Generalização doParticular
 A primeira base teórica do conceito foi elaborada por SergeMoscovici em 1961. Ele utilizou estudos na área de psicanáli...
 A representação social é um recurso muitoimportante para se viver em sociedade, isso porqueela engloba explicações, ide...
 As representações sociais têm como uma de suasfinalidades tornar familiar algo não familiar, isto é,classificar, catego...
 As representações que fabricamos – de uma teoriacientífica, de uma nação, de um objeto, etc. – sãosempre o resultado de...
Generalizaçãodo particularTrata o específicocomo exemplo de umfenômeno geral.Todos os alunos (as)de uma determinadaturma ...
 Também chamada de indução, consiste em afirmaracerca de todos, aquilo que foi possível observar emalguns. Ou seja, atra...
 Na pesquisa científica, a generalização é muito fecunda:permite passar-se da observação de alguns casos particularespar...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Representação social e Generalização do Particular

3.010 visualizações

Publicada em

Trabalho destinado a área de Filosofia

  • Seja o primeiro a comentar

Representação social e Generalização do Particular

  1. 1. Generalização doParticular
  2. 2.  A primeira base teórica do conceito foi elaborada por SergeMoscovici em 1961. Ele utilizou estudos na área de psicanálisepara chegar as suas conclusões. Para entender as relaçõeshumanas, é necessário fazer uma análise do coletivo,verificando assim a troca de conhecimentos que a representaçãosocial é capaz de promover dentro do grupo. Moscovici ainda afirmou nos seus estudos que existem duasformas de representação social, a ancoragem e a objetivação. Aprimeira faz referência às ideias abstratas que ganham umformato real, já a segunda desenvolve novas imagens de umassunto e é propicia a criação de novos conceitos a partir de umassunto. É válido lembrar que o estudo da Representação socialse mostra importante para compreender o avanço da sociedadee o comportamento do individuo inserido num grupo.Representação Social -Surgimento
  3. 3.  A representação social é um recurso muitoimportante para se viver em sociedade, isso porqueela engloba explicações, ideias e manifestaçõesculturais que caracterizam um determinado grupo.A representação acontece a partir da interação dosindivíduos e apesar do homem viver em umambiente, ele não perde os atributos típicos de suapersonalidade.Conceito
  4. 4.  As representações sociais têm como uma de suasfinalidades tornar familiar algo não familiar, isto é,classificar, categorizar e nomear novosacontecimentos e ideias com as quais não tínhamostido contato anteriormente, possibilitando, assim, acompreensão e manipulação desses novosacontecimentos a partir de ideias, valores e teoriaspreexistentes e internalizados por nós e amplamenteaceitas pela sociedade.
  5. 5.  As representações que fabricamos – de uma teoriacientífica, de uma nação, de um objeto, etc. – sãosempre o resultado de um esforço constante detornar real algo que é incomum (não familiar), ouque nos dá um sentimento de não familiaridade.Através delas, superamos o problema e o integramosem nosso mundo mental e físico, que é, com isso,enriquecido e transformado. Depois de uma série deajustamentos, o que estava longe, parece ao alcancede nossa mão; o que era abstrato torna-se concreto equase normal
  6. 6. Generalizaçãodo particularTrata o específicocomo exemplo de umfenômeno geral.Todos os alunos (as)de uma determinadaturma são iguaisGeneralização do Particular
  7. 7.  Também chamada de indução, consiste em afirmaracerca de todos, aquilo que foi possível observar emalguns. Ou seja, através de uma amostra definimos umateoria genérica, incluindo elementos que não faziam partedessa amostra/estudo. A indução faz a generalização, istoé, cria proposições universais a partir de proposiçõesparticulares. É, portanto, uma forma de raciocínio poucocredível e muito mais susceptível de refutação. Estaoperação mental foi desenvolvida por Aristóteles. Exemplo: Pedro joga basquete e é alto. Portanto todo jogador de basquete é alto.
  8. 8.  Na pesquisa científica, a generalização é muito fecunda:permite passar-se da observação de alguns casos particularespara uma hipótese enunciando uma lei universal.Entretanto, deve-se evitar generalizações precipitadas: ageneralização deve ser verificada pela aplicação em maiornúmero de casos particulares. Rigorosamente, distingue-se a “ideia geral” (obtida a partir decasos particulares) do “conceito universal” (cuja origem não éempírica, mas racional): Max Scheler, por exemplo, conta quesaindo o Buda do palácio de seu pai, onde nunca tinha visto ador ou o sofrimento humano, e vendo um morto (sobre umúnico caso particular) o conceito universal damorte apresentou-se a seu espírito, a morte como fenômenohumano universal. A ideia geral é o resultado de uma abstração; o conceitouniversal, o objeto de uma intuição.

×