Apocalipse - Capítulo 17

365 visualizações

Publicada em

Seminário Bíblico Apocalipse
Apocalipse Capítulo 17

Igreja Batista Central de Jacarepaguá
Pr. Julio Cesar
http://www.ibcjrj.com.br/

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
365
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
19
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apocalipse - Capítulo 17

  1. 1. Apocalipse Capítulo 17 Aula 23
  2. 2. Estamos chegando à reta final do livro de Apocalipse e, conforme veremos, ela nos aproxima ainda mais da segunda vinda de Cristo e de sua vitória triunfal sobre seus inimigos, a saber: o dragão, a besta que sobe do mar, a besta que sobe da terra, os habitantes da terra, a grande meretriz, totalizado em 5 os inimigos de Cristo.
  3. 3. Vamos ainda perceber que os capítulos 17, 18 e 19 formam um bloco dentro deste livro cujos temas se desenvolvem da seguinte forma: 1.Cap. 17: Fala da natureza da grande meretriz. 2. Cap. 18: Fala da Inevitável e completa queda da Babilônia. 3. Cap. 19: Introduz-nos a alegria no céu por conta da vitória completa de Cristo.
  4. 4. No capítulo 17, texto base para nossa aula de hoje, encontramos três quadros. Quero citá-los de desenvolver nossa aula a partir dos mesmos: 1º - Encontramos uma descrição da grande meretriz. 2º Encontramos uma descrição da besta. 3º Encontramos uma descrição da vitória de Cristo e de sua Igreja.
  5. 5. Sobre a grande meretriz. Seis fatos precisam ser mencionados em sua descrição: Em primeiro lugar destaca-se o contraste entre a Noiva do Cordeiro e a meretriz: entre a Nova Jerusalém e a Babilônia. Ouçamos os textos...
  6. 6. A meretriz: 17. 1 E veio um dos sete anjos que tinham as sete taças, e falou comigo, dizendo-me: Vem, mostrar-te- ei a condenação da grande prostituta que está assentada sobre muitas águas. A Nova Jerusalém: 21. 9 E veio a mim um dos sete anjos que tinham as sete taças cheias das últimas sete pragas, e falou comigo, dizendo: Vem, mostrar- te-ei a esposa, a mulher do Cordeiro.
  7. 7. Já vimos em aulas anteriores a grande intenção que satanás tem em imitar a Deus. Essa é mais uma delas que assim como todas as outras fracassarão. Tanto a mulher como a cidade representam o sistema idolátrico de satanás ou a falsa igreja que já tiveram suas derrotas previstas em capítulos anteriores.
  8. 8. Em segundo lugar a grande meretriz é conhecida pela sua influência mundial. Ouçamos o texto: 17. 15 E disse-me: As águas que viste, onde se assenta a prostituta, são povos, e multidões, e nações, e línguas.
  9. 9. Somos tentados a pensarmos em algum povo ou em alguma nação em específico, mas a verdade é que a religião prostituída (representada pela babilônia e pela meretriz) está presente em todas os povos. Onde Deus tem a sua igreja, satanás tem a sua falsa igreja que é mais do que uma cultura sem Deus, mas uma cultura contra Deus e contra os seus.
  10. 10. Em terceiro lugar A grande meretriz é reconhecida pela sua riqueza. Ouçamos o texto: 17. 4 E a mulher estava vestida de púrpura e de escarlate, e adornada com ouro, e pedras preciosas e pérolas; e tinha na sua mão um cálice de ouro...
  11. 11. Esse dado dificulta ainda mais o pensar em alguma realidade em específico porque está é característica mundial. O mundo é assim, pois sustenta-se na ostentação de sua ‘riqueza’, do seu ‘luxo’ e de toda sua ‘glória’. Permitam-me a citação de Martyn Jones falando sobre este tema...
  12. 12. “Pensem no mundo, pensem no mundanismo, vejam-no nas ruas de qualquer cidade grande. Vejam-no nos assim chamados informes da sociedade e em particular, e então, uma vez feito isso, venham e leiam estes capítulos reveladores. Vejam o adorno, a riqueza, a luxúria, a própria devassidão do mundo; vejam a ostentação de si mesmo e de seus grandes homens e mulheres...
  13. 13. ...Eis toda sedução do mundo, o resultado da ação da grande meretriz que chama e atrai reis, príncipes, ricos mercadores e igualmente pessoas comuns. É-nos fornecido um quadro perfeito do mundo à parte de Cristo, blasonando de sua riqueza, blasonando de sua alimentação, de seus banquetes, de seus carros...
  14. 14. ...de seu equipamento, de seu vestuário e de toda sua beleza e sua glória. Mas logo em seguida leiam o que lhes acontecerá. Leiam como será destruído total e absolutamente. Oh, se ao menos compreendêssemos esse ensino, jamais nos sentiríamos tentados outra vez pelo mundanismo.”
  15. 15. Em quarto lugar a grande meretriz é conhecida pela sua sedução. Ouçamos o texto: 17. 2 e 5b Com a qual se prostituíram os reis da terra; e os que habitam na terra se embebedaram com o vinho da sua prostituição... a grande Babilônia, a mãe das prostituições e abominações da terra.
  16. 16. Ela é acolhedora, recebe de reis até o mais simples habitante da terra, por isso, atrai multidões. Mas também porque não há limites suas alianças são inescrupulosas. Ela é o ápice dos encantos, é o mundo visto pelos desejos da carne, dos olhos e pela soberba da vida. É o copo de ouro, mas, dentro, há devassidão e morte.
  17. 17. Em quinto lugar A grande meretriz é conhecida pelo sua violência. Ouçamos o texto: 17. 6 E vi que a mulher estava embriagada do sangue dos santos, e do sangue das testemunhas de Jesus. E, vendo-a eu, maravilhei-me com grande admiração.
  18. 18. Estas são suas ações: sedução e perseguição. Ela atrai e destrói. Ela seduz e mata. Por isso, a meretriz ou a grande babilônia pode ser identificada como aquela ou aquilo que sempre se opõe à noiva do Cordeiro em toda sua história.
  19. 19. Em sexto lugar A grande meretriz está associada com a besta. Ouçamos o texto: 17. 3 E levou-me em espírito a um deserto, e vi uma mulher assentada sobre uma besta de cor de escarlata, que estava cheia de nomes de blasfêmia, e tinha sete cabeças e dez chifres.
  20. 20. Assim se dará sua aliança, assim se formará o exército da besta, assim se estabelecerá o seu séquito sobre a terra. No entanto, no fim, a própria besta se voltará contra seus seguidores e os destruirá. Ouçamos o texto:
  21. 21. 17. 15 E disse-me: As águas que viste, onde se assenta a prostituta, são povos, e multidões, e nações, e línguas. 16 E os dez chifres que viste na besta são os que odiarão a prostituta, e a colocarão desolada e nua, e comerão a sua carne, e a queimarão no fogo.
  22. 22. Repito, a besta se voltará contra a meretriz para destruí-la. É uma espécie de caos no reino da besta. Uma guerra civil e o mundo se autodestruirá pois o seu sistema entrará em colapso. Assim, o mundo em discórdia contra o Cordeiro, cai em discórdia contra si mesmo. O que nos traz à lembrança as palavras do próprio Cristo:
  23. 23. "E, se também satanás está dividido contra si mesmo, como subsistirá o seu reino? Pois dizeis que eu expulso os demônios por Belzebu." (Lucas 11:18) Esse dia chegará! E assim entendemos que a soberania de Deus domina até sobre seus inimigos, para os derrotar!
  24. 24. Deste modo chegamos à descrição da vitória de Cristo e de sua Igreja. Ouçamos o texto: 17. 8 A besta que viste foi e já não é, e há de subir do abismo, e irá à perdição; e os que habitam na terra (cujos nomes não estão escritos no livro da vida, desde a fundação do mundo) se admirarão, vendo a besta que era e já não é, mas que virá.
  25. 25. 17.14 Estes combaterão contra o Cordeiro, e o Cordeiro os vencerá, porque é o Senhor dos senhores e o Rei dos reis; vencerão os que estão com ele, chamados, e eleitos, e fiéis.
  26. 26. A vitória de Cristo é devida ao seu sacrifício – Ele é o Cordeiro. 17. 14 Estes combaterão contra o Cordeiro, e o Cordeiro os vencerá,...
  27. 27. A vitória de Cristo é devida à sua posição – Ele é o Rei dos reis. ...os vencerá, porque é o Senhor dos senhores e o Rei dos reis;
  28. 28. A vitória de Cristo é completa! João vê o fim da besta, o fim do dragão, o fim da babilônia, o fim da meretriz, o fim dos dez reis, o fim do falso profeta, o fim do anticristo. Mas, João, igualmente vê, que a Igreja vencerá junto com o Cordeiro. Diz o texto:
  29. 29. 17.14b: ...vencerão os que estão com Ele, chamados, e eleitos, e fiéis. Pois aqueles cujos nomes estão escritos no livro da vida enfrentarão tanto a sedução do mundo como a sua violência e sairão vitoriosos. Sejamos contados dentre os tais! Deus nos abençoe!

×