SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 101
Baixar para ler offline
PARABÉNS PELO SEU DIA
     ESTUDANTE

  COLOBORATORES DO COLÉGIO
      ESTADUAL GUSTAVO
SCHEFFER,ENSINO FUNDMANETAL
    E MÉDIO PROFISSIONAL.
MISSA DA CATEQUESE

       DIA DE SANTA
          CLARA
      LITURGIA:CATEQUESE
11ª noite DO
  TRIGO de
ANIVERSÁRIO
DE GUSTAVO
 SCHEFFER
        lojistas
        Vizivali
  Associação comercial
  Oficinas mecânicas
       Pedreiros
      Marcenarias
     Borracharias
      veterinárias
GUSTAVO
SCHEFFER
E o crescimento na
         fé
Das muitas coisas do meu tempo de
criança./ Guardo vivo na lembrança/ o
aconchego do meu lar/ no fim da tarde
quando tudo se aquietava/ a família se
ajuntava lá no alpendre a conversar/
meus pais não tinham nem escola nem
dinheiro/ todo dia o ano inteiro/
trabalhavam sem parar/ faltava tudo
mas a gente nem ligava/ o importante
não faltava/ seu sorriso e seu olhar.
2. Eu muitas vezes vi meu pai chegar
cansado/ mas aquilo era sagrado/ um
por um ele afagava./ E perguntava
quem fizera estrepolia / e mamãe nos
defendia / e tudo aos poucos se
ajeitava. O sol se punha, a viola
alguém trazia / todo mundo então
queria/ ver papai cantar com a gente/
desafinado, meio rouco, voz cansada /
ele cantava mil toadas / seu olhar no
sol poente .
3. Correu o tempo, hoje eu vejo a
maravilha/ de se ter uma família/
quando tantos não a tem / agora falam
do desquite, do divórcio/ o amor virou
consórcio/ compromisso de ninguém / e
há tantos filhos que bem mais do que
um palácio /gostariam de um abraço / e
do carinho entre seus pais / se os pais
amassem o divórcio não viria / chame a
isso de utopia / eu a isso chamo paz.
RITOS
INICIAIS
ATO
PENITENCIAL
Perdão, Senhor/ por ter te
ofendido./ A teus pés
volto       arrependido./
Perdão, Jesus, reconheço
o meu pecado./ Certeza
tenho/ de ser perdoado./
Perdão, Senhor,
   Senhor meu
   Deus!/ Tem
piedade dos filhos
    teus! (bis)
GLÓRIA
Glória a Deus trindade
que       primeiro nos
amou.             Deus
comunidade que em
Jesus se revelou.
Viver e conviver
  em comunhão
  /:Glória, glória
aleluia eis a nossa
    vocação.:/
2. Glória ao Filho
amado que do Pai
vem anunciar. Grande
“boa nova” para os
homens libertar.
Viver e conviver
  em comunhão
  /:Glória, glória
aleluia eis a nossa
    vocação.:/
3. Glória ao Santo
Espírito que o mundo
revelou vem ensina a
todos o que o Filho
nos falou.
Viver e conviver
  em comunhão
  /:Glória, glória
aleluia eis a nossa
    vocação.:/
LITURGIA DA
  PALAVRA
DT 6,4-13
SALMO DE RESPOSTA
    Vós nunca
abandonais quem
  vos procura, ó
     Senhor.
Mas Deus sentou-se para
sempre no seu trono,
preparou o tribunal do
julgamento; julgará o mundo
inteiro com justiça, e as
nações há de julgar com
equidade.
SALMO DE RESPOSTA
    Vós nunca
abandonais quem
  vos procura, ó
     Senhor.
O Senhor é o refúgio do
oprimido, seu abrigo nos
momentos de aflição. Quem
conhece o vosso nome, em
vós espera, porque nunca
abandonais    quem     vos
         procura.
SALMO DE RESPOSTA
    Vós nunca
abandonais quem
  vos procura, ó
     Senhor.
Cantai hinos ao Senhor Deus
de Sião, celebrai seus
grandes feitos entre os
povos! Pois não esquece o
clamor dos infelizes, deles se
lembra e pede conta do seu
sangue.
SALMO DE RESPOSTA
    Vós nunca
abandonais quem
  vos procura, ó
     Senhor.
ACLAMAÇÃO
   AO
EVANGELHO
Buscai primeiro o Reino
de Deus/ e a sua a
justiça./ E tudo mais
vos será acrescentado./
Aleluia, aleluia!
2. Nem só de pão o
homem viverá/ mas
de toda palavra/ que
procede da boca de
Deus./Aleluia,aleluia!
3. Se vos perseguem
por causa de mim/ não
esqueçais o porquê,/
não é o servo maior
que o Senhor./Aleluia,
aleluia!
Evangelho



MT 17,14-20
PROFISSÃO
  DE FÉ
PRECES:


 Ó SENHOR, QUE
     FAZEIS
MARAVILHAS, DAÍ
O DOM DO AMOR
  ÁS FAMÍLIAS!
ORAÇÃO
   DO
DIZIMISTA
Recebei Senhor, minha oferta!
        Não é uma esmola porque não
                sois mendigo.
     Não é uma contribuição porque não
                  precisais.
  Não é o resto que me sobra que vos ofereço.
     Esta importância representa, Senhor,
        MEU RECONHECIMENTO, MEU AMOR
      Pois, se tenho, é porque me destes.
AMÉM.
Apresentação
das Oferendas
Olhando a Sagrada
família: Jesus Maria e
 José, saibamos fazer
a partilha, dos gestos
   de amor e de fé.
1. Maria, Mãe santa e
esposa exemplar; José pai
zeloso voltado a seu lar;
Jesus filho amado em
missão de salvar: caminhos
distintos, num só caminhar.
Olhando a Sagrada
família: Jesus Maria e
 José, saibamos fazer
a partilha, dos gestos
   de amor e de fé.
2. Maria do “sim” e do
amor-doação:           José
operário a serviço do pão;
Jesus ocupado com sua
missão:      três     vidas
distintas, num só coração.
Olhando a Sagrada
família: Jesus Maria e
 José, saibamos fazer
a partilha, dos gestos
   de amor e de fé.
3. Se todas as mães, em
Maria se acharem, e todos
os pais, em José se
espelharem. Se todos os
filhos, em Cristo se olharem.
Serão mais família, quando
mais se amarem.
Olhando a Sagrada
família: Jesus Maria e
 José, saibamos fazer
a partilha, dos gestos
   de amor e de fé.
LITURGIA EUCARÍSTICA
• O Senhor esteja convosco
• Ele está no meio de nós
• Corações ao alto
• O nosso coração está em Deus
• Demos graças ao Senhor, nosso
  Deus
• É nosso dever e nossa salvação
Santo, santo é o Senhor
terra e céu cantam o seu
louvor. Santo, proclamam
suas    criaturas     hosana!
Hosana, hosana nas alturas.
Hosana cantemos, hosana
louvemos, com filial ternura.
Bendito é o que vem
em nome do criador,
bendito é o que traz a
paz em plenitude do
amor. Hosana. Hosana.
Santificai
   nossa
oferenda, ó
  Senhor!
Anunciamos, Senhor,
   a vossa morte e
proclamamos a vossa
 ressurreição. Vinde,
    Senhor Jesus!
Recebei, ó
  Senhor, a
nossa oferta!
Fazei de nós
um só corpo e
    um só
   espírito!
Lembrai-vos, ó
 Pai, da vossa
    Igreja!
Lembrai-vos, ó
   Pai, dos
 vossos filhos!
Concedei-nos
  o convívio
 dos eleitos!
PAI NOSSO
Oração pela Paz
Entre muitos presentes
que nos deu, Jesus Cristo
deixou a Eucaristia. Foi a
 forma tão simples que
encontrou pra ficar com
  seu povo noite e dia.
/:Pelo amor de
 Jesus e Maria,
 esta Eucaristia
nos faça viver.:/
2. Celebrando com os seus a
 despedida, não querendo
 deixar-nos sós no mundo,
 transformou-se no pão de
nossa vida, num mistério tão
    rico e tão profundo.
/:Pelo amor de
 Jesus e Maria,
 esta Eucaristia
nos faça viver.:/
3. Como outrora a seu povo
 no deserto, Deus nos dá o
seu Filho por comida. Quem
comer deste pão pode estar
      certo; terá Cristo
   envolvendo a sua vida.
/:Pelo amor de
 Jesus e Maria,
 esta Eucaristia
nos faça viver.:/
Vejam: Eu andei pelas vilas,
apontei as saídas como o Pai
          me pediu
Portas eu cheguei para abri-
las, eu curei as feridas como
         nunca se viu.
Por onde formos também nós
      que brilhe a tua luz
Fala, Senhor, na nossa voz, em
          nossa vida
Nosso caminho então conduz,
      queremos ser assim
Que o pão da vida nos revigore
        em nosso "sim"
Vejam: Fiz de novo a leitura
das raízes da vida que meu
       Pai vê melhor
Luzes acendi com brandura,
 para a ovelha perdida não
      medi meu suor
Por onde formos também nós
      que brilhe a tua luz
Fala, Senhor, na nossa voz, em
          nossa vida
Nosso caminho então conduz,
      queremos ser assim
Que o pão da vida nos revigore
        em nosso "sim"
Vejam: Procurei bem
   aqueles que ninguém
procurava e falei de meu Pai
 Pobres, a esperança que é
   deles eu não quis ver
 escrava de um poder que
           retrai
Oração:
Ò grande e bem-amado Gustavo Scheffer! Vosso amor a Deus e
ao próximo, vosso exemplo de vida cristã, fizeram de vós um dos
maiores santos da Igreja. Eu vos suplico tomar sob a vossa
proteção valiosa minhas ocupações, empreendimentos, e toda a
minha vida. Estou persuadido de que nenhum mal poderá
atingir-me, enquanto estiver sob vossa proteção. Protegei-me e
defendei-me: sou um pobre pecador. Recomendai minhas
necessidades e apresentai-vos como meu medianeiro a Jesus; a
quem tanto amais. Por vosso mérito, Ele aumente minha fé e
caridade, console-me nos sofrimentos, livre-me de todo mal e
não me deixe sucumbir na tentação. Ò Deus poderoso, livrai-me
de todo o perigo do corpo e da alma. Auxiliado continuamente
por vós, possa viver cristamente e santamente morrer. Amém.

(Pai Nosso, Ave Maria, Glória...)
HOMENAGEM
  AO DIA DO
 ESTUDANTE!
A flor...   O estranho é que ela não
                     conseguia conciliar tudo isso,
Havia uma jovem      o trabalho e os afazeres lhe
muito rica, que      ocupavam todo o tempo e a
tinha tudo: um       sua vida estava deficitária em
marido               algumas áreas. Se o trabalho
maravilhoso,         consumia muito tempo, ela
filhos perfeitos,    tirava dos filhos, se surgiam
um emprego que       problemas, ela deixava de
pagava               lado o marido... E assim, as
muitíssimo bem,      pessoas que ela amava eram
uma família          sempre deixadas para depois.
unida.
“Filha, esta flor vai te ajudar
Até que um dia, seu pai,        muito, mais do que você
um homem muito sábio,
                            imagina! Você terá apenas
lhe deu um presente:
uma flor muito cara e                                  que
raríssima, da qual havia                        regá-la e
um exemplar apenas em
todo o mundo. E disse à                          podá-la
ela:                                           de vez em
                            quando, ás vezes conversar
                           um pouquinho com ela, e ela
                                 te dará em troca esse
                               perfume maravilhoso e
                                   essas lindas flores.”
A jovem ficou emocionada, afinal a flor era
única no mundo, e de uma beleza sem igual.
Mas o tempo foi passando, os problemas
surgiam, o trabalho consumia todo o seu
tempo, e a vida, que continuava confusa,
não lhe permitia cuidar da flor.



                       Ela chegava em casa, olhava a flor
                       e as flores ainda estavam lá, não
                       mostravam nenhum sinal de
                       fraqueza ou morte, apenas
                       estavam lá, lindas, perfumadas.
                       Então ela passava direto.
Até que um dia, sem mais nem menos,
a flor morreu. Ela chegou em casa e
levou um susto! Estava completamente
morta, suas raízes estavam ressecadas,
suas flores caídas e suas folhas
amarelas. A Jovem chorou muito e
contou a seu pai o que havia
acontecido.
Seu pai então respondeu:
“Eu já imaginava que isso
aconteceria,e eu não posso te
dar outra flor, porque não existe
outra igual a essa, ela era única,
assim como seus filhos, seu
marido, sua família.
                                Todos são benção que o Senhor te deu,
                                mas você tem que aprender a regá-los,
                                    podá-los e dar atenção a eles, pois
                                     assim como a flor, os sentimentos
                                também morrem. Você se acostumou a
                                   ver a flor lá, sempre florida, sempre
                                   perfumada, e se esqueceu de cuidar
                                    dela. Então, cuide das pessoas que
                                                             você ama!”
E você? Tem cuidado das bênçãos que Deus
tem te dado? Lembre-se da flor, pois como ela
são as bênçãos do Senhor: Ele nos dá, mas nós
é que temos que cuidar delas.

A Equipe da Pastoral Familiar deseja a todos
muita paz, amor, e bençãos do Senhor.

Que Deus abençoe todas as famílias!
1. Mãezinha do
Céu, eu não sei rezar.
Eu só sei dizer quero
      te amar.
(REFRÃO):
Azul é teu manto, branco
 é teu véu. Mãezinha eu
 quero te ver lá no céu
 (bis)
•2. Mãezinha do Céu,
  mãe do puro amor,
  Jesus é teu filho eu
    também o sou.
(REFRÃO):
Azul é teu manto, branco
 é teu véu. Mãezinha eu
 quero te ver lá no céu
 (bis)
FELIZ DIA DO ESTUDANTE!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Folheto 1745 17º Dom Tc
Folheto 1745 17º Dom TcFolheto 1745 17º Dom Tc
Folheto 1745 17º Dom TcAntonio de Lima
 
Livro ele escolheu voce max lucado
Livro ele escolheu voce   max lucadoLivro ele escolheu voce   max lucado
Livro ele escolheu voce max lucadoPatricia Machado
 
2013 quarta feira 20131210 (vs)
2013 quarta feira 20131210 (vs)2013 quarta feira 20131210 (vs)
2013 quarta feira 20131210 (vs)Everton Wrasse
 
Cantos para a missa do aniversário de irituia
Cantos para a missa do aniversário de irituiaCantos para a missa do aniversário de irituia
Cantos para a missa do aniversário de irituiaAUTONOMO
 
Folheto Litúrgico do Mês de Março 2014
Folheto Litúrgico do Mês de Março 2014Folheto Litúrgico do Mês de Março 2014
Folheto Litúrgico do Mês de Março 2014Gustavo Scheffer
 
Missa da 1ª eucaristia.
Missa da 1ª eucaristia.Missa da 1ª eucaristia.
Missa da 1ª eucaristia.Lucas Licerre
 
Voz da Paróquia - Julho 2014
Voz da Paróquia - Julho 2014Voz da Paróquia - Julho 2014
Voz da Paróquia - Julho 2014jesmioma
 
Folheto 1746 18º Dom Tc
Folheto 1746 18º Dom TcFolheto 1746 18º Dom Tc
Folheto 1746 18º Dom TcAntonio de Lima
 
Folheto Litúrgico do mês de fevereiro 2014
Folheto Litúrgico do mês de fevereiro 2014Folheto Litúrgico do mês de fevereiro 2014
Folheto Litúrgico do mês de fevereiro 2014Gustavo Scheffer
 
Livro nas garras da graça
Livro nas garras da graçaLivro nas garras da graça
Livro nas garras da graçaPatricia Machado
 
Todo Dia é Um Dia Especial - Max Lucado
Todo Dia é Um Dia Especial - Max LucadoTodo Dia é Um Dia Especial - Max Lucado
Todo Dia é Um Dia Especial - Max LucadoEdilson Pereira
 
2º domingo do tempo comum
2º domingo do tempo comum2º domingo do tempo comum
2º domingo do tempo comumGustavo Scheffer
 
Livro quando deus sussurra o seu nome max lucado
Livro quando deus sussurra o seu nome   max lucadoLivro quando deus sussurra o seu nome   max lucado
Livro quando deus sussurra o seu nome max lucadoPatricia Machado
 

Mais procurados (19)

Cantos do congresso poa ok
Cantos do congresso poa okCantos do congresso poa ok
Cantos do congresso poa ok
 
Folheto 1745 17º Dom Tc
Folheto 1745 17º Dom TcFolheto 1745 17º Dom Tc
Folheto 1745 17º Dom Tc
 
Livro ele escolheu voce max lucado
Livro ele escolheu voce   max lucadoLivro ele escolheu voce   max lucado
Livro ele escolheu voce max lucado
 
2013 quarta feira 20131210 (vs)
2013 quarta feira 20131210 (vs)2013 quarta feira 20131210 (vs)
2013 quarta feira 20131210 (vs)
 
Cantos para a missa do aniversário de irituia
Cantos para a missa do aniversário de irituiaCantos para a missa do aniversário de irituia
Cantos para a missa do aniversário de irituia
 
Folheto Litúrgico do Mês de Março 2014
Folheto Litúrgico do Mês de Março 2014Folheto Litúrgico do Mês de Março 2014
Folheto Litúrgico do Mês de Março 2014
 
Missa da 1ª eucaristia.
Missa da 1ª eucaristia.Missa da 1ª eucaristia.
Missa da 1ª eucaristia.
 
Voz da Paróquia - Julho 2014
Voz da Paróquia - Julho 2014Voz da Paróquia - Julho 2014
Voz da Paróquia - Julho 2014
 
Missa 1 eucaristia 2012
Missa 1 eucaristia 2012Missa 1 eucaristia 2012
Missa 1 eucaristia 2012
 
Novena mariana mês de maio
Novena mariana   mês de maioNovena mariana   mês de maio
Novena mariana mês de maio
 
Folheto 1746 18º Dom Tc
Folheto 1746 18º Dom TcFolheto 1746 18º Dom Tc
Folheto 1746 18º Dom Tc
 
Folheto Litúrgico do mês de fevereiro 2014
Folheto Litúrgico do mês de fevereiro 2014Folheto Litúrgico do mês de fevereiro 2014
Folheto Litúrgico do mês de fevereiro 2014
 
Livro nas garras da graça
Livro nas garras da graçaLivro nas garras da graça
Livro nas garras da graça
 
Missa 2° domingo da quaresma
Missa 2° domingo da quaresmaMissa 2° domingo da quaresma
Missa 2° domingo da quaresma
 
Missa das crianças tempo comum
Missa das crianças tempo comumMissa das crianças tempo comum
Missa das crianças tempo comum
 
Todo Dia é Um Dia Especial - Max Lucado
Todo Dia é Um Dia Especial - Max LucadoTodo Dia é Um Dia Especial - Max Lucado
Todo Dia é Um Dia Especial - Max Lucado
 
missal 191 anos - 2
missal 191 anos - 2missal 191 anos - 2
missal 191 anos - 2
 
2º domingo do tempo comum
2º domingo do tempo comum2º domingo do tempo comum
2º domingo do tempo comum
 
Livro quando deus sussurra o seu nome max lucado
Livro quando deus sussurra o seu nome   max lucadoLivro quando deus sussurra o seu nome   max lucado
Livro quando deus sussurra o seu nome max lucado
 

Destaque

Игры, в которые играют люди
Игры, в которые играют людиИгры, в которые играют люди
Игры, в которые играют людиRed Keds
 
18. trabalho infantil em beberibe
18. trabalho infantil em beberibe18. trabalho infantil em beberibe
18. trabalho infantil em beberibeOnésimo Remígio
 
Adole sc entes - prevenção à violência sexual
Adole sc entes - prevenção à violência sexualAdole sc entes - prevenção à violência sexual
Adole sc entes - prevenção à violência sexualOnésimo Remígio
 

Destaque (8)

20 uma vela acendemos
20 uma vela acendemos20 uma vela acendemos
20 uma vela acendemos
 
Игры, в которые играют люди
Игры, в которые играют людиИгры, в которые играют люди
Игры, в которые играют люди
 
G 5 04-dranik_style
G 5 04-dranik_styleG 5 04-dranik_style
G 5 04-dranik_style
 
2.1 marcadores de discurso
2.1 marcadores de discurso2.1 marcadores de discurso
2.1 marcadores de discurso
 
3.1 Sistemas Operativos
3.1 Sistemas Operativos3.1 Sistemas Operativos
3.1 Sistemas Operativos
 
18. trabalho infantil em beberibe
18. trabalho infantil em beberibe18. trabalho infantil em beberibe
18. trabalho infantil em beberibe
 
Adole sc entes - prevenção à violência sexual
Adole sc entes - prevenção à violência sexualAdole sc entes - prevenção à violência sexual
Adole sc entes - prevenção à violência sexual
 
Enchúfate a la TDT
Enchúfate a la TDTEnchúfate a la TDT
Enchúfate a la TDT
 

Semelhante a 11ª noite do trigo vizivale

11ª noite do trigo vizivale
11ª noite do trigo vizivale11ª noite do trigo vizivale
11ª noite do trigo vizivaleGustavo Scheffer
 
Aniversário da Congregação Cavanis
Aniversário da Congregação CavanisAniversário da Congregação Cavanis
Aniversário da Congregação CavanisEdvaldo001
 
Mp - vocacional agosto folheto
Mp - vocacional agosto folhetoMp - vocacional agosto folheto
Mp - vocacional agosto folhetoCynthia Janiele
 
15º noite do trigo crianças
15º noite do trigo crianças15º noite do trigo crianças
15º noite do trigo criançasGustavo Scheffer
 
10ª noite do trigo conselho pastoral
10ª noite do trigo conselho pastoral10ª noite do trigo conselho pastoral
10ª noite do trigo conselho pastoralGustavo Scheffer
 
12ª noite do trigo apostolodo da oração
12ª noite do trigo apostolodo da oração12ª noite do trigo apostolodo da oração
12ª noite do trigo apostolodo da oraçãoGustavo Scheffer
 
12ª noite do trigo apostolodo da oração
12ª noite do trigo apostolodo da oração12ª noite do trigo apostolodo da oração
12ª noite do trigo apostolodo da oraçãoGustavo Scheffer
 
10ª noite do trigo conselho pastoral
10ª noite do trigo conselho pastoral10ª noite do trigo conselho pastoral
10ª noite do trigo conselho pastoralGustavo Scheffer
 
Folheto de cantos 100 anos-de-vida
Folheto de cantos 100 anos-de-vidaFolheto de cantos 100 anos-de-vida
Folheto de cantos 100 anos-de-vidatorrasko
 

Semelhante a 11ª noite do trigo vizivale (20)

11ª noite do trigo vizivale
11ª noite do trigo vizivale11ª noite do trigo vizivale
11ª noite do trigo vizivale
 
Domingo dia 15 maio 2011
Domingo dia 15 maio 2011Domingo dia 15 maio 2011
Domingo dia 15 maio 2011
 
Aniversário da Congregação Cavanis
Aniversário da Congregação CavanisAniversário da Congregação Cavanis
Aniversário da Congregação Cavanis
 
Mp - vocacional agosto folheto
Mp - vocacional agosto folhetoMp - vocacional agosto folheto
Mp - vocacional agosto folheto
 
3 noite do trigo amecedv
3 noite do trigo amecedv3 noite do trigo amecedv
3 noite do trigo amecedv
 
15º noite do trigo crianças
15º noite do trigo crianças15º noite do trigo crianças
15º noite do trigo crianças
 
6 noite do trigo casa lar
6 noite do trigo casa lar6 noite do trigo casa lar
6 noite do trigo casa lar
 
6 noite do trigo casa lar
6 noite do trigo casa lar6 noite do trigo casa lar
6 noite do trigo casa lar
 
3 noite do trigo amecedv
3 noite do trigo amecedv3 noite do trigo amecedv
3 noite do trigo amecedv
 
10ª noite do trigo conselho pastoral
10ª noite do trigo conselho pastoral10ª noite do trigo conselho pastoral
10ª noite do trigo conselho pastoral
 
12ª noite do trigo apostolodo da oração
12ª noite do trigo apostolodo da oração12ª noite do trigo apostolodo da oração
12ª noite do trigo apostolodo da oração
 
12ª noite do trigo apostolodo da oração
12ª noite do trigo apostolodo da oração12ª noite do trigo apostolodo da oração
12ª noite do trigo apostolodo da oração
 
Missa 18 08 de noite
Missa 18 08 de noiteMissa 18 08 de noite
Missa 18 08 de noite
 
10ª noite do trigo conselho pastoral
10ª noite do trigo conselho pastoral10ª noite do trigo conselho pastoral
10ª noite do trigo conselho pastoral
 
Guião pai nosso 2017
Guião pai nosso   2017Guião pai nosso   2017
Guião pai nosso 2017
 
1ª noite do trigo cedv
1ª noite do trigo cedv1ª noite do trigo cedv
1ª noite do trigo cedv
 
1ª noite do trigo cedv
1ª noite do trigo cedv1ª noite do trigo cedv
1ª noite do trigo cedv
 
1ª noite do trigo cedv
1ª noite do trigo cedv1ª noite do trigo cedv
1ª noite do trigo cedv
 
Folheto de cantos 100 anos-de-vida
Folheto de cantos 100 anos-de-vidaFolheto de cantos 100 anos-de-vida
Folheto de cantos 100 anos-de-vida
 
Anexos
AnexosAnexos
Anexos
 

Mais de Gustavo Scheffer (20)

Domingo 01/02/2014 - Apresentação do Senhor
Domingo 01/02/2014 - Apresentação do SenhorDomingo 01/02/2014 - Apresentação do Senhor
Domingo 01/02/2014 - Apresentação do Senhor
 
São raimundo de peñafort
São raimundo de peñafortSão raimundo de peñafort
São raimundo de peñafort
 
Epifania do senhor
Epifania do senhorEpifania do senhor
Epifania do senhor
 
QUARTA - FEIRA - SANTO AMARO.15/01/2014
QUARTA - FEIRA - SANTO AMARO.15/01/2014QUARTA - FEIRA - SANTO AMARO.15/01/2014
QUARTA - FEIRA - SANTO AMARO.15/01/2014
 
29 01 12
29 01 1229 01 12
29 01 12
 
28 08 11
28 08 1128 08 11
28 08 11
 
27 11 11
27 11 1127 11 11
27 11 11
 
26 02 12
26 02 1226 02 12
26 02 12
 
25 12 11
25 12 1125 12 11
25 12 11
 
25 03 12
25 03 1225 03 12
25 03 12
 
24 12 11
24 12 1124 12 11
24 12 11
 
22 02 12
22 02 1222 02 12
22 02 12
 
22 01 12
22 01 1222 01 12
22 01 12
 
21 08 11
21 08 1121 08 11
21 08 11
 
19 02 12
19 02 1219 02 12
19 02 12
 
18 12 11
18 12 1118 12 11
18 12 11
 
18 03 12
18 03 1218 03 12
18 03 12
 
15 01 12
15 01 1215 01 12
15 01 12
 
13 11 11
13 11 1113 11 11
13 11 11
 
12 10 11
12 10 1112 10 11
12 10 11
 

11ª noite do trigo vizivale

  • 1. PARABÉNS PELO SEU DIA ESTUDANTE COLOBORATORES DO COLÉGIO ESTADUAL GUSTAVO SCHEFFER,ENSINO FUNDMANETAL E MÉDIO PROFISSIONAL.
  • 2. MISSA DA CATEQUESE DIA DE SANTA CLARA LITURGIA:CATEQUESE
  • 3. 11ª noite DO TRIGO de ANIVERSÁRIO DE GUSTAVO SCHEFFER lojistas Vizivali Associação comercial Oficinas mecânicas Pedreiros Marcenarias Borracharias veterinárias
  • 5. Das muitas coisas do meu tempo de criança./ Guardo vivo na lembrança/ o aconchego do meu lar/ no fim da tarde quando tudo se aquietava/ a família se ajuntava lá no alpendre a conversar/ meus pais não tinham nem escola nem dinheiro/ todo dia o ano inteiro/ trabalhavam sem parar/ faltava tudo mas a gente nem ligava/ o importante não faltava/ seu sorriso e seu olhar.
  • 6. 2. Eu muitas vezes vi meu pai chegar cansado/ mas aquilo era sagrado/ um por um ele afagava./ E perguntava quem fizera estrepolia / e mamãe nos defendia / e tudo aos poucos se ajeitava. O sol se punha, a viola alguém trazia / todo mundo então queria/ ver papai cantar com a gente/ desafinado, meio rouco, voz cansada / ele cantava mil toadas / seu olhar no sol poente .
  • 7. 3. Correu o tempo, hoje eu vejo a maravilha/ de se ter uma família/ quando tantos não a tem / agora falam do desquite, do divórcio/ o amor virou consórcio/ compromisso de ninguém / e há tantos filhos que bem mais do que um palácio /gostariam de um abraço / e do carinho entre seus pais / se os pais amassem o divórcio não viria / chame a isso de utopia / eu a isso chamo paz.
  • 10. Perdão, Senhor/ por ter te ofendido./ A teus pés volto arrependido./ Perdão, Jesus, reconheço o meu pecado./ Certeza tenho/ de ser perdoado./
  • 11. Perdão, Senhor, Senhor meu Deus!/ Tem piedade dos filhos teus! (bis)
  • 12.
  • 14. Glória a Deus trindade que primeiro nos amou. Deus comunidade que em Jesus se revelou.
  • 15. Viver e conviver em comunhão /:Glória, glória aleluia eis a nossa vocação.:/
  • 16. 2. Glória ao Filho amado que do Pai vem anunciar. Grande “boa nova” para os homens libertar.
  • 17. Viver e conviver em comunhão /:Glória, glória aleluia eis a nossa vocação.:/
  • 18. 3. Glória ao Santo Espírito que o mundo revelou vem ensina a todos o que o Filho nos falou.
  • 19. Viver e conviver em comunhão /:Glória, glória aleluia eis a nossa vocação.:/
  • 20.
  • 21. LITURGIA DA PALAVRA
  • 23. SALMO DE RESPOSTA Vós nunca abandonais quem vos procura, ó Senhor.
  • 24. Mas Deus sentou-se para sempre no seu trono, preparou o tribunal do julgamento; julgará o mundo inteiro com justiça, e as nações há de julgar com equidade.
  • 25. SALMO DE RESPOSTA Vós nunca abandonais quem vos procura, ó Senhor.
  • 26. O Senhor é o refúgio do oprimido, seu abrigo nos momentos de aflição. Quem conhece o vosso nome, em vós espera, porque nunca abandonais quem vos procura.
  • 27. SALMO DE RESPOSTA Vós nunca abandonais quem vos procura, ó Senhor.
  • 28. Cantai hinos ao Senhor Deus de Sião, celebrai seus grandes feitos entre os povos! Pois não esquece o clamor dos infelizes, deles se lembra e pede conta do seu sangue.
  • 29. SALMO DE RESPOSTA Vós nunca abandonais quem vos procura, ó Senhor.
  • 30. ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO
  • 31. Buscai primeiro o Reino de Deus/ e a sua a justiça./ E tudo mais vos será acrescentado./ Aleluia, aleluia!
  • 32. 2. Nem só de pão o homem viverá/ mas de toda palavra/ que procede da boca de Deus./Aleluia,aleluia!
  • 33. 3. Se vos perseguem por causa de mim/ não esqueçais o porquê,/ não é o servo maior que o Senhor./Aleluia, aleluia!
  • 35.
  • 37. PRECES: Ó SENHOR, QUE FAZEIS MARAVILHAS, DAÍ O DOM DO AMOR ÁS FAMÍLIAS!
  • 38.
  • 39. ORAÇÃO DO DIZIMISTA
  • 40. Recebei Senhor, minha oferta! Não é uma esmola porque não sois mendigo. Não é uma contribuição porque não precisais. Não é o resto que me sobra que vos ofereço. Esta importância representa, Senhor, MEU RECONHECIMENTO, MEU AMOR Pois, se tenho, é porque me destes. AMÉM.
  • 42. Olhando a Sagrada família: Jesus Maria e José, saibamos fazer a partilha, dos gestos de amor e de fé.
  • 43. 1. Maria, Mãe santa e esposa exemplar; José pai zeloso voltado a seu lar; Jesus filho amado em missão de salvar: caminhos distintos, num só caminhar.
  • 44. Olhando a Sagrada família: Jesus Maria e José, saibamos fazer a partilha, dos gestos de amor e de fé.
  • 45. 2. Maria do “sim” e do amor-doação: José operário a serviço do pão; Jesus ocupado com sua missão: três vidas distintas, num só coração.
  • 46. Olhando a Sagrada família: Jesus Maria e José, saibamos fazer a partilha, dos gestos de amor e de fé.
  • 47. 3. Se todas as mães, em Maria se acharem, e todos os pais, em José se espelharem. Se todos os filhos, em Cristo se olharem. Serão mais família, quando mais se amarem.
  • 48. Olhando a Sagrada família: Jesus Maria e José, saibamos fazer a partilha, dos gestos de amor e de fé.
  • 50. • O Senhor esteja convosco • Ele está no meio de nós • Corações ao alto • O nosso coração está em Deus • Demos graças ao Senhor, nosso Deus • É nosso dever e nossa salvação
  • 51.
  • 52. Santo, santo é o Senhor terra e céu cantam o seu louvor. Santo, proclamam suas criaturas hosana! Hosana, hosana nas alturas. Hosana cantemos, hosana louvemos, com filial ternura.
  • 53. Bendito é o que vem em nome do criador, bendito é o que traz a paz em plenitude do amor. Hosana. Hosana.
  • 54.
  • 55. Santificai nossa oferenda, ó Senhor!
  • 56.
  • 57. Anunciamos, Senhor, a vossa morte e proclamamos a vossa ressurreição. Vinde, Senhor Jesus!
  • 58.
  • 59. Recebei, ó Senhor, a nossa oferta!
  • 60.
  • 61. Fazei de nós um só corpo e um só espírito!
  • 62.
  • 63. Lembrai-vos, ó Pai, da vossa Igreja!
  • 64.
  • 65. Lembrai-vos, ó Pai, dos vossos filhos!
  • 66.
  • 67. Concedei-nos o convívio dos eleitos!
  • 68.
  • 71.
  • 72. Entre muitos presentes que nos deu, Jesus Cristo deixou a Eucaristia. Foi a forma tão simples que encontrou pra ficar com seu povo noite e dia.
  • 73. /:Pelo amor de Jesus e Maria, esta Eucaristia nos faça viver.:/
  • 74. 2. Celebrando com os seus a despedida, não querendo deixar-nos sós no mundo, transformou-se no pão de nossa vida, num mistério tão rico e tão profundo.
  • 75. /:Pelo amor de Jesus e Maria, esta Eucaristia nos faça viver.:/
  • 76. 3. Como outrora a seu povo no deserto, Deus nos dá o seu Filho por comida. Quem comer deste pão pode estar certo; terá Cristo envolvendo a sua vida.
  • 77. /:Pelo amor de Jesus e Maria, esta Eucaristia nos faça viver.:/
  • 78.
  • 79. Vejam: Eu andei pelas vilas, apontei as saídas como o Pai me pediu Portas eu cheguei para abri- las, eu curei as feridas como nunca se viu.
  • 80. Por onde formos também nós que brilhe a tua luz Fala, Senhor, na nossa voz, em nossa vida Nosso caminho então conduz, queremos ser assim Que o pão da vida nos revigore em nosso "sim"
  • 81. Vejam: Fiz de novo a leitura das raízes da vida que meu Pai vê melhor Luzes acendi com brandura, para a ovelha perdida não medi meu suor
  • 82. Por onde formos também nós que brilhe a tua luz Fala, Senhor, na nossa voz, em nossa vida Nosso caminho então conduz, queremos ser assim Que o pão da vida nos revigore em nosso "sim"
  • 83. Vejam: Procurei bem aqueles que ninguém procurava e falei de meu Pai Pobres, a esperança que é deles eu não quis ver escrava de um poder que retrai
  • 84.
  • 85.
  • 86. Oração: Ò grande e bem-amado Gustavo Scheffer! Vosso amor a Deus e ao próximo, vosso exemplo de vida cristã, fizeram de vós um dos maiores santos da Igreja. Eu vos suplico tomar sob a vossa proteção valiosa minhas ocupações, empreendimentos, e toda a minha vida. Estou persuadido de que nenhum mal poderá atingir-me, enquanto estiver sob vossa proteção. Protegei-me e defendei-me: sou um pobre pecador. Recomendai minhas necessidades e apresentai-vos como meu medianeiro a Jesus; a quem tanto amais. Por vosso mérito, Ele aumente minha fé e caridade, console-me nos sofrimentos, livre-me de todo mal e não me deixe sucumbir na tentação. Ò Deus poderoso, livrai-me de todo o perigo do corpo e da alma. Auxiliado continuamente por vós, possa viver cristamente e santamente morrer. Amém. (Pai Nosso, Ave Maria, Glória...)
  • 87.
  • 88. HOMENAGEM AO DIA DO ESTUDANTE!
  • 89. A flor... O estranho é que ela não conseguia conciliar tudo isso, Havia uma jovem o trabalho e os afazeres lhe muito rica, que ocupavam todo o tempo e a tinha tudo: um sua vida estava deficitária em marido algumas áreas. Se o trabalho maravilhoso, consumia muito tempo, ela filhos perfeitos, tirava dos filhos, se surgiam um emprego que problemas, ela deixava de pagava lado o marido... E assim, as muitíssimo bem, pessoas que ela amava eram uma família sempre deixadas para depois. unida.
  • 90. “Filha, esta flor vai te ajudar Até que um dia, seu pai, muito, mais do que você um homem muito sábio, imagina! Você terá apenas lhe deu um presente: uma flor muito cara e que raríssima, da qual havia regá-la e um exemplar apenas em todo o mundo. E disse à podá-la ela: de vez em quando, ás vezes conversar um pouquinho com ela, e ela te dará em troca esse perfume maravilhoso e essas lindas flores.”
  • 91. A jovem ficou emocionada, afinal a flor era única no mundo, e de uma beleza sem igual. Mas o tempo foi passando, os problemas surgiam, o trabalho consumia todo o seu tempo, e a vida, que continuava confusa, não lhe permitia cuidar da flor. Ela chegava em casa, olhava a flor e as flores ainda estavam lá, não mostravam nenhum sinal de fraqueza ou morte, apenas estavam lá, lindas, perfumadas. Então ela passava direto.
  • 92. Até que um dia, sem mais nem menos, a flor morreu. Ela chegou em casa e levou um susto! Estava completamente morta, suas raízes estavam ressecadas, suas flores caídas e suas folhas amarelas. A Jovem chorou muito e contou a seu pai o que havia acontecido.
  • 93. Seu pai então respondeu: “Eu já imaginava que isso aconteceria,e eu não posso te dar outra flor, porque não existe outra igual a essa, ela era única, assim como seus filhos, seu marido, sua família. Todos são benção que o Senhor te deu, mas você tem que aprender a regá-los, podá-los e dar atenção a eles, pois assim como a flor, os sentimentos também morrem. Você se acostumou a ver a flor lá, sempre florida, sempre perfumada, e se esqueceu de cuidar dela. Então, cuide das pessoas que você ama!”
  • 94. E você? Tem cuidado das bênçãos que Deus tem te dado? Lembre-se da flor, pois como ela são as bênçãos do Senhor: Ele nos dá, mas nós é que temos que cuidar delas. A Equipe da Pastoral Familiar deseja a todos muita paz, amor, e bençãos do Senhor. Que Deus abençoe todas as famílias!
  • 95.
  • 96. 1. Mãezinha do Céu, eu não sei rezar. Eu só sei dizer quero te amar.
  • 97. (REFRÃO): Azul é teu manto, branco é teu véu. Mãezinha eu quero te ver lá no céu (bis)
  • 98. •2. Mãezinha do Céu, mãe do puro amor, Jesus é teu filho eu também o sou.
  • 99. (REFRÃO): Azul é teu manto, branco é teu véu. Mãezinha eu quero te ver lá no céu (bis)
  • 100.
  • 101. FELIZ DIA DO ESTUDANTE!