Aula1-SAM-Apresentação e Introdução

2.030 visualizações

Publicada em

Aula 1 - Sistemas e Aplicações Multimídia - Faculdade Anhanguera

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

Aula1-SAM-Apresentação e Introdução

  1. 1. Sistemas e Aplicações Multimídia
  2. 2. Prof. Guilherme Nonino Rosa - Técnico em Informática pela ETESP – Escola Técnica de São Paulo - Graduado em Ciências da Computação pela Unifran – Universidade de Franca no ano de 2000. - Licenciado em Informática pela Fatec – Faculdade de Tecnologia de Franca no ano de 2011. - Pós-Graduado em Tecnologia da Informação aplicada aos Negócios pela Unip-Universidade Paulista no ano de 2012. - Pós-Graduando em Docência no Ensino Superior pelo Centro Universitário Senac.
  3. 3. Atuação: - Docente da Faculdade Anhanguera desde Fevereiro / 2013 - Docente do Senac – Ribeirão Preto desde fevereiro/2012. - Docente do Centro de Educação Tecnológica Paula Souza, na Etec Prof. José Ignácio de Azevedo Filho e Etec Prof. Alcídio de Souza Prado desde fevereiro/2010.
  4. 4. Contatos: Prof. Guilherme Nonino Rosa guinonino@gmail.com guilhermerosa@aedu.com http://guilhermenonino.blogspot.com
  5. 5. PEA –Plano de Ensino e Aprendizagem
  6. 6. PLANO DE ENSINO E APRENDIZAGEM
  7. 7. EMENTA • Fundamentos de tecnologia multimídia. Característica, representação, codificação e compreensão de mídia não temporal. • Característica, representação, codificação e compreensão de mídia contínua. Ambientes multimídia. Dados e objetos multimídia. • Sistemas operacionais multimídia. Qualidade de Serviço. Padrões Multimídia. Aplicações multimídia. Tecnologia de Jogos e • Realidade Virtual.
  8. 8. Objetivos Conhecer os fundamentos de multimídia e aplicar suas técnicas na elaboração de sistemas de informação.
  9. 9. Conteúdo Programático 1. O que é Multimídia: Evolução da Comunicação entre homem e máquina; Ambientes multimídia. 2. As Plataformas: Ambientes para multimídia; Arquiteturas para multimídia; Configuração de plataformas para multimídia. 3. A Autoria: Ferramentas para desenvolvimento de multimídia; Autoria de títulos; Autoria de aplicativos; Autoria de sites. 4. Os Projetos: Produção de multimídia; O processo técnico. 5. As Imagens: Representação digital de imagens; Dispositivos gráficos; Processamento da imagem.
  10. 10. Conteúdo Programático 6. Os Desenhos: Representação de desenhos; Edição gráfica bidimensional. 7. A Terceira Dimensão: Computação gráfica tridimensional; Modelagem tridimensional; Elaboração de imagens tridimensionais; 8. Realidade virtual. 9. A Animação: Animação e computadores; Animação tridimensional. 10. O Áudio: Propriedades físicas do som; Representação digital do som; Processamento digital de som.
  11. 11. Conteúdo Programático 11. A Música e a Voz: Técnicas de síntese digital de som; Sistemas MIDI; Processamento de voz. 12. O Vídeo: Sistemas analógicos de vídeo; Interfaces de vídeo; Tecnologia digital de vídeo; Sistemas digitais de vídeo.
  12. 12. Procedimentos Metodológicos • Aulas expositivas, • Atividades em grupo • Aulas práticas e de laboratório.
  13. 13. Sistema de Avaliação 1° Avaliação - PESO 4,0 Atividades Avaliativas a Critério do Professor Práticas: 03 Teóricas: 07 Total: 10 2° Avaliação - PESO 6,0 Prova Escrita Oficial Práticas: 03 Teóricas: 07 Total: 10
  14. 14. Bibliografia Padrão 1) PAULA FILHO, Wilson de Padua. Multimídia : Conceitos e Aplicações : Conceitos e Aplicações. 1ª ed. Rio de Janeiro: LTC - Livros Técnicos e Científicos, 2011.
  15. 15. Bibliografia Básica Unidade Faculdade Anhanguera de Ribeirão Preto (FRP) 1) COSTA, Daniel Gouveia. Comunicações Multimídia na Internet : Da Teoria à Prática. 1ª ed. Rio de Janeiro: Ciência Moderna, 2007. 2) KUROSE, James F.. Redes de Computadores e a Internet : Uma Abordagem Top-Down. 3ª ed. São Paulo: Pearson - Addison Wesley, 2008.
  16. 16. Bibliografia Complementar Faculdade Anhanguera de Ribeirão Preto (FRP) 1) PEREIRA, VALÉRIA ARRIERO. Multimídia Computacional : Produção, Planejamento & Distribuição. 1ª ed. Florianópolis: VisualBooks, 2001. 2) TANENBAUM, Andrew S.. Redes de Computadores. 4ª ed. Rio de Janeiro: Campus - Elsevier, 2003. 3) STEINMETZ, Ralf; NAHRSTEDT, Klara. MULTIMEDIA FUNDAMENTALS : MEDIA CODING AND CONTENT PROCESSING. 2ª ed. Upper Saddle River, NJ: Pearson - Prentice Hall, 2002, v.1.
  17. 17. Semana n°. Tema 1 Apresentação da Disciplina e Metodologia de Trabalho. Introdução à Sistemas e Aplicações Multimídia. 2 Evolução da Comunicação entre Homem e Máquina. 3 Plataformas: Ambientes, Plataformas e Configurações. 4 Autoria: Ferramentas para Desenvolvimento de Multimídia. 5 Autoria: Títulos, Aplicativos e Sites . 6 Projetos: Produção. 7 Projetos: Processo Técnico. 8 Imagens: Representação Digital de Imagens, Dispositivos Gráficos. Cronograma de Aulas
  18. 18. Semana n°. Tema 9 Atividades de Avaliação. 10 Imagens: Processamento da Imagem. 11 Desenhos: Representação de Desenhos e Edição Bidimensional.. 12 Terceira Dimensão: Computação Gráfica. 13 Terceira Dimensão: Modelagem e Elaboração 3D. 14 Terceira Dimensão: Realidade Virtual 15 Animação. 16 Música e Voz. Cronograma de Aulas
  19. 19. Semana n°. Tema 17 Vídeos. 18 Prova Escrita Oficial 19 Exercícios de Revisão. 20 Prova Substitutiva. Cronograma de Aulas
  20. 20. O que é Multimídia ?
  21. 21. Definição Multimídia é um dos termos mais usados nesta década. Este termo está no cruzamento de cinco grandes indústrias [Fluckiger, 95]: informática, telecomunicações, publicidade, consumidores de dispositivos de áudio e vídeo, indústria de televisão e cinema. Este grande interesse destas indústrias poderosas contribuiu para a grande evolução da multimídia.
  22. 22. Etimologia A palavra multimídia é composta de duas partes: o prefixo multi e o radical mídia: Multi: originário da palavra latina multus que significa “numerosos”. O uso deste prefixo não é recente e muitas palavras de origem latina empregam este radical, como multiformis (que tem várias formas) ou multicolor (várias cores). Mídia: plural da palavra latina medium que significa meio, centro. Ele é derivado do adjetivo medius, que está no centro. No contexto de multimídia, este radical refere-se ao tipo de informação ou tipo de portador de informação, como dados alfanuméricos, imagens, áudio, vídeo, etc.
  23. 23. Classificação dos tipos de mídia I-Quanto à natureza espaço-temporal Mídias discretas ou estáticas são mídias com dimensões unicamente. Elas são independentes do tempo, sendo qualquer espécie de mídia tradicionalmente utilizada em documentos impressos, como textos, gráficos e imagens. Mídias contínuas são mídias com dimensões temporais, como sons, vídeos e animações. Elas são mídias dependentes do tempo, que é apresentada como um fluxo de mídia (fluxo de vídeo, fluxo de áudio). Imersivo agrupam elementos de informação interativa em ambientes 3D.
  24. 24. II-Quanto à origem Capturados são aqueles que resultam de uma captura do exterior (ambiente) para o computador; Sintetizados são aqueles que são produzidos pelo próprio computador através da utilização de hardware e software específicos. Classificação dos tipos de mídia
  25. 25. III-Quanto ao modo de interação Na multimídia linear o utilizador não tem qualquer tipo de controle no desenrolar do processo. A multimídia não-linear oferece interatividade com o utilizador, onde o leitor pode escolher o percurso da navegação Classificação dos tipos de mídia
  26. 26. IV-Quanto ao modo de navegação Online, que significa a disponibilidade de uso imediato dos conteúdos multimídia (e.g., através da utilização de uma rede informática local ou da Web) Offline , onde a divulgação é efetuada através da utilização de suportes de armazenamento (e.g., CD e DVD). Classificação dos tipos de mídia
  27. 27. Definição de sistemas Multimídia A definição de sistemas multimídia mais aceita é a seguinte [Fluckiger, 95]: Sistema multimídia é um sistema capaz de manipular ao menos um tipo de mídia discreta e um tipo de mídia contínua, as duas numa forma digital.
  28. 28. Aplicação multimídia: Aplicação de áudio e videoconferência.
  29. 29. Tecnologia multimídia: compressão de vídeo.
  30. 30. Plataforma multimídia: PC com placas de áudio e vídeo.
  31. 31. Dispositivo de armazenamento multimídia: Por exemplo, CD-ROM, tape de áudio digital.
  32. 32. Rede multimídia: Rede Digital de Serviços Integrados (RDSI ou em inglês ISDN).
  33. 33. Motivações de uso da multimídia • Permite o aumento da transferência de informações pelo uso simultâneo de um ou mais sensos do usuário. Isto, pois humanos aprendem mais, e mais rapidamente, quando vários dos seus sentidos (visão, audição, etc.), são utilizados. • Permite emular a comunicações humanas face-a-face. Isto tem levado à contínua investigação de sistemas de comunicação e computação que se aproximam da velocidade de transmissão, fidelidade e eficiência das comunicações humanas face-a-face.
  34. 34. Classes de Sistemas Multimídia • Sistemas Multimídia Standalone • Sistemas Multimídia Distribuídos
  35. 35. Sistemas Multimídia Standalone Aplicações multimídia em sistemas standalone utilizam apenas os recursos presentes localmente no computador para prover serviços multimídia. Exemplos: Treinamento baseado em computador Educação baseada em computador individual  Sistemas de Autoria Multimídia
  36. 36. Sistemas Multimídia Distribuídos Sistemas multimídia são aqueles que, além dos recursos locais a máquina na qual a aplicação é visualizada, utilizam recursos remotos via um suporte de comunicação (a rede de computadores). Exemplos: Voz sobre IP, videofonia, videoconferência, distribuição de áudios e vídeos,
  37. 37. Aplicações Multimídia Sistemas multimídia têm aplicações em todas as áreas que estas mídias possam ser utilizadas. Sistemas multimídia podem ainda ser classificados em várias classes. A ITU (International Telecommunications Union) identifica quatro classes básicas de aplicações e serviços multimídia:
  38. 38. Aplicações Multimídia Serviços de conversação Implica na interação entre um humano e outro humano ou sistema. Esta classe inclui serviços interpessoais tal como videoconferência, videofonia, telesegurança e telecompras.
  39. 39. Aplicações Multimídia Serviços de mensagem Cobrem trocas de mensagem multimídia não tempo real ou assíncronas entre mailboxes.
  40. 40. Aplicações Multimídia Serviços de recuperação: cobrem todos os tipos de acesso a servidores de informações multimídia. Tipicamente, o usuário envia um pedido para o servidor e a informação pedida é liberada para o usuário em tempo-real. Vídeo sob demanda é um exemplo deste tipo de serviço.
  41. 41. Exemplos de aplicações multimídia. Vídeo/Filme sob demanda (VOD) Em VOD, uma grande coleção de vídeos é armazenada em servidores de vídeo.
  42. 42. Exemplos de aplicações multimídia. Cinema Interativo A audiência não assistirá mais passivamente ao filme pré-registrado, ela poderá ditar os próximos passos tomados pelo herói usando uma tecnologia de baixo custo.
  43. 43. Exemplos de aplicações multimídia. Jogos Colaborativos Suportados por Computador não é uma novidade e já existem vários jogos colaborativos, onde vários jogadores podem participar do jogo ao mesmo instante.
  44. 44. Exemplos de aplicações multimídia. Informação sob demanda (IOD) É similar ao VOD, mas outros tipos de informação existem além do vídeo. Para o usuário, o sistema pode ser visto como uma biblioteca vasta e versátil.
  45. 45. Exemplos de aplicações multimídia. Educação Sistemas multimídia são aplicados na educação. Pessoas aprendem mais e mais rapidamente quando elas podem ver, ouvir e trabalhar com novos conceitos, que tornam multimídia um meio natural de treinar e educar.
  46. 46. Exemplos de aplicações multimídia. Telemedicina Em telemedicina, todos os registros dos pacientes são armazenados eletronicamente. Instituições e equipamentos são conectados através de uma rede multimídia.
  47. 47. Exemplos de aplicações multimídia. Videofonia e Videoconferência Permitem que usuários dispersos se comuniquem efetivamente através de transmissões de áudio e vídeo.
  48. 48. Exemplos de aplicações multimídia. Trabalho cooperativo suportado por computador (CSCW) Sistemas sofisticados de videoconferência suportarão o trabalho cooperativo: pessoas dispersas poderão trabalhar em um mesmo projeto através da transmissão de informações entre eles.
  49. 49. Desafios da Multimídia 1. Dados multimídia têm dimensão temporal e devem ser transmitidos, processados e apresentados em uma taxa fixa em muitas aplicações, assim processamento e comunicação multimídia devem satisfazer requisitos de tempo-real. 2. Aplicações multimídia usam simultaneamente múltiplos tipos de mídia. As relações temporais e espaciais entre estas mídias devem ser mantidas.
  50. 50. Desafios da Multimídia 3. Dados multimídia são dados intensivos, assim eles devem ser compactados, e redes de alta velocidade e computadores potentes são necessários para manipular estes dados. 4. Dados multimídia não têm sintaxe e semântica obvia. Bancos de dados convencionais não suportam efetivamente dados multimídia. Técnicas de indexação, recuperação, e reconhecimento de informações multimídia são necessários.

×