Fertirrigação

11.052 visualizações

Publicada em

If baiano campus catu
aluno Gustavo Pereira
3ª C

Publicada em: Educação, Negócios
0 comentários
5 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
11.052
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
19
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
466
Comentários
0
Gostaram
5
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Fertirrigação

  1. 1. FERTIRRIGAÇÃO Técnicos responsáveis Gisele Batista Gustavo Pereira Laila Mariana Luana Velloso Nailane Mota e Patrícia dos Santos
  2. 2. INTRODUÇÃO <ul><li>Termo fertirrigação; </li></ul><ul><li>Situação mundial; </li></ul><ul><li>Israel (80% da superfície irrigada é com fertirrigação), </li></ul><ul><li>Estados Unidos, maior superfície com fertirrigação (1 milhão de ha), </li></ul><ul><li>Espanha segundo maior (450 mil ha), </li></ul>
  3. 3. VANTAGENS <ul><li>Melhor aproveitamento dos equipamentos de irrigação; </li></ul><ul><li>Economia de mão-de-obra; </li></ul><ul><li>Economia e praticidade; </li></ul><ul><li>Distribuição uniforme e localizada dos fertilizantes; </li></ul><ul><li>Aplicação em qualquer fase de desenvolvimento da cultura; </li></ul><ul><li>Eficiência do uso e economia de fertilizantes; </li></ul><ul><li>Redução da compactação do solo e dos danos mecânicos à cultura; </li></ul>
  4. 4. <ul><li>Controle de profundidade de aplicação e absorção; </li></ul><ul><li>Aplicação de micro-nutrientes; </li></ul><ul><li>Redução do custo de aplicação; </li></ul>
  5. 5. DESVANTAGENS <ul><li>Custo inicial elevado; </li></ul><ul><li>Entupimento da tubulação; </li></ul><ul><li>Aumento excessivo da salinidade da água; </li></ul><ul><li>Corrosão; </li></ul><ul><li>É importante ressaltar que nem todas essas desvantagens se deve ao método em si, mas sim ao manejo incorreto e à falta de informações que existe com relação à nutrição das plantas. </li></ul>
  6. 6. <ul><li>As grandes vantagens do sistema de fertirrigação compensam em muito os inconvenientes citados. </li></ul><ul><li>O custo inicial pode ser amortizado com o tempo, e a obstrução dos gotejadores pode ser evitada seguindo uma tecnologia de fertirrigação adequada. </li></ul><ul><li>Profissionais competentes podem ser formados mediante cursos especializados e publicações que ilustrem as dificuldades dos usuários. </li></ul>
  7. 7. Forma do bulbo molhado em solos com diferentes texturas.
  8. 8. INJETORES <ul><li>Considerado principal componente do sistema; </li></ul><ul><li>Podem ser classificado em 4 grupos: </li></ul><ul><li>1- Os que utilizam pressão positiva (bomba injetora); </li></ul><ul><li>2- Os que utilizam diferença de pressão (tanque de derivação); </li></ul><ul><li>3- Os que utilizam pressão negativa (venturi); </li></ul><ul><li>4- Bomba centrífuga </li></ul>
  9. 9. Métodos de injeção <ul><li>Bomba de deslocamento positivo </li></ul><ul><li>(bombas recíprocas, rotativas e mistas) </li></ul><ul><li>Rotativa(pistão, diafragma) </li></ul><ul><li>Métodos de pressão diferencal </li></ul><ul><li>(injeção na linha de sucção, injeção na linha de irrigação) </li></ul>
  10. 10. BOMBA INJETORA
  11. 11. VENTURI <ul><li>É muito utilizado e consiste em um estrangulamento de uma tubulação, causando um grande aumento da velocidade. Como a energia total da água é a mesma, o aumento considerável da velocidade causa uma redução na pressão a ponto de promover uma sucção resultante da mudança de velocidade do fluxo. Com isso, a solução contida num reservatório aberto é aspirada e incorporada na água de irrigação. </li></ul>
  12. 12. VENTURI
  13. 13. Bombas centrífugas <ul><li>As bombas centrifugas de pequeno porte fluxo radial podem ser usadas para injetar adubos dentro dos sistemas de irrigação. </li></ul><ul><li>Funciona através do bombeamento da solução com uso de bomba centrifuga. </li></ul>
  14. 14. Tanque de derivação <ul><li>Sistema raro e não utilizado mais. </li></ul><ul><li>O fertilizante é colocado dentro deste cilindro formando a solução nutritiva </li></ul><ul><li>junto com a água que se destina às plantas. </li></ul>
  15. 15. BOMBAS DOSADORAS <ul><li>Não é recomendado ( peças quase sempre importadas). </li></ul>
  16. 16. NUTRIÇÃO DAS PLANTAS <ul><li>os vegetais absorvem do solo os elementos, necessários ou não, para completar seu ciclo vital. </li></ul><ul><li>O carbono e o oxigênio são provenientes do gás carbônico, e o hidrogênio proveniente da água. </li></ul><ul><li>Os demais são os elementos minerais, encontrados na planta e que são classificados em 3 grupos. </li></ul><ul><li>Elemento essencial, benéfico e tóxico. </li></ul>
  17. 17. Elemento essencial: sem ele a planta não completa seu ciclo vital. <ul><li>Critérios: </li></ul><ul><li>Em nutrição de plantas, os elementos necessários para o desenvolvimento de todas as culturas estão agrupados em 3 categorias de acordo com a quantidade necessária. • Macronutrientes. Carbono, hidrogênio, oxigênio, nitrogênio, fósforo, potássio, cálcio, magnésio e enxofre. • Micronutrientes. Ferro, manganês, cobre, zinco, boro, molibdênio, cloro. • Os elementos menores ou traço. Cobalto, sódio, silício. </li></ul>
  18. 18. Elemento benéfico : s em o elemento a planta vive e completa o seu ciclo vital. <ul><li>Sua presença pode ajudar o crescimento e aumentar a produção. A lista dos elementos benéficos é a seguinte: Si e Na . </li></ul><ul><li>Elemento tóxico: tanto os elementos essenciais como benéficos podem ser tóxicos aos vegetais, quando presentes em concentração altas no meio. </li></ul>
  19. 19. FERTILIZANTES <ul><li>Os principais fertilizantes empregados na fertirrigação com a solubilidade; </li></ul>
  20. 20. COMPATIBILIDADE DOS FERTILIZANTES
  21. 21. Fertilizantes para fertirrigação <ul><li>Condições: </li></ul><ul><li>Sistema esteja adequadamente dimensionado, </li></ul><ul><li>E que a água seja aplicada de forma homogênea em toda a superfície irrigada. </li></ul><ul><li>Sistemas mais eficientes: </li></ul><ul><li>Gotejamento </li></ul><ul><li>Microaspersão </li></ul>
  22. 22. Considerações finais <ul><li>Existem vários métodos de aplicação de produtos químicos, a escolha de um deles dependerá principalmente das condições financeiras do agricultor, de fatores edáficos, topográficos, valor comercial da cultura e sensibilidade da mesma a variações de concentração de nutrientes no sistema . </li></ul>
  23. 23. OBRIGADO!!!!!!

×