SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 1
Baixar para ler offline
Governo Eletrônico: Com P maiúsculo.
A expressão governo eletrônico nos remete prontamente a uma forma de
administração pública calcada no uso intensivo das modernas tecnologias da
informação e comunicação, com vistas a melhorar os serviços prestados ao
cidadão. De fato, sem computadores e sem redes de comunicação, a internet
principalmente, não há como se pensar nesse novo tipo de gestão.
O que nem sempre fica claro, no entanto, é que só com tecnologia, por mais
moderna que seja ela, não se faz governo eletrônico. A verdadeira dimensão
dessa forma de administrar só é encontrada quanto investigamos três “ps" que
estão por trás dele: princípios, processos e pessoas.
Não há governo eletrônico sério sem princípios. Transparência, profissionalização
e responsabilização são valores que antecedem qualquer processo modernizador,
sob pena de tornar este esforço, mero refém da tecnologia.
Processos velhos em embalagem nova também não fazem sucesso. Para melhor
atender as demandas da cidadania precisamos redesenhar nossa maneira de
trabalhar, esforço que envolve um constante descartar e inovar.
Finalmente, não há governo eletrônico sem que as pessoas olhem além de suas
salas e estejam dispostas a compartilhar o que sabem com seus colegas de
administração. São os servidores que criam o conhecimento que irá gerar uma
ação de governo efetiva, e esse saber não pode ficar isolado. Em síntese, governo
eletrônico, mais do que computadores conectados, significa pessoas conectadas.

Mais conteúdo relacionado

Destaque

Iej pascoa 2011
Iej pascoa 2011Iej pascoa 2011
Iej pascoa 2011Nuno Bessa
 
Oração do 13° intereclesial
Oração do 13° intereclesialOração do 13° intereclesial
Oração do 13° intereclesialBernadetecebs .
 
Essa é nossa escola edição 60
Essa é nossa escola edição 60Essa é nossa escola edição 60
Essa é nossa escola edição 60luciamaral
 
Planificação do projecto db5 pt1
Planificação do projecto db5 pt1Planificação do projecto db5 pt1
Planificação do projecto db5 pt1grupoappercussao5
 
Loulé trab grupo 3.º b mãe soberana
Loulé trab grupo 3.º b mãe soberanaLoulé trab grupo 3.º b mãe soberana
Loulé trab grupo 3.º b mãe soberanaformacaoedp
 
302.00224.2010academia ar livre40
302.00224.2010academia ar livre40302.00224.2010academia ar livre40
302.00224.2010academia ar livre40Professora Josete
 
CARMELO DE TERESA, Fr Julio César González Carretti OCD, Santisima Trinidad
CARMELO DE TERESA, Fr Julio César González Carretti OCD, Santisima TrinidadCARMELO DE TERESA, Fr Julio César González Carretti OCD, Santisima Trinidad
CARMELO DE TERESA, Fr Julio César González Carretti OCD, Santisima TrinidadORDEN SEGLAR CARMELITAS DESCALZOS
 
Primera Semana de Cuaresma, Fr Julio César González Carretti OCD
Primera Semana de  Cuaresma, Fr Julio César González Carretti OCDPrimera Semana de  Cuaresma, Fr Julio César González Carretti OCD
Primera Semana de Cuaresma, Fr Julio César González Carretti OCDORDEN SEGLAR CARMELITAS DESCALZOS
 
Sexta Semana Tiempo Ordinario, Fr. Julio César González Carretti OCD
Sexta Semana Tiempo Ordinario, Fr. Julio César González Carretti OCDSexta Semana Tiempo Ordinario, Fr. Julio César González Carretti OCD
Sexta Semana Tiempo Ordinario, Fr. Julio César González Carretti OCDORDEN SEGLAR CARMELITAS DESCALZOS
 
Sergio steven carvajal morocho
Sergio steven carvajal morochoSergio steven carvajal morocho
Sergio steven carvajal morochoSergio Carvajal
 
Est02 limpiemos mexico
Est02   limpiemos mexicoEst02   limpiemos mexico
Est02 limpiemos mexicoemmstone
 
Assim sou eu
Assim sou euAssim sou eu
Assim sou euAna Nunes
 
REPORTE DE LECTURA PABLO ITCH GUERRERO
REPORTE DE LECTURA PABLO ITCH GUERREROREPORTE DE LECTURA PABLO ITCH GUERRERO
REPORTE DE LECTURA PABLO ITCH GUERRERO132forever
 
Planificación y desarrollo UFT
Planificación y desarrollo UFTPlanificación y desarrollo UFT
Planificación y desarrollo UFTJinny Morillo
 
Mi entorno personal de aprendizaje
Mi entorno personal de aprendizajeMi entorno personal de aprendizaje
Mi entorno personal de aprendizajeleticiatapia
 

Destaque (19)

Iej pascoa 2011
Iej pascoa 2011Iej pascoa 2011
Iej pascoa 2011
 
Oração do 13° intereclesial
Oração do 13° intereclesialOração do 13° intereclesial
Oração do 13° intereclesial
 
Receita 78
Receita 78Receita 78
Receita 78
 
Essa é nossa escola edição 60
Essa é nossa escola edição 60Essa é nossa escola edição 60
Essa é nossa escola edição 60
 
Planificação do projecto db5 pt1
Planificação do projecto db5 pt1Planificação do projecto db5 pt1
Planificação do projecto db5 pt1
 
Loulé trab grupo 3.º b mãe soberana
Loulé trab grupo 3.º b mãe soberanaLoulé trab grupo 3.º b mãe soberana
Loulé trab grupo 3.º b mãe soberana
 
O hóspede
O hóspedeO hóspede
O hóspede
 
302.00224.2010academia ar livre40
302.00224.2010academia ar livre40302.00224.2010academia ar livre40
302.00224.2010academia ar livre40
 
CARMELO TERESIANO EN AUCO: Sabados de oracion 18 de abril
CARMELO TERESIANO EN AUCO: Sabados de oracion 18 de abrilCARMELO TERESIANO EN AUCO: Sabados de oracion 18 de abril
CARMELO TERESIANO EN AUCO: Sabados de oracion 18 de abril
 
CARMELO DE TERESA, Fr Julio César González Carretti OCD, Santisima Trinidad
CARMELO DE TERESA, Fr Julio César González Carretti OCD, Santisima TrinidadCARMELO DE TERESA, Fr Julio César González Carretti OCD, Santisima Trinidad
CARMELO DE TERESA, Fr Julio César González Carretti OCD, Santisima Trinidad
 
Primera Semana de Cuaresma, Fr Julio César González Carretti OCD
Primera Semana de  Cuaresma, Fr Julio César González Carretti OCDPrimera Semana de  Cuaresma, Fr Julio César González Carretti OCD
Primera Semana de Cuaresma, Fr Julio César González Carretti OCD
 
Sexta Semana Tiempo Ordinario, Fr. Julio César González Carretti OCD
Sexta Semana Tiempo Ordinario, Fr. Julio César González Carretti OCDSexta Semana Tiempo Ordinario, Fr. Julio César González Carretti OCD
Sexta Semana Tiempo Ordinario, Fr. Julio César González Carretti OCD
 
Sergio steven carvajal morocho
Sergio steven carvajal morochoSergio steven carvajal morocho
Sergio steven carvajal morocho
 
Est02 limpiemos mexico
Est02   limpiemos mexicoEst02   limpiemos mexico
Est02 limpiemos mexico
 
Assim sou eu
Assim sou euAssim sou eu
Assim sou eu
 
REPORTE DE LECTURA PABLO ITCH GUERRERO
REPORTE DE LECTURA PABLO ITCH GUERREROREPORTE DE LECTURA PABLO ITCH GUERRERO
REPORTE DE LECTURA PABLO ITCH GUERRERO
 
Planificación y desarrollo UFT
Planificación y desarrollo UFTPlanificación y desarrollo UFT
Planificación y desarrollo UFT
 
CARMELO DE TERESA: Communicationes 307
CARMELO DE TERESA: Communicationes 307CARMELO DE TERESA: Communicationes 307
CARMELO DE TERESA: Communicationes 307
 
Mi entorno personal de aprendizaje
Mi entorno personal de aprendizajeMi entorno personal de aprendizaje
Mi entorno personal de aprendizaje
 

Semelhante a Governo Eletrônico: 3 Ps essenciais

Do Governo Eletrônico ao Governo da Inovação
Do Governo Eletrônico ao Governo da Inovação Do Governo Eletrônico ao Governo da Inovação
Do Governo Eletrônico ao Governo da Inovação Itesp
 
Luis vidigal 1999 a revolucao ap
Luis vidigal 1999   a revolucao apLuis vidigal 1999   a revolucao ap
Luis vidigal 1999 a revolucao apLuis Vidigal
 
Curso Governo Eletrônico, Estado do Rio Grande do Sul Junho de 2010
Curso Governo Eletrônico, Estado do Rio Grande do Sul Junho de 2010Curso Governo Eletrônico, Estado do Rio Grande do Sul Junho de 2010
Curso Governo Eletrônico, Estado do Rio Grande do Sul Junho de 2010DEGESP
 
O Futuro do Governo Eletrônico - Roberto Agune
O Futuro do Governo Eletrônico - Roberto AguneO Futuro do Governo Eletrônico - Roberto Agune
O Futuro do Governo Eletrônico - Roberto AguneinovaDay .
 
Cidadania digital e democratização electronica
Cidadania digital e democratização electronicaCidadania digital e democratização electronica
Cidadania digital e democratização electronicaCarlos Costa
 
Importancia Das Tic Na Sociedade
Importancia Das Tic Na SociedadeImportancia Das Tic Na Sociedade
Importancia Das Tic Na Sociedadenovageracao
 
Pmsp Programa Inova GestãO 2009 Igov Ano Zero Final Imp
Pmsp Programa Inova GestãO 2009 Igov   Ano Zero Final   ImpPmsp Programa Inova GestãO 2009 Igov   Ano Zero Final   Imp
Pmsp Programa Inova GestãO 2009 Igov Ano Zero Final ImpInova Gestão
 
Inclusão digital
Inclusão digitalInclusão digital
Inclusão digitalDanny Cunha
 
Palestra Governo EletrôNico E InovaçãO Procergs Final VersãO Completa
Palestra Governo EletrôNico E InovaçãO   Procergs Final VersãO CompletaPalestra Governo EletrôNico E InovaçãO   Procergs Final VersãO Completa
Palestra Governo EletrôNico E InovaçãO Procergs Final VersãO CompletainovaDay .
 
3º Congresso sobre Gestão de Pessoas no Setor Público Paulista
3º Congresso sobre Gestão de Pessoas no Setor Público Paulista3º Congresso sobre Gestão de Pessoas no Setor Público Paulista
3º Congresso sobre Gestão de Pessoas no Setor Público PaulistainovaDay .
 
Artigo CONGRESSO INTERNACIONAL GOVERNO 2013 - Cloud Computing: Potencial de M...
Artigo CONGRESSO INTERNACIONAL GOVERNO 2013 - Cloud Computing: Potencial de M...Artigo CONGRESSO INTERNACIONAL GOVERNO 2013 - Cloud Computing: Potencial de M...
Artigo CONGRESSO INTERNACIONAL GOVERNO 2013 - Cloud Computing: Potencial de M...Marcelo Veloso
 
Cidades Brilhantes - Insight Memorável
Cidades Brilhantes - Insight MemorávelCidades Brilhantes - Insight Memorável
Cidades Brilhantes - Insight MemorávelHumberto Ribeiro
 
CIDADES BRILHANTES - Insight Memorável
CIDADES BRILHANTES - Insight MemorávelCIDADES BRILHANTES - Insight Memorável
CIDADES BRILHANTES - Insight MemorávelMemora S.A.
 
06 curso ippuc-aula_02
06 curso ippuc-aula_0206 curso ippuc-aula_02
06 curso ippuc-aula_02andressa bonn
 

Semelhante a Governo Eletrônico: 3 Ps essenciais (20)

Do Governo Eletrônico ao Governo da Inovação
Do Governo Eletrônico ao Governo da Inovação Do Governo Eletrônico ao Governo da Inovação
Do Governo Eletrônico ao Governo da Inovação
 
Luis vidigal 1999 a revolucao ap
Luis vidigal 1999   a revolucao apLuis vidigal 1999   a revolucao ap
Luis vidigal 1999 a revolucao ap
 
Curso Governo Eletrônico, Estado do Rio Grande do Sul Junho de 2010
Curso Governo Eletrônico, Estado do Rio Grande do Sul Junho de 2010Curso Governo Eletrônico, Estado do Rio Grande do Sul Junho de 2010
Curso Governo Eletrônico, Estado do Rio Grande do Sul Junho de 2010
 
I-Gov- O futuro é inovação CLAD 2006
I-Gov- O futuro é inovação CLAD 2006I-Gov- O futuro é inovação CLAD 2006
I-Gov- O futuro é inovação CLAD 2006
 
Clad 2006 português final
Clad 2006 português finalClad 2006 português final
Clad 2006 português final
 
O Futuro do Governo Eletrônico - Roberto Agune
O Futuro do Governo Eletrônico - Roberto AguneO Futuro do Governo Eletrônico - Roberto Agune
O Futuro do Governo Eletrônico - Roberto Agune
 
Revista municipal inovação para o cidadão
Revista municipal inovação para o cidadão Revista municipal inovação para o cidadão
Revista municipal inovação para o cidadão
 
Cidadania digital e democratização electronica
Cidadania digital e democratização electronicaCidadania digital e democratização electronica
Cidadania digital e democratização electronica
 
Importancia Das Tic Na Sociedade
Importancia Das Tic Na SociedadeImportancia Das Tic Na Sociedade
Importancia Das Tic Na Sociedade
 
Pmsp Programa Inova GestãO 2009 Igov Ano Zero Final Imp
Pmsp Programa Inova GestãO 2009 Igov   Ano Zero Final   ImpPmsp Programa Inova GestãO 2009 Igov   Ano Zero Final   Imp
Pmsp Programa Inova GestãO 2009 Igov Ano Zero Final Imp
 
Inclusão digital
Inclusão digitalInclusão digital
Inclusão digital
 
Palestra Governo EletrôNico E InovaçãO Procergs Final VersãO Completa
Palestra Governo EletrôNico E InovaçãO   Procergs Final VersãO CompletaPalestra Governo EletrôNico E InovaçãO   Procergs Final VersãO Completa
Palestra Governo EletrôNico E InovaçãO Procergs Final VersãO Completa
 
Governo eletrônico
Governo eletrônicoGoverno eletrônico
Governo eletrônico
 
3º Congresso sobre Gestão de Pessoas no Setor Público Paulista
3º Congresso sobre Gestão de Pessoas no Setor Público Paulista3º Congresso sobre Gestão de Pessoas no Setor Público Paulista
3º Congresso sobre Gestão de Pessoas no Setor Público Paulista
 
Artigo CONGRESSO INTERNACIONAL GOVERNO 2013 - Cloud Computing: Potencial de M...
Artigo CONGRESSO INTERNACIONAL GOVERNO 2013 - Cloud Computing: Potencial de M...Artigo CONGRESSO INTERNACIONAL GOVERNO 2013 - Cloud Computing: Potencial de M...
Artigo CONGRESSO INTERNACIONAL GOVERNO 2013 - Cloud Computing: Potencial de M...
 
Cidades Brilhantes - Insight Memorável
Cidades Brilhantes - Insight MemorávelCidades Brilhantes - Insight Memorável
Cidades Brilhantes - Insight Memorável
 
CIDADES BRILHANTES - Insight Memorável
CIDADES BRILHANTES - Insight MemorávelCIDADES BRILHANTES - Insight Memorável
CIDADES BRILHANTES - Insight Memorável
 
E gov(5)
E gov(5)E gov(5)
E gov(5)
 
06 curso ippuc-aula_02
06 curso ippuc-aula_0206 curso ippuc-aula_02
06 curso ippuc-aula_02
 
Transformação Digital do Governo 2018
Transformação Digital do Governo 2018Transformação Digital do Governo 2018
Transformação Digital do Governo 2018
 

Mais de Secretaria de Governo do Estado de São Paulo

Mais de Secretaria de Governo do Estado de São Paulo (20)

GCI SEFAZ SC
GCI SEFAZ SCGCI SEFAZ SC
GCI SEFAZ SC
 
Os Governos no Século 21 - A Difícil Transição
Os Governos no Século 21 - A Difícil TransiçãoOs Governos no Século 21 - A Difícil Transição
Os Governos no Século 21 - A Difícil Transição
 
Os Governos no Século 21
Os Governos no Século 21Os Governos no Século 21
Os Governos no Século 21
 
Radar da Inovação - O Que os Governos Precisam Enxergar - CONSAD 2015
Radar da Inovação - O Que os Governos Precisam Enxergar - CONSAD 2015Radar da Inovação - O Que os Governos Precisam Enxergar - CONSAD 2015
Radar da Inovação - O Que os Governos Precisam Enxergar - CONSAD 2015
 
Prontidão para Inovação - CLAD 2007
Prontidão para Inovação - CLAD 2007Prontidão para Inovação - CLAD 2007
Prontidão para Inovação - CLAD 2007
 
O Setor Público na Era do Conhecimento - CONSAD 2014
O Setor Público na Era do Conhecimento - CONSAD 2014O Setor Público na Era do Conhecimento - CONSAD 2014
O Setor Público na Era do Conhecimento - CONSAD 2014
 
Capacitação 360°: Da Cultura Inovadora à Aplicação - CONSAD 2013
Capacitação 360°: Da Cultura Inovadora à Aplicação - CONSAD 2013Capacitação 360°: Da Cultura Inovadora à Aplicação - CONSAD 2013
Capacitação 360°: Da Cultura Inovadora à Aplicação - CONSAD 2013
 
Por que Os Governos Precisam Inovar
Por que Os Governos Precisam InovarPor que Os Governos Precisam Inovar
Por que Os Governos Precisam Inovar
 
Conhecimento e Inovação no Setor Público
Conhecimento e Inovação no Setor PúblicoConhecimento e Inovação no Setor Público
Conhecimento e Inovação no Setor Público
 
Os Novos Desafios dos Governos
Os Novos Desafios dos GovernosOs Novos Desafios dos Governos
Os Novos Desafios dos Governos
 
Últimas Tendências em Inovação em Governo - A Implantação do igovLab
Últimas Tendências em Inovação em Governo - A Implantação do igovLabÚltimas Tendências em Inovação em Governo - A Implantação do igovLab
Últimas Tendências em Inovação em Governo - A Implantação do igovLab
 
Projeto Transparência - Como melhorar o ambiente de negócios no Estado de São...
Projeto Transparência - Como melhorar o ambiente de negócios no Estado de São...Projeto Transparência - Como melhorar o ambiente de negócios no Estado de São...
Projeto Transparência - Como melhorar o ambiente de negócios no Estado de São...
 
Governos - A hora do Choque de Conhecimento
Governos - A hora do Choque de ConhecimentoGovernos - A hora do Choque de Conhecimento
Governos - A hora do Choque de Conhecimento
 
Edgar Morin Podemos Reformar A Administração Pública
Edgar Morin  Podemos Reformar A Administração PúblicaEdgar Morin  Podemos Reformar A Administração Pública
Edgar Morin Podemos Reformar A Administração Pública
 
Como Formar Servidores para o Governo do Século XXI
Como Formar Servidores para o Governo do Século XXIComo Formar Servidores para o Governo do Século XXI
Como Formar Servidores para o Governo do Século XXI
 
Gestão do Conhecimento e Inovação no Setor Público
Gestão do Conhecimento e Inovação no Setor PúblicoGestão do Conhecimento e Inovação no Setor Público
Gestão do Conhecimento e Inovação no Setor Público
 
Gestão Inovadora Para Empresas Públicas
Gestão Inovadora Para Empresas PúblicasGestão Inovadora Para Empresas Públicas
Gestão Inovadora Para Empresas Públicas
 
Novos Tempos, Novos Desafios
Novos Tempos, Novos DesafiosNovos Tempos, Novos Desafios
Novos Tempos, Novos Desafios
 
Inovar é Preciso, Senhores Prefeitos
Inovar é Preciso, Senhores PrefeitosInovar é Preciso, Senhores Prefeitos
Inovar é Preciso, Senhores Prefeitos
 
10 Dicas para Construir uma Cidade Inovadora
10 Dicas para Construir uma Cidade Inovadora10 Dicas para Construir uma Cidade Inovadora
10 Dicas para Construir uma Cidade Inovadora
 

Último

A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...Unidad de Espiritualidad Eudista
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxacaciocarmo1
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024GleyceMoreiraXWeslle
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoCelianeOliveira8
 
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.azulassessoria9
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREIVONETETAVARESRAMOS
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullyingMary Alvarenga
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxEVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxHenriqueLuciano2
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbyasminlarissa371
 
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTECAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTEJoaquim Colôa
 
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfO Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfQueleLiberato
 
atividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãoatividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãodanielagracia9
 
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxJMTCS
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terraBiblioteca UCS
 

Último (20)

A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
 
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
 
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
 
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxEVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTECAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
 
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfO Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
 
atividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãoatividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetização
 
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
 
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
 

Governo Eletrônico: 3 Ps essenciais

  • 1. Governo Eletrônico: Com P maiúsculo. A expressão governo eletrônico nos remete prontamente a uma forma de administração pública calcada no uso intensivo das modernas tecnologias da informação e comunicação, com vistas a melhorar os serviços prestados ao cidadão. De fato, sem computadores e sem redes de comunicação, a internet principalmente, não há como se pensar nesse novo tipo de gestão. O que nem sempre fica claro, no entanto, é que só com tecnologia, por mais moderna que seja ela, não se faz governo eletrônico. A verdadeira dimensão dessa forma de administrar só é encontrada quanto investigamos três “ps" que estão por trás dele: princípios, processos e pessoas. Não há governo eletrônico sério sem princípios. Transparência, profissionalização e responsabilização são valores que antecedem qualquer processo modernizador, sob pena de tornar este esforço, mero refém da tecnologia. Processos velhos em embalagem nova também não fazem sucesso. Para melhor atender as demandas da cidadania precisamos redesenhar nossa maneira de trabalhar, esforço que envolve um constante descartar e inovar. Finalmente, não há governo eletrônico sem que as pessoas olhem além de suas salas e estejam dispostas a compartilhar o que sabem com seus colegas de administração. São os servidores que criam o conhecimento que irá gerar uma ação de governo efetiva, e esse saber não pode ficar isolado. Em síntese, governo eletrônico, mais do que computadores conectados, significa pessoas conectadas.