1

www.autoresespiritasclassicos.com
Testamento de Dan
Da raiva e da mentira

Capítulo 1
1 Transcrição das palavras que Da...
2

quando foi vendido, pois o nosso pai amava mais a ele do que a nós. O
espírito do ciúme e do orgulho falava em mim: 'Tu...
3

pensamento causando amargo prejuízo; leva a sua alma ao desvario pela
enorme cólera. Se alguém disser alguma palavra co...
4

as pragas do Egito e todas as maldades dos pagãos. Mas quando volverdes
novamente para o Senhor, encontrareis misericór...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Evangelhos apócrifos testamento de dan

436 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
436
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Evangelhos apócrifos testamento de dan

  1. 1. 1 www.autoresespiritasclassicos.com Testamento de Dan Da raiva e da mentira Capítulo 1 1 Transcrição das palavras que Dan disse aos seus filhos, nos últimos dias da sua vida. No seu centésimo vigésimo quinto ano de vida, chamou sua família para junto de si, e falou: "Escutai as minhas palavras, filhos de Dan! Ficai atentos ao que pronuncia a boca do vosso pai! Experimentei em meu coração, durante toda a minha vida, que o trato honesto da Verdade é algo agradável aos olhos de Deus e do Seu beneplácito; a mentira, porém, e a raiva são más e conduzem os homens a toda espécie de perversidade. 2 "Meus filhos! Declaro-vos hoje: Eu me alegrava em meu coração com a morte de José, e no entanto ele era um homem bom e veraz. Alegrei-me
  2. 2. 2 quando foi vendido, pois o nosso pai amava mais a ele do que a nós. O espírito do ciúme e do orgulho falava em mim: 'Tu também és seu filho'. 3 "E um espírito de Belial sussurrou-me dizendo: `Toma tua espada e mata José! Estando ele morto, o teu pai te amará'. Era o espírito do rancor; procurava induzir-me a despedaçar José, como faz o leopardo com o cabritinho. Entretanto, o Deus dos meus Pais não permitiu que eu lançasse a mão nele; nunca o encontrava só, e assim não pude matá-lo. Do contrário, ter-se-ia extinguido uma das doze tribos de Israel. Capítulo 2 1 "Agora, meus filhos, eu vou morrer. Digo-vos em verdade: Se vos não guardardes do espírito da mentira e da raiva, e se não amardes a Verdade e a magnanimidade, perecereis. O rancor é cegueira, meus filhos. Um homem raivoso não encara nenhuma face de modo verdadeiro. Mesmo que se trate do pai ou da mãe, vê-os como inimigos; em sendo um irmão, ignora-o. Sendo um profeta do Senhor, não o escuta; sendo um justo, desconsidera-o; sendo um amigo, não o reconhece. 2 "O espírito da ira lança sobre ele a rede do erro e cega-lhe os olhos. Obscurece-lhe o senso através da mentira e dá-lhe um modo peculiar de ver. O que deforma o seu olhar? O ódio do coração. Inveja o seu irmão. Capítulo 3 1 "A raiva é péssima, meus filhos, e passa a ser a alma da própria alma. Apodera-se do corpo, domina a alma. Confere ao corpo particular energia para toda ação má. Perpetrada pelo corpo a ação má, a alma a justifica, por não tê-la encarado da maneira justa. 2 "Se o homem raivoso for abastado, exerce uma força tríplice por meio da sua ira. Primeiro, pelo auxílio dos seus ser-vos; segundo, pela sua riqueza, através da qual persuade e faz triunfar a injustiça; e terceiro, pela força corporal, através da qual pratica a maldade. 3 "Se o homem raivoso for fraco, detém todavia sempre um duplo poder; a raiva assiste-o sempre numa intenção perversa. E esse espírito, mediante a mentira, coloca-se sempre à direita de Satanás; e assim os seus atos são praticados sempre no equívoco e na mentira. Capítulo 4 1 "Sabei que o poder da ira é pérfido. De início, ele aguilhoa através de uma palavra; por meio de atos enrijece o pescoço do raivoso, turba-lhe o
  3. 3. 3 pensamento causando amargo prejuízo; leva a sua alma ao desvario pela enorme cólera. Se alguém disser alguma palavra contra vós, não vos deixeis dominar pela ira! Se alguém elogiar a vossa piedade, não vos exalteis! Não vos deixeis afetar nem pelo prazer, nem pelo desprazer! 2 "O homem irritadiço começa por divertir-se com o que ouve, mas logo aguça a mente no intuito de descobrir a zombaria. Depois fica bravo e julga enfurecer-se com razão. Mesmo quando sofreis prejuízo e dano, meus filhos, não vos deixeis abalar! O espírito do raivoso faz com que se apegue ao que é passageiro; e, ao perdê-lo, se enfurece. 3 "Ao enfrentardes um prejuízo, seja de espontânea vontade, seja contra a vontade, não fiqueis perturbados. Do amargor nascem a raiva e a mentira. A raiva e a mentira constituem duas desgraças; associam-se para transtornar os corações. Se uma alma estiver constantemente exaltada, o Senhor se afasta dela e Belial será o seu rei. Capítulo 5 1 "Observai os Mandamentos do Senhor, meus filhos! Segui a sua Lei! Desfazei-vos da ira! Odiai a mentira! Então o Senhor habitará em vós, e Belial fugirá. Dizei somente a verdade entre vós! Então não caireis na raiva e na sublevação. Sede pacíficos, e que o Deus da paz habite convosco. Então nenhum inimigo vos vencerá. Amai ao Senhor por toda a vossa vida, com um coração verdadeiramente sincero! 2 "Eu sei: Nos tempos derradeiros ocorrerá o vosso afastamento de Deus, irritareis Levi e levantar-vos-eis contra Judá. Mas não haverá de prevalecer. Um Anjo do Senhor guia a ambos; por eles subsiste Israel. Ao afastar-vos do Senhor, caireis em toda sorte de iniqüidades, praticareis as atrocidades dos pagãos e deitar-vos-eis com as mulheres dos celerados. E assim os espíritos da sedução estarão em ação entre vós, em todas as vossas perversidades. 3 "Eu li no livro de Enoque, o Justo, que o vosso príncipe será Satanás, e que os espíritos da luxúria e da arrogância conspiram para atentar constantemente contra os filhos de Levi, a fim de levá-los ao pecado diante do Senhor. Os meus filhos igualmente aproximar-se-ão dos filhos de Levi, para juntamente pecar com eles. E os filhos de Judá serão cobiçosos e avançarão sobre a propriedade alheia como leões. 4 "Por isso, sereis arrastados com eles ao cativeiro, e lá sofrereis todas
  4. 4. 4 as pragas do Egito e todas as maldades dos pagãos. Mas quando volverdes novamente para o Senhor, encontrareis misericórdia; Ele vos reconduzirá ao seu Santuário e vos dará a paz. Das estirpes de Judá e Levi vos advirá a Salvação do Senhor; Ele mesmo subjugará Belial, e tomará vingança eterna dos inimigos. Ele resgata de Belial os que estavam presos (as almas dos santos), reconduz ao Senhor os corações desgarrados, concede a paz eterna àqueles que O invocam. 5 "Os Santos repousam no Éden e os justos se rejubilam por causa de Jerusalém, a nova Jerusalém, e esta constituirá a Glória de Deus para sempre. Jerusalém não será mais devastada, nem Israel feito prisioneiro. O Senhor habita nela e caminha entre os homens e o mais Santo de Israel será o rei deles em humildade e pobreza; e quem nele Ele confia, será verdadeiramente rei no céu. Capítulo 6 1 "Assim, meus filhos, temei o Senhor! E guardai-vos de Satã e dos seus espíritos! E aproximai-vos de Deus e do seu Anjo intercessor! Ele é o intermediário entre Deus e os homens. E a bem da paz de Israel, ele enfrenta o reino do Inimigo. O Inimigo recorre a todas as forças para fazer com que caiam os que invocam o Senhor. 2 "Ele sabe que o reino do Inimigo cessará no dia em que Israel fizer penitência. O Anjo da paz fortalece Israel, para que não venha a cair na pior desgraça. E mesmo Israel continuando na impiedade, ainda assim o Senhor não o abando-na; o Anjo convertê-lo-á num povo que cumprirá a Sua vontade; assim, nenhum Anjo se lhe compara. O seu nome estará presente em todos os lugares de Israel, bem como entre os pagãos. 3 "Guardai-vos, meus filhos, de toda obra má, lançai para longe de vós a raiva e a mentira, e amai a Verdade e a paciência! O que ouvis do vosso pai, transmiti-o aos vossos filhos, para que o Salvador dos gentios vos acolha. Ele é verdadeiro, paciente, humilde e suave; ensina a Lei de Deus por meio das suas obras. Afastai-vos de toda e qualquer iniqüidade e permanecei firmes na justiça de Deus! Então a vossa estirpe será salva para sempre. Sepultai-me na proximidade dos meus Pais." Fim

×