Esqueleto Humano

1.342 visualizações

Publicada em

Esqueleto humano, suas funçoes, doenças associadas ao desgaste dos ossos, e etc.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.342
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
44
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Esqueleto Humano

  1. 1. O ESQUELETO HUMANO
  2. 2. Funções do Esqueleto O esqueleto humano constitui a estrutura que dá apoio ao corpo, protege os órgãos internos e assegura a realização dos movimentos, juntamente com o sistema muscular. Compete ainda aos ossos o armazenamento e o fornecimento de minerais vitais e a formação de células sanguíneas.
  3. 3. Constituição do Esqueleto O esqueleto humano pode dividir-se em duas partes principais: Esqueleto Apendicular Esqueleto Axial
  4. 4. Esqueleto AXIAL Os ossos do esqueleto axial situam-se em torno do centro do corpo; compreendem os ossos da cabeça e os ossos do tronco. Tronco Cabeça
  5. 5. Ossos da Cabeça •O esqueleto da cabeça compreende os ossos do crânio e os da face. •O crânio forma uma caixa resistente onde se encontra alojado o encéfalo, sendo constituído por 8 ossos, uns pares e outros ímpares: os parietais, o frontal, o occipital, os temporais e inferiormente o esfenóide e o etmóide. •A face apresenta as órbitas onde se alojam os olhos, os ossos nasais, os malares, os maxilares superiores e o maxilar inferior ou mandíbula crânio face
  6. 6. Ossos da cabeça Parietal Frontal Occipital Temporal Esfenóide Orbita Nasal Malar Maxilar superior Maxilar inferior Ossos do crânio Ossos da face
  7. 7. Ossos do tronco O esqueleto do tronco compreende: Esterno Coluna vertebral Costelas
  8. 8. A coluna vertebral  É formada pela sobreposição de 33 vértebras, algumas das quais se encontram soldadas formando dois ossos — o sacro e o cóccix.  Na coluna vertebral podem observar-se cinco regiões: Região cervical (7 vértebras) Região dorsal (12 vértebras) Região lombar (5 vértebras) Sacro (5 vértebras soldadas) Cóccix (4 vértebras soldadas)
  9. 9. Caixa torácica Esterno Vértebras dorsais Costelas verdadeiras (7) Costelas falsas (3) Costelas flutuantes (2)
  10. 10. Esqueleto apendicular Inclui os membros superiores, os membros inferiores e os ossos que fazem a ligação dos membros ao esqueleto axial. Membros inferiores Membros superiores
  11. 11. Membros superiores Compreende 4 regiões: Clavícula Omoplata Espádua ou cintura escapular Úmero Braço Antebraço Rádio Cúbito Mão Carpo (8 ossos) Falanges Metacarpo (5 ossos) Mão
  12. 12. Membros inferiores Constituidos por 4 regiões: Ilíaco Anca ou cintura pélvica FémurCoxa Tíbia PerónioPerna Pé Rótula Pé Metatarso (5 ossos) Tarso (7 ossos) Falanges (2 ossos no dedo grande e 3 nos outros dedos)
  13. 13. Tipos de ossos Quanto à forma os ossos podem classificar-se em: Ossos longos: a dimensão predominante é o comprimento e o osso é espesso. Exemplo: fémur ... Ossos chatos: a superfície é grande, mas a espessura é pequena. Exemplo: ossos ilíacos ... Ossos curtos: não há uma dimensão que, nitidamente, Predomine sobre as outras. Exemplo: rótula ...
  14. 14. Estrutura de um osso longo Epífise Diáfise Canal medular Osso compacto Medula óssea Osso esponjoso Periósteo Vasos sanguíneos
  15. 15. Crescimento dos ossos O Processo de crescimento dos ossos envolve: • Crescimento em comprimento que está ligado à actividade das cartilagens de conjunção. • Crescimento em espessura devido à actividade do periósteo. • Reabsorção óssea na qual células da medula destrõem o osso compacto ao longo de todo o canal medular, fazendo aumentar o diâmetro deste canal, consequentemente a camada de osso compacto, sob o periósteo, conserva a mesma espessura.
  16. 16. Deformações da coluna vertebral DEFORMAÇÕES CIFOSE (Costas arqueadas) ESCOLIOSE (desvio lateral da coluna) LORDOSE (curvatura excessiva na região lombar
  17. 17. Articulações As ligações entre os ossos do esqueleto que permitem a mobilidade são as articulações. Existem 3 tipos de articulações: Articulações imóveis: como os que existem entre os ossos do crânio; não permitem qualquer tipo de movimento. Articulações semimóveis: como as das vértebras entre si, permitindo movimentos pouco amplos. Articulações móveis: como as da anca, joelho e cotovelo, em que os movimentos são amplos.
  18. 18. Articulações Móveis Semimóveis Imóveis

×