Gêneros da Pintura 2C15

13.107 visualizações

Publicada em

Trabalho de artes sobre Gêneros da Pintura

0 comentários
6 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
13.107
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
860
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
6
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Gêneros da Pintura 2C15

  1. 1. INTRODUÇÃO<br /><ul><li>A pintura refere-se genericamente à técnica de aplicar pigmento </li></ul>em forma líquida a uma superfície, <br />a fim de colori-la, atribuindo-lhe matizes, tons e texturas.<br />
  2. 2. História<br /><ul><li>A pintura acompanha o ser humano por toda a sua história. Foi uma das principais formas de representação dos povos medievais, do Renascimento até o século XX.</li></li></ul><li>
  3. 3. FOTOGRAFIA<br />
  4. 4. <ul><li>Várias formas de reprodução técnica surgiram nesse século, como o vídeo, criando gravuras, colagens e diversos avanços na produção gráfica.</li></li></ul><li>COR<br /><ul><li>O elemento fundamental da pintura é a cor.</li></li></ul><li> Kenneth Noland, Renoir, Roy Liechtenstein.<br />
  5. 5. Ensor Goya<br />
  6. 6. <ul><li>A pintura a óleo é considerada por muitos como um dos artísticos tradicionais mais importantes. Muitas das obras de arte mais importantes do mundo, tais como a Monalisa, são pinturas a óleo.</li></li></ul><li>PINTURA FIGURATIVA<br /><ul><li>Quando o artista pretende reproduzir em seu quadro uma realidade que lhe é familiar, como sua realidade natural e interna, a pintura é essencialmente a representação de um tema. </li></li></ul><li>Conjunto de cores e luz.<br />Auto – retrato Portinari.<br />Vincent Van Gogh. <br />Christian Schad.<br />
  7. 7. <ul><li>A partir das pesquisas de Paul Cézanne, os artistas começaram a perceber que era possível lidar com realidades que não necessariamente as externas.
  8. 8. Com o aprofundamento destas pesquisas, Wassily Kandinsky chegou à abstração total em 1917.</li></li></ul><li>PINTURA ABSTRATA<br /><ul><li>A pintura Abstrata não procura retratar objetos ou paisagens, pois está inserida em uma realidade própria. Pode ser construída, manifestando-se em uma realidade concreta porém artificial. (Esta foi a abordagem dos construtivistas).</li></li></ul><li><ul><li>Já os expressionistas abstratos, como Jackson Pollock, não construíram a realidade, mas encontravam-na ao acaso.</li></li></ul><li>Técnicas<br /><ul><li>A escolha dos materiais e técnicas adequadas está diretamente ligada ao resultado desejado para o trabalho e como se pretende que ele seja entendido.</li></li></ul><li>Suportes<br />Materiais<br />
  9. 9. Gêneros<br /><ul><li>Natureza-morta
  10. 10. Retrato
  11. 11. Auto-retrato
  12. 12. Pintura de gênero
  13. 13. Paisagem
  14. 14. Ícone</li></li></ul><li>Natureza-morta<br /><ul><li>É um gênero de pintura em que se representa seres inanimados.</li></li></ul><li>Retrato<br /><ul><li>É uma pintura, fotografia ou outra representação artística de uma pessoa.</li></li></ul><li>Auto-retrato<br /><ul><li>Um retrato que o artista faz de si mesmo.</li></li></ul><li>Pintura de Gênero<br /><ul><li>Um estilo sóbrio, realista, comprometido com a descrição de cenas rotineiras.</li></li></ul><li>Paisagem<br /><ul><li>Considera-se como resultado material de todos os processos (naturais e sociais), que ocorrem em um determinado espaço.</li></li></ul><li>Ícone<br /><ul><li>É a representação da imagem cristã descrita por palavras nos Evangelhos.</li>

×