SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 3
FEUDALISMO
Foi uma organização econômica, política e
social baseada na posse da terra - o feudo -
que predominou na Europa Ocidental durante
a Baixa Idade Média.
ORIGENS
-Crise do escravismo romano;
-Invasões bárbaras;
-Ruralização (saída da cidade para o meio rural);
SOCIEDADE
Estamental—Não
havia mobilidade
social (chance de
mudar de classe)
RELAÇÕES SERVIS
-Senhores Feudais- Deviam
sustentar e proteger os servos;
-Servos- Deviam Trabalhar em troca
de proteção , pagavam vários
impostos:
(corveia, mão morta, banalidades,
talha, etc)
CARACTEÍSTICAS
-Poder Descentralizado (cada senhor feudal mandava no seu
feudo, o poder do rei era fraco nesse período;
-Economia era Agrária- O comércio ainda não era forte.
-Havia relações de suserania: O Suserano doava o feudo para
um vassalo que o recebia e jurava fidelidade.
CRISE DO FEUDALISMO - MOTIVOS
-Renascimento comercial e Urbano; Surgimento da Burguesia (comerciantes); Cruzadas (Guerras Santas entre os Cristãos e os Turcos Seldjúcidas); Peste Negra;
Grande Fome; Revoltas Camponesas; Guerra dos Cem Anos e Formação das Monarquias Nacionais (o poder agora era absoluto e estava nas mãos dos reis).
GRÉCIA ANTIGA
Formada por 4 povos: Os aqueus, os jônios, os
eólios e os dórios .
LOCALIZAÇÃO
A Grécia antiga compreendia uma região chamada
Hélade e ocupava o sul dos Bálcãs (Grécia
continental), a Península do Peloponeso (Grécia
peninsular), as ilhas do Mar Egeu (Grécia Insular),
além das colônias na costa da Ásia Menor e no sul
da Península Itálica (Magna Grécia).
SOCIEDADE
DIVISÃO HISTÓRICA
-Período Pré-Homérico
-Período Homérico
-Período Arcaico
-Período Clássico-
CARACTEÍSTICAS
1° GHENOS (Comunidades agrícolas familiares chefiadas pelo
patriarca)
2° POLIS (cidades-Estados Gregas) – As duas principais ATENAS
(Berço da democracia – governo do povo, onde mulheres,
estrangeiros e escravos não eram considerados cidadãos) e
ESPARTA (altamente militar)
GUERRAS
Guerras Médicas (gregos x persas ) e Guerra do Peloponeso (gregos x gregos) essas guerras
enfraqueceram as cidades-Estados gregas permitindo que fossem dominadas pelos macedônios.
RELIGIÃO
Politeísmo – (crença em vários deuses)
Antropomorfismo –(deuses (as) que
tinham a forma humana. Exemplo : Zeus,
Poseídon, Hades, Hera, Atena, etc)
ROMA ANTIGA
PATRÍCIOS x PLEBEUS
LOCALIZAÇÃO
Península Itálica (Rio Tibre)
SOCIEDADE
DIVISÃO HISTÓRICA
-Monarquia (753 a. C a 509 a.C.)
-República (509 a.C. a 27 a. C.)
-Império (27 a.C. a 476 d. C. )
EXPANSÃO ROMANA
Após dominar toda a Península Itálica, os romanos partiram para as conquistas de outros
territórios. Com um exército bem preparado e com muitos recursos, venceram os
cartagineses,, nas Guerras Púnicas (século III a.C.). Esta vitória foi muito importante, pois
garantiu a supremacia romana no Mar Mediterrâneo (Mare Nostrum). Após dominar
Cartago, Roma ampliou suas conquistas dominando a Grécia, o Egito, a Macedônia, a Gália,
a Germânia, a Trácia, a Síria e a Palestina.
ORIGEM HISTÓRICA
Formada da mistura de 3 povos:
etruscos , italiotas (latinos e
sabinos) e gregos .
CRISE DA REPÚBLICA
Com as guerras os generais ganharam
poder resultando na formação dos
Triunviratos ( 1°- Júlio César, Crasso e
Pompeu) , (2° - Marco Antônio, Lépido e
Otávio (que depois se torna o 1°
imperador romano instaurando a famosa
política do “pão e circo”).
ORIGEM LENDÁRIA
Mito de Rômulo e Remo
Os patrícios lutavam para preservar privilégios e defender seus interesses
políticos e econômicos e os plebeus por mais direitos e menos exploração.
Direitos conquistados pelos plebeus- Tribunos da plebe, Leis das XII tábuas, Leis
Licínias e Lei Canuleia.
Tentativa de Reforma Agrária – (redistribuição de terras do Estado
conseguidas com as guerras de conquista para todos os cidadãos romanos )
realizada pelos irmãos Tibério e Caio Graco (que eram tribunos da plebe).
FIM DO IMPÉRIO ROMANO DO OCIDENTE
Motivos: Colapso da escravidão, disputas por poder, invasões bárbaras,
Tentativas de salvar o Império- Divisão : Império Romano do Oriente (capital Constantinopla que sobreviveu
até 1453) e Império Romano do Ocidente (capital em Roma, destruído em 476).

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Proclamação da república
Proclamação da repúblicaProclamação da república
Proclamação da república
Fabiana Tonsis
 
Aula sobre 1ª Guerra Mundial - 9º ano
Aula sobre 1ª Guerra Mundial - 9º anoAula sobre 1ª Guerra Mundial - 9º ano
Aula sobre 1ª Guerra Mundial - 9º ano
7 de Setembro
 
O TEMPO NA HISTÓRIA - HISTÓRIA TEMPO E ESPAÇO
O TEMPO NA HISTÓRIA - HISTÓRIA TEMPO E ESPAÇOO TEMPO NA HISTÓRIA - HISTÓRIA TEMPO E ESPAÇO
O TEMPO NA HISTÓRIA - HISTÓRIA TEMPO E ESPAÇO
Ana Selma Sena Santos
 
Linha do Tempo - História
Linha do Tempo - HistóriaLinha do Tempo - História
Linha do Tempo - História
Carson Souza
 

Mais procurados (20)

Exercicios 6 ano grecia
Exercicios 6 ano greciaExercicios 6 ano grecia
Exercicios 6 ano grecia
 
1° ano império romano - completo
1° ano    império romano - completo1° ano    império romano - completo
1° ano império romano - completo
 
Mapa conceitual Absolutismo e Mercantilismo
Mapa conceitual Absolutismo e MercantilismoMapa conceitual Absolutismo e Mercantilismo
Mapa conceitual Absolutismo e Mercantilismo
 
Império bizantino
Império bizantinoImpério bizantino
Império bizantino
 
Atividade do filme tempos modernos - Prof. Ms. Noe Assunção
Atividade do filme tempos modernos - Prof. Ms. Noe AssunçãoAtividade do filme tempos modernos - Prof. Ms. Noe Assunção
Atividade do filme tempos modernos - Prof. Ms. Noe Assunção
 
Proclamação da república
Proclamação da repúblicaProclamação da república
Proclamação da república
 
1° ano - Mesopotâmia
1° ano - Mesopotâmia1° ano - Mesopotâmia
1° ano - Mesopotâmia
 
Astecas maias e incas
Astecas maias e incasAstecas maias e incas
Astecas maias e incas
 
Aula sobre 1ª Guerra Mundial - 9º ano
Aula sobre 1ª Guerra Mundial - 9º anoAula sobre 1ª Guerra Mundial - 9º ano
Aula sobre 1ª Guerra Mundial - 9º ano
 
Avaliação 9º ano república velha, guerra de canudos, revolta da vacina
Avaliação 9º ano república velha, guerra de canudos, revolta da vacinaAvaliação 9º ano república velha, guerra de canudos, revolta da vacina
Avaliação 9º ano república velha, guerra de canudos, revolta da vacina
 
Roma Antiga
Roma AntigaRoma Antiga
Roma Antiga
 
REINOS AFRICANOS
REINOS AFRICANOSREINOS AFRICANOS
REINOS AFRICANOS
 
O TEMPO NA HISTÓRIA - HISTÓRIA TEMPO E ESPAÇO
O TEMPO NA HISTÓRIA - HISTÓRIA TEMPO E ESPAÇOO TEMPO NA HISTÓRIA - HISTÓRIA TEMPO E ESPAÇO
O TEMPO NA HISTÓRIA - HISTÓRIA TEMPO E ESPAÇO
 
Linha do Tempo - História
Linha do Tempo - HistóriaLinha do Tempo - História
Linha do Tempo - História
 
Mercantilismo
MercantilismoMercantilismo
Mercantilismo
 
República Oligárquica
República OligárquicaRepública Oligárquica
República Oligárquica
 
História, fontes e historiadores
História, fontes e historiadoresHistória, fontes e historiadores
História, fontes e historiadores
 
3ºano - Primeira Guerra Mundial - 1914 a 1918
3ºano - Primeira Guerra Mundial - 1914 a 19183ºano - Primeira Guerra Mundial - 1914 a 1918
3ºano - Primeira Guerra Mundial - 1914 a 1918
 
A colonização da América portuguesa
A colonização da América portuguesaA colonização da América portuguesa
A colonização da América portuguesa
 
Primeira guerra mundial
Primeira guerra mundialPrimeira guerra mundial
Primeira guerra mundial
 

Semelhante a Mapa mental sobre o Feudalismo, Grécia Antiga e Roma (20)

GRÉCIA e ROMA.ppt
GRÉCIA e ROMA.pptGRÉCIA e ROMA.ppt
GRÉCIA e ROMA.ppt
 
4
44
4
 
Grécia antiga .pptx
Grécia antiga .pptxGrécia antiga .pptx
Grécia antiga .pptx
 
Antiguidade ocidental completo
Antiguidade ocidental completoAntiguidade ocidental completo
Antiguidade ocidental completo
 
R O M A A N T I G A
R O M A  A N T I G AR O M A  A N T I G A
R O M A A N T I G A
 
gastronomia
gastronomiagastronomia
gastronomia
 
Antiguidade Clássica
Antiguidade ClássicaAntiguidade Clássica
Antiguidade Clássica
 
Antiguidade Oriental
Antiguidade OrientalAntiguidade Oriental
Antiguidade Oriental
 
PPT - Civilização Romana
PPT - Civilização RomanaPPT - Civilização Romana
PPT - Civilização Romana
 
Semi extensivo - frente 2 módulos 1 e 2- esparta e atenas
Semi extensivo - frente 2 módulos 1 e  2- esparta e atenasSemi extensivo - frente 2 módulos 1 e  2- esparta e atenas
Semi extensivo - frente 2 módulos 1 e 2- esparta e atenas
 
Roma
RomaRoma
Roma
 
Antiguida..
Antiguida..Antiguida..
Antiguida..
 
Grécia Resumo
Grécia ResumoGrécia Resumo
Grécia Resumo
 
Grécia antiga
Grécia antigaGrécia antiga
Grécia antiga
 
Trabalho
TrabalhoTrabalho
Trabalho
 
Império romano
Império romanoImpério romano
Império romano
 
Antiguidade clássica roma 7ano
Antiguidade clássica roma 7anoAntiguidade clássica roma 7ano
Antiguidade clássica roma 7ano
 
Grécia: economia, sociedade, religião, aspectos culturais
Grécia: economia, sociedade, religião, aspectos culturaisGrécia: economia, sociedade, religião, aspectos culturais
Grécia: economia, sociedade, religião, aspectos culturais
 
Roma antiga
Roma antigaRoma antiga
Roma antiga
 
Aula 03 roma
Aula 03   romaAula 03   roma
Aula 03 roma
 

Mais de Jéssica Frontelli

Mais de Jéssica Frontelli (11)

CULTURA, ARTES E ESPORTE na década de 1950.pptx
CULTURA, ARTES E ESPORTE na década de 1950.pptxCULTURA, ARTES E ESPORTE na década de 1950.pptx
CULTURA, ARTES E ESPORTE na década de 1950.pptx
 
MESOPOTÂMIA- MAPA MENTAL PARA O 6° ANO .pptx
MESOPOTÂMIA- MAPA MENTAL PARA O 6° ANO .pptxMESOPOTÂMIA- MAPA MENTAL PARA O 6° ANO .pptx
MESOPOTÂMIA- MAPA MENTAL PARA O 6° ANO .pptx
 
CONTEÚDOS DA PROVA PARANÁ PARA O 7° ANO.pptx
CONTEÚDOS DA PROVA PARANÁ PARA O  7° ANO.pptxCONTEÚDOS DA PROVA PARANÁ PARA O  7° ANO.pptx
CONTEÚDOS DA PROVA PARANÁ PARA O 7° ANO.pptx
 
ESTAÇÃO DE APRENDIZAGEM REVOLUÇÃO INDUSTRIAL.pptx
ESTAÇÃO DE APRENDIZAGEM REVOLUÇÃO INDUSTRIAL.pptxESTAÇÃO DE APRENDIZAGEM REVOLUÇÃO INDUSTRIAL.pptx
ESTAÇÃO DE APRENDIZAGEM REVOLUÇÃO INDUSTRIAL.pptx
 
REFORÇO DA APRENDIZAGEM DOS CONTEÚDOS DE HISTÓRIA.pptx
REFORÇO DA APRENDIZAGEM DOS CONTEÚDOS DE HISTÓRIA.pptxREFORÇO DA APRENDIZAGEM DOS CONTEÚDOS DE HISTÓRIA.pptx
REFORÇO DA APRENDIZAGEM DOS CONTEÚDOS DE HISTÓRIA.pptx
 
cultura na década de 1950-Histontemporâneaória C
cultura na década de  1950-Histontemporâneaória Ccultura na década de  1950-Histontemporâneaória C
cultura na década de 1950-Histontemporâneaória C
 
HISTÓRIA-MUDANÇAS E PERMANÊNCIAS- PROFISSÕES ANTIGAS.pptx
HISTÓRIA-MUDANÇAS E PERMANÊNCIAS- PROFISSÕES ANTIGAS.pptxHISTÓRIA-MUDANÇAS E PERMANÊNCIAS- PROFISSÕES ANTIGAS.pptx
HISTÓRIA-MUDANÇAS E PERMANÊNCIAS- PROFISSÕES ANTIGAS.pptx
 
fenicios .pdf
fenicios .pdffenicios .pdf
fenicios .pdf
 
musicas_e_artistas_-_vargas_-_final.pdf
musicas_e_artistas_-_vargas_-_final.pdfmusicas_e_artistas_-_vargas_-_final.pdf
musicas_e_artistas_-_vargas_-_final.pdf
 
As origens das_comemoracoes_do_natal
As origens das_comemoracoes_do_natalAs origens das_comemoracoes_do_natal
As origens das_comemoracoes_do_natal
 
O jogo do contrário em avaliação
O jogo do contrário em avaliaçãoO jogo do contrário em avaliação
O jogo do contrário em avaliação
 

Último

História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
GisellySobral
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
aulasgege
 

Último (20)

MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdfMESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
 
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresModelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
 
Quando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
Quando a escola é de vidro, de Ruth RochaQuando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
Quando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
 
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdfUFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
 
Quiz | Dia da Europa 2024 (comemoração)
Quiz | Dia da Europa 2024  (comemoração)Quiz | Dia da Europa 2024  (comemoração)
Quiz | Dia da Europa 2024 (comemoração)
 
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
 
Novena de Pentecostes com textos de São João Eudes
Novena de Pentecostes com textos de São João EudesNovena de Pentecostes com textos de São João Eudes
Novena de Pentecostes com textos de São João Eudes
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da CapivaraPré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
 
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
 
Questões sobre o Mito da Caverna de Platão
Questões sobre o Mito da Caverna de PlatãoQuestões sobre o Mito da Caverna de Platão
Questões sobre o Mito da Caverna de Platão
 
12_mch9_nervoso.pptx...........................
12_mch9_nervoso.pptx...........................12_mch9_nervoso.pptx...........................
12_mch9_nervoso.pptx...........................
 
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
 
Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja
 
Teatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundarioTeatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundario
 
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
 

Mapa mental sobre o Feudalismo, Grécia Antiga e Roma

  • 1. FEUDALISMO Foi uma organização econômica, política e social baseada na posse da terra - o feudo - que predominou na Europa Ocidental durante a Baixa Idade Média. ORIGENS -Crise do escravismo romano; -Invasões bárbaras; -Ruralização (saída da cidade para o meio rural); SOCIEDADE Estamental—Não havia mobilidade social (chance de mudar de classe) RELAÇÕES SERVIS -Senhores Feudais- Deviam sustentar e proteger os servos; -Servos- Deviam Trabalhar em troca de proteção , pagavam vários impostos: (corveia, mão morta, banalidades, talha, etc) CARACTEÍSTICAS -Poder Descentralizado (cada senhor feudal mandava no seu feudo, o poder do rei era fraco nesse período; -Economia era Agrária- O comércio ainda não era forte. -Havia relações de suserania: O Suserano doava o feudo para um vassalo que o recebia e jurava fidelidade. CRISE DO FEUDALISMO - MOTIVOS -Renascimento comercial e Urbano; Surgimento da Burguesia (comerciantes); Cruzadas (Guerras Santas entre os Cristãos e os Turcos Seldjúcidas); Peste Negra; Grande Fome; Revoltas Camponesas; Guerra dos Cem Anos e Formação das Monarquias Nacionais (o poder agora era absoluto e estava nas mãos dos reis).
  • 2. GRÉCIA ANTIGA Formada por 4 povos: Os aqueus, os jônios, os eólios e os dórios . LOCALIZAÇÃO A Grécia antiga compreendia uma região chamada Hélade e ocupava o sul dos Bálcãs (Grécia continental), a Península do Peloponeso (Grécia peninsular), as ilhas do Mar Egeu (Grécia Insular), além das colônias na costa da Ásia Menor e no sul da Península Itálica (Magna Grécia). SOCIEDADE DIVISÃO HISTÓRICA -Período Pré-Homérico -Período Homérico -Período Arcaico -Período Clássico- CARACTEÍSTICAS 1° GHENOS (Comunidades agrícolas familiares chefiadas pelo patriarca) 2° POLIS (cidades-Estados Gregas) – As duas principais ATENAS (Berço da democracia – governo do povo, onde mulheres, estrangeiros e escravos não eram considerados cidadãos) e ESPARTA (altamente militar) GUERRAS Guerras Médicas (gregos x persas ) e Guerra do Peloponeso (gregos x gregos) essas guerras enfraqueceram as cidades-Estados gregas permitindo que fossem dominadas pelos macedônios. RELIGIÃO Politeísmo – (crença em vários deuses) Antropomorfismo –(deuses (as) que tinham a forma humana. Exemplo : Zeus, Poseídon, Hades, Hera, Atena, etc)
  • 3. ROMA ANTIGA PATRÍCIOS x PLEBEUS LOCALIZAÇÃO Península Itálica (Rio Tibre) SOCIEDADE DIVISÃO HISTÓRICA -Monarquia (753 a. C a 509 a.C.) -República (509 a.C. a 27 a. C.) -Império (27 a.C. a 476 d. C. ) EXPANSÃO ROMANA Após dominar toda a Península Itálica, os romanos partiram para as conquistas de outros territórios. Com um exército bem preparado e com muitos recursos, venceram os cartagineses,, nas Guerras Púnicas (século III a.C.). Esta vitória foi muito importante, pois garantiu a supremacia romana no Mar Mediterrâneo (Mare Nostrum). Após dominar Cartago, Roma ampliou suas conquistas dominando a Grécia, o Egito, a Macedônia, a Gália, a Germânia, a Trácia, a Síria e a Palestina. ORIGEM HISTÓRICA Formada da mistura de 3 povos: etruscos , italiotas (latinos e sabinos) e gregos . CRISE DA REPÚBLICA Com as guerras os generais ganharam poder resultando na formação dos Triunviratos ( 1°- Júlio César, Crasso e Pompeu) , (2° - Marco Antônio, Lépido e Otávio (que depois se torna o 1° imperador romano instaurando a famosa política do “pão e circo”). ORIGEM LENDÁRIA Mito de Rômulo e Remo Os patrícios lutavam para preservar privilégios e defender seus interesses políticos e econômicos e os plebeus por mais direitos e menos exploração. Direitos conquistados pelos plebeus- Tribunos da plebe, Leis das XII tábuas, Leis Licínias e Lei Canuleia. Tentativa de Reforma Agrária – (redistribuição de terras do Estado conseguidas com as guerras de conquista para todos os cidadãos romanos ) realizada pelos irmãos Tibério e Caio Graco (que eram tribunos da plebe). FIM DO IMPÉRIO ROMANO DO OCIDENTE Motivos: Colapso da escravidão, disputas por poder, invasões bárbaras, Tentativas de salvar o Império- Divisão : Império Romano do Oriente (capital Constantinopla que sobreviveu até 1453) e Império Romano do Ocidente (capital em Roma, destruído em 476).