SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 13
Baixar para ler offline
Imagem – ArcelorMittal /Eduardo Rocha
Carvão
Vegetal
na produção do Aço Verde. Solução renovável a
favor de uma economia de baixo carbono.
2
Carvão Vegetal
Produto do setor de base florestal
O Carvão Vegetal é um produto obtido a
partir da queima ou carbonização da
madeira do eucalipto, espécie cultivada em
florestas plantadas para fins produtivos.
O carvão é utilizado em aquecedores,
lareiras, churrasqueiras e fogões a lenha,
além servir como insumo às empresas
produtoras de aço e fornecer energia, em
forma de calor, para cimenteiras e fábricas
de cerâmicas.
Carvão Vegetal
Por que ele é considerado
renovável?
3Imagem – Ibá/Milena Serro
Sua produção tem como matéria-prima a
madeira de florestas bem manejadas de
eucalipto que, após colhido, pode ser
plantado novamente, criando um ciclo
sustentável.
Nas florestas de árvores plantadas, esse ciclo
acontece de forma estruturada, respeitando o
meio ambiente, os recursos naturais, a
biodiversidade e a preservação das áreas de
florestas naturais.
O corte de árvore nativa para produzir carvão
vegetal é crime ambiental. Pode levar à
aplicação de multa, prestação de serviços à
comunidade e até prisão.
4
Carvão Vegetal é considerado um dos insumos mais importantes da indústria
siderúrgica nacional.
No Brasil, existem mais de 120 indústrias que utilizam carvão vegetal no processo de
produção de ferro-gusa, ferro-ligas e aço.
Do total de carvão consumido em 2015, 82% foram produzidos a partir de madeira
oriunda de árvores plantadas, totalizando 3,8 milhões de toneladas.
Insumo nas usinas brasileiras
Imagem – ArcelorMittal /Eduardo Rocha
Carvão vegetal
Expandido fronteiras no Brasil
O Brasil é o único produtor do mundo de
carvão vegetal para o setor de siderurgia.
A sua utilização, pelas empresas brasileiras
fabricantes de aço, está concentrada
basicamente no estado de Minas Gerais -
com a metade do setor - e na região de
Carajás, que engloba Pará e Maranhão.
O estado do Mato Grosso do Sul é uma
nova fronteira e poderá ser um campo
apropriado para a inovação no setor, mas
não o único.
Imagem: Relatório Anual - Ibá – p.55 5
Aço Verde
Carvão vegetal como insumo sustentável
Aço Verde é o nome dado a todo
aço produzido exclusivamente com
carvão vegetal de reflorestamento.
Na indústria siderúrgica, o carvão é
utilizado como agente redutor do
minério de ferro para a produção do
aço.
A nomenclatura Verde é a definição
criada para reforçar que produto é
derivado de uma fonte de energia
renovável, ou seja, que tem origem em
florestas plantadas bem manejadas e
conduzidas de forma sustentável e
amigável ao meio ambiente.
Imagem – Ibá/Milena Serro 6
O carvão vegetal torna o processo de produção do
aço mais responsável e sustentável, pois substitui
matérias-primas de base fóssil - considerados
altamente poluidoras - e assim contribuem para a
diminuição da emissão de Gases de Efeito Estufa
(GEE), um dos principais causadores do aquecimento
global.
7
Além disso, por ter origem em florestas
plantadas bem manejadas, a utilização do
carvão vegetal aumenta a capacidade brasileira
de captura e estocagem de carbono (CO2).
Aço Verde
Carvão vegetal como insumo sustentável
Imagem ––1- Cenibra, 2- Ibá/Milena Serro
8
Aço Verde
Presente no dia a dia
O Aço Verde produzido pela
indústria siderúrgica é uma
matéria-prima muito utilizada na
fabricação de diversos
produtos que fazem parte do
nosso dia a dia.
Certificação Florestal
Carvão vegetal com madeira certificada
Imagem e fonte: Relatório de Sustentabilidade Aço Brasil 2016 9
O Brasil é pioneiro na produção de aço
de forma correta e limpa. Somente em
2015, a produção de aço via carvão
vegetal representou cerca de 10% da
produção total de aço bruto do setor.
Da madeira utilizada para o carvão vegetal, 86% tem origem em florestas
plantadas para este propósito. As empresas produtoras de aço cultivaram
842,4 mil hectares de reflorestamento para produção do carvão vegetal.
Dois selos têm sido aplicados para certificar a sustentabilidade ao
processo, são eles: FSC (Forest Stewardship Council, ou Conselho de
Manejo Florestal) e Cerflor (Certificação Florestal).
10
Carvão vegetal
Protocolo de sustentabilidade
Em abril de 2012, o Instituto Aço Brasil lançou o Protocolo de Sustentabilidade do
Carvão Vegetal.
O documento estabelece oito compromissos às empresas produtoras de aço,
envolvendo desde questões como o respeito à legislação prevista aos fornecedores
de carvão vegetal e de seus produtos derivados, até aspectos ambientais, sociais e
econômicos envolvidos em todo processo.
Ministra d o Meio Ambiente - em 2012 -,
Izabella Teixeira participou do lançamento
do protocolo.
Fonte e Imagens: Instituto Aço Brasil
Lançamento do Protocolo de
Sustentabilidade do Carvão Vegetal.
Apresentação de Cristina Yuan, Diretora de
Assuntos Institucionais do Aço Brasil.
11
Protocolo de Sustentabilidade do Carvão Vegetal.
COMPROMISSOS
1. Atuar dentro dos preceitos do desenvolvimento sustentável e em perfeita consonância com a legislação,
considerando de forma integrada e harmônica os aspectos ambientais, sociais e econômicos;
2. Atuar junto à cadeia produtiva visando eliminar práticas e atividades que violem os direitos trabalhistas ou
causem danos ao meio ambiente;
3. Manter relacionamento comercial somente com empresas que cumpram todas as exigências
socioambientais legais;
4. Exigir a comprovação documental requerida pela legislação aos fornecedores de carvão vegetal e dos
produtos dele derivados;
5. Estabelecer parceria com o Poder Público para o desenvolvimento de programa de conscientização social
e ambiental junto aos fornecedores de carvão vegetal;
6. Concluir, em até quatro anos, o pleno atendimento de estoques florestais às respectivas demandas de
produção por meio de plantio próprio ou plantio de terceiros, desde que em consonância com os
requisitos legais;
7. Atuar em parceria com o Governo dando continuidade ao desenvolvimento e implementação de
tecnologia para captação e queima dos gases do processo de produção de carvão vegetal, visando a
redução das emissões dos gases de efeito estufa;
8. Apresentar periodicamente o desenvolvimento das ações acima referidas no Relatório de Sustentabilidade
da indústria do aço.
Fonte: Instituto Aço Brasil
Florestas Plantadas
Fonte de energia renovável e sustentável
Como fonte renovável e reciclável, florestas de todos
os tipos possuem um papel fundamental no ciclo
global do carbono.
A indústria brasileira de árvores plantadas para fins
produtivos auxilia no combate as mudanças climática
por meio do “sequestro de carbono”, um grande
aliado na neutralização dos GEE; investe para
melhorar a eficiência dos recursos e no
desenvolvimento de produtos e processos
inovadores que substituem matérias-primas de origem
de base fóssil.
As árvores plantadas são colhidas e, em geral,
crescem novamente garantindo a manutenção dos
estoques de carbono. Soma-se também novas áreas
de plantios em terras degradadas, que podem
aumentar ainda mais a remoção de GEE, contribuindo
assim, para a sustentabilidade do setor.
Além disso, o carbono também fica armazenado em
produtos feitos de madeira, inclusive o papel. Esta
armazenagem se entende ainda mais por meio da
recuperação e reciclagem de produtos florestais.
Fonte: www.iba.org 12Foto: BSC/ Gleison Rezende
Carvão Vegetal na produção do Aço Verde.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Apresentação Queimadas
Apresentação QueimadasApresentação Queimadas
Apresentação QueimadasRádio-uca Fhm
 
Petróleo e gás natural - 10º D
Petróleo  e gás natural - 10º DPetróleo  e gás natural - 10º D
Petróleo e gás natural - 10º DFísica Química A
 
Histórico sobre o início da agricultura
Histórico sobre o início da agriculturaHistórico sobre o início da agricultura
Histórico sobre o início da agriculturaAlex Samuel Rodrigues
 
Sustentabilidade e Preservação Ambiental no Setor Sucroenergético
Sustentabilidade e Preservação Ambiental no Setor SucroenergéticoSustentabilidade e Preservação Ambiental no Setor Sucroenergético
Sustentabilidade e Preservação Ambiental no Setor SucroenergéticoLuciano Meneguetti
 
Aula 1 desenvolvimento sustentável
Aula 1 desenvolvimento sustentávelAula 1 desenvolvimento sustentável
Aula 1 desenvolvimento sustentávelCarlos Priante
 
Origem da agricultura e revolução verde
Origem da agricultura e revolução verdeOrigem da agricultura e revolução verde
Origem da agricultura e revolução verdeigor-oliveira
 
Aula fontes de energia
Aula fontes de energiaAula fontes de energia
Aula fontes de energiasilvaelivia
 
A necessidade de sistemas agrícolas sustentáveis
A necessidade de sistemas agrícolas sustentáveisA necessidade de sistemas agrícolas sustentáveis
A necessidade de sistemas agrícolas sustentáveisigor-oliveira
 

Mais procurados (20)

Silvicultura
SilviculturaSilvicultura
Silvicultura
 
Integração Lavoura Pecuaria Floresta ILPF
Integração Lavoura Pecuaria Floresta ILPFIntegração Lavoura Pecuaria Floresta ILPF
Integração Lavoura Pecuaria Floresta ILPF
 
05 aula gás natural
05 aula gás natural05 aula gás natural
05 aula gás natural
 
Apresentação Queimadas
Apresentação QueimadasApresentação Queimadas
Apresentação Queimadas
 
Ecologia Industrial - Conceitos
Ecologia Industrial - ConceitosEcologia Industrial - Conceitos
Ecologia Industrial - Conceitos
 
Carvão
CarvãoCarvão
Carvão
 
Petróleo e gás natural - 10º D
Petróleo  e gás natural - 10º DPetróleo  e gás natural - 10º D
Petróleo e gás natural - 10º D
 
Histórico sobre o início da agricultura
Histórico sobre o início da agriculturaHistórico sobre o início da agricultura
Histórico sobre o início da agricultura
 
Apresentação queimadas
Apresentação queimadasApresentação queimadas
Apresentação queimadas
 
Sustentabilidade e Preservação Ambiental no Setor Sucroenergético
Sustentabilidade e Preservação Ambiental no Setor SucroenergéticoSustentabilidade e Preservação Ambiental no Setor Sucroenergético
Sustentabilidade e Preservação Ambiental no Setor Sucroenergético
 
O Agronegócio Brasileiro
O Agronegócio BrasileiroO Agronegócio Brasileiro
O Agronegócio Brasileiro
 
Aula 1 desenvolvimento sustentável
Aula 1 desenvolvimento sustentávelAula 1 desenvolvimento sustentável
Aula 1 desenvolvimento sustentável
 
PANCS
PANCSPANCS
PANCS
 
Origem da agricultura e revolução verde
Origem da agricultura e revolução verdeOrigem da agricultura e revolução verde
Origem da agricultura e revolução verde
 
Aula fontes de energia
Aula fontes de energiaAula fontes de energia
Aula fontes de energia
 
Inventário Florestal
Inventário FlorestalInventário Florestal
Inventário Florestal
 
Educação ambiental
Educação ambientalEducação ambiental
Educação ambiental
 
Biomassa
BiomassaBiomassa
Biomassa
 
Queimadas: causas, danos e prevenção
Queimadas: causas, danos e prevençãoQueimadas: causas, danos e prevenção
Queimadas: causas, danos e prevenção
 
A necessidade de sistemas agrícolas sustentáveis
A necessidade de sistemas agrícolas sustentáveisA necessidade de sistemas agrícolas sustentáveis
A necessidade de sistemas agrícolas sustentáveis
 

Semelhante a Carvão Vegetal na produção do Aço Verde.

Carvão mineral e gás mineral.
Carvão mineral e gás mineral.Carvão mineral e gás mineral.
Carvão mineral e gás mineral.Josenilson S'ilva
 
Energia RenováVel
Energia RenováVelEnergia RenováVel
Energia RenováVelGuihl
 
ESTADO DA ARTE DA PRODUÇÃO DO CARVÃO VEGETAL NO ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL ...
ESTADO DA ARTE DA PRODUÇÃO DO CARVÃO VEGETAL NO ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL ...ESTADO DA ARTE DA PRODUÇÃO DO CARVÃO VEGETAL NO ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL ...
ESTADO DA ARTE DA PRODUÇÃO DO CARVÃO VEGETAL NO ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL ...1sested
 
PROPOSTA COPERGAS ARARIPINA.pdf
PROPOSTA COPERGAS ARARIPINA.pdfPROPOSTA COPERGAS ARARIPINA.pdf
PROPOSTA COPERGAS ARARIPINA.pdfHermes Alves
 
Combustíveis Fósseis x Combustíveis da Biomassa
Combustíveis Fósseis x Combustíveis da BiomassaCombustíveis Fósseis x Combustíveis da Biomassa
Combustíveis Fósseis x Combustíveis da BiomassaJunior Ozono
 
Biomassa para Produção de Energia
Biomassa para Produção de EnergiaBiomassa para Produção de Energia
Biomassa para Produção de EnergiaRural Pecuária
 
Trabalho de metalogia 2
Trabalho de metalogia 2Trabalho de metalogia 2
Trabalho de metalogia 2Mauro Ganda
 
Trabalho de bioenergia sérgio valadão
Trabalho de bioenergia  sérgio valadãoTrabalho de bioenergia  sérgio valadão
Trabalho de bioenergia sérgio valadãoSérgio Valadão
 
Coalizão Brasil Clima, Florestas e Agricultura
Coalizão Brasil Clima, Florestas e AgriculturaCoalizão Brasil Clima, Florestas e Agricultura
Coalizão Brasil Clima, Florestas e AgriculturaAdeildo Caboclo
 
Recursos Não Renováveis
Recursos Não RenováveisRecursos Não Renováveis
Recursos Não RenováveisCatiabarbosa
 
Trabalho indstria
Trabalho indstriaTrabalho indstria
Trabalho indstriajoaoaliardi
 

Semelhante a Carvão Vegetal na produção do Aço Verde. (20)

Cassinha
CassinhaCassinha
Cassinha
 
2016 catalogo industrial equipamentos de processamento de pellets
2016 catalogo industrial equipamentos de processamento de pellets2016 catalogo industrial equipamentos de processamento de pellets
2016 catalogo industrial equipamentos de processamento de pellets
 
Carvão mineral e gás mineral.
Carvão mineral e gás mineral.Carvão mineral e gás mineral.
Carvão mineral e gás mineral.
 
Biomassa
BiomassaBiomassa
Biomassa
 
Mudanças Climáticas
Mudanças ClimáticasMudanças Climáticas
Mudanças Climáticas
 
Maden 2
Maden 2Maden 2
Maden 2
 
Energia RenováVel
Energia RenováVelEnergia RenováVel
Energia RenováVel
 
ESTADO DA ARTE DA PRODUÇÃO DO CARVÃO VEGETAL NO ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL ...
ESTADO DA ARTE DA PRODUÇÃO DO CARVÃO VEGETAL NO ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL ...ESTADO DA ARTE DA PRODUÇÃO DO CARVÃO VEGETAL NO ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL ...
ESTADO DA ARTE DA PRODUÇÃO DO CARVÃO VEGETAL NO ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL ...
 
PROPOSTA COPERGAS ARARIPINA.pdf
PROPOSTA COPERGAS ARARIPINA.pdfPROPOSTA COPERGAS ARARIPINA.pdf
PROPOSTA COPERGAS ARARIPINA.pdf
 
Combustiveis - Química
Combustiveis - QuímicaCombustiveis - Química
Combustiveis - Química
 
Papel e Celulose
Papel e CelulosePapel e Celulose
Papel e Celulose
 
Combustíveis Fósseis x Combustíveis da Biomassa
Combustíveis Fósseis x Combustíveis da BiomassaCombustíveis Fósseis x Combustíveis da Biomassa
Combustíveis Fósseis x Combustíveis da Biomassa
 
Biomassa para Produção de Energia
Biomassa para Produção de EnergiaBiomassa para Produção de Energia
Biomassa para Produção de Energia
 
Thiago
ThiagoThiago
Thiago
 
Trabalho de metalogia 2
Trabalho de metalogia 2Trabalho de metalogia 2
Trabalho de metalogia 2
 
Trabalho de bioenergia sérgio valadão
Trabalho de bioenergia  sérgio valadãoTrabalho de bioenergia  sérgio valadão
Trabalho de bioenergia sérgio valadão
 
Coalizão Brasil Clima, Florestas e Agricultura
Coalizão Brasil Clima, Florestas e AgriculturaCoalizão Brasil Clima, Florestas e Agricultura
Coalizão Brasil Clima, Florestas e Agricultura
 
2nd gen biofuels brazil
2nd gen biofuels brazil2nd gen biofuels brazil
2nd gen biofuels brazil
 
Recursos Não Renováveis
Recursos Não RenováveisRecursos Não Renováveis
Recursos Não Renováveis
 
Trabalho indstria
Trabalho indstriaTrabalho indstria
Trabalho indstria
 

Mais de Ibá – Indústria Brasileira de Árvores

Certificação Florestal - Responsabilidade e conduta sustentável no setor de á...
Certificação Florestal - Responsabilidade e conduta sustentável no setor de á...Certificação Florestal - Responsabilidade e conduta sustentável no setor de á...
Certificação Florestal - Responsabilidade e conduta sustentável no setor de á...Ibá – Indústria Brasileira de Árvores
 
Árvores Plantadas - do plantio ao consumidor final // Planted Trees - from pl...
Árvores Plantadas - do plantio ao consumidor final // Planted Trees - from pl...Árvores Plantadas - do plantio ao consumidor final // Planted Trees - from pl...
Árvores Plantadas - do plantio ao consumidor final // Planted Trees - from pl...Ibá – Indústria Brasileira de Árvores
 

Mais de Ibá – Indústria Brasileira de Árvores (12)

Árvores Plantadas e Biodiversidade - fauna
Árvores Plantadas e Biodiversidade - faunaÁrvores Plantadas e Biodiversidade - fauna
Árvores Plantadas e Biodiversidade - fauna
 
Múltiplos Usos da Madeira
Múltiplos Usos da Madeira Múltiplos Usos da Madeira
Múltiplos Usos da Madeira
 
Serviços Ambientais
 Serviços Ambientais Serviços Ambientais
Serviços Ambientais
 
Terras para estrangeiros
Terras para estrangeiros Terras para estrangeiros
Terras para estrangeiros
 
Economia circular
Economia circular Economia circular
Economia circular
 
Código florestal e Cadastro Ambiental Rural (CAR)
Código florestal e Cadastro Ambiental Rural (CAR)Código florestal e Cadastro Ambiental Rural (CAR)
Código florestal e Cadastro Ambiental Rural (CAR)
 
Biodiversidade: preservação das espécies para o equilíbrio do planeta
Biodiversidade: preservação das espécies para o equilíbrio do planeta Biodiversidade: preservação das espécies para o equilíbrio do planeta
Biodiversidade: preservação das espécies para o equilíbrio do planeta
 
As árvores em favor do solo
As árvores em favor do soloAs árvores em favor do solo
As árvores em favor do solo
 
Árvores Plantadas que movimentam o setor de base florestal
Árvores Plantadas que movimentam o setor de base florestal Árvores Plantadas que movimentam o setor de base florestal
Árvores Plantadas que movimentam o setor de base florestal
 
Certificação Florestal - Responsabilidade e conduta sustentável no setor de á...
Certificação Florestal - Responsabilidade e conduta sustentável no setor de á...Certificação Florestal - Responsabilidade e conduta sustentável no setor de á...
Certificação Florestal - Responsabilidade e conduta sustentável no setor de á...
 
Fomento Florestal - Benefício compartilhado para empresas e produtores
Fomento Florestal - Benefício compartilhado para empresas e produtores Fomento Florestal - Benefício compartilhado para empresas e produtores
Fomento Florestal - Benefício compartilhado para empresas e produtores
 
Árvores Plantadas - do plantio ao consumidor final // Planted Trees - from pl...
Árvores Plantadas - do plantio ao consumidor final // Planted Trees - from pl...Árvores Plantadas - do plantio ao consumidor final // Planted Trees - from pl...
Árvores Plantadas - do plantio ao consumidor final // Planted Trees - from pl...
 

Carvão Vegetal na produção do Aço Verde.

  • 1. Imagem – ArcelorMittal /Eduardo Rocha Carvão Vegetal na produção do Aço Verde. Solução renovável a favor de uma economia de baixo carbono.
  • 2. 2 Carvão Vegetal Produto do setor de base florestal O Carvão Vegetal é um produto obtido a partir da queima ou carbonização da madeira do eucalipto, espécie cultivada em florestas plantadas para fins produtivos. O carvão é utilizado em aquecedores, lareiras, churrasqueiras e fogões a lenha, além servir como insumo às empresas produtoras de aço e fornecer energia, em forma de calor, para cimenteiras e fábricas de cerâmicas.
  • 3. Carvão Vegetal Por que ele é considerado renovável? 3Imagem – Ibá/Milena Serro Sua produção tem como matéria-prima a madeira de florestas bem manejadas de eucalipto que, após colhido, pode ser plantado novamente, criando um ciclo sustentável. Nas florestas de árvores plantadas, esse ciclo acontece de forma estruturada, respeitando o meio ambiente, os recursos naturais, a biodiversidade e a preservação das áreas de florestas naturais. O corte de árvore nativa para produzir carvão vegetal é crime ambiental. Pode levar à aplicação de multa, prestação de serviços à comunidade e até prisão.
  • 4. 4 Carvão Vegetal é considerado um dos insumos mais importantes da indústria siderúrgica nacional. No Brasil, existem mais de 120 indústrias que utilizam carvão vegetal no processo de produção de ferro-gusa, ferro-ligas e aço. Do total de carvão consumido em 2015, 82% foram produzidos a partir de madeira oriunda de árvores plantadas, totalizando 3,8 milhões de toneladas. Insumo nas usinas brasileiras Imagem – ArcelorMittal /Eduardo Rocha
  • 5. Carvão vegetal Expandido fronteiras no Brasil O Brasil é o único produtor do mundo de carvão vegetal para o setor de siderurgia. A sua utilização, pelas empresas brasileiras fabricantes de aço, está concentrada basicamente no estado de Minas Gerais - com a metade do setor - e na região de Carajás, que engloba Pará e Maranhão. O estado do Mato Grosso do Sul é uma nova fronteira e poderá ser um campo apropriado para a inovação no setor, mas não o único. Imagem: Relatório Anual - Ibá – p.55 5
  • 6. Aço Verde Carvão vegetal como insumo sustentável Aço Verde é o nome dado a todo aço produzido exclusivamente com carvão vegetal de reflorestamento. Na indústria siderúrgica, o carvão é utilizado como agente redutor do minério de ferro para a produção do aço. A nomenclatura Verde é a definição criada para reforçar que produto é derivado de uma fonte de energia renovável, ou seja, que tem origem em florestas plantadas bem manejadas e conduzidas de forma sustentável e amigável ao meio ambiente. Imagem – Ibá/Milena Serro 6
  • 7. O carvão vegetal torna o processo de produção do aço mais responsável e sustentável, pois substitui matérias-primas de base fóssil - considerados altamente poluidoras - e assim contribuem para a diminuição da emissão de Gases de Efeito Estufa (GEE), um dos principais causadores do aquecimento global. 7 Além disso, por ter origem em florestas plantadas bem manejadas, a utilização do carvão vegetal aumenta a capacidade brasileira de captura e estocagem de carbono (CO2). Aço Verde Carvão vegetal como insumo sustentável Imagem ––1- Cenibra, 2- Ibá/Milena Serro
  • 8. 8 Aço Verde Presente no dia a dia O Aço Verde produzido pela indústria siderúrgica é uma matéria-prima muito utilizada na fabricação de diversos produtos que fazem parte do nosso dia a dia.
  • 9. Certificação Florestal Carvão vegetal com madeira certificada Imagem e fonte: Relatório de Sustentabilidade Aço Brasil 2016 9 O Brasil é pioneiro na produção de aço de forma correta e limpa. Somente em 2015, a produção de aço via carvão vegetal representou cerca de 10% da produção total de aço bruto do setor. Da madeira utilizada para o carvão vegetal, 86% tem origem em florestas plantadas para este propósito. As empresas produtoras de aço cultivaram 842,4 mil hectares de reflorestamento para produção do carvão vegetal. Dois selos têm sido aplicados para certificar a sustentabilidade ao processo, são eles: FSC (Forest Stewardship Council, ou Conselho de Manejo Florestal) e Cerflor (Certificação Florestal).
  • 10. 10 Carvão vegetal Protocolo de sustentabilidade Em abril de 2012, o Instituto Aço Brasil lançou o Protocolo de Sustentabilidade do Carvão Vegetal. O documento estabelece oito compromissos às empresas produtoras de aço, envolvendo desde questões como o respeito à legislação prevista aos fornecedores de carvão vegetal e de seus produtos derivados, até aspectos ambientais, sociais e econômicos envolvidos em todo processo. Ministra d o Meio Ambiente - em 2012 -, Izabella Teixeira participou do lançamento do protocolo. Fonte e Imagens: Instituto Aço Brasil Lançamento do Protocolo de Sustentabilidade do Carvão Vegetal. Apresentação de Cristina Yuan, Diretora de Assuntos Institucionais do Aço Brasil.
  • 11. 11 Protocolo de Sustentabilidade do Carvão Vegetal. COMPROMISSOS 1. Atuar dentro dos preceitos do desenvolvimento sustentável e em perfeita consonância com a legislação, considerando de forma integrada e harmônica os aspectos ambientais, sociais e econômicos; 2. Atuar junto à cadeia produtiva visando eliminar práticas e atividades que violem os direitos trabalhistas ou causem danos ao meio ambiente; 3. Manter relacionamento comercial somente com empresas que cumpram todas as exigências socioambientais legais; 4. Exigir a comprovação documental requerida pela legislação aos fornecedores de carvão vegetal e dos produtos dele derivados; 5. Estabelecer parceria com o Poder Público para o desenvolvimento de programa de conscientização social e ambiental junto aos fornecedores de carvão vegetal; 6. Concluir, em até quatro anos, o pleno atendimento de estoques florestais às respectivas demandas de produção por meio de plantio próprio ou plantio de terceiros, desde que em consonância com os requisitos legais; 7. Atuar em parceria com o Governo dando continuidade ao desenvolvimento e implementação de tecnologia para captação e queima dos gases do processo de produção de carvão vegetal, visando a redução das emissões dos gases de efeito estufa; 8. Apresentar periodicamente o desenvolvimento das ações acima referidas no Relatório de Sustentabilidade da indústria do aço. Fonte: Instituto Aço Brasil
  • 12. Florestas Plantadas Fonte de energia renovável e sustentável Como fonte renovável e reciclável, florestas de todos os tipos possuem um papel fundamental no ciclo global do carbono. A indústria brasileira de árvores plantadas para fins produtivos auxilia no combate as mudanças climática por meio do “sequestro de carbono”, um grande aliado na neutralização dos GEE; investe para melhorar a eficiência dos recursos e no desenvolvimento de produtos e processos inovadores que substituem matérias-primas de origem de base fóssil. As árvores plantadas são colhidas e, em geral, crescem novamente garantindo a manutenção dos estoques de carbono. Soma-se também novas áreas de plantios em terras degradadas, que podem aumentar ainda mais a remoção de GEE, contribuindo assim, para a sustentabilidade do setor. Além disso, o carbono também fica armazenado em produtos feitos de madeira, inclusive o papel. Esta armazenagem se entende ainda mais por meio da recuperação e reciclagem de produtos florestais. Fonte: www.iba.org 12Foto: BSC/ Gleison Rezende