Seleção de livros - Formação de lideranças

1.334 visualizações

Publicada em

50 livros que mudaram o mundo dos negócios!

Publicada em: Educação
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.334
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
35
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Seleção de livros - Formação de lideranças

  1. 1. Livros com mudanças inspiradoras Seleção de obras que transformaram a gestão mundial
  2. 2. O que temos pra hoje: O poeta brasileiro Mário Quintana disse certa vez que livros não mudam o mundo, porque quem muda o mundo são pessoas, mas livros mudam pessoas... Aqui fizemos um apanhado de livros que inspiraram algumas lideranças do MEJ a alcançar grandes resultados em suas EJ’s e instâncias. O mais importante é captar a mensagem central do livro e tentar adaptar à realidade de sua EJ.
  3. 3. O que temos pra hoje: Dividimos em 4 áreas de conhecimento que passeiam por: alta gerência, liderança, estratégia, marketing e vendas, inovação e criatividade, gestão de pessoas, desenvolvimento pessoal, tendências e biografias. Alta gerência Liderança Estratégia Marketing e vendas Inovação e criatividade Gestão de pessoas Desenvolvimento pessoal Biografias
  4. 4. 1 - A arte da guerra - Sun Tzu: Referência para a negociação e a solução de conflitos, inclui lições como a de antecipar movimentos alheios, com um alerta: não basta, antes de agir, pensar em como o outro reagirá, pois ele fará o mesmo. É preciso imaginar também como ele pensa e como vamos agir. Muitos gestores ainda não fazem isso, seja com concorrentes, seja com clientes, colaboradores, parceiros, acionistas etc.
  5. 5. 2 - A arte da inovação - Tom Kelley: Ideias e experiências sobre inovação com base no design thinking, o pensamento do design, contadas por um dos gestores da Ideo, referência mundial na área.
  6. 6. 3 - A Arte da Possibilidade - Rosamund e Benjamin Zander: Como obstáculos viram oportunidades.
  7. 7. 4 - A Arte de Fazer Acontecer - David Allen: A produtividade é diretamente proporcional à capacidade de conter o estresse.
  8. 8. 5 - A Disciplina dos Líderes de Mercado - Michael Treacy e Fred Wiersema: Diz que as empresas de sucesso escolhem apenas uma “disciplina de valor” (excelência operacional, liderança de produto ou intimidade com o cliente) e se desenvolvem a partir desse pilar.
  9. 9. 6 - A Estratégia do Oceano Azul - W. Chan Kim e Renée Mauborgne: Distancie-se do oceano vermelho da concorrência sangrenta para apostar na inovação que gera um mar inexplorado, e azul, entre os consumidores.
  10. 10. 7 - A Execução Premium - Robert Kaplan ; David Norton: As empresas usuárias de sistemas formais para a execução consistente da estratégia superam o desempenho das concorrentes. Esse livro fornece o elo há tanto tempo procurado entre planejamento e execução, e o equilíbrio das tensões entre eles."
  11. 11. 8 - A Imaginação do Marketing - Theodore Levitt: A diferenciação de produtos é uma das principais atividades da organização que quer atingir seu propósito. Como, em sua essência, todo produto tende a se converter em commodity, é preciso buscar as dimensões expandidas do produto. Surge o conceito de “produto total”, com os quatro “anéis de Levitt”: produto genérico, produto esperado, produto duto potencial.
  12. 12. 9 - A Quinta Disciplina - Peter M. Senge: Racionalizando como as empresas podem tornar-se inteligentes – repletas de informações– e estar abertas ao aprendizado, para superar dificuldades, identificar riscos e descobrir oportunidades, esse livro sugere que incorporem cinco disciplinas: domínio pessoal, modelos mentais, visão compartilhada, trabalho em equipe e pensamento sistêmico. O domínio pessoal, por exemplo, tem a ver com a autoconsciência de cada um e o desenvolvimento de suas capacidades."
  13. 13. 10 - A Sabedoria das Multidões - James Surowiecki: Como funciona a “inteligência coletiva”?
  14. 14. 11 - Administrative Behavior - Herbert Simon: Que tal enxergar a organização como um sistema de decisões do qual as pessoas participam de maneira racional, porém manifestando valores e objetivos pessoais, que devem ser identificados, compreendidos e estimulados?
  15. 15. 12 - Além das Fronteiras do Core Business - Chris Zook: Quando a atividade central já não permite crescer com rentabilidade, Chris Zook propõe uma estratégia de expansão baseada nos movimentos laterais – seja por meio de linhas de produtos ou de canais de distribuição novos.
  16. 16. 13 - As bem-aventuranças do líder: A jornada do herói - Robson Santarém: Autorreflexão, autodescoberta e autoconhecimento, estas são algumas formas de definir o processo de conhecimento e liderança interna.
  17. 17. 14 - Como a Colaboração em Massa pode mudar o Seu Negócio - Don Tapscott e Anthony D. Williams: Explora a “economia wiki”, que permite às empresas aprimorar seu desempenho a partir das contribuições externas, e avalia novos modelos de produção.
  18. 18. 15 - Como Chegar ao Sim - Roger Fisher, William Ury e Bruce Patton: Lança a metodologia de negociação, com regras claras, como a de separar pessoas e problemas e a de focar interesses em vez de posições. Ensina a ter sempre uma BATNA, sigla em inglês que significa “melhor alternativa a um acordo”.
  19. 19. 16 - Como Fazer Amigos e Influenciar Pessoas - Dale Carnegie: Este livro é considerado uma das principais obras do gênero. Receba valiosas dicas tanto na vida profissional quanto na pessoal.
  20. 20. 17 - Competindo pelo Futuro - Gary Hamel e C.K. Prahalad: A busca da competitividade se divide, basicamente, em frentes: a reestruturação do portfólio de produtos e serviços, a reengenharia de processos e melhoria contínua, e a reinvenção dos setores e regeneração das estratégias. É dessa terceira frente que o livro trata e isso passa por ela criar um novo espaço de competição. As competências essenciais são importantes para isso.
  21. 21. 18 - Construindo Marcas Fortes - David A. Aaker: São quatro os ativos da marca (awareness, qualidade percebida, lealdade e associação) e quatro suas perspectivas (produto, pessoa, organização e símbolo). Saiba alavancá- los.
  22. 22. 19 - Corporate Strategy - Igor Ansoff (Palgrave MacMillan): Apresenta um modelo de planejamento estratégico baseado no que ficou conhecido como “matriz de Ansoff”, um instrumento bastante útil para identificar oportunidades de crescimento e de diversificação. Cruzando duas dimensões, produtos e mercados, e dicotomizando-as entre novos e existentes, chega-se a estratégias potenciais em quatro quadrantes: aumentar a penetração de um mesmo produto em um mesmo mercado, desenvolver um mercado novo para um produto existente, desenvolver um produto novo em um mercado existente, ou diversificar, trabalhando com produto e mercado novos, que é a mais arriscada das estratégias.
  23. 23. 20 - Descobrindo a Essência do Negócio - Leonard Berry: Para se diferenciar da concorrência com serviços, é essencial fazer com que os valores corporativos sejam incorporados todos os colaboradores.
  24. 24. "21 - Dobre Seus Lucros - Bob Fifer: Você acredita que a sua empresa já gera todo o lucro de que é capaz? Acha que reduzir energicamente custos e maximizar lucros significa sacrificar o moral dos funcionários e o valor da sua empresa? Então prepare-se para uma revelação chocante. Nas poucas horas necessárias para ler este livro, você descobrirá que pode, de forma fácil e rápida, dobrar seus lucros e ao mesmo tempo potencializar o ânimo, o dinamismo e o valor da sua empresa. "
  25. 25. 22 - Encantamento - A Arte De Modificar Corações, Mentes E Ações - Guy Kawasaki: O Encantamento, não envolve a manipulação das pessoas, mas sim a transformação de situações e relacionamentos. Converte a hostilidade em civilidade e a civilidade em afinidade. É responsável por converter os céticos e os cínicos em adeptos e os indecisos em partidários fiéis...
  26. 26. 23 - Estatégia Competitiva - Michael Porter: Esse livro muda a prática da estratégia das empresas, propondo o modelo de cinco forças de competição (poder de barganha dos fornecedores, ameaça de produtos substitutos, poder de barganha dos clientes, ameaça de novos entrantes e rivalidade entre concorrentes). Entendê-las é fundamental para uma estratégia lucrativa.
  27. 27. 24 - Execução – A Disciplina para Atingir Resultados - Larry Bossidy e Ram Charan: É a qualidade da execução que determina o sucesso de uma estratégia. Os três pontos-chave destacados pelos autores são: disciplina (que inclui, entre outras coisas, explicitamente ligar a estratégia às operações e às pessoas), liderança (a execução é a maior tarefa do líder) e cultura (a cultura corporativa deve estar imbuída da execução). Eles dividem a capacidade de executivos em blocos construtivos, mencionam os três processos centrais (de pessoas, de operações e de estratégia) e também sete comportamentos fundamentais dos líderes, como o de definir poucas prioridades. Como conseguir que as pessoas certas estejam nos lugares certos é algo esmiuçado nesse livro.
  28. 28. 25 - Faça Como Steve Jobs - Carmine Gallo: Esclarece o magnetismo do líder mais admirado do mundo (para alguns), destrinchando cada momento de suas apresentações em técnicas simples que você pode aplicar imediatamente. Feche o PowerPoint por algumas horas e leia com atenção as instruções do autor.
  29. 29. 26 - Gestão Estratégica de Pessoas com Scorecard - Dave Ulrich, Brian Becker e Mark Huselid: Confira a conexão direta entre a capacidade dos funcionários e os lucros da empresa.
  30. 30. 27 - Good to Great – Empresas Feitas para Vencer - Jim Collins: Como algumas empresas passam de “boas" a excelentes? Tendo, por exemplo, líderes de nível 5, que conseguem colocar as pessoas certas nos lugares certos, são humildes, trabalham duro, confrontam os fatos mais brutais e têm um conceito “ouriço” do que deve ser seu negócio – este se encontra na confluência de três círculos, um representando o dinheiro gerado por uma atividade, outro, a paixão que ela desperta, e o terceiro, a superioridade técnica nela. Em Feitas para Durar, o autor havia destacado para o mundo a importância de metas grandes, cabeludas e audaciosas.
  31. 31. 28 - Just Do It – The Nike Spirit in the Corporate World - Donald Katz: Esse livro é uma aula sobre processos decisórios de marketing sob alta pressão – e tudo começou com a ida de Phil Knight ao Japão.
  32. 32. 29 - Liderando a Mudança - John P. Kotter: Afirmando que o sucesso depende tanto da liderança dos gestores como da dos colaboradores, apresenta as oito etapas que constituem todo processo de mudança: criar urgência; formar uma coalizão poderosa; criar uma visão para a mudança; comunicar essa visão; remover obstáculos; gerar vitórias no curto prazo; construir em cima de uma mudança, estendendo-a ao longo do tempo; e ancorar a mudança na cultura corporativa.
  33. 33. 30 - Managing – Desvendando o Dia a Dia da Gestão - Henry Mintzberg: Sintetiza com perfeição as habilidades necessárias a todo trabalho gerencial com base no convívio cotidiano e sistemático de Mintzberg com 29 gestores de organizações de distintos setores de atividade. Entre outras coisas, o livro retoma e aprofunda os dez papéis gerenciais que o autor havia identificado anteriormente: ser símbolo ou fonte de inspiração e referência para a equipe, cuidando da imagem e tendo humildade e empatia; ser líder de pessoas, o que requer inteligência emocional; ser elemento de ligação, estabelecendo relacionamentos e promovendo o intercâmbio de pessoas e informações; ser coletor de informações internas e do mercado e convertê-las em benefício da empresa; ser disseminador e comunicador; ser porta-voz, o que requer domínio de assuntos e de tecnologias audiovisuais; ser empreendedor para atuar como um agente de mudança na organização; ser solucionador de problemas e, especialmente, conflitos; ser alocador de recursos, desenvolvendo a capacidade analítica para gerenciar orçamento, investimentos e custos; e, por fim, ser negociador, o que exige poder de argumentação –melhor ainda, se for adepto do ganha- ganha.
  34. 34. 31 - Movidos por Ideias - Insights Para Criar Empresas e Carreiras Duradouras - Sandro Magaldi: Traz 11 lições para o leitor - vão desde a estreia de um novo elemento na esfera empresarial - a cumplicidade -, até os modelos de gestão orientados por princípios e para servir, passando pelo que é imutável em um mundo que muda e pela capacidade de gerar os próprios insights. Com exemplos reais, esses autores aproveitam sua experiência na HSM, que é sinônimo de educação executiva, para contribuir para que se criem empresas e carreiras duradouras.
  35. 35. 33 - O Novo Mundo das Marcas - Scott Bedbury: O homem que ajudou a transformar a Nike e a Starbucks em duas das marcas mais famosas do mundo descreve os princípios que permitiram esse sucesso.
  36. 36. 34 - O Poder da Persuasão - Robert Cialdini: A capacidade de influenciar as pessoas é esquematizada em seis conceitos: reciprocidade, coerência, autoridade, validação social, escassez e atração. Reciprocidade significa que as pessoas estão mais propensas a atender ao pedido de alguém quando este lhes dá algo antes. Por coerência entenda-se o reconhecimento de um padrão de comportamento em situações similares. Autoridade tem a ver com o expertise percebido. Já validação social remete à popularidade de determinado comportamento. Escassez é não estar disponível o tempo todo, a ponto de ser desejado. Atração quer dizer que as pessoas ajudam principalmente aqueles que admiram ou de que gostam.
  37. 37. 35 - O Ponto da Virada - Malcolm Gladwell: Não importa só a mensagem; fatores como o mensageiro podem gerar “epidemia”.
  38. 38. 36 - O verdadeiro Poder - Vicente Falconi: O livro relata, por meio de cases e exemplos onde o autor esteve diretamente envolvido, todas as questões importantes para que uma empresa ou projeto possa se desenvolver e crescer. O texto esclarece, com grande didática, quais são os pontos de sucesso que estão por trás do crescimento saudável e do saneamento de grandes empresas e instituições governamentais. Em outras palavras, Vicente Falconi revela o que está por trás dos resultados alcançados.
  39. 39. 37 - Os Cinco Desafios das Equipes - Patrick Lencioni: Equipes com falta de confiança, de compromisso, de responsabilidade, medo de conflito e descuido com os resultados? Descubra como superar tudo isso.
  40. 40. 38 - Poder – Por que Alguns Têm - Jeffrey Pfeffer: O corte das hierarquias traz uma série de vantagens para a organização, mas tem um efeito colateral pouco observado: o novo sistema horizontalizado, sem cargos intermediários, exige mais poder e influência das pessoas para fazer as coisas acontecerem. O autor prefere ser claro: não é de mais liderança ou inteligência emocional que as empresas precisam; é de mais poder. Aliás, se a motivação principal for o poder em vez de alcançar metas, o gestor será mais eficaz, conforme esse livro. Como reaprender a ter poder? Cultivar relacionamentos é de extrema importância, como jamais foi, e esses devem ser distribuídos pelo maior número possível de unidades. Também é valioso saber arrumar um emprego em outra empresa para um eventual “inimigo”. Nem é preciso mencionar a capacidade de influenciar os outros.
  41. 41. 39 - Prática da Administração de Empresas - Peter Drucker: Lançado em 1955 como o primeiro estudo profundo, e abrangente, de uma empresa real –a General Motors–, ele ainda tem muito a ensinar. Mostra, por exemplo, que as maiores oportunidades de aumentar a produtividade estão na distribuição e que uma empresa sem marketing não podrar- se uma empresa.
  42. 42. 40 - Previsivelmente Irracional - Dan Ariely: Esse livro chama a atenção para a irracionalidade humana, provocada por forças invisíveis como emoções, normas sociais, relatividade, expectativas, apego. Por exemplo, costumamos sempre comparar nossas decisões com alternativas existentes, mesmo quando essas alternativas não são comparáveis. Relutamos em fechar nossos caminhos (e focar) –a preferência é sempre manter opções em aberto. O conhecimento prévio que possuímos modifica nossas percepções – ou seja, a mente obtém o que espera, não o que os olhos estão vendo. E, pior, tendemos a ser desonestos. Por mais chocantes que sejam essas e outras realidades comprovadas em experimentos neurocientíficos detalhadamente descritos, compreendê-las pode levar a tomar melhores decisões e a lidar de maneira mais tranquila com chefes, subordinados, colegas, clientes etc.
  43. 43. 41 - Princípios da Administração Científica - Frederick Taylor: Primeira mudança significativa na gestão de empresas, a administração científica (ou taylorismo) organiza o trabalho de forma a obter mais produtividade e eficiência, e enfatiza as responsabilidades dos gestores. Segundo o estudioso do taylorismo Paulo Moreira da Costa, em vez de abandonar esse método, com grande potencial de ruptura em um negócio, o melhor é pensar em como ele poderia evoluir diante dos benefícios da globalização, da velocidade da internet e do foco no capital intelectual humano.
  44. 44. 42 - Saia da Crise – As 14 Lições Definitivas para Controle de Qualidade - W. Edwards Deming: Sistematiza 14 princípios para a transformação gerencial que visa a qualidade. Um deles é o de utilizar um único fornecedor para determinado produto ou serviço para tornar o relacionamento duradouro, confiável e leal –importa mais a redução do custo total que de um custo específico. Outro sugere que as empresas tenham lideranças em vez de chefes – pessoas que se responsabilizem por oferecer as condições adequadas para a realização do trabalho. Há um que menciona que o medo deve ser eliminado da organização. A obra descreve como colocar isso em prática, para que todos possam trabalhar de modo tranquilo e eficaz. O treinamento no local de trabalho é mais uma das máximas. Vale mencionar que o autor é contra metas do tipo “zero-defeito”, porque isso gera desmotivação e inimizades no ambiente de trabalho; segundo ele, a maioria das falhas está nos processos, não nas pessoas.
  45. 45. 43 - Sam Walton – Made in America - Sam Walton: A formação do Walmart, que mudou o poder da indústria para o varejo.
  46. 46. 44 - Steve Jobs - Walter Isaacson: A biografia autorizada do fundador da Apple, que virou sinônimo de inovação que compreende o cliente, simplicidade e impulsionou um novo ecossistema de negócios com seus iPods, iPhones e iPads: os apps.
  47. 47. 45 - The Balanced Scorecard - Robert S. Kaplan e David P. Norton: Trata-se de um inovador sistema gerencial que visa apoiar a execução da estratégia. Combina métricas financeiras (baseadas em resultados passados) com outras três perspectivas – de processos internos, de clientes, de aprendizado e crescimento. Assim se mensuram o desempenho presente e a potencial geração de negócios no futuro. Devem-se determinar os objetivos estratégicos, os indicadores que vão medir o progresso em relação a cada um deles, as metas para cada indicador (a fim de comparar o desejado com o realizado) e as iniciativas tomadas para que tudo isso aconteça.
  48. 48. 46 - The Competitive Advantage of Nations - Michael Porter: Entenda o conceito de “cluster”, grupo de empresas interconectadas, fornecedoras e clientes, em determinada localidade, que obtêm vantagem competitiva peculiar. Também aparece aqui o “Diamante de Porter”, com os quatro fatores de competitividade de países e regiões, desbancando os fatores até então aceitos como determinantes (recursos naturais e terra, por exemplo).
  49. 49. 47 - The Experience Economy - B. Joseph Pine II e James H. Gilmore: Defende a necessidade de proporcionar aos clientes uma experiência inesquecível, capaz de surpreender e levar à repetição.
  50. 50. 48 - The Great Game of Business - Jack Stack: Constitui a base da gestão do tipo “livro aberto”, corrente que aposta na transparência total das empresas (e de seus números) perante todos os stakeholders. O livro propõe que se destruam mitos da gestão como os de que não se deve contar a verdade às pessoas, de que os “bonzinhos” chegam em último lugar na corrida e de que cada um deve focar apenas as próprias tarefas, não o todo. Segundo ele, os funcionários se motivam quando entendem os números, em especial os números almejados. (Números precisam de padrão – percentual ou número absoluto em dado período de tempo – e comparação para serem entendidos.)
  51. 51. 49 - The Habit Factor - Martin Grunburg: Um livro curto sobre produtividade, que gostei muito. A ideia central do livro é a forte relação entre atingir metas e desenvolver hábitos, que viabilizam essas metas. Geralmente, os especialistas em gestão do tempo não fazem essa associação, que fez muito sentido para mim.
  52. 52. 50 - The Talent Masters - Bill Conaty e Ram Charan: “Líderes espertos colocam as pessoas à frente dos números”, diz o livro, que se apoia em três princípios do lendário CEO da General Electric, Jack Welch: foco em identificar e desenvolver talentos; determinação de diferenciar os diferentes por meio da meritocracia; sinceridade implacável ao medir o desempenho das pessoas, transformando avaliações subjetivas em critérios quantificáveis.Os autores acrescentam uma série de exemplos reais à sabedoria welchiana.
  53. 53. Coisas que todo candidato deveria saber contato@riojunior.com.br

×