Hábitos de leitura

226 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
226
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Hábitos de leitura

  1. 1. - Instrumentos que nos auxiliam a receber e/ou transmitir informação; - Jornais; Revistas; Livros.
  2. 2. Uma das principais fontes de informação da sociedade atual Jornais Começou a ganhar força a partir da invenção da imprensa móvel de GutenbergGeralmente é diário e abordauma diversidade de temas queinteressa a todos os gostos
  3. 3. Semanal ou periódica Revistas A revista geralmente possui sempre um tema central que Famosas pela sua atrai pessoas interessadas nessecaracterística “cor-de-rosa”. assunto
  4. 4. Livros Continuam a reinar nos interesses dos jovens, fazendo parte das suas ocupações em tempos livres, contribuindo tanto para a sua culturaSão dos mais importantes meios. geral/conhecimento, comoAgrupados como produto para o desenvolvimento dasintelectual, pelo conhecimento e suas capacidades de leitura,pelas expressões individuais e compreensão, escrita e,coletivas que transbordam também, criativas.
  5. 5. Com as novas aquisições tecnológicas (computador etelemóvel), passaram a dar menos importância aos meios escritos impressos; não possuem hábitos de leitura; mostram desinteresse total pelo assunto.
  6. 6. Perguntas de partidaA ideia pré-concebida de que o universitário do séc. XXI não se interessa por adquirir cultura literária será verdade? Ou será que osestudantes universitários da Penha têm hábitos de leitura frequentes?
  7. 7. Etapas para a elaboração da pesquisa:1ª etapa - escolha de um tema pertinente;2ª etapa - investigação prévia acerca das temáticasa abordar e dos tipos de leitura existentes;3ª etapa - escolha da população;4ª etapa - decidir que tipo de metodologia usar.
  8. 8. O Inquérito por Questionário. 50 alunos, 26 do sexo feminino e 24 do sexo masculino;. Entregues de forma aleatória por cada escola inserida no campus da Penha; . Administrados de forma direta.
  9. 9. Os inquéritos por questionário, sãofragmentados, para cada pergunta e respostaé elaborado um gráfico, explícito e de fácilentendimento, para que depois o investigadorconsiga retirar conclusões, não só para aelaboração do relatório final, mas tambémpara a preparação de gráficos maiselaborados, onde se evidência de uma formamais profunda e complexa os resultados dainvestigação.
  10. 10. Entrevista não estruturada Diretora da Biblioteca do campus da Penha, Dr. Maria João Barradas;Propusemos tópicos de reflexão, contudo esta decorreu como uma conversa entre ambas as partes.
  11. 11. Entrevista estruturadaOana Sandu, funcionária de um quiosque, onde se vende todo o tipo de leitura de lazer, perto do campus em estudo.
  12. 12. Questões de Pesquisa• Terão os universitários do campus da Penha hábitos frequentes de leitura?• Que preferências literárias têm os universitários da Penha?• Que tipos de leitura de lazer preferem os alunos da Penha?
  13. 13. A primeira pergunta, que nos propusemosresponder com base nos inquéritos porquestionário, será a pergunta fulcral nestanossa análise, uma vez que, como já foireferido, o nosso intuito é afirmar oucontrariar a ideia pré-concebida de que osjovens universitários não têm interesse pelacultura literária, não mostrando qualquerinteresse pelas letras, não se formandopositivamente pelo gosto da leitura.
  14. 14. Através das respostas à segundapergunta, os investigadores pretendemestabelecer um quadro referência, ondeespecificamos o grau de interesse destesjovens por determinados tipos literários,nomeadamente o romance, a biografia, aaventura, os clássicos épicos, o terror, abanda desenhada, o drama, a fantasia, ascrónicas, os policiais, a ficção científica, atragédia, os contos e a poesia.
  15. 15. Finalmente, a nossa última pergunta departida, que se relaciona mais comentretenimento que a leitura tem na vida dosestudantes. O impacto ou os hábitos que estetem no que toca á aquisição de revistas ejornais, sendo estes considerados leitura delazer. Inserimos nesta temática os jornais e asrevistas, tentado especificar quanto aogénero, nomeadamente, o desportivo, oinformativo, o científico, as revistas decinema, de música e de jogos, assim como aschamadas revistas “cor-de-rosa”.
  16. 16. Problemas que poderiam surgir Certa resistência por parte dos inquiridos ou dos entrevistados Estabelecemos contacto imediato com quem iriamos entrevistar, e tentamos mostrar sempre cordialidade paracom os estudantes que se propuseram a preencher o nosso inquérito por questionário
  17. 17. Falsidade dos resultados Procurarmos informações em mais fontes que não fossem os alunos, neste caso, procedemos á entrevista aduas fontes diferentes. Esta procura de informação variada facilitou, em muito a nossa investigação, passando de resultados mais abstratos a concretos.

×