Vestuário - princípios cristãos

8.105 visualizações

Publicada em

Princípios cristãos para se vestir

Publicada em: Espiritual
0 comentários
13 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
8.105
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
14
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
493
Comentários
0
Gostaram
13
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Vestuário - princípios cristãos

  1. 1. VESTUÁRIO Princípios Cristãos Pr Ivair Augusto-Dist.ARF-USeB
  2. 2. Vestuário – Princípios Bíblicos <ul><li>Gênesis 3:21 – “...roupas... e com elas vestiu...” </li></ul><ul><li>Êxodo 28:42 – “...para cobrir a nudez...” </li></ul><ul><li>I Timóteo 2:9 e 10 – “...traje decente... modéstia, bom senso...” </li></ul><ul><li>I Pedro 3:3 e 4 – “Não procure ficar bonita usando... vestidos caros...” </li></ul><ul><li>I João 2:15 e 16 – “...desejo dos olhos...” </li></ul><ul><li>I Coríntios 6:12 – “todas as coisas me são lícitas, mas nem todas me convém”. </li></ul>Pr Ivair Augusto-Dist.ARF-USeB
  3. 3. Vestuário – Princípios Bíblicos <ul><li>Cobrir o corpo </li></ul><ul><li>Não expor o corpo em lugar sagrado </li></ul><ul><li>Modéstia – moderação, equilíbrio </li></ul><ul><li>Decência – respeito, reverência </li></ul><ul><li>Bom senso – auto controle, discrição, sabedoria, discernimento </li></ul><ul><li>Não ostentar ; não usar de vaidade </li></ul>Pr Ivair Augusto-Dist.ARF-USeB
  4. 4. Vestuário – Conselhos do EP <ul><li>“ No vestuário, bem como em todas as outras coisas, é nosso privilégio honrar o nosso Criador . </li></ul><ul><li>Ele deseja que não somente seja nosso vestuário limpo e saudável, mas próprio e decoroso . </li></ul><ul><li> Em todos os respeitos, nossa aparência deve ser característica de asseio , modéstia e pureza” . </li></ul><ul><li>3 ME, 241 </li></ul>Pr Ivair Augusto-Dist.ARF-USeB
  5. 5. Vestuário – Conselhos do EP <ul><li>honrar o nosso Criador – distinção do vestuário do mundo </li></ul><ul><li>próprio – apropriado (ao culto; a uma festa; ao trabalho etc.) </li></ul><ul><li>decoroso – decência, dignidade, discreto </li></ul><ul><li>asseio – limpo </li></ul><ul><li>modéstia – moderação, equilíbrio </li></ul><ul><li>pureza – sem apelos sexuais </li></ul><ul><li>3 ME, 241 </li></ul>Pr Ivair Augusto-Dist.ARF-USeB
  6. 6. Pr Ivair Augusto-Dist.ARF-USeB
  7. 7. Vestuário – Conselhos do EP <ul><li>“ Avaliamos o caráter de uma pessoa pelo o estilo de vestuário que usa”. 3 ME, 242 </li></ul>Pr Ivair Augusto-Dist.ARF-USeB
  8. 8. Vestuário – Conselhos do EP <ul><li>“ A simplicidade no vestir, aliada à modéstia das maneiras, muito farão no sentido de cercar uma jovem com aquela atmosfera de sagrada reserva que para ela será uma proteção contra milhares de perigos .” </li></ul><ul><li>Ed., 248 </li></ul>Pr Ivair Augusto-Dist.ARF-USeB
  9. 9. Vestuário – Perguntas a se fazer <ul><li>Por que me vesti assim? Para despertar os olhares masculinos? </li></ul><ul><li>Meus seios e minhas costas estão à mostra? </li></ul><ul><li>Vou ter que tomar muito cuidado ao sentar, cruzar as pernas e subir esca-das, porque a roupa é justa ou curta? </li></ul><ul><li>Minha lingerie está em destaque? </li></ul>Pr Ivair Augusto-Dist.ARF-USeB
  10. 10. Vestuário – Perguntas a se fazer <ul><li>5. Posso levantar o braço sem mostrar o umbigo ou a cintura? </li></ul><ul><li>6. Estou me sentindo bem e não ficarei constrangida em encontrar meus irmãos da igreja ? </li></ul><ul><li>Revista AFAM, 2002, I Trimestre </li></ul>Pr Ivair Augusto-Dist.ARF-USeB
  11. 11. Vestuário – Perguntas a se fazer <ul><li>Por que me vesti assim? Para despertar os olhares femininos? </li></ul><ul><li>Meu corpo está em evidência? </li></ul><ul><li>Alguma coisa em meu vestuário chama a atenção para mim mesmo? </li></ul><ul><li>Iria com essa roupa em uma recepção para o presidente do país? </li></ul><ul><li>Tenho uma roupa separada para ir a igreja? </li></ul>Pr Ivair Augusto-Dist.ARF-USeB
  12. 12. Vestuário & Sexo oposto <ul><li>As roupas são um elemento importante para a atração do sexo oposto </li></ul><ul><li>O vestuário da atualidade é usado na estratégia de sedução </li></ul>Pr Ivair Augusto-Dist.ARF-USeB
  13. 13. Vestuário & Sexo oposto <ul><li>O cristão deve escolher roupas neutras e que não se utilizem deste mecanismo de atração sexual. </li></ul>Pr Ivair Augusto-Dist.ARF-USeB
  14. 14. Vestuário & Sexo oposto <ul><li>Mecanismo de ativação sexual do homem - VISÃO </li></ul>Pr Ivair Augusto-Dist.ARF-USeB
  15. 15. Vestuário & Sexo oposto <ul><li>Mecanismo de ativação sexual da mulher – TOQUE e AUDIÇÃO </li></ul>Pr Ivair Augusto-Dist.ARF-USeB
  16. 16. Vestuário & Sexo oposto <ul><li>Roupas provocantes : </li></ul><ul><li>na igreja irão tirar o foco de adoração. </li></ul><ul><li>no trabalho irão provocar assédio sexual. </li></ul><ul><li>em festas ou reuniões socais irão causar mau testemunho. </li></ul>Pr Ivair Augusto-Dist.ARF-USeB
  17. 17. Vestuário & Sexo oposto <ul><li>Onde usar roupas sensuais? </li></ul><ul><li>Na intimidade do casal. </li></ul><ul><li>Partilhar sensualidade em ambientes públicos é imoralidade. </li></ul><ul><li>Pode ser natural em nosso país e neste mundo, mas não para cristãos. </li></ul>Pr Ivair Augusto-Dist.ARF-USeB
  18. 18. Vestuário & Sexo oposto <ul><li>“ A moda, muitas vezes tem como alvo a </li></ul><ul><li>sensualidade e o erotismo, práticas condenáveis à uma verdadeira serva de Cristo”. </li></ul><ul><li>Revista AFAM, 2002, I Trimestre </li></ul>Pr Ivair Augusto-Dist.ARF-USeB
  19. 19. CONCLUSÃO <ul><li>O vestuário reflete nosso caráter e espiritualidade </li></ul><ul><li>Nossa forma de vestir pode influenciar os outros </li></ul><ul><li>Deus se importa com minha roupa no ambiente da adoração </li></ul><ul><li>Sensualidade exposta em ambientes públicos é pecado </li></ul><ul><li>A moda segue princípios contrários ao cristianismo </li></ul>Pr Ivair Augusto-Dist.ARF-USeB
  20. 20. Pr Ivair Augusto-Dist.ARF-USeB

×