Trabalho de física

1.487 visualizações

Publicada em

Conservação de energia

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.487
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
11
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Trabalho de física

  1. 1. Professor: Sergio Luís Trabalho de Física
  2. 2. Tema: Conceitos da Física e Ficção Subtema: Conservação de Energia
  3. 3. Descrição da Atividade A Energia está constantemente se transformando, mas não pode ser criada e nem destruída. Algumas situações em que este princípio é observado, destacamos que a principal fonte de energia que utilizamos é o Sol. A energia que utilizamos diariamente provém, quase toda ela, do Sol. Por exemplo, a evaporação e as aumentam a Energia potencial (Ep) da água (para as hidroelétricas), o aquecimento origina os ventos (move os barcos), ou seja, transforma energia luminosa em eólica, em uma usina hidroelétrica, a energia mecânica da queda d’água é transformada em energia elétrica. A modelagem da Conservação de Energia irá ser representada no modelo Conservação de Energia1.
  4. 4. Modelo de Conservação de Energia 1.
  5. 5. A dificuldade para sustentar uma massa sólida parada no ar ou arrastá-la lentamente pelo chão ou pela superfície de uma mesa, a uma distância de cerca de um metro do personagem e sob a gravidade e a atmosfera da Terra. Observe a tabela abaixo: Massa Deslocada Dificuldade Exemplo 100 kg 14 Adulto, saco de cimento, geladeira. 300 kg 15 Cavalo, motocicleta, piano de cauda. 1.000 kg 16 Carro pequeno, búfalo. 3.000 kg 17 Caminhonete, rinoceronte. 10.000 kg 18 Caminhão médio, caça a jato, elefante. 30.000 kg 19 Contêiner cheio, Boeing 737 vazio. 100.000 kg 20 Baleia, Airbus A-300 vazio.
  6. 6. O princípio da conservação da energia mecânica diz que num sistema isolado constituído por corpos que interagem apenas com forças conservativas, a energia mecânica total permanece constante. Um corpo em queda livre perde constantemente energia potencial gravítica, mas, ao mesmo tempo, aumenta a sua velocidade, de forma que aumenta também a sua energia cinética. No caso de não existirem atritos, a diminuição da energia po- tencial gravítica em qualquer ponto do percurso é igual ao aumento de energia cinética. Do mesmo modo, se um corpo for lançado para cima, o aumen- to da energia potencial gravítica entre dois pontos é igual á diminuição da energia cinética.
  7. 7. Este princípio também pode ser aplicado a sistemas em que há transformação de energia potencial elástica em energia cinética, e vice-versa. Como acontece, por exemplo, no caso de uma mola. Pode dizer-se em geral, que num sistema sobre o qual só atuam forças conservativas, a energia mecânica total do sistema(Em)(soma da energia potencial com a energia cinética) permanece constante, ou seja, é conservada. Então, no sistema corpo-Terra , a variação de energia mecânica total do sistema é igual a zero. Estas afirmações exprimem, de modos diferentes, o mesmo principio: o da conservação de energia mecânica. Um exemplo prático deste principio, baseado na contínua transformação de energia potencia gravítica em energia cinética, se considerarem desprezáveis os atritos, é o caso da montanha-russa que existe nos parques de diversões.
  8. 8. Componentes:  Alexsandro  Guilherme  Hobem Oliveira  Jamille Nunes  Lucas Froes  Yan Sacerdote

×