Uma das dificuldades, no interrelacionamento pessoal,
 é constituída pela falta de cuidado nas conversações.
As criaturas, dominadas pelos conflitos, perdem,
 a pouco e pouco, a habilidade para bem ouvir.
Ouvir é uma arte como outra qualquer que exige
         interesse e propõe cuidados.
Procura ouvir sem preconceito; porém, com respeito.
O que ouças, deve ser digerido, a fim de bem assimilado.
Evita ouvir, discutindo mentalmente, recusando-te,
               julgando, protestando.
Dominado pelo emocional, perderás o melhor da
     palavra, confundindo o raciocínio.
Ouve desse modo, sem ansiedade, sem rebeldia interior.
Quando não entendas o pensamento, pede para que seja
    repetido; ...
O homem fala para melhor entender o seu próximo.
Ouvindo-o com equilíbrio, pode dirimir os equívocos e
      aprender tudo...
Quem ouve bem, aprende, entesoura e renova-se,
sabendo selecionar o que lhe é útil, daquilo que deve ser
              rac...
Ouve, portanto, sem perturbação, a fim de lograres
                    precisão.
Ouvir Com AtençãO
Ouvir Com AtençãO
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Ouvir Com AtençãO

1.036 visualizações

Publicada em

Publicada em: Saúde e medicina, Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.036
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
21
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ouvir Com AtençãO

  1. 1. Uma das dificuldades, no interrelacionamento pessoal, é constituída pela falta de cuidado nas conversações.
  2. 2. As criaturas, dominadas pelos conflitos, perdem, a pouco e pouco, a habilidade para bem ouvir.
  3. 3. Ouvir é uma arte como outra qualquer que exige interesse e propõe cuidados.
  4. 4. Procura ouvir sem preconceito; porém, com respeito. O que ouças, deve ser digerido, a fim de bem assimilado.
  5. 5. Evita ouvir, discutindo mentalmente, recusando-te, julgando, protestando.
  6. 6. Dominado pelo emocional, perderás o melhor da palavra, confundindo o raciocínio.
  7. 7. Ouve desse modo, sem ansiedade, sem rebeldia interior. Quando não entendas o pensamento, pede para que seja repetido; se te não surge clara a ideia, propõe esclarecimento.
  8. 8. O homem fala para melhor entender o seu próximo. Ouvindo-o com equilíbrio, pode dirimir os equívocos e aprender tudo quanto esteja ao alcance.
  9. 9. Quem ouve bem, aprende, entesoura e renova-se, sabendo selecionar o que lhe é útil, daquilo que deve ser racionalmente dispensado.
  10. 10. Ouve, portanto, sem perturbação, a fim de lograres precisão.

×