SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 39
www.sanchezeclemente.co
m.br

VOCÊ S.A.
UM NEGÓCIO DE
SUCESSO
BRANDING
A FORÇA DE UMA
MARCA!
O QUE FAÇO!!!
Descobrir junto aos Clientes e Coachees os seus verdadeiros
poderes, expressos por meio de talentos e competências.
Ter a consciência de que cada comportamento deve expressar os
anseios e fortalecer os objetivos e metas desejadas.
O QUE FAÇO!!!
QUAL É O SEU PODER....
Quando pergunto qual a razão da admiração por
quem considero “Pessoas de Sucesso” a resposta é
quase sempre a mesma:

“ ESSA PESSOA É DIFERENTE!”
E quando pergunto: Diferente de quê?
A resposta é quase sempre: Diferente de tudo!
MODELO DE NEGÓCIO PESSOAL
Conjunto de ações a serem desenvolvidas com a perspectiva de
gera valor para os clientes e diferenciação mercadológica.
Conhecido como Model Business Canvas, foi adaptado ao
contexto de profissionais liberais ou prestadores de serviços.
MODELO DE NEGÓCIO PESSOAL
1 – Clientes ( A quem você ajuda!)
Este é o momento de definir quem é o seu cliente e qual o perfil
de comportamento.
Pensar em termos de necessidades e expectivas.
MODELO DE NEGÓCIO PESSOAL
2- Proposta (Como você ajuda!)
O que torna você mais especial do que outros e como seu
cliente pode perceber e avaliar este diferença?
Pense em como você torna mais criativa ou inovadora a vida do
seu Cliente.
MODELO DE NEGÓCIO PESSOAL
3- Relacionamento (Como você interag!)
É preciso estar sempre a disposição e de fácil acesso ao cliente,
ele deseja ter um relacionamento diferente e melhor do que
necessita. Nossas decisões são emocionais e não racionais.
MODELO DE NEGÓCIO PESSOAL
4- Entrega (De que forma seu Cliente tem acesso!)
Mais do que uma boa oferta ou um bom profissional é preciso ter
uma comunicação efetiva, Dimensionar quais os canais de
distribuição de informação e principalmente saber lançar mão
da tecnologia.
MODELO DE NEGÓCIO PESSOAL
5- Receitas(Quanto irá ganhar com isso!)
Para valer a pena todo este esforço, é preciso que o valor de
retorno financeiro seja compensador. Este modelo atende às
suas expectativas de receitas e remuneração?
MODELO DE NEGÓCIO PESSOAL
6- Recursos ( Que é você e o que você tem!)
É preciso definir uma marca pessoal de maneira a personalizar
você e sua atividade. Neste ponto começa o gerenciamento
da marca ou Branding
MODELO DE NEGÓCIO PESSOAL
7- Atividades Chaves (O que você Faz!)
Pense em todas a atividades e em que momento elas deveram
ocorrer. É preciso desenvolver uma lógica operacional para
que as atividades aconteçam no momento exato.
MODELO DE NEGÓCIO PESSOAL
8- Parceiros (Quem pode te ajudar!)
Avalie sua rede de relacionamentos ( Network) e pense em
quem poderá de alguma forma alavancar seu negócio. Além
de sua rede quem mais pode ser um parceiro neste projeto.
MODELO DE NEGÓCIO PESSOAL
9- Custos (O que você dá!)
Todo este projeto requer um investimento e possui um custo de
manutenção e de oportunidade. Avalie todo o processo e
construa um plano financeiro
PESSOAS DE SUCESSO
São mais positivas;
Acreditam em si próprias;
Conseguem enxergar oportunidades nas crises;
Participam e se envolvem mais;

Comprometem-se mais;
Terminam as coisas que começam;
Dão atenção aos detalhes em tudo que fazem;

São polidas e educadas além da boa intenção;
Têm muita sensibilidade e empatia para colocar-se no
lugar das outras pessoas.
PESSOAS DE SUCESSO
Ouvem mais do que falam;
Respeitam as opiniões alheias;
Sabem dizer “eu não sei” e dizem “ eu não compreendi”;
São pessoas simples e objetivas;
Não usam vocabulário rebuscado e complexo;
Falam e agem com simplicidade;

Têm muito foco em tudo que fazem.
DAÍ A DIFERENÇA...
A diferença positiva está mais na simplicidade do que
na complexidade, mais na humildade do que na
arrogância, mais no “SER” do que no “TER”.
FALANDO DE ALGUÉM
CHAMADO

SER
HUMANO
O HOMEM: UM SER SOCIAL
“Somos
sociais
não
só
porque
dependemos de outros para viver, mas
porque os outros influenciam na
maneira como vivemos conosco
mesmos e com aquilo que fazemos.”
Eugênio Mussak
VÍNCULOS...A TEIA DA VIDA
VÍNCULOS...A TEIA DA VIDA
Como pessoa o homem
apresenta dois interesses
fundamentais:
a) enquanto indivíduo...o
interesse de uma existência
livre;
b) enquanto partícipe do
consórcio humano, o interesse
ao livre desenvolvimento da vida
em relações.
COM O TEMPO...
MODIFICAÇÃO DAS RELAÇÕES
VALORES
Os valores formam o alicerce do caráter da
pessoa.
Embora alguns dos valores possam mudar no
correr da vida, eles tendem a permanecer
profundamente enraizado na personalidade, é o
sentido de certo e errado, desenvolvido pelo
SER e isso é o que determina a sua integridade.
CONFLITO DE VALORES
Os valores pessoais, na fase adulta, se tornam parte
do seu núcleo básico e dependendo das situações
que a PESSOA venha enfrentar, podem suscitar
conflitos internos, nos casos em que seus valores
pessoais entram em conflito com os valores
organizacionais, ou ainda, com os valores de seus
familiares, amigos, ou da comunidade no qual
estiver inserido.
MISSÃO
NOSSA MISSÃO ESTABELECE O QUE FAZEMOS E O
PORQUÊ FAZEMOS
A MISSÃO está relacionada aos nossos talentos, as nossas ações e aos
nossos objetivos.
Porque você existe?
Por que estamos vivos aqui neste planeta?
O que você faz?
Para quem?
EXEMPLO:
“Minha missão é desenvolver pessoas de maneira contínua promovendo o
bem-estar através de relações humanas saudáveis e duradouras”

A MISSÃO É ORIENTADORA
VISÃO
NOSSA VISÃO ESTABELECE ONDE QUEREMOS CHEGAR E O QUE
QUEREMOS SER

A VISÃO está relacionada com nossos SONHOS e ASPIRAÇÕES mais
profundos.
Qual é o seu maior objetivo?
O que você quer ser?
Aonde você quer chegar?
EXEMPLO:
“Ser um exemplo de integridade e humanidade contribuindo para um
mundo mais sustentável”

A VISÃO É INSPIRADORA
SINTETIZANDO...
A MISSÃO e a VISÃO pessoal orientam todo o nosso Plano de Vida
e estão intimamente associadas a nossa IDENTIDADE.
Estão fundamentadas em nossas Crenças e Valores e justificam o
porquê de levantarmos da cama todos os dias.
Nossa MISSÃO de vida é uma lembrança de quem somos
e do impacto que causamos no universo. Isso faz com que a vida
seja completa e feliz.
VISÃO são imagens mentais que nos inspiram a agir e a tornar
nossos sonhos realidade. Visão nos dá direção e pode criar
significado na vida.
CRENÇAS ESSENCIAIS NO AMBIENTE DE TRABALHO
CRENÇAS
P O S I T I VAS

Posso ser franco ao dar um
feedback e ao usá-lo como
ferramenta para o
crescimento e
desenvolvimento pessoal.
A vida é plena de
abundância. Vejo muitas
oportunidades para
satisfazer minhas
necessidades essenciais no
trabalho.

CRENÇAS
N E G AT I VA S

Nunca vou conseguir o que
quero.
Entender os outros de culturas
diferentes significa que
desculpamos o mau
comportamento.
O trabalho é algo para pagar
minhas contas.Mal posso
esperar pela aposentadoria.
CRENÇAS ESSENCIAIS NO AMBIENTE DE TRABALHO
CRENÇAS
P O S I T I VAS

A vida é uma aventura.Posso
assumir riscos quando
surgirem as oportunidades.

O trabalho pode ser alegre e
revigorante.
Posso aprender com meus
erros e evitar erros
semelhantes sem me sentir na
defensiva ou me envergonhar
deles.

CRENÇAS
N E G AT I VA S

Meus supervisores e os outros
em posição de autoridade não
se preocupam realmente
comigo. Eles me usam apenas
para se dar bem.
Essa nova iniciativa não vai
levar a nada. É só outra “moda
do mês”.
CRENÇAS ESSENCIAIS NO AMBIENTE DE TRABALHO
CRENÇAS
P O S I T I VAS

CRENÇAS
N E G AT I VA S

Posso ter diálogos respeitosos
e produtivos com os
funcionários que tenham
diferentes pontos de vista.

Sinto – me ameaçado pelas
mudanças no trabalho. Era
muito melhor nos bons e
velhos tempos.

Gosto de ter contato com
diferentes culturas e idiomas.
Acredito que esse contato
enriquece minhas
perspectivas, que acabarão por
beneficiar meu trabalho.

É tarde demais para realizar
meus sonhos. Meu tempo
passou.
O HOMEM E SUA HISTÓRIA
Gregos Hipócrate
Fogo
Água
Terra
Ar

s

Jung

Marston

S&C

Sanguíneo

Produtor Dominante Executor
Comunicado
Intuitivo Influente
r
Sensitivo Estável

Fleumático

Analítico Conforme

Colérico

Melancólic
o

Planejador
Analista
PERFIL EXECUTOR
Possui uma independência e assertiva, atuando com
senso de iniciativa e pulso nas realizações.
Em contra partida possuem dificuldade de trabalhar
em equipe, sua liderança é marcada pela
dominância. Este é o perfil clássico do
empreendedor.
PERFIL COMUNICADOR
Caracterizado como otimista e envolvente, possui grande
facilidade de trabalhar em equipe e popularidade.
Sua maior dificuldade reside na necessidade de
reconhecimento e pertencimento. Perfil de Gestor de
Pessoas e vendedor.
PERFIL PLANEJADOR
O comportamento do planejador é de um indivíduo
metódico, paciente e organizado. Possui uma
capacidade de visão a longo prazo e estratégica.
Sua limitação está em ambientes com mudanças rápidas,
falta de organização e processos.
PERFIL ANALISTA
Define um indivíduo estruturado, cuidadoso e reservado,
gosta de ambientes organizados e com clara definição
de responsabilidades.
Sua maior dificuldade é agir com excesso
perfeccionismo e dificuldade de correr riscos.

de
PERSONAL BRAND
Você é uma organização com diferentes setores que devem
buscar o mesmo objetivo, seguindo um conceito de Sinergia.
Assim como uma empresa você possui diferentes setores
com diferentes competências.
Pense por um momento em todos os seus comportamentos e o
que motiva as suas ações? Busque listar quais seriam os
principais setores de sua vida e que valores estão presentes.
Marca

MARCA E POSIÇÃO
Posicão

O que?

Por quê

Ponto de Diferença

Ponto de Vista

Movida pelo
Mercado

Mensagem

Competitiva
Clientes

Propósito Defensores

Aliança com Cliente

Comunicação

Ações
Oportunidades

Responsabilidades

Liderança

Lealdade
Estratégia

Adaptado
Reiman,2013
ELIPSE DA BRIGHTHOUSE

Ethos Cultura Valores

Por que
(existência)

E
Táticasstratégias

Em Que
(Crença)

COMO
(Vitória)

Adaptado
Reiman,2013
PARA NÃO CONCLUIR....
"Quem olha para fora sonha; quem olha para dentro,
desperta."
Carl Young

MUITO OBRIGADO!!!!
gustavoscoach@gmail.com
www.sanchezeclemente.com.br

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Marketing Pessoal e Planejamento de Carreira
Marketing Pessoal e Planejamento de CarreiraMarketing Pessoal e Planejamento de Carreira
Marketing Pessoal e Planejamento de CarreiraMiguel Mazzoni
 
Tcm pronto net atratividade
Tcm pronto net atratividadeTcm pronto net atratividade
Tcm pronto net atratividadeDébora Santana
 
AUTOGESTÃO DE CARREIRA - Você no comando da sua vida
AUTOGESTÃO DE CARREIRA - Você no comando da sua vidaAUTOGESTÃO DE CARREIRA - Você no comando da sua vida
AUTOGESTÃO DE CARREIRA - Você no comando da sua vidaEdson Carli
 
Empreendedorismo e ética profissional
Empreendedorismo e ética profissionalEmpreendedorismo e ética profissional
Empreendedorismo e ética profissionalDenis Carlos Sodré
 
Palestra empregabilidade [salvo automaticamente]
Palestra empregabilidade  [salvo automaticamente]Palestra empregabilidade  [salvo automaticamente]
Palestra empregabilidade [salvo automaticamente]Monica Barg Coaching
 
E-book Grátis [ 17 atitudes que impedem você de ficar muito rico ]
E-book Grátis [ 17 atitudes que impedem você de ficar muito rico ] E-book Grátis [ 17 atitudes que impedem você de ficar muito rico ]
E-book Grátis [ 17 atitudes que impedem você de ficar muito rico ] Gera Money
 
Carreira Auto Sustentada 1
Carreira Auto Sustentada 1Carreira Auto Sustentada 1
Carreira Auto Sustentada 1guest6a66c7
 
Palestra planejamento de carreira maio 2012
Palestra planejamento de carreira maio 2012Palestra planejamento de carreira maio 2012
Palestra planejamento de carreira maio 2012Eduardo Maróstica
 
Balanço de competências ...
Balanço de competências                                                      ...Balanço de competências                                                      ...
Balanço de competências ...anabotasilva78
 
Empreendorismo- Área de Integração
Empreendorismo- Área de IntegraçãoEmpreendorismo- Área de Integração
Empreendorismo- Área de IntegraçãoDaniela Filipa
 
Aula 1 atitude empreendedora - v2 (4)
Aula 1   atitude empreendedora - v2 (4)Aula 1   atitude empreendedora - v2 (4)
Aula 1 atitude empreendedora - v2 (4)Liliane Carvalho
 
Dicas autodesenvolvimento
Dicas autodesenvolvimentoDicas autodesenvolvimento
Dicas autodesenvolvimentoMonique Forte
 

Mais procurados (20)

Workshop 2014 slides
Workshop 2014   slidesWorkshop 2014   slides
Workshop 2014 slides
 
Apostila do curso assistente administrativo
Apostila do curso assistente administrativoApostila do curso assistente administrativo
Apostila do curso assistente administrativo
 
Marketing Pessoal e Planejamento de Carreira
Marketing Pessoal e Planejamento de CarreiraMarketing Pessoal e Planejamento de Carreira
Marketing Pessoal e Planejamento de Carreira
 
Tcm pronto net atratividade
Tcm pronto net atratividadeTcm pronto net atratividade
Tcm pronto net atratividade
 
Carreira Auto Sustentada 1
Carreira Auto Sustentada 1Carreira Auto Sustentada 1
Carreira Auto Sustentada 1
 
AUTOGESTÃO DE CARREIRA - Você no comando da sua vida
AUTOGESTÃO DE CARREIRA - Você no comando da sua vidaAUTOGESTÃO DE CARREIRA - Você no comando da sua vida
AUTOGESTÃO DE CARREIRA - Você no comando da sua vida
 
Empreendedorismo e ética profissional
Empreendedorismo e ética profissionalEmpreendedorismo e ética profissional
Empreendedorismo e ética profissional
 
Palestra empregabilidade [salvo automaticamente]
Palestra empregabilidade  [salvo automaticamente]Palestra empregabilidade  [salvo automaticamente]
Palestra empregabilidade [salvo automaticamente]
 
O que é Empreendedorismo
O que é EmpreendedorismoO que é Empreendedorismo
O que é Empreendedorismo
 
E-book Grátis [ 17 atitudes que impedem você de ficar muito rico ]
E-book Grátis [ 17 atitudes que impedem você de ficar muito rico ] E-book Grátis [ 17 atitudes que impedem você de ficar muito rico ]
E-book Grátis [ 17 atitudes que impedem você de ficar muito rico ]
 
Carreira Auto Sustentada 1
Carreira Auto Sustentada 1Carreira Auto Sustentada 1
Carreira Auto Sustentada 1
 
Palestra planejamento de carreira maio 2012
Palestra planejamento de carreira maio 2012Palestra planejamento de carreira maio 2012
Palestra planejamento de carreira maio 2012
 
Balanço de competências ...
Balanço de competências                                                      ...Balanço de competências                                                      ...
Balanço de competências ...
 
Empreendorismo- Área de Integração
Empreendorismo- Área de IntegraçãoEmpreendorismo- Área de Integração
Empreendorismo- Área de Integração
 
Aula 1 atitude empreendedora - v2 (4)
Aula 1   atitude empreendedora - v2 (4)Aula 1   atitude empreendedora - v2 (4)
Aula 1 atitude empreendedora - v2 (4)
 
Questionário -o_que_é_empreendedorismo
Questionário  -o_que_é_empreendedorismoQuestionário  -o_que_é_empreendedorismo
Questionário -o_que_é_empreendedorismo
 
PALESTRA SOBRE EMPREGABILIDADE
PALESTRA SOBRE EMPREGABILIDADEPALESTRA SOBRE EMPREGABILIDADE
PALESTRA SOBRE EMPREGABILIDADE
 
Dicas autodesenvolvimento
Dicas autodesenvolvimentoDicas autodesenvolvimento
Dicas autodesenvolvimento
 
Carreira empreendedora
Carreira empreendedoraCarreira empreendedora
Carreira empreendedora
 
Desenvolvimento lideranças sindhospe
Desenvolvimento lideranças sindhospeDesenvolvimento lideranças sindhospe
Desenvolvimento lideranças sindhospe
 

Destaque

Qlik Brand ApresentaçãO Do Produto VersãO Linkedin
Qlik Brand ApresentaçãO Do Produto VersãO LinkedinQlik Brand ApresentaçãO Do Produto VersãO Linkedin
Qlik Brand ApresentaçãO Do Produto VersãO LinkedinCelio Oliveira
 
Revista Cozinha Profissional - A Força da Marca - Março 2012)
Revista Cozinha Profissional - A Força da Marca - Março 2012)Revista Cozinha Profissional - A Força da Marca - Março 2012)
Revista Cozinha Profissional - A Força da Marca - Março 2012)Rodrigo Puga
 
15 ferramentas de marketing digital - Fernando Leroy
15 ferramentas de marketing digital - Fernando Leroy15 ferramentas de marketing digital - Fernando Leroy
15 ferramentas de marketing digital - Fernando LeroyTio Flávio Cultural
 
Branding: A força da marca nos resultados da organização
Branding: A força da marca nos resultados da organizaçãoBranding: A força da marca nos resultados da organização
Branding: A força da marca nos resultados da organizaçãoDenis Vasconcelos
 
Aula gestão de_marcas_e_campanhas_parte6
Aula gestão de_marcas_e_campanhas_parte6Aula gestão de_marcas_e_campanhas_parte6
Aula gestão de_marcas_e_campanhas_parte6Rosane Lourdes Souza
 
A Gestão de Marcas no Marketing 3.0
A Gestão de Marcas no Marketing 3.0A Gestão de Marcas no Marketing 3.0
A Gestão de Marcas no Marketing 3.0Fabio Luz
 
Apresentação Brand Equity Gerar Valor para Marca
Apresentação Brand Equity Gerar Valor para MarcaApresentação Brand Equity Gerar Valor para Marca
Apresentação Brand Equity Gerar Valor para MarcaCesar Miranda
 

Destaque (10)

Qlik Brand ApresentaçãO Do Produto VersãO Linkedin
Qlik Brand ApresentaçãO Do Produto VersãO LinkedinQlik Brand ApresentaçãO Do Produto VersãO Linkedin
Qlik Brand ApresentaçãO Do Produto VersãO Linkedin
 
Revista Cozinha Profissional - A Força da Marca - Março 2012)
Revista Cozinha Profissional - A Força da Marca - Março 2012)Revista Cozinha Profissional - A Força da Marca - Março 2012)
Revista Cozinha Profissional - A Força da Marca - Março 2012)
 
15 ferramentas de marketing digital - Fernando Leroy
15 ferramentas de marketing digital - Fernando Leroy15 ferramentas de marketing digital - Fernando Leroy
15 ferramentas de marketing digital - Fernando Leroy
 
Branding: A força da marca nos resultados da organização
Branding: A força da marca nos resultados da organizaçãoBranding: A força da marca nos resultados da organização
Branding: A força da marca nos resultados da organização
 
Ranking FDC Multinacionais Brasileiras 2014
Ranking FDC Multinacionais Brasileiras 2014Ranking FDC Multinacionais Brasileiras 2014
Ranking FDC Multinacionais Brasileiras 2014
 
Aula gestão de_marcas_e_campanhas_parte6
Aula gestão de_marcas_e_campanhas_parte6Aula gestão de_marcas_e_campanhas_parte6
Aula gestão de_marcas_e_campanhas_parte6
 
A Gestão de Marcas no Marketing 3.0
A Gestão de Marcas no Marketing 3.0A Gestão de Marcas no Marketing 3.0
A Gestão de Marcas no Marketing 3.0
 
Apresentação Brand Equity Gerar Valor para Marca
Apresentação Brand Equity Gerar Valor para MarcaApresentação Brand Equity Gerar Valor para Marca
Apresentação Brand Equity Gerar Valor para Marca
 
Multiculturalismo
MulticulturalismoMulticulturalismo
Multiculturalismo
 
O Homem é Um Ser Social
O Homem é Um Ser SocialO Homem é Um Ser Social
O Homem é Um Ser Social
 

Semelhante a Palestra Você S.A. Uma Marca de Sucesso!

Palestrasecretrias 1228765103211586-9
Palestrasecretrias 1228765103211586-9Palestrasecretrias 1228765103211586-9
Palestrasecretrias 1228765103211586-9Chibatinha
 
Auto-motivação auto-estima e desenvolvimento pessoal
Auto-motivação auto-estima e desenvolvimento pessoalAuto-motivação auto-estima e desenvolvimento pessoal
Auto-motivação auto-estima e desenvolvimento pessoalCursos Profissionalizantes
 
Coaching para desenvolvimento pessoal e profissional
Coaching para desenvolvimento pessoal e profissionalCoaching para desenvolvimento pessoal e profissional
Coaching para desenvolvimento pessoal e profissionalKatia Manangão
 
Auto motivacao-auto-estima-e-desenvolvimento-pessoal
Auto motivacao-auto-estima-e-desenvolvimento-pessoalAuto motivacao-auto-estima-e-desenvolvimento-pessoal
Auto motivacao-auto-estima-e-desenvolvimento-pessoalSueli Lima Leandro
 
Planejamento Estrategico Pessoal
Planejamento Estrategico PessoalPlanejamento Estrategico Pessoal
Planejamento Estrategico PessoalLauro Jorge Prado
 
Planejamento Estrategico Pessoal
Planejamento Estrategico PessoalPlanejamento Estrategico Pessoal
Planejamento Estrategico PessoalArlen Xavier
 
autoestima estatisticas.pdf
autoestima estatisticas.pdfautoestima estatisticas.pdf
autoestima estatisticas.pdfTelma Lima
 
O perfil do gestor do século xxi
O perfil do gestor do século xxiO perfil do gestor do século xxi
O perfil do gestor do século xxiMoruska
 
Aspectos comportamentais e éticos na gestão de pessoas
Aspectos comportamentais e éticos na gestão de pessoasAspectos comportamentais e éticos na gestão de pessoas
Aspectos comportamentais e éticos na gestão de pessoasTurma_do_Marketing
 
Aula 12 - Competências Gerenciais.pdf
Aula 12    - Competências Gerenciais.pdfAula 12    - Competências Gerenciais.pdf
Aula 12 - Competências Gerenciais.pdfadriellyrlima
 
03.Slides Liderança e Comunicação.pdf
03.Slides Liderança e Comunicação.pdf03.Slides Liderança e Comunicação.pdf
03.Slides Liderança e Comunicação.pdfmariasantana771293
 
Cultura organizacional
Cultura organizacionalCultura organizacional
Cultura organizacionalMagri Senai
 
DB1 Group - Culture Code Poruguês
DB1 Group - Culture Code PoruguêsDB1 Group - Culture Code Poruguês
DB1 Group - Culture Code PoruguêsDB1 Group
 
Secretariado
SecretariadoSecretariado
Secretariado3455LEMES
 
Liderança e motivação
Liderança e motivaçãoLiderança e motivação
Liderança e motivaçãofrancisleide
 
Os 7 Hábitos das Pessoas Altamente Eficazes
Os 7 Hábitos das Pessoas Altamente EficazesOs 7 Hábitos das Pessoas Altamente Eficazes
Os 7 Hábitos das Pessoas Altamente EficazesEduardo Braz
 
O SEGREDO DE LUISA ATUALIZADO.pptx
O SEGREDO DE LUISA ATUALIZADO.pptxO SEGREDO DE LUISA ATUALIZADO.pptx
O SEGREDO DE LUISA ATUALIZADO.pptxReginaMaciel16
 

Semelhante a Palestra Você S.A. Uma Marca de Sucesso! (20)

Palestrasecretrias 1228765103211586-9
Palestrasecretrias 1228765103211586-9Palestrasecretrias 1228765103211586-9
Palestrasecretrias 1228765103211586-9
 
Auto-motivação auto-estima e desenvolvimento pessoal
Auto-motivação auto-estima e desenvolvimento pessoalAuto-motivação auto-estima e desenvolvimento pessoal
Auto-motivação auto-estima e desenvolvimento pessoal
 
Coaching para desenvolvimento pessoal e profissional
Coaching para desenvolvimento pessoal e profissionalCoaching para desenvolvimento pessoal e profissional
Coaching para desenvolvimento pessoal e profissional
 
Auto motivacao-auto-estima-e-desenvolvimento-pessoal
Auto motivacao-auto-estima-e-desenvolvimento-pessoalAuto motivacao-auto-estima-e-desenvolvimento-pessoal
Auto motivacao-auto-estima-e-desenvolvimento-pessoal
 
Planejamento Estrategico Pessoal
Planejamento Estrategico PessoalPlanejamento Estrategico Pessoal
Planejamento Estrategico Pessoal
 
Planejamento Estrategico Pessoal
Planejamento Estrategico PessoalPlanejamento Estrategico Pessoal
Planejamento Estrategico Pessoal
 
autoestima estatisticas.pdf
autoestima estatisticas.pdfautoestima estatisticas.pdf
autoestima estatisticas.pdf
 
O perfil do gestor do século xxi
O perfil do gestor do século xxiO perfil do gestor do século xxi
O perfil do gestor do século xxi
 
Aspectos comportamentais e éticos na gestão de pessoas
Aspectos comportamentais e éticos na gestão de pessoasAspectos comportamentais e éticos na gestão de pessoas
Aspectos comportamentais e éticos na gestão de pessoas
 
Aula 12 - Competências Gerenciais.pdf
Aula 12    - Competências Gerenciais.pdfAula 12    - Competências Gerenciais.pdf
Aula 12 - Competências Gerenciais.pdf
 
03.Slides Liderança e Comunicação.pdf
03.Slides Liderança e Comunicação.pdf03.Slides Liderança e Comunicação.pdf
03.Slides Liderança e Comunicação.pdf
 
Cultura organizacional
Cultura organizacionalCultura organizacional
Cultura organizacional
 
DB1 Group - Culture Code Poruguês
DB1 Group - Culture Code PoruguêsDB1 Group - Culture Code Poruguês
DB1 Group - Culture Code Poruguês
 
Secretariado
SecretariadoSecretariado
Secretariado
 
Liderança e motivação
Liderança e motivaçãoLiderança e motivação
Liderança e motivação
 
Manual da cultura - Líder Jr.
Manual da cultura - Líder Jr.Manual da cultura - Líder Jr.
Manual da cultura - Líder Jr.
 
Aut omotivação
Aut omotivaçãoAut omotivação
Aut omotivação
 
Os 7 Hábitos das Pessoas Altamente Eficazes
Os 7 Hábitos das Pessoas Altamente EficazesOs 7 Hábitos das Pessoas Altamente Eficazes
Os 7 Hábitos das Pessoas Altamente Eficazes
 
O SEGREDO DE LUISA ATUALIZADO.pptx
O SEGREDO DE LUISA ATUALIZADO.pptxO SEGREDO DE LUISA ATUALIZADO.pptx
O SEGREDO DE LUISA ATUALIZADO.pptx
 
#CultureCode - Amo Onde Trabalho
#CultureCode - Amo Onde Trabalho#CultureCode - Amo Onde Trabalho
#CultureCode - Amo Onde Trabalho
 

Palestra Você S.A. Uma Marca de Sucesso!

  • 1. www.sanchezeclemente.co m.br VOCÊ S.A. UM NEGÓCIO DE SUCESSO BRANDING A FORÇA DE UMA MARCA!
  • 2. O QUE FAÇO!!! Descobrir junto aos Clientes e Coachees os seus verdadeiros poderes, expressos por meio de talentos e competências. Ter a consciência de que cada comportamento deve expressar os anseios e fortalecer os objetivos e metas desejadas.
  • 4. QUAL É O SEU PODER.... Quando pergunto qual a razão da admiração por quem considero “Pessoas de Sucesso” a resposta é quase sempre a mesma: “ ESSA PESSOA É DIFERENTE!” E quando pergunto: Diferente de quê? A resposta é quase sempre: Diferente de tudo!
  • 5. MODELO DE NEGÓCIO PESSOAL Conjunto de ações a serem desenvolvidas com a perspectiva de gera valor para os clientes e diferenciação mercadológica. Conhecido como Model Business Canvas, foi adaptado ao contexto de profissionais liberais ou prestadores de serviços.
  • 6. MODELO DE NEGÓCIO PESSOAL 1 – Clientes ( A quem você ajuda!) Este é o momento de definir quem é o seu cliente e qual o perfil de comportamento. Pensar em termos de necessidades e expectivas.
  • 7. MODELO DE NEGÓCIO PESSOAL 2- Proposta (Como você ajuda!) O que torna você mais especial do que outros e como seu cliente pode perceber e avaliar este diferença? Pense em como você torna mais criativa ou inovadora a vida do seu Cliente.
  • 8. MODELO DE NEGÓCIO PESSOAL 3- Relacionamento (Como você interag!) É preciso estar sempre a disposição e de fácil acesso ao cliente, ele deseja ter um relacionamento diferente e melhor do que necessita. Nossas decisões são emocionais e não racionais.
  • 9. MODELO DE NEGÓCIO PESSOAL 4- Entrega (De que forma seu Cliente tem acesso!) Mais do que uma boa oferta ou um bom profissional é preciso ter uma comunicação efetiva, Dimensionar quais os canais de distribuição de informação e principalmente saber lançar mão da tecnologia.
  • 10. MODELO DE NEGÓCIO PESSOAL 5- Receitas(Quanto irá ganhar com isso!) Para valer a pena todo este esforço, é preciso que o valor de retorno financeiro seja compensador. Este modelo atende às suas expectativas de receitas e remuneração?
  • 11. MODELO DE NEGÓCIO PESSOAL 6- Recursos ( Que é você e o que você tem!) É preciso definir uma marca pessoal de maneira a personalizar você e sua atividade. Neste ponto começa o gerenciamento da marca ou Branding
  • 12. MODELO DE NEGÓCIO PESSOAL 7- Atividades Chaves (O que você Faz!) Pense em todas a atividades e em que momento elas deveram ocorrer. É preciso desenvolver uma lógica operacional para que as atividades aconteçam no momento exato.
  • 13. MODELO DE NEGÓCIO PESSOAL 8- Parceiros (Quem pode te ajudar!) Avalie sua rede de relacionamentos ( Network) e pense em quem poderá de alguma forma alavancar seu negócio. Além de sua rede quem mais pode ser um parceiro neste projeto.
  • 14. MODELO DE NEGÓCIO PESSOAL 9- Custos (O que você dá!) Todo este projeto requer um investimento e possui um custo de manutenção e de oportunidade. Avalie todo o processo e construa um plano financeiro
  • 15. PESSOAS DE SUCESSO São mais positivas; Acreditam em si próprias; Conseguem enxergar oportunidades nas crises; Participam e se envolvem mais; Comprometem-se mais; Terminam as coisas que começam; Dão atenção aos detalhes em tudo que fazem; São polidas e educadas além da boa intenção; Têm muita sensibilidade e empatia para colocar-se no lugar das outras pessoas.
  • 16. PESSOAS DE SUCESSO Ouvem mais do que falam; Respeitam as opiniões alheias; Sabem dizer “eu não sei” e dizem “ eu não compreendi”; São pessoas simples e objetivas; Não usam vocabulário rebuscado e complexo; Falam e agem com simplicidade; Têm muito foco em tudo que fazem.
  • 17. DAÍ A DIFERENÇA... A diferença positiva está mais na simplicidade do que na complexidade, mais na humildade do que na arrogância, mais no “SER” do que no “TER”.
  • 19. O HOMEM: UM SER SOCIAL “Somos sociais não só porque dependemos de outros para viver, mas porque os outros influenciam na maneira como vivemos conosco mesmos e com aquilo que fazemos.” Eugênio Mussak
  • 21. VÍNCULOS...A TEIA DA VIDA Como pessoa o homem apresenta dois interesses fundamentais: a) enquanto indivíduo...o interesse de uma existência livre; b) enquanto partícipe do consórcio humano, o interesse ao livre desenvolvimento da vida em relações.
  • 23. VALORES Os valores formam o alicerce do caráter da pessoa. Embora alguns dos valores possam mudar no correr da vida, eles tendem a permanecer profundamente enraizado na personalidade, é o sentido de certo e errado, desenvolvido pelo SER e isso é o que determina a sua integridade.
  • 24. CONFLITO DE VALORES Os valores pessoais, na fase adulta, se tornam parte do seu núcleo básico e dependendo das situações que a PESSOA venha enfrentar, podem suscitar conflitos internos, nos casos em que seus valores pessoais entram em conflito com os valores organizacionais, ou ainda, com os valores de seus familiares, amigos, ou da comunidade no qual estiver inserido.
  • 25. MISSÃO NOSSA MISSÃO ESTABELECE O QUE FAZEMOS E O PORQUÊ FAZEMOS A MISSÃO está relacionada aos nossos talentos, as nossas ações e aos nossos objetivos. Porque você existe? Por que estamos vivos aqui neste planeta? O que você faz? Para quem? EXEMPLO: “Minha missão é desenvolver pessoas de maneira contínua promovendo o bem-estar através de relações humanas saudáveis e duradouras” A MISSÃO É ORIENTADORA
  • 26. VISÃO NOSSA VISÃO ESTABELECE ONDE QUEREMOS CHEGAR E O QUE QUEREMOS SER A VISÃO está relacionada com nossos SONHOS e ASPIRAÇÕES mais profundos. Qual é o seu maior objetivo? O que você quer ser? Aonde você quer chegar? EXEMPLO: “Ser um exemplo de integridade e humanidade contribuindo para um mundo mais sustentável” A VISÃO É INSPIRADORA
  • 27. SINTETIZANDO... A MISSÃO e a VISÃO pessoal orientam todo o nosso Plano de Vida e estão intimamente associadas a nossa IDENTIDADE. Estão fundamentadas em nossas Crenças e Valores e justificam o porquê de levantarmos da cama todos os dias. Nossa MISSÃO de vida é uma lembrança de quem somos e do impacto que causamos no universo. Isso faz com que a vida seja completa e feliz. VISÃO são imagens mentais que nos inspiram a agir e a tornar nossos sonhos realidade. Visão nos dá direção e pode criar significado na vida.
  • 28. CRENÇAS ESSENCIAIS NO AMBIENTE DE TRABALHO CRENÇAS P O S I T I VAS Posso ser franco ao dar um feedback e ao usá-lo como ferramenta para o crescimento e desenvolvimento pessoal. A vida é plena de abundância. Vejo muitas oportunidades para satisfazer minhas necessidades essenciais no trabalho. CRENÇAS N E G AT I VA S Nunca vou conseguir o que quero. Entender os outros de culturas diferentes significa que desculpamos o mau comportamento. O trabalho é algo para pagar minhas contas.Mal posso esperar pela aposentadoria.
  • 29. CRENÇAS ESSENCIAIS NO AMBIENTE DE TRABALHO CRENÇAS P O S I T I VAS A vida é uma aventura.Posso assumir riscos quando surgirem as oportunidades. O trabalho pode ser alegre e revigorante. Posso aprender com meus erros e evitar erros semelhantes sem me sentir na defensiva ou me envergonhar deles. CRENÇAS N E G AT I VA S Meus supervisores e os outros em posição de autoridade não se preocupam realmente comigo. Eles me usam apenas para se dar bem. Essa nova iniciativa não vai levar a nada. É só outra “moda do mês”.
  • 30. CRENÇAS ESSENCIAIS NO AMBIENTE DE TRABALHO CRENÇAS P O S I T I VAS CRENÇAS N E G AT I VA S Posso ter diálogos respeitosos e produtivos com os funcionários que tenham diferentes pontos de vista. Sinto – me ameaçado pelas mudanças no trabalho. Era muito melhor nos bons e velhos tempos. Gosto de ter contato com diferentes culturas e idiomas. Acredito que esse contato enriquece minhas perspectivas, que acabarão por beneficiar meu trabalho. É tarde demais para realizar meus sonhos. Meu tempo passou.
  • 31. O HOMEM E SUA HISTÓRIA Gregos Hipócrate Fogo Água Terra Ar s Jung Marston S&C Sanguíneo Produtor Dominante Executor Comunicado Intuitivo Influente r Sensitivo Estável Fleumático Analítico Conforme Colérico Melancólic o Planejador Analista
  • 32. PERFIL EXECUTOR Possui uma independência e assertiva, atuando com senso de iniciativa e pulso nas realizações. Em contra partida possuem dificuldade de trabalhar em equipe, sua liderança é marcada pela dominância. Este é o perfil clássico do empreendedor.
  • 33. PERFIL COMUNICADOR Caracterizado como otimista e envolvente, possui grande facilidade de trabalhar em equipe e popularidade. Sua maior dificuldade reside na necessidade de reconhecimento e pertencimento. Perfil de Gestor de Pessoas e vendedor.
  • 34. PERFIL PLANEJADOR O comportamento do planejador é de um indivíduo metódico, paciente e organizado. Possui uma capacidade de visão a longo prazo e estratégica. Sua limitação está em ambientes com mudanças rápidas, falta de organização e processos.
  • 35. PERFIL ANALISTA Define um indivíduo estruturado, cuidadoso e reservado, gosta de ambientes organizados e com clara definição de responsabilidades. Sua maior dificuldade é agir com excesso perfeccionismo e dificuldade de correr riscos. de
  • 36. PERSONAL BRAND Você é uma organização com diferentes setores que devem buscar o mesmo objetivo, seguindo um conceito de Sinergia. Assim como uma empresa você possui diferentes setores com diferentes competências. Pense por um momento em todos os seus comportamentos e o que motiva as suas ações? Busque listar quais seriam os principais setores de sua vida e que valores estão presentes.
  • 37. Marca MARCA E POSIÇÃO Posicão O que? Por quê Ponto de Diferença Ponto de Vista Movida pelo Mercado Mensagem Competitiva Clientes Propósito Defensores Aliança com Cliente Comunicação Ações Oportunidades Responsabilidades Liderança Lealdade Estratégia Adaptado Reiman,2013
  • 38. ELIPSE DA BRIGHTHOUSE Ethos Cultura Valores Por que (existência) E Táticasstratégias Em Que (Crença) COMO (Vitória) Adaptado Reiman,2013
  • 39. PARA NÃO CONCLUIR.... "Quem olha para fora sonha; quem olha para dentro, desperta." Carl Young MUITO OBRIGADO!!!! gustavoscoach@gmail.com www.sanchezeclemente.com.br