Celebre

346 visualizações

Publicada em

celebre

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
346
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Celebre

  1. 1. Celebre Rendido EstouTrazendo a Arca Aline Barros Toma-me, rendido estouAlegra teu coração Aos pés da cruz me encontreiContigo está o teu Deus O que tenho te entrego, oh DeusCom seu amor renovará as tuas forças Vem limpar as minhas mãosEle anulou tua culpa Purificar meu coraçãoTeu inimigo já derrotou Que eu ande em tudo que tu tens pra mimE no lugar da vergonha te cobrirá de honra ôôôô Eis me aqui, rendido estou Uô ô ôCanta alegremente filha de Sião Eu sou teu e tu és meu, JesusPois Ele mudará tua sorte Meus momentos e os dias meusCom brados de vitória Meu respirar e meu viverSaltos de alegria diante do Senhor Que sejam todos, pra ti oh Deus ôôôôCelebre... Eis me aqui, rendido estou Uô ô ô Eu sou teu e tu és meu, Jesus OooOooOoo Minha vida dou a ti, Senhor Rendido a ti, estou E pra sempre cantarei: Faz em mim o teu querer ôôôô Eis me aqui, rendido estou Uô ô ô Eu sou teu e tu és meu, Jesus Minha vida dou a ti, Senhor Rendido a ti, estou E pra sempre cantarei: Faz em mim o teu querer
  2. 2. Senhor e ReiToque no Altar Toque No AltarToque No Altar Acima de todos, acima de tudoQuem quer a glória, traz a arcaQuem quer o fogo, traz sacrifício Está o Senhor entronizadoQuem quer a vida, que suba a cruz Os anjos e os homens,Quem deseja o favor do Rei Os céus e a Terra,Toca na ponta do altar Montanhas e mares declaram quem Tu ÉsQuem mais poderia te livrar?E mudar tua sorte de uma vez Tu És Senhor e ReiProstre-se ao chão Governas sobre o universoEstenda a tua mão Justo e FielE toque no altarTu alcançarás o favor do Rei Vestido de Glória e PoderToque no altar Coroado estás Pra sempre reinarásQuem quer resposta, queima incensoQuem quer a cura, toca no manto Prostrados aos Teus pésQuem quer a honra, rasgue suas vestes Erguemos o Teu Santo nomeQuem deseja o favor do Rei Em adoraçãoToca na ponta do altar. Nos entregamos a TiQuem mais poderia te livrar? Toma o Teu lugarE mudar tua sorte de uma vez E habita entre nós,Prostre-se ao chão Oh, Santo Deus!Estenda a tua mãoE toque no altarTu alcançarás o favor do Rei Oh Santo DeusToque no altar Santo Deus, Santo Deus, Santo Deus!Quem mais poderia me livrar?E mudar minha sorte de uma vezProstro-me ao chãoEstendo a minha mãoE toco no altarEu alcançarei o favor do ReiToco no altar
  3. 3. A Arca Não Tenho Outro BemRenascer Praise Toque No AltarQuem traz a arca do Senhor Não importa o que sou Nem o que tenhoÉ seu templo de louvor Diante do que tu ésO lugar de adoração Trago minhas vestesÉ a sua habitação Minha coroaPois onde Deus está E ofereço a tiHá sinais de maravilhas Com os vinte e quatro anciãosFogo Santo sem parar E a entrada em Jerusalém A mulher na casa de Simão Eu me lanço aos teus pésQuem as vestes já lavouPra Deus já levantou Não tenho outro bem além de tiUm altar de gratidão Não tenho outro bem além de tiA oferta que subiu Não tenho outro bem além de ti SenhorO fogo que desceuÉ o sinal que Deus habita Eu te amo (eu te amo)Em meio aos louvores Eu te quero (eu te quero) Eu te adoro (eu te adoro) Meu senhorEstá aquiO Todo-Poderoso, Rei do reis Meu amor maiorA sandália dos meus pés já tirei Meu amor maiorHá fogo, há glória, há arca do SenhorEu canto e dançoPorque eu sei que Ele está aqui
  4. 4. Sete Vezes Mais Tua graça me bastaToque No Altar Toque No AltarQuando a videira brotar Eu não preciso ser reconhecido por ninguém,E no campo o trigo crescer A minha glória é fazer com que conheçam a Ti. E que diminua eu, pra que tu cresças, Senhor, mais e mais.E a fonte das águas correrem dos montesChegou a restituição E como os serafins que cobrem o rosto ante a Ti, Escondo o rosto pra que vejam Tua face em mim,Quando a chuva descer E que diminua eu, pra que Tu cresças Senhor, mais e mais...E o deserto florescerE quando se ouvir então Refrão: { 1X } No Santo dos santos, a fumaça me esconde, só Teus olhosA voz dos que cantam me vêem.Chegou a restituição Debaixo de Tuas asas é o meu abrigo, meu lugar secreto, Só Tua graça me basta e Tua presença é o meu prazer.Os meus celeiros transbordarãoDa provisão do senhor Eu não preciso ser reconhecido por ninguém,O gafanhoto não mais consumirá A minha glória é fazer com que conheçam a Ti. E que diminua eu, pra que Tu cresças, Senhor, mais e mais.O que o Senhor restituiu E como os serafins que cobrem o rosto ante a Ti,Os céus se abrem Escondo o rosto pra que vejam Tua face em mim,A chuva de Deus chegou E que diminua eu, pra que Tu cresças Senhor, mais e mais...Trazendo sete vezes maisDo que o devorador roubou Refrão: { 3X } No Santo dos santos a fumaça me esconde, só Teus olhos me vêem.Os céus se abrem Debaixo de Tuas asas é o meu abrigo, meu lugar secreto,A chuva de Deus chegou Só Tua graça me basta e Tua presença é o meu prazer.Trazendo sete vezes maisDe restituição Tua presença... Tua presença é o meu prazer!(6x) ! Refrão: { 1X }Sete vezes mais, sete vezes mais No Santo dos santos a fumaça me esconde, só Teus olhosDo que o devorador roubou me vêem. Debaixo de Tuas asas é o meu abrigo, meu lugar secreto,Sete vezes mais, sete vezes mais! Só Tua graça me basta e Tua presença é o meu prazer. { 2X }

×