SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 16
WEBINAR*
Como transformar custos fixos em custos variáveis?
Inverno 2015
Competitividade através de pessoas, processos e tecnologia.....
*A tecnologia a serviço das pessoas
O Instituto Latino Americano de Gestão Competitiva - ILGC é um integrador de talentos e
habilidades, cujas ações são convergentes para a melhoria permanente da competitividade das
pessoas e seus negócios.
Objetivamente, apoiamos as organizações e pessoas a serem competitivas e geradoras de
riquezas através do tempo.
Negócio: Construir Valor em Processos Empresariais.
 Consultoria Empresarial:
 Processos e Indicadores, Produtos e Tecnologia, Modelo de Negócio, Planejamento Estratégico,
Revitalização de Negócios e Execução Qualificada;
 Educação Continuada:
 Encontros Presenciais e Virtuais, Ações para Formação e Capacitação, Mentoring Estratégico.
Negócios Estratégicos:
 BPO, Interim Management, Alianças Estratégicas.
Quem somos e
O que Fazemos
1998/2004
FCO / FDG /
INDG /Falconi
2004/2005
BMI
2005/2007
TotvsBMI
2007/2008
Totvs Consulting
2008 - ILGC
Fonte: Estadão – Luiz Guilherme Gerbelli – 16/07/15
Cenários
Projeções para o PIB 2016/17
No que
Acreditamos...
• Simplicidade e Austeridade.....Colaboração.....Tecnologia.....Redes Sociais..... ATITUDE
Mercado
Viagens e Turismo
TABELA 1
VENDA DE BILHETES — INDÚSTRIA
CONSOLIDADORES – US$ 2,27 bilhões (-4,9%)
CORPORATIVO – US$ 881 milhões (-2,77%)
OPERADORES – US$ 588 milhões (-1,85%)
OTAs – US$ 532 milhões (+3,99%)
AGÊNCIAS – US$ 305 milhões (-14,99%)
TOTAL – US$ 4,585 bilhões (-4%)
Mercado
Mercado
Mercado
Viagens e Turismo
A Indústria de Viagens e Turismo no Brasil e os Desafios Das
Lideranças
O mercado de viagens e turismo no Brasil, seja destinado a lazer, seja a negócios, passa por um momento muito
especial de adequação e reposicionamento, face em parte ao novo cenário econômico . Os tempos atuais tem exigido
das organizações que operam neste mercado, uma postura pragmática e eficiente com ações concretas convergentes
para:
 Atendimento qualificado e humanizado;
 Absoluta seletividade nos gastos;
 Aumento contínuo da produtividade;
 Redução das perdas visíveis e invisíveis;
 Obsessão por controle e redução de custos.
Este comportamento , essencial para a sobrevivência neste mercado, traz grandes desafios, dentre os quais:
 Fazer mais com menos;
 Alinhar as metas, projetos e ações estratégicas de cada negócio, integrando-os para a geração de riqueza;
 Simplificar os processos, tornando-os um centro de criação de riquezas;
 Utilizar intensamente os recursos existentes, sejam eles materiais e imateriais, inclusive as redes sociais;
 Ter uma liderança altamente competente e comprometida. O comprometimento passa por todos conhecerem
os seus desafios, metas e ações estratégicas para alcance das metas;
 Criar e operacionalizar “alianças” com todos os stakeholders, com “mentalidade integradora” para se alcançar
resultados superiores.
Mercado
Viagens e Turismo
Cenários para Revitalização
Em mercados instáveis e de alta
competitividade, as
organizações que desejam ser
vencedoras, tem adotado
estratégias para a revitalização
de seus negócios/processos.
Estas estratégias “passam por
uma reflexão sobre a cadeia de
valor” que é o conjunto dos
processos/setores/áreas da cia,
nas quatro perspectivas abaixo.
Este esforço deve levar a
melhorias substanciais nos
resultados, medidos através do
DRE e do Fluxo de Caixa.
Gastos:
Despesas Fixas:
-Gastos da operação com
aluguéis e materiais.
Custos
Variáveis:
-Valores pago
por produto comercializado.
Despesas
Comerciais:
-Gasto para atender
clientes.
Investimentos:
-Gasto com bem ou serviço ativado em função de sua
vida útil ou de benefícios de períodos futuros.
Ex: compra de uma computador.
Classificação dos Gastos no
Turismo
 Estabelecemos perspectiva de ganho econômico
financeiro para o período de 12 meses;
 Avaliamos estruturas contábeis, plano de contas – centro
de custo e estratificamos por grupamentos semelhantes;
 Elegemos um líder/dono para cada grupamento;
 Desdobraremos as metas para cada grupamento de
contas;
 Analisamos preço de venda e de aquisição e
produtividade de cada processo;
 Negociamos as metas em termos relativos (%) entre as
partes envolvidas;
 Elaboramos a matriz orçamentária e capacitamos as
pessoas envolvidas;
 Apoiamos no monitoramento sistemático das metas e
dos resultados.
 Despesas aplicadas de forma qualitativa;
 Custos fixos e variáveis reduzidos;
 Liderança comprometida com os desafios e
resultados;
 Margens do negócio ampliadas;
 Processos modernizados;
 Resultados sustentáveis;
 Book do projeto com plano de conta
comentado.
Como Fazemos... Entregáveis
Relevante
Tempo médio de implementação 180-360 dias;
ROI superior a R$ 2.5/R$1.00;
Na média os resultados começam a surgir a
partir do 75° dia após o início.
Proposta de Valor: Alcançar ganho econômico superior a 5% na Execução da Peça
Orçamentária
Orçamento
Positivo
Resumo do Planejamento
DC
A PMeta
Estratégica
Gestores de Pacote
identificam as
Oportunidades
Metas Desafiadores
de redução por CC
Normas e Padrões
para alcançar
as metas
S N V enc to V alor anual
O bjetivo
red. %
E s tratégia R es pons ável D ata
% R eduç ão
N egoc iada
Novo
Valor
P apel V C P x 12-jan 72.000 10%
C artucho de
tinta
K alunga x 9-m ai 50.000 5% 30/abr
Tonner X erox X 5.000 30%
P asta/fichário
P apelaria New
Office
x 4.000 20%
Notas fiscais JC F orm ulários x 15-jul 120.000 10%
251.000 10% % M édia de redução dos contratos TOTA L 0
303.150 83% % Identificada das contas
F ORNE C E D OR
Suporte Administrativo
Material de escritório
Inês
Total identificado na conta
Total
N e g o cia çã o
PACOTE
CONTA
GESTOR
ANÁLISE DE CONTRATOS
A n a lise d o co n tra to
ITE M
C o n t. fo rm a l ?
Análise de Contrato
NOVO CUSTO
PREÇO
REDUÇÃO DO PREÇO
REDUÇÃO
DO
CONSUMO
CONSUMO
+ Gastos
Valor
Contábil
Parâmetros
G estor es
E ntid ad es
R ealizado
Acum ulado
(R$)
M eta
Acum ulada
(R $)
Diferença
(R$)
Realizado
Acum ulado
(R $)
M eta
A cumulada
(R$)
Diferença
(R $)
Realizado
A cumulado
(R$)
M eta
Acum ulada
(R$)
D iferença
(R$)
Realizado
Acum ulado
(R$)
M eta
A cum ulada
(R$)
Paco tes de
Pro d uto s
G estor es
Bebida
E nergética
Creme UHT
Doce de Leite
Iogurte
L.Ester.S abor
Leite C
Leite C - Vit
Leite
Condensado
Leite em Pó
Leite Longa
V ida
M anteiga
Q .Petit Suiss
Q ueijo
Requeijão
Soro em pó
Sucos
T o tal d as En tidad es
R egião Centro-O este/Sudeste Região Norte/Nordeste R egião São Paulo/Sul T otal
Do no : D r. Jacq ues G on tijo
Matrizes
Orçamentárias
Negociação
Geral das
metas
Análise
R$/F

IndicadoresMetas
Preliminares
2. Elaboração do
Orçamento
2.1 Análises iniciais e
preparação para
definição de metas
Escopo do trabalho
Produtos
2.2 Definição de metas
preliminares
Conceitos
Ferramentas
2.3 Negociação e
consolidação
Negociação
Consolidação
Resumo do planejamento
Orçamento Positivo -
Gastos
Metas de um pacote
entre as áreas
Meta das áreas entre
os pacotes
Fechamento das metas nas
áreas e pacotes da matriz
Orçamento
Positivo
Análise de Gastos
Gastos =
(Custo Total de
Gasolina)
X
L. Gasolina
Dia
R$
Litro
Análise
Histórica
1 2
Ação sobre os
parâmetros
Renegociação de
contratos
Preço por litro
Litros
Gasolina
Novo Custo
Custo
Original
2. Elaboração do
Orçamento
2.1 Análises iniciais e
preparação para
definição de metas
Escopo do trabalho
Produtos
2.2 Definição de metas
preliminares
Conceitos
Ferramentas
2.3 Negociação e
consolidação
Negociação
Consolidação
Resumo do planejamento
Orçamento Positivo -
Gastos
Contato:
Raimundo Sousa
rai.sousa@ilgc.com.br
(11)9 9990-5534
Serafim Oliveira
Serafim.oliveira@ilgc.com.br
(11) 9 91964242
ILGC
Instituto Latino Americano de Gestão Competitiva
Av. Nazaré, 1139 | 2º andar - Cj. 203 | Ipiranga, SP
Telefone: (11) 2948-3336
www.ilgc.com.br
Contato
Ser Competitivo

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Reposicionamento estrategico para advocacias
Reposicionamento estrategico para advocaciasReposicionamento estrategico para advocacias
Reposicionamento estrategico para advocaciasJoao Telles Corrêa Filho
 
55 pro institucional jun 2018
55 pro institucional jun 201855 pro institucional jun 2018
55 pro institucional jun 2018Joao Alipio
 
Apresentação Gestão de Rentabilidade Solida
Apresentação Gestão de Rentabilidade SolidaApresentação Gestão de Rentabilidade Solida
Apresentação Gestão de Rentabilidade SolidaBruno Martins Fonseca
 
Recuperação Sustentável
Recuperação SustentávelRecuperação Sustentável
Recuperação SustentávelVal Rea
 
Acoi Consulting - Apresentacao Corporativa - 2016
Acoi Consulting - Apresentacao Corporativa - 2016Acoi Consulting - Apresentacao Corporativa - 2016
Acoi Consulting - Apresentacao Corporativa - 2016Fernando Moura
 
Apresentação institucional 2014
Apresentação institucional 2014Apresentação institucional 2014
Apresentação institucional 2014Mario Junior
 
Jornada da Empresa pelas diferentes fontes de financiamento
Jornada da Empresa pelas diferentes fontes de financiamentoJornada da Empresa pelas diferentes fontes de financiamento
Jornada da Empresa pelas diferentes fontes de financiamentoMarcos Rittner
 
Apresentação Rmattos Consultoria 2017
Apresentação Rmattos Consultoria 2017Apresentação Rmattos Consultoria 2017
Apresentação Rmattos Consultoria 2017RICARDO MATTOS
 
Case de sucesso de consultoria #14 - Reduzir custos, aumentar competitividade
Case de sucesso de consultoria #14 - Reduzir custos, aumentar competitividadeCase de sucesso de consultoria #14 - Reduzir custos, aumentar competitividade
Case de sucesso de consultoria #14 - Reduzir custos, aumentar competitividadeRevolutia
 
Atribuicoes Diretivas & Principais Resultados
Atribuicoes Diretivas & Principais ResultadosAtribuicoes Diretivas & Principais Resultados
Atribuicoes Diretivas & Principais ResultadosMatilde Mudrei
 

Mais procurados (20)

Gestão compartilhada
Gestão compartilhadaGestão compartilhada
Gestão compartilhada
 
Paintgap Consulting - Apresentação corporativa
Paintgap Consulting - Apresentação corporativaPaintgap Consulting - Apresentação corporativa
Paintgap Consulting - Apresentação corporativa
 
balanced scorecard
 balanced scorecard balanced scorecard
balanced scorecard
 
Gestao compartilhada
Gestao compartilhadaGestao compartilhada
Gestao compartilhada
 
KGest Apresentação da Empresa
KGest   Apresentação da EmpresaKGest   Apresentação da Empresa
KGest Apresentação da Empresa
 
Reposicionamento estrategico para advocacias
Reposicionamento estrategico para advocaciasReposicionamento estrategico para advocacias
Reposicionamento estrategico para advocacias
 
55 pro institucional jun 2018
55 pro institucional jun 201855 pro institucional jun 2018
55 pro institucional jun 2018
 
Apresentação Gestão de Rentabilidade Solida
Apresentação Gestão de Rentabilidade SolidaApresentação Gestão de Rentabilidade Solida
Apresentação Gestão de Rentabilidade Solida
 
Recuperação Sustentável
Recuperação SustentávelRecuperação Sustentável
Recuperação Sustentável
 
Acoi Consulting - Apresentacao Corporativa - 2016
Acoi Consulting - Apresentacao Corporativa - 2016Acoi Consulting - Apresentacao Corporativa - 2016
Acoi Consulting - Apresentacao Corporativa - 2016
 
Apresentação institucional 2014
Apresentação institucional 2014Apresentação institucional 2014
Apresentação institucional 2014
 
Jornada da Empresa pelas diferentes fontes de financiamento
Jornada da Empresa pelas diferentes fontes de financiamentoJornada da Empresa pelas diferentes fontes de financiamento
Jornada da Empresa pelas diferentes fontes de financiamento
 
FSA Company Nov2015_VF
FSA Company Nov2015_VFFSA Company Nov2015_VF
FSA Company Nov2015_VF
 
Serviços Value Added Partners
Serviços Value Added PartnersServiços Value Added Partners
Serviços Value Added Partners
 
Reunião Recursos Humanos - Remuneração Estratégica
Reunião Recursos Humanos - Remuneração EstratégicaReunião Recursos Humanos - Remuneração Estratégica
Reunião Recursos Humanos - Remuneração Estratégica
 
Como obter melhores resultados com os recursos atuais - fazer mais com menos
Como obter melhores resultados com os recursos atuais - fazer mais com menosComo obter melhores resultados com os recursos atuais - fazer mais com menos
Como obter melhores resultados com os recursos atuais - fazer mais com menos
 
Quem somos
Quem somosQuem somos
Quem somos
 
Apresentação Rmattos Consultoria 2017
Apresentação Rmattos Consultoria 2017Apresentação Rmattos Consultoria 2017
Apresentação Rmattos Consultoria 2017
 
Case de sucesso de consultoria #14 - Reduzir custos, aumentar competitividade
Case de sucesso de consultoria #14 - Reduzir custos, aumentar competitividadeCase de sucesso de consultoria #14 - Reduzir custos, aumentar competitividade
Case de sucesso de consultoria #14 - Reduzir custos, aumentar competitividade
 
Atribuicoes Diretivas & Principais Resultados
Atribuicoes Diretivas & Principais ResultadosAtribuicoes Diretivas & Principais Resultados
Atribuicoes Diretivas & Principais Resultados
 

Destaque

Agências de viagens trabalho de otet
Agências de viagens trabalho de otetAgências de viagens trabalho de otet
Agências de viagens trabalho de otetKaryn XP
 
Agências de viagem 5 composição de custos pacote
Agências de viagem 5   composição de custos pacoteAgências de viagem 5   composição de custos pacote
Agências de viagem 5 composição de custos pacoteprogressoretec
 
Otet módulo 2
Otet módulo 2Otet módulo 2
Otet módulo 2TatyFG
 
V01 81203_técnico_de_informação_e_animação_turística
V01  81203_técnico_de_informação_e_animação_turísticaV01  81203_técnico_de_informação_e_animação_turística
V01 81203_técnico_de_informação_e_animação_turísticaportcat
 
Projecto de-animacao-turistica-hugo-gouveia-29074
Projecto de-animacao-turistica-hugo-gouveia-29074Projecto de-animacao-turistica-hugo-gouveia-29074
Projecto de-animacao-turistica-hugo-gouveia-29074diogolam
 
Custos de Produção
Custos de ProduçãoCustos de Produção
Custos de ProduçãoLuciano Pires
 

Destaque (8)

Agências de viagens trabalho de otet
Agências de viagens trabalho de otetAgências de viagens trabalho de otet
Agências de viagens trabalho de otet
 
Agências de viagem 5 composição de custos pacote
Agências de viagem 5   composição de custos pacoteAgências de viagem 5   composição de custos pacote
Agências de viagem 5 composição de custos pacote
 
Otet módulo 2
Otet módulo 2Otet módulo 2
Otet módulo 2
 
V01 81203_técnico_de_informação_e_animação_turística
V01  81203_técnico_de_informação_e_animação_turísticaV01  81203_técnico_de_informação_e_animação_turística
V01 81203_técnico_de_informação_e_animação_turística
 
Projecto de-animacao-turistica-hugo-gouveia-29074
Projecto de-animacao-turistica-hugo-gouveia-29074Projecto de-animacao-turistica-hugo-gouveia-29074
Projecto de-animacao-turistica-hugo-gouveia-29074
 
Otet
OtetOtet
Otet
 
Módulo 8
Módulo 8Módulo 8
Módulo 8
 
Custos de Produção
Custos de ProduçãoCustos de Produção
Custos de Produção
 

Semelhante a WEBINAR 16/07/15 – COMO TRANSFORMAR CUSTO FIXO EM CUSTO VARIÁVEL? - Mercado Alimentício

SOP Brasil - Performa® (Sales Planning)
SOP Brasil - Performa® (Sales Planning)SOP Brasil - Performa® (Sales Planning)
SOP Brasil - Performa® (Sales Planning)SOP Brasil
 
Balanced Scorecard IV Congress South America
Balanced Scorecard IV Congress South AmericaBalanced Scorecard IV Congress South America
Balanced Scorecard IV Congress South Americaguestad8ca6
 
Indicadores de Desempenho.pdf
Indicadores de Desempenho.pdfIndicadores de Desempenho.pdf
Indicadores de Desempenho.pdfPedro Luis Moraes
 
Gestão estratégica antaq upload
Gestão estratégica antaq uploadGestão estratégica antaq upload
Gestão estratégica antaq uploadPeter Dostler
 
Pi mmodelo
Pi mmodeloPi mmodelo
Pi mmodelodynahina
 
[ i ]ntegrum2013
[ i ]ntegrum2013[ i ]ntegrum2013
[ i ]ntegrum2013Vital Sousa
 
Planejamento financeiro e precificação
Planejamento financeiro e precificaçãoPlanejamento financeiro e precificação
Planejamento financeiro e precificaçãoADM Soluções
 
Estratégia e BSC
Estratégia e BSCEstratégia e BSC
Estratégia e BSCBuccelli
 
E Business Brasil V.5
E Business Brasil V.5E Business Brasil V.5
E Business Brasil V.5oburegio
 
E Business Brasil V.5
E Business Brasil V.5E Business Brasil V.5
E Business Brasil V.5Oto Burégio
 
SOP Brasil Institucional
SOP Brasil InstitucionalSOP Brasil Institucional
SOP Brasil InstitucionalSOP Brasil
 
Apresentação Plateau & Soluções de Negócio
Apresentação Plateau & Soluções de NegócioApresentação Plateau & Soluções de Negócio
Apresentação Plateau & Soluções de Negóciofelippeplateau
 
Apresentação Empresarial
Apresentação EmpresarialApresentação Empresarial
Apresentação Empresarialfelippeplateau
 

Semelhante a WEBINAR 16/07/15 – COMO TRANSFORMAR CUSTO FIXO EM CUSTO VARIÁVEL? - Mercado Alimentício (20)

Webinar 23/09/15 - Mercado de Pequenas e Médias Empresas com Crescimento Acel...
Webinar 23/09/15 - Mercado de Pequenas e Médias Empresas com Crescimento Acel...Webinar 23/09/15 - Mercado de Pequenas e Médias Empresas com Crescimento Acel...
Webinar 23/09/15 - Mercado de Pequenas e Médias Empresas com Crescimento Acel...
 
SOP Brasil - Performa® (Sales Planning)
SOP Brasil - Performa® (Sales Planning)SOP Brasil - Performa® (Sales Planning)
SOP Brasil - Performa® (Sales Planning)
 
Balanced Scorecard IV Congress South America
Balanced Scorecard IV Congress South AmericaBalanced Scorecard IV Congress South America
Balanced Scorecard IV Congress South America
 
Workshop Orçamento Positivo - 04/11/2015
Workshop Orçamento Positivo - 04/11/2015Workshop Orçamento Positivo - 04/11/2015
Workshop Orçamento Positivo - 04/11/2015
 
Metodologia BSC
Metodologia BSCMetodologia BSC
Metodologia BSC
 
Aspectos de controladoria
Aspectos de controladoriaAspectos de controladoria
Aspectos de controladoria
 
BSC - Balanced Scorecard
BSC - Balanced ScorecardBSC - Balanced Scorecard
BSC - Balanced Scorecard
 
Indicadores de Desempenho.pdf
Indicadores de Desempenho.pdfIndicadores de Desempenho.pdf
Indicadores de Desempenho.pdf
 
Gestão estratégica antaq upload
Gestão estratégica antaq uploadGestão estratégica antaq upload
Gestão estratégica antaq upload
 
Pi mmodelo
Pi mmodeloPi mmodelo
Pi mmodelo
 
Financas
FinancasFinancas
Financas
 
[ i ]ntegrum2013
[ i ]ntegrum2013[ i ]ntegrum2013
[ i ]ntegrum2013
 
Planejamento financeiro e precificação
Planejamento financeiro e precificaçãoPlanejamento financeiro e precificação
Planejamento financeiro e precificação
 
Grupo ebracon
Grupo ebraconGrupo ebracon
Grupo ebracon
 
Estratégia e BSC
Estratégia e BSCEstratégia e BSC
Estratégia e BSC
 
E Business Brasil V.5
E Business Brasil V.5E Business Brasil V.5
E Business Brasil V.5
 
E Business Brasil V.5
E Business Brasil V.5E Business Brasil V.5
E Business Brasil V.5
 
SOP Brasil Institucional
SOP Brasil InstitucionalSOP Brasil Institucional
SOP Brasil Institucional
 
Apresentação Plateau & Soluções de Negócio
Apresentação Plateau & Soluções de NegócioApresentação Plateau & Soluções de Negócio
Apresentação Plateau & Soluções de Negócio
 
Apresentação Empresarial
Apresentação EmpresarialApresentação Empresarial
Apresentação Empresarial
 

Mais de ILGC - Instituto Latino Americano de Gestão Competitiva

Mais de ILGC - Instituto Latino Americano de Gestão Competitiva (20)

Apresentaçao lean thinking para empresas do segmento alimenticio
Apresentaçao lean thinking para empresas do segmento alimenticioApresentaçao lean thinking para empresas do segmento alimenticio
Apresentaçao lean thinking para empresas do segmento alimenticio
 
Ser Competitivo - Agosto 2016
Ser Competitivo - Agosto 2016Ser Competitivo - Agosto 2016
Ser Competitivo - Agosto 2016
 
Ser Competitivo - Junho 2016
Ser Competitivo - Junho 2016Ser Competitivo - Junho 2016
Ser Competitivo - Junho 2016
 
Lean Thinking - aplicado as pequenas e médias empresas.
Lean Thinking - aplicado as pequenas e médias empresas.Lean Thinking - aplicado as pequenas e médias empresas.
Lean Thinking - aplicado as pequenas e médias empresas.
 
Ser Competitivo Maio 2016
Ser Competitivo Maio 2016Ser Competitivo Maio 2016
Ser Competitivo Maio 2016
 
Ser competitivo Abril 2016
Ser competitivo Abril 2016Ser competitivo Abril 2016
Ser competitivo Abril 2016
 
Webinar - Como preparar sua empresa para Exportação
Webinar - Como preparar sua empresa para ExportaçãoWebinar - Como preparar sua empresa para Exportação
Webinar - Como preparar sua empresa para Exportação
 
Ser Competitivo Março 2016
Ser Competitivo Março 2016Ser Competitivo Março 2016
Ser Competitivo Março 2016
 
Newsletter Ser Competitivo - Edição fevereiro 2016
Newsletter Ser Competitivo - Edição fevereiro 2016Newsletter Ser Competitivo - Edição fevereiro 2016
Newsletter Ser Competitivo - Edição fevereiro 2016
 
Apresentação Webinar Especial - Orçamento Positivo
Apresentação Webinar Especial - Orçamento PositivoApresentação Webinar Especial - Orçamento Positivo
Apresentação Webinar Especial - Orçamento Positivo
 
Oficina de Trabalho - Vendas de Alto Impacto
Oficina de Trabalho - Vendas de Alto ImpactoOficina de Trabalho - Vendas de Alto Impacto
Oficina de Trabalho - Vendas de Alto Impacto
 
NEWSLETTER ILGC - Agosto 2015
NEWSLETTER ILGC - Agosto 2015 NEWSLETTER ILGC - Agosto 2015
NEWSLETTER ILGC - Agosto 2015
 
NEWSLETTER ILGC - julho 2015
NEWSLETTER ILGC - julho 2015 NEWSLETTER ILGC - julho 2015
NEWSLETTER ILGC - julho 2015
 
WEBINAR 01/07/15 – LIÇÕES DA ATD 2015 – TENDÊNCIAS PARA DESENVOLVIMENTO DE TA...
WEBINAR 01/07/15 – LIÇÕES DA ATD 2015 – TENDÊNCIAS PARA DESENVOLVIMENTO DE TA...WEBINAR 01/07/15 – LIÇÕES DA ATD 2015 – TENDÊNCIAS PARA DESENVOLVIMENTO DE TA...
WEBINAR 01/07/15 – LIÇÕES DA ATD 2015 – TENDÊNCIAS PARA DESENVOLVIMENTO DE TA...
 
NEWSLETTER ILGC - junho 2015
NEWSLETTER ILGC - junho 2015NEWSLETTER ILGC - junho 2015
NEWSLETTER ILGC - junho 2015
 
WEBINAR - Mentoring Comercial – Prática Efetiva ou Modismo? (Eduardo Rocha)
WEBINAR -  Mentoring Comercial – Prática Efetiva ou Modismo? (Eduardo Rocha)WEBINAR -  Mentoring Comercial – Prática Efetiva ou Modismo? (Eduardo Rocha)
WEBINAR - Mentoring Comercial – Prática Efetiva ou Modismo? (Eduardo Rocha)
 
WEBINAR - Mentoring Comercial – Prática Efetiva ou Modismo? (Raimundo Sousa)
WEBINAR -  Mentoring Comercial – Prática Efetiva ou Modismo? (Raimundo Sousa)WEBINAR -  Mentoring Comercial – Prática Efetiva ou Modismo? (Raimundo Sousa)
WEBINAR - Mentoring Comercial – Prática Efetiva ou Modismo? (Raimundo Sousa)
 
WEBINAR - JOGOS DE NEGÓCIOS - Como Desenvolver Talentos Através de Experiênci...
WEBINAR - JOGOS DE NEGÓCIOS - Como Desenvolver Talentos Através de Experiênci...WEBINAR - JOGOS DE NEGÓCIOS - Como Desenvolver Talentos Através de Experiênci...
WEBINAR - JOGOS DE NEGÓCIOS - Como Desenvolver Talentos Através de Experiênci...
 
Gerenciamento de custos na saúde 23 03
Gerenciamento de custos na saúde 23 03Gerenciamento de custos na saúde 23 03
Gerenciamento de custos na saúde 23 03
 
Newsletter ILGC 2015
Newsletter ILGC  2015Newsletter ILGC  2015
Newsletter ILGC 2015
 

Último

Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOMarcosViniciusLemesL
 
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdfUFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdfManuais Formação
 
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e TaniModelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e TaniCassio Meira Jr.
 
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024Jeanoliveira597523
 
Cenários de Aprendizagem - Estratégia para implementação de práticas pedagógicas
Cenários de Aprendizagem - Estratégia para implementação de práticas pedagógicasCenários de Aprendizagem - Estratégia para implementação de práticas pedagógicas
Cenários de Aprendizagem - Estratégia para implementação de práticas pedagógicasRosalina Simão Nunes
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfaulasgege
 
Bullying - Texto e cruzadinha
Bullying        -     Texto e cruzadinhaBullying        -     Texto e cruzadinha
Bullying - Texto e cruzadinhaMary Alvarenga
 
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptx
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptxATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptx
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptxOsnilReis1
 
CRÔNICAS DE UMA TURMA - TURMA DE 9ºANO - EASB
CRÔNICAS DE UMA TURMA - TURMA DE 9ºANO - EASBCRÔNICAS DE UMA TURMA - TURMA DE 9ºANO - EASB
CRÔNICAS DE UMA TURMA - TURMA DE 9ºANO - EASBAline Santana
 
Slides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxBiancaNogueira42
 
trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduraAdryan Luiz
 
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveaulasgege
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfIedaGoethe
 
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptxAula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptxpamelacastro71
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfIedaGoethe
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxIsabellaGomes58
 
Caixa jogo da onça. para imprimir e jogar
Caixa jogo da onça. para imprimir e jogarCaixa jogo da onça. para imprimir e jogar
Caixa jogo da onça. para imprimir e jogarIedaGoethe
 

Último (20)

Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
 
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdfUFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
 
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e TaniModelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
 
Orientação Técnico-Pedagógica EMBcae Nº 001, de 16 de abril de 2024
Orientação Técnico-Pedagógica EMBcae Nº 001, de 16 de abril de 2024Orientação Técnico-Pedagógica EMBcae Nº 001, de 16 de abril de 2024
Orientação Técnico-Pedagógica EMBcae Nº 001, de 16 de abril de 2024
 
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
 
Cenários de Aprendizagem - Estratégia para implementação de práticas pedagógicas
Cenários de Aprendizagem - Estratégia para implementação de práticas pedagógicasCenários de Aprendizagem - Estratégia para implementação de práticas pedagógicas
Cenários de Aprendizagem - Estratégia para implementação de práticas pedagógicas
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
 
Bullying - Texto e cruzadinha
Bullying        -     Texto e cruzadinhaBullying        -     Texto e cruzadinha
Bullying - Texto e cruzadinha
 
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptx
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptxATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptx
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptx
 
CRÔNICAS DE UMA TURMA - TURMA DE 9ºANO - EASB
CRÔNICAS DE UMA TURMA - TURMA DE 9ºANO - EASBCRÔNICAS DE UMA TURMA - TURMA DE 9ºANO - EASB
CRÔNICAS DE UMA TURMA - TURMA DE 9ºANO - EASB
 
Slides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptx
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
 
trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditadura
 
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
 
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptxAula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
 
Caixa jogo da onça. para imprimir e jogar
Caixa jogo da onça. para imprimir e jogarCaixa jogo da onça. para imprimir e jogar
Caixa jogo da onça. para imprimir e jogar
 

WEBINAR 16/07/15 – COMO TRANSFORMAR CUSTO FIXO EM CUSTO VARIÁVEL? - Mercado Alimentício

  • 1.
  • 2. WEBINAR* Como transformar custos fixos em custos variáveis? Inverno 2015 Competitividade através de pessoas, processos e tecnologia..... *A tecnologia a serviço das pessoas
  • 3. O Instituto Latino Americano de Gestão Competitiva - ILGC é um integrador de talentos e habilidades, cujas ações são convergentes para a melhoria permanente da competitividade das pessoas e seus negócios. Objetivamente, apoiamos as organizações e pessoas a serem competitivas e geradoras de riquezas através do tempo. Negócio: Construir Valor em Processos Empresariais.  Consultoria Empresarial:  Processos e Indicadores, Produtos e Tecnologia, Modelo de Negócio, Planejamento Estratégico, Revitalização de Negócios e Execução Qualificada;  Educação Continuada:  Encontros Presenciais e Virtuais, Ações para Formação e Capacitação, Mentoring Estratégico. Negócios Estratégicos:  BPO, Interim Management, Alianças Estratégicas. Quem somos e O que Fazemos 1998/2004 FCO / FDG / INDG /Falconi 2004/2005 BMI 2005/2007 TotvsBMI 2007/2008 Totvs Consulting 2008 - ILGC
  • 4. Fonte: Estadão – Luiz Guilherme Gerbelli – 16/07/15 Cenários Projeções para o PIB 2016/17
  • 5. No que Acreditamos... • Simplicidade e Austeridade.....Colaboração.....Tecnologia.....Redes Sociais..... ATITUDE
  • 6. Mercado Viagens e Turismo TABELA 1 VENDA DE BILHETES — INDÚSTRIA CONSOLIDADORES – US$ 2,27 bilhões (-4,9%) CORPORATIVO – US$ 881 milhões (-2,77%) OPERADORES – US$ 588 milhões (-1,85%) OTAs – US$ 532 milhões (+3,99%) AGÊNCIAS – US$ 305 milhões (-14,99%) TOTAL – US$ 4,585 bilhões (-4%)
  • 9. Mercado Viagens e Turismo A Indústria de Viagens e Turismo no Brasil e os Desafios Das Lideranças O mercado de viagens e turismo no Brasil, seja destinado a lazer, seja a negócios, passa por um momento muito especial de adequação e reposicionamento, face em parte ao novo cenário econômico . Os tempos atuais tem exigido das organizações que operam neste mercado, uma postura pragmática e eficiente com ações concretas convergentes para:  Atendimento qualificado e humanizado;  Absoluta seletividade nos gastos;  Aumento contínuo da produtividade;  Redução das perdas visíveis e invisíveis;  Obsessão por controle e redução de custos. Este comportamento , essencial para a sobrevivência neste mercado, traz grandes desafios, dentre os quais:  Fazer mais com menos;  Alinhar as metas, projetos e ações estratégicas de cada negócio, integrando-os para a geração de riqueza;  Simplificar os processos, tornando-os um centro de criação de riquezas;  Utilizar intensamente os recursos existentes, sejam eles materiais e imateriais, inclusive as redes sociais;  Ter uma liderança altamente competente e comprometida. O comprometimento passa por todos conhecerem os seus desafios, metas e ações estratégicas para alcance das metas;  Criar e operacionalizar “alianças” com todos os stakeholders, com “mentalidade integradora” para se alcançar resultados superiores.
  • 10. Mercado Viagens e Turismo Cenários para Revitalização Em mercados instáveis e de alta competitividade, as organizações que desejam ser vencedoras, tem adotado estratégias para a revitalização de seus negócios/processos. Estas estratégias “passam por uma reflexão sobre a cadeia de valor” que é o conjunto dos processos/setores/áreas da cia, nas quatro perspectivas abaixo. Este esforço deve levar a melhorias substanciais nos resultados, medidos através do DRE e do Fluxo de Caixa.
  • 11. Gastos: Despesas Fixas: -Gastos da operação com aluguéis e materiais. Custos Variáveis: -Valores pago por produto comercializado. Despesas Comerciais: -Gasto para atender clientes. Investimentos: -Gasto com bem ou serviço ativado em função de sua vida útil ou de benefícios de períodos futuros. Ex: compra de uma computador. Classificação dos Gastos no Turismo
  • 12.  Estabelecemos perspectiva de ganho econômico financeiro para o período de 12 meses;  Avaliamos estruturas contábeis, plano de contas – centro de custo e estratificamos por grupamentos semelhantes;  Elegemos um líder/dono para cada grupamento;  Desdobraremos as metas para cada grupamento de contas;  Analisamos preço de venda e de aquisição e produtividade de cada processo;  Negociamos as metas em termos relativos (%) entre as partes envolvidas;  Elaboramos a matriz orçamentária e capacitamos as pessoas envolvidas;  Apoiamos no monitoramento sistemático das metas e dos resultados.  Despesas aplicadas de forma qualitativa;  Custos fixos e variáveis reduzidos;  Liderança comprometida com os desafios e resultados;  Margens do negócio ampliadas;  Processos modernizados;  Resultados sustentáveis;  Book do projeto com plano de conta comentado. Como Fazemos... Entregáveis Relevante Tempo médio de implementação 180-360 dias; ROI superior a R$ 2.5/R$1.00; Na média os resultados começam a surgir a partir do 75° dia após o início. Proposta de Valor: Alcançar ganho econômico superior a 5% na Execução da Peça Orçamentária Orçamento Positivo
  • 13. Resumo do Planejamento DC A PMeta Estratégica Gestores de Pacote identificam as Oportunidades Metas Desafiadores de redução por CC Normas e Padrões para alcançar as metas S N V enc to V alor anual O bjetivo red. % E s tratégia R es pons ável D ata % R eduç ão N egoc iada Novo Valor P apel V C P x 12-jan 72.000 10% C artucho de tinta K alunga x 9-m ai 50.000 5% 30/abr Tonner X erox X 5.000 30% P asta/fichário P apelaria New Office x 4.000 20% Notas fiscais JC F orm ulários x 15-jul 120.000 10% 251.000 10% % M édia de redução dos contratos TOTA L 0 303.150 83% % Identificada das contas F ORNE C E D OR Suporte Administrativo Material de escritório Inês Total identificado na conta Total N e g o cia çã o PACOTE CONTA GESTOR ANÁLISE DE CONTRATOS A n a lise d o co n tra to ITE M C o n t. fo rm a l ? Análise de Contrato NOVO CUSTO PREÇO REDUÇÃO DO PREÇO REDUÇÃO DO CONSUMO CONSUMO + Gastos Valor Contábil Parâmetros G estor es E ntid ad es R ealizado Acum ulado (R$) M eta Acum ulada (R $) Diferença (R$) Realizado Acum ulado (R $) M eta A cumulada (R$) Diferença (R $) Realizado A cumulado (R$) M eta Acum ulada (R$) D iferença (R$) Realizado Acum ulado (R$) M eta A cum ulada (R$) Paco tes de Pro d uto s G estor es Bebida E nergética Creme UHT Doce de Leite Iogurte L.Ester.S abor Leite C Leite C - Vit Leite Condensado Leite em Pó Leite Longa V ida M anteiga Q .Petit Suiss Q ueijo Requeijão Soro em pó Sucos T o tal d as En tidad es R egião Centro-O este/Sudeste Região Norte/Nordeste R egião São Paulo/Sul T otal Do no : D r. Jacq ues G on tijo Matrizes Orçamentárias Negociação Geral das metas Análise R$/F  IndicadoresMetas Preliminares 2. Elaboração do Orçamento 2.1 Análises iniciais e preparação para definição de metas Escopo do trabalho Produtos 2.2 Definição de metas preliminares Conceitos Ferramentas 2.3 Negociação e consolidação Negociação Consolidação Resumo do planejamento Orçamento Positivo - Gastos
  • 14. Metas de um pacote entre as áreas Meta das áreas entre os pacotes Fechamento das metas nas áreas e pacotes da matriz Orçamento Positivo
  • 15. Análise de Gastos Gastos = (Custo Total de Gasolina) X L. Gasolina Dia R$ Litro Análise Histórica 1 2 Ação sobre os parâmetros Renegociação de contratos Preço por litro Litros Gasolina Novo Custo Custo Original 2. Elaboração do Orçamento 2.1 Análises iniciais e preparação para definição de metas Escopo do trabalho Produtos 2.2 Definição de metas preliminares Conceitos Ferramentas 2.3 Negociação e consolidação Negociação Consolidação Resumo do planejamento Orçamento Positivo - Gastos
  • 16. Contato: Raimundo Sousa rai.sousa@ilgc.com.br (11)9 9990-5534 Serafim Oliveira Serafim.oliveira@ilgc.com.br (11) 9 91964242 ILGC Instituto Latino Americano de Gestão Competitiva Av. Nazaré, 1139 | 2º andar - Cj. 203 | Ipiranga, SP Telefone: (11) 2948-3336 www.ilgc.com.br Contato Ser Competitivo