SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 25
Baixar para ler offline
Inovação em busca de competitividade e geração de valor

                      04/11/2011

                 ISBN 9788599809020




                www.fia.com.br/profuturo
ANÁLISE CUSTO-BENEFÍCIO PARA
IMPLANTAÇÃO DO PADRÃO ATA 2300 NAS
PUBLICAÇÕES DE OPERAÇÕES DE VOO EM
        COMPANHIAS AÉREAS




  Autor: Ayslan Anholon
  Orientador: Leandro Morilhas
Agenda
• Introdução
• Pergunta de pesquisa
• Objetivos
• Referencial teórico
• Metodologia
• Principais resultados
• Considerações finais
Introdução
• Alta concorrência do setor de aviação;
• Necessidade das companhias aéreas de
  manter seus diversos manuais atualizados;
Introdução
• Alta similaridade de conteúdo entre
  diferentes manuais;
• Dificuldade em avaliar novas tecnologias
  editoriais (SGCs) que podem auxiliá-las.
  – SGC: Sistema de Gerenciamento de Conteúdo
Pergunta de pesquisa
• Quais os principais aspectos tangíveis e
  intangíveis que as companhias aéreas devem
  levar em consideração para decidir se devem
  ou não migrar suas publicações para um novo
  sistema editorial?
Objetivos
• Enumerar os benefícios dos SGCs baseados
  em linguagem estruturada (padrão ATA 2300 e
  outros padrões proprietários);
• Listar os custos usualmente existentes na
  implantação de tais sistemas;
• Prover orientação sobre como calcular o ROI
  (Return On Investment).
Referencial Teórico
• A adoção de padrões na indústria foi decisivo
  para a humanidade (TONKERY, 2010);
• A padronização é também uma forma de
  assegurar o cumprimento de regulamentações
  rígidas (WHALLEY, 2011);
  – Indústria aeronáutica;
  – Indústria farmacêutica.
Referencial Teórico
• Companhias aéreas: número considerável de
  páginas de manuais de Operações de Voo
  (pilotos) e Manutenção (mecânicos);
• Percentagem média de redundância é de 50%
  (DCLABS, 2011);
• Reuso: elaborar um novo conteúdo a partir de
  componentes já existentes (ROCKLEY, 2003).
Referencial Teórico
• Editores de texto convencionais (MS Word®)
Referencial Teórico
• SGC (Sistema de Gerenciamento de Conteúdo)
Referencial Teórico
• Segundo MANNING (2011), SGCs possuem
  funções como:
  – controle de versão,
  – metadados (dados sobre as informações
    armazenadas),
  – busca, conversão de formatos,
  – arquivamento e
  – controle da aplicabilidade (ou efetividade) das
    informações.
Referencial Teórico
• Padrão ATA* Spec 2300 para Manuais
  – Banco de dados (em linguagem XML) para ser
    usado no envio de manuais dos fabricantes para
    as companhias aéreas.
          <controlIndicator>
           <title>Battery Switch</title>
            <location>
             <para>Electrical Panel</para>
            </location>
           <device>Alternate Action Push-button Switch</device>
            <description>
             <para>Used to control battery power to airplane electrical
          systems</para>
             <figure>
             <graphic infoIdent="ICN B777-A-2400-12345-001-01 "/>
             </figure>
          </description>



                                         *Air Transport Association
Referencial Teórico
• Padrão ATA Spec 2300 para Manuais (cont.)
        Airbus      Embraer      Boeing




                      ATA 2300
Metodologia
• Pesquisa qualitativa descritiva de base
  bibliográfica;
• 2 estudos de casos de companhias aéreas que
  implantaram SGCs (mas baseados em
  definições proprietárias).
  – Southwest Airlines
     • Passou a ter economia de escala com novas rotas e
       aeronaves.
  – Continental Airlines
     • Economia anual de US$ 700,000 a US$ 800,000.
Principais Resultados
• BENEFÍCIOS
  – Tangíveis
     • Aumento do percentual de reuso da informação;
     • Diminuição do tempo gasto com formatação;
     • Com ATA 2300: diminuição do tempo gasto com
       conversões entre padrões.
  – Intangíveis
     • Autores com mais foco nas necessidades dos usuários;
     • Maior rapidez na distribuição da informação ao usuário
       final.
Principais Resultados
• CUSTOS
  – Tangíveis
     • Custo de aquisição do sistema e treinamento;
     • Custo para migração das publicações no formato antigo
       (usar conversão automática);
     • Adaptação para padrão ATA 2300 de sistema baseado
       em uma linguagem estruturada (desenvolver um
       conversor).
  – Intangíveis
     • Mudança de cultura (usar softwares WYSIWYG);
Principais Resultados
  • Cálculo do ROI (The Rockley Group)



Redundância

Formatação
Principais Resultados
Benefícios




  Custos
Principais Resultados

   ROI
estimado
Considerações Finais
• As companhias aérea devem levar em conta:
  – % de redundância da informação;
  – Número de manuais diferentes e sites que
    publicam uma mesma informação.
• Custos com aquisição, treinamento e
  consultoria.
  – Dificuldades com mudanças culturais dos
    usuários.
Considerações Finais
• Percepção do benefício depende do sistema
  editorial anteriormente usado pela companhia
  aérea.
Considerações Finais
• Limitações:
  – Não apresentar dados específicos para a realidade
    brasileira;
  – O padrão ATA Spec 2300 para Operações de Voo é
    muito recente, não havendo casos reais.
Considerações Finais
• Sugestões de novos estudos:
  – Aplicação da metodologia em uma companhia
    aérea brasileira;
  – Estudo de caso das companhias que comecem a
    implantar o novo padrão ATA Spec 2300.
Muito Obrigado!


       Ayslan Anholon
ayslan.anholon@hotmail.com

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Padrao Ata2300

Semelhante a Padrao Ata2300 (20)

Identificando requisitos comuns e variantes em linhas de produtos de software
Identificando requisitos comuns e variantes em linhas de produtos de softwareIdentificando requisitos comuns e variantes em linhas de produtos de software
Identificando requisitos comuns e variantes em linhas de produtos de software
 
Entanglements using compressor VSDs in cogeneration
Entanglements using compressor VSDs in cogenerationEntanglements using compressor VSDs in cogeneration
Entanglements using compressor VSDs in cogeneration
 
Evandro Gonçalves
Evandro GonçalvesEvandro Gonçalves
Evandro Gonçalves
 
Mpu 2012 ppt
Mpu 2012 pptMpu 2012 ppt
Mpu 2012 ppt
 
P10 estoque custos
P10 estoque custosP10 estoque custos
P10 estoque custos
 
SRE - Engenharia de Confiabilidade de Sites
SRE - Engenharia de Confiabilidade de SitesSRE - Engenharia de Confiabilidade de Sites
SRE - Engenharia de Confiabilidade de Sites
 
Prodemge WTQS - Minicurso técnicas de verificação de requisitos
Prodemge WTQS - Minicurso técnicas de verificação de requisitosProdemge WTQS - Minicurso técnicas de verificação de requisitos
Prodemge WTQS - Minicurso técnicas de verificação de requisitos
 
Jornal SKF News Março 2003
Jornal SKF News Março 2003Jornal SKF News Março 2003
Jornal SKF News Março 2003
 
Protheus V12
Protheus V12Protheus V12
Protheus V12
 
Refactoring Databases
Refactoring DatabasesRefactoring Databases
Refactoring Databases
 
Oracleplsql
OracleplsqlOracleplsql
Oracleplsql
 
KM Inovação - Mauro Conceição
KM Inovação - Mauro ConceiçãoKM Inovação - Mauro Conceição
KM Inovação - Mauro Conceição
 
Erp
ErpErp
Erp
 
Aula04 3
Aula04 3Aula04 3
Aula04 3
 
Customização e Implantação do ERPSystem na Empresa Total Cosmos
Customização e Implantação do ERPSystem na Empresa Total CosmosCustomização e Implantação do ERPSystem na Empresa Total Cosmos
Customização e Implantação do ERPSystem na Empresa Total Cosmos
 
Operações - Base de Conhecimento - Parte 01
Operações - Base de Conhecimento - Parte 01Operações - Base de Conhecimento - Parte 01
Operações - Base de Conhecimento - Parte 01
 
Ponto de função
Ponto de funçãoPonto de função
Ponto de função
 
Evento InfoPLD - Outubro de 2013 - Tema extra
Evento InfoPLD - Outubro de 2013 - Tema extraEvento InfoPLD - Outubro de 2013 - Tema extra
Evento InfoPLD - Outubro de 2013 - Tema extra
 
AEAMESP Tecnologia - Palestra "Os Desafios da Implementação do CBTC"
AEAMESP Tecnologia - Palestra "Os Desafios da Implementação do CBTC"AEAMESP Tecnologia - Palestra "Os Desafios da Implementação do CBTC"
AEAMESP Tecnologia - Palestra "Os Desafios da Implementação do CBTC"
 
Semana de Comércio Exterior e Logística - Métodos quantitativos para otimizar...
Semana de Comércio Exterior e Logística - Métodos quantitativos para otimizar...Semana de Comércio Exterior e Logística - Métodos quantitativos para otimizar...
Semana de Comércio Exterior e Logística - Métodos quantitativos para otimizar...
 

Mais de Ivana da Silveira

Formacao gestao equipes_mario
Formacao gestao equipes_marioFormacao gestao equipes_mario
Formacao gestao equipes_mario
Ivana da Silveira
 

Mais de Ivana da Silveira (9)

Wall street eduardo
Wall street eduardoWall street eduardo
Wall street eduardo
 
Viabilidade economica fabio.koga
Viabilidade economica fabio.kogaViabilidade economica fabio.koga
Viabilidade economica fabio.koga
 
Sustentabilidade setor farmaceutico_luiz henrique
Sustentabilidade setor farmaceutico_luiz henriqueSustentabilidade setor farmaceutico_luiz henrique
Sustentabilidade setor farmaceutico_luiz henrique
 
Formacao gestao equipes_mario
Formacao gestao equipes_marioFormacao gestao equipes_mario
Formacao gestao equipes_mario
 
Condicionantes inovacao setor_quimico_douglas
Condicionantes inovacao setor_quimico_douglasCondicionantes inovacao setor_quimico_douglas
Condicionantes inovacao setor_quimico_douglas
 
Gestao inovacao eduardo
Gestao inovacao eduardoGestao inovacao eduardo
Gestao inovacao eduardo
 
Formacao equipes kleston
Formacao equipes klestonFormacao equipes kleston
Formacao equipes kleston
 
Caso Braskem monica
Caso Braskem monicaCaso Braskem monica
Caso Braskem monica
 
Estrategia de valor_fabio.borges
Estrategia de valor_fabio.borgesEstrategia de valor_fabio.borges
Estrategia de valor_fabio.borges
 

Último

Aula teórica 2 - Gametogênese feminina.pdf
Aula teórica 2 - Gametogênese feminina.pdfAula teórica 2 - Gametogênese feminina.pdf
Aula teórica 2 - Gametogênese feminina.pdf
lucianatorresdemelo
 
sistema de transporte brasil - 7 ano.pptx
sistema de transporte brasil - 7 ano.pptxsistema de transporte brasil - 7 ano.pptx
sistema de transporte brasil - 7 ano.pptx
CarladeOliveira25
 
018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd
018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd
018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd
Renandantas16
 

Último (12)

Aula teórica 2 - Gametogênese feminina.pdf
Aula teórica 2 - Gametogênese feminina.pdfAula teórica 2 - Gametogênese feminina.pdf
Aula teórica 2 - Gametogênese feminina.pdf
 
Opções estratégicas de competitividade.pdf
Opções estratégicas de competitividade.pdfOpções estratégicas de competitividade.pdf
Opções estratégicas de competitividade.pdf
 
MERCADO LIVRE DE ENERGIA - QUALIDADE NO USO DA ENERGIA
MERCADO LIVRE DE ENERGIA - QUALIDADE NO USO DA ENERGIAMERCADO LIVRE DE ENERGIA - QUALIDADE NO USO DA ENERGIA
MERCADO LIVRE DE ENERGIA - QUALIDADE NO USO DA ENERGIA
 
Profissional de Vendas - Funcao e Competencias.pptx
Profissional de Vendas - Funcao e Competencias.pptxProfissional de Vendas - Funcao e Competencias.pptx
Profissional de Vendas - Funcao e Competencias.pptx
 
Digitalização do varejo| Clienting no varejo: dados e tendências sobre relaci...
Digitalização do varejo| Clienting no varejo: dados e tendências sobre relaci...Digitalização do varejo| Clienting no varejo: dados e tendências sobre relaci...
Digitalização do varejo| Clienting no varejo: dados e tendências sobre relaci...
 
Digitalização de varejo | Importe ou morra.
Digitalização de varejo | Importe ou morra.Digitalização de varejo | Importe ou morra.
Digitalização de varejo | Importe ou morra.
 
sistema de transporte brasil - 7 ano.pptx
sistema de transporte brasil - 7 ano.pptxsistema de transporte brasil - 7 ano.pptx
sistema de transporte brasil - 7 ano.pptx
 
Cavaleiros do Futebol: Equipamentos e Moda para Campeões.pptx
Cavaleiros do Futebol: Equipamentos e Moda para Campeões.pptxCavaleiros do Futebol: Equipamentos e Moda para Campeões.pptx
Cavaleiros do Futebol: Equipamentos e Moda para Campeões.pptx
 
Digitalização do varejo | A importância do engajamento e fidelização de clien...
Digitalização do varejo | A importância do engajamento e fidelização de clien...Digitalização do varejo | A importância do engajamento e fidelização de clien...
Digitalização do varejo | A importância do engajamento e fidelização de clien...
 
018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd
018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd
018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd
 
Digitalização do varejo | Tecnologia na gestão do negócio: como alavancar a e...
Digitalização do varejo | Tecnologia na gestão do negócio: como alavancar a e...Digitalização do varejo | Tecnologia na gestão do negócio: como alavancar a e...
Digitalização do varejo | Tecnologia na gestão do negócio: como alavancar a e...
 
Digitalização do varejo | Como a logística pode ajudar na melhor experiência ...
Digitalização do varejo | Como a logística pode ajudar na melhor experiência ...Digitalização do varejo | Como a logística pode ajudar na melhor experiência ...
Digitalização do varejo | Como a logística pode ajudar na melhor experiência ...
 

Padrao Ata2300

  • 1. Inovação em busca de competitividade e geração de valor 04/11/2011 ISBN 9788599809020 www.fia.com.br/profuturo
  • 2. ANÁLISE CUSTO-BENEFÍCIO PARA IMPLANTAÇÃO DO PADRÃO ATA 2300 NAS PUBLICAÇÕES DE OPERAÇÕES DE VOO EM COMPANHIAS AÉREAS Autor: Ayslan Anholon Orientador: Leandro Morilhas
  • 3. Agenda • Introdução • Pergunta de pesquisa • Objetivos • Referencial teórico • Metodologia • Principais resultados • Considerações finais
  • 4. Introdução • Alta concorrência do setor de aviação; • Necessidade das companhias aéreas de manter seus diversos manuais atualizados;
  • 5. Introdução • Alta similaridade de conteúdo entre diferentes manuais; • Dificuldade em avaliar novas tecnologias editoriais (SGCs) que podem auxiliá-las. – SGC: Sistema de Gerenciamento de Conteúdo
  • 6. Pergunta de pesquisa • Quais os principais aspectos tangíveis e intangíveis que as companhias aéreas devem levar em consideração para decidir se devem ou não migrar suas publicações para um novo sistema editorial?
  • 7. Objetivos • Enumerar os benefícios dos SGCs baseados em linguagem estruturada (padrão ATA 2300 e outros padrões proprietários); • Listar os custos usualmente existentes na implantação de tais sistemas; • Prover orientação sobre como calcular o ROI (Return On Investment).
  • 8. Referencial Teórico • A adoção de padrões na indústria foi decisivo para a humanidade (TONKERY, 2010); • A padronização é também uma forma de assegurar o cumprimento de regulamentações rígidas (WHALLEY, 2011); – Indústria aeronáutica; – Indústria farmacêutica.
  • 9. Referencial Teórico • Companhias aéreas: número considerável de páginas de manuais de Operações de Voo (pilotos) e Manutenção (mecânicos); • Percentagem média de redundância é de 50% (DCLABS, 2011); • Reuso: elaborar um novo conteúdo a partir de componentes já existentes (ROCKLEY, 2003).
  • 10. Referencial Teórico • Editores de texto convencionais (MS Word®)
  • 11. Referencial Teórico • SGC (Sistema de Gerenciamento de Conteúdo)
  • 12. Referencial Teórico • Segundo MANNING (2011), SGCs possuem funções como: – controle de versão, – metadados (dados sobre as informações armazenadas), – busca, conversão de formatos, – arquivamento e – controle da aplicabilidade (ou efetividade) das informações.
  • 13. Referencial Teórico • Padrão ATA* Spec 2300 para Manuais – Banco de dados (em linguagem XML) para ser usado no envio de manuais dos fabricantes para as companhias aéreas. <controlIndicator> <title>Battery Switch</title> <location> <para>Electrical Panel</para> </location> <device>Alternate Action Push-button Switch</device> <description> <para>Used to control battery power to airplane electrical systems</para> <figure> <graphic infoIdent="ICN B777-A-2400-12345-001-01 "/> </figure> </description> *Air Transport Association
  • 14. Referencial Teórico • Padrão ATA Spec 2300 para Manuais (cont.) Airbus Embraer Boeing ATA 2300
  • 15. Metodologia • Pesquisa qualitativa descritiva de base bibliográfica; • 2 estudos de casos de companhias aéreas que implantaram SGCs (mas baseados em definições proprietárias). – Southwest Airlines • Passou a ter economia de escala com novas rotas e aeronaves. – Continental Airlines • Economia anual de US$ 700,000 a US$ 800,000.
  • 16. Principais Resultados • BENEFÍCIOS – Tangíveis • Aumento do percentual de reuso da informação; • Diminuição do tempo gasto com formatação; • Com ATA 2300: diminuição do tempo gasto com conversões entre padrões. – Intangíveis • Autores com mais foco nas necessidades dos usuários; • Maior rapidez na distribuição da informação ao usuário final.
  • 17. Principais Resultados • CUSTOS – Tangíveis • Custo de aquisição do sistema e treinamento; • Custo para migração das publicações no formato antigo (usar conversão automática); • Adaptação para padrão ATA 2300 de sistema baseado em uma linguagem estruturada (desenvolver um conversor). – Intangíveis • Mudança de cultura (usar softwares WYSIWYG);
  • 18. Principais Resultados • Cálculo do ROI (The Rockley Group) Redundância Formatação
  • 20. Principais Resultados ROI estimado
  • 21. Considerações Finais • As companhias aérea devem levar em conta: – % de redundância da informação; – Número de manuais diferentes e sites que publicam uma mesma informação. • Custos com aquisição, treinamento e consultoria. – Dificuldades com mudanças culturais dos usuários.
  • 22. Considerações Finais • Percepção do benefício depende do sistema editorial anteriormente usado pela companhia aérea.
  • 23. Considerações Finais • Limitações: – Não apresentar dados específicos para a realidade brasileira; – O padrão ATA Spec 2300 para Operações de Voo é muito recente, não havendo casos reais.
  • 24. Considerações Finais • Sugestões de novos estudos: – Aplicação da metodologia em uma companhia aérea brasileira; – Estudo de caso das companhias que comecem a implantar o novo padrão ATA Spec 2300.
  • 25. Muito Obrigado! Ayslan Anholon ayslan.anholon@hotmail.com