que contém uma aplicação com
necessidades de QoS; R1, uma outra máquina, irá receber os dados
dessa aplic...
• Suporta reservas multicast mas também reservas específicas
individuais dentro de um mesmo grupo multicast,
acompanhando ...
RSVP
4. O RSVP negocia a reserva de
recursos de que forma?
a. Simplex
b. Duplex
c. Full-Duplex
5. Quais os tipos de comunicação...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Serviços Integrados (IntServ; Arquitetura ISA; Funções ISA; RSVP)

120 visualizações

Publicada em

Abordagem sobre Serviços Integrados!
IntServ;
Arquitetura ISA;
Funções ISA;
RSVP.

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
120
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Serviços Integrados (IntServ; Arquitetura ISA; Funções ISA; RSVP)

  1. 1. Jandeildo Alves Priscila Rodrigues
  2. 2. O IntServ é uma arquitetura de qualidade de serviço, que tem o propósito de garantir níveis de qualidade de serviço fim a fim, através de recursos reservados e estabelecimento de chamada. Ele utiliza-se do protocolo RSVP (Resource Reservation Protocol, protocolo de reserva de recursos) para sinalizar as necessidades de QoS para cada dispositivo ao longo da rede, permitindo que vários transmissores enviem os dados para vários grupos de receptores, eliminando o congestionamento da rede. Serviços Integrados - IntServ
  3. 3. Os serviços integrados (Intserv) possuem duas classes de serviços: • Serviço de carga garantido: estabelece limites rígidos para atrasos de fila que um pacote sofrerá em um roteador, definida no RFC 2212. • Serviço de rede de carga controlada: tem como foco as aplicações multimídia, permitindo com que pacotes com taxas muito altas passem pelo roteador sem que haja descarte de pacotes, por outro lado, não a garantias de desempenho. Portanto a um bom funcionamento apenas quando a rede está descongestionada, definida no RFC 2211. IntServ
  4. 4. • Descrito na RFC 1633 • Cada pacote pode ser associado a um fluxo. • Limitado às redes que suportam a arquitetura (como uma Intranet) • Existem componentes na arquitetura ISA que auxiliam esta tarefa, implementando os mecanismos Intserv: • Protocolos de reserva de recursos • Controle de admissão • Agente de gerenciamento • Protocolos de roteamento Arquitetura ISA
  5. 5. • Controle de admissão – para o estabelecimento de QoS para um fluxo deve-se alocar previamente os recursos da rede, caso algum dos roteadores no percurso não tenha recursos no momento, o pedido é negado. • Algoritmo de roteamento – gera várias rotas podendo oferecer melhores caminhos baseados em várias métricas. • Algoritmo de enfileiramento – define regras para tratar os pacotes que chegam nas filas dos roteadores. • Política de descarte – em situação de congestionamento, decidirá quais pacotes tem prioridade e quais são escolhidos primeiro para o descarte. Funções ISA
  6. 6. Arquitetura ISA
  7. 7. Resource Reservation Protocol (RSVP) é uma técnica de sinalização utilizada para garantir a qualidade do serviço (QoS) por reservar largura de banda para os fluxos de dados compatíveis com o RSVP [RFC 2205]. O RSVP negocia a reserva de recursos em um único sentido de cada vez, ou seja, de forma simplex. Com isso, ele trata distintamente receptores e transmissores, operando juntamente com a camada de transporte. O protocolo RSVP foi feito de forma a garantir que as arquiteturas mais antigas sejam compatíveis com o novo sistema, através do encapsulamento de seus pacotes de controle. RSVP
  8. 8. T1 é uma máquina que contém uma aplicação com necessidades de QoS; R1, uma outra máquina, irá receber os dados dessa aplicação e G nós intermediários. A aplicação em T1, para iniciar a sua transmissão, envia uma mensagem de controle, cujo nome é PATH. RSVP
  9. 9. • Suporta reservas multicast mas também reservas específicas individuais dentro de um mesmo grupo multicast, acompanhando as mudanças dos membros do grupo. • Comunicação Unicast: pode usar reserva de recursos como alterativa para evitar ou sanar congestionamentos. • Comunicação Multicast: redução de carga é possível quando determinados membros do grupo não querem a transmissão ou não suportam determinado nível de detalhes (exemplo: canais de vídeo de melhor ou pior resolução). RSVP
  10. 10. RSVP
  11. 11. 4. O RSVP negocia a reserva de recursos de que forma? a. Simplex b. Duplex c. Full-Duplex 5. Quais os tipos de comunicação do RSVP? Perguntas 2. Qual protocolo utilizado no IntServ? a. RTCP b. IPv6 c. RSVP 3. Qual RFC descreve a arquitetura ISA? a. 2205 b. 1633 c. 5060 1. O que é Serviço Integrado? a. Uma arquitetura de qualidade de serviço. b. QoM c. Arquitetura SIP

×