SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 7
Thomas Edison 				Thomas Alva Edison, nascido a 11 de Fevereiro de 1847, na 				Vila de Milan Ohio, EUA. 				Empresário, produtor de cinema e acima de tudo inventor, 				conduzido e influenciado pela grande revolução 					industrial que se avizinhava. Marceneiro e carpinteiro, seu pai Samuel Edison de origem 				Holandesa e sua mãe Nancy Eliot Edison, ex-professora 				canadense, Thomas Edison era dos 7 filhos, o mais novo. 				Desde cedo mostrou grande interesse pelo Mundo da 				ciência. Edison desistiu da escola desde cedo e sua 				mãe se encarregara da educação.  Vários empregos na adolescência e num dos seus 					experimentos num pseudo laboratório dele acabou por ficar 				surdo.  				Decide ir para Nova Iorque e lá vende a sua primeira 				invenção por cerca de 40 mil dólares. Conhece Mary Stilwell de 16 anos e casa-se em 1871. A 				jovem morre 12 anos depois.  				Cada vez mais famoso, ampliava as suas actividades e em 				1871 abriu um centro de pesquisa em MenloPark. Uma 				verdadeira cidade industrial. Neste centro de pesquisa Thomas em 4 anos patenteou 300 das suas mais de 1000 invenções. Em 1984 abriu uma impressa de cinema, Thomas Company que em muito influencia o cinema Americano. Aperfeiçoou o telefone e a criação do fonógrafo. Criação bastante importante para a época, mas em 1878 com 31 anos é que decide começar a estudar aquilo que o viria a tornar famoso.  O desafio de obter luz a partir de energia eléctrica que já outros pesquisadores como Nernst e Swan o tinham tentado. Só um ano após, consegue finalmente acender uma lâmpada eléctrica por cerca de 48 horas. Em conjunto, essas realizações, criações modificaram os hábitos de vida em todo o mundo e consagraram definitivamente uns dos grandes passos para a tecnologia actual.  Thomas Alva Edison morreu a 18 de Outubro de 1931.
Técnica e equipamento Thomas Alva Edison não foi propriamente uma figura comum de modelo cientista. Com poucos meses de escola, desistiu desta, mas mesmo assim com a ajuda da mãe, ex-professora, tornou-se um incondicional na história Mundial. Produtor de cerca de dezena filmes e alguns sons, trabalhava com os poucos recursos que existiam na altura.  Em Fevereiro de 1888, a projecção de imagem em movimento já era uma das suas pesquisas favoritas.  Adquiriu os direitos de autor do Phantascope (Vitascope após adquirido) por volta de 1896e investiu neste, melhorando-o. Os projectores para o público era o seu grande alvo, tal como o modo de gravar algo que depois, reproduzido desse movimento. Em 1984 abriu uma impressa de cinema onde passou cerca de 1200 filmes entre curtas e longas metragens. Edison Campany foi um dos centros cinematográficos da América.  Thomas criou entre outras invenções, alguns factos importantes para o cinema tais como:  Cinetógrafo (Kinetograph): Máquina de filmar.Cinescópio ou Cinetoscópio (Kinetoscope): Umacaixa com imagens filmadas vistas no seu interior.Cinefone (Kinetophone) : Versão do cinescópio com som síncrono gerado por um fonógrafo. Vitascópio (Vitascope) : Projector de filmes em tela. Contudo podemos afirmar ainda que com uma das suas últimas criações, a lâmpada incandescente, o cientista acabou por mais uma vez, revolucionar a indústria do cinema. A luz é essencial nos takes, porque nos permite fazer filmagens mais rápidas não dependendo do estado do tempo para ter a luz perfeita para o cenário. Claramente as suas intervenções no cinema foram bastas e necessárias directamente ou indirectamente.
Legado de Thomas Edison Nos seus 84 anos de vida Edison deixou um legado tanto ele escrito nos livros de história, como na nossa vida e ainda foi um elevador para a tecnologia actual. Produtor de cerca de 10 filme e algumas bandas sonoras, foi um dos primórdios e muito importante no cinema Mundial mas principalmente Americano. Dentro das suas mais de 1000 invenções patenteadas surgem nomes como o fonógrafo e Ditafone criado em 21 de Novembro de 1877, que basicamente é um antecessor do gira disco actualmente. Inicialmente era apenas um aparelho para registo de voz, mas logo se desenvolveu como difusor de música. Neste ponto Edison alargou a indústria musical popular. O ditafone tinha a particularidade de gravar mensagem ou discursos para serem ouvidos mais tarde. Actualmente temos isso nas nossas casas como gravador de mensagens por telefone. Telefonecriado por volta do ano de 1879. As míticas imagens de pessoas a fazer girar uma manivela enquanto ouviam no receptor. A criação de um microfone e de um receptor eram necessários para uma ligação.  O telegrafo já tinha sido criado por Samuel FinleyBreese Morse, que em 1844 criou oficialmente uma linha telegráfica. Thomas Edison em 1869 adaptou o mesmo com o nome de Telegrafo Multiplex, que transmitia as últimas cotações da Bolsa de Valores para as impressoras de outros escritórios, através de fios. A luz eléctrica foi outros dos fascínios de Edison. Embora não a inventasse, teria com sorte sido outra das suas grandes conquistas. Sempre fascinado pela energia tentou por volta de 1878 gerar luz a partir dela. A lâmpada incandescente, surge assim após quase um ano de experiencias e pesquisas. Uma criação que nos é mais do que necessária hoje em dia à sobrevivência humana.
A nível de progresso cinematográfico Thomas foi mais uma vez essencial.  Pela sua vida o cinema começou a surguir e depressa evoluiu. Em muito contribuiu este Homem para o cinema, não só pelos filmes que produziu, mas também por aquilo que inventou para produzi-los e reproduzi-los. Destacam-se assim o cinetografo, que é um antepassado pioneiro da maquina de filmar. Cinescópio teve uma sua posterior evolução muito importante. Este aparelho era no fundo uma caixa com filmagem no seu interior. Espreitar por um pequeno orifício far-nos-ia ver umas pequenas imagens em movimento.  Cinefoneé a versão do cinescópio mais evoluída. A grande diferença desta é que já imitia som através do fonógrafo. OVitascópio, projector de filmes em tela, não era uma criação de Edison, mas sim dos irmãos Lumière. O aparelho inicialmente designado de Cinematografo, não foi comercializado na altura, sendo que muitos electricistas tentaram pegar no mesmo conceito e desenvolver algo melhor. Edison comprou a patente e conseguiu ele próprio melhorar este invento, dando-lhe o nome de Vitascópio. A primeira exibição pública do Vitascope decorre a 23 de Abril de 1896, no KosterandBial'sMusic Hall, em Nova Iorque. A Thomas Company foi também sem dúvida uma grande industria de cinema Americana. Thomas Edison não era só investigador nem cientista e o seu lado mais conhecido como inventor era criado em paralelo quase, com o seu lado artístico na área de cinema.
Vencedor de várias medalhas de mérito e ainda o facto de ser considerado um dos maiores inventores de sempre da história, Edison foi também considerado um dos homens que tornou o quotidiano das pessoas num estado bastante agradável. As suas invenções comuns serviam essencialmente para o bem estar das pessoas e uma maior comunicação entre estas. A nível cinematográfico para além de ser essencial na história do cinema pela construção do equipamento, foi também um grande produtor. Produziu curtas e longas metragens possíveis na altura. The Execution of Mary Stuart  Fatima'sCoochee-Coochee - 1895 TheExecutionof Mary Stuart - 1896 Fatima'sCoochee-Coochee Dance - 1896 Blackton Sketches, No. 3 - 1896 Blackton Sketches, No. 2 - 1896 Butterfly Dance - 1897 ThePassion Play ofOberammergau - 1898 ElectrocutinganElephant - 1903 Parsifal - 1904 Frankenstein ortheModernPrometheus - 1910 LuciadiLammermoor – 1911 Salientar que um dos primeiros filmes de terror é datado de 1895, (The Execution of Mary Stuart), precisamente, tanto pelo que se sabe a primeira curta metragem de Thomas Edison. Apenas com cerca de 18 segundos retrata a execução de Mary Stuart.
Para além de produtor, gravou ainda inúmeros sons para os seus filmes e até para outras curtas e longas metragens.  Nursery Favorites - 1913 A Minstrel Show - 1913 The Irish Policeman - 1913 Her Redemption - 1913 Julius Caesar - 1913 The Patchwork Girl of Oz – 1914 A história de Thomas Edison é de tão fascinante como também de bizarra. Ainda na adolescência perdeu a audição, mas mesmo assim conseguiu fazer invenções ligadas ao som. É difícil por vezes perceber, por falta de informação aquilo que realmente fez e não fez. A parte dos seus experimentos iniciais com curtas metragens são de rara utilização. Todo o seu legado hoje deixado serve-nos de utilidade constante. Lançou o cinema com a criação dos equipamentos necessários para a filmagem e posterior reprodução. A gravação de música e comunicações quase o devemos a ele.  As suas criações comuns são ainda hoje usadas, se não directamente, então apenas foram com o tempo evoluíndo, mas o inicial esta lá. Em 1960 foi eleito para a "Galeria da Fama dos Grandes Americanos" na Universidade de Nova Iorque. O seu laboratório em West Orange e a sua casa em Glenmont, próximo do laboratório, foram dedicados em conjunto como sendo o "Ponto Histórico Nacional de Thomas Edison". Jornais e os primeiros modelos de invenções estão exibidos ali, e os seus legados foram preservados como foram deixados pela família Edison. Thomas Edison faleceu em 18 de Outubro de 1931 e foi sepultado em Orange, New Jersey.  Sobre trabalho e genialidade, Thomas Edison disse o seguinte: "Não há substituto para o trabalho duro""Génio é 2% inspiração e 98% transpiração".
Webgrafia, Bibliografia e Autoria Webgrafia/Bibliografia: http://pt.wikipedia.org/wiki/Thomas_Edison http://pt.wikipedia.org/wiki/Revolu%C3%A7%C3%A3o_Industrial http://www.thomasedison.com/ http://www.thomasedison.com/biography.html http://www.eb23-caldas-taipas.rcts.pt/Jornal_Online/Janeiro/imagens/Thomas_Edison.jpg http://www.spedromar.net/disciplinas/cinema/edison.pdf http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/thomas-alva-edison/thomas-alva-edison-4.php http://pt.wikipedia.org/wiki/Hist%C3%B3ria_do_cinema http://geniosmundiais.blogspot.com/2006/01/biografia-de-thomas-alva-edison.html Autoria:  João Paulo Gonçalves Costa

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Ficha 4 exercícios -ão -am
Ficha 4   exercícios -ão -amFicha 4   exercícios -ão -am
Ficha 4 exercícios -ão -amManuela Mortinho
 
O contacto entre a terra e o mar
O contacto entre a terra e o marO contacto entre a terra e o mar
O contacto entre a terra e o marHugo Ferreira
 
TIPOS DE FRASES RESUMIDO
TIPOS DE FRASES RESUMIDOTIPOS DE FRASES RESUMIDO
TIPOS DE FRASES RESUMIDOSilvani Andrade
 
Medidas de capacidade
Medidas de capacidadeMedidas de capacidade
Medidas de capacidadeJoao Ferreira
 
Texto e atividades para trabalhar impostos no Ensino Fundamental
Texto e atividades para trabalhar impostos no Ensino FundamentalTexto e atividades para trabalhar impostos no Ensino Fundamental
Texto e atividades para trabalhar impostos no Ensino FundamentalAndrea Alves
 
Aprender juntos-ciencias-5-lp-pnld-2016-miolo br0214798101
Aprender juntos-ciencias-5-lp-pnld-2016-miolo br0214798101Aprender juntos-ciencias-5-lp-pnld-2016-miolo br0214798101
Aprender juntos-ciencias-5-lp-pnld-2016-miolo br0214798101MBXXRE300Mrcio
 
I atividade de ciencias 5º ano andré
I atividade de ciencias 5º ano andréI atividade de ciencias 5º ano andré
I atividade de ciencias 5º ano andréAndré Moraes
 
Regimes Alimentares
Regimes AlimentaresRegimes Alimentares
Regimes AlimentaresTânia Reis
 
5º ano edu. para a cidadania ativ. compl
5º ano edu. para a cidadania ativ. compl5º ano edu. para a cidadania ativ. compl
5º ano edu. para a cidadania ativ. complGiselda Rodrigues
 
Prova biomas 7º ano Matias.pdf
Prova biomas 7º ano Matias.pdfProva biomas 7º ano Matias.pdf
Prova biomas 7º ano Matias.pdfEduardoCerchi2
 
Avaliando ciências 4º ano sistema respiratório
Avaliando   ciências 4º ano sistema respiratórioAvaliando   ciências 4º ano sistema respiratório
Avaliando ciências 4º ano sistema respiratórioNisio Jose pereira
 

Mais procurados (20)

Estrutura e partes das plantas
Estrutura e partes das plantasEstrutura e partes das plantas
Estrutura e partes das plantas
 
Ficha 4 exercícios -ão -am
Ficha 4   exercícios -ão -amFicha 4   exercícios -ão -am
Ficha 4 exercícios -ão -am
 
Ciências7
Ciências7Ciências7
Ciências7
 
Ciclo da água- 4º ano EB1/JI Campelo
Ciclo da água- 4º ano EB1/JI CampeloCiclo da água- 4º ano EB1/JI Campelo
Ciclo da água- 4º ano EB1/JI Campelo
 
Tipos de solo
Tipos  de  soloTipos  de  solo
Tipos de solo
 
O contacto entre a terra e o mar
O contacto entre a terra e o marO contacto entre a terra e o mar
O contacto entre a terra e o mar
 
Locomoção nos animais
Locomoção nos animaisLocomoção nos animais
Locomoção nos animais
 
TIPOS DE FRASES RESUMIDO
TIPOS DE FRASES RESUMIDOTIPOS DE FRASES RESUMIDO
TIPOS DE FRASES RESUMIDO
 
Medidas de capacidade
Medidas de capacidadeMedidas de capacidade
Medidas de capacidade
 
Texto e atividades para trabalhar impostos no Ensino Fundamental
Texto e atividades para trabalhar impostos no Ensino FundamentalTexto e atividades para trabalhar impostos no Ensino Fundamental
Texto e atividades para trabalhar impostos no Ensino Fundamental
 
Aprender juntos-ciencias-5-lp-pnld-2016-miolo br0214798101
Aprender juntos-ciencias-5-lp-pnld-2016-miolo br0214798101Aprender juntos-ciencias-5-lp-pnld-2016-miolo br0214798101
Aprender juntos-ciencias-5-lp-pnld-2016-miolo br0214798101
 
I atividade de ciencias 5º ano andré
I atividade de ciencias 5º ano andréI atividade de ciencias 5º ano andré
I atividade de ciencias 5º ano andré
 
Regimes Alimentares
Regimes AlimentaresRegimes Alimentares
Regimes Alimentares
 
5º ano edu. para a cidadania ativ. compl
5º ano edu. para a cidadania ativ. compl5º ano edu. para a cidadania ativ. compl
5º ano edu. para a cidadania ativ. compl
 
Exercícios modo imperativo
Exercícios modo imperativoExercícios modo imperativo
Exercícios modo imperativo
 
AVALIAÇÃO DE CIÊNCIAS - 6º OU 7º ANO - ÁGUA, LIXO, SANEAMENTO BÁSICO E POLUIÇÃO
AVALIAÇÃO DE CIÊNCIAS - 6º OU 7º ANO - ÁGUA, LIXO, SANEAMENTO BÁSICO E POLUIÇÃOAVALIAÇÃO DE CIÊNCIAS - 6º OU 7º ANO - ÁGUA, LIXO, SANEAMENTO BÁSICO E POLUIÇÃO
AVALIAÇÃO DE CIÊNCIAS - 6º OU 7º ANO - ÁGUA, LIXO, SANEAMENTO BÁSICO E POLUIÇÃO
 
Prova biomas 7º ano Matias.pdf
Prova biomas 7º ano Matias.pdfProva biomas 7º ano Matias.pdf
Prova biomas 7º ano Matias.pdf
 
Avaliando ciências 4º ano sistema respiratório
Avaliando   ciências 4º ano sistema respiratórioAvaliando   ciências 4º ano sistema respiratório
Avaliando ciências 4º ano sistema respiratório
 
Angulos 4º ano
Angulos 4º anoAngulos 4º ano
Angulos 4º ano
 
7º ano ciências plantas
7º ano ciências plantas7º ano ciências plantas
7º ano ciências plantas
 

Semelhante a Pesquisa - Thomas Edison

Thomas edison trabalho de carolina e érica
Thomas edison   trabalho de carolina e éricaThomas edison   trabalho de carolina e érica
Thomas edison trabalho de carolina e éricaMaria Antónia Oliveira
 
Afonso e Rafael - O Fonógrafo
Afonso e Rafael - O FonógrafoAfonso e Rafael - O Fonógrafo
Afonso e Rafael - O Fonógraforiscas
 
Pedro Couras - Fonógrafo
Pedro Couras - FonógrafoPedro Couras - Fonógrafo
Pedro Couras - Fonógraforiscas
 
Miguel Nuno Miguel - Telefone, Fonógrafo e Máquina de Escrever
Miguel Nuno Miguel - Telefone, Fonógrafo e Máquina de EscreverMiguel Nuno Miguel - Telefone, Fonógrafo e Máquina de Escrever
Miguel Nuno Miguel - Telefone, Fonógrafo e Máquina de Escreverriscas
 
Fotografia cinematografica
Fotografia cinematograficaFotografia cinematografica
Fotografia cinematograficaGleimeson Souza
 
Ceic 4º ano
Ceic 4º anoCeic 4º ano
Ceic 4º anojaque38
 
História do Cinema
História do CinemaHistória do Cinema
História do CinemaFilipe Leal
 
Mcs o cinema, c daniel e vero
Mcs   o cinema, c daniel e veroMcs   o cinema, c daniel e vero
Mcs o cinema, c daniel e veroJosé Palma
 
Neto a emergencia da fotografia e do cinema
Neto   a emergencia da fotografia e do cinemaNeto   a emergencia da fotografia e do cinema
Neto a emergencia da fotografia e do cinemaPedro Pereira Neto
 
Introdução à fotografia, cinema e design
Introdução à fotografia, cinema e designIntrodução à fotografia, cinema e design
Introdução à fotografia, cinema e designAnacatgarrido
 
Fotojornalismo I - Aula 2 - História da Fotografia
Fotojornalismo I - Aula 2 - História da Fotografia Fotojornalismo I - Aula 2 - História da Fotografia
Fotojornalismo I - Aula 2 - História da Fotografia Julia Dantas
 
Cinema ana martins8c
Cinema ana martins8cCinema ana martins8c
Cinema ana martins8cnavegananet
 

Semelhante a Pesquisa - Thomas Edison (20)

Thomas edison trabalho de carolina e érica
Thomas edison   trabalho de carolina e éricaThomas edison   trabalho de carolina e érica
Thomas edison trabalho de carolina e érica
 
Módulo 1 - CGA
Módulo 1 - CGAMódulo 1 - CGA
Módulo 1 - CGA
 
Afonso e Rafael - O Fonógrafo
Afonso e Rafael - O FonógrafoAfonso e Rafael - O Fonógrafo
Afonso e Rafael - O Fonógrafo
 
Pedro Couras - Fonógrafo
Pedro Couras - FonógrafoPedro Couras - Fonógrafo
Pedro Couras - Fonógrafo
 
Miguel Nuno Miguel - Telefone, Fonógrafo e Máquina de Escrever
Miguel Nuno Miguel - Telefone, Fonógrafo e Máquina de EscreverMiguel Nuno Miguel - Telefone, Fonógrafo e Máquina de Escrever
Miguel Nuno Miguel - Telefone, Fonógrafo e Máquina de Escrever
 
Fotografia cinematografica
Fotografia cinematograficaFotografia cinematografica
Fotografia cinematografica
 
Thomas alva edison
Thomas alva edisonThomas alva edison
Thomas alva edison
 
Cinema
CinemaCinema
Cinema
 
Ceic 4º ano
Ceic 4º anoCeic 4º ano
Ceic 4º ano
 
História do Cinema
História do CinemaHistória do Cinema
História do Cinema
 
1-historia do cinema.pptx
1-historia do cinema.pptx1-historia do cinema.pptx
1-historia do cinema.pptx
 
Cinestocópio
CinestocópioCinestocópio
Cinestocópio
 
Mcs o cinema, c daniel e vero
Mcs   o cinema, c daniel e veroMcs   o cinema, c daniel e vero
Mcs o cinema, c daniel e vero
 
Neto a emergencia da fotografia e do cinema
Neto   a emergencia da fotografia e do cinemaNeto   a emergencia da fotografia e do cinema
Neto a emergencia da fotografia e do cinema
 
Introdução à fotografia, cinema e design
Introdução à fotografia, cinema e designIntrodução à fotografia, cinema e design
Introdução à fotografia, cinema e design
 
Cinema
CinemaCinema
Cinema
 
Thomas Edison
Thomas EdisonThomas Edison
Thomas Edison
 
Fotojornalismo I - Aula 2 - História da Fotografia
Fotojornalismo I - Aula 2 - História da Fotografia Fotojornalismo I - Aula 2 - História da Fotografia
Fotojornalismo I - Aula 2 - História da Fotografia
 
Origem cinema
Origem cinemaOrigem cinema
Origem cinema
 
Cinema ana martins8c
Cinema ana martins8cCinema ana martins8c
Cinema ana martins8c
 

Mais de Joao Costa

Caderno Normas inspectormorbido
Caderno Normas inspectormorbidoCaderno Normas inspectormorbido
Caderno Normas inspectormorbidoJoao Costa
 
Proposta de Negócio Digital
Proposta de Negócio DigitalProposta de Negócio Digital
Proposta de Negócio DigitalJoao Costa
 
Avaliação de Negócio Digital
Avaliação de Negócio DigitalAvaliação de Negócio Digital
Avaliação de Negócio DigitalJoao Costa
 
Avaliação de Telemóveis - K610i - C5-03
Avaliação de Telemóveis - K610i - C5-03Avaliação de Telemóveis - K610i - C5-03
Avaliação de Telemóveis - K610i - C5-03Joao Costa
 
Avaliação - Local Web - CMGuimarães
Avaliação - Local Web - CMGuimarãesAvaliação - Local Web - CMGuimarães
Avaliação - Local Web - CMGuimarãesJoao Costa
 
Dossier - Educational Solutions Multimedia
Dossier - Educational Solutions MultimediaDossier - Educational Solutions Multimedia
Dossier - Educational Solutions MultimediaJoao Costa
 
Caderno de Normas - Educational Solutions Multimedia
Caderno de Normas - Educational Solutions MultimediaCaderno de Normas - Educational Solutions Multimedia
Caderno de Normas - Educational Solutions MultimediaJoao Costa
 
Pesquisa - Ron Fricke
Pesquisa - Ron FrickePesquisa - Ron Fricke
Pesquisa - Ron FrickeJoao Costa
 
Dossier de Produção - Time's
Dossier de Produção - Time'sDossier de Produção - Time's
Dossier de Produção - Time'sJoao Costa
 
Portuguese In California
Portuguese In CaliforniaPortuguese In California
Portuguese In CaliforniaJoao Costa
 
Dossier de Produção - Youriver.tv
Dossier de Produção - Youriver.tvDossier de Produção - Youriver.tv
Dossier de Produção - Youriver.tvJoao Costa
 
Dossier de Pré-Produção - Youriver.tv
Dossier de Pré-Produção - Youriver.tvDossier de Pré-Produção - Youriver.tv
Dossier de Pré-Produção - Youriver.tvJoao Costa
 
Pesquisa - Anton Corbijn
Pesquisa - Anton CorbijnPesquisa - Anton Corbijn
Pesquisa - Anton CorbijnJoao Costa
 
Projecto Cross-Media - Pdclinks.net
Projecto Cross-Media - Pdclinks.netProjecto Cross-Media - Pdclinks.net
Projecto Cross-Media - Pdclinks.netJoao Costa
 
Pesquisa - Animação 3D
Pesquisa - Animação 3DPesquisa - Animação 3D
Pesquisa - Animação 3DJoao Costa
 

Mais de Joao Costa (15)

Caderno Normas inspectormorbido
Caderno Normas inspectormorbidoCaderno Normas inspectormorbido
Caderno Normas inspectormorbido
 
Proposta de Negócio Digital
Proposta de Negócio DigitalProposta de Negócio Digital
Proposta de Negócio Digital
 
Avaliação de Negócio Digital
Avaliação de Negócio DigitalAvaliação de Negócio Digital
Avaliação de Negócio Digital
 
Avaliação de Telemóveis - K610i - C5-03
Avaliação de Telemóveis - K610i - C5-03Avaliação de Telemóveis - K610i - C5-03
Avaliação de Telemóveis - K610i - C5-03
 
Avaliação - Local Web - CMGuimarães
Avaliação - Local Web - CMGuimarãesAvaliação - Local Web - CMGuimarães
Avaliação - Local Web - CMGuimarães
 
Dossier - Educational Solutions Multimedia
Dossier - Educational Solutions MultimediaDossier - Educational Solutions Multimedia
Dossier - Educational Solutions Multimedia
 
Caderno de Normas - Educational Solutions Multimedia
Caderno de Normas - Educational Solutions MultimediaCaderno de Normas - Educational Solutions Multimedia
Caderno de Normas - Educational Solutions Multimedia
 
Pesquisa - Ron Fricke
Pesquisa - Ron FrickePesquisa - Ron Fricke
Pesquisa - Ron Fricke
 
Dossier de Produção - Time's
Dossier de Produção - Time'sDossier de Produção - Time's
Dossier de Produção - Time's
 
Portuguese In California
Portuguese In CaliforniaPortuguese In California
Portuguese In California
 
Dossier de Produção - Youriver.tv
Dossier de Produção - Youriver.tvDossier de Produção - Youriver.tv
Dossier de Produção - Youriver.tv
 
Dossier de Pré-Produção - Youriver.tv
Dossier de Pré-Produção - Youriver.tvDossier de Pré-Produção - Youriver.tv
Dossier de Pré-Produção - Youriver.tv
 
Pesquisa - Anton Corbijn
Pesquisa - Anton CorbijnPesquisa - Anton Corbijn
Pesquisa - Anton Corbijn
 
Projecto Cross-Media - Pdclinks.net
Projecto Cross-Media - Pdclinks.netProjecto Cross-Media - Pdclinks.net
Projecto Cross-Media - Pdclinks.net
 
Pesquisa - Animação 3D
Pesquisa - Animação 3DPesquisa - Animação 3D
Pesquisa - Animação 3D
 

Último

o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdfo-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdfCarolineNunes80
 
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxEBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxIlda Bicacro
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSPedroMatos469278
 
Abuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescenteAbuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescenteIpdaWellington
 
bem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalbem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalcarlamgalves5
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é precisoMary Alvarenga
 
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf HitlerAlemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitlerhabiwo1978
 
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHASMARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHASyan1305goncalves
 
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptxSlides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
livro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensoriallivro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensorialNeuroppIsnayaLciaMar
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfManuais Formação
 
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhosoO Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhosoVALMIRARIBEIRO1
 
Sistema de Acompanhamento - Diário Online 2021.pdf
Sistema de Acompanhamento - Diário Online 2021.pdfSistema de Acompanhamento - Diário Online 2021.pdf
Sistema de Acompanhamento - Diário Online 2021.pdfAntonio Barros
 
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptxSlide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptxsfwsoficial
 
APOSTILA- COMPLETA De FILOSOFIA-DA-EDUCAÇÃO.pdf
APOSTILA- COMPLETA  De FILOSOFIA-DA-EDUCAÇÃO.pdfAPOSTILA- COMPLETA  De FILOSOFIA-DA-EDUCAÇÃO.pdf
APOSTILA- COMPLETA De FILOSOFIA-DA-EDUCAÇÃO.pdflbgsouza
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"Ilda Bicacro
 
Apresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosApresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosFernanda Ledesma
 
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisNós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisIlda Bicacro
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxIlda Bicacro
 

Último (20)

o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdfo-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
 
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxEBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
 
Abuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescenteAbuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescente
 
bem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalbem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animal
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é preciso
 
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf HitlerAlemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
 
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHASMARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
 
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptxSlides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
 
livro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensoriallivro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensorial
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
 
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhosoO Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
 
Sistema de Acompanhamento - Diário Online 2021.pdf
Sistema de Acompanhamento - Diário Online 2021.pdfSistema de Acompanhamento - Diário Online 2021.pdf
Sistema de Acompanhamento - Diário Online 2021.pdf
 
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptxSlide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
 
APOSTILA- COMPLETA De FILOSOFIA-DA-EDUCAÇÃO.pdf
APOSTILA- COMPLETA  De FILOSOFIA-DA-EDUCAÇÃO.pdfAPOSTILA- COMPLETA  De FILOSOFIA-DA-EDUCAÇÃO.pdf
APOSTILA- COMPLETA De FILOSOFIA-DA-EDUCAÇÃO.pdf
 
662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
 
Apresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosApresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativos
 
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisNós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
 

Pesquisa - Thomas Edison

  • 1. Thomas Edison Thomas Alva Edison, nascido a 11 de Fevereiro de 1847, na Vila de Milan Ohio, EUA. Empresário, produtor de cinema e acima de tudo inventor, conduzido e influenciado pela grande revolução industrial que se avizinhava. Marceneiro e carpinteiro, seu pai Samuel Edison de origem Holandesa e sua mãe Nancy Eliot Edison, ex-professora canadense, Thomas Edison era dos 7 filhos, o mais novo. Desde cedo mostrou grande interesse pelo Mundo da ciência. Edison desistiu da escola desde cedo e sua mãe se encarregara da educação. Vários empregos na adolescência e num dos seus experimentos num pseudo laboratório dele acabou por ficar surdo. Decide ir para Nova Iorque e lá vende a sua primeira invenção por cerca de 40 mil dólares. Conhece Mary Stilwell de 16 anos e casa-se em 1871. A jovem morre 12 anos depois. Cada vez mais famoso, ampliava as suas actividades e em 1871 abriu um centro de pesquisa em MenloPark. Uma verdadeira cidade industrial. Neste centro de pesquisa Thomas em 4 anos patenteou 300 das suas mais de 1000 invenções. Em 1984 abriu uma impressa de cinema, Thomas Company que em muito influencia o cinema Americano. Aperfeiçoou o telefone e a criação do fonógrafo. Criação bastante importante para a época, mas em 1878 com 31 anos é que decide começar a estudar aquilo que o viria a tornar famoso. O desafio de obter luz a partir de energia eléctrica que já outros pesquisadores como Nernst e Swan o tinham tentado. Só um ano após, consegue finalmente acender uma lâmpada eléctrica por cerca de 48 horas. Em conjunto, essas realizações, criações modificaram os hábitos de vida em todo o mundo e consagraram definitivamente uns dos grandes passos para a tecnologia actual. Thomas Alva Edison morreu a 18 de Outubro de 1931.
  • 2. Técnica e equipamento Thomas Alva Edison não foi propriamente uma figura comum de modelo cientista. Com poucos meses de escola, desistiu desta, mas mesmo assim com a ajuda da mãe, ex-professora, tornou-se um incondicional na história Mundial. Produtor de cerca de dezena filmes e alguns sons, trabalhava com os poucos recursos que existiam na altura. Em Fevereiro de 1888, a projecção de imagem em movimento já era uma das suas pesquisas favoritas. Adquiriu os direitos de autor do Phantascope (Vitascope após adquirido) por volta de 1896e investiu neste, melhorando-o. Os projectores para o público era o seu grande alvo, tal como o modo de gravar algo que depois, reproduzido desse movimento. Em 1984 abriu uma impressa de cinema onde passou cerca de 1200 filmes entre curtas e longas metragens. Edison Campany foi um dos centros cinematográficos da América. Thomas criou entre outras invenções, alguns factos importantes para o cinema tais como: Cinetógrafo (Kinetograph): Máquina de filmar.Cinescópio ou Cinetoscópio (Kinetoscope): Umacaixa com imagens filmadas vistas no seu interior.Cinefone (Kinetophone) : Versão do cinescópio com som síncrono gerado por um fonógrafo. Vitascópio (Vitascope) : Projector de filmes em tela. Contudo podemos afirmar ainda que com uma das suas últimas criações, a lâmpada incandescente, o cientista acabou por mais uma vez, revolucionar a indústria do cinema. A luz é essencial nos takes, porque nos permite fazer filmagens mais rápidas não dependendo do estado do tempo para ter a luz perfeita para o cenário. Claramente as suas intervenções no cinema foram bastas e necessárias directamente ou indirectamente.
  • 3. Legado de Thomas Edison Nos seus 84 anos de vida Edison deixou um legado tanto ele escrito nos livros de história, como na nossa vida e ainda foi um elevador para a tecnologia actual. Produtor de cerca de 10 filme e algumas bandas sonoras, foi um dos primórdios e muito importante no cinema Mundial mas principalmente Americano. Dentro das suas mais de 1000 invenções patenteadas surgem nomes como o fonógrafo e Ditafone criado em 21 de Novembro de 1877, que basicamente é um antecessor do gira disco actualmente. Inicialmente era apenas um aparelho para registo de voz, mas logo se desenvolveu como difusor de música. Neste ponto Edison alargou a indústria musical popular. O ditafone tinha a particularidade de gravar mensagem ou discursos para serem ouvidos mais tarde. Actualmente temos isso nas nossas casas como gravador de mensagens por telefone. Telefonecriado por volta do ano de 1879. As míticas imagens de pessoas a fazer girar uma manivela enquanto ouviam no receptor. A criação de um microfone e de um receptor eram necessários para uma ligação. O telegrafo já tinha sido criado por Samuel FinleyBreese Morse, que em 1844 criou oficialmente uma linha telegráfica. Thomas Edison em 1869 adaptou o mesmo com o nome de Telegrafo Multiplex, que transmitia as últimas cotações da Bolsa de Valores para as impressoras de outros escritórios, através de fios. A luz eléctrica foi outros dos fascínios de Edison. Embora não a inventasse, teria com sorte sido outra das suas grandes conquistas. Sempre fascinado pela energia tentou por volta de 1878 gerar luz a partir dela. A lâmpada incandescente, surge assim após quase um ano de experiencias e pesquisas. Uma criação que nos é mais do que necessária hoje em dia à sobrevivência humana.
  • 4. A nível de progresso cinematográfico Thomas foi mais uma vez essencial. Pela sua vida o cinema começou a surguir e depressa evoluiu. Em muito contribuiu este Homem para o cinema, não só pelos filmes que produziu, mas também por aquilo que inventou para produzi-los e reproduzi-los. Destacam-se assim o cinetografo, que é um antepassado pioneiro da maquina de filmar. Cinescópio teve uma sua posterior evolução muito importante. Este aparelho era no fundo uma caixa com filmagem no seu interior. Espreitar por um pequeno orifício far-nos-ia ver umas pequenas imagens em movimento. Cinefoneé a versão do cinescópio mais evoluída. A grande diferença desta é que já imitia som através do fonógrafo. OVitascópio, projector de filmes em tela, não era uma criação de Edison, mas sim dos irmãos Lumière. O aparelho inicialmente designado de Cinematografo, não foi comercializado na altura, sendo que muitos electricistas tentaram pegar no mesmo conceito e desenvolver algo melhor. Edison comprou a patente e conseguiu ele próprio melhorar este invento, dando-lhe o nome de Vitascópio. A primeira exibição pública do Vitascope decorre a 23 de Abril de 1896, no KosterandBial'sMusic Hall, em Nova Iorque. A Thomas Company foi também sem dúvida uma grande industria de cinema Americana. Thomas Edison não era só investigador nem cientista e o seu lado mais conhecido como inventor era criado em paralelo quase, com o seu lado artístico na área de cinema.
  • 5. Vencedor de várias medalhas de mérito e ainda o facto de ser considerado um dos maiores inventores de sempre da história, Edison foi também considerado um dos homens que tornou o quotidiano das pessoas num estado bastante agradável. As suas invenções comuns serviam essencialmente para o bem estar das pessoas e uma maior comunicação entre estas. A nível cinematográfico para além de ser essencial na história do cinema pela construção do equipamento, foi também um grande produtor. Produziu curtas e longas metragens possíveis na altura. The Execution of Mary Stuart Fatima'sCoochee-Coochee - 1895 TheExecutionof Mary Stuart - 1896 Fatima'sCoochee-Coochee Dance - 1896 Blackton Sketches, No. 3 - 1896 Blackton Sketches, No. 2 - 1896 Butterfly Dance - 1897 ThePassion Play ofOberammergau - 1898 ElectrocutinganElephant - 1903 Parsifal - 1904 Frankenstein ortheModernPrometheus - 1910 LuciadiLammermoor – 1911 Salientar que um dos primeiros filmes de terror é datado de 1895, (The Execution of Mary Stuart), precisamente, tanto pelo que se sabe a primeira curta metragem de Thomas Edison. Apenas com cerca de 18 segundos retrata a execução de Mary Stuart.
  • 6. Para além de produtor, gravou ainda inúmeros sons para os seus filmes e até para outras curtas e longas metragens. Nursery Favorites - 1913 A Minstrel Show - 1913 The Irish Policeman - 1913 Her Redemption - 1913 Julius Caesar - 1913 The Patchwork Girl of Oz – 1914 A história de Thomas Edison é de tão fascinante como também de bizarra. Ainda na adolescência perdeu a audição, mas mesmo assim conseguiu fazer invenções ligadas ao som. É difícil por vezes perceber, por falta de informação aquilo que realmente fez e não fez. A parte dos seus experimentos iniciais com curtas metragens são de rara utilização. Todo o seu legado hoje deixado serve-nos de utilidade constante. Lançou o cinema com a criação dos equipamentos necessários para a filmagem e posterior reprodução. A gravação de música e comunicações quase o devemos a ele. As suas criações comuns são ainda hoje usadas, se não directamente, então apenas foram com o tempo evoluíndo, mas o inicial esta lá. Em 1960 foi eleito para a "Galeria da Fama dos Grandes Americanos" na Universidade de Nova Iorque. O seu laboratório em West Orange e a sua casa em Glenmont, próximo do laboratório, foram dedicados em conjunto como sendo o "Ponto Histórico Nacional de Thomas Edison". Jornais e os primeiros modelos de invenções estão exibidos ali, e os seus legados foram preservados como foram deixados pela família Edison. Thomas Edison faleceu em 18 de Outubro de 1931 e foi sepultado em Orange, New Jersey. Sobre trabalho e genialidade, Thomas Edison disse o seguinte: "Não há substituto para o trabalho duro""Génio é 2% inspiração e 98% transpiração".
  • 7. Webgrafia, Bibliografia e Autoria Webgrafia/Bibliografia: http://pt.wikipedia.org/wiki/Thomas_Edison http://pt.wikipedia.org/wiki/Revolu%C3%A7%C3%A3o_Industrial http://www.thomasedison.com/ http://www.thomasedison.com/biography.html http://www.eb23-caldas-taipas.rcts.pt/Jornal_Online/Janeiro/imagens/Thomas_Edison.jpg http://www.spedromar.net/disciplinas/cinema/edison.pdf http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/thomas-alva-edison/thomas-alva-edison-4.php http://pt.wikipedia.org/wiki/Hist%C3%B3ria_do_cinema http://geniosmundiais.blogspot.com/2006/01/biografia-de-thomas-alva-edison.html Autoria: João Paulo Gonçalves Costa