Immanuel Kant
3 Fases
(durante a ascensão da
burguesia e das ideias liberais
na Europa).
1ª Fase ( temas da ciência da
nat...
Immanuel Kant
Conhecimento exclusivamente
empírico (sentidos).
Possibilidade de antever os
eventos empíricos.
Criticou o d...
CONHECIMENTOS PARA IMMANUEL KANT:
SENTIDOS
ABSORVEM A INFORMAÇÃO
RAZÃO
ELABORA E ORGANIZA
EXPERIÊNCIA
CONHECIMENTO
POSSÍVE...
DIREITO X MORALIDADE
Moral
Interior do Sujeito
(autonomia)
Imperativo Categórico (não deriva da
experiência mas de uma pur...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Filosofia do direito Immanuel kant (slides)

710 visualizações

Publicada em

Filosofia do Direito - Immanuel Kant x Direito.

Publicada em: Direito
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
710
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
20
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Filosofia do direito Immanuel kant (slides)

  1. 1. Immanuel Kant 3 Fases (durante a ascensão da burguesia e das ideias liberais na Europa). 1ª Fase ( temas da ciência da natureza, por exemplo, física). 2ª Fase (temas filosóficos). 3ª Fase (elaborou sua metodologia filosófica e escreveu suas 3 grandes críticas): A Crítica da Razão Pura (1781). A Critica da Razão Prática (1788). A Crítica da Faculdade de Julgar (1790). Observação: Na obra Metafísica dos Costumes que tratou especialmente do Direito: “ Doutrina do Direito”. Nasceu em Könisberg, Alemanha. Por Jacqueline Matilde – 4º Semestre – Direito – Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU).
  2. 2. Immanuel Kant Conhecimento exclusivamente empírico (sentidos). Possibilidade de antever os eventos empíricos. Criticou o dogmatismo de Wolff e o ceticismo de Hume. Abriu duas hipóteses para Kant: Critica de Hume x Direito: Não seria possível tirar leis de uma racionalidade genérica, somente por via de um conhecimento perceptível -> juízo universal. Réplica de Kant: “Todo conhecimento começa com a experiência”. Consequência: Kant se afasta do radicalismo de Hume. OU Por Jacqueline Matilde – 4º Semestre – Direito – Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU).
  3. 3. CONHECIMENTOS PARA IMMANUEL KANT: SENTIDOS ABSORVEM A INFORMAÇÃO RAZÃO ELABORA E ORGANIZA EXPERIÊNCIA CONHECIMENTO POSSÍVEL RACÍCIONIOS DE CAUSA E EFEITO: RACIOCÍNIOS CAUSA E EFEITO EXPERIÊNCIA SENSÍVEL JUÍZO SINTÉTICO: ANTERIOR À EXPERIÊNCIA SENSÍVEL. Por Jacqueline Matilde – 4º Semestre – Direito – Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU).
  4. 4. DIREITO X MORALIDADE Moral Interior do Sujeito (autonomia) Imperativo Categórico (não deriva da experiência mas de uma pura razão. Direito Externa do Sujeito (coerção) (promovido pelo Estado) (devendo ser uma reação entre livres e iguais) Universalidade (estes são justos). DIREITO PARA KANT É O CONJUNTO DAS CONDIÇÕES POR MEIO DAS QUAIS O ARBÍTRIO DE UM PODE ESTAR DE ACORDO COM O ARBÍTRIO DE UM OUTRO, SEGUNDO A LEI UNIVERSAL DA LIBERDADE. Direito das gentes (uma relação entre estados e povos, e a consolidação de uma federação de estados, com vista à paz perpétua (direito das gentes)). Direito Cosmopolita ( é um avanço ao direito das gentes, não analisando o cidadão à partir de seu estado, sendo este membro de uma sociedade cosmopolita. O JUÍZO DO BELO TEM SUA INTERSECÇÃO COM O DIREITO AO PASSO QUE É NECESSÁRIO UMA APROVAÇÃO UNIVERSAL IMPOSTO POR MEIO DE PROVAS, E O DIREITO A TODO MOMENTO É PASSIVO E NECESSÁRIO DE PROVAS (EM MUITAS DAS VEZES). Por Jacqueline Matilde – 4º Semestre – Direito – Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU).

×