CURSISTAS
GORETE MESQUITA, RITA BERNADETE,
RITA CRISTINA E SANDRA LÚCIA
NOVEMBRO 2015
SÍNTESE DO ESTUDO DE CASO
Escola Municipal Professor Gerardo Milton de Sá.
Professora do AEE: Gorete Mesquita: Especialist...
OBJETIVOS:
 Ampliar a comunicação oferecendo
maior oportunidade de interação com
os outros, na escola e na comunidade
esc...
Como estratégia de intervenção, colocamos as
pranchas espalhadas na mesa e pedimos que a
aluna mostrasse a parte do corpo...
ESTRATÉGIAS DE
INTERVENÇÃO:
Foi proposto que a aluna realizasse a construção
da rotina com o auxílio da professora do AEE...
PRANCHAS DE CAA
IR PARA A ESCOLA
ESTUDAR
BRINCAR LANCHAR
PRANCHAS DE CAA
VOLTAR PARA CASA TOMAR BANHO
COMER DORMIR
 Com a utilização das pranchas de CAA,
esperamos ampliar a comunicação de
Geovana, levando-a a expressar-se de
forma que ...
OBRIGADA!
ANDRÉ DORINHA LUCAS
HUMBERTO
TATI
OBRIGADA!
ANDRÉ DORINHA LUCAS
HUMBERTO
TATI
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Trabalho caa

240 visualizações

Publicada em

Trabalho sobre comunicação alternativa e aumentativa.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
240
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Trabalho caa

  1. 1. CURSISTAS GORETE MESQUITA, RITA BERNADETE, RITA CRISTINA E SANDRA LÚCIA NOVEMBRO 2015
  2. 2. SÍNTESE DO ESTUDO DE CASO Escola Municipal Professor Gerardo Milton de Sá. Professora do AEE: Gorete Mesquita: Especialista em Educação Especial, Psicopedagogia Clínica e Institucional e Mestranda em Docência da Educação Brasileira. Geovana, 8 anos, tem Autismo Grave(conforme laudo médico), com total dependência nas atividades da vida diária. É filha única do casal, mas tem um irmão por parte de pai que mora com a avó paterna. Faz acompanhamento com Neurologista e Psiquiatra no CAPS/infantil. Tem atendimentos na Fundação Perpétua Magalhães em Caucaia. Faz uso de remédio controlado e utiliza fraldas descartáveis, pois não tem controle dos esfíncteres. Geovana não interage com os colegas da sala e quando é contrariada, se auto-agride. Geovana não é oralizada, o que dificulta ainda mais sua interação com seus pares.
  3. 3. OBJETIVOS:  Ampliar a comunicação oferecendo maior oportunidade de interação com os outros, na escola e na comunidade escolar;  Organizar a rotina da aluna propiciando sua compreensão dos objetos e necessidades diárias.
  4. 4. Como estratégia de intervenção, colocamos as pranchas espalhadas na mesa e pedimos que a aluna mostrasse a parte do corpo que estava sendo apresentada, o que ela fez , sempre em frente ao espelho;  Foi mostrada a prancha com a rotina de Geovana, levando-a a identificar o próximo passo. Acertou a hora do lanche, o que a deixou super feliz; Os demais passos, apenas sorriu quando mostrados; Propomos à aluna, com a intervenção da professora, que colocasse todas as cartelas na sequência da rotina, para em seguida prender no velcro da prancha.
  5. 5. ESTRATÉGIAS DE INTERVENÇÃO: Foi proposto que a aluna realizasse a construção da rotina com o auxílio da professora do AEE na sala de aula comum (foram ao todo, três sessões); Foi colocado sobre a mesa os cartões com a rotina do dia para que a aluna identificasse a próxima atividade na sequência; Com a intervenção da professora de AEE, a aluna escolheu cada cartão, os quais seguiam a rotina da sala, para ser colocado na parede.
  6. 6. PRANCHAS DE CAA IR PARA A ESCOLA ESTUDAR BRINCAR LANCHAR
  7. 7. PRANCHAS DE CAA VOLTAR PARA CASA TOMAR BANHO COMER DORMIR
  8. 8.  Com a utilização das pranchas de CAA, esperamos ampliar a comunicação de Geovana, levando-a a expressar-se de forma que compreendamos melhor os seus questionamentos, desejos e sentimentos, favorecendo assim a sua aprendizagem. Foram utilizados os Softwares Arasaac e Hagáquê. AVALIAÇÃO:
  9. 9. OBRIGADA! ANDRÉ DORINHA LUCAS HUMBERTO TATI
  10. 10. OBRIGADA! ANDRÉ DORINHA LUCAS HUMBERTO TATI

×