Futurismo
<ul><li>O primeiro manifesto foi publicado no Le Fígaro de Paris, em 22/02/1909, e nele, o poeta italiano Marinetti, dizen...
 
Nu descendo uma escada de Marcel Duchamp e est á  no Philadelpia Museum of Art.
 
 
<ul><li>GIACOMO BALLA  , pintor italiano, tentou endeusar os novos avanços científicos e técnicos por meio de representaçõ...
<ul><li>Carlo Carra assinou o Primeiro Manifesto Futurista, publicado no jornal Le Figaro. Nessa época iniciou seus primei...
<ul><li>UMBERTO BOCCIONI, sua obra se manteve sob a influência do cubismo, mas incorporando os conceitos de dinamismo e si...
<ul><li>O movimento colabora para desencadear o modernismo, que dominou as artes após a Semana de Arte Moderna de 1922. Os...
 
 
<ul><li>Inaugurada em 24 de dezembro de 1905, a Pinacoteca do Estado de São Paulo é o museu mais antigo da cidade e um dos...
<ul><li>Durante as primeiras décadas de sua existência, a Pinacoteca enriquecia seu acervo com artes brasileiras do século...
<ul><li>Tem a maior coleção de obras de Almeida Júnior. Conta também com a natureza-morta de Pedro Alexandrino, que conta ...
Almeida Júnior (1850-1899).  Caipira picando fumo , 1893. Óleo sobre tela, 70 x 50 cm. Almeida Júnior (1850-1899).  Saudad...
Almeida Júnior (1850-1899).  Leitura , 1892. Óleo sobre tela, 95 X 141 cm. Pedro Alexandrino (1856-1942).  Aspargos,  1911...
Clayton Isabela Thiago Júlio Matheus 2C26 2011
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

2C26_Futurismo_Pinacoteca SP_2011

2.568 visualizações

Publicada em

Futurismo e Pinacoteca do Estado de S.Paulo

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.568
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.144
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
39
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

2C26_Futurismo_Pinacoteca SP_2011

  1. 1. Futurismo
  2. 2. <ul><li>O primeiro manifesto foi publicado no Le Fígaro de Paris, em 22/02/1909, e nele, o poeta italiano Marinetti, dizendo que &quot;o esplendor do mundo enriqueceu-se com uma nova beleza: a beleza da velocidade. Um automóvel de carreira é mais belo que a Vitória de Samotrácia&quot;. </li></ul>propaganda sarau futurista
  3. 4. Nu descendo uma escada de Marcel Duchamp e est á no Philadelpia Museum of Art.
  4. 7. <ul><li>GIACOMO BALLA , pintor italiano, tentou endeusar os novos avanços científicos e técnicos por meio de representações totalmente desnaturalizadas, embora sem chegar a uma total abstração.Mesmo assim, mostrou grande preocupação com o dinamismo das formas, com a situação da luz e a integração do espectro cromático. </li></ul><ul><li>Os futuristas saúdam a era moderna, aderindo entusiasticamente à máquina. Para Balla, “é mais belo um ferro elétrico que uma escultura”. </li></ul>Giacomo Balla - Árvores mutiladas - (1918; coleção Gianni Mattiolo, Milão).
  5. 8. <ul><li>Carlo Carra assinou o Primeiro Manifesto Futurista, publicado no jornal Le Figaro. Nessa época iniciou seus primeiros estudos e esboços de Ritmo dos Objetos e Trens, por definição suas obras mais futuristas. Entrou em contato com Apollinaire, Modigliani e Picasso. A partir desse momento começaram a aparecer as referências cubistas em suas obras. </li></ul>
  6. 9. <ul><li>UMBERTO BOCCIONI, sua obra se manteve sob a influência do cubismo, mas incorporando os conceitos de dinamismo e simultaneidade: formas e espaços que se movem ao mesmo tempo e em direções contrárias. </li></ul>
  7. 10. <ul><li>O movimento colabora para desencadear o modernismo, que dominou as artes após a Semana de Arte Moderna de 1922. Os modernistas usam algumas das técnicas do futurismo e discutem suas idéias, mas rejeitam o rótulo, identificado com o fascista Marinetti. </li></ul>
  8. 13. <ul><li>Inaugurada em 24 de dezembro de 1905, a Pinacoteca do Estado de São Paulo é o museu mais antigo da cidade e um dos mais importantes do país. Seu acervo consistia em 26 pinturas de importantes artistas que atuaram na cidade, oriundos do Museu Paulista. Nos seus primeiros anos, ocupava uma única sala do terceiro piso do Liceu de Artes e Ofício de São Paulo, e se tornou um órgão autônomo em 1911. </li></ul>
  9. 14. <ul><li>Durante as primeiras décadas de sua existência, a Pinacoteca enriquecia seu acervo com artes brasileiras do século XIX, mas a partir de 1970 este critério começou a mudar, pois a escolha de obras passou a ser feito pelo Conselho de Orientação da Pinacoteca. </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><li>Com o enriquecimento do acervo e adequações as condições museológicas de excelência, hoje a Pinacoteca é um museu de referência internacional. Com seu acervo fixo que conta com mais de 8 mil obras e exposições das mais variadas artes, de longa e curta duração, este museu abrange principalmente a arte brasileira do século XIX e XX. </li></ul>
  10. 15. <ul><li>Tem a maior coleção de obras de Almeida Júnior. Conta também com a natureza-morta de Pedro Alexandrino, que conta com uma sala inteira. </li></ul>Pedro Alexandrino (1856-1942). Cozinha na Roça, 1894. Óleo sobre tela, 131 X 110 cm.
  11. 16. Almeida Júnior (1850-1899). Caipira picando fumo , 1893. Óleo sobre tela, 70 x 50 cm. Almeida Júnior (1850-1899). Saudade, 1899. Óleo sobre tela, 197 X 101 cm.
  12. 17. Almeida Júnior (1850-1899). Leitura , 1892. Óleo sobre tela, 95 X 141 cm. Pedro Alexandrino (1856-1942). Aspargos, 1911. Óleo sobre tela, 100 X 137,5 cm.
  13. 18. Clayton Isabela Thiago Júlio Matheus 2C26 2011

×