Regulamento Pernambucano

1.301 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.301
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
102
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Regulamento Pernambucano

  1. 1. 1º CAMPEONATO PERNAMBUCANO CATEGORIA : ADULTO Ç Ã O E S TA E RA DU D AL FE Fu te b o l S o c ie t y P e rn a m b u c o 1
  2. 2. REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I Da Denominação e da Participação Art. 1º O CAMPEONATO PERNAMBUCANO DE FUTEBOL SETE SOCIETY 2010, é uma competição promovida pela Federação Estadual de Futebol 7 Society do Estado de Pernambuco com a participação dos clubes Filiados a federação acima citada. I – Clubes Participantes. Equipes 1. AABB do Recife 2. Ibis Sport Clube 3. Targifor Futebol Society 4. Vitoriosos Futebol Society 5. Boa Vista 6. Residenc 7. Cartilagem Futebol Society 8. Pioneira Futebol Society 9. Novatos Futebol Clube 10. Bijusete CAPÍTULO II Dos Troféus e dos Títulos Art. 2º A associação que, ao final da competição for considerada a vencedora, será atribuído o título de CAMPEÃ e à segunda colocada o título de VICE-CAMPEÃ. Art. 3º A CAMPEÃ e a VICE-CAMPEÃ receberão, cada uma, um troféu e 20 medalhas. Serão premiados também o artilheiro, o goleiro menos vazado e o “Craque do Campeonato”, cada um receberá um troféu personalizado da competição. CAPÍTULO III Da Forma de Disputa Art. 4º A competição será disputada em 4 (quatro) Fases: I- 1ª Fase: 02 Grupos de 05 Equipes; II - 2ª Fase: Semifinais; II - 3ª Fase: Finais. 1ª Fase - Grupos Art. 5º Na 1ª Fase - Grupos, as 10 equipes inscritas serão divididas em 2 (dois) grupos abaixo especificados, e jogarão entre si, com sistema de ida e volta, conforme tabela elaborada pelo 2
  3. 3. Departamento Técnico da FEF7SPE, com contagem corrida de pontos ganhos, classificando-se para a 2ª Fase – Semi Finais, as 02 (duas) primeiras colocadas de cada grupo, observados, em caso de empate, os critérios de índices técnicos estabelecidos no art. 10 deste Regulamento. GRUPO A Ibis Sport Club Boa Vista Vitoriosos Cartilagem Novatos GRUPO B AABB Targifor Pioneira Residenc Bijusete 2ª Fase – Semi Finais Art. 6º A 2ª Fase – Semi Finais será disputada pelas equipes classificadas na 1ª Fase, que formarão conforme abaixo, e jogarão no sistema de mata-a-mata. Com jogos de ida e volta. Jogo 1 - 2º Colocado do Grupo A x 1º Colocado da Grupo B Jogo 2 - 2º Colocado do Grupo B x 1º Colocado do Grupo A Jogo 1 - 1º Colocado do Grupo A x 2º Colocado da Grupo B Jogo 2 - 1º Colocado do Grupo B x 2º Colocado da Grupo A § 1º Em caso de empate, o classificado será conhecido através do “ Shoot Out”. 3ª Fase - Finais Art. 7º A 3ª Fase – Finais, será disputada pelas equipes vencedoras da 2ª fase, que formarão os jogos 5 e 6 sendo que a disputa obedecerá aos mesmos critérios estabelecidos nos parágrafos do artigo anterior: JOGO 3 ( Disputa de 3º lugar ) PERDEDOR DO JOGO 1 X PERDEDOR DO JOGO 2 PERDEDOR DO JOGO 2 X PERDEDOR DO JOGO 1 JOGO 4 ( FINAIS ) VENCEDOR DO JOGO 1 X VENCEDOR DO JOGO 2 VENCEDOR DO JOGO 2 X VENCEDOR DO JOGO 1 § 1º Em caso de empate, o classificado será conhecido através do “ Shoot Out”. Art. 9º A equipe que se sagrar Campeã desta competição estará classificada para a disputa do Campeonato Brasileiro de Clubes de Futebol 7 Society 2010, evento que será realizado pela CF7SB, entre os dias a definir , na Cidade do Rio De Janeiro -RJ. 3
  4. 4. Art. 10º Fica estipulado também que a equipe Campeã receberá uma ajuda, uma padrão novo confecionado pela federação e com o desenho escolhido pelo clube e uma quantia em dinheiro ainda não estipulada. CAPÍTULO IV DOS CRITÉRIOS DE DESEMPATE Art. 10. Ao término das fases e observadas as disposições específicas em contrário estabelecidas neste Regulamento, na hipótese de 2 (duas) ou mais equipes terminarem empatas em número de pontos ganhos, para definir a classificada e/ou classificadas, os critérios de desempate serão estabelecidos pelos índices técnicos abaixo mencionados e de acordo com a seguinte ordem: I- confronto direto, somente no caso de empate entre duas Associações; II- maior número de vitórias; III- maior saldo de gols; IV- maior número de gols prós; V- menor número de gols sofridos; VI- Menor número de cartões Vermelhos VII- Menor número de cartões Azuis VIII- Menor número de cartões Amarelos IX- sorteio. CAPÍTULO V DA CONDIÇÃO DE JOGO E DOS PRAZOS PARA O REGISTRO DE ATLETAS Art. 11. Terão condição de jogo para a disputa desta competição os atletas que, observadas as regras estabelecidas no Regulamento Geral das Competições da FEF7SPE e nos parágrafos deste artigo, forem devidamente registrados na federação e em suas respectivas equipes. § 1º Somente poderão atuar na competição os atletas que forem registrados por sua equipe e se sua documentação for protocolada por sua respectiva equipe até dois dias útil da partida. § 2º O Departamento de Registro e Transferência da FEF7SPE, após verificar a documentação encaminhada pelas equipes, publicará a relação dos atletas que forem devidamente registrados para a disputa da 1ª rodada e demais jogos da competição. Art. 12. O prazo final para o registro de atletas na competição, encerrar-se-á 2 (dois) dias úteis antes do quinto jogo da competição. CAPÍTULO VI DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 13. A regulamentação geral da competição obedecerá às disposições constantes no Regulamento Geral das Competições (RGC) da Federação Estadual de Futebol 7 Society de 4
  5. 5. Pernambuco (FEF7SPE), ficando as equipes disputantes deste campeonato obrigadas a cumpri- lo. Art. 14. Toda infração disciplinar será processada e julgada pela Comissão Disciplinar(CD) da competição, que funcionará com os membros e presidentes dos clubes participantes na competição junto à FEF7SPE. Art. 16. Os atletas terão o limite inferior mínimo de 16 (dezesseis) anos de idade ou ano que completa. Art. 17. As bolas a serem utilizadas em todas as partidas desta competição serão obrigatoriamente d e futebol 7 society. Art. 18. Os jogos serão realizados conforme tabelas expedidas pelo Departamento Técnico (DT) da FEF7SPE. § 1º As datas, locais e horários de jogos da competição não poderão sofrer alterações, salvo se por decisão do DT da FEF7SPE, desde que não haja prejuízo a terceiros. § 2º Os pedidos de mudança de dias ou horários dos jogos deverão ser protocolados através de ofício até 72 horas de antecedência. Art. 20. Todas as despesas com arbitragem e delegados dos jogos serão de responsabilidade dos Clubes mandantes. § 1º As despesas de transporte e alimentação será de responsabilidade das equipes participantes. Art. 21. Competirá as equipes repassarem à FEF7SPE os seguintes valores a serem pagos pelas equipes mandante 1 hora antes da partida. Taxa de Arbitragem – por Jogo R$ 80,00 Taxa do Campo – equipe que jogar no CMR R$ 50,00 § 1º. Competirá a FEF7SPE indicarem o trio de árbitros que comandara as partidas, Parágrafo único. As equipes que não pagarem as taxas a que se refere o caput deste artigo antes do início da partida, será considerada perdedora pelo escore de 3 x 0 (três a zero) e o jogo não será realizado ficando sujeito a punições a equipe. Art. 22. Se o uniforme de ambas as associações disputantes do mesmo jogo forem semelhantes, procederá à troca a equipe que estiver a esquerda da tabela. Art. 23. Conforme decisão do Departamento Técnico haverá reunião com os Presidentes da Lig das equipes, dia 31 de março de 2010, as 19:30 hs, no Circulo Militar do Recife. Art. 24. O Departamento Técnico da FEF7SPE expedirá as devidas Resoluções para a boa e fiel execução do presente Regulamento. Art. 25. A partir de 2011, o Pernambucano de Clubes de Futebol 7 Society será composta com a participação das demais equipes filiadas, podendo ser aumentado, em função do ingresso de outras equipes. Art. 26. As sumulas e os relatórios das partidas serão entregues pelos árbitros, obrigatoriamente ao final de cada partida, ao delegado da partida, ficando este responsável pela entrega ao chefe do DT subseqüente ao jogo. 5
  6. 6. Parágrafo único. O árbitro que não cumprir o disposto no caput deste artigo estará sujeito às penas. Art. 27. A FEF7SPE – FEDERAÇÃO ESTADUAL DE FUTEBOL 7 SOCIETY DE PERNAMBUCO, na condição de entidade responsável pela organização da competição, quando verificar existência de qualquer irregularidade anotada nos documentos mencionados no artigo anterior, os remeterá ao DT da competição para avaliação ficando sujeito a penas o responsável pela irregularidade. Art. 28. A equipe que se sagrar Campeã do Pernambucano de 2010 ficará com o direito de participar do Campeonato Brasileiro 2010 de Futebol 7 Society; se porventura esta equipe desistir da competição acima mencionada, ainda que antes do seu início, ficará a vaga e o benefício de premiação para a equipe Vice Campeã e assim sucessivamente. Art. 29. Os casos omissos e dúvidas de interpretação deste Regulamento serão resolvidos pelo DT desta competição com a devida homologação da Diretoria da Federação Estadual de Futebol 7 Society de Pernambuco. Art. 30. Este Regulamento entrará em vigor após ser homologado pela Diretoria FEF7SPE revogadas as disposições em contrário. Rio de Janeiro, 26 de Março de 2010. Omar César Ramos Diretor Administrativo 6

×