SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 86
Baixar para ler offline
REUNIÃO PÚBLICA
08 de junho de 2017
Universidade Católica de Pernambuco
Auditório Dom Hélder Câmara
Diretrizes Urbano-Arquitetônicas
para o Centro Continental do Recife
Realização
Conteúdo da Apresentação
Um desejo Coletivo
Como identificamoseste desejo?
Como pretendemos realizá-lo ?
Realização
Realização
“Queremos um Espaço Urbano
Cidadão onde Espaços Públicos e
Privados sejam planejados de
maneira conjunta e
complementar, favorecendo a
coexistência humana.”
DESEJO PRELIMINAR
HIPÓTESE DO PLANO COM BASE NOS CONCEITOS NORTEADORES
Um desejo Coletivo
DESEJO COLETIVO APRIMORADO COM A COLABORAÇÃO SOCIAL
NA 1ª OFICINA CIDADÃ
Realização
“Queremos um Espaço Urbano
Cidadão onde Espaços Públicos e
Privados sejam mais integrados,
inclusivos, dinâmicos e
sustentáveis, favorecendo a
coexistência humana.”
Um desejo Coletivo
DESEJO COLETIVO APRIMORADO COM A COLABORAÇÃO SOCIAL
NA 2ª OFICINA CIDADÃ
Realização
“Queremos um Espaço Urbano
Cidadão onde Espaços Públicos e
Privados sejam mais integrados,
inclusivos, dinâmicos e
sustentáveis e democráticos
favorecendo a coexistência
humana.”
Um desejo Coletivo
“Queremos um Espaço Urbano
Cidadão concebido para as pessoas e
pelas pessoas onde Espaços Públicos e
Privados sejam mais integrados,
inclusivos, dinâmicos e sustentáveis
favorecendo a coexistência e as
relações humanas.”
Realização
DESEJO COLETIVO APRIMORADO COM A COLABORAÇÃO SOCIAL
DAS OFICINAS E CONVERSAS CIDADÃS
Um desejo Coletivo
“PRECISAMOSde um Espaço
Urbano Cidadão concebido para as
pessoas e pelas pessoas onde Espaços
Públicos e Privados sejam mais
integrados, inclusivos, dinâmicos e
sustentáveis favorecendo a coexistência
e as relações humanas.”
Realização
DESEJO COLETIVO APRIMORADO COM A COLABORAÇÃO SOCIAL
DAS OFICINAS E CONVERSAS CIDADÃS
Um desejo Coletivo
Uma necessidade Cidadã
Nosso Objetivo Geral
Realização
Desejo/
Objetivo
Geral
Como identificamoseste Desejo?
Como definimos nosso principal Objetivo?
Premissas e
Conceitos
Norteadores
Realização
Desejo/
Objetivo
Geral
Como identificamoseste Desejo?
Como definimos nosso principal Objetivo?
Premissas e
Conceitos
Norteadores
Realização
v
Colaboração
social
Desejo/
Objetivo
Geral
Como identificamoseste Desejo?
Como definimos nosso principal Objetivo?
Premissas e
Conceitos
Norteadores
Realização
v
Colaboração
social
Estudos de
Casos e
Referencias
Desejo/
Objetivo
Geral
Como identificamoseste Desejo?
Como definimos nosso principal Objetivo?
Premissas e
Conceitos
Norteadores
Realização
Estudos
do Lugar
v
Colaboração
social
Estudos de
Casos e
Referencias
Desejo/
Objetivo
Geral
Como identificamoseste Desejo?
Como definimos nosso principal Objetivo?
Realização
Como identificamoseste Desejo?
Premissas e Conceitos Norteadores
Premissas e
Conceitos
Norteadores
Desejo/
Objetivo
Coletivo
Premissas e
Conceitos
Norteadores
Desejo/
Objetivo
Coletivo
Espaço Urbano Cidadão =
Rua Cidadã +
Arquitetura Urbana
Premissas e
Conceitos
Norteadores
Desejo/
Objetivo
Coletivo
Rua Cidadã
“É o Espaço público viário
articulador de lugares e
pessoas, concebido de maneira
integral, a mobilidade, a
vegetação, o mobiliário urbano
e as edificações demonstram-se
planejados de maneira conjunta
e complementar, visando,
sobretudo, a segurança e o
conforto dos cidadãos.”
(DUARTE, 2014)
Premissas e
Conceitos
Norteadores
Desejo/
Objetivo
Coletivo
Rua Cidadã
“É o Espaço público viário
articulador de lugares e
pessoas, concebido de maneira
integral, a
mobilidade, a
vegetação, o mobiliário urbano
e as edificações demonstram-se
planejados de maneira conjunta
e complementar, visando,
sobretudo, a segurança e o
conforto dos cidadãos.”
(DUARTE, 2014)
Premissas e
Conceitos
Norteadores
Desejo/
Objetivo
Coletivo
Rua Cidadã
“É o Espaço público viário
articulador de lugares e
pessoas, concebido de maneira
integral, a mobilidade,
a vegetação, o
mobiliário urbano e as
edificações demonstram-se
planejados de maneira conjunta
e complementar, visando,
sobretudo, a segurança e o
conforto dos cidadãos.”
(DUARTE, 2014)
Premissas e
Conceitos
Norteadores
Desejo/
Objetivo
Coletivo
Rua Cidadã
“É o Espaço público viário
articulador de lugares e
pessoas, concebido de maneira
integral,onde a mobilidade, a
vegetação, o
mobiliário urbano
e as edificações demonstram-se
planejados de maneira conjunta
e complementar, visando,
sobretudo, a segurança e o
conforto dos cidadãos.”
(DUARTE, 2014)
Premissas e
Conceitos
Norteadores
Desejo/
Objetivo
Coletivo
Rua Cidadã
“É o Espaço público viário
articulador de lugares e
pessoas, concebido de maneira
integral, onde a mobilidade, a
vegetação, o mobiliário urbano
e as edificações
demonstram-se planejados de
maneira conjunta e
complementar, visando,
sobretudo, a segurança e o
conforto dos cidadãos.”
(DUARTE, 2014)
Premissas e
Conceitos
Norteadores
Desejo/
Objetivo
Coletivo
Arquitetura Urbana
“Arquitetura urbana é uma
edificação ou conjunto delas
com a capacidade de
transmitir ao cidadão no
espaço público o sentimento
de interação e integração com
os espaços privados e o
contexto existente.”
(DUARTE, 2014)
Arquitetura Urbana
Premissas e
Conceitos
Norteadores
Desejo/
Objetivo
Coletivo
Este conceito pode ser considerado uma ferramenta projetual que
considera prioritariamente as seguintes premissas: 1- Permeabilidade;
2-Proximidade; 3- Proporcionalidade; 4- Variedade; e 5- Viabilidade.
(DUARTE, 2014)
Premissas e
Conceitos
Norteadores
Desejo/
Objetivo
Coletivo
Espaço Urbano Cidadão
é o espaço resultante de um
planejamento integrado, onde espaços
públicos e privados são planejados de
maneira conjunta e complementar.
Como identificamoseste Desejo?
v
Colaboração
social
Desejo/
Objetivo
Coletivo
Premissas e
Conceitos
Norteadores
1a. Oficina Cidadã
1a. Oficina Cidadã
2a. Oficina Cidadã
2a OFICINA CIDADÃ
VALIDANDO UM DESEJOCOLETIVO E VISLUMBRANDO CENÁRIOS FUTUROS
2a. Oficina Cidadã
2a. Oficina Cidadã
Conversa Cidadã com
moradores de Sta Terezinha (Santo Amaro)
Conversa Cidadã com
moradores das CIS de Santo Amaro
Conversa Cidadã com
moradores das CIS de Santo Amaro
Conversa cidadã com
representantes do Comércio Popular
Conversa Cidadã com
Oficinas Técnicas Integradas
Oficinas Técnicas Integradas
Premissas e
Conceitos
Norteadores
Como identificamoseste Desejo?
v
Colaboração
social
Estudos de
Casos e
Referências
Desejo/
Objetivo
Coletivo
Como identificamoseste Desejo?
Estudos de
Casos e
Referencias
Desejo/
Objetivo
Coletivo
Premissas e
Conceitos
Norteadores
Como identificamoseste Desejo?
Estudos
do Lugar
v
Colaboração
social
Estudos de
Casos e
Referencias
Desejo/
Objetivo
Coletivo
Como identificamoseste Desejo?
Estudos
do
Lugar
Desejo/
Objetivo
Coletivo
Aspectos socioeconômicos
Uso e Ocupação do Solo
Patrimônio Cultural
Espaços Públicos,
Mobilidade e Infraestrutura
Como identificamoseste Desejo?
Estudos
do
Lugar
Desejo/
Objetivo
Coletivo
SISTEMA DE ESPAÇOS PÚBLICOS
E SEMI-PÚBLICOS
SISTEMA DE ESPAÇOS CONSTRUÍDOS
SISTEMA URBANO INTEGRADO
Espaço Urbano Cidadão
MAPA SÍNTESE DIGNÓSTICO ESPAÇO CONSTRUIDO
ÁREAS DE IDENTIDADE MORFO-TIPOLÓGICA
Um estudo das características do
tecido urbano, a forma e
densidade do parcelamento, sua
geometria, suas construções,
podem ajudar a elencar os
elementos estritamente
essenciais para regular
adequadamente um processo de
crescimento e ordenamento
urbano.
Sistema de Espaços Públicos
Em um sistema de espaços
públicos urbano
as ruas são os espaços
públicos por excelência,
devendo ser consideradas
como principais
articuladoras dos lugares e
das relações humanas.
MAPA SÍNTESE DIGNÓSTICO ESPAÇO PÚBLICO
ROTAS CIDADÃS
Como pretendemos realizar?
POR UM CENTRO
PRESERVADO e PRODUTIVO
Identidade
Densidade
Diversidade
Proporcionalidade
POR UM CENTRO
INTEGRADO E INCLUSIVO
Conectividade
Multimodalidade
Acessibilidade
Colaboração
POR UM CENTRO HUMANIZADO,
SEGURO E CONFORTÁVEL
Caminhabilidade
Permeabilidade Visual
Iluminação
Vegetalização
POR UM CENTRO
PRESERVADO e PRODUTIVO
Com
Identidade
Densidade
Diversidade
Proporcionalidade
identidade
Preservar a(s) IDENTIDADE(s) e
memória do território,
afirmando o patrimônio existente
(construído e imaterial) como
importante atrativo sócio cultural
e econômico do lugar.
identidade
Preservar a(s) IDENTIDADE(s) e
memória do território,
afirmando o patrimônio existente
(construído e imaterial) como
importante atrativo sócio cultural
e econômico do lugar.
densidade
Promover o aumento da
DENSIDADE populacional do
território, considerando as diversas
escalas de adensamento coerentes
com as demandas habitacionais de
toda a cidade.
densidade
Promover o aumento da DENSIDADE
populacional do território,
considerando as diversas escalas de
adensamento coerentes com as
demandas habitacionais de toda a
cidade.
diversidade
Estimular a DIVERSIDADE de usos
visando uma maior produtividade
do território e intensidade de
pessoas, nos diversos dias e horários,
priorizando o pavimento térreo como
plataforma da urbanidade.
Estimular a DIVERSIDADE de usos
visando uma maior produtividade
do território e intensidade de
pessoas, nos diversos dias e horários,
priorizando o pavimento térreo como
plataforma da urbanidade.
proporcionalidade
Assegurar uma boa relação de
PROPORCIONALIDADE entre as intervenções
propostas e as diversas escalas da paisagem
cultural do lugar: a escala humana, a escala do
espaço construído e a escala dos espaços públicos.
proporcionalidade
Assegurar uma boa relação de
PROPORCIONALIDADE entre as intervenções
propostas e as diversas escalas da paisagem
cultural do lugar: a escala humana, a escala do
espaço construído e a escala dos espaços públicos.
POR UM CENTRO
INTEGRADO E INCLUSIVO
Com
Conectividade
Multimodalidade
Acessibilidade
Colaboração
conectividade
Promover uma maior CONECTIVIDADE do
Centro Continental com a cidade e entre seus
diversos lugares, considerando as rotas
estratégicas para pedestres como principal sistema
de articulação local.
conectividade
Promover uma maior CONECTIVIDADE do
Centro Continental com a cidade e entre seus
diversos lugares, considerando as rotas
estratégicas para pedestres como principal sistema
de articulação local.
multimodalidade
Priorizar a MULTIMODALIDADE do espaço
público viário, planejando equilibradamente todos
os meios de deslocamento, com foco nos meios não
motorizados e no transporte coletivo.
multimodalidade
Priorizar a MULTIMODALIDADE do espaço
público viário, planejando equilibradamente todos
os meios de deslocamento, com foco nos meios não
motorizados e no transporte coletivo.
acessibilidade
Garantir a ACESSIBILIDADE física das pessoas
nos espaços privados, semi-públicos e
públicos, favorecendo tanto o acesso seguro e
confortável ao interior das quadras e lotes, como
percursos contínuos e qualitativos entre as diversas
áreas do território.
colaboração
Assegurar e intensificar a COLABORAÇÃO de
atores diversos da sociedade, de forma
equilibrada e proativa, permitindo a construção
de políticas públicas e intervenções urbanas mais
sustentáveis.
colaboração
Assegurar e intensificar a COLABORAÇÃO de
atores diversos da sociedade, de forma
equilibrada e proativa, permitindo a construção
de políticas públicas e intervenções urbanas mais
sustentáveis.
POR UM CENTRO
HUMANIZADO, SEGURO E
CONFORTÁVEL
Com
Caminhabilidade
Permeabilidade Visual
Iluminação
Vegetalização
caminhabilidade
Promover a CAMINHABILIDADE e o
planejamento da cidade na escala humana em
toda e qualquer intervenção urbana, concebendo os
espaços públicos e privados sempre de maneira
integrada.
caminhabilidade
Promover a CAMINHABILIDADE e o
planejamento da cidade na escala humana em
toda e qualquer intervenção urbana, concebendo os
espaços públicos e privados sempre de maneira
integrada.
RUACIDADÃ
desacelerar
integrar
redesenhar
permeabilidade
Assegurar maior PERMEABILIDADE visual entre
os espaços públicos e privados, inclusive com o
incentivo ao térreo ativo, visando estimular a
vigilância social natural do espaço urbano.
iluminação
Implantar uma política de ILUMINAÇÃO
humanizada e sustentável, contribuindo para o
sentimento de segurança e convivência noturna dos
cidadãos, e valorização dos espaços públicos e do
patrimônio construído local.
iluminação
Implantar uma política de ILUMINAÇÃO
humanizada e sustentável, contribuindo para o
sentimento de segurança e convivência noturna dos
cidadãos, e valorização dos espaços públicos e do
patrimônio construído local.
vegetalização
Incentivar a VEGETALIZAÇÃO do espaço urbano,
estimulando o aumento da porosidade do solo
e a continuidade da arborização viária, de modo
a contribuir para uma paisagem mais atrativa, um
saneamento mais eficaz e amenização do clima
urbano.
vegetalização
Incentivar a VEGETALIZAÇÃO do espaço urbano,
estimulando o aumento da porosidade do solo
e a continuidade da arborização viária, de modo
a contribuir para uma paisagem mais atrativa, um
saneamento mais eficaz e amenização do clima
urbano.
Como realizar o Centro de que precisamos?
Diretriz Geral do Espaço Construído
Diretriz Geral de Espaço Público e Mobilidade
DIRETRIZ GERAL INTEGRADA
ÁREA ESTRATÉGICA DE INTERVENÇÃO
Av. Cruz Cabugá
antes
Por um
Planejamento urbano
sustentável
Ou eco-sistêmico
ÁREA ESTRATÉGICA DE INTERVENÇÃO
Av. Cruz Cabugá
ÁREA ESTRATÉGICA DE INTERVENÇÃO
Av. Cruz Cabugá
depois
ÁREA ESTRATÉGICA DE INTERVENÇÃO
Rua do Príncipe
antes
ÁREA ESTRATÉGICA DE INTERVENÇÃO
Rua do Príncipe
depois
ESPAÇO URBANO CIDADÃO
“PRECISAMOSde um Espaço
Urbano Cidadão concebido para as
pessoas e pelas pessoas onde Espaços
Públicos e Privados sejam mais
integrados, inclusivos, dinâmicos e
sustentáveis favorecendo a coexistência
e as relações humanas.”
Realização
DESEJO COLETIVO APRIMORADO COM A COLABORAÇÃO SOCIAL
DAS OFICINAS E CONVERSAS CIDADÃS
Um desejo Coletivo

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Reunião pública sobre diretrizes urbanas para o Centro Continental do Recife

Clc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandes
Clc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandesClc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandes
Clc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandesSILVIA G. FERNANDES
 
Thomaz Ramalho - O Habitat III e a Nova Agenda Urbana
Thomaz Ramalho - O Habitat III  e a Nova Agenda UrbanaThomaz Ramalho - O Habitat III  e a Nova Agenda Urbana
Thomaz Ramalho - O Habitat III e a Nova Agenda UrbanaDevelopment Workshop Angola
 
Metodologia para gerar ideias low cost em cidades
Metodologia para gerar ideias low cost em cidadesMetodologia para gerar ideias low cost em cidades
Metodologia para gerar ideias low cost em cidadescidadespelaretoma
 
20160705: UN-Habitat Conferência Sobre Desenvolvimento Urbano
20160705: UN-Habitat Conferência Sobre Desenvolvimento Urbano 20160705: UN-Habitat Conferência Sobre Desenvolvimento Urbano
20160705: UN-Habitat Conferência Sobre Desenvolvimento Urbano Development Workshop Angola
 
Metodologias colaborativas para a Cidade.
Metodologias colaborativas para a Cidade.Metodologias colaborativas para a Cidade.
Metodologias colaborativas para a Cidade.Felipe Diniz
 
Oficina PLHIS Cordeiros
Oficina PLHIS CordeirosOficina PLHIS Cordeiros
Oficina PLHIS CordeirosIzaiasnetinho
 
Reflexões projecto cultural no território
Reflexões projecto cultural no territórioReflexões projecto cultural no território
Reflexões projecto cultural no territórioJosé Carlos Mota
 
Apresentação projeto congresso das cidades(v2.0)
Apresentação projeto congresso das cidades(v2.0)Apresentação projeto congresso das cidades(v2.0)
Apresentação projeto congresso das cidades(v2.0)Guilherme Resende Muniz
 
Artigo:Espaço de Convívio para fomento da Cultura e Lazer no Bairro Jardim Ae...
Artigo:Espaço de Convívio para fomento da Cultura e Lazer no Bairro Jardim Ae...Artigo:Espaço de Convívio para fomento da Cultura e Lazer no Bairro Jardim Ae...
Artigo:Espaço de Convívio para fomento da Cultura e Lazer no Bairro Jardim Ae...Diane Oliveira
 
Ideias low cost para cidades vf
Ideias low cost para  cidades vfIdeias low cost para  cidades vf
Ideias low cost para cidades vfcidadespelaretoma
 
Como criar um ambiente propício ao fortalecimento da Economia Criativa
Como criar um ambiente propício ao fortalecimento da Economia CriativaComo criar um ambiente propício ao fortalecimento da Economia Criativa
Como criar um ambiente propício ao fortalecimento da Economia CriativaAna Maria Magni Coelho
 
Habitat III: contradições, parcerias e informação geográfica na Nova Agenda U...
Habitat III: contradições, parcerias e informação geográfica na Nova Agenda U...Habitat III: contradições, parcerias e informação geográfica na Nova Agenda U...
Habitat III: contradições, parcerias e informação geográfica na Nova Agenda U...Alexandre Pereira Santos
 
Design e Território: Uma discussão de valor
Design e Território: Uma discussão de valorDesign e Território: Uma discussão de valor
Design e Território: Uma discussão de valorDeVry University
 
ZISTalk de 28/nov - Habitat III, GeoSUMR, ZISPOA e a Nova Agenda Urbana
ZISTalk de 28/nov - Habitat III, GeoSUMR, ZISPOA e a Nova Agenda UrbanaZISTalk de 28/nov - Habitat III, GeoSUMR, ZISPOA e a Nova Agenda Urbana
ZISTalk de 28/nov - Habitat III, GeoSUMR, ZISPOA e a Nova Agenda UrbanaAlexandre Pereira Santos
 
Manual desenho-universal-120524122921-phpapp01
Manual desenho-universal-120524122921-phpapp01Manual desenho-universal-120524122921-phpapp01
Manual desenho-universal-120524122921-phpapp01Tharssia Baldasso
 
Manual do desenho universal
Manual do desenho universalManual do desenho universal
Manual do desenho universalWillian De Sá
 
Manual desenho-universal
Manual desenho-universalManual desenho-universal
Manual desenho-universallira69
 

Semelhante a Reunião pública sobre diretrizes urbanas para o Centro Continental do Recife (20)

12.2.12. #2 adriana abreu
12.2.12. #2 adriana abreu12.2.12. #2 adriana abreu
12.2.12. #2 adriana abreu
 
Clc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandes
Clc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandesClc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandes
Clc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandes
 
Thomaz Ramalho - O Habitat III e a Nova Agenda Urbana
Thomaz Ramalho - O Habitat III  e a Nova Agenda UrbanaThomaz Ramalho - O Habitat III  e a Nova Agenda Urbana
Thomaz Ramalho - O Habitat III e a Nova Agenda Urbana
 
Hermano
HermanoHermano
Hermano
 
Metodologia para gerar ideias low cost em cidades
Metodologia para gerar ideias low cost em cidadesMetodologia para gerar ideias low cost em cidades
Metodologia para gerar ideias low cost em cidades
 
20160705: UN-Habitat Conferência Sobre Desenvolvimento Urbano
20160705: UN-Habitat Conferência Sobre Desenvolvimento Urbano 20160705: UN-Habitat Conferência Sobre Desenvolvimento Urbano
20160705: UN-Habitat Conferência Sobre Desenvolvimento Urbano
 
Metodologias colaborativas para a Cidade.
Metodologias colaborativas para a Cidade.Metodologias colaborativas para a Cidade.
Metodologias colaborativas para a Cidade.
 
Oficina PLHIS Cordeiros
Oficina PLHIS CordeirosOficina PLHIS Cordeiros
Oficina PLHIS Cordeiros
 
Reflexões projecto cultural no território
Reflexões projecto cultural no territórioReflexões projecto cultural no território
Reflexões projecto cultural no território
 
Apresentação projeto congresso das cidades(v2.0)
Apresentação projeto congresso das cidades(v2.0)Apresentação projeto congresso das cidades(v2.0)
Apresentação projeto congresso das cidades(v2.0)
 
Artigo:Espaço de Convívio para fomento da Cultura e Lazer no Bairro Jardim Ae...
Artigo:Espaço de Convívio para fomento da Cultura e Lazer no Bairro Jardim Ae...Artigo:Espaço de Convívio para fomento da Cultura e Lazer no Bairro Jardim Ae...
Artigo:Espaço de Convívio para fomento da Cultura e Lazer no Bairro Jardim Ae...
 
Ideias low cost para cidades vf
Ideias low cost para  cidades vfIdeias low cost para  cidades vf
Ideias low cost para cidades vf
 
Como criar um ambiente propício ao fortalecimento da Economia Criativa
Como criar um ambiente propício ao fortalecimento da Economia CriativaComo criar um ambiente propício ao fortalecimento da Economia Criativa
Como criar um ambiente propício ao fortalecimento da Economia Criativa
 
Apresentação TCC Parte 1 - A pesquisa
Apresentação TCC Parte 1 - A pesquisaApresentação TCC Parte 1 - A pesquisa
Apresentação TCC Parte 1 - A pesquisa
 
Habitat III: contradições, parcerias e informação geográfica na Nova Agenda U...
Habitat III: contradições, parcerias e informação geográfica na Nova Agenda U...Habitat III: contradições, parcerias e informação geográfica na Nova Agenda U...
Habitat III: contradições, parcerias e informação geográfica na Nova Agenda U...
 
Design e Território: Uma discussão de valor
Design e Território: Uma discussão de valorDesign e Território: Uma discussão de valor
Design e Território: Uma discussão de valor
 
ZISTalk de 28/nov - Habitat III, GeoSUMR, ZISPOA e a Nova Agenda Urbana
ZISTalk de 28/nov - Habitat III, GeoSUMR, ZISPOA e a Nova Agenda UrbanaZISTalk de 28/nov - Habitat III, GeoSUMR, ZISPOA e a Nova Agenda Urbana
ZISTalk de 28/nov - Habitat III, GeoSUMR, ZISPOA e a Nova Agenda Urbana
 
Manual desenho-universal-120524122921-phpapp01
Manual desenho-universal-120524122921-phpapp01Manual desenho-universal-120524122921-phpapp01
Manual desenho-universal-120524122921-phpapp01
 
Manual do desenho universal
Manual do desenho universalManual do desenho universal
Manual do desenho universal
 
Manual desenho-universal
Manual desenho-universalManual desenho-universal
Manual desenho-universal
 

Mais de Portal NE10

Brasileirão: CBF divulga tabela da Série B 2024
Brasileirão: CBF divulga tabela da Série B 2024Brasileirão: CBF divulga tabela da Série B 2024
Brasileirão: CBF divulga tabela da Série B 2024Portal NE10
 
Concurso do edital da Polícia Civil de Pernambuco
Concurso do edital da Polícia Civil de PernambucoConcurso do edital da Polícia Civil de Pernambuco
Concurso do edital da Polícia Civil de PernambucoPortal NE10
 
CNH Gratuita em Belém: veja o resultado CNH Pai d'Égua.pdf
CNH Gratuita em Belém: veja o resultado CNH Pai d'Égua.pdfCNH Gratuita em Belém: veja o resultado CNH Pai d'Égua.pdf
CNH Gratuita em Belém: veja o resultado CNH Pai d'Égua.pdfPortal NE10
 
Edital Caixa 2024 - nível superior - DOU.pdf
Edital Caixa 2024 - nível superior - DOU.pdfEdital Caixa 2024 - nível superior - DOU.pdf
Edital Caixa 2024 - nível superior - DOU.pdfPortal NE10
 
Edital Caixa 2024 - nível médio - DOU.pdf
Edital Caixa 2024 - nível médio - DOU.pdfEdital Caixa 2024 - nível médio - DOU.pdf
Edital Caixa 2024 - nível médio - DOU.pdfPortal NE10
 
Carnaval 2024: Veja a lista das linhas de ônibus que terão o itinerário modif...
Carnaval 2024: Veja a lista das linhas de ônibus que terão o itinerário modif...Carnaval 2024: Veja a lista das linhas de ônibus que terão o itinerário modif...
Carnaval 2024: Veja a lista das linhas de ônibus que terão o itinerário modif...Portal NE10
 
Edital do concurso público do Banco do Nordeste
Edital do concurso público do Banco do NordesteEdital do concurso público do Banco do Nordeste
Edital do concurso público do Banco do NordestePortal NE10
 
Concurso para a Saúde da Prefeitura do Recife
Concurso para a Saúde da Prefeitura do RecifeConcurso para a Saúde da Prefeitura do Recife
Concurso para a Saúde da Prefeitura do RecifePortal NE10
 
Edital do concurso PMPE e Corpo de Bombeiros.pdf
Edital do concurso PMPE e Corpo de Bombeiros.pdfEdital do concurso PMPE e Corpo de Bombeiros.pdf
Edital do concurso PMPE e Corpo de Bombeiros.pdfPortal NE10
 
TV JORNAL - REGULAMENTO DO QUADRO SENAC NA PRESSÃO
TV JORNAL - REGULAMENTO DO QUADRO SENAC NA PRESSÃOTV JORNAL - REGULAMENTO DO QUADRO SENAC NA PRESSÃO
TV JORNAL - REGULAMENTO DO QUADRO SENAC NA PRESSÃOPortal NE10
 
Cartilha do Piso salarial da enfermagem
Cartilha do Piso salarial da enfermagemCartilha do Piso salarial da enfermagem
Cartilha do Piso salarial da enfermagemPortal NE10
 
Mapa do Metrô de São Paulo
Mapa do Metrô de São PauloMapa do Metrô de São Paulo
Mapa do Metrô de São PauloPortal NE10
 
Piso salarial da enfermagem - Portaria GM_MS Nº 1.135, DE 16 DE AGOSTO DE 2023
Piso salarial da enfermagem - Portaria GM_MS Nº 1.135, DE 16 DE AGOSTO DE 2023Piso salarial da enfermagem - Portaria GM_MS Nº 1.135, DE 16 DE AGOSTO DE 2023
Piso salarial da enfermagem - Portaria GM_MS Nº 1.135, DE 16 DE AGOSTO DE 2023Portal NE10
 
Bula do Ozempic, remédio para tratar diabetes tipo 2 usado para emagrecer
Bula do Ozempic, remédio para tratar diabetes tipo 2 usado para emagrecerBula do Ozempic, remédio para tratar diabetes tipo 2 usado para emagrecer
Bula do Ozempic, remédio para tratar diabetes tipo 2 usado para emagrecerPortal NE10
 
Piso salarial da enfermagem: Portaria nº 597 do Ministério da Saúde é republi...
Piso salarial da enfermagem: Portaria nº 597 do Ministério da Saúde é republi...Piso salarial da enfermagem: Portaria nº 597 do Ministério da Saúde é republi...
Piso salarial da enfermagem: Portaria nº 597 do Ministério da Saúde é republi...Portal NE10
 
Relatório Termômetro LIDE-Conectar - Abril 2023
Relatório Termômetro LIDE-Conectar - Abril 2023Relatório Termômetro LIDE-Conectar - Abril 2023
Relatório Termômetro LIDE-Conectar - Abril 2023Portal NE10
 
INVASÃO EM BRASÍLIA: AGU pede prisão em flagrante dos invasores e de Anderson...
INVASÃO EM BRASÍLIA: AGU pede prisão em flagrante dos invasores e de Anderson...INVASÃO EM BRASÍLIA: AGU pede prisão em flagrante dos invasores e de Anderson...
INVASÃO EM BRASÍLIA: AGU pede prisão em flagrante dos invasores e de Anderson...Portal NE10
 
Lula decreta intervenção federal no Distrito Federal
Lula decreta intervenção federal no Distrito FederalLula decreta intervenção federal no Distrito Federal
Lula decreta intervenção federal no Distrito FederalPortal NE10
 
Resultado do concurso para professor em Pernambuco
Resultado do concurso para professor em PernambucoResultado do concurso para professor em Pernambuco
Resultado do concurso para professor em PernambucoPortal NE10
 
Edital do Concurso.pdf.pdf
Edital do Concurso.pdf.pdfEdital do Concurso.pdf.pdf
Edital do Concurso.pdf.pdfPortal NE10
 

Mais de Portal NE10 (20)

Brasileirão: CBF divulga tabela da Série B 2024
Brasileirão: CBF divulga tabela da Série B 2024Brasileirão: CBF divulga tabela da Série B 2024
Brasileirão: CBF divulga tabela da Série B 2024
 
Concurso do edital da Polícia Civil de Pernambuco
Concurso do edital da Polícia Civil de PernambucoConcurso do edital da Polícia Civil de Pernambuco
Concurso do edital da Polícia Civil de Pernambuco
 
CNH Gratuita em Belém: veja o resultado CNH Pai d'Égua.pdf
CNH Gratuita em Belém: veja o resultado CNH Pai d'Égua.pdfCNH Gratuita em Belém: veja o resultado CNH Pai d'Égua.pdf
CNH Gratuita em Belém: veja o resultado CNH Pai d'Égua.pdf
 
Edital Caixa 2024 - nível superior - DOU.pdf
Edital Caixa 2024 - nível superior - DOU.pdfEdital Caixa 2024 - nível superior - DOU.pdf
Edital Caixa 2024 - nível superior - DOU.pdf
 
Edital Caixa 2024 - nível médio - DOU.pdf
Edital Caixa 2024 - nível médio - DOU.pdfEdital Caixa 2024 - nível médio - DOU.pdf
Edital Caixa 2024 - nível médio - DOU.pdf
 
Carnaval 2024: Veja a lista das linhas de ônibus que terão o itinerário modif...
Carnaval 2024: Veja a lista das linhas de ônibus que terão o itinerário modif...Carnaval 2024: Veja a lista das linhas de ônibus que terão o itinerário modif...
Carnaval 2024: Veja a lista das linhas de ônibus que terão o itinerário modif...
 
Edital do concurso público do Banco do Nordeste
Edital do concurso público do Banco do NordesteEdital do concurso público do Banco do Nordeste
Edital do concurso público do Banco do Nordeste
 
Concurso para a Saúde da Prefeitura do Recife
Concurso para a Saúde da Prefeitura do RecifeConcurso para a Saúde da Prefeitura do Recife
Concurso para a Saúde da Prefeitura do Recife
 
Edital do concurso PMPE e Corpo de Bombeiros.pdf
Edital do concurso PMPE e Corpo de Bombeiros.pdfEdital do concurso PMPE e Corpo de Bombeiros.pdf
Edital do concurso PMPE e Corpo de Bombeiros.pdf
 
TV JORNAL - REGULAMENTO DO QUADRO SENAC NA PRESSÃO
TV JORNAL - REGULAMENTO DO QUADRO SENAC NA PRESSÃOTV JORNAL - REGULAMENTO DO QUADRO SENAC NA PRESSÃO
TV JORNAL - REGULAMENTO DO QUADRO SENAC NA PRESSÃO
 
Cartilha do Piso salarial da enfermagem
Cartilha do Piso salarial da enfermagemCartilha do Piso salarial da enfermagem
Cartilha do Piso salarial da enfermagem
 
Mapa do Metrô de São Paulo
Mapa do Metrô de São PauloMapa do Metrô de São Paulo
Mapa do Metrô de São Paulo
 
Piso salarial da enfermagem - Portaria GM_MS Nº 1.135, DE 16 DE AGOSTO DE 2023
Piso salarial da enfermagem - Portaria GM_MS Nº 1.135, DE 16 DE AGOSTO DE 2023Piso salarial da enfermagem - Portaria GM_MS Nº 1.135, DE 16 DE AGOSTO DE 2023
Piso salarial da enfermagem - Portaria GM_MS Nº 1.135, DE 16 DE AGOSTO DE 2023
 
Bula do Ozempic, remédio para tratar diabetes tipo 2 usado para emagrecer
Bula do Ozempic, remédio para tratar diabetes tipo 2 usado para emagrecerBula do Ozempic, remédio para tratar diabetes tipo 2 usado para emagrecer
Bula do Ozempic, remédio para tratar diabetes tipo 2 usado para emagrecer
 
Piso salarial da enfermagem: Portaria nº 597 do Ministério da Saúde é republi...
Piso salarial da enfermagem: Portaria nº 597 do Ministério da Saúde é republi...Piso salarial da enfermagem: Portaria nº 597 do Ministério da Saúde é republi...
Piso salarial da enfermagem: Portaria nº 597 do Ministério da Saúde é republi...
 
Relatório Termômetro LIDE-Conectar - Abril 2023
Relatório Termômetro LIDE-Conectar - Abril 2023Relatório Termômetro LIDE-Conectar - Abril 2023
Relatório Termômetro LIDE-Conectar - Abril 2023
 
INVASÃO EM BRASÍLIA: AGU pede prisão em flagrante dos invasores e de Anderson...
INVASÃO EM BRASÍLIA: AGU pede prisão em flagrante dos invasores e de Anderson...INVASÃO EM BRASÍLIA: AGU pede prisão em flagrante dos invasores e de Anderson...
INVASÃO EM BRASÍLIA: AGU pede prisão em flagrante dos invasores e de Anderson...
 
Lula decreta intervenção federal no Distrito Federal
Lula decreta intervenção federal no Distrito FederalLula decreta intervenção federal no Distrito Federal
Lula decreta intervenção federal no Distrito Federal
 
Resultado do concurso para professor em Pernambuco
Resultado do concurso para professor em PernambucoResultado do concurso para professor em Pernambuco
Resultado do concurso para professor em Pernambuco
 
Edital do Concurso.pdf.pdf
Edital do Concurso.pdf.pdfEdital do Concurso.pdf.pdf
Edital do Concurso.pdf.pdf
 

Reunião pública sobre diretrizes urbanas para o Centro Continental do Recife