Siutuação do 1º ano de biologia

178 visualizações

Publicada em

Principais factores que condicionam o bom funcionamento da disciplina de Biologia Geral do 1º ano do curso de Biologia

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
178
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Siutuação do 1º ano de biologia

  1. 1. UNIVERSIDADE AGOSTINHO NETO FACULDADE DE CIÊNCIAS DEI-BIOLOGIA EXPOSIÇÃO RELATIVA AO 1º ANO DO CURSO DE BIOLOGIA PARA DETERMINAÇÃO DO NUMERUS CLAUSUS
  2. 2. LUANDA, DEZEMBRO, 2012 1. INTRODUÇÃO Durante os primeiros 20 anos de funcionamento do curso de Biologia, foi manifesto o pouco interesse dos estudantes angolanos pelas áreas de Ciências Biológicas, o que pode ser explicado pela exiguidade de saídas profissionais e à pouca valorização da profissão de Biólogo. Entretanto, nos últimos anos, o gradual aumento do número de candidaturas mostra que esta situação se está a inverter, o que parece apontar para um maior interesse e preocupação com questões ligadas à manutenção do equilíbrio da vida na Terra e à necessidade de um desenvolvimento sustentado. Espera-se, portanto, uma evolução positiva do ensino e investigação neste campo do saber, o que exige um maior investimento para a modernização e capacitação laboratorial do Departamento de Biologia. Devido ao gradual aumento do número de candidaturas para ingresso no curso de Biologia e, consequentemente a admissão de um número excessivo de candidatos, o Dei-Biologia tem se confrontado com inúmeras dificuldades na execução das actividades lectivas do 1º e 2º uma vez que as salas destinadas as aulas teóricas têm capacidade para apenas 60 estudantes e o laboratório para 15 estudantes. 2. ESTRUTURA DO DEPARTAMENTO O Departamento de Biologia constitui uma unidade de ensino e investigação fundamental e aplicada, tendo ainda por objectivos o desenvolvimento tecnológico, a prestação de serviços e a efectivação de extensão universitária nos domínios da Biologia. Encontra-se estruturado em 7 Repartições: Biologia Animal, Biologia Vegetal, Biologia Celular e Bioquímica, Bioestatística, Genética e Evolução, Ecologia e Microbiologia.
  3. 3. No chamado Semestre de Transição ocorrido em 2000/2001, realizou- se uma reformulação do curso de Biologia, com o objectivo principal de se proceder a actualização o plano de estudos tendo em conta as novas tendências mundiais das Ciências Biológicas. Neste âmbito, foram criados três ramos de especialização: Biologia Animal, Biologia Vegetal e Microbiologia/Biologia Celular e foram ainda introduzidas disciplinas que nunca tinham feito parte anteriores planos de estudo. Actualmente o curso conta com 49 disciplinas que de acordo com o processo docente-educativo estão organizadas em três tipos de aulas: teóricas, teórico-práticas e práticas (21 disciplinas), sendo esta última de laboratório ou de campo para a maioria das disciplinas do nosso plano curricular. 2.1. Estrutura Física do Departamento Dei-Biologia conta apenas com 4 salas para as aulas teóricas, das quais dois anfiteatros e 2 laboratórios para as aulas práticas. As aulas teóricas do 1º ano, leccionadas no anfiteatro 4.5 com capacidade para 60 estudantes, e as aulas práticas no laboratório de Microbiologia com capacidade para 15 estudantes. 3. CONDIÇÕES DE ACESSO AO CURSO DE LILCENCIATURA EM BIOLOGIA O acesso à matrícula e inscrições para a frequência no 1º ano do Curso de Licenciatura em Biologia é limitado ao número de vagas anualmente fixado (numerus clausus), sendo o seu preenchimento feito a partir do ordenamento resultante das classificações obtidas no exame de acesso. Para o ano lectivo 2013 o numerus clausus de Biologia é de 43 candidatos.
  4. 4. 3.1. Justificação a) O numerus clausus para a admissão de candidatos ao Curso de Licenciatura em Biologia é determinado com base na capacidade do laboratório para as aulas práticas. Dos dois laboratórios existentes no Departamento somente um está disponível para as aulas práticas de Biologia do 1º ano, e tem uma capacidade para acomodar 15 estudantes. b) A turma do 1º ano é subdividida em 5 sub-turmas de aulas práticas cada uma delas com apenas capacidade para 15 estudantes, perfazendo assim um total de 75 estudantes para a frequência do 1º ano. As aulas práticas do 1º ano de biologia são leccionadas no período da tarde de segunda a sexta-feira, uma vez que no período da manhã os dois laboratórios do Departamento são ocupados para as aulas práticas das restantes disciplinas do curso, como se apresenta na tabela abaixo. Tabela 1: distribuição das aulas práticas do curso de biologia PERÍODO LABORATÓRIOS Manhã (de 2ª - 6ª feira) Tarde (de 2ª - 6ª feira) Lab. Microbiologia Práticas das cadeiras do ramo de especialização em Microbiologia e Biologia Animal Práticas de Biologia do 1º ano Lab. Biologia Vegetal Práticas das cadeiras do ramo de especialização em Biologia Vegetal Práticas de Biologia Celular I e II do 2º ano
  5. 5. c) Dos 184 estudantes matriculados no 1º ano de Biologia no ano lectivo 2012/2013, reprovaram à prática 32 estudantes, número este que deverá contar para a formação de 2 sub-turmas de aulas práticas das 5 previstas para o próximo ano lectivo 2013/2014. 3.2. Principais Dificuldades Tendo em conta a especificidade do Curso de Biologia, no que concerne à importância das aulas práticas de laboratório, a não observância no respeito dos numerus clausus submetidos a Direcção Académica da Faculdade, condiciona negativamente e em grande medida o bom funcionamento das actividades lectivas deste Departamento. Neste último ano lectivo o Departamento de Biologia foi surpreendido com número de candidatos admitidos que ultrapassou em mais de 50% o numerus clausus determinado, o que levou à criação inevitável de duas turmas de aulas teóricas, sendo uma em cada período. Esta medida condicionou o bom funcionamento das aulas teóricas e práticas do 1º ano, bem como as aulas práticas dos anos subsequentes, a saber: a) Numa das turmas de aulas teóricas alguns estudantes assistiram as aulas em pé; b) As sub-turmas de aulas práticas laboratoriais foram formadas por mais de 17 estudantes, levando a partilha de um único microscópio por dois ou mais estudantes, comprometendo assim o desenvolvimento do processo de ensino e aprendizagem, desrespeitando as normas de Biossegurança e aumentando o risco de acidentes no laboratório; c) Os 184 estudantes matriculados no presente ano lectivo foram distribuídos por 10 sub-turmas de aulas práticas, 5 no período da manhã e as restantes no período da tarde. Para o funcionamento das sub-turmas de práticas do período da manhã, as aulas de Biologia dos Animais I e II do 3º ano, foram reduzidas a metade e ministradas em 1 hora e meia por cada aula e não tiveram lugar as aulas práticas de Biologia dos Microrganismos também do 3º ano;
  6. 6. d) Tendo em conta o número de estudantes que transitaram para o 2º ano (139) e os reprovados no 2º ano na disciplina de Biologia Celular I (60), prevê-se para o ano lectivo 2013/2014 a formação de duas turmas de aulas teóricas cuja distribuição dos estudantes para a formação das sub-turmas de práticas será impossível, uma vez que o total de estudantes para esta disciplina em 2013 será de 199. 4. CONSIDERAÇÕES Em virtude da exposição feita e porque algumas destas situações prevalecem há já alguns anos, e considerando que as más condições tendem a agravar-se por falta de laboratórios não será possível a alteração do numerus clausus para o próximo ano lectivo nas condições actuais do Departamento. Caso sejam criadas em tempo oportuno as condições propostas pelo Departamento de Biologia com transformação da ex-biblioteca de Biologia em salas de microscopia, conforme orientação do Decano da Faculdade de Ciências, o numerus clausus não poderá ser superior ao apresentado (43). Obs: Em anexo enviamos a acta da reunião de auscultação e a proposta para o ano lectivo 2013, de Outubro e Novembro de 2012 respectivamente. Luanda, aos 17 de Dezembro de 2012 A Chefe de Departamento Interina ___________________________ M.sc Filomena Mateus (Professora Associada)
  7. 7. d) Tendo em conta o número de estudantes que transitaram para o 2º ano (139) e os reprovados no 2º ano na disciplina de Biologia Celular I (60), prevê-se para o ano lectivo 2013/2014 a formação de duas turmas de aulas teóricas cuja distribuição dos estudantes para a formação das sub-turmas de práticas será impossível, uma vez que o total de estudantes para esta disciplina em 2013 será de 199. 4. CONSIDERAÇÕES Em virtude da exposição feita e porque algumas destas situações prevalecem há já alguns anos, e considerando que as más condições tendem a agravar-se por falta de laboratórios não será possível a alteração do numerus clausus para o próximo ano lectivo nas condições actuais do Departamento. Caso sejam criadas em tempo oportuno as condições propostas pelo Departamento de Biologia com transformação da ex-biblioteca de Biologia em salas de microscopia, conforme orientação do Decano da Faculdade de Ciências, o numerus clausus não poderá ser superior ao apresentado (43). Obs: Em anexo enviamos a acta da reunião de auscultação e a proposta para o ano lectivo 2013, de Outubro e Novembro de 2012 respectivamente. Luanda, aos 17 de Dezembro de 2012 A Chefe de Departamento Interina ___________________________ M.sc Filomena Mateus (Professora Associada)

×