SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 136
"Participação é a palavra de ordem para as 
mudanças sociais." -- Raul Cutait 
"Participação é a palavra de ordem para as 
mudanças sociais." -- Raul Cutait
"Espetacular é uma pessoa que 
observa o futuro e age antes 
mesmo que ele aconteça." 
-- Bernard Baruch
ÚLTIMAS NOTICIAS
ÚLTIMAS NOTICIAS
ÚLTIMAS NOTICIAS
AATTOO DDEECCLLAARRAATTÓÓRRIIOO 
55 
ATO DECLARATÓRIO EXECUTIVO 
No- 5, DE 17/07/13 
ATO DECLARATÓRIO EXECUTIVO 
No- 5, DE 17/07/13
AATTOO DDEECCLLAARRAATTÓÓRRIIOO 55 
DOU de 18.7.2013 
Aprova e divulga o leiaute do Sistema de Escrituração Fiscal Digital das Obrigações Fiscais, 
Previdenciárias e Trabalhistas – eSocial. 
O SUBSECRETÁRIO DE FISCALIZAÇÃO, no uso da atribuição que lhe confere o inciso 
III do art. 311 do Regimento Interno da Secretaria da Receita Federal do Brasil, aprovado 
pela Portaria MF nº 203, de 14 de maio de 2012, e tendo em vista o disposto no art. 11 do 
Decreto-lei nº 1.968, de 23 de novembro de 1982, nos incisos I, III e IV da 
Lei nº 8.212, de 24 de julho de 1991, e no Decreto nº 6.022, de 22 de janeiro de 2007, 
resolve: 
Art. 1º Declarar aprovado o leiaute dos arquivos que compõem o Sistema de Escrituração 
Fiscal Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas (eSocial), que será 
exigido para os eventos ocorridos a partir da competência de janeiro de 2014. 
Parágrafo único. O leiaute aprovado nos termos do caput consta no Manual de Orientação 
do eSocial - versão 1.0, que está disponível na Internet, no endereço eletrônico 
<www.esocial.gov.br> . 
Art. 2º A escrituração de que trata o art. 1º é composta pelos eventos decorrentes das 
obrigações fiscais, previdenciárias e trabalhistas, cujos arquivos deverão ser transmitidos 
em meio eletrônico pela empresa, pelo empregador ou por outros obrigados a eles 
equiparados, nos prazos a serem estipulados em ato específico. 
Art. 3º Este Ato Declaratório Executivo entra em vigor na data de sua publicação. 
CAIO MARCOS CANDIDO 
DOU de 18.7.2013 
Aprova e divulga o leiaute do Sistema de Escrituração Fiscal Digital das Obrigações Fiscais, 
Previdenciárias e Trabalhistas – eSocial. 
O SUBSECRETÁRIO DE FISCALIZAÇÃO, no uso da atribuição que lhe confere o inciso 
III do art. 311 do Regimento Interno da Secretaria da Receita Federal do Brasil, aprovado 
pela Portaria MF nº 203, de 14 de maio de 2012, e tendo em vista o disposto no art. 11 do 
Decreto-lei nº 1.968, de 23 de novembro de 1982, nos incisos I, III e IV da 
Lei nº 8.212, de 24 de julho de 1991, e no Decreto nº 6.022, de 22 de janeiro de 2007, 
resolve: 
Art. 1º Declarar aprovado o leiaute dos arquivos que compõem o Sistema de Escrituração 
Fiscal Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas (eSocial), que será 
exigido para os eventos ocorridos a partir da competência de janeiro de 2014. 
Parágrafo único. O leiaute aprovado nos termos do caput consta no Manual de Orientação 
do eSocial - versão 1.0, que está disponível na Internet, no endereço eletrônico 
<www.esocial.gov.br> . 
Art. 2º A escrituração de que trata o art. 1º é composta pelos eventos decorrentes das 
obrigações fiscais, previdenciárias e trabalhistas, cujos arquivos deverão ser transmitidos 
em meio eletrônico pela empresa, pelo empregador ou por outros obrigados a eles 
equiparados, nos prazos a serem estipulados em ato específico. 
Art. 3º Este Ato Declaratório Executivo entra em vigor na data de sua publicação. 
CAIO MARCOS CANDIDO 
Página 1
CCIIRRCCUULLAARR 664422 ee 665577 -- CCEEFF 
O QUE VENHA A SER ESTA 
O QUE VENHA A SER ESTA 
CIRCULAR 
CIRCULAR 
Aprova e divulga o leiaute e prazos do 
Sistema de Escrituração Fiscal Digital 
das Obrigações 
Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas 
- e-Social.
O GOVERNO ESTA!
PPRROOJJEETTOO EE--SSOOCCIIAALL 
“Aprendi que não posso desistir de um 
sonho por causa do tempo que levará 
para concretizá-lo...O tempo passará 
de todo jeito...”
VEREMOS 
T-REX 
T – REX HARPIA LEÃO
LIVRO OU FICHA DE REGISTRO DE 
EMPREGADOS
SSEEMM EE--SSOOCCIIAALL COM 
E-SOCIAL
SPED 
CONTÁBIL / 
SPED FISCAL 
Malha fina , 
monitoramento 
das contas 
bancárias 
PROBLEMAS.. 
PROBLEMAS.... 
PROBLEMAS...... 
Prob.... 
Organizar a 
empresa Interia 
com Urgência 
ESSE TAL 
DE 
E-SOCIAL!! 
AGORA EM 
2014...
PPEESSQQUUIISSAASS…… 
Segundo levantamento realizado pela consultoria Paycon com 
112 empresas atuantes no país com, em média, 300 funcionários
EENNQQUUEETTEE…… 
FENACON DIVULGA ENQUETE – 09.05.2014
O QUE O QUE PPRREECCIISSOO PPAARRAA EENNVVIIAARR 
CCEERRTTIFIFICICAAÇÇÃÃOO D DIGIGITITAALL
DESAFIOS
CONSTRUÇÃO COLETIVA
CONSTRUÇÃO COLETIVA
CONSTRUÇÃO COLETIVA 
Quais são Quais são aass eemmpprreessaass PPiliolottoo ??
QQuuaall rreessuullttaaddoo eessppeerraaddoo......
Objetivo:
VVaannttaaggeennss ppaarraa oo EEmmpprreeggaaddoorr
SUBSTITUIÇÃO GRADUAL 
UNIFICAÇÃO DAS OBRIGAÇÕES ACESSÓRIAS 
Todas as obrigações existentes hoje num clique
CENÁRIO ATUAL 
Hoje qualquer empregador, independente de seu porte ou atividade, é 
obrigado a preencher e transmitir diversas declarações que possuem as 
mesmas informações 
Hoje qualquer empregador, independente de seu porte ou atividade, é 
obrigado a preencher e transmitir diversas declarações que possuem as 
mesmas informações
CENÁRIO PROPOSTO 
Página 5 
A proposta é que o empregador transmitirá os eventos no e-Social com 
seu “código de acesso” ou “certificado digital” através da internet e tais 
informações alimentarão as bases dos diversos sistemas 
governamentais que executam as políticas trabalhistas, previdenciárias 
e tributárias decorrentes dos vínculos de emprego. Estas informações 
ficam gravadas em um Web-Service 
A proposta é que o empregador transmitirá os eventos no e-Social com 
seu “código de acesso” ou “certificado digital” através da internet e tais 
informações alimentarão as bases dos diversos sistemas 
governamentais que executam as políticas trabalhistas, previdenciárias 
e tributárias decorrentes dos vínculos de emprego. Estas informações 
ficam gravadas em um Web-Service
LEIAUTE MAIS COMPLEXO 
Será exigida uma coleção considerável de dados 
interdepartamental. 
Compreenderá todo um complexo leque de eventos 
sociais como: 
contratação de prestadores de serviços; 
autônomos; 
Cooperativas 
alterações de cargos; 
dissídios, entre outros eventos que exigem esforços 
de diversos departamentos. 
Será exigida uma coleção considerável de dados 
interdepartamental. 
Compreenderá todo um complexo leque de eventos 
sociais como: 
contratação de prestadores de serviços; 
autônomos; 
Cooperativas 
alterações de cargos; 
dissídios, entre outros eventos que exigem esforços 
de diversos departamentos.
IMPACTO NAS ORGANIZAÇÕES
IMPACTO NAS ORGANIZAÇÕES
IMPACTO NAS ORGANIZAÇÕES
E-SOCIAL - DESAFIO 
Responsabilidades 
wwwwww.p.poorrtatalhlhmmaarrinin.c.coomm.b.brr
E-SOCIAL - DESAFIO 
Responsabilidades 
wwwwww.p.poorrtatalhlhmmaarrinin.c.coomm.b.brr
E-SOCIAL - DESAFIO 
Responsabilidades 
wwwwww.p.poorrtatalhlhmmaarrinin.c.coomm.b.brr
IMPACTO NAS ORGANIZAÇÕES
QUEM SERA OBRIGATÓRIO 
TTOODDOOSS -- EEMMPPRREEGGAADDOORREESS 
TTOODDOOSS –– TTRRAABBAALLHHAADDOORREESS....
O QUE SÃO 
TRABALHADORES ? 
TIPOS DE 
TRABALHADORES
COMO ENVIAR AS 
INFORMAÇÕES ? 
P.V.A - 
PROGRAMA 
VALIDADOR E 
ASSINADOR 
VALIDAÇÃO DOS ARQUIVOS 
Não haverá PVA - 
Programa Validador 
Arquivos 
Não haverá PVA - 
Programa Validador 
Arquivos 
XML - Seu objetivo principal é a facilidade 
de compartilhamento de informações 
através da Internet. 
XML - Seu objetivo principal é a facilidade 
de compartilhamento de informações 
através da Internet. 
em português Linguagem Extensível de 
Marcação Genérica. 
em português Linguagem Extensível de 
Marcação Genérica.
COMO ENVIAR AS 
INFORMAÇÕES ?
GESTÃO DE PESSOAS 
O empregador terá que investir na área de 
capacitação profissional e na contratação 
de novos colaboradores para atender à 
demanda destas obrigações, com certeza, 
quando você for enviar essas informações 
para o eSocial, essas informações serão 
criticadas e vai gerar erros. 
O empregador terá que investir na área de 
capacitação profissional e na contratação 
de novos colaboradores para atender à 
demanda destas obrigações, com certeza, 
quando você for enviar essas informações 
para o eSocial, essas informações serão 
criticadas e vai gerar erros.
GESTÃO DE PESSOAS
E-SOCIAL - 
Sistemas de Informação 
wwwwww.p.poorrtatalhlhmmaarrinin.c.coomm.b.brr
E-SOCIAL - 
O Projeto como um todo 
wwwwww.p.poorrtatalhlhmmaarrinin.c.coomm.b.brr
MULTAS TRABALHISTAS 
Quais os valores hoje Quais os valores hoje a atutuaaisis v veejajammooss ? ?
MULTAS TRABALHISTAS
MULTAS TRABALHISTAS
MULTAS TRABALHISTAS
INFORMAÇÕES DIVIDIDAS
INFORMAÇÕES DIVIDIDAS 
Página 5
R E T ? Página 7
INFORMAÇÕES DIVIDIDAS 
Página 5
DADOS CADASTRAIS
GESTÃO DE PESSOAS
DADOS CADASTRAIS
DADOS DO EMPREGADOR
DADOS DO EMPREGADOR 
Versão 1.2 beta 5.9 
3 de Novembro de 2014 
Oficioso 
CNAE - FPAS - RAT - FAP
DADOS CADASTRAIS
DADOS CADASTRAIS
ÚLTIMAS NOTICIAS 
Preparativo para o eSocial 
Qualificação cadastral dos trabalhadores
ÚLTIMAS NOTICIAS 
Preparativo para o eSocial 
Qualificação cadastral dos trabalhadores
ÚLTIMAS NOTICIAS 
Preparativo para o eSocial 
Qualificação cadastral dos trabalhadores
ÚLTIMAS NOTICIAS 
Preparativo para o eSocial 
Qualificação cadastral dos trabalhadores
DADOS CADASTRAIS
DADOS CADASTRAIS
INFORMAÇÕES DIVIDIDAS 
EVENTOS TEMPESTIVOS 
DEVEM SER INFORMANDOS ANTES OU ATÉ 
A DATA EVENTO 
QUAIS SÃO ESTES EVENTOS ?
EVENTOS TEMPESTIVOS
EVENTOS
EVENTOS
EVENTOS
EVENTOS
EVENTOS
EVENTOS
EVENTOS
EVENTOS
EVENTOS
EVENTOS
EVENTOS
ÚLTIMAS NOTICIAS
ASPECTOS TÉCNICOS 
Transmissão dos eventos trabalhistas desvinculada da 
transmissão da folha;
INFORMAÇÕES DIVIDIDAS 
EVENTOS MENSAIS 
ATÉ QUANDO DEVEM SER INFORMADOS ? 
QUAIS SÃO ESTES EVENTOS ?
INFORMAÇÕES DIVIDIDAS 
FOLHA MENSAL
INFORMAÇÕES DIVIDIDAS 
Página 11
INFORMAÇÕES DIVIDIDAS 
Página 11
INFORMAÇÕES DIVIDIDAS 
FOLHA MENSAL
INFORMAÇÕES BASE DADOS 
FOLHA MENSAL
GESTÃO DE PESSOAS
RUBRICAS
RUBRICAS
RUBRICAS
eSocial Sem Movimento: informação no S- 
1399 
Ausência de Fato Gerador: 
Não havendo fatos geradores na competência, essa 
informação deve ser enviada no S-1399 (fechamento), 
que terá validade até o final do ano-calendário, ou até 
que haja uma nova movimentação.
INFORMAÇÕES DIVIDIDAS
INFORMAÇÕES DIVIDIDAS:
FLUXO DAS INFORMAÇÕES
INFORMAÇÕES DIVIDIDAS:
ALGUNS PONTOS IMPORTANTES
ALGUNS PONTOS IMPORTANTES
ALGUNS PONTOS IMPORTANTES
ALGUNS PONTOS IMPORTANTES
D A E
ALGUNS PONTOS IMPORTANTES
ALGUNS PONTOS IMPORTANTES
PONTOS CONTRADITÓRIOS
PREVISÃO 
Carteira de Trabalho 
Informatizada e Cartão de 
Identificação do Trabalhador 
Bloco Específico Justiça Trabalho 
DCTF WEB 
GGEERRAARR – – D DAARRFF - - F FGGTTSS
PREVISÃO
PREVISÃO 
O trabalhador terá uma base única de informação, a qual poderá consultar 
na hora em que desejar, evitando movimentações fraudulentas e também o 
corre-corre atrás das empresas que fora empregado e, principalmente, 
evitando surpresas desagradáveis sobre seus recolhimentos de INSS e 
FGTS.
PREVISÃO
PREVISÃO
FISCALIZAÇÃO ELETRÔNICA
FISCALIZAÇÃO ELETRÔNICA 
Resultado de Fiscalizações encerradas 
no ano 2010 sobre diferença de valores 
Resultado de Fiscalizações encerradas 
no ano 2010 sobre diferença de valores 
de contribuições previdenciárias 
devidas que foram informadas em 
folha de Pagamento e não foram 
de contribuições previdenciárias 
devidas que foram informadas em 
folha de Pagamento e não foram 
declaradas em GFIP 
R$ 3.556.082.242,60 
declaradas em GFIP 
R$ 3.556.082.242,60 
Resultado de fiscalizações 
encerradas em 2010 sobre 
salários e ordenados pagos a 
empregados não incluídos em 
folha de pagamento pelas 
empresas: 
R$ 1.743.830.046,93 
Para finalizar, apenas mais uma informação: segundo o levantamento da 
Receita Federal feito em 2012, considerando o Brasil inteiro, a diferença de 
valores das contribuições previdenciárias devidas, que foram informadas 
em folha de pagamento e que não foram declaradas na GFIP, somam mais 
de R$ 4 bilhões. 
Para finalizar, apenas mais uma informação: segundo o levantamento da 
Receita Federal feito em 2012, considerando o Brasil inteiro, a diferença de 
valores das contribuições previdenciárias devidas, que foram informadas 
em folha de pagamento e que não foram declaradas na GFIP, somam mais 
de R$ 4 bilhões.
SUGESTÕES:
ÚLTIMAS NOTICIAS
ÚLTIMAS NOTICIAS
NOTAS e-SOCIAL 
Maia: “O objetivo do projeto eSocial é ter um empregador prestando a 
informação uma vez a todos os entes (RFB, MTE, PREVIDÊNCIA, 
CEF).” 
Maia: “Receber 2 vezes a mesma informação só diminui a qualidade 
dela, pois as 2 têm diferentes objetivos.” 
Nota: E o que dizer do "extraordinário" Homolognet e do evento S-2800 - 
Desligamento? Ambos envolvem verbas rescisórias informadas 
analiticamente e sob interesses do MTE. Não seria uma repetição, 
fugindo do objetivo do eSocial? 
--------------------
NOTAS e-SOCIAL 
Maia: “O sistema atual não garante os direitos dos trabalhadores.” 
Nota: Muito interessante, principalmente para quem elabora diariamente GFIP, RAIS, 
CAGED, Homolognet, SD, PPP, CAT, GRRF e coisas do gênero. Se estas coisas 
não garantem, então, porque as elaboramos? Menos... 
-------------------- 
Belmiro: “O aplicativo de qualificação de cadastro estará disponível daqui a 
aproximadamente 2 semanas.” 
Nota: Foi em 10/04/2014. Caminhando para 3 meses. Calma... Vai sair...Tenhamos 
fé. Estou aprendendo a ser mais otimista. 
---------------------
NOTAS e-SOCIAL 
Belmiro: “Em breve será lançado um canal oficial do eSocial com vídeos 
instrutivos.” 
Nota: Calma... "Em breve"... Vamos aguardar. 
Belmiro: "Ato formalizando (o eSocial) está SENDO DISCUTIDO na CASA 
CIVIL. Pode sair a qualquer momento." 
Nota: Vamos aguardar...
MAPEAMENTO, IMPLANTAÇÃO 
E VALIDAÇÃO DO e-SOCIAL
NOSSOS CONTATOS 
http://www.portalhmarin.com.br/
AGRADECIMENTOS 
Desejamos a Todos 
os Participantes 
Paz, Saúde e muito 
SUCE$$O! 
Desejamos a Todos 
os Participantes 
Paz, Saúde e muito 
SUCE$$O! 
DUVIDAS jhjhaammaarrinin@@ggmmaaili.l.ccoomm 
www.portalhmarin.com.br

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Apresentação "Projeto eSocial" - Daniel Belmiro, Receita Federal do Brasil
Apresentação "Projeto eSocial" - Daniel Belmiro, Receita Federal do BrasilApresentação "Projeto eSocial" - Daniel Belmiro, Receita Federal do Brasil
Apresentação "Projeto eSocial" - Daniel Belmiro, Receita Federal do Brasil
segundomilenio
 
eSocial: O quê, por quê e como – Uma abordagem executiva
eSocial: O quê, por quê e como – Uma abordagem executivaeSocial: O quê, por quê e como – Uma abordagem executiva
eSocial: O quê, por quê e como – Uma abordagem executiva
Roberto Dias Duarte
 
E social 2015
E social 2015   E social 2015
E social 2015
Ana Julia Reis
 
Perguntas e respostas esocial
Perguntas e respostas esocialPerguntas e respostas esocial
Perguntas e respostas esocial
Jaqueline Chaves
 
Apresentação Evento eSocial
Apresentação Evento eSocialApresentação Evento eSocial
Apresentação Evento eSocial
esocialmetadados
 

Mais procurados (20)

Apresentação eSocial
Apresentação eSocialApresentação eSocial
Apresentação eSocial
 
10 pontos que você precisa saber sobre eSocial - princípios básicos
10 pontos que você precisa saber sobre eSocial - princípios básicos10 pontos que você precisa saber sobre eSocial - princípios básicos
10 pontos que você precisa saber sobre eSocial - princípios básicos
 
Webinar | eSocial
Webinar | eSocialWebinar | eSocial
Webinar | eSocial
 
Os Impactos nos Processo de Recursos Humanos e Rotinas Trabalhistas
Os Impactos nos Processo de Recursos Humanos e Rotinas TrabalhistasOs Impactos nos Processo de Recursos Humanos e Rotinas Trabalhistas
Os Impactos nos Processo de Recursos Humanos e Rotinas Trabalhistas
 
Apresentação diagnostico e social
Apresentação diagnostico e socialApresentação diagnostico e social
Apresentação diagnostico e social
 
eSocial - 2.2
eSocial - 2.2eSocial - 2.2
eSocial - 2.2
 
Conect eSocial (Versão em Português)
Conect eSocial (Versão em Português)Conect eSocial (Versão em Português)
Conect eSocial (Versão em Português)
 
eSocial por Filemon Oliveira
eSocial por Filemon OliveiraeSocial por Filemon Oliveira
eSocial por Filemon Oliveira
 
Jornada Administrativa - Mês do Administrador: eSocial - sua empresa está pre...
Jornada Administrativa - Mês do Administrador: eSocial - sua empresa está pre...Jornada Administrativa - Mês do Administrador: eSocial - sua empresa está pre...
Jornada Administrativa - Mês do Administrador: eSocial - sua empresa está pre...
 
Apresentação "Projeto eSocial" - Daniel Belmiro, Receita Federal do Brasil
Apresentação "Projeto eSocial" - Daniel Belmiro, Receita Federal do BrasilApresentação "Projeto eSocial" - Daniel Belmiro, Receita Federal do Brasil
Apresentação "Projeto eSocial" - Daniel Belmiro, Receita Federal do Brasil
 
eSocial - Apresentação da Receita Federal em 25/02/2014
eSocial - Apresentação da Receita Federal em 25/02/2014eSocial - Apresentação da Receita Federal em 25/02/2014
eSocial - Apresentação da Receita Federal em 25/02/2014
 
eSocial implantação funcionamento e impactos para as empresas - Roberto Rosa
eSocial implantação funcionamento e impactos para as empresas - Roberto RosaeSocial implantação funcionamento e impactos para as empresas - Roberto Rosa
eSocial implantação funcionamento e impactos para as empresas - Roberto Rosa
 
Desvendando o e social
Desvendando o e socialDesvendando o e social
Desvendando o e social
 
eSocial: O quê, por quê e como – Uma abordagem executiva
eSocial: O quê, por quê e como – Uma abordagem executivaeSocial: O quê, por quê e como – Uma abordagem executiva
eSocial: O quê, por quê e como – Uma abordagem executiva
 
eSocial – Novo Layout e desafios na implantação
eSocial – Novo Layout e desafios na implantaçãoeSocial – Novo Layout e desafios na implantação
eSocial – Novo Layout e desafios na implantação
 
Cartilha sobre e-Social
Cartilha sobre e-SocialCartilha sobre e-Social
Cartilha sobre e-Social
 
eSocial
eSocialeSocial
eSocial
 
E social 2015
E social 2015   E social 2015
E social 2015
 
Perguntas e respostas esocial
Perguntas e respostas esocialPerguntas e respostas esocial
Perguntas e respostas esocial
 
Apresentação Evento eSocial
Apresentação Evento eSocialApresentação Evento eSocial
Apresentação Evento eSocial
 

Semelhante a e-Social - Mapeamento, Implantação, Validação - Cursos In Company

Curso e social sped folha rev 19 040614
Curso e social sped folha rev 19 040614Curso e social sped folha rev 19 040614
Curso e social sped folha rev 19 040614
Prof Hamilton Marin
 
Slides palestra-esocial-robertodiasduarte-16072014-140725073000-phpapp02
Slides palestra-esocial-robertodiasduarte-16072014-140725073000-phpapp02Slides palestra-esocial-robertodiasduarte-16072014-140725073000-phpapp02
Slides palestra-esocial-robertodiasduarte-16072014-140725073000-phpapp02
Joao Paulo Goerlando
 

Semelhante a e-Social - Mapeamento, Implantação, Validação - Cursos In Company (20)

Curso e social sped folha rev 19 040614
Curso e social sped folha rev 19 040614Curso e social sped folha rev 19 040614
Curso e social sped folha rev 19 040614
 
Palestra: eSocial
Palestra: eSocialPalestra: eSocial
Palestra: eSocial
 
eSocial - sua empresa está preparada?
eSocial - sua empresa está preparada?eSocial - sua empresa está preparada?
eSocial - sua empresa está preparada?
 
A visão da ABRH sobre o eSocial – Nota Técnica
A visão da ABRH sobre o eSocial – Nota TécnicaA visão da ABRH sobre o eSocial – Nota Técnica
A visão da ABRH sobre o eSocial – Nota Técnica
 
Painel | eSocial
Painel | eSocial Painel | eSocial
Painel | eSocial
 
E-Social
E-SocialE-Social
E-Social
 
Cartilha e social
Cartilha e socialCartilha e social
Cartilha e social
 
Fórum de RH SETCESP
Fórum de RH SETCESPFórum de RH SETCESP
Fórum de RH SETCESP
 
eSocial: Pensando Fora da Caixa
eSocial: Pensando Fora da CaixaeSocial: Pensando Fora da Caixa
eSocial: Pensando Fora da Caixa
 
Anefac gt processos e riscos e social 8 out-2013 xrisk
Anefac gt processos e riscos e social 8 out-2013 xriskAnefac gt processos e riscos e social 8 out-2013 xrisk
Anefac gt processos e riscos e social 8 out-2013 xrisk
 
Slides palestra-esocial-robertodiasduarte-16072014-140725073000-phpapp02
Slides palestra-esocial-robertodiasduarte-16072014-140725073000-phpapp02Slides palestra-esocial-robertodiasduarte-16072014-140725073000-phpapp02
Slides palestra-esocial-robertodiasduarte-16072014-140725073000-phpapp02
 
eSocial: Uma visão executiva - pense fora da caixa!
eSocial: Uma visão executiva - pense fora da caixa!eSocial: Uma visão executiva - pense fora da caixa!
eSocial: Uma visão executiva - pense fora da caixa!
 
1 e social - rfb - 03mar2015
1 e social - rfb - 03mar20151 e social - rfb - 03mar2015
1 e social - rfb - 03mar2015
 
Cartilha e social
Cartilha e socialCartilha e social
Cartilha e social
 
Como explicar o Bloco K e o eSocial para empresários
Como explicar o Bloco K e o eSocial para empresáriosComo explicar o Bloco K e o eSocial para empresários
Como explicar o Bloco K e o eSocial para empresários
 
Esocial perguntase respostas
Esocial perguntase respostasEsocial perguntase respostas
Esocial perguntase respostas
 
eSocial - Perguntase respostas versao1_27_12_2013
eSocial - Perguntase respostas versao1_27_12_2013eSocial - Perguntase respostas versao1_27_12_2013
eSocial - Perguntase respostas versao1_27_12_2013
 
Perguntas e Respostas do eSocial – Versão 1.0 - V27122013
Perguntas e Respostas do eSocial – Versão 1.0 - V27122013Perguntas e Respostas do eSocial – Versão 1.0 - V27122013
Perguntas e Respostas do eSocial – Versão 1.0 - V27122013
 
Apresentação eSocial
Apresentação eSocialApresentação eSocial
Apresentação eSocial
 
Apresentação eSocial
Apresentação eSocialApresentação eSocial
Apresentação eSocial
 

Mais de Prof Hamilton Marin

Mais de Prof Hamilton Marin (20)

Cartilha eSocial lideres e gestores
Cartilha eSocial   lideres e gestoresCartilha eSocial   lideres e gestores
Cartilha eSocial lideres e gestores
 
Workshop eSocial Santos e Campinas
Workshop eSocial Santos e CampinasWorkshop eSocial Santos e Campinas
Workshop eSocial Santos e Campinas
 
Curso esocial na pratica
Curso esocial na praticaCurso esocial na pratica
Curso esocial na pratica
 
Pré Diagnostico eSocial
Pré Diagnostico eSocialPré Diagnostico eSocial
Pré Diagnostico eSocial
 
eSocial Multas trabalhistas e previdenciárias
eSocial Multas trabalhistas e previdenciáriaseSocial Multas trabalhistas e previdenciárias
eSocial Multas trabalhistas e previdenciárias
 
Faseamento e social
Faseamento e socialFaseamento e social
Faseamento e social
 
Dados para admissao versao 2.4 e social evento s-2200
Dados para admissao   versao 2.4 e social evento s-2200Dados para admissao   versao 2.4 e social evento s-2200
Dados para admissao versao 2.4 e social evento s-2200
 
Principais diferença dp x rh x gestão de pessoas
Principais diferença dp x rh x gestão de pessoasPrincipais diferença dp x rh x gestão de pessoas
Principais diferença dp x rh x gestão de pessoas
 
Recuperação créditos Previdenciários
Recuperação créditos PrevidenciáriosRecuperação créditos Previdenciários
Recuperação créditos Previdenciários
 
Artigo diagnóstico trabalhista previdenciário recuperação
Artigo diagnóstico trabalhista  previdenciário   recuperaçãoArtigo diagnóstico trabalhista  previdenciário   recuperação
Artigo diagnóstico trabalhista previdenciário recuperação
 
Básico auditoria em riscos trabalhistas com destaque esocial
Básico auditoria em riscos trabalhistas com destaque esocialBásico auditoria em riscos trabalhistas com destaque esocial
Básico auditoria em riscos trabalhistas com destaque esocial
 
Curso Auditoria em Riscos Trabalhistas ênfase eSocial
Curso Auditoria em Riscos Trabalhistas ênfase eSocialCurso Auditoria em Riscos Trabalhistas ênfase eSocial
Curso Auditoria em Riscos Trabalhistas ênfase eSocial
 
Curso Auditoria em Riscos Trabalhistas ênfase eSocial
Curso Auditoria em Riscos Trabalhistas ênfase eSocialCurso Auditoria em Riscos Trabalhistas ênfase eSocial
Curso Auditoria em Riscos Trabalhistas ênfase eSocial
 
Caderno de exercícios dp testes departamento pessoal - adicionais mai-16
Caderno  de  exercícios  dp   testes departamento pessoal - adicionais mai-16Caderno  de  exercícios  dp   testes departamento pessoal - adicionais mai-16
Caderno de exercícios dp testes departamento pessoal - adicionais mai-16
 
Testes dp
Testes dpTestes dp
Testes dp
 
Testes Departamento Pessoal
Testes Departamento PessoalTestes Departamento Pessoal
Testes Departamento Pessoal
 
Qualificação cadastral e-social
Qualificação cadastral e-socialQualificação cadastral e-social
Qualificação cadastral e-social
 
Apresentação portal hmarin serviços
Apresentação portal hmarin serviçosApresentação portal hmarin serviços
Apresentação portal hmarin serviços
 
Entrevista
EntrevistaEntrevista
Entrevista
 
Como montar um curriculo
Como montar um curriculoComo montar um curriculo
Como montar um curriculo
 

Último

atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
WelitaDiaz1
 
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
azulassessoria9
 

Último (20)

Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptx
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptxSlides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptx
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptx
 
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
 
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptxSequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptx
 
Novena de Pentecostes com textos de São João Eudes
Novena de Pentecostes com textos de São João EudesNovena de Pentecostes com textos de São João Eudes
Novena de Pentecostes com textos de São João Eudes
 
Teatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundarioTeatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundario
 
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdfMESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
 
12_mch9_nervoso.pptx...........................
12_mch9_nervoso.pptx...........................12_mch9_nervoso.pptx...........................
12_mch9_nervoso.pptx...........................
 
Quando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
Quando a escola é de vidro, de Ruth RochaQuando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
Quando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
 
Questões sobre o Mito da Caverna de Platão
Questões sobre o Mito da Caverna de PlatãoQuestões sobre o Mito da Caverna de Platão
Questões sobre o Mito da Caverna de Platão
 
Apresentação | Dia da Europa 2024 - Celebremos a União Europeia!
Apresentação | Dia da Europa 2024 - Celebremos a União Europeia!Apresentação | Dia da Europa 2024 - Celebremos a União Europeia!
Apresentação | Dia da Europa 2024 - Celebremos a União Europeia!
 
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptxSlides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
 
Quiz | Dia da Europa 2024 (comemoração)
Quiz | Dia da Europa 2024  (comemoração)Quiz | Dia da Europa 2024  (comemoração)
Quiz | Dia da Europa 2024 (comemoração)
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
 
Apresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União EuropeiaApresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
 
VIDA E OBRA , PRINCIPAIS ESTUDOS ARISTOTELES.pdf
VIDA E OBRA , PRINCIPAIS ESTUDOS ARISTOTELES.pdfVIDA E OBRA , PRINCIPAIS ESTUDOS ARISTOTELES.pdf
VIDA E OBRA , PRINCIPAIS ESTUDOS ARISTOTELES.pdf
 
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
 
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdfUFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
 
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco LeiteReligiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
 

e-Social - Mapeamento, Implantação, Validação - Cursos In Company

  • 1. "Participação é a palavra de ordem para as mudanças sociais." -- Raul Cutait "Participação é a palavra de ordem para as mudanças sociais." -- Raul Cutait
  • 2.
  • 3. "Espetacular é uma pessoa que observa o futuro e age antes mesmo que ele aconteça." -- Bernard Baruch
  • 4.
  • 5.
  • 6.
  • 10.
  • 11.
  • 12. AATTOO DDEECCLLAARRAATTÓÓRRIIOO 55 ATO DECLARATÓRIO EXECUTIVO No- 5, DE 17/07/13 ATO DECLARATÓRIO EXECUTIVO No- 5, DE 17/07/13
  • 13. AATTOO DDEECCLLAARRAATTÓÓRRIIOO 55 DOU de 18.7.2013 Aprova e divulga o leiaute do Sistema de Escrituração Fiscal Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas – eSocial. O SUBSECRETÁRIO DE FISCALIZAÇÃO, no uso da atribuição que lhe confere o inciso III do art. 311 do Regimento Interno da Secretaria da Receita Federal do Brasil, aprovado pela Portaria MF nº 203, de 14 de maio de 2012, e tendo em vista o disposto no art. 11 do Decreto-lei nº 1.968, de 23 de novembro de 1982, nos incisos I, III e IV da Lei nº 8.212, de 24 de julho de 1991, e no Decreto nº 6.022, de 22 de janeiro de 2007, resolve: Art. 1º Declarar aprovado o leiaute dos arquivos que compõem o Sistema de Escrituração Fiscal Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas (eSocial), que será exigido para os eventos ocorridos a partir da competência de janeiro de 2014. Parágrafo único. O leiaute aprovado nos termos do caput consta no Manual de Orientação do eSocial - versão 1.0, que está disponível na Internet, no endereço eletrônico <www.esocial.gov.br> . Art. 2º A escrituração de que trata o art. 1º é composta pelos eventos decorrentes das obrigações fiscais, previdenciárias e trabalhistas, cujos arquivos deverão ser transmitidos em meio eletrônico pela empresa, pelo empregador ou por outros obrigados a eles equiparados, nos prazos a serem estipulados em ato específico. Art. 3º Este Ato Declaratório Executivo entra em vigor na data de sua publicação. CAIO MARCOS CANDIDO DOU de 18.7.2013 Aprova e divulga o leiaute do Sistema de Escrituração Fiscal Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas – eSocial. O SUBSECRETÁRIO DE FISCALIZAÇÃO, no uso da atribuição que lhe confere o inciso III do art. 311 do Regimento Interno da Secretaria da Receita Federal do Brasil, aprovado pela Portaria MF nº 203, de 14 de maio de 2012, e tendo em vista o disposto no art. 11 do Decreto-lei nº 1.968, de 23 de novembro de 1982, nos incisos I, III e IV da Lei nº 8.212, de 24 de julho de 1991, e no Decreto nº 6.022, de 22 de janeiro de 2007, resolve: Art. 1º Declarar aprovado o leiaute dos arquivos que compõem o Sistema de Escrituração Fiscal Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas (eSocial), que será exigido para os eventos ocorridos a partir da competência de janeiro de 2014. Parágrafo único. O leiaute aprovado nos termos do caput consta no Manual de Orientação do eSocial - versão 1.0, que está disponível na Internet, no endereço eletrônico <www.esocial.gov.br> . Art. 2º A escrituração de que trata o art. 1º é composta pelos eventos decorrentes das obrigações fiscais, previdenciárias e trabalhistas, cujos arquivos deverão ser transmitidos em meio eletrônico pela empresa, pelo empregador ou por outros obrigados a eles equiparados, nos prazos a serem estipulados em ato específico. Art. 3º Este Ato Declaratório Executivo entra em vigor na data de sua publicação. CAIO MARCOS CANDIDO Página 1
  • 14. CCIIRRCCUULLAARR 664422 ee 665577 -- CCEEFF O QUE VENHA A SER ESTA O QUE VENHA A SER ESTA CIRCULAR CIRCULAR Aprova e divulga o leiaute e prazos do Sistema de Escrituração Fiscal Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas - e-Social.
  • 15.
  • 17. PPRROOJJEETTOO EE--SSOOCCIIAALL “Aprendi que não posso desistir de um sonho por causa do tempo que levará para concretizá-lo...O tempo passará de todo jeito...”
  • 18. VEREMOS T-REX T – REX HARPIA LEÃO
  • 19.
  • 20. LIVRO OU FICHA DE REGISTRO DE EMPREGADOS
  • 22. SPED CONTÁBIL / SPED FISCAL Malha fina , monitoramento das contas bancárias PROBLEMAS.. PROBLEMAS.... PROBLEMAS...... Prob.... Organizar a empresa Interia com Urgência ESSE TAL DE E-SOCIAL!! AGORA EM 2014...
  • 23. PPEESSQQUUIISSAASS…… Segundo levantamento realizado pela consultoria Paycon com 112 empresas atuantes no país com, em média, 300 funcionários
  • 24. EENNQQUUEETTEE…… FENACON DIVULGA ENQUETE – 09.05.2014
  • 25.
  • 26.
  • 27.
  • 28.
  • 29. O QUE O QUE PPRREECCIISSOO PPAARRAA EENNVVIIAARR CCEERRTTIFIFICICAAÇÇÃÃOO D DIGIGITITAALL
  • 33. CONSTRUÇÃO COLETIVA Quais são Quais são aass eemmpprreessaass PPiliolottoo ??
  • 36. VVaannttaaggeennss ppaarraa oo EEmmpprreeggaaddoorr
  • 37. SUBSTITUIÇÃO GRADUAL UNIFICAÇÃO DAS OBRIGAÇÕES ACESSÓRIAS Todas as obrigações existentes hoje num clique
  • 38. CENÁRIO ATUAL Hoje qualquer empregador, independente de seu porte ou atividade, é obrigado a preencher e transmitir diversas declarações que possuem as mesmas informações Hoje qualquer empregador, independente de seu porte ou atividade, é obrigado a preencher e transmitir diversas declarações que possuem as mesmas informações
  • 39. CENÁRIO PROPOSTO Página 5 A proposta é que o empregador transmitirá os eventos no e-Social com seu “código de acesso” ou “certificado digital” através da internet e tais informações alimentarão as bases dos diversos sistemas governamentais que executam as políticas trabalhistas, previdenciárias e tributárias decorrentes dos vínculos de emprego. Estas informações ficam gravadas em um Web-Service A proposta é que o empregador transmitirá os eventos no e-Social com seu “código de acesso” ou “certificado digital” através da internet e tais informações alimentarão as bases dos diversos sistemas governamentais que executam as políticas trabalhistas, previdenciárias e tributárias decorrentes dos vínculos de emprego. Estas informações ficam gravadas em um Web-Service
  • 40. LEIAUTE MAIS COMPLEXO Será exigida uma coleção considerável de dados interdepartamental. Compreenderá todo um complexo leque de eventos sociais como: contratação de prestadores de serviços; autônomos; Cooperativas alterações de cargos; dissídios, entre outros eventos que exigem esforços de diversos departamentos. Será exigida uma coleção considerável de dados interdepartamental. Compreenderá todo um complexo leque de eventos sociais como: contratação de prestadores de serviços; autônomos; Cooperativas alterações de cargos; dissídios, entre outros eventos que exigem esforços de diversos departamentos.
  • 44. E-SOCIAL - DESAFIO Responsabilidades wwwwww.p.poorrtatalhlhmmaarrinin.c.coomm.b.brr
  • 45. E-SOCIAL - DESAFIO Responsabilidades wwwwww.p.poorrtatalhlhmmaarrinin.c.coomm.b.brr
  • 46. E-SOCIAL - DESAFIO Responsabilidades wwwwww.p.poorrtatalhlhmmaarrinin.c.coomm.b.brr
  • 48. QUEM SERA OBRIGATÓRIO TTOODDOOSS -- EEMMPPRREEGGAADDOORREESS TTOODDOOSS –– TTRRAABBAALLHHAADDOORREESS....
  • 49. O QUE SÃO TRABALHADORES ? TIPOS DE TRABALHADORES
  • 50. COMO ENVIAR AS INFORMAÇÕES ? P.V.A - PROGRAMA VALIDADOR E ASSINADOR VALIDAÇÃO DOS ARQUIVOS Não haverá PVA - Programa Validador Arquivos Não haverá PVA - Programa Validador Arquivos XML - Seu objetivo principal é a facilidade de compartilhamento de informações através da Internet. XML - Seu objetivo principal é a facilidade de compartilhamento de informações através da Internet. em português Linguagem Extensível de Marcação Genérica. em português Linguagem Extensível de Marcação Genérica.
  • 51. COMO ENVIAR AS INFORMAÇÕES ?
  • 52.
  • 53. GESTÃO DE PESSOAS O empregador terá que investir na área de capacitação profissional e na contratação de novos colaboradores para atender à demanda destas obrigações, com certeza, quando você for enviar essas informações para o eSocial, essas informações serão criticadas e vai gerar erros. O empregador terá que investir na área de capacitação profissional e na contratação de novos colaboradores para atender à demanda destas obrigações, com certeza, quando você for enviar essas informações para o eSocial, essas informações serão criticadas e vai gerar erros.
  • 55. E-SOCIAL - Sistemas de Informação wwwwww.p.poorrtatalhlhmmaarrinin.c.coomm.b.brr
  • 56. E-SOCIAL - O Projeto como um todo wwwwww.p.poorrtatalhlhmmaarrinin.c.coomm.b.brr
  • 57. MULTAS TRABALHISTAS Quais os valores hoje Quais os valores hoje a atutuaaisis v veejajammooss ? ?
  • 61.
  • 63.
  • 65. R E T ? Página 7
  • 71. DADOS DO EMPREGADOR Versão 1.2 beta 5.9 3 de Novembro de 2014 Oficioso CNAE - FPAS - RAT - FAP
  • 74. ÚLTIMAS NOTICIAS Preparativo para o eSocial Qualificação cadastral dos trabalhadores
  • 75. ÚLTIMAS NOTICIAS Preparativo para o eSocial Qualificação cadastral dos trabalhadores
  • 76. ÚLTIMAS NOTICIAS Preparativo para o eSocial Qualificação cadastral dos trabalhadores
  • 77. ÚLTIMAS NOTICIAS Preparativo para o eSocial Qualificação cadastral dos trabalhadores
  • 80. INFORMAÇÕES DIVIDIDAS EVENTOS TEMPESTIVOS DEVEM SER INFORMANDOS ANTES OU ATÉ A DATA EVENTO QUAIS SÃO ESTES EVENTOS ?
  • 94. ASPECTOS TÉCNICOS Transmissão dos eventos trabalhistas desvinculada da transmissão da folha;
  • 95. INFORMAÇÕES DIVIDIDAS EVENTOS MENSAIS ATÉ QUANDO DEVEM SER INFORMADOS ? QUAIS SÃO ESTES EVENTOS ?
  • 100. INFORMAÇÕES BASE DADOS FOLHA MENSAL
  • 105.
  • 106. eSocial Sem Movimento: informação no S- 1399 Ausência de Fato Gerador: Não havendo fatos geradores na competência, essa informação deve ser enviada no S-1399 (fechamento), que terá validade até o final do ano-calendário, ou até que haja uma nova movimentação.
  • 115. D A E
  • 119. PREVISÃO Carteira de Trabalho Informatizada e Cartão de Identificação do Trabalhador Bloco Específico Justiça Trabalho DCTF WEB GGEERRAARR – – D DAARRFF - - F FGGTTSS
  • 121. PREVISÃO O trabalhador terá uma base única de informação, a qual poderá consultar na hora em que desejar, evitando movimentações fraudulentas e também o corre-corre atrás das empresas que fora empregado e, principalmente, evitando surpresas desagradáveis sobre seus recolhimentos de INSS e FGTS.
  • 125.
  • 126.
  • 127. FISCALIZAÇÃO ELETRÔNICA Resultado de Fiscalizações encerradas no ano 2010 sobre diferença de valores Resultado de Fiscalizações encerradas no ano 2010 sobre diferença de valores de contribuições previdenciárias devidas que foram informadas em folha de Pagamento e não foram de contribuições previdenciárias devidas que foram informadas em folha de Pagamento e não foram declaradas em GFIP R$ 3.556.082.242,60 declaradas em GFIP R$ 3.556.082.242,60 Resultado de fiscalizações encerradas em 2010 sobre salários e ordenados pagos a empregados não incluídos em folha de pagamento pelas empresas: R$ 1.743.830.046,93 Para finalizar, apenas mais uma informação: segundo o levantamento da Receita Federal feito em 2012, considerando o Brasil inteiro, a diferença de valores das contribuições previdenciárias devidas, que foram informadas em folha de pagamento e que não foram declaradas na GFIP, somam mais de R$ 4 bilhões. Para finalizar, apenas mais uma informação: segundo o levantamento da Receita Federal feito em 2012, considerando o Brasil inteiro, a diferença de valores das contribuições previdenciárias devidas, que foram informadas em folha de pagamento e que não foram declaradas na GFIP, somam mais de R$ 4 bilhões.
  • 131. NOTAS e-SOCIAL Maia: “O objetivo do projeto eSocial é ter um empregador prestando a informação uma vez a todos os entes (RFB, MTE, PREVIDÊNCIA, CEF).” Maia: “Receber 2 vezes a mesma informação só diminui a qualidade dela, pois as 2 têm diferentes objetivos.” Nota: E o que dizer do "extraordinário" Homolognet e do evento S-2800 - Desligamento? Ambos envolvem verbas rescisórias informadas analiticamente e sob interesses do MTE. Não seria uma repetição, fugindo do objetivo do eSocial? --------------------
  • 132. NOTAS e-SOCIAL Maia: “O sistema atual não garante os direitos dos trabalhadores.” Nota: Muito interessante, principalmente para quem elabora diariamente GFIP, RAIS, CAGED, Homolognet, SD, PPP, CAT, GRRF e coisas do gênero. Se estas coisas não garantem, então, porque as elaboramos? Menos... -------------------- Belmiro: “O aplicativo de qualificação de cadastro estará disponível daqui a aproximadamente 2 semanas.” Nota: Foi em 10/04/2014. Caminhando para 3 meses. Calma... Vai sair...Tenhamos fé. Estou aprendendo a ser mais otimista. ---------------------
  • 133. NOTAS e-SOCIAL Belmiro: “Em breve será lançado um canal oficial do eSocial com vídeos instrutivos.” Nota: Calma... "Em breve"... Vamos aguardar. Belmiro: "Ato formalizando (o eSocial) está SENDO DISCUTIDO na CASA CIVIL. Pode sair a qualquer momento." Nota: Vamos aguardar...
  • 134. MAPEAMENTO, IMPLANTAÇÃO E VALIDAÇÃO DO e-SOCIAL
  • 136. AGRADECIMENTOS Desejamos a Todos os Participantes Paz, Saúde e muito SUCE$$O! Desejamos a Todos os Participantes Paz, Saúde e muito SUCE$$O! DUVIDAS jhjhaammaarrinin@@ggmmaaili.l.ccoomm www.portalhmarin.com.br