Relevo Resultado final das ações endógenas e exógenas das forças que atuam no planeta .
Corresponde às formas assumidas pelo terreno (montanha, planaltos, depressões, planícies, chapadas e etc), após serem mold...
Na classificação do relevo, leva-se em consideração: Estrutura Constituição  Origem   Estágios
Classificações de relevo no Brasil
Planície dos Pampas
 
 
Tipos de Relevos Planaltos Áreas mais ou menos aplainadas com altitudes superiores a 200m do nível do mar. Região disperso...
Planícies Áreas mais ou menos aplainadas com altitudes entre 0 e 200m do nível do mar. Regiões receptoras de sedimentos
As planícies podem ser: Costeiras ou marinhas = próximo aos oceanos Continentais = próximas de rios (aluviais ou fluvias) ...
Depressões Áreas rebaixadas do relevo podendo está situadas abaixo do nível do mar (absoluta) ou acima do nível do mar, po...
Ex:  Guaratinguetá – Vale do Paraíba (SP) Entre a Serra do Mar e Mantiqueira Amazônia Ocidental (AM) Entre o Planalto das ...
Montanhas São áreas de grande elevações naturais, constituída de agrupamentos de morros e vales. São resultantes do movime...
Podemos classificá-las quanto a idade: Jovens  – Geralmente constituída do terciário, assumindo formas agudas. Alpes – Him...
Velhas  – Geralmente constituída nas Eras Proterozóica e Paleozóicas, assumindo formas mais onduladas. Serra do Mar - Alpe...
Montanhas Rochosas nos EUA
Partes da montanha
 
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Relevo do Brasil

4.602 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

Relevo do Brasil

  1. 1. Relevo Resultado final das ações endógenas e exógenas das forças que atuam no planeta .
  2. 2. Corresponde às formas assumidas pelo terreno (montanha, planaltos, depressões, planícies, chapadas e etc), após serem moldadas pela atuação de agentes internos e externos que atuam sobre a crosta terrestre.
  3. 3. Na classificação do relevo, leva-se em consideração: Estrutura Constituição Origem Estágios
  4. 4. Classificações de relevo no Brasil
  5. 5. Planície dos Pampas
  6. 8. Tipos de Relevos Planaltos Áreas mais ou menos aplainadas com altitudes superiores a 200m do nível do mar. Região dispersora de sedimentos
  7. 9. Planícies Áreas mais ou menos aplainadas com altitudes entre 0 e 200m do nível do mar. Regiões receptoras de sedimentos
  8. 10. As planícies podem ser: Costeiras ou marinhas = próximo aos oceanos Continentais = próximas de rios (aluviais ou fluvias) Lacustres = próximas de lagos Piemont = entre montanhas
  9. 11. Depressões Áreas rebaixadas do relevo podendo está situadas abaixo do nível do mar (absoluta) ou acima do nível do mar, porém abaixo dos relevos vizinhos (parcial)Partes da montanha
  10. 12. Ex: Guaratinguetá – Vale do Paraíba (SP) Entre a Serra do Mar e Mantiqueira Amazônia Ocidental (AM) Entre o Planalto das Guianas e o planalto Central brasileiro
  11. 13. Montanhas São áreas de grande elevações naturais, constituída de agrupamentos de morros e vales. São resultantes do movimento das placas tectônicas, que provocam dobramentos, falhas (quebras – fraturas) e vulcanismo.
  12. 14. Podemos classificá-las quanto a idade: Jovens – Geralmente constituída do terciário, assumindo formas agudas. Alpes – Himalaia – Andes
  13. 15. Velhas – Geralmente constituída nas Eras Proterozóica e Paleozóicas, assumindo formas mais onduladas. Serra do Mar - Alpes Escandinavos – Montes Urais
  14. 16. Montanhas Rochosas nos EUA
  15. 17. Partes da montanha

×