Cine conhecimento pece

1.914 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.914
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
45
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Cine conhecimento pece

  1. 1. UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA - UFBA FACULDADE DE EDUCAÇÃO - FACEDPROGRAMA NACIONAL ESCOLA DE GESTORES DA EDUCAÇÃO BÁSICA PÚBLICA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA - CECOP 2 PRÁTICAS E ESPAÇOS DE COMUNICAÇÃO NA ESCOLA – PECE DOCENTE: Alda Maria Abreu CINE CONHECIMENTO - Escritores da Liberdade - CURSISTAS: - Acenate Santos - Anatildes Carvalho - Iramaia Araújo Santos - Lilian Pereira Guedes - Marli Silva Almeida - Pedro Marques dos Santos - Rita de Cáscia da SilvaTrindade Santos
  2. 2. CINE CONHECIMENTO Ficha Técnica Título Original: Freedom Writers Diretor: Richard LaGravenese Produção: Danny DeVito, Michael Shamberg, Stacey Sher Roteiro: Richard LaGravenese Elenco: Pat Carroll, Patrick Dempsey, Jason Finn, Scott Glenn, David Goldsmith, Kristin Herrera, Blake Hightower, John Benjamin Hickey, Will Morales, Anh Tuan Nguyen, Vanetta Smith, Imelda Staunton, Hilary Swank, Deance Wyatt. Fotografia: Jim Denault Trilha Sonora: Mark Isham, RZA Duração: 123 min. Ano: 2007 País: EUA Cor: Colorido Distribuidora: Não definida Estúdio: Paramount Pictures / MTV Films / Jersey Films
  3. 3. CINE CONHECIMENTO Gênero Drama Palavras-chaves Problemas socioeducacionais. Práticas Pedagógicas.Vínculo professor/aluno. Violência. Escritores da Liberdade. Principais personagens Marcus Jamal Profª Erin Gruwell Margaret Campbell
  4. 4. CINE CONHECIMENTO Sinopse da História do Filme Baseado em fatos reais “Escritores da Liberdade” se passa por volta do ano de 1992, na cidade de Los Angeles, momento em que as tensões raciais favorecem a ocorrência verdadeira guerra de gangues nos bairros mais pobres. É em meio a este drama, vivido por adolescentes na faixa etária entre 14 e 15 anos que Erin Gruwell desiludida em relação à advocacia, decide dedicar-se à educação. Cheia de expectativas a professora assume uma turma de um projeto de integração e se depara com um quadro de total desinteresse e conflitos entre os alunos. Mesmo decepcionada ela não desiste e busca nas características comuns das deles uma maneira para lhes ensinar a matéria de forma interessante. Em uma situação de preconceito entre os alunos, Erin, faz uma analogia com o holocausto e a partir daí propõe a leitura do livro O Diário de Anne Frank e ao mesmo tempo que cada um escrevesse seu próprio diário, contando sobre seus sentimentos, pensamentos, passado, sonhos. Além dos problemas com a desmotivação da classe, a professora Erin ainda tem que enfrentar a resistência da diretoria da escola e de outros professores, que percebem a turma como um “caso sem solução”. Decidida resolve agir sozinha, dedicando-se totalmente a causa da educação da sua turma, o que acaba interferindo na sua vida pessoal. Aos poucos, os jovens alunos modificam a forma de pensar e o comportamento e constroem uma relação de confiança com a professora ao sentirem que a mesma valorizava suas histórias de vida, suas habilidades e produções. O filme Escritores da Liberdade traz na sua essência o resgate e a valorização da Educação. Com uma linguagem clara, trata de forma objetiva os problemas educacionais da atualidade, principalmente os relacionados ao respeito e aceitação da diversidade.
  5. 5. CINE CONHECIMENTO Conceitos centrais e categorias de formação caráter/cidadania ou o valor moral, veiculados pelo filme Uma infância marcada por medo, frustração, violência e miséria produz sequelas que comprometem o desenvolvimento e socialização. A exclusão resulta em violência e dificuldade de convivência . Oportunizando o desenvolvimento das potencialidade, a educação contribui para a conquista da cidadania. Valorizar o educando e reconhecê-lo como sujeito de direitos é o caminho para melhorar as relações interpessoais na escola. É possível transformar através de uma educação pautada em valores.
  6. 6. CINE CONHECIMENTO Aspectos Positivos Persistência da professora em seu objetivo pedagógico proposto; Metodologias diversificadas, levando em consideração os conhecimentos prévios dos alunos e suas realidades; Valorização dos trabalhos dos alunos. O posicionamento firme da professora diante dos questionamentos dos alunos, aproveitando cada oportunidade para levá-los a uma reflexão Reconhecimento que os jovens demonstraram pelo trabalho da professora Aspectos Negativos Falta de apoio da direção e da comunidade; Abandono familiar; Falta de sensibilidade dos demais professores
  7. 7. CINE CONHECIMENTO Cenas coerentes e fieis à realidade A situação da sala 203 do Colégio Wilson antes da intervenção da professora Erin, assemelha-se à realidade de muitas escolas brasileiras, onde estão presentes: A violência simbólica na escola e nos governos; A violência explícita entre alunos, pais de alunos e professores; O preconceito e a discriminação; A desmotivação dos estudantes,que tem sido um grande desafio para o professor. Cenas menos realistas Parece menos realista: A professora procurar outros dois empregos para investir nos projetos pedagogicos e não para fins pessoais; A professora ir até a SEC para buscar o apoio não encontrado na escola
  8. 8. Relações existentes entre o assunto do filme e conteúdos estudados no componenteCINE CONHECIMENTO curricular PECE O filme relaciona com os conteúdos de Práticas e Espaço de Comunicação na Escola, visto que assim como o componente curricular aborda: A necessidade de se promover uma filosofia educacional que avalie e promove o respeito à diversidade, o que se evidencia na postura da professora Erin Gruwell, que ajudou a transformar um grupo de estudantes apáticos em um grupo de estudantes motivados, pensantes e responsáveis por tomar suas próprias decisões, tornaram-se indivíduos livres se auto nomeando “Escritores da Liberdade; A responsabilidade que devem ter os profissionais envolvidos no fazer da escola em desenvolver metodologias condizentes a uma prática que realmente favoreça a eliminação de barreiras que tanto impedem o desenvolvimento educacional, o que pode ser percebido na postura da professora Erin que ajudou seus alunos a superar os esteriótipos e a ter aspirações de mudança e transformarem-se em cidadãos críticos e atuantes; A prática de uma avaliação diagnóstica, como a postulada por Cipriano Luckesi, na qual os alunos não são visto como incapazes pelos erros cometidos, mas esses erros são utilizado no processo para possibilitar o aperfeiçoamento da aprendizagem, algo muito presente na prática da professora Erin Gruwell.
  9. 9. Relações existentes entre o assunto do filme e o meio em que vivemos.CINE CONHECIMENTO Embora seja ambientado nos Estados Unidos, o filme “Escritores da Liberdade” possui estreita relação com o contexto da educação brasileira, visto que: Muitos adolescentes vão à escola para se esconder ou porque são forçados por seus pais ou entidades sociais para cumpri pena preventivas ou garantir recursos sociais. Alguns professores tentam desenvolver trabalhos diferenciados e não conseguem apoio da comunidade escolar ou são muitas vezes impedidos; Um grande número de pais transferem a responsabilidade de educar os filhos para avós, tios e para a escola; O sistema educacional mascara a realidade e se diz praticando a inclusão sem oferecer as condições materiais e humanos para que essa inclusão aconteça de fato; Não acreditando que a educação possa transformar os alunos, muitos professores fingem que ensinam para se protegerem dos atos de violência. Desvalorização salarial do professor e a má distribuição dos recursos, fazendo com muitas escolas tenha que organizar bazas, bingos e rifas para suprir os gastos financeiros quando se planeja um projeto diferente do tradicional.
  10. 10. Cena de Maior ImpactoCINE CONHECIMENTO http://www.4shared.com/file/XF1Lbicu/projeto_um_brinde.html? A cena em que a professora propõe um brinde silenciar todos que pensavam que eles não podiam e pela mudança deles próprios, pois “as pessoas que eles eram até aquele momento era passado, agora eles eram pessoas novas, com novas oportunidades e interesses”. O impactante nessa cena é quando um aluno pede para ler um trecho do seu diário e diz que tinha sido despejado durante as férias e não tinha onde morar e que por isso não via motivos para ir a escola, mas quando lá chegou e foi recebido por seus colegas todo seu desânimo desapareceu : “Minha professora maluca de inglês é a única pessoa que faz ter esperança...Na sala 203 estou em casa!” Está cena demonstra que com tolerância, coragem e perseverança é possível adotar uma prática pedagógica com amorosidade e construir uma relação interpessoal entre professor e alunos de respeito e aceitação do outro, o que é essencial para promover uma educação transformadora, pois todos os educandos, traz uma história e precisam enxergar na escola um porto seguro, no qual o ato de aprender seja prazeroso e significativo
  11. 11. Contributo do filme para o estudo do componente curricular PECE.CINE CONHECIMENTO O filme Escritores da Liberdade contribuiu para o estudo do componente curricular Práticas e Espaços de Comunicação na Escola por ampliar a reflexão sobre o educar na e para diversidade,chamando atenção para o fato de que: A relação professor-alunos é complexa e exige segurança, equilíbrio,tolerância, respeito e afeto; A pratica pedagógica precisa ser desafiadora, promovendo desequilíbrios para o autoconhecimento; Ampliar a interação entre professor-aluno e aluno-aluno é essencial para que sejam quebradas barreiras e se desperte o desejo de aprender; O aluno como o centro do processo, ao professor o papel de facilitador ou estimulador da aprendizagem, aberto a novas experiências e responsável pela auto realização dos seus alunos, proporcionando assim, a conquista da cidadania; O espaço da escola é plural e heterogêneo, o que exige do educador competência científica,integridade, boa vontade, comprometimento social e ética, afim de somar esforços para transformar a realidade de exclusão, abandono e descrédito em que muitos alunos estão inseridos.
  12. 12. Fontes das ImagensCINE CONHECIMENTO ESCRITORES da liberdade. Direção: Richard LaGravenese. Intérpretes: Hilary Swank, Patrick Dempsey e outros. Paramount Pictures, 2006, 122min http://inov.forumeiro.net/t54-lingua-portuguesa-2003-tarde-prof-marcio-d-alegria- Tuza-escritores-da-liberdade http://www.freedomwritersfoundation.org/store.html http://www.interfilmes.com/filme_v1_16856_Escritores.da.Liberdade.html#Elenco

×