Métodos                                                   Contraceptivos                                                  ...
Tipos de métodos   Pílula contraceptiva;   Pílula do dia seguinte;   Adesivo contraceptivo;   Dispositivo intra-uterin...
Pílula contraceptiva – O que é e                   como funciona?                                                  Hormon...
Estrogénio                  Combinada         sintético e   Pílula                         progestagéniocontraceptiva     ...
Eficácia   Com utilização correcta é, em média, de    99,7%   Com utilização incorrecta é, em média, de    92%          ...
Vantagens   Não interfere na relação sexual;   Pode regularizar os ciclos menstruais;   Melhora a tensão pré-menstrual ...
Vantagens   Reduz o risco de cancro do endométrio e    dos ovários;   Diminui a incidência de quistos funcionais;   Fác...
Desvantagens   Toma diária e regular;   Não protege contra as DST;   Náuseas, sensibilidade nos seios, alterações    no...
Desvantagens   Pode aumentar o risco de cancro da mama;   A sua eficácia pode diminuir;   Certos medicamentos podem int...
Pílula do dia seguinte – O que é e                 como funciona?                                                       E...
Eficácia   Quando tomada dentro de 72 horas após a    relação sexual evita cerca de 84% das    gravidezes indesejadas;  ...
Vantagens   Não interfere com a utilização regular da    pílula anticoncepcional;   Não afecta a fertilidade a longo pra...
Desvantagens   Alta concentração de hormonas;   A menstruação pode atrasar ou adiar alguns    dias;   Pode diminuir a q...
Desvantagens   Náuseas, vómitos, tonturas, desconforto nos    seios e dor de cabeça;   Alguns medicamentos podem reduzir...
Adesivo contraceptivo – O que é e          como funciona?                                                 Hormonas semelh...
Adesivo contraceptivo – O que é e              como funciona?     Colocado uma vez por semana durante três      semanas; ...
Eficácia   Estima-se que seja de aproximadamente    98%;   Ainda não há muita informação acerca deste    método contrace...
Vantagens   Mudado apenas uma vez por semana;   De fácil utilização;   Não interfere com o acto sexual;   A sua eficác...
Desvantagens   Não protege contra as DST;   Sensibilidade nos seios, dor de cabeça,    irritação da pele no local da apl...
Dispositivo intra-uterino – O que é         e como funciona?   É colocado na cavidade uterina.                           ...
Dispositivo intra-uterinode plástico                                In                                http://www.cabuloso....
Dispositivo intra-uterinode cobre                                   In                                   http://www.meverm...
Eficácia   Bastante eficaz;   Entre os 96% e os 99%.                             In                             http://c...
Vantagens   Grande eficácia;   Não interfere com o acto sexual;   Tem um longo período de utilização;   Sensação de co...
Desvantagens   Não protege contra as DST;    Necessita de acompanhamento médico;   Por ser um corpo estranho nem todas ...
Anel Vaginal - O que é e como funciona?   Uso hormonal;   É constituído por um    anel flexível;   As hormonas inibem a...
Eficácia   Quando colocado    correctamente o seu    grau de eficácia é de    99,6% a 99,8%.                            I...
Vantagens   Não interfere no acto sexual;   É um método reversível;   Menstruação mais curta e regular, com menos    do...
Desvantagens   Exige uma habilidade manual para ser    colocado;   Algumas mulheres sentem desconforto;   Não previne a...
Implante contraceptivo – O que é e            como funciona?                                                             ...
Eficácia   Durabilidade de 3 anos;   Retirado por microcirurgia;   Vai perdendo a eficácia.                       In ht...
Vantagens   Eficaz;   Problemas gastrointestinais frequentes não    interferem com a contracepção;   Cómodo;   Reversí...
Vantagens   Raramente são observadas ligeiras subidas    de tensão;   Não se verificam alterações da coagulação    do sa...
Desvantagens   Acne, cefaleias, aumento do peso e    sensibilidade mamária;   Queda de cabelo, alterações do humor,    a...
Contraceptivo injectável – O que é e             como funciona?                                                          ...
Eficácia   Bastante seguro, com uma eficácia de    aproximadamente 99,6%.                             In                 ...
Vantagens   Não há o risco de esquecimento;   Cómodo e seguro;   Ausência de riscos vasculares;   Eficaz e discreto; ...
Vantagens   Previnem cancro do endométrio e dos    ovários;   Diminuem a incidência de doença mamária    benigna;   Red...
Desvantagens   Só deve ser usado em situações muito    particulares;   Altera os níveis de açúcar e as gorduras no    sa...
FIM          Inês Lucas nº14      Laura Silveira nº 18      Sandra Gomes nº 24                     12º A
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Métodos Contraceptivos Hormonais ou Químicos

9.868 visualizações

Publicada em

0 comentários
5 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
9.868
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
9
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
178
Comentários
0
Gostaram
5
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Métodos Contraceptivos Hormonais ou Químicos

  1. 1. Métodos Contraceptivos Hormonais ou QuímicosInhttp://www.novasemente.org/site/vivamelhor/conheca-os-metodos-de-contracepcao-e-saiba-como-prevenir-gravidez-de-forma-pratica
  2. 2. Tipos de métodos Pílula contraceptiva; Pílula do dia seguinte; Adesivo contraceptivo; Dispositivo intra-uterino; Anel Vaginal; Implante contraceptivo; Contracepção injectável.
  3. 3. Pílula contraceptiva – O que é e como funciona?  Hormonas semelhantes às que a mulher produz nos ovários;  Provoca o espessamento do muco vaginal; Impede a ovulação;Inhttp://science4life12c.blogspot.com/2009/01/pilula-contraceptiva-reduz-risco-de.html   Actua directamente sobre o ciclo menstrual da mulher.
  4. 4. Estrogénio Combinada sintético e Pílula progestagéniocontraceptiva Progestativa ou Progestagénio mini-pílula
  5. 5. Eficácia Com utilização correcta é, em média, de 99,7% Com utilização incorrecta é, em média, de 92% In http://my-chillout-videl.blogspot.com/2009/04/pilula- contraceptiva.html
  6. 6. Vantagens Não interfere na relação sexual; Pode regularizar os ciclos menstruais; Melhora a tensão pré-menstrual e as cólicas menstruais; Não afecta a fertilidade; Diminui o risco de doença inflamatória pélvica.
  7. 7. Vantagens Reduz o risco de cancro do endométrio e dos ovários; Diminui a incidência de quistos funcionais; Fácil de usar e barata; Melhora algumas alterações da pele como a acne. In http://nutriyfacil.blogspot.com/
  8. 8. Desvantagens Toma diária e regular; Não protege contra as DST; Náuseas, sensibilidade nos seios, alterações no humor, alterações no peso, manchas na pele e dor de cabeça. In http://blogs.diariodepernambuco.com.br/economia/?p=5215
  9. 9. Desvantagens Pode aumentar o risco de cancro da mama; A sua eficácia pode diminuir; Certos medicamentos podem interferir com a pílula reduzindo o seu efeito. In http://www.bbc.co.uk/portuguese/economia/ 021203_natalidadeep.shtml
  10. 10. Pílula do dia seguinte – O que é e como funciona?  Emergência;  Constituída por levonorgestrel;  Impede a passagem dos espermatozóides para o útero;Inhttp://www.paramulher.com.pt/20-coisas-que-deves-saber-sobre-a-pilula-do-dia-seguinte-10148  Mudança no crescimento do endométrio;  Aceleração no movimento das trompas de Falópio.
  11. 11. Eficácia Quando tomada dentro de 72 horas após a relação sexual evita cerca de 84% das gravidezes indesejadas; Quanto mais cedo se tomar, maior será o nível de eficácia; O ideal seria tomar num espaço de 12 horas após a relação.
  12. 12. Vantagens Não interfere com a utilização regular da pílula anticoncepcional; Não afecta a fertilidade a longo prazo; Pode ser usado pela mulher após o acto sexual; Não causa anomalias no feto.
  13. 13. Desvantagens Alta concentração de hormonas; A menstruação pode atrasar ou adiar alguns dias; Pode diminuir a quantidade do leite materno; A sua utilização contínua desregula o ciclo menstrual e facilita a gravidez mais que outros métodos.
  14. 14. Desvantagens Náuseas, vómitos, tonturas, desconforto nos seios e dor de cabeça; Alguns medicamentos podem reduzir o seu efeito; Não protege contra as DST. In http://saudeimporta.blogspot.com/ 2010/03/nova-pilula-do-dia- seguinte.html
  15. 15. Adesivo contraceptivo – O que é e como funciona?  Hormonas semelhantes às produzidas nos ovários;  Transferidas diariamente para a corrente sanguínea através da pele;In  Impede a ovulação;http://farmaceutico.planetaclix.pt/adesivo.html  Provoca o espessamento do muco cervical.
  16. 16. Adesivo contraceptivo – O que é e como funciona?  Colocado uma vez por semana durante três semanas;  Deve ser colocado no primeiro dia de menstruação.In http://estilorg.blogspot.com/2008/05/adesivos-contraceptivos.html
  17. 17. Eficácia Estima-se que seja de aproximadamente 98%; Ainda não há muita informação acerca deste método contraceptivo. In http://www.dicasdemulher.com.br/ vantagens-e-desvantagens-do-adesivo- anticoncepcional/
  18. 18. Vantagens Mudado apenas uma vez por semana; De fácil utilização; Não interfere com o acto sexual; A sua eficácia não é posta em causa em caso de vómitos ou diarreia; Hemorragias mais curtas e regulares; Reversível; Não interfere no dia-a-dia.
  19. 19. Desvantagens Não protege contra as DST; Sensibilidade nos seios, dor de cabeça, irritação da pele no local da aplicação e náuseas; Coágulos de sangue, tromboses ou enfartes; Aumento dos riscos se for fumadora.
  20. 20. Dispositivo intra-uterino – O que é e como funciona? É colocado na cavidade uterina. Plástico DIU Cobre
  21. 21. Dispositivo intra-uterinode plástico In http://www.cabuloso.com/Anatomia- Humana/Sistema-Reprodutor/Metodos-  Liberta progesterona; Anticoncepcionais-Contraceptivos.htm  Provoca o espessamento do muco cervical;  Impede o espessamento do endométrio;  Apenas pode ser colocado e retirado por um médico;  Deve ser substituído anualmente.
  22. 22. Dispositivo intra-uterinode cobre In http://www.mevermedikal.com/e Não é hormonal; urogine.asp Impede que os espermatozóides contactem com o óvulo; Pode alterar os espermatozóides e o óvulo; Pode impedir a nidação; Deve ser substituído num prazo de 3 a 5 anos.
  23. 23. Eficácia Bastante eficaz; Entre os 96% e os 99%. In http://csfeirajovem.blogspot.com/2008_08_01_archiv e.html
  24. 24. Vantagens Grande eficácia; Não interfere com o acto sexual; Tem um longo período de utilização; Sensação de comodidade e liberdade; Utilizado para o tratamento de grandes hemorragias vaginais.
  25. 25. Desvantagens Não protege contra as DST; Necessita de acompanhamento médico; Por ser um corpo estranho nem todas as mulheres se adaptam à sua colocação; As cólicas menstruais podem ser mais intensas.
  26. 26. Anel Vaginal - O que é e como funciona? Uso hormonal; É constituído por um anel flexível; As hormonas inibem a ovulação; É aplicado na vagina pela mulher e deverá permanecer durante cerca de três semanas consecutivas. In http://www.cravocanela.com.br/mqtad/beleza/porcentagem-de- falhas/
  27. 27. Eficácia Quando colocado correctamente o seu grau de eficácia é de 99,6% a 99,8%. In http://www.divirta- se.uai.com.br/html/sessao_45/2010/07/02/ficha_saudeplena_sau de/id_sessao=45&id_noticia=25785/ficha_saudeplena_saude.shtm l
  28. 28. Vantagens Não interfere no acto sexual; É um método reversível; Menstruação mais curta e regular, com menos dores; Protecção contra os cancros dos ovários ou do colo do útero; Previne o aparecimento de quistos nos ovários; Em caso de vómito ou diarreia ele mantém a sua eficácia total.
  29. 29. Desvantagens Exige uma habilidade manual para ser colocado; Algumas mulheres sentem desconforto; Não previne as DST; Pode provocar irritação vaginal; Pode haver perda ou aumento de peso.
  30. 30. Implante contraceptivo – O que é e como funciona?  De longa duração;  Bastonete inserido sob a pele;  Evita a ovulação;  Impede que os espermatozóidesInhttp://www.blogintellectus.com.br/biologia/index.php/2010/06/pilula-anticoncepcional-masculina/ alcancem o útero.
  31. 31. Eficácia Durabilidade de 3 anos; Retirado por microcirurgia; Vai perdendo a eficácia. In http://saudenoespelho.blogspot.com/
  32. 32. Vantagens Eficaz; Problemas gastrointestinais frequentes não interferem com a contracepção; Cómodo; Reversível; Não necessita de controlo diário.
  33. 33. Vantagens Raramente são observadas ligeiras subidas de tensão; Não se verificam alterações da coagulação do sangue; As menstruações dolorosas melhoram em 88% das mulheres.
  34. 34. Desvantagens Acne, cefaleias, aumento do peso e sensibilidade mamária; Queda de cabelo, alterações do humor, alterações da libido, dores abdominais e períodos menstruais dolorosos; Irritação, dor e comichão no local de inserção; Alterações do ciclo menstrual.
  35. 35. Contraceptivo injectável – O que é e como funciona?  Injecção intra-muscular trimestral;  Derivado de progesterona;  Inibe a ovulação;  Indicado para mulheresInhttp://www.umdoistres.com.br/magazine/magazine2010/a que reagem mal à pílula.nticoncepcionais/antoncepcionais.htm
  36. 36. Eficácia Bastante seguro, com uma eficácia de aproximadamente 99,6%. In http://www.unimed.com.br/pct/index.jsp?cd_canal=337 14&cd_secao=34366&cd_materia=54847
  37. 37. Vantagens Não há o risco de esquecimento; Cómodo e seguro; Ausência de riscos vasculares; Eficaz e discreto; Reversível; Regula a menstruação diminuindo as cólicas e outras dores menstruais.
  38. 38. Vantagens Previnem cancro do endométrio e dos ovários; Diminuem a incidência de doença mamária benigna; Reduzem o risco de desenvolvimento de miomas (tumores benignos do útero); Diminuem o risco de anemia por deficiência de ferro.
  39. 39. Desvantagens Só deve ser usado em situações muito particulares; Altera os níveis de açúcar e as gorduras no sangue; Irregularidades menstruais ou ausência de menstruação; Não protege contra as DST; Retenção de líquidos.
  40. 40. FIM Inês Lucas nº14 Laura Silveira nº 18 Sandra Gomes nº 24 12º A

×